ISSN 0104-9224 versão impressa
ISSN 1980-6973 online version

INSTRUÇÕES AOS AUTORES

 

Escopo e política

A Revista Soldagem & Inspeção tem, como público alvo primário, pesquisadores dos países de língua portuguesa e espanhola. São aceitos artigos em português, castelhano e inglês. Todos os artigos candidatos à publicação passam pela avaliação inicial de um dos sete Editores Associados (pesquisadores especialistas em diferentes subáreas da tecnologia da soldagem, inspeção e operações afins) que, reconhecendo méritos, remete o trabalho para membros do Corpo Editorial. Para aprovação para publicação é necessário obter parecer favorável de pelo menos 2 membros. Todo processo tem a supervisão do Editor Chefe. O Corpo Editorial, com decisão autônoma, é constituído por 23 pesquisadores (qualificação mínima de doutor e reconhecido saber na área), representando as diversas regiões do país e os principais (do ponto de vista de tecnologia da soldagem) países de língua portuguesa e espanhola. Quando o artigo é de uma área mais específica, revisores "ad-hocs" são selecionados e convidados para emitir parecer. A submissão de um artigo implica que o mesmo não tenha sido ainda publicado em outro periódico e que não esteja submetido para publicação em outro veículo (o autor tem de assinar uma declaração de originalidade e exclusividade). Não há uma data limite para submissão de artigos (fluxo contínuo). O intervalo entre a submissão e possível aprovação dura em torno de 3 a 10 meses, concluindo-se todo o processo até a publicação (correções por parte dos autores, envio para gráfica, etc.) em cerca de 6 a 12 meses. As datas de submissão e aceite são indicadas na página inicial de cada artigo.

Membros do corpo Editorial da Revista Soldagem & Inspeção analisam todos os trabalhos submetidos, avaliando, entre outros, aspectos de relevância do tema, originalidade e forma de apresentação de resultados e emitem parecer à redação da revista em formulário próprio, identificando o trabalho e com apenas uma das seguintes recomendações:

Trabalho não recomendado para publicação.

Trabalho recomendado para publicação com restrições.

Trabalho recomendado para publicação.

Trabalho não recomendado para publicação: São trabalhos que não foram recomendados por pelo menos dois membros do Conselho Editorial. Os autores serão devidamente avisados.

Trabalho recomendado para publicação com restrições: São trabalhos aceitos e que serão inseridos em uma lista, a ser mantida e atualizada pela secretaria da revista, e terão prioridade de publicação em "Soldagem & Inspeção", desde que atendidos os demais itens previstos neste procedimento. A Secretaria da revista elegerá um dos editores associados, que analisará cuidadosamente o trabalho e os pareceres do Corpo editorial e anotará e enviará recomendações por escrito aos autores, em formulário próprio, para a devida interpretação, correção e adequação do trabalho. Todas as revisões e comentários poderão ou não ser tratadas em caráter sigiloso. Estas serão encaminhadas à secretaria da revista, que enviará e receberá os documentos e comentários por parte do autor e do revisor. Neste processo, o autor poderá ter ou não contato direto com o revisor. Autores e revisores serão consultados sobre esta possibilidade. Quando o Editor Associado estiver plenamente de acordo com o conteúdo do trabalho, então este deverá informar por escrito à secretaria da revista, junto com cópia da versão definitiva do trabalho, e este será classificado e considerado como "Trabalho recomendado para publicação sem restrições" para posterior publicação em "Soldagem & Inspeção".

Trabalho recomendado para publicação sem restrições: São trabalhos aceitos, e que serão inseridos em uma lista para posterior publicação na revista, sem a necessidade de correções, revisões, etc. Um dos Editores Associado deve consolidar esta posição.

A Revista aceita trabalhos originais que envolvam a soldagem, a inspeção e os processos afins e se enquadrem nas seguintes categorias:

- Artigos Científicos: Artigos que apresentem desenvolvimentos realizados através de metodologias científicas.

