ISSN 0004-2803 versão impressa
ISSN 1678-4219 versão online

INSTRUÇÕES AOS AUTORES

 

Escopo e política

Publica contribuições originais e inéditas, de pesquisadores nacionais ou estrangeiros, que sejam compatíveis com os objetivos da Revista e estejam adequadas aos rigorosos padrões científicos e editoriais.

São aceitos estudos de natureza original, clínicos ou cirúrgicos, técnicas e estudos de epidemiologia. Artigos de Revisão e Atualização são aceitos apenas a convite do Conselho Editorial. Não se publicam relatos de casos.

A avaliação do trabalho é feita de forma imparcial, geralmente paritária (peer review) e incógnita, omitindo-se aos examinadores, qualquer identificação da origem do mesmo. O tempo estimado para o processo é de 90 dias à partir da submissão. O anonimato é garantido durante todo o processo de julgamento. A decisão sobre a aceitação é tomada pela Comissão Editorial.

Nenhuma taxa é exigida aos autores para submissão e avaliação de artigos. A Arquivos de Gastroenterologia é disponível online com um acesso aberto e livre.

 

Forma e preparação de manuscritos

Regras gerais

O texto deve estar no idioma inglês, ser original, inédito, bem como garantir a exclusividade à Arquivos de Gastroenterologia. Relatos de casos não serão aceitos. Artigos de Revisão somente a convite do editor ou por decisão do Conselho Editorial.

O número de autores é limitado a seis para os Artigos Originais, e três para Comunicação Breve. Não citar cargos ou adjetivos semelhantes. Exceções podem ser feitas no caso de estudos multicêntricos.

Para Comunicação Breve, recomenda-se que não ultrapasse mais de 2500 palavras. Pode conter uma figura e uma tabela. As referências não devem exceder a 15.

É necessário indicar se há conflito de interesse ou não. Se houver, os patrocinadores devem ser declarados. Toda a matéria relacionada com a pesquisa humana ou animal deve ter a aprovação prévia da Comissão de Ética em Pesquisa da Instituição onde o trabalho foi realizado, de acordo com as recomendações da Declaração de Helsinque, os padrões internacionais de proteção dos animais e a resolução n º 196/96 do Conselho Nacional de Saúde sobre pesquisa envolvendo seres humanos. É necessário disponibilizar o número do Protocolo.

O nome da seção à qual o artigo destina-se deve ser mencionado na página, bem como identificar o tipo de estudo (prospectivo e retrospectivo, etc). Seções - Artigo Original em Endoscopia, Cirurgia, Hepatologia, Motilidade Digestiva, Gastroenterologia Clínica, Cirurgia Experimental, Gastroenterologia Pediátrica, Patologia Clínica de Gastroenterologia ou Nutrição.

Recomenda-se uma carta de apresentação com o nome dos autores e da Instituição, destacando a intenção de publicar no periódico Arquivos de Gastroenterologia e a importância desta pesquisa e publicação.

Formato

O manuscrito submetido deve ser enviado em formato Microsoft Word e organizado da seguinte forma:

1) Título em inglês e português. Para autores estrangeiros a tradução será feita.

2) Nomes dos autores e suas filiações. Não insira cargos, funções ou adjetivos. Para cada autor deve ser descrita em inglês a sua participação no estudo. As contribuições são, por exemplo: coleta de dados, execução de pesquisa, redação de texto, análise estatística, etc.

3) Departamento e Instituição onde o trabalho foi realizado.

4) Nome, número de telefone, endereço eletrônico e endereço para correspondência postal do autor a quem provas finais e pedidos de separatas devem ser enviados.

5) Declarar se há ou não conflito de interesse, subsídio ou outro apoio financeiro.

6) Resumo estruturado (Contexto, Objetivo, Métodos, Resultados e Conclusão). O Resumo deve ser enviado tanto em inglês como em português (de 200 a 600 palavras). Abreviações, notas e referências devem ser evitados. Para autores estrangeiros a tradução será feita.

7) Descritores (de 3 a 10). Utilize sempre termos da lista Medical Subject Headings (MeSH) do MEDLINE. Informação disponível em: http://www.nlm.nih.gov/mesh/meshhome.html. A pesquisa também pode ser feita no portal Descritores em Ciências da Saúde, em “Consulta ao DeCS”, disponível em: http://decs.bvs.br/

8) Recomendamos a seguinte divisão dentro do artigo: Introdução; Métodos; Resultados; Discussão; Conclusão; Agradecimentos.

