Scielo RSS <![CDATA[Revista Brasileira de Fruticultura]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=0100-294520130004&lang=pt vol. 35 num. 4 lang. pt <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <![CDATA[<b>Coleção de frutíferas</b>: <b>UNESP Jaboticabal</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000400001&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt <![CDATA[<b>A RBF em 2014</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000400002&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt <![CDATA[<b>Caracterização físico-química e atividade antioxidante (in vitro) de frutos do cerrado Piauiense</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000400003&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Informações a respeito das características químicas e do valor nutritivo dos frutos do cerrado são ferramentas básicas para a avaliação do consumo e para a formulação de novos produtos. No entanto, poucos dados estão disponíveis na literatura especializada com relação à composição química destes frutos e sua aplicação tecnológica, ressaltando a necessidade de pesquisas científicas sobre o assunto. Realizou-se o presente estudo com o objetivo de caracterizar físico-quimicamente e determinar a atividade antioxidante in vitro, pelo método DPPH, da cagaita (Eugenia dysenterica), cajuzinho-do-cerrado (Anacardium humile), chichá (Sterculia striata Naud.), jatobá-do-cerrado (Hymenaea stigonocarpa Mart.) e macaúba (Acrocomia aculeata Mart.). Os frutos foram colhidos na EMBRAPA - MEIO NORTE - PI, e na Cidade de Corrente-PI. Analisaram-se as características físicas (peso, comprimento e diâmetro), químicas (umidade, cinzas, lipídeos, proteínas, carboidratos), Valor Energético Total (VET), conteúdo de compostos fenólicos totais, flavonoides, antocianinas, β-caroteno, licopeno, vitamina C e atividade antioxidante pelo método DPPH. As amostras foram analisadas em dois lotes, e cada análise, em triplicata. Para a análise dos dados, foi elaborado um banco de dados, utilizando-se do programa estatístico EPI INFO, versão 6.04b, e o programa EXCEL. Os resultados obtidos para os compostos bioativos estudados demonstraram que todos os frutos apresentaram quantidade elevada de vitamina C (mg/100g), destacando-se o cajuzinho-do-cerrado (500). Os frutos que apresentaram maior capacidade antioxidante, expressos em capacidade de reduzir em 50% a atividade do radical livre DPPH (EC50mg/L), foram cagaita (Eugenia dysenterica Dc.) e cajuzinho-do-cerrado (Anacardium humile). Concluiu-se, portanto, que os frutos pesquisados apresentaram bom valor nutritivo, um elevado conteúdo de compostos bioativos e demonstraram atividade antioxidante.<hr/>Details about the chemical characterist composition and nutritional value of the cerrado fruits are basic tools for evaluating the consumption and formulation of new products. However, few data are available in the literature with regard to chemical composition of these fruits and their technological application, highlighting the need for scientific research on the subject. It was performed the present study aiming at characterizing the physical-chemical and determine the antioxidant activity in vitro by the DPPH method, the cagaita (Eugenia dysenterica) cajuzinho-do-cerrado (Anacardium humile), chichá (Sterculia striata Naud .), jatoba-do-cerrado (Hymenaeastigonocarpa Mart.) and macaúba (Acrocomiaaculeata Mart.). The fruits were harvested at EMBRAPA - MID NORTH - PI and Correntes City - PI. It was analyzed the physical characteristics (weight, length and diameter), chemical (moisture, ashes, lipids, proteins, carbohydrates), total energy value (TEV), the content of total phenolics, flavonoids, anthocyanins, β-carotene, lycopene, vitamin C and antioxidant activity by DPPH. The samples were analyzed in two batches and each in triplicate analysis. For data analysis, it was designed a database, using the statistical program EPI INFO, version 6.04b. The obtained results for the studied bioactive compounds showed that all the fruits expressed hight amount of vitamin C (mg/100g), highlighting the cajuzinho-do-cerrado (500). The fruits with the highest antioxidant capacity, expressed in ability to reduce by 50% the activity of free radical DPPH (EC50mg / L) were cagaita (Eugenia dysenterica Dc.) and cajuzinho-do-cerrado (Anacardium humile). The research concludes, therefore, that the fruits studied showed good nutritional value, a meaningful content of bioactive compounds and demonstrate antioxidant activity. <![CDATA[<b>Atividade antioxidante, composição química e conservação do maracujá-amarelo embalado com filme PVC</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000400004&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O objetivo deste trabalho foi avaliar as características químicas e a conservação do maracujá-amarelo embalado com filme de PVC durante o armazenamento refrigerado a 5 ºC. Atividade antioxidante (DPPH e TEAC), compostos fenólicos totais, β-caroteno e ácido ascórbico do suco do fruto foram os parâmetros químicos avaliados. As estimativas de perda de massa, enrugamento, cor e sintomas de patógenos foram utilizadas no estudo de conservação. As avaliações foram realizadas em intervalos de 10 dias, durante 40 dias. De acordo com os resultados, o teor de fenólicos totais aumentou durante o armazenamento, com variações entre 20,10 e 21,29 mg EAG 100 mL-1. O conteúdo de ácido ascórbico aumentou até o 20º dia de armazenamento (33,58 mg 100 mL-1), mas seguiu com decréscimos até o 40º dia (21,67 mg 100 mL-1). Independentemente do uso de PVC, o conteúdo de β-caroteno não variou durante o armazenamento. As atividades antioxidantes DPPH e TEAC do suco diminuíram durante o armazenamento. Não foram encontradas correlações positivas entre as atividades DPPH e TEAC e o teor de fenólicos totais, sugerindo que este último não contribui para a atividade antioxidante do suco do maracujá. O uso da embalagem de PVC não influenciou positivamente a atividade antioxidante e os teores de fenólicos totais e ácido ascórbico do suco do maracujá-amarelo durante seu armazenamento. A embalagem de PVC não inibiu sintomas de desenvolvimento de patógenos por até 30 dias de armazenamento, a 5 ºC, mas reduziu a perda de massa fresca e o enrugamento do fruto, proporcionando condições ótimas de comercialização por até 20 dias.<hr/>The aim of this study was to evaluate the chemical characteristics and conservation of yellow passion fruit packed with PVC film during refrigerated at 5 ºC. Antioxidant activity (DPPH and TEAC), total phenolic compounds, β-carotene and ascorbic acid of the fruit juice were the chemical parameters. Estimations of weight loss, wrinkling, color and symptoms of pathogens were used in the conservation study. The evaluations were performed in 10-day intervals for 40 days. According to the results, the total phenolic content increased during storage, varying between 20.10 and 21.29 mg EAG 100 mL-1. The contents of ascorbic acid increased until the 20th day of storage (33.58 mg 100 mL-1), but followed with decreases until the 40th day (21.67 mg 100 mL-1). Regardless of the use of PVC, β-carotene did not change during storage. The TEAC and DPPH antioxidant activity in juice decreased during storage. The DPPH and TEAC antioxidant activity did not correlate positively with total phenolics, suggesting that phenolic compounds do not contribute to the antioxidant activity of passion fruit juice. The use of PVC packaging did not influence positively on the antioxidant activity and the contents of total phenolics and ascorbic acid of yellow passion fruit juice during storage. The PVC did not inhibit the pathogens-degradation symptoms for up to 30 days of storage, at 5 ºC, but reduced the weight loss and wrinkling of the fruit, providing optimal conditions of merchantability for up to 20 days. <![CDATA[<b>Controle da maturação de caqui 'Fuyu' com aplicação de aminoetoxivinilglicina e 1-metilciclopropeno</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000400005&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O armazenamento de caquis é uma ferramenta importante na manutenção da qualidade e no prolongamento da oferta do fruto após a colheita. O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito da aplicação de AVG em pré-colheita, e do 1-MCP, em pré e pós-armazenamento, sobre a manutenção da qualidade pós-colheita e seu efeito na incidência de distúrbios em caquis 'Fuyu' armazenados em atmosfera controlada a -0,5 ºC e transferidos a condição de ambiente (20 ºC) por 6 dias. Os tratamentos foram: [1] controle; [2] aplicação de AVG (123 g ha-1); [3] aplicação de 1-MCP (1,0 µL L-1) em pré-armazenamento; [4] aplicação de AVG e 1-MCP em pré-armazenamento; [5] aplicação de 1-MCP em pós-armazenamento; [6] aplicação de AVG e 1-MCP em pós-armazenamento. Os frutos foram avaliados quanto à qualidade na ocasião da colheita, visando à caracterização do lote e, após quatro meses de armazenamento a -0,5 ºC e mais seis dias a 20 ºC, quanto à firmeza da polpa, pH, coloração da casca, índices de amaciamento e de escurecimento, teores de sólidos solúveis e de acidez titulável, respiração, produção de etileno, além da atividade da enzima ACC oxidase. Os resultados indicaram que a aplicação de 1-MCP em pré ou em pós-armazenamento foi eficiente em conter o amaciamento da polpa de caquis 'Fuyu' previamente armazenados em atmosfera controlada a -0,5 ºC e mantidos a 20 ºC por seis dias. Todavia, o uso deste fitorregulador em pré-armazenamento ocasionou maior escurecimento da epiderme. O uso de AVG em pré-colheita não retardou a maturação de caquis 'Fuyu' armazenados na mesma condição.<hr/>The storage of persimmons is an important tool to maintain the quality and to extend the fruit offer after harvest. The aim of this study was to evaluate the effect of preharvest application of aminoethoxyvinylglycine (AVG) and 1-methylcyclopropene (1-MCP) application before or after storage on the ripening control of persimmons cv. Fuyu during storage in controlled atmosphere (CA) at -0.5 ºC during 4 months. The treatments were: [1] control; [2] AVG (123 g ha-1) application and CA storage; [3] AVG application and 1-MCP (1.0 µL L-1) application after CA storage; [4] 1-MCP application before CA storage; [5] AVG application and 1-MCP application before CA storage; [6] 1-MCP application after CA storage. According to the results, the 1-MCP maintained higher fruit firmness after storage and during six days at 20 ºC. Highest firmness was obtained after six days at 20 ºC with application of 1-MCP after storage. The preharvest application of AVG is not efficient in maturation control of 'Fuyu' persimmons stored during four months in controlled atmosphere. <![CDATA[<b>Controle da antracnose na pós-colheita de manga 'Ubá' com o uso de produtos alternativos</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000400006&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Foi avaliada a eficácia de produtos alternativos aos agroquímicos no controle da antracnose na pós-colheita de mangas 'Ubá'. Frutos fisiologicamente maduros foram pulverizados até o completo molhamento, com suspensão de conídios de Colletotrichum gloeosporioides, na concentração de 2,5 x 10(5) conídios/mL. Após a secagem ao ar, foram pulverizados com água destilada (testemunha), tween 20 (8 mL/L de solução), Prochloraz (1,10 mL de Sportak 450 EC/L de solução), óleo de alho (10 mL/L + 8 mL/L de tween 20), óleo de amêndoa de