- Artigos de Revisão: Artigos que explorem a evolução e a situação atual (o estado da arte), com base em trabalhos já publicados de tópicos de interesse. Os artigos de revisão deverão apresentar interpretação e análise crítica pelo autor.

- Artigos Convidados: Artigos científicos ou informativos considerados de particular interesse para os leitores da Revista. Em geral, estes artigos foram publicados ou apresentados em congressos ou revistas por pesquisadores de renome nas áreas da soldagem, inspeção e processos afins. A publicação de um artigo como convidado é precedida pela formulação de um convite pela Revista Soldagem & Inspeção, pelo aceite do convite pelos autores do trabalho e pela concordância por parte das entidades responsáveis pelo evento em que o trabalho foi previamente publicado.

- Desafio Tecnológico: Artigos ou "letters" de cunho científico, cujos enfoques sejam avanços para desvendar aspectos da tecnologia que ainda não estejam totalmente esclarecidos ou que não sejam de aceitação geral. Por isto, estes aspectos constituem desafios. Tornam-se alvos desta seção textos que, através da aplicação de uma linha de raciocínio diferenciada ou metodologias novas, contradigam ou suportem "verdades" não tão bem estabelecidas. A maior demanda desta seção não é por resultados conclusivos nem pela completitude do estudo ou pesquisa. Por isto, o rigor quanto à formatação científica é menor. Mas deve ser, pelo menos, um embrião de um novo conhecimento. O que se procura, com estes textos, é abrir uma discussão sobre temas polêmicos e incentivar outros autores, ao apresentarem novos artigos/"letters", a mostrarem avanços subseqüentes e/ou apontarem falhas nas abordagens até então apresentadas.

- Avanço tecnológico: Artigos ou "letters" de cunho tecnológico que apresentam avanços recentes na forma de, por exemplo, novos equipamentos, processos e técnicas. A idéia é trazer para o leitor da revista informações sobre o que há de inovador no campo da soldagem, inspeção e processos afins e os princípios e as vantagens potenciais destas inovações. Embora esta seção tenha o seu enfoque na divulgação tecnológica, deve-se enfatizar que não serão aceitos artigos considerados de propaganda ou de divulgação de entidades ou empresas. Assim, nomes comerciais de produtos ou de empresas devem ser evitados ou colocados apenas na introdução do trabalho.

- Editorial: Texto de abertura de cada fascículo da revista com, no máximo, uma página. No editorial, o seu autor deve expressar para os leitores da revista a sua opinião sobre temas ou acontecimentos atuais relevantes para as áreas de interesse da revista (de caráter técnico ou social) e/ou sobre perspectivas futuras.

 

Forma e preparação de manuscritos

1. Organização do Manuscrito

O manuscrito deverá conter (na ordem):

a) Título do Trabalho (na língua original do trabalho e em inglês);

b) Autor(es) e instituição(ões) de trabalho;

c) Resumo em português de 100 a 200 palavras;

d) Palavras-chave: de três a cinco;

e) Resumo e palavras-chave em inglês;

f) Texto principal;

g) Agradecimentos (opcional);

h) Referência Bibliográfica.

Texto principal

O texto principal deverá ser organizado em seções numeradas consecutivamente (exemplo: 1. Introdução). Cada seção poderá ser organizada em subseções, numeradas de acordo com o sistema decimal (exemplo: 2.1. Métodos Experimentais). Em caso excepcional, as subseções poderão ainda ser divididas em sub-subseções, numeradas de acordo com o sistema decimal. Recomenda-se, entretanto, que isto seja evitado por uma escolha adequada dos títulos das subseções. Sempre que possível, o texto principal do artigo deverá ter as seguintes seções, cujos títulos aqui são apenas sugestivos: Introdução (em que o autor demonstra o estado da arte e a motivação, ou seja, o embasamento teórico/experimental, o que já se fez sobre o assunto e limitações ainda persistentes, concluindo com o objetivo do trabalho - nunca repetindo o resumo no tocante ao que se fez no trabalho em questão); Materiais e Métodos (em que o autor descreve a(s) metodologia(s) usada(s) para alcançar os objetivos e os insumos e equipamentos utilizados; Resultados e Discussão (em que o autor apresenta os dados resultantes e faz a análise dos mesmos, visando suportar as conclusões); Conclusões;