9) Todos os colaboradores que não sejam autores podem ser mencionados na seção Agradecimentos.

10) Referências - Dispostas em ordem alfabética a partir do sobrenome do primeiro autor. Abreviaturas dos periódicos devem estar de acordo com aquelas usadas no INDEX MEDICUS. As referências são identificadas no texto por numerais arábicos entre parêntesis. O estilo das referências segue o formato do "estilo Vancouver": requisitos uniformes para manuscritos submetidos a revistas biomédicas do Comitê Internacional de Editores de Revistas Médicas (ICMJE). Texto completo em: Ann Intern Med 1997; 126:36-47; N Eng J Med 1991; 324:424-8 ou no site do Canadian Medical Association: http://www.cma.ca/index.cfm/ci_id/8451/la_id/1.htm
Orientações disponíveis em: http://www.nlm.nih.gov/bsd/uniform_requirements.html

Exemplos:
Artigo de revista (listar todos os autores e somente usar "et al." se ultrapassar o número de seis): Ribeiro Jr U, Cecconello, Safatle-Ribeiro AV, Zilberstein B, Pinotti HW. Squamous cell carcinoma of the esophagus and multiple primary tumors of the upper aerodigestive tract. Arq Gastroenterol. 1999;36(4):195-200.

Livros e outras monografias (listar todos os autores/editores e não usar "et al."): Castell DO, Richter JE, editors. The esophagus. 3. ed. Philadelphia: Lippincott Williams & Wilkins; 1999.
Capítulo de livro (listar todos os autores e não usar "et al."): Cohen RV, Roll S, Schaffa TD. Hernioplastia incisional videolaparoscópica. Rio de Janeiro: Reichmann & Affonso; 1999. p. 127-31.

Dissertações e teses: Cecconello. Contribuição ao conhecimento e histopatologia do colédoco. [Dissertation]. São Paulo: Instituto Brasileiro de Estudos e Pesquisas de Gastroenterologia - IBEPEGE; 1979.

Artigos publicados (listar todos os autores e somente usar "et al." se ultrapassar o número de seis): Nasi A, Cenatti A, Falcão A, Cecconello, Sallum RAA, Pinotti HW. Evaluation of lower esophageal sphincter pressure by two variant techniques in patents with endoscopic reflux esophagitis [abstract]. In: Meeting abstracts of the Esophagus '98: 7th World Congress of the International Society for Diseases of the Esophagus; 1998; Montreal, Canada. Can J Gastroenterol. 1998;12Suppl.B:93B.[Abstract 278].

11) Tabelas e Figuras devem ser citadas no texto em algarismos arábicos. De preferência, anexadas ao artigo. Se estiverem dentro do artigo, devem vir ao fim, após as referências. Nunca devem ser colocaras no meio do texto.

12) Tabelas (em formato Microsoft Word ou Excel) - Intitula-se Tabela apenas quando há resultados numéricos. Explicações e abreviaturas devem ser colocadas em notas de rodapé da tabela.

13) Figuras - Fotografias, gráficos e desenhos devem ser enviados em formato digital de alta resolução (2 mb). Fotos podem ser coloridas, ficando a critério dos editores decidir se a publicação será em cores ou não. As figuras devem conter um pequeno texto sobre o assunto.

 

Envio de manuscritos

As submissões devem ser realizadas somente através da interface ScholarOne, no portal SciELO:

http://mc04.manuscriptcentral.com/ag-scielo

Reiteramos que nenhuma taxa é exigida aos autores para submissão e avaliação de artigos. A Arquivos de Gastroenterologia é disponível online com um acesso aberto e livre.

 

[Home] [Sobre esta revista] [Corpo editorial] [Assinaturas]


Creative Commons License Todo o conteúdo do periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

IBEPEGE, CBCD e SBMD, FBG, SBH, SOBED
Rua Dr. Seng, 320
01331-020 São Paulo SP
Tel./Fax: +55 11 3147-6227


secretariaarqgastr@hospitaligesp.com.br