Acrocomia aculeata + leite em pó instantâneo (LPI) (25 mL/L+ 10 g LPI/L), óleo de amêndoa de A. aculeata + tween (25 mL/L + 8 mL/L de tween 20), biofertilizante agro-mos® (100 µL/L), óleo de neen (10 mL/L + 8 mL/L de tween 20), quitosana (10 mL/L + 8 mL/L de tween 20) e biomassa cítrica (10 mL/L + 8 mL/L tween 20).O solvente utilizado foi água destilada. Avaliaram-se o período de incubação, o período latente, a perda de massa fresca, a produção de CO² e, diariamente, a severidade e incidência da doença. Os períodos mais curtos de incubação da doença foram observados nos frutos tratados com óleo de neen, água + tween e biomassa cítrica, com aproximadamente cinco dias. O óleo de amêndoa de A. aculeata + LPI e agro-mos® foram os produtos que mais retardaram o aparecimento dos sintomas, impondo à doença o período de incubação de nove dias após a inoculação do patógeno. Quanto à severidade, o óleo de amêndoa de macaúba + LPI e o Prochloraz foram os mais eficientes em conter o crescimento do patógeno até o oitavo dia após a inoculação, sendo que, logo depois, os frutos tratados com óleo de amêndoa de A. aculeata + LPI se igualaram àqueles tratados com a maioria dos demais produtos. Os frutos tratados com óleo de amêndoa de A. aculeata + LPI e óleo de amêndoa de A. aculeata + tween manifestaram as estruturas do patógeno apenas após 13 e 14 dias de avaliação, respectivamente. As maiores perdas de massa foram observadas nos frutos tratados com óleo de alho e biomassa cítrica, com 8,31% e 8,44%, respectivamente, no dia 14. Quanto à produção de CO², o óleo de amêndoa de A. aculeata + LPI e óleo de amêndoa de A. aculeata + tween mantiveram a taxa respiratória crescente, sendo que, no dia 12 ocorreu um leve aumento na respiração. Dessa forma, conclui-se que, além do Prochloraz, o óleo de amêndoa de A. aculeata + LPI e óleo de amêndoa de A. aculeata + tween têm bom potencial para controle da antracnose em manga 'Ubá'.<hr/>This study has assessed the effectiveness of alternative products to agrochemicals for the control of anthracnose in the post-harvest of 'Ubá' mango. Physiologically mature fruit were sprayed until complete wetting with spore suspension of Colletotrichum gloeosporioides in 2.5 x 10(5) conidia/mL concentration. After air drying, the following were sprayed with distilled water (control), tween 20 (8 mL/L of solution), Prochloraz (1.10 mL Sportak 450 EC/L of solution), garlic oil (10 mL/L + 8 mL/L of tween 20), Acrocomia aculeata almond oil + instant milk powder (IMP) (25 mL/L + 10 g IMP/L), A. aculeata almond oil + tween (25 mL/L + 8 mL/L of tween 20), agro-mos ® biofertilizer (100 µL/L), neem oil (10 mL/L + 8 mL/L of tween 20), chitosan (10 mL/L + 8 mL/L of tween 20) and citric biomass (10 mL/L + 8 mL/L of tween 20). The solvent used was distilled water. Incubation period, latent period, fresh weight loss and production of CO2 were assessed along with daily severity and incidence of the disease. Shorter incubation periods of the disease were noted in fruit treated with neem oil, water + tween and citric biomass, with approximately five days. A. aculeata almond oil + IMP and agro-mos® were the ones that most delayed the onset of symptoms, resulting in an incubation period of nine days after pathogen inoculation. Regarding severity, A. aculeata almond oil + IMP and Prochloraz were the most efficient in hindering the growth of the pathogen at 8 days after inoculation, but soon fruit treated with A. aculeata almond oil + IMP equaled those treated with the other products. Fruit treated with A. aculeata almond oil + IMP and A. aculeata almond oil + tween expressed the structures of the pathogen only at 13 and 14 evaluation days, respectively. The largest mass losses were found for fruit treated with garlic oil and citric biomass, with 8.31% and 8.44% respectively at 14 days. As for the production of CO2, A. aculeata almond oil + IMP and A. aculeata almond oil + tween kept increasing respiratory rate, where only at 12 days there was a slight respiratory increase. Thus, we may conclude that in addition to Prochloraz, A. aculeata almond oil + IMP and A. aculeata almond oil + tween have good potential for the control of anthracnose in 'Ubá' mango. <![CDATA[<b>Estabilidade de produtos de pequi (<i>Caryocar coriaceum</i> Wittm) sob congelamento em diferentes tipos de embalagens</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000400007&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Avaliaram-se as características de qualidade de pequi (C. coriaceum) congelado e acondicionado em diferentes embalagens, armazenados a -18º C, durante 300 dias. Os frutos, coletados na safra de 2009/2010, foram descascados, obtendo-se assim os caroços, que, após sanificados, foram submetidos a 3 tipos de embalagens: 1 - Cortados em lâminas de aproximadamente 2 mm de espessura de polpa e seladas a vácuo em polietileno de alta densidade (PEAD); 2 - Caroços embalados e selados a vácuo em sacos de PEAD; 3 - Caroços dispostos em bandejas de poliestireno expandido e envoltos por filme plástico. As amostras foram avaliadas aos 0; 60; 120; 180; 240 e 300 dias de armazenamento. Utilizou-se um delineamento inteiramente casualizado, em esquema fatorial, e os resultados foram submetidos a análises de variância e regressão. O congelamento do pequi submetido aos três tipos de acondicionamento foi eficiente na preservação das características de qualidade como: pH, acidez titulável e açúcares totais durante 300 dias de armazenamento. Os teores de carotenoides e polifenóis extraíveis totais mostraram redução acentuada no acondicionamento da polpa a vácuo. A forma mais indicada de congelamento do pequi para a manutenção da cromaticidade é o acondicionamento do caroço a vácuo ou em bandeja com filme de PVC.<hr/>It was evaluated the quality characteristic of pequi fruit (C. coriaceum) under freezing and put up in different packages, stored at - 18º C for 300 days. The fruits collected in 2009/2010 crop were peeled thus obtaining the kernel, which after sanitized were submitted to three types of packages: 1 - cut into slices of approximately 2 mm pulp thickness and vacuum sealed with high density polyethylene (HDPE) bags; 2 - kernel packaged in vacuum sealed bags HDPE; 3 - arranged in polystyrene trays and wrapped in plastic film. The samples were evaluated at 0, 60, 120, 180, 240 and 300 days of storage. It was used a completely randomized design in factorial and the results were submitted to analysis of variance and regression. The freezing of pequi fruit subjected to three types of packaging was efficient in preserving the quality characteristics such as pH, tritatable acidity and total sugars during 300 days of storage. The levels of total extractable polyphenols and carotenoids showed marked reduction in pulp packaging vacuum. The most suitable freezing of pequi fruit to maintain the chromaticity is the kernel of vacuum packaging or tray with PVC film. <![CDATA[<b>Estádio de maturação para o período ideal de colheita de maçãs 'Daiane' destinadas à armazenagem</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000400008&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Este trabalho foi realizado com o objetivo de identificar índices de maturação para o ponto ideal de colheita, de maçãs 'Daiane', destinadas a longos períodos de armazenamento. Maçãs foram colhidas semanalmente, em dois pomares comerciais, no período de 113 a 149 dias após a plena floração (DAPF), e armazenadas por 180 ou 240 dias a 0,7ºC, em atmosfera controlada. Medidas do estádio de maturação e da qualidade das maçãs foram realizadas um dia após a colheita e após a armazenagem. Atributos da aparência (cor vermelha) e sabor (relação açúcar/acidez) indicaram que a qualidade de maçãs 'Daiane', na colheita, é máxima quando colhidas 149 DAPF. No entanto, medidas da firmeza da polpa e da qualidade sensorial, realizadas após a armazenagem, indicaram que o período ideal de colheita de maçãs 'Daiane', destinadas a longos períodos de armazenagem, não deve estender-se além dos 136 DAPF. Maçãs 'Daiane' devem ser colhidas a partir de 121 DAPF para que mais da metade dos frutos tenham mais de 75% da superfície avermelhada. Desta maneira, o período ideal de colheita de maçãs 'Daiane', destinadas a longos períodos de armazenagem, ocorreu entre 121 e 136 DAPF no pomar 1, e entre 129 e 136 DAPF no pomar 2. No período ideal de colheita (121 a 136 DAPF), maçãs 'Daiane' apresentaram, um dia após a colheita, firmeza de 67 a 74 N, SS de 11,5 a 13 %, AT de 0,26% a 0,34%, índice de amido de 4,6 a 7,9 e índice de cor de fundo da epiderme de 2,6 a 4,0.<hr/>The study was carried out to identify the maturity indices for the optimum harvest dates of 'Daiane' apples designated to long-term storage. Apples were harvested weekly from 113 to149 days after full bloom (DAFB), and stored for 180 or 240 days at 0.7ºC under controlled atmosphere. Maturity and quality were assessed one day after harvest and after storage. Fruit quality, based on skin red color was highest when harvested lately, 149 DAFB. However, measures of firmness and taste after long-term CA storage indicated that the ideal harvest period for 'Daiane' apples should not exceed 136 DAFB. 'Daiane' apples should be picked at 121 DAFB to achieve more than half of the fruit with over 75% skin surface with red color. Therefore, the optimum harvest period for 'Daiane' apples designated to long-term storage is between 121 and 136 DAFB at orchard 1, and between 129 and 136 DAFB at orchard 2. At optimum harvest period (121-136 DAFB) 'Daiane' apple had, one day after harvest, firmness of 67-74 N, SS from 11.5 to 13%, TA of 0.26%-0.34%, starch index from 4.6 to 7.9 and background color index between 2.6 and4.0. <![CDATA[<b>Qualidade e potencial de conservação pós-colheita dos frutos em cultivares brasileiras de goiabeira-serrana</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000400009&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Foi avaliada a manutenção da qualidade pós-colheita dos frutos em cultivares brasileiras de goiabeira-serrana. Frutos das cultivares Alcântara, Helena, Mattos e Nonante foram colhidos na maturação comercial, no município de São Joaquim-SC, e armazenados a 4±1 ºC (90±5% UR), durante 21 dias, seguido de 8 e 48 h a 23±1 ºC (75±5% UR). Foram avaliadas a composição mineral (N, K, Mg e Ca) na colheita e a qualidade dos frutos na colheita e após o armazenamento. Frutos da cultivar Nonante apresentaram na colheita maiores valores de acidez titulável (AT) pH e de atributos de textura, e menores valores de pH e da relação sólidos solúveis/acidez titulável (SS/AT), sendo que, após o armazenamento refrigerado, este comportamento foi reduzido, com menores diferenças em relação às demais cultivares. Frutos de 'Nonante' apresentaram também maiores teores de K na casca e polpa, e menores teores de N na polpa e, após o armazenamento refrigerado, cor verde menos intensa na casca e menor escurecimento de polpa. Em relação aos dados de colheita, após o armazenamento refrigerado, houve maior redução na AT (41%) do que no teor de SS (8,6%), o que ocasionou acentuado aumento na relação SS/AT (52,5%), considerando valores médios das quatro cultivares. Isto evidencia que, em goiaba-serrana, os ácidos orgânicos representam o principal substrato respiratório durante o armazenamento, o que compromete a qualidade sensorial pelo aumento na relação SS/AT. Frutos de 'Alcântara' foram também avaliados quanto aos efeitos do dano mecânico na colheita e do retardo no armazenamento refrigerado, na qualidade após o armazenamento. O dano mecânico na colheita (dano por queda, a uma altura de 50 cm, sobre uma superfície rígida) ocasionou mínimo comprometimento da qualidade após o armazenamento refrigerado. Frutos desta cultivar apresentaram redução na AT (31%), textura da periderme (33%) e força para a compressão (13%), e aumento no pH (20%) e na relação SS/AT (48%), com o retardo no armazenamento refrigerado (de 0h para 48h a 18±2 ºC/70±5% UR).