Scielo RSS <![CDATA[Revista Brasileira de Fruticultura]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=0100-294520180001&lang=pt vol. 40 num. 1 lang. pt <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <![CDATA[AVALIAÇÃO DA ATIVIDADE HEMOAGLUTINANTE E INIBIDORA DE ENZIMAS DIGESTÓRIAS DE EXTRATOS OBTIDOS DE DIFERENTES PARTES DA ATEMOIA]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452018000100101&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT The benefits of various foods, such as fruits and vegetables, have been the focus of several studies aimed at improving welfare, health, and reducing the incidence of diseases. Therefore, the present paper objectified to investigate the presence of molecules of biotechnological and pharmacological interest in peel, seed, and pulp of Annona x atemoya Mabb. Aqueous extracts of the fruit parts were obtained with different buffers and assessed as to their protein and phenolic compounds content. The three parts of the fruit presented different proportions of these compounds when subject to different extraction conditions, with the highest concentrations of proteins being found in the seed and phenolic compounds in the peel of the studied fruit. Bioactive proteins (protease inhibitors and lectins) were detected through inhibitory tests for trypsin and chymotrypsin and hemagglutinating activity tests with human erythrocytes. A variation of 400 to 9600 inhibition units for the trypsin in the analyzed extracts, whereas for chymotrypsin a variation of 200 to 2500 in the inhibition units for the three fruit parts, considering the different extraction conditions were identified. The extracts obtained from the seeds and the peel presented titers higher than 0.9 hemagglutination units, suggesting that the by-products from the processing of A. x atemoya are potential sources of bioactive molecules.<hr/>RESUMO Os benefícios de diversos alimentos, como frutas e hortaliças, têm sido foco de vários estudos que visam a melhorar o bem-estar, a saúde e a reduzir a incidência de doenças. Dessa forma, no presente estudo, averiguou-se a presença de moléculas de interesse biotecnológico e farmacológico em casca, semente e polpa de Annona x atemoya Mabb. Extratos aquosos das três partes do fruto foram obtidos com diferentes tampões e avaliados quanto a seu conteúdo de proteínas e compostos fenólicos. As três partes do fruto apresentaram proporções diferentes destes compostos quando submetidos a distintas condições de extração, sendo que as maiores concentrações de proteínas foram encontradas na semente, e as de fenólicos na casca, do fruto estudado. Proteínas bioativas (inibidores de proteases e lectinas) foram detectadas por ensaios inibitórios para tripsina e quimotripsina, e ensaios de atividade hemaglutinante com eritrócitos humanos. Identificou-se variação de 400 a 9.600 unidades de inibição para a tripsina nos extratos analisados; já para a quimotripsina foi vista variação nas unidades de inibição de 200 a 2.500 unidades nas três partes do fruto e nas diferentes condições de extração. Os extratos obtidos das sementes e da casca apresentaram títulos superiores a 0,9 unidades de hemaglutinação, sugerindo que os resíduos do processamento de produtos derivados de A. x atemoya são potenciais fontes de moléculas bioativas. <![CDATA[DIFERENTIAL EXPRESSED SEQUENCE TAGS OF MEXICAN RACE AVOCADO FRUITS (<em>Persea americana</em> Mill. var. <em>drymifolia</em>)]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452018000100102&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt RESUMEN En este estudio se desarrollaron e identificaron etiquetas de secuencias expresadas diferencialmente (ESTs) de frutos inmaduros de Persea americana Mill. var. drymifolia del estado de Nuevo León, México. Diez genotipos con frutos de forma y tamaño diferentes fueron seleccionados para generar ESTs por la técnica de despliegue diferencial.Se obtuvieron en total 393 fragmentos diferenciales amplificados, 82 fragmentos diferenciales fueron secuenciados y editados para identificación y comparación en las bases de datos para nucleótidos y proteínas del NCBI. Cuarenta secuencias mostraron similitud significativa con secuencias de ARNm y/o secuencias de proteínas hipotéticas o predichas pertenecientes a P. americana y/o a otros géneros. Algunas secuencias estuvieron relacionadas a enzimas como flavanona-3-hidroxilasa (F3H), lecitina-colesterol aciltransferasa, glutatión-S-transferasamicrosomal y proteína pleiotrópica de resistencia a drogas. Con la información de la composición nucleotídica de las ESTs se podrán diseñar iniciadores para cuantificar niveles de expresión por RT-PCR en tiempo real de los genes, en diferentes etapas fenológicas del fruto y hacer comparaciones entre los genotipos que permitan determinar usos alternos de sus frutos.