a) Unidades: Unidades do sistema internacional (SI) deverão ser adotadas no texto (ou seja, MPa ao invés de kgf/mm2 ou PSI). No caso de unidades compostas, o uso de frações ou raízes deverá ser evitado, usando-se em seu lugar o expoente correspondente (p. ex. J.mol-1.K-1 ou MPa.m½). Frações numéricas deverão ser escritas no modo decimal, à exceção de ½, ¼ e ¾, para os quais existem caracteres ASCII.

b) Citação de referências: As referências deverão ser numeradas consecutivamente, à medida que forem sendo citadas, com os números contidos entre colchetes, p. ex. [1], [1,2], [1,3-5], etc.. A mesma numeração deverá ser utilizada ao final do artigo para listar as referências. Ver no item 1.2 deste procedimento o formato de apresentação da lista de referencias.

c) Figuras, tabelas e equações: Figuras e tabelas são meios de ilustração e informação de dados, respectivamente, usados para facilitar a compreensão e aumentar a concisão do texto. Em artigos científicos, devido à limitação de espaço, não se repete em tabelas o que pode ser abstraído de uma figura e vice-versa. Ambos elementos devem conter um título, posicionado abaixo (caso da figura) ou acima dos mesmos (caso da tabela), com a sua identificação por números de forma seqüencial (conforme a ordem de aparecimento), seguida da descrição sucinta do seu conteúdo. As equações são formas padronizadas de textualizar relações matemáticas e seu posicionamento deve seguir as regras gramaticais de um texto quanto a parágrafos e pontuação, só que posicionadas à parte. Também devem ser identificas por números seqüências, conforme ordem de aparecimento. As referências às equações, tabelas e figuras no texto devem ser feitas com as respectivas palavras por extenso, seguida pelo número da mesma, sempre com a primeira letra maiúscula, mesmo que não se esteja iniciando uma frase (são nomes próprios). Exemplos seriam: A Equação 23; conforme Figura 7; etc.. Exceção a esta regra se faz quando se diz das mesmas de forma genérica (exemplo: é mostrado pela Figura 5 e demais tabelas).

Referências Bibliográficas

As referências indicadas no texto devem ser listadas em ordem correspondente ao sistema numérico adotados nas citações (não confundir com bibliografia, que se refere a outras fontes em que o mesmo assunto é tratado, mas que a listagem em artigos científicos é dispensada). Os autores devem privilegiar a norma da ABNT (NBR 6023/2002) para indicação de referências bibliográficas. Não usar grifo, negrito ou itálico. Citar até 3 autores, pelo último nome, seguido das iniciais dos prenomes (mais de 3 autores citar o primeiro + et al.). Nomes dos autores separados por ponto e vírgula. O nome do periódico ou congresso pode ser resumido, desde que se use a abreviatura oficial dos mesmos. Não se deve usar comunicação verbal na lista de referências, já que não há como o leitor buscá-la. Como exemplos de itens constantes numa lista de referências tem-se (ALVES; M.B.M. & ARRUDA, S.M. Como Fazer Referências. Disponível em: <www.bu.ufsc.br/home982.html> Acesso em: 15/1/05.):

Artigo de revista

AUTOR DO ARTIGO. Título do artigo. Título da Revista (abreviado ou não), Local de Publicação, Número do Volume, Número do Fascículo, Páginas inicial-final, mês e ano.

SOUZA, K.J.; PINHA, I.; RABELO, B. Artificial Welding, Welding Journal, USA, v.124, n.11, p.980-983, Jun. 1996.