<hr/>This study was carried out to assess the postharvest quality preservation of the fruit in Brazilian cultivars of feijoa. Fruit of cultivars Alcântara, Helena, Mattos and Nonante were harvest at commercial maturity, in São Joaquim, southern Brazil, and cold stored at 4±1 ºC (90±5% RH), during 21 days, followed by 8 and 48 h at 23±1 ºC (75±5% RH). Fruit mineral content (N, K, Mg and Ca) was assessed at harvest, and fruit quality was assessed at harvest and after cold storage. At harvest, fruit of 'Nonante' had higher values of titratable acidity (TA), and texture attributes, and lower values of pH and soluble solids content/titratable acidity ratio (SSC/TA) than fruit of the other three cultivars. However, after cold storage, these differences were less expressive. Fruits of 'Nonante' had higher contents of K in the peel and flesh tissues, lower content of N in the flesh, and less intense green color of the peel and internal browning after cold storage, than fruit of the other three cultivars. In comparison to fruit quality assessed at harvest, following cold storage, there was a higher reduction of TA (41%) than of SSC (8.6%), with a resulting increase of the SSC/TA ratio (52.5%), in an average for all cultivars. Therefore, organic acids are the main substrates used by respiration during storage in feijoa, and this might impair fruit sensory quality by increasing the SSC/TA ratio. Fruit of 'Alcântara' were also assessed for the effects of mechanical damage at harvest and cold storage delay on postharvest quality. The mechanical damage at harvest (by impact, with a 50 cm height drop of the fruit on a rigid surface) had minimal impairment of fruit quality after cold storage. Delaying the cold storage (from 0h to 48h, at 18±2 ºC/70±5% RH) after harvest of 'Alcântara' reduced TA (31%), periderm texture (33%) and fruit compression force (13%), and increased pH (20%) and SSC/TA ratio (48%) during cold storage. <![CDATA[<b>Eficiência de fosfitos no controle da podridão da base do estipe em mudas de pupunheira</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000400010&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt A exploração de palmito no Brasil está deixando de ser uma atividade extrativista para tornar-se agrícola, devido ao plantio de palmeiras, como a pupunheira (Bactris gasipaes Kunth var. gasipaes Henderson). A podridão da base do estipe (PBE), causada por Phytophthora palmivora, vem destacando-se como uma importante doença, que poderá limitar o cultivo da pupunheira em várias regiões produtoras. Esta doença ocorre em plantas jovens e adultas. O objetivo do presente trabalho foi avaliar a eficiência da aplicação preventiva e curativa de fosfitos sobre a incidência e a severidade da PBE em mudas de pupunheira, em casa de vegetação. Para tal, três experimentos foram conduzidos, conforme segue: I - Efeito preventivo e curativo de fosfitos, seguindo o esquema fatorial 6 x 2 (tipos de fosfitos x épocas de aplicação); II - Efeito da aplicação preventiva de fosfito de potássio, seguindo o esquema fatorial 6 x 4 (número de aplicações x épocas de avaliação); e III - Efeito preventivo do número de aplicações e dosagens de fosfitos de potássio, seguindo o esquema fatorial 3 x 2 (dosagens x número de aplicações). A severidade da doença foi avaliada aos 28 dias no experimento I e no experimento III, enquanto no experimento II foi avaliada aos 7; 14; 21 e 28 dias após a inoculação, baseada em escala descritiva, com nota de 0 a 4. Os tratamentos foram dispostos no delineamento inteiramente casualizado, com 10 repetições de uma muda cada. Os dados foram submetidos à análise de variância e, quando significativos, pelo teste F (p < 0,05), e as médias dos tratamentos foram comparadas pelo teste de Tukey, a 5% de probabilidade. Pelos resultados obtidos, pôde-se concluir que o fosfito de potássio proporcionou melhor controle entre os fosfitos testados, e quando aplicado de forma preventiva na dosagem de 2,5 mL.L-1 com 3 aplicações e na dosagem de 5,0 mL.L-1 com 2 ou 3 aplicações, reduziu significativamente a incidência e a severidade da PBE em mudas de pupunheira. Entretanto, quando aplicado de forma curativa, não teve efeito, independentemente da dosagem ou do número de aplicações. A melhor época de avaliação da severidade da PBE foi aos 21 dias após a inoculação da Phytopthora palmivora.<hr/>The exploitation of heart of palm in Brazil is no more an extractive activity; it is becoming a commercial production due to the planting of palm trees such as peach palm (Bactris gasipaes Kunth var. gasipaes Henderson). The stem base rot (SBR) caused by Phytophthora palmivora has emerged as an important disease, which may limit the peach palm production in many regions. This disease occurs in young and adult plants. This study aimed to evaluate the efficiency of preventive and curative application of phosphites on SBR incidence and its severity in peach palm seedlings under greenhouse conditions. Three experiments were carried out, as follows: I - preventive and curative effect of phosphites, following factorial scheme 6 x 2 (phosphites x application time); II - effect of preventive application of potassium phosphite, following factorial scheme 6 x 4 (number of applications x evaluation periods), and III - Effect of preventive and curative methods and application periods of potassium phosphite, following a factorial scheme 2 x 2 (application forms x dosage). Disease severity was assessed at 28 days in experiment I and III in the experiment, while in experiment II was evaluated at 7, 14, 21 and 28 days after inoculation, based on descriptive scale with a scale from 0 to 4. Treatments were carried out in a completely randomized design with 10 repetitions of one seedling for each repetition. Data were submitted to variance analysis and when treatment means were significant by F test (p < 0.05) they were compared by Tukey test at 5% of probability. From the results obtained, it was concluded that potassium phosphite have better control between phosphites tested, and when applied preventively at 2.5 mL.L-1 with 3 applications and dosage of 5.0 mL. L-1 with 2 or 3 applications significantly reduced the incidence and the severity of SBR in peach palm seedlings. But, when applied as curative had no effect, regardless of the dose or the number of applications. Since the best time for severity assessment of SBR was 21 days after inoculation of Phytopthora palmivora. <![CDATA[<b>Confusão sexual com baixa densidade de difusores parao manejo da mariposa-oriental (Lepidoptera; Tortricidae) em pomares de macieira em clima subtropical no sul do Brasil</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000400011&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt The oriental fruit moth, Grapholita molesta Busck, and fruit flies, Anastrepha fraterculus L., are the important apple pests under Subtropical climate in Southern Brazil, and control is normally accomplished with insecticides. An alternative strategy for the control of G. molesta is mating disruption, through the use of pheromones. Mating disruption strategies using a low density of dispensers (20) per hectare were tested in comparison with conventional pesticides for control of G. molesta in commercial Gala apple orchards in Fraiburgo, SC, for a period of five years. The average field efficiency period of mating disruption formulation over five years was 113 days. In this period the mating interruption index on mating disruption plots was 84.8% over five years. Damage to Gala apples by oriental moth larvae was low (<0.1%) in mating disruption plots but did not differ from conventional plots, except in the third year. The use of mating disruption allowed for an average reduction of 5.2 insecticide treatments per year in Gala orchards during field efficiency period. It was necessary to apply 1.0 and 1.2 applications of insecticide to control of G. molesta and A. fraterculus, respectively. Mating disruption with a low density of diffusers proved to be an effective alternative to conventional methods for control of G. molesta in Gala apple orchards in subtropical climate in southern Brazil.<hr/>Mariposa-oriental, Grapholita molesta Busk, e moscas-das-frutas, Anastrepha fraterculus L., são importantes pragas de macieira em clima Subtropical no sul do Brasil e o controle é normalmente realizado com inseticidas. Uma estratégia alternativa para o controle de G. molesta é confusão sexual, por meio de feromônios. Estratégias de confusão sexual, usando uma baixa densidade de dispersores (20) por hectare, foram testados em comparação com pesticidas convencionais para o controle de G. molesta em pomares comerciais de maçã Gala em Fraiburgo, SC, por um período de cinco anos. O período médio de eficiência em campo da formulação na interrupção de acasalamento, durante cinco anos, foi de 113 dias. Neste período, o índice de interrupção de acasalamento em parcelas de confusão sexual foi de 84,8 %. Danos à Gala por larvas de mariposa-oriental foi baixa (<0,1%) em parcelas de confusão sexual, mas não diferiram das parcelas convencionais, exceto no terceiro ano. O uso da formulação de confusão sexual permitiu uma redução média de 5,2 tratamentos com inseticidas por ano em pomares de Gala durante o período de eficiência em campo. Foi necessário aplicar 1,0 e 1,2 aplicações de inseticidas para o controle de G. molesta e A. fraterculus, respectivamente. Confusão sexual com uma baixa densidade de difusores provou ser uma alternativa eficaz aos métodos convencionais para o controle de G. molesta em pomares de maçã Gala em clima Subtropical no sul do Brasil . <![CDATA[<b>Reação de genótipos de maracujazeiro a <i>Meloidogyne incognita</i> raça 3 e <i>Meloidogyne javanica</i></b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000400012&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O objetivo do trabalho foi avaliar a reação de genótipos de maracujazeiro a Meloidogyne spp.. O experimento foi conduzido em casa de vegetação em DBC, com seis repetições, em esquema fatorial 9x2 (Passiflora giberti, P. nitida, P. setacea, P. mucronata, P. cincinnata, P. ligularis, P.alata, híbrido BRS Sol do Cerrado e seleção M19-UFV x Meloidogyne javanica e M. incognita raça 3). Segundo os critérios de Oostenbrink, e Moura e Régis, o BRS Sol do Cerrado, a seleção M-19-UFV e P. alata comportaram-se como imunes a M. incognita. Além destes, P. cincinnata e P. setacea foram imunes a M. javanica. Passiflora cincinnata e P.giberti comportaram-se como resistentes a M. incognita e M. javanica, respectivamente. Segundo Taylor e Sasser, os genótipos classificados como imunes pelos outros critérios foram classificados como resistentes aos nematoides. Todas as variáveis nematológicas avaliadas em P. giberti, P. ligularis, P. mucronata e P. nitida foram superiores em plantas infectadas por M. incognita. Independentemente do nematoide, P. mucronata apresentou maior número de galhas, massas de ovos, ovos, J2 e FR, em relação aos outros genótipos. O peso de matéria fresca de raiz de P. ligularis e P. mucronata foi menor na presença de M. incognita em relação a M. javanica.