<hr/>ABSTRACT In this study, Differential Expressed Sequence Tags (ESTs) of immature fruits of Persea americana Mill var. drymifolia of the state of Nuevo León, Mexico were developed and identified. Ten genotypes with fruits of different size and shape were selected to generate ESTs by the differential display technique. In total, 393 amplified differential fragments were obtained, 82 fragments were sequenced and edited for identification and comparison with NCBI nucleotide and protein databases. Forty sequences showed significant similarity to mRNA sequences and / or sequences of hypothetical or predicted proteins belonging to P. americana and / or other genera. Some sequences were related to enzymes such as flavanone-3-hydroxylase (F3H), lecithin-cholesterol acyltransferase, glutathione-S-transferase microsomal and pleiotropic drug resistance protein. With the information of the nucleotide composition of ESTs, primers could be designed to quantify expression levels by real-time RT-PCR of genes in different phenological stages of the fruit and to make comparisons among genotypes that allow determining alternative uses of their fruits. <![CDATA[ETHEPHON E CLORETO DE CÁLCIO, UMA COMBINAÇÃO QUE PROMOVE A MELHORIA DA COR DE UVAS ‘RUBI’]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452018000100103&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT ‘Rubi’ table grape has wide acceptance of the consumer market due to its affordable price and attractive color as a function of the accumulation of anthocyanins. However, environmental conditions do not always favor the suitable accumulation of these pigments, resulting in commercial devaluation and nutritional depreciation of fruits. Thus, the present study aimed to investigate the effect of application of different ethephon concentrations, associated or not with CaCl2 application, on the skin color and quality of ‘Rubi’ grape berries. First, specific traits of berries treated with 0, 200, 400, 600, 800 mg L-1 ethephon associated with 1.5% CaCl2 solution were evaluated and pH, titratable acidity (TA), soluble solids (SS), berry firmness, total and reducing soluble sugars, and anthocyanin and flavonol levels were analyzed. This first stage of evaluation revealed no changes in total sugar levels, firmness, SS, TA, SS/TA ratio, and flavonol levels, while changes were detected regarding reducing sugar and anthocyanin levels. Thus, in the second stage, the following variables were evaluated: SS, TA, reducing sugar levels, anthocyanin levels, phenylalanine ammonia lyase (PAL) and glutathione S-transferase (GST) activity of ‘Rubi’ grape berries treated with 0, 200, 400, 600, 800 mg L-1 ethephon, associated or not with 1.5% CaCl2 solution. The results of the present study indicate that ethephon associated with CaCl2 can contribute to improve the post-harvest quality of ‘Rubi’ grape, since this association increased the accumulation of anthocyanins due to the higher activity of PAL and GST, related to biosynthesis and storage of antocyanins, respectively, and increased the levels of reducing sugars (at low ethephon concentrations), not changing other quality aspects. Therefore, a single ethephon application from 200 mg L-1 associated with the application of 1.5% CaCl2 at the final ripening stage, when bunches present from 30 to 50% skin color coverage, was sufficient to produce satisfactory results regarding skin color improvement of ‘Rubi’ grape berries.<hr/>RESUMO A uva fina de mesa ‘Rubi’ destaca-se pela grande aceitação do mercado consumidor devido ao preço acessível e à sua cor atrativa, consequência do acúmulo de antocianinas. No entanto, nem sempre as condições ambientais favorecem o adequado acúmulo desses pigmentos, acarretando na desvalorização comercial e nutricional desses frutos. Desta forma, o presente estudo objetivou investigar o efeito da aplicação de diferentes concentrações de ethephon, associadas ou não à aplicação de CaCl2, na cor e qualidade de bagas de uva ‘Rubi’. Primeiramente, foram avaliadas as características específicas de bagas tratadas com 0; 200; 400; 600 e 800 mg L d-1e ethephon associado à solução de CaCl2 1,5% - pH, acidez titulável (AT), sólidos solúveis (SS), firmeza das bagas, açúcares solúveis totais e redutores e terores de antocianinas e flavonóis. Esta primeira etapa de avaliação não revelou mudanças nos teores de açúcares totais, firmeza, SS, AT, ratio (SS/AA) e flavonóis, enquanto mudanças foram detectadas para teores de açúcares redutores e antocianinas. Desta forma, numa segunda etapa, foram investigadas (ao longo do tempo) algumas características (SS, AT, teores de açúcares redutores e de antocianinas e atividade das enzimas fenilalanina amônia liase (PAL) e glutationa S-transferase (GST)) de bagas de uva ‘Rubi’ tratadas com 0; 200; 400; 600 e 