Livro inteiro

AUTOR DA OBRA. Título da obra: subtítulo. Número da edição. Local de Publicação: Editor, ano de publicação. Número de páginas ou volume. (Série). Notas.

CANSADO, J.H. et al., Spatter injuries and their treatments. 2.ed. London: S. Paul, 1986. 300 p.

Capítulo de livro

AUTOR DO CAPITULO. Título da parte. In: AUTOR DA OBRA. Título da obra. Número da edição. Local de Publicação: Editor, ano de publicação. Paginação ou capítulo referenciado

WALER, L.; SWARTZ, M.N. Soldagem Plasma. In: SILVA NETO. Soldagem Especiais. 3a, Rio e Janeiro: UFRJ, 1974. p.457-472.

Trabalho publicado em evento

AUTOR. Título do trabalho. In: NOME DO CONGRESSO, número, ano, Cidade onde se realizou o Congresso. Tipo (Anais ou Proceedings ou Resumos)... Local de publicação: Editora, data de publicação. Volume (se houver). Páginas inicial e final do trabalho.

BENGTSSON, S.; SOLLEIM, B.G. Enforcement of data protection, privacy and security in welding informatics. In: WORLD CONGRESS ON WELDING INFORMATICS, 7o, 1992, Geneva. Proceedings... Amsterdam: North Holland, 1992. p.1561-1565.

Tese ou dissertação

AUTOR. Título: subtítulo. Ano de apresentação. Número de folhas ou volumes. Categoria (Grau e área de concentração) - Instituição, local.

SILVA, R.J. Efeito dos parâmetros de soldagem na Formação do Cordão: 1995. 132p. Dissertação (Mestrado) - Faculdade de Mecânica, Universidade Estadual Paulista, Botucatu.

Normas Técnicas

ORGÃO NORMALIZADOR. Título: subtítulo, número da Norma. Local, ano. volume ou página (s).

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 6028: resumos. Rio de

Janeiro, 1990. 3 p.

Patentes

NOME e endereço do depositante, do inventor e do titular. Título da invenção na língua original. Classificação internacional de patentes. Sigla do país e n. do depósito. Data do depósito, data da publicação do pedido de privilégio. Indicação da publicação onde foi publicada a patente. Notas.

ALFRED WERTLI AG. Bertrand Reymont. Dispositivo numa usina de fundição de lingotes para o avanço do lingote fundido. Int CI3B22 D29/00.Den.PI 8002090. 2 abr. 1980, 25 nov. 1980. Revista da Propriedade Industrial, Rio de Janeiro, n. 527, p.17.

Artigos de Periódicos (On-line)

AUTOR. Título do artigo. Título da publicação seriada, local, volume, número, mês ano. Paginação ou indicação de tamanho. Disponível em: <Endereço.>. Acesso em: data.

MALOFF, Joel. A internet e o valor da "internetização". Ciência da Informação, Brasília, v. 26, n. 3, 1997. Disponível em: <http://www.ibict.br/cionline/>. Acesso em: 18 maio 1998.

Publicações eletrônicas

AUTOR. Título. Informações complementares (Coordenação, desenvolvida por, apresenta..., quando houver etc...). Disponível em: <Endereço>. Acesso em: data.

WAGNER, C. D.; PERSSON, P.B. Chaos in Brazing Solidification. Disponível em:<http://www.probe.br/science.html.> Acesso em: 20 jun. 1999.

2. Formatação Eletrônica do Texto

Recomenda-se que os autores solicitem à redação da revista um arquivo com a formatação padrão para a editoração do seu texto, evitando-se alterar os seus atributos (como tipo de fonte e seu tamanho, espaçamento entre linhas, espaçamento entre parágrafos, etc.). Isto facilitará o trabalho posterior da comissão editorial. Caso o autor não se sinta confortável com este recurso, poderá alternativamente adotar as instruções de formatação manual que se seguem.

Papel: Formato A4 (297 x 210 mm), com margens de 25 mm (esquerda, direita, superior e inferior). Artigo com tamanho máximo de 10 páginas.