<hr/>The aim of this study was to evaluate the reaction of genotypes of passion fruit to Meloidogyne spp.. The experiment was carried out in a greenhouse in RBD with six replications in 9 x 2 factorial designs (Passiflora giberti, P. nitida, P. setacea, P. mucronata, P. cincinnata, P. ligularis, P. alata, BRS Sol do Cerrado cultivar and selection M19-UFV x Meloidogyne javanica and M. incognita race 3). According to Oostenbrink criteria, and Moura and Régis, the BRS Sol do Cerrado, and selection M-19-UFV and P. alata behaved as immune to M. incognita. In addition to these, P. cincinnata and P. setacea were immune to M. javanica. Passiflora cincinnata and P.giberti behaved as resistant to M. incognita and M. javanica, respectively. According to Taylor and Sasser, the genotypes classified as immune by the other criteria were classified as resistant to nematodes. All the nematological variables evaluated in P. giberti, P. ligularis, P. mucronata and P. nitida were superior in plants infected by M. incognita. Regardless of the nematode, P mucronata presented larger number of root galls, egg masses, eggs, J2 and RF, as compared to the other genotypes. The root fresh matter weight of P. ligularis and P. mucronata was smaller in the presence of M. incognita as compared to M. javanica. <![CDATA[<b>O potencial de diferentes espécies de frutas como alimento para <i>Harmonia axyridis</i> (Pallas, 1773) (Coleoptera: Coccinellidae)</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000400013&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Harmonia axyridis was detected for the first time in Brazil in 2002. Since then, it has been recorded from the South to the Midwest of the country. Until now, almost all the registered cases were associated with the presence of aphids, its preferred source of food. Due to the occurrence of this species in areas of fruit growing in the South and Southeast of Brazil, the aim of this study was to analyze the preference and use of three different cultivars of fruit. The tests were set at 25ºC ± 1ºC, RH 70% ± 10%, and in a photophase of 12 h and with apples (Gala and Fuji), grapes (Niágara and Rubi), and pears (Williams and Asian). In the undamaged fruit experiment, the insects did not cause any noticeable damage. In the damaged and undamaged fruit experiment, a higher and statistically significant percentage of H. axyridis adults were found in the three damaged fruits. In the different cultivar experiment the Niágara grape, the Gala apple, and the Williams pear were significantly preferred by H. axyridis adults. These results may help in the management of this insect, preventing damage, which have been observed in other places where H. axyridis was introduced.<hr/>Harmonia axyridis foi detectada pela primeira vez no Brasil em 2002. A partir daí, então tem sido observada do sul ao centro-oeste do País. Até agora, quase todos os casos registrados foram associados com a presença de afídeos, sua principal fonte de alimento. Devido à ocorrência dessa espécie em áreas de cultivo de frutas no Sul e no Sudeste do Brasil, o objetivo deste trabalho foi analisar a preferência e a utilização de três diferentes cultivares de frutas. Os testes foram realizados a 25ºC±1ºC, UR 70% ± 10%, e fotofase de 12 h e com maçãs (Gala e Fuji), uvas (Niágara e Rubi), e peras (Williams e Asiática). Nos testes com frutas não danificadas, os insetos não causaram nenhum dano perceptível. Nos testes com frutas danificadas e não danificadas, uma porcentagem maior e estatisticamente significante de adultos de H. axyridis foi observada nas três frutas danificadas. Nos testes de preferência, a uva Niágara, a maçã Gala e a pera Williams foram significativamente preferidas pelos adultos de H. axyridis. Esses resultados poderão auxiliar no manejo desse inseto, evitando danos, os quais têm sido observados em outros locais onde H. axyridis foi introduzida. <![CDATA[<b>Viabilidade da cultura do morangueiro no Paraná - BR</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000400014&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Avaliou-se a viabilidade da exploração do morangueiro, no Paraná, em duas áreas, 0,3 ha (área média cultivada pela agricultura familiar) e 1 ha, por um ano. Elaborou-se uma planilha de fluxo de caixa a partir da qual se calcularam: Período de Recuperação do Capital (PRC), Retorno sobre Investimento (RI), Valor Presente Líquido (VPL) e Taxa Interna de Retorno (TIR). Todos para Custo Operacional Efetivo (COE), Custo Operacional Total (COT) e Custo Total de Produção (CTP). Para uma situação considerada normal, os indicadores de rentabilidade calculados foram (Tipo de custo: VPL área-padrão (TIR área- padrão) / VPL área efetiva (TIR área efetiva)) COE: US$ 17.856,55 (42%) / US$ 4.795,85 (39%); COT: US$ 5.182,40 (11%) / - US$ 1.691,97 (-13%); CPT: US$ 4.846,26 (10%) / -US$ 1.792,80 (-14%). Fez-se a análise de cenários para os fatores produtividade, preço de venda e mão de obra, analisando o VPL e a TIR. Verificou-se que o tamanho da área influenciou na viabilidade econômica, mostrando a importância de se determinar anualmente a área mínima viável para a agricultura familiar. Os resultados indicaram que a cultura é viável em curto prazo, quando considerado o COE como parâmetro de análise, mas pode não se sustentar em prazos maiores quando se consideram o COT, o CTP e a variação de alguns fatores de produção. Pela análise de cenários definidos pelos fatores de produção analisados, o VPL e a TIR alteram-se para níveis que oferecem risco à exploração.<hr/>We evaluated the viability of the strawberry small farm in Paraná, in two areas, 0.3 ha (average area cultivated by family farms) and 1 ha, during a year. A spreadsheed cash flow was prepared in which it was calculated: Payback Period of Capital (PPC), Return on Investment (ROI), Net Present Value (NPV) and Internal Rate of Return (IRR). All for Operational Cost Effective (OCE), Total Operating Cost (TOC) and Total Cost of Production (TCP). In a situation considered normal, profitability indicators calculated were (Cost Type: NPV standard area (IRR standard area) / NPV effective area (effective area IRR)) OCE: US$ 17.856,55 (42%) / US$ 4.795,85 (39%); TOC: US$ 5.182,40 (11%) / - US$ 1.691,97 (-13%), TCP: US$ 4.846,26 (10%) /- US$ 1.792,80 (- 14%). A scenario analysis was made for the factors productivity, sales price and manpower, analyzing the NPV and IRR. The size of the area influenced the economic viability, showing the importance of determining annually the minimum viable area for family farms. The results indicated that culture is viable in the short term, when considered as a parameter of the OCE analysis, but can not be sustained in longer when considering the TOC, TCP and variation of some factors of production. By analysis of scenarios defined by production factors, NPV and IRR change to risky levels exploitation. <![CDATA[<b>Aplicação de fontes de nitrogênio em videiras e efeito na produção e composição do mosto</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000400015&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt This study was carried out to evaluate the yield, total N content in leaves and must composition of grapes from the Cabernet Sauvignon variety subjected to the application of urea and organic compost. Cabernet Sauvignon grapevines in Rosário do Sul, RS, Brazil, in 2008, 2009 and 2010 were subjected to annual application of 40 kg N ha-1 in the form of organic compost and urea, and compared to unfertilized grapevines. In the 2008/09, 2009/10 and 2010/11 crop seasons, leaves were collected for analysis of total N content. At maturation of the grapes, the yield and quality attributes of the must were evaluated. The application of N sources, especially organic compost, increased the N content in the whole leaf at full flowering. Application of organic compost and urea has little effect on grape yield and does not affect the total nutrient content in the must, nor the enological attributes.<hr/>O trabalho objetivou avaliar a produção, o teor de N total nas folhas e a composição do mosto de uvas da cultivar Cabernet Sauvignon submetidas à aplicação de ureia e composto orgânico. Videiras Cabernet Sauvignon, em Rosário do Sul (RS), em 2008, 2009 e 2010, foram submetidas à aplicação anual de 40 kg N ha-1 na forma de composto orgânico e ureia, e comparadas com videiras não adubadas. Nas safras de 2008/2009, 2009/2010 e 2010/2011 foram coletadas folhas no pleno florescimento e na mudança da cor das bagas para a análise do teor de N total. Na maturação das uvas, foram avaliados a produção e os atributos de qualidade do mosto. A aplicação de fontes de N, especialmente composto orgânico, aumenta o teor de N na folha completa, no pleno florescimento. A aplicação de composto orgânico e de ureia pouco afeta a produção de uva e não interfere no teor de nutrientes totais no mosto nem tampouco nos atributos enológicos. <![CDATA[<b>Desempenho da tangerineira 'Span Americana' em diferentes porta-enxertos</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000400016&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Este trabalho objetivou avaliar o crescimento vegetativo, a produção e a qualidade de frutos da tangerina 'Span Americana' em diferentes porta-enxertos, nas condições edafoclimáticas de Bebedouro-SP. O plantio foi realizado em junho de 2003, em espaçamento de 6,0 m x 3,0 m, sendo utilizada irrigação por gotejamento a partir de 2006. Os porta-enxertos avaliados foram: citranges [Citrus sinensis (L.) Osbeck × Poncirus trifoliata L. Raf] 'Carrizo' e 'Troyer', tetraploides; trifoliatas (P. trifoliata) 'Davis A' e 'Flying Dragon'; limão Volkameriano Catania 2 (C. volkameriana Tenn. et Pasq.), HRS 849 [(C. aurantium L. cv. 'Smooth Flat Seville' x P. trifoliata cv. 'Argentina')], tangelo 'Orlando' (C. reticulata Blanco × C. paradisi Macf.) e limão 'Cravo' (C. limonia Osbeck). Foram avaliadas a produção acumulada, a eficiência produtiva e a precocidade de entrada em produção, no período de 2007 a 2009. Avaliaram-se, também, as dimensões das plantas e a taxa média de crescimento das plantas no período de 2005 a 2008, além da qualidade dos frutos em 2006 e 2007. Em pomares irrigados de tangerineira 'Span Americana', os porta-enxertos trifoliata 'Davis A' e HRS 849 apresentam desempenho horticultural satisfatório. Para plantio em alta densidade, a melhor performance da tangerineira 'Span Americana' é obtida com a utilização dos porta-enxertos trifoliata 'Flying Dragon' e citranges 'Troyer' e 'Carrizo'.<hr/>This study aimed to evaluate plant growth and fruit yield and quality of 'Span Americana' mandarin on different rootstocks, under the climatic conditions of Bebedouro, state of São Paulo. The experimental orchard was planted in 2003 using 6 m x 3 m spacing, and was drip irrigated since 2006. The following rootstocks were studied: the 'Carrizo' and 'Troyer' tetraploid citranges [Citrus sinensis (L.) Osbeck × Poncirus trifoliata]; the trifoliates (P. trifoliata) 'Davis A' and 'Flying Dragon: Catania 2 Volkamer lemon (C. volkameriana Tenn. et Pasq.); HRS 849 [(C. aurantium L. cv. 'Smooth Flat Seville' x P. trifoliata cv. 