ISSN 0100-8587 versão impressa
ISSN 1984-0438 versão online

INSTRUÇÕES AOS AUTORES

 

Objetivos e política editorial

Religião & Sociedade é um periódico científico quadrimestral dedicado ao tema da religião em todas as suas possibilidades de relações com a sociedade. Publica resultados inéditos de pesquisas e de reflexões conceituais e metodológicas, além de resenhas de obras recentes na sua temática. Está aberta a diversos enfoques, tendências, perspectivas e propostas de interpretação, dando prioridade àqueles que pertençam ao complexo de disciplinas das humanidades, sobretudo as ciências sociais.
Publica textos em português e, excepcionalmente, em espanhol. A cada número procura-se incluir artigos de pesquisadores brasileiros e estrangeiros de diferentes instituições regionalmente diversificadas.
Há um fluxo constante de artigos sobre temas aleatórios que chegam à Revista. Há ainda um fluxo específico que responde aos anúncios de temas dos números de cada ano. A partir da decisão do Comitê Editorial, existe a possibilidade de editar números especiais com artigos encomendados. Os números especiais se somam aos números regulares. A Revista publica também resenhas sobre obras recentemente editadas, no Brasil ou no exterior. Traduções de textos originalmente publicados em outras línguas, considerados relevantes pela sua repercussão, serão eventualmente aceitas.

Religião & Sociedade aceita as seguintes contribuições:

  • Artigos inéditos (até 10 mil palavras, incluindo notas e bibliografia);
  • Resenhas (até 1.500 palavras)
  • Traduções de artigos clássicos ou contemporâneos das Ciências Sociais no tema da religião
  • Entrevistas

Não há taxas para submissão e avaliação de artigos.

 

 

Normas para a apresentação de colaborações

1. Para submissão de artigos

Os textos devem ser enviados apenas através do sistema online da coleção Scielo (http://www.scielo.br/rs), em formato aberto Word ou outro compatível. O texto poderá ter no máximo 10 mil palavras, incluindo notas e bibliografia, que devem vir no final do texto. As notas devem conter informações complementares e substantivas, não podendo consistir apenas de referências bibliográficas. As normas para referências bibliográficas estão expostas abaixo. A página de rosto deverá conter: título do artigo e resumo do texto (entre 80 e 120 palavras). Importante observar que no documento enviado pelo sistema Scielo.com não pode haver nenhum tipo de informação que identifique a autoria do artigo.

Atenção: Para artigos avulsos, entrevistas e traduções de artigos, escolher a seção “Artigos”. Para dossiês, escolher o item “Seção” e direcionar ao dossiê pretendido. Para resenhas escolher o item “Seção” clicando em seguida em Resenhas

Os textos serão analisados primeiramente pelo comitê editorial da revista, visando aferir padrões mínimos de qualidade acadêmica e adequação ao escopo da publicação.

Em seguida, os textos serão encaminhados para dois pareceristas, com base nos quais o comitê editorial tomará sua decisão, comunicando-a ao(s) autor(es). Garante-se o anonimato de autores e pareceristas no processo de avaliação. Em caso positivo o(s) autor(es) deve(m) enviar à Religião e Sociedade a versão final do texto com as alterações que forem definidas pelo comitê editorial com base nos pareceres anteriormente emitidos.

Acompanhará a versão final: (a) um resumo em português e em inglês (entre 80 e 120 palavras); (b) uma lista de até cinco palavras-chave, em português e em inglês, que expressem os conceitos mais importantes do texto e remetam a temas recorrentes nos estudos acadêmicos; (c) dados sobre o(s) autor(es) (vínculo institucional, últimas publicações, endereço completo, e-mail); (d) uma versão em inglês do título do artigo. Não serão admitidos acréscimos ou modificações depois que os trabalhos forem entregues para composição.

Normas de apresentação da bibliografia

As referências bibliográficas devem ser localizadas no corpo do texto e das notas. Seguem a forma (Autor Ano) ou (Autor Ano:Página), como no exemplo (Mauss 1960:32). Se houver mais de um título do mesmo autor no mesmo ano, eles serão diferenciados por uma letra após a data, como no exemplo (Mauss 1960a; Mauss 1960b).
A bibliografia, ao final do texto, obedece às seguintes regras:

Livro: SOBRENOME do autor, prenome. (data), Título da Obra. Local de publicação: editora, número da edição se não for a primeira.
WEBER, Max. (1965), The Sociology of Religion. Boston: Beacon Press, 2º ed.