Texto base: Fonte Times New Roman (Symbol para caracteres gregos), tamanho 10pts. Texto com alinhamento justificado, com recuo 0,5 cm (6 espaços) no início de cada parágrafo. Separação simples entre linhas e entre parágrafos. Separação com uma linha em branco antes e após títulos e subtítulos, figuras, tabelas e equações. Desabilitar controle de quebra de parágrafo (linhas órfãs e viúvas).

Título do Trabalho: Na primeira linha da página, sendo a primeira letra de cada palavra sempre em maiúsculo (exceto artigos e preposições), ocupando no máximo 2 linhas. Se a língua original do trabalho não for o inglês, deixar um espaço em branco e repetir, sob o título original, o título em língua inglesa, entre parênteses. Alinhamento centralizado, fonte Times New Roman em negrito (bold), tamanho 11 pts (título em inglês tamanho 10). Separação com duas linhas em branco para a identificação dos autores.

Autores: Listar de forma seqüencial todos autores (nome e sobrenomes), separando-os por vírgula. Colocar uma numeração crescente (1, 2, 3, ...) em sobrescrito (sem parênteses) após o último sobrenome de cada autor, sem espaço, para relacionar com a instituição de trabalho (repetir o mesmo número se a instituição de trabalho for a mesma para mais de um autor). Fazer a identificação da(s) instituição(coes) de trabalho na(s) linha(s) abaixo. Fonte Times New Roman em itálico, tamanho 10 pts. Alinhamento centralizado e espaçamento de linha simples.

Instituições de trabalho: Descritas pelo nome em extenso da Instituição, seguido pelo Departamento/Setor, cidade, estado, país (não colocar endereço) e e-mail do(s) autor(es), logo abaixo da(s) linha(s) dos autores. Colocar a numeração correspondente à cada autor, em sobrescrito, sem espaço e sem parênteses, antes do nome de cada Instituição. Colocar uma descrição de Instituição por linha. O e-mail do primeiro autor é obrigatório, sendo opcional para os demais. Quando da mesma Instituição, os e-mails dos demais autores devem vir seqüencialmente, separados por vírgula). Fonte Times New Roman em itálico, tamanho 10 pts. Alinhamento centralizado e espaçamento de linha simples. Separação entre a última instituição e o resto do texto (resumo) por duas linhas em branco.

Resumo: Inicia-se com a palavra "Resumo" (sem aspas e só a primeira letra em maiúsculo) em negrito e centalizada, fonte Times New Roman, tamanho 10 pts. Após um espaço simples, iniciar o texto do resumo em único parágrafo, sem recuo no início, fonte Times New Roman, em itálico, tamanho 10 pts. Alinhamento justificado e espaçamento de linha simples. Máximo de 200 palavras. Separação com uma linha em branco para a lista de palavras-chave.

Palavras-chave: representando o conteúdo do artigo, devem figurar antecedidas da expressão "Palavras-chave" (sem aspas, em negrito e seguida por dois pontos), separadas entre sí por ponto e finalizadas também por ponto (NBR 6022/2003 da ABNT). Iniciar todas as palavras-chave por letra maiúscula. Máximo 5 palavras, simples ou compostas (por sugestão de especialistas em Documentação e Ciência da Informação, evitar colocar palavras já presentes no título, aumentando a abrangência da busca). Alinhamento pela esquerda, fonte Times New Roman, tamanho 10 pts, em itálico. Deixar duas linhas branco.

Abstract iniciar com a palavra "Abstract" (sem aspas e só a primeira letra em maiúsculo) em negrito, fonte Times New Roman, tamanho 10 pts, seguida por dois pontos. Na mesma linha, iniciar o texto do abstract em único parágrafo, fonte Times New Roman, sem negrito e em itálico, tamanho 10 pts. Alinhamento justificado e espaçamento de linha simples. Separação de um espaço para a lista de Key-words. Iniciar com a palavra "Key-words" (sem aspas e em negrito), seguido de dois pontos, e da lista das palavras-chave em inglês (mesmas regras para as palavras-chave). Alinhamento pela esquerda, fonte Times New Roman, tamanho 10 pt, em itálico. Deixar dois espaços em branco para iniciar com o texto.