'Argentina')]; 'Orlando' tangelo (C. reticulata Blanco × C. paradisi Macf.), and 'Cravo"Rangpur' lime (C. limonia Osbeck). Mean cumulative yield, productive efficiency and early-bearing yield were calculated for the 2007-2009 period. Plant size and mean plant growth rate was calculated from the annual variation in canopy volume during 2005 through 2008. Fruit quality was assessed in 2006 and 2007. Under irrigated conditions, the 'Davis A' trifoliate and the HRS 849 induced good horticultural performance to 'Span Americana' mandarin and may be used as alternative rootstocks. For high-density plantings, the rootstocks 'Flying Dragon' trifoliate and the 'Troyer' and 'Carrizo' tetraploid citranges may induce better performance to the trees. <![CDATA[<b>Desenvolvimento e fitossanidade de ameixeiras tratadas com silício em sistema orgânico</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000400017&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito do silício (Si) aplicado via pulverização foliar em ameixeiras cv. Pluma 7, para o controle da bacteriose (Xanthomonas arborícola pv. pruni), mariposa oriental (Grapholita molesta) e pulgão-verde (Myzus persicae), bem como no desenvolvimento das plantas, em sistema orgânico de produção. Para o ensaio, foi utilizado o produto comercial AgriSil® (98% de SiO2). O experimento foi conduzido em Guarapuava-PR, durante dois ciclos consecutivos (2010/2011 e 2011/2012). As doses utilizadas foram: 0; 1; 2;4 e 8 g L-1 do produto comercial, aplicadas quinzenalmente. Nos dois ciclos de avaliação, foram observadas reduções de até 85% na incidência da bacteriose com efeito quadrático das doses de silício. Os danos causados pela mariposa oriental, o número de pulgões, o diâmetro e o comprimento de ramos das plantas de ameixeira não foram significativamente influenciados pelas aplicações de SiO2. Quanto ao teor de Si foliar, observou-se efeito linear positivo em função das doses de Si.<hr/>The objective of this study was to evaluate the effect of silicon (Si) applied via foliar in plum trees cv. Pluma 7 for the control of bacterial blight (Xanthomonas arboreal pv. pruni), oriental fruit moth (Grapholita molesta) and green aphid (Myzus persicae), as well as in plant development, in organic management. For this trial it was used the commercial product AgriSil ® (98% SiO2). The experiment was carried out in Guarapuava-PR, Brazil, by two consecutive cycles (2010/2011 and 2011/2012). The doses used were 0, 1, 2, 4 and 8 g L-1 of the commercial product, each two weeks. In both cycles, for the plum bacterial blight, it was verified until 85% incidence reduction, with quadratic effect of silicon doses. For the damage of oriental fruit moth, number of aphids, diameter and length of shoots no significant difference between the doses of SiO2 were found. For Si leaf content, a positive linear effect was verified in function of Si doses. <![CDATA[<b>Diversidade genética intra e interespecífica de pitaya com base nas características físico-químicas de frutos</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000400018&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Neste trabalho, objetivou-se avaliar a diversidade genética intra e interespecífica de 21 acessos de duas espécies de pitaya, Hylocereus undatus (Haw) Britton & Rose e Selenicereus setaceus Salm-Dyck. A. Bereger ex Werderm., com base nas características físico-químicas dos frutos. Foram avaliadas as características: comprimento, diâmetro, sólidos solúveis, massa total da casca e da polpa dos frutos. Com base na média das características físico-químicas de cada acesso, foram calculados índices de distância genética entre cada par de acessos com base na distância euclidiana média padronizada. A partir da matriz de distâncias genéticas, realizaram-se análises de agrupamento por meio de dendograma e dispersão gráfica baseada em escalas multidimensionais. As variáveis analisadas apresentaram diferentes contribuições relativas para a diversidade genética. O diâmetro do fruto foi a variável que teve maior contribuição no índice de diversidade genética (27,45 %), seguido pela massa total do fruto (25,43 %) e pela massa da polpa do fruto (24,67 %). As distâncias genéticas entre os 21 acessos de pitaya variaram entre 2,2 e 540,1. A análise de agrupamento permitiu subdividir os 21 acessos em dois grupos de similaridade genética, Hylocereus e Selenicereus, a uma distância genética relativa de 100. As características físico-químicas dos frutos evidenciaram alta diversidade genética entre os acessos das espécies H. undatus e S. setaceus.<hr/>In this study, the objective was to evaluate the intra and interspecific genetic diversity of 21 accessions of two pitaya species, Hylocereus undatus (Haw) Britton & Rose and Selenicereus setaceus Salm-Dyck. A. Bereger ex Werderm., using the physical and chemical characteristics of the fruits. The characteristics evaluated were length, diameter, soluble solids, total peel and pulp weight. Based on these characteristics, genetic distance index between each pair of accessions were calculated using standardized mean Euclidean distance. From the genetic distance matrix, cluster analysis by dendrogram and graphic dispersion by multidimensional scaling were performed. The characteristics showed different relative contributions to genetic diversity. The fruit diameter was the variable that contributed most for the genetic diversity index (27.45 %), followed by the total mass of the fruit (24.43 %), and mass of fruit pulp (24.67 %). The genetic distances between the 21 pitaya accessions ranged between 2.2 and 540.1. Cluster analysis subdivided 21 accessions in two genetic similarity groups, Hylocereus e Selenicereus, at a genetic relative distance of 100. The physical and chemical characteristics of the fruit showed high genetic diversity among accessions of the species H. undatus and S. setaceus. <![CDATA[<b>Efeito do porta-enxerto e da época de poda na duração das fases fenológicas e no acúmulo de graus-dia pela videira 'Niagara Rosada'</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000400019&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Avaliaram-se a influência dos porta-enxertos 'IAC 766', 'IAC 572', 'IAC 313', 'IAC 571-6' e 'Ripária do Traviú' e da época de poda na duração dos estádios fenológicos e no acúmulo de graus-dia pela videira 'Niagara Rosada'. O experimento foi realizado em Louveira-SP. Os tratamentos consistiram na combinação de cinco porta-enxertos e três épocas de poda, sendo utilizado o delineamento experimental em blocos inteiramente casualizados, com parcelas subdivididas e cinco repetições, sendo as parcelas representadas pelos porta-enxertos,e as subparcelas, pelas épocas de poda. Após a poda da videira, foram realizadas avaliações dos estádios fenológicos, utilizando-se do critério de Eichhon e Lorenz (1984). Nas três épocas de poda, baseado nos estádios fenológicos, calculou-se a duração dos períodos: poda ao início da brotação; poda ao pleno florescimento; poda ao início da frutificação; poda ao início da maturação dos cachos, e poda à colheita. Tomando-se por base a duração do ciclo da videira e as temperaturas médias diárias, calculou-se o acúmulo de graus-dia. Os dados foram submetidos à análise de variância e teste Tukey, a 5% de significância. Obteve-se, na poda de verão, redução na duração dos estádios fenológicos da videira 'Niagara Rosada' enxertada sobre o porta-enxerto 'Ripária do Traviú. A maior duração do ciclo e do acúmulo de graus-dia da cultivar Niagara Rosada foi obtida com os porta-enxertos 'IAC 572' e 'IAC 313' nas podas de inverno.<hr/>It was evaluated the influence of rootstocks 'IAC 766', 'IAC 572', 'IAC 313', 'IAC 571-6' and 'Ripária do Traviú' and the pruning periods in the duration of phenological stages and in the accumulation of degree-days on grape 'Niagara Rosada' .The experiment was conducted in Louveira, SP. The treatments consisted of five rootstocks and three times of pruning, the experimental design being used in a completely randomized split plot with five replications, and plots represented by rootstocks and the subplots were pruning. After pruning the grapevine, were realized evaluations for phenological stages, using the criterion of Eichhon e Lorenz (1984). ). In three seasons of pruning, based on phenological stages, it was calculated the length of the periods: pruning to budding, pruning to the beginning of the flowering, pruning to the beginning of fruiting, pruning to beginning of ripening of the bunches, pruning the beginning of the harvest. Taking as a basis the cycle length of the vine and the average daytime temperatures, it was calculated the accumulation of degree-days. Data were submitted to ANOVA and Tukey test at 5% significance level. It was obtained in the summer pruning the reduction in duration of the phenological stages of 'Niagara Rosada' grafted on the rootstock 'Ripária Traviú'. The longer duration of the cycle and accumulation of degree-day of 'Niagara Rosada' cultivar were obtained with the rootstocks 'IAC 572' and 'IAC 313' pruning in the winter. <![CDATA[<b>Intensidades da poda seca e do desbaste de cacho na composição da uva Cabernet Sauvignon</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000400020&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt A pesquisa foi realizada durante quatro anos, num vinhedo de Cabernet Sauvignon (Vitis vinifera L.), em Bento Gonçalves-RS. O objetivo foi determinar o efeito das intensidades da poda seca e do desbaste de cacho em variáveis relacionadas aos componentes de produção da videira e à composição do mosto de uva. Os tratamentos consistiram em dois níveis de poda seca - curta e longa - e quatro de desbaste de cacho (%) - 0; 25; 50 e 75 -; com cinco repetições. O delineamento experimental foi o em blocos casualizados, com os tratamentos em parcelas subdivididas. Os resultados mostram que a poda seca e o desbaste de cacho tiveram efeito altamente significativo na produtividade do vinhedo que, na média dos quatro anos, variou de 10.971 kg/ha − poda curta, 75% de desbaste − a 32.819 kg/ha − poda longa, 0% de desbaste. Houve, também, efeito significativo na produtividade por gema, peso de ramos podados por gema e por hectare, área foliar/peso fresco do fruto e produtividade/peso de ramos podados. Entretanto, o efeito nas variáveis relacionadas a açúcar e acidez do mosto da uva foi pouco expressivo. O componente 1 da análise de componentes principais discriminou o tratamento poda curta a 75% de desbaste de cacho dos tratamentos poda longa-0% de desbaste e poda longa-25% de desbaste.