Artigo: SOBRENOME do autor, prenome. (data), “Título do artigo”. Título do periódico, número da edição: páginas.
LATOUR, Eliane. (1996), “Os tempos de poder”. Cadernos de Antropologia e Imagem, nº 3: 35-52.

Coletânea: SOBRENOME do autor, prenome. (data), “Título do capítulo”. In: iniciais do nome seguidas do sobrenome do(s) organizador(es). Título da coletânea. local de publicação: editora, nº da edição se não for a primeira.
BELLAH, Robert. (1979), “New Religious Consciousness and the Crisis in Modernity”. In: P. Rabinow (ed.). Interpretative Social Science: a Reader. Berkeley: University of California Press.

Teses acadêmicas: SOBRENOME do autor, prenome. (data), Título da tese. Local: Grau acadêmico a que se refere, instituição em que foi apresentada.
GUIMARÃES, Patrícia. (1997), Ritos do Reino de Deus: pentecostalismo e invenção ritual. Rio de Janeiro: Dissertação de Mestrado em Antropologia Social, UERJ.

2. Para submissão de resenhas

As resenhas publicadas em Religião e Sociedade pretendem apresentar aos seus leitores livros lançados recentemente (nos últimos 2 anos) sobre a temática da religião em suas diversas possibilidades de conexões com a sociedade, e que contenham reflexões resultantes de pesquisas originais a partir do complexo de disciplinas das humanidades e ciências sociais.
Todas resenhas recebidas serão avaliadas pela Editoria de Resenhas e pela Comissão Editorial. Serão aceitas as resenhas capazes de 1) explicitar a tese geral da obra; 2) precisar sua relevância dentro do campo das ciências sociais em sua interface com a religião; 3) resumir os principais argumentos dos capítulos que a compõem; 4) ponderar as potencialidades e os limites das análises nela apresentadas.
As resenhas podem dar lugar a discussões críticas a respeito da interpretação dos fatos, dos métodos adotados ou das escolhas teóricas propostas. Para preservar a clareza textual, recomenda-se reunir os comentários críticos em uma parte específica, após o resumo propriamente dito. Resenhas contendo críticas alusivas (não fundamentadas) e ataques pessoais serão desconsideradas.
A editoria de resenhas poderá solicitar parecer específico se assim for considerado pertinente. Da mesma forma, também poderá encomendar resenhas de obras reconhecidamente importantes para o debate das ciências sociais em sua interface religiosa, no Brasil e no exterior.
A partir dos critérios indicados acima, a avaliação poderá ter três resultados: “resenha aprovada”, “resenha aprovada com modificações” e “resenha recusada” (sem reapresentação). Os dois últimos resultados serão comunicados com um breve parecer.
A resenha deverá ter, no máximo, 1.500 palavras. Pede-se que o(s) autor(es) dê(em) um título à resenha. A referência bibliográfica da obra resenhada deverá vir no início, de acordo com as normas relativas à submissão de artigos: SOBRENOME do autor, prenome. Título da obra. Local de publicação: editora, data, no. da edição se não for a primeira, no. de páginas. Por exemplo, GEERTZ, Clifford. A Interpretação das Culturas. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 1989, 325pp. Outras obras citadas na resenha devem ter suas referências completas apresentadas em nota ao final do texto.


Todas as colaborações devem ser encaminhadas impreterivelmente pelo site do SciELO www.scielo.com.br/rs e também arquivo eletrônico word para poliveira@iser.org.br ou religiaoesociedade@iser.org.br

 

 

 

[Home] [Sobre a revista] [Corpo editorial] [Assinaturas]


Creative Commons License Todo o conteúdo do periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

ISER - Instituto de Estudos da Religião
Ladeira da Glória, 98
22211-120 - Rio de Janeiro - RJ - Brasil


religiaoesociedade@iser.org.br