Títulos e sub-títulos de itens: Numerado de forma seqüencial, com no máximo no segundo nível de sub-itens, separado do título/sub-título por um ponto e um espaço (por exemplo, 1. ou 1.1. ou 1.1.1.). A primeira letra de cada palavra sempre em maiúsculo (exceto artigos e preposições). Alinhamento pela esquerda. Fonte Times New Roman em negrito (bold), tamanho 10 pts. Separação entre o título e os textos anterior e posterior por uma linha em branco.

Equações: As equações deverão ser editadas usando-se os recursos existentes no editor de texto (p. ex. MS Equation Editor) e numeradas consecutivamente (os números, sem o uso de palavras, deverão estar contidos entre parênteses e posicionados junto à margem direita). Usar Times New Roman (Symbol para caracteres gregos), tamanho 10pts. Separação com espaço simples entre a equação e o texto anterior e posterior à mesma. Deve-se evitar equações que ocupem mais do que a dois quintos da largura útil de uma página.

Tabelas: As tabelas deverão ser inseridas no texto, na posição que o autor considerar mais conveniente, e numeradas seqüencialmente, de acordo com a ordem em que forem citadas no texto principal. Toda tabela deverá conter um título, posicionado sempre acima (antes) da tabela (sem espaço), com a descrição sucinta do seu conteúdo. Usar no título e conteúdo fonte Times New Roman (Symbol para caracteres gregos), tamanho 10pts. Os símbolos usados na mesma ou outras notas e esclarecimentos poderão vir logo abaixo da tabela, sem espaço, em itálico. Deve-se evitar tabelas com mais de 8 colunas (devem ocupar pouco menos do que a metade da largura útil de uma página). Separação com espaço simples entre o título/última linha da tabela ou das notas ou simbologias e o parágrafo anterior e posterior à tabela.

Figuras: Ao submeter o artigo, o(s) autor(es) podem inserir as figuras no texto para facilitar o processo de revisão, na posição que o autor considerar mais conveniente e numeradas seqüencialmente, de acordo com a ordem em que forem citadas no texto principal. Toda figura deverá conter um título, posicionado sempre abaixo da mesma (sem espaço), com a descrição sucinta do seu conteúdo (fonte Times New Roman e Symbol para caracteres gregos, tamanho 10pts). Separação com espaço simples entre a margem superior/título da figura e os parágrafos anterior e posterior à mesma. Os textos constantes das figuras (incluindo as identificações dos eixos nos gráficos e legendas) deverão ter um tamanho suficiente para que a figura seja legível após a redução para o tamanho final de publicação. Figuras correspondentes a macro-micrografias deverão ter alta resolução (ao menos 600 dpi) e deverão conter uma escala (μm ou mm) para indicar o aumento da foto no canto inferior direito da mesma.

Lista de Referências Bibliográficas: As referências devem aparecer alinhadas à margem esquerda (sem recuo) e de forma a se identificar individualmente cada documento referenciado no texto pelos mesmos números entre colchetes ([1], ..., [4], etc.). Alinhamento justificado, fonte Times New Roman, tamanho 10 pts, em espaço simples..

 

Envio de manuscritos

Os autores devem submeter o manuscrito original online no website: http://mc04.manuscriptcentral.com/si-scielo.

 

[Home] [Sobre a revista] [Corpo editorial] [Assinaturas]


Creative Commons License Todo o conteúdo do periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

Rua Dr Guilherme Bannitz nº 126 conj 42, Itaim-Bibi
CEP 04532-060 São Paulo SP Brasil
Tel.: +55 11 3045-5040
Fax: +55 11 3045-8578


revista-si@abs-soldagem.org.br