<hr/>The research was carried out in a Cabernet Sauvignon (Vitis vinifera L.) vineyard during four years in Bento Gonçalves-RS, Brazil. The objective was to determine the effect of the pruning and thinning intensity on the variables related to the grapevine yield components and grape must composition. Treatments consisted of two levels of pruning - short and long - and four levels of thinning (%) - 0, 25, 50 and 75 -; there were five replicates. The experimental design was in a split-plot design. Results show that pruning and thinning had highly significant effect on the vineyard yield which varied from 10,971 kg/ha − short pruning-75% cluster thinning − to 32,819 kg/ha − long pruning-0% cluster thinning − as average of four years. In addition, it was found significant effect on yield per bud, pruning weight per bud and per hectare, leaf area/fresh fruit weight and yield/pruning weight. However, there was a negligible effect on the variables related to sugar and acidity of the grape must. Component 1 of the principal component analysis discriminated short pruning-75% cluster thinning from long pruning-0% thinning and long pruning-25% thinning. <![CDATA[<b>Caracterização morfológica e molecular de genótipos de mangaba</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000400021&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O objetivo do trabalho foi verificar a divergência genética entre 25 genótipos de mangaba da região de Iramaia-Chapada Diamantina-Bahia, utilizando os marcadores morfológicos e os marcadores RAPD. As seguintes aferições foram realizadas nos frutos maduros: diâmetro longitudinal (DL) e transversal (DT), massas do fruto (MF), da semente (MS) e da polpa (MP), rendimento de polpa (%P) e a contagem do número de sementes (NS). Os caracteres químicos avaliados no fruto maduro foram: pH, acidez (Ac), sólidos solúveis totais (SST), ácido ascórbico (AA), açúcar total (ACT) açúcar redutor (ACR), açúcar não redutor (ACNR) e relação sólidos solúveis totais: acidez (SST/Ac). Para a amplificação, foram testados 51 random primers. Os resultados médios das aferições foram: DL (37,03 mm), DT (34,34 mm), MF (24,45 g), MS (2,42 g), MP (22,03 g), e NS (11,14). Para as avaliações químicas, foram verificados os resultados médios: %P (88,44%), AA (80,23 mg 100 g-1), Ac (0,96%), pH (3,67), SST (14,15 ºBrix), ACT (9,26 mg 100 g-1), ACR (5,13 mg 100 g-1), ACNR (4,13 mg 100g-1) e SST/Ac (14,56 mg 100g-1). Oito random primers foram selecionados por apresentarem bandas mais intensas, e seis (OPA 08, OPB 12, OPB 19, OPH 15, OPH 18 e OPH 19) geraram 28 regiões de bandas polimórficas. Dentre os marcadores morfológicos, MF e MP foram os que mais efetivamente contribuíram para a divergência genética. A formação de seis e sete grupos para os marcadores moleculares e morfológicos, respectivamente, indicou a presença de variabilidade genética na população avaliada.<hr/>The objective was to assess the genetic diversity among 25 Mangaba genotypes in the Iramaia-Chapada Diamantina region, Bahia, using morphological markers and RAPD markers. The following measurements were performed in mature fruits: longitudinal (LD) and transverse (TD) diameter, fruit (FM), seed (SM) and the pulp (PM) mass, pulp yield (% P) and the count seed number (SN). The chemical characters were evaluated in mature fruit: pH, acidity (Ac), total soluble solids (TSS), ascorbic acid (AA), total sugar (TS) reducing sugar (RS), non-reducing sugar (NRS) and total soluble solids /acidity (TSS/Ac). For amplification were tested 51 random primers. The average results of the measurements were LD (37.03 mm), TD (34.34 mm), FM (24.45 g), SM (2.42 g), PM (22.03 g), and SN (11.14). For chemical evaluations were checked the average results: % P (88.44%), AA (80.23 mg100g-1), Ac (0.96%), pH (3.67), TSS (14.15 ºBrix) TS (9.26 mg100g-1), RS (5.13 mg100g-1), NRS (4.13 mg100g-1) and TSS/Ac (14.56 mg100g-1). Eight random primers were selected for having more intense bands and six (OPA 08, OPB 12, OPB 19, OPH 15, OPH 18, OPH 19) were sufficient to generate 28 polymorphic bands. Among the morphological markers, FM and PM were the most effectively contributed to divergence. The formation of six and seven groups for molecular markers and morphological, respectively, indicated the presence of genetic variability in the population. . <![CDATA[<b>Desenvolvimento de genótipos de mamoeiro tolerantes à mancha fisiológica</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000400022&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O mamoeiro é uma das fruteiras tropicais de grande impacto na fruticultura brasileira. Os principais entraves à expansão da cultura são a baixa variabilidade genética e a ocorrência de doenças que encarecem a produção. Neste contexto, realizou-se um cruzamento entre os genótipos 'JS12' e 'Golden' na expectativa de se transferir a característica coloração verde-clara da casca dos frutos (característica Golden), associada à tolerância da mancha fisiológica do mamoeiro, do genitor 'Golden' para o genitor 'JS12'. A variação genética entre e dentro das progênies segregantes obtidas foi avaliada na população RC1S1. Três indivíduos possuidores da característica Golden (38RC1S1-11, 30RC1S1-10 e 31RC1S1-10) foram selecionados pela análise de agrupamento. Estas progênies aliam maior proporção genômica do genitor recorrente (JS12) e bons atributos morfoagronômicos, sendo os mais indicados para o avanço das autofecundações e retrocruzamentos em mamoeiro.<hr/>Papaya is a tropical fruit of high impact in Brazilian fruit crop. The main barriers to the expansion of the crop are reduced genetic variability and disease occurrence that results in the more expensive production. In this context it was made a cross between the genotypes ' JS12' and 'Golden' in the expectation of transferring the trait pale green peel of the fruit (Golden trait), associated as tolerant papaya skin freckles from the 'Golden' genitor to the 'JS12' genitor. The population BC1S1 was evaluated for its genetic variation between and within segregating progenies. Three individuals possessing the Golden characteristics (38BC1S1-11, 31BC1S1-10 and 30BC1S1-10-10) were selected. These progenies combine greater genomic proportion of the recurrent parent and good morphoagronomic attributes being the most suitable for the advancement of self pollination and backcrossing in papaya. <![CDATA[<b>Germinação de pólen <i>in vitro</i> e viabilidade polínica em maracujazeiro (<i>Passiflora</i> spp.)</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000400023&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt The use of Passiflora species for ornamental purposes has been recently developed, but little is known about pollen viability and the potential for crossing different species. The objective of this study was to evaluate the pollen viability of six Passiflora species collected from different physiological stages of development through in vitro germination and histochemical analysis using dyes. The pollen was collected in three stages (pre-anthesis, anthesis and post-anthesis). Three compositions of culture medium were used to evaluate the in vitro germination, and two dyes (2,3,5-triphenyltetrazolium chloride, or TTC, and Lugol's solution) were used for the histochemical analysis. The culture medium containing 0.03% Ca(NO3) 4H2O, 0.02% of Mg(SO4 ).7H2O, 0.01% of KNO3, 0,01% of H3BO3, 15% sucrose, and 0.8% agar, pH 7.0, showed a higher percentage of pollen grains germinated. Anthesis is the best time to collect pollen because it promotes high viability and germination. The Lugol's solution and TTC dye overestimated the viability of pollen, as all accessions showed high viability indices when compared with the results obtained in vitro.<hr/>O uso de Passifloras como plantas ornamentais é recente, e por isso pouco se sabe sobre a possibilidade de cruzamento entre diferentes espécies, bem como sobre a viabilidade polínica. O objetivo do trabalho foi avaliar a viabilidade do pólen de seis espécies de maracujazeiro coletados em diferentes estádios de desenvolvimento fisiológico por meio da germinação in vitro, bem como via análise histoquímica, por meio do uso de corantes. O pólen foi coletado em três estádios (pré-antese, antese e pós-antese). Foram comparadas três composições de meios de cultura para avaliar a germinação in vitro, e para a análise histoquímica utilizou-se de dois corantes o 2,3,5-cloreto de trifeniltetrazólio (TTC) e o lugol. O meio de cultura contendo 0,03% de Ca(NO3).4H2O, 0,02% de Mg(SO4).7H2O, 0,01% de KNO3, 0,01% de H3BO3, 15% de sacarose, solidificado com 0,8% de ágar e pH ajustado para 7,0, proporcionou maior percentual de grãos de pólen germinados. O melhor momento de coleta do pólen com relação à melhor viabilidade e à germinação é na antese. O corante TTC e o lugol superestimaram a viabilidade de pólen, já que todos os acessos apresentaram índice de viabilidade alto, quando comparados aos resultados obtidos in vitro. <![CDATA[<b>Características físicas, composição químico-nutricional e dos óleos essenciais da polpa de <i>Caryocar brasiliense</i> nativo do estado de Mato Grosso</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000400024&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O fruto do pequizeiro (Caryocar brasiliense Camb.) apresenta considerável variabilidade em suas características físicas e químicas, segundo a região de origem, e pesquisas com frutos procedentes do Estado de Mato Grosso são escassas na literatura. Neste estudo, foram analisadas as características físicas, a composição químico-nutricional e os constituintes voláteis da polpa de pequi coletado em diferentes locais do Estado de Mato Grosso. Os frutos foram analisados quanto à cor (L*, a*, b*, hº e C*), à massa e ao rendimento do mesocarpo externo, pirênios e polpa. Foram determinados a composição centesimal, os teores de carotenoides totais, o perfil de ácidos graxos e de constituintes voláteis da polpa, e analisada a composição físico-química do solo dos locais de coleta.. Constatou-se que o fruto é composto por 80-85% de mesocarpo externo, 11-15% de pirênios e 4-7% de polpa, que é rica em lipídios (46-51g 100g-1), carotenoides totais (15-27mg 100g-1) - que foram associados à tonalidade e à intensidade da cor (hº e C*) da polpa - e fibra alimentar (8-15g 100g-1). Os principais constituintes voláteis da polpa de pequi foram o hexanoato de etila, (E)-β-ocimeno e octanoato de etila. O isobutirato de alila, 3-hexanol, 4-metil-2-pentanol, mirceno, (Z)-di-hidroapofarnesol, β-eudesmol e (E-E) geranilalinalool foram descritos pela primeira vez nos óleos essenciais da polpa de C. brasiliense. Grande parte da variância total dos voláteis foi explicada pelo conjunto de variáveis do solo, destacando-se o silte, o P e o Mg2+.<hr/>The fruit of pequi tree (Caryocar brasiliense Camb.) presents a considerable variability in both physical and chemical characteristics, according to the sampling region, and research with fruits collected in the state of Mato Grosso are scarce in the literature. In this study, it was analyzed the physical characteristics, the chemical-nutritional composition, and the volatile compounds of pequi pulp, collected from different places of the state of Mato Grosso. The fruits were analyzed according to color (L*, a*, b*, hº and C*), mass and external mesocarp, seed (pyrenes) and pulp yield. The proximate composition, total carotenoid content, fatty acids profile and volatile compounds of the pulp were determined, and the physicochemical composition of the soil was also analyzed. It was found that the fruit is composed by 80-85% of external mesocarp, 11-15% of pyrenes and 4-7% of pulp, that is rich in lipids (46-51g 100g-1), total carotenoids (15-27mg 100g-1) - which were related to the color tonality and intensity (hº and C*) of the pulp - and dietary fiber (8-15g 100g-1). The main volatile compounds of pequi pulp were ethyl hexanoate, (E)-β-ocimene and ethyl octanoate. The allyl isobutyrate, 3-hexanol, 4-methyl-2-pentanol, myrcene, (Z)-dihydroapofarnesol, β-eudesmol and (E-E)-geranyl linalool were described for the first time in C. brasiliense's pulp essential oils. Part of differences on volatile compounds could be explained by the soil variations, especially silt, P, and Mg2+. <![CDATA[<b>Potencial nutricional da farinha de banana verde obtida por secagem em leito de jorro</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000400025&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt This study evaluated the chemical composition of peeled and unpeeled green banana Cavendish (AAA) flour obtained by drying in spouted bed, aiming at adding nutritional value to food products. The bananas were sliced and crushed to obtain a paste and fed to the spouted bed dryer (12 cm height and T = 80 ºC) in order to obtain flour. The flours obtained were subjected to analysis of moisture, protein, ash, carbohydrates, total starch, resistant starch, fiber. The green banana flours, mainly unpeeled, are good sources of fiber and resistant starch with an average of 21.91g/100g and 68.02g/100g respectively. The protein content was found in an average of 4.76g/100g, being classified as a low biological value protein with lysine as the first limiting amino acid. The results showed that unpeeled green banana flour obtained by spouted bed drying can be a valuable tool to add nutritional value to products in order to increase their non-digestible fraction.<hr/>Este estudo avaliou a composição química da farinha de banana verde sem casca e com casca, obtido por secagem em leito de jorro, com o objetivo de agregar valor nutricional a produtos alimentícios. As bananas foram cortados e trituradas para a obteção de uma pasta, sendo esta alimentada no secador leito de jorro (12 cm de altura e T = 80 º C), a fim de obter uma farinha. As farinhas obtidas foram submetidas a análise da umidade, proteína, cinzas, Carboidratos totais, amido total, amido resistente, e fibras. As farinhas de banana verde, principalmente com casca, são boas fontes de fibras e amido resistente, com uma média de 21,91g/100g e 68,02g/100g respectivamente. O teor médio de proteína encontrado foi para 4,76g/100g, sendo classificada como uma proteína de baixo valor biológico, tendo a lisina como o primeiro aminoácido limitante. Os resultados mostraram que a farinha de banana verde com casca obtida por secagem em leito de jorro pode ser uma ferramenta valiosa para agregação de valor nutricional aos produtos, a fim de aumentar a sua fracção não digerível. <![CDATA[<b>Recuperação de compostos bioativos a partir do bagaço de uva</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000400026&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt As indústrias de frutas destacam-se pelo volume de resíduo gerado e, principalmente, pela composição dos mesmos. O Brasil vem-se consolidando como um importante produtor mundial de suco de uva, gerando grande quantidade de resíduos diversos, como o bagaço, que corresponde a aproximadamente 20% da fruta processada. O bagaço constitui-se de casca e semente, e apresenta uma composição rica e heterogênea em compostos fenólicos (flavonoides e não flavonoides), razão pela qual foi empregado como matéria-prima no presente trabalho para a obtenção de um extrato bioativo. As extrações enzimática e etanólica foram avaliadas para a recuperação destes compostos para fins alimentícios. Dentre as condições avaliadas nos dois planejamentos experimentais, a extração hidroetanólica foi mais eficiente na recuperação dos compostos bioativos (p< 0,01), cujo extrato apresentou uma capacidade antioxidante de 1.965 µmol Trolox por 100 g de bagaço, 25% superior à do extrato obtido com a melhor condição enzimática (1.580 µmol Trolox por 100 g de bagaço).<hr/>Fruit industries are highlighted by the residue amount and especially, for its composition. Brazil thereby is consolidating as an important grape juice producer, generating a large amount of diverse residues like grape pomace, which corresponds around 20% of total fruit processed. Grape pomace is constituted by seeds and peel and presents rich and heterogeneous composition in phenolic compounds (flavonoids and non flavonoids), reason why it was employed as raw material to obtain a bioactive extract in this study. Enzymatic and ethanolic extractions were evaluated to recover these compounds as they are able for application in food products. Between the evaluated conditions in both experimental design, ethanolic extraction was more efficient for the recovery of bioactive compounds (p<0,01), which extract presented an antioxidant activity of 1.965 µmol Trolox per 100 g of grape pomace, 25% higher than the extract obtained in the better enzymatic extraction (1.580 µmol Trolox per 100 g of grape pomace). <![CDATA[<b>Avaliação da morfologia interna de sementes de <i>Acca sellowiana</i> O. Berg por meio de análise de imagens</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000400027&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Acca sellowiana O. (Berg) Burret é uma fruteira nativa da região Sul do Brasil e do Uruguai, que apresenta grande potencial de uso na recuperação de áreas degradadas. O objetivo deste trabalho foi avaliar a morfologia interna de sementes de Acca sellowiana O. Berg por meio da análise de imagens de raios X e relacionar os resultados com a germinação das sementes. Sementes de Acca sellowiana O. Berg, representadas por três lotes, foram analisadas pelo teste de raios X e, posteriormente, conduzidas ao teste de germinação, com avaliação aos 44 dias após a semeadura. As imagens de raios X foram analisadas com o software ImageJ. A análise das imagens radiográficas de sementes de Acca sellowiana permite a mensuração das áreas internas livres, assim como a determinação da relação entre estas e a germinação. Danos internos detectados por meio de raios X afetam a germinação das sementes.<hr/>Acca sellowiana O. (Berg ) Burret is a species native from southern of Brazil and Uruguay which has great potential for use in the recovery of native forests and degraded areas. The aim of this study was to evaluate the morphology of Acca sellowiana O. Berg seeds by analysis of X-ray images and correlate the results with seed germination. Acca sellowiana O. Berg seeds, represented by three lots, were analyzed by X-ray test and later the same seeds were submitted to the germination test, with assessment at 44 days after sowing. X-ray images were analyzed with ImageJ software. X-ray test allows Acca sellowiana internal morphology seeds visualization. Seed image analysis allows the measurement of internal seed areas and assists in the study of relationships between seed morphology and germination. The seed internal free space and the presence of damages can affect germination. <![CDATA[<b>Avaliação nutricional, produção e incidência do mal-do-panamá em bananeira 'Prata-Anã' (AAB) adubada com K, no quarto ciclo</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000400028&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O presente trabalho teve como objetivos estimar a dose de K para obter a máxima eficiência física e econômica, estimar o nível crítico foliar de K e relacionar o equilíbrio nutricional da bananeira 'Prata-Anã' com a incidência de plantas com mal-do-panamá no 4º ciclo. O experimento foi realizado em Latossolo Vermelho-Amarelo (LVA), textura média, na região semiárida do norte de Minas Gerais, Brasil. Os tratamentos consistiram nas aplicações de quatro doses de K (0; 400; 800 e 1.200 kg ha-1 ano de K2O). Estes foram distribuídos em blocos ao acaso, com cinco repetições. A adubação com K promoveu aumento na produção da bananeira no 4º ciclo. A máxima eficiência física (31 Mg ha-1) e a econômica (30,5 Mg ha-1) foram obtidas com as aplicações de 969 e 707 kg ha-1 ano-1 de K2O, respectivamente. Os níveis críticos foliares de K obtidos foram 29,5 e 27,1 g kg-1, para a máxima eficiência física e econômica, respectivamente. O aumento das doses de K proporcionou melhor equilíbrio nutricional à bananeira e reduziu a porcentagem de plantas infestadas com o mal-do-panamá.<hr/>The objective of the present study were to estimate the rates of K to obtain the maximum physical and economic efficiency, determine the critical level of leaf K and to relate the nutritional balance of banana 'Prata Anã' with the incidence of plants with Panama disease in the 4th cycle. The experiment was conducted in an oxisol, medium texture, in the semi-arid region in the northern of the State of Minas Gerais, Brazil. The treatments consisted of four rates of K (0, 400, 800 and 1200 kg ha-1 yr-1 of K2O.) These were distributed in randomized blocks with five replications. Fertilization with K increased the production of banana in the 4th cycle. The maximum physical efficiency (31.0 Mg ha-1) and economic (30.5 Mg ha-1) were obtained with the application of 969 and 707 kg ha-1 yr-1 of K2O, respectively. The critical levels of leaf K obtained were 29.5 and 27.1g kg-1 for the maximum physical efficiency and economic, respectively. The increase in rates of K provided a better nutritional balance in the banana and reduced the percentage of plants infested with Panama disease. <![CDATA[<b>Deficiências nutricionais de macronutrientes e sódio em mudas de pupunheira</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000400029&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O cultivo da pupunheira (Bactris gasipaes Kunth) tem aumentado em função da crescente demanda por seus produtos, entretanto são reduzidos os estudos, bem como o conhecimento sobre as exigências de nutrientes da espécie. O objetivo foi avaliar os sintomas de deficiência nutricional, a produção de matéria seca, o teor e o acúmulo de nutrientes em mudas de pupunheira, em razão da omissão de macronutrientes e Na. O experimento foi realizado em casa de vegetação utilizando mudas em vasos distribuídos em delineamento de blocos casualizados. Os tratamentos foram: solução nutritiva completa; omissão de N, P, K, Ca, Mg, S e Na. As omissões promoveram alterações morfológicas na parte aérea e nas raízes caracterizadas por sintomas visuais facilmente interpretáveis. Os elementos N, P e K foram os mais limitantes, já S e Na os menos limitantes à produção de matéria seca das folhas, caule, raízes, parte aérea e total da planta. A relação da matéria seca da parte aérea/raiz foi K>Mg>Ca =P e P=completo=S=Na>N, e o crescimento relativo foi decrescente no sentido Completo>Na>S>Ca>Mg>K>P>N. Os teores e acúmulos de nutrientes seguiram a ordem predominante N>K>Ca>P>Mg>S>Na. As omissões causaram sintomas típicos aos observados em outras espécies. A matéria seca e o crescimento relativo foram mais limitados pelo N, P e K, sendo que o K, Mg, Ca e P restringiram mais as raízes, enquanto os outros nutrientes limitaram mais a parte aérea. A ausência de Na reduziu o crescimento relativo em 10,6%, o que demonstra a importância do elemento para a pupunheira. Os nutrientes em maiores quantidades na espécie foram o N, K e Ca.<hr/>The peach palm (Bactrisgasipaes Kunth) cultivation has increased according to increasing demand of its products; however there are few studies, as well as knowledge about nutritional requirement of this specie. The objective was to evaluate the nutritional symptoms deficiencies, dry matter production, nutrient content and accumulation in peach palm seedlings, according to macronutrients and Na omission. The experiment was realized in greenhouse in randomized blocks design. The treatments were: complete nutrient solution; omission of N, P, K, Ca, Mg, S and Na. The omissions promoted morphological alterations in shoots and roots characterized by visual symptoms easily interpretable. The elements N, P and K were the most limiting and the S and Na were the least limiting to leaves, stem, roots, shoots and total dry matter. The shoot/root relationship was K>Mg>Ca=P and P=complete=S=Na>N and the relative growth was complete>Na>S>Ca>Mg>K>P>N. The nutrient contents and accumulations follow mainly the sequence N>K>Ca>P>Mg>S>Na. The omissions caused symptoms typical to those observed in other species. The dry matter and relative growth were most limiting by N, P and K. The K, Mg, Ca and P were most limiting to roots and others nutrients were most limiting to shoots. The Na was important to peach palm, in the absence of Na of growth on reduced 10.6%. The nutrients in higher amounts in the specie are N, K and Ca. <![CDATA[<b>Estado nutricional, vigor e produção em videiras cultivadas com plantas de cobertura</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000400030&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Espécies perenes ou anuais de plantas de cobertura podem ser cultivadas em vinhedos para proteger a superfície do solo e também controlar a disponibilidade de água e nutrientes à videira. O trabalho objetivou avaliar o estado nutricional, o vigor e a produção de uva em videiras consorciadas com espécies anuais e perenes de plantas de cobertura submetidas a dois manejos. O experimento foi conduzido nas safras de 2009/2010 e 2010/2011, em vinhedo da cultivar Cabernet Sauvignon, em São Joaquim (SC), sobre um Cambissolo Húmico Distrófico. Os tratamentos foram: testemunha, caracterizado pela presença de plantas espontâneas controladas por dessecação na linha e por roçadas nas entrelinhas; a espécie perene de planta de cobertura, festuca (Festuca arundinacea); duas sucessões de espécies anuais, azevém-moha (Lolium multiflorum-Setaria italica) e aveia-branca trigo-mourisco (Avena sativa-Fagopyrum esculentum); e dois tipos de manejo das plantas, com e sem transferência do resíduo produzido na linha para a entrelinha das videiras. Foram coletadas folhas completas no pleno florescimento e na mudança da cor das bagas para análise dos teores totais de N, P, K, Ca e Mg. Determinaram-se o comprimento dos ramos e de seus entrenós, a massa dos ramos podados e calculou-se o índice de Ravaz. Na colheita, foram determinados o comprimento, largura e massa de cachos, a produção de uva por planta e a massa de 100 bagas. As videiras consorciadas com espécies de plantas de cobertura anuais apresentaram maior teor de N total nas folhas na floração, maior vigor e produção de uva. O manejo das plantas de cobertura, mediante transferência dos resíduos culturais da linha de videiras para a entrelinha, não afetou o vigor da videira nem a produção de uva, mas diminuiu o teor total de N nas folhas, na fase da floração. O cultivo da festuca como cobertura do solo do vinhedo pode ser uma alternativa eficaz para se diminuir o vigor da videira.<hr/>Perennial or annual species of cover crops can be grown in vineyards to protect the soil surface and to reduce the availability of water and nutrients to the vine. The study aimed to evaluate the nutritional status, vigour and yield of grapevines intercropped with some species of cover crops under two different managements. A field experiment was conducted for two years, 2009 through 2011, in a vineyard of cv Cabernet Sauvignon in a Haplumbrept soil. The following treatments were evaluated: a control, where weeds were controlled by chemical drying in the grapevine row and by mowing in the inter row; a perennial species, tall fescue (Festuca arundinacea); two sequences of annual species, ryegrass-moha (Lolium multiflorum-Setaria italica) and oat-buckwheat (Avena sativa-Fagopyrum esculentum); and two types of crop residues management, with and without its transfer of the grapevine row to the inter row. The grapevine leaves were sampled at flowering and at berries softening stages for analysis of N, P, K, Ca and Mg contents. It was determined the branches and internodes lengths, branches pruned mass, grape bunches length, width and mass, yield per plant and the weight of 100 berries and it was also calculated the Ravaz index of the grapevines. Grapevines intercropped with succession of annual cover crops showed higher total N content in leaves at flowering, vigour and grape yield. The transfer of the crop residue from the row to the inter row, did not affect the grapevine vigour and yield, but decreased the total content of N in the leaves at flowering. The tall fescue as soil cover crop in vineyard can be an effective alternative to reduce the vigor of the grapevine. <![CDATA[<b>Conservação pós-colheita de pinha com uso de 1-metilciclopropeno</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000400031&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt A aplicação de novas tecnologias torna-se necessário para aumentar o período de comercialização da pinha (Annona squamosa ) que apresenta alta perecibilidade e vida útil curta. Com o objetivo de retardar a evolução do amadurecimento, as pinhas foram tratadas com 1-metilciclopropeno (1-MCP) nas concentrações de 0; 200; 400 e 600 nL L-1, durante 8 horas, a 25ºC. Posteriormente, os frutos foram armazenados a 15ºC, durante 21 dias. Em intervalos de sete dias, amostras foram retiradas da câmara para análises quanto à firmeza, perda de massa fresca, coloração (cromaticidade e ºHue), pH, sólidos solúveis (ºbrix), acidez titulável, relação sólidos solúveis/acidez titulável, teor de amido, açúcares totais, açúcares redutores e sacarose. Não houve efeito significativo dos tratamentos quanto ao pH, sólidos solúveis, acidez titulável, relação sólidos solúveis/acidez titulável, perda de massa fresca e sacarose, somente efeito de tempo de armazenamento. A acidez titulável não apresentou modelo estatístico que explicasse o efeito da época de armazenamento. Houve interação significativa da concentração de 1-MCP e dos dias de armazenamento em relação à firmeza, coloração, teor de amido, açúcares totais e açúcares redutores. Quanto maior a dose de 1-MCP aplicado, mais lenta foi a evolução do amadurecimento, sendo que a concentração de 600 nL L-1 foi a que melhor retardou o amadurecimento .<hr/>The application of new technologies is necessary to increase the marketing period of 'pinha' (Annona squamosa), which is highly perishable and presents short shelf life. Aiming at retarding the maturation evolution, 'pinhas' were treated with 1-methylcyclopropene (1-MCP) at concentrations of 0, 200, 400 and 600 nL L-1 during 8 hours at 25ºC. Then, the fruits were stored at 15ºC for 21 days. The fruits were taken from the chamber at 7-day intervals to be analyzed as to firmness, weight loss, color (chromaticity and ºHue), pH, total soluble solids, titratable acidity, soluble solids/acidity relation, starch content, total sugars, reducing sugars and sucrose. There was no significant effect of the treatments on pH, soluble solids, titratable acidity, solid soluble/titratable acidity relation, fresh mass loss or sucrose, but there was only the effect of the time of storage. The titratable acidity did not present a statistical model to explain the effect of the time of storage. There was a significant interaction of the concentration of 1-MCP and the days of storage in relation to firmness, color, starch content, total sugars and reducing sugars. The higher the dose of 1-MCP applied, the slower the maturation evolution. The concentration of 600 nL L-1 was the best to retard maturation and extend the shelf life of custard apple. <![CDATA[<b>Controle de moscas-das-frutas (diptera: tephritidae) em cultivo orgânico de ameixa pelo ensacamento dos frutos com diferentes materiais</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000400032&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Considerando a importância das moscas-das-frutas para a fruticultura e a importância da fruticultura de caroço para o Estado de São Paulo, foi instalado experimento em cultivo comercial no município de Jundiaí-SP, com o objetivo de avaliar a eficiência do ensacamento de ameixas em cultivo orgânico. Os tratamentos utilizados foram: testemunha (sem proteção), sacolas de papel branco impermeável, sacolas de tecido não tecido (TNT) branco, de diferentes dimensões, e sacolas de polipropileno microperfuradas transparentes. O ensacamento dos frutos foi efetuado em 30-09-2011, quando eles apresentavam cerca de um a dois centímetros de diâmetro, em pomar que não recebeu nenhum tratamento fitossanitário para controle de moscas. A colheita dos frutos foi realizada em 30-12-2011, e os frutos avaliados em relação à coloração e à perda pelo ataque de moscas, na colheita e na pós-colheita. Todos os tratamentos avaliados controlaram a mosca-das-frutas, destacando-se o TNT, com apenas 4% de infestação dos frutos, podendo-se concluir ser este material eficiente para redução de perdas, podendo viabilizar o cultivo orgânico da ameixa.<hr/>Considering the importance of fruit flies for fruit growing to the state of São Paulo, a field trial was carried out in a private property in Jundiaí, SP, Brazil, in order to evaluate the efficiency of bagging the plums in organic farming. The treatments were: control (unbagged fruits); waterproof paper bags, white tissue non-tissue (TNT), of different sizes, and transparent polypropylene microperfurated bags. The fruits were bagged on 09/30/2011 when the plums had one to two inches in diameter in an orchard that received no treatment to control flies. The harvest was held on 12/30/2011, and the fruits were evaluated for staining and loss due to flies attack, at harvest and post-harvest. All treatments controlled the fruit flies with emphasis on TNT, with only 4% infestation in fruits, concluding that this material is effective in reducing losses and may enhance growing organic plum. <![CDATA[<b>Nutrição mineral e qualidade do fruto de algumas frutíferas tropicais</b>: <b>goiabeira, mangueira,bananeira e mamoeiro</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000400033&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt A qualidade dos frutos é o resultado da somatória da ação de vários fatores, em especial do efeito individual e combinado dos nutrientes. O adequado atendimento das exigências nutricionais faz com que as plantas frutíferas possam expressar todo seu potencial genético. Sendo assim, nas fruteiras tropicais, têm sido feitas pesquisas para avaliar os efeitos dos nutrientes minerais sobre a qualidade dos frutos; porém as mesmas aparecem dispersas. O objetivo desta revisão foi compilar e apresentar informações sobre os efeitos dos nutrientes minerais na qualidade dos frutos da goiabeira, da mangueira, da bananeira e do mamoeiro. Assim, são apresentadas informações sobre a influência dos elementos essenciais na cor, aroma, forma, tamanho, aparência, resistência à penetração, incidência de doenças, desordens fisiológicos, características físico-químicas e vida útil da pós-colheita dos frutos.<hr/>Fruit quality is the result of the action of several factors, in particular the individual and combined effect of mineral nutrients. The proper evaluation of mineral nutritional requirements causes that fruit plants can express all their genetic potential. Thus, a research has been conducted in tropical fruit, for evaluating the influence of mineral nutrients on fruit quality; however, they appear dispersed. The objective of this review was to compile and report the effects of mineral nutrients on fruit quality of guava, mango, banana and papaya. Consequently, information about the influence of the essential elements in color, flavor, shape, size, appearance, penetration resistance, physiological disturbs disease incidence, physicochemical characteristics and lifetime of post - harvest fruit are presented.