800 mg L-1 de ethephon associado ou não à solução de CaCl2 1.5%. Os resultados do presente estudo indicam que o ethephon associado ao CaCl2 pode contribuir para uma alta qualidade pós-colheita de uvas ‘Rubi’ em função do maior acúmulo de antocianinas em consequência da maior atividade das enzimas PAL e GST, relacionadas à biossíntese e ao armazenamento de antocianinas, respectivamente, e aos maiores teores de açúcares redutores (sob baixas concentrações de ethephon), sem alterar outros aspectos de qualidade. Portanto, uma única aplicação de ethephon, a partir da concentração de 200 mg L-1, associada à aplicação de CaCl2 1,5% no período final de maturação, quando as bagas apresentam de 30 a 50% de cobertura de cor, é suficiente para produzir resultados satisfatórios na melhoria de cor de bagas da uva ‘Rubi’. <![CDATA[FATORES QUE AFETAM A FENOLOGIA DE DIFERENTES VARIEDADES DE <em>Citrus</em> EM CLIMA TEMPERADO DE SANTA FÉ, ARGENTINA]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452018000100201&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT The aim of this study was to characterize the phenology of different sweet orange, tangerines and tangerine hybrid varieties growing under the temperate climate conditions of Santa Fe Province, Argentina. Phenological stages were observed weekly during five consecutive years using a BBCH (Biologische Bundesanstalt, Bundessortenamt and Chemical industry) scale adapted for Citrus trees. All varieties showed a winter rest period from June to August. ‘New Hall’ and ‘Navelina’ varieties were the first to reach sprouting stage, whereas ‘Okitsu’ was the last. Inception of flowering occurred from August 13th to September 6th; and full bloom from September 12th to October 2nd. Fruit harvest started with the ‘Okitsu’ cultivar in March, and continued over a 7-month period. Interannual variation for inception of sprouting was high (44 days), and sprouting was correlated with both thermal accumulation (above 13ºC) and the amount of solar radiation measured during July (p&lt;0.0001; r2=0.79). Navel oranges and the ‘Murcott’ hybrid bloomed 5–15 days earlier than other varieties, increasing probability of damage by late frosts.<hr/>RESUMO O objetivo deste trabalho foi caracterizar o comportamento fenológico das diferentes variedades de laranja-doce, tangerinas e híbridos de tangerina que crescem em condições de clima temperado. Os estádios fenológicos foram observados semanalmente, durante cinco anos consecutivos, usando uma escala BBCH (Federal Biological Research Centre for Agriculture and Forestry) adaptada para citros. Todas as variedades apresentaram um período de repouso invernal entre junho e agosto. As primeiras variedades no início de brotação foram ‘New Hall’ e ‘Navelina’, e a última foi ‘Okitsu’. O início da floração ocorreu no período de 13 de agosto a 6 de setembro, e do dia 12 de setembro até 2 de outubro observou-se a plena floração. A colheita dos frutos foi iniciada em março com a cv. ‘Okitsu’ e foi estendida durante sete meses com as outras variedades. A variação interanual na época do início da brotação foi elevada (44 dias), e seu tempo de ocorrência foi correlacionado com o acúmulo térmico (acima 13ºC) e a quantidade de radiação solar durante julho (p&lt;0.0001; r2=0.79). As laranjeiras-de-umbigo e o híbrido ‘Murcott’ apresentaram uma antecipação na floração de 5 a 15 dias, o que pode aumentar a probabilidade de danos ocasionados por geadas tardias. <![CDATA[EFEITO DE PRODUTOS CONVENCIONAIS E ALTERNATIVOS NO CONTROLE DE DOENÇAS PÓS-COLHEITA DO ABACATE]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452018000100301&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT Postharvest diseases constitute a serious problem for avocado commercialization. Thus, the present study aimed to evaluate the effect of conventional and alternative products in controlling diseases affecting ‘Hass’ avocados in the field and in the postharvest by carrying out physicochemical characterization of fruits subjected to postharvest treatments. In the field, besides the management adopted by the farmer, seven products were sprayed three times during fruiting for evaluation. Postharvest products were diluted in water or in oxidized polyethylene wax and shellac. Water treatments with potassium phosphite, Soil-Set®, chlorine dioxide, thyme essential oil, sodium bicarbonate, lemon grass essential oil and thiabendazole reduced the incidence of diseased fruits, and anthracnose, the main disease, was controlled with sodium bicarbonate, lemon grass essential oil and thiabendazole. Greater soluble solids content was found for control (water), chlorine dioxide, acibenzolar-S-methyl and thiabendazole. For the products that reduced anthracnose, there was no correlation between the disease and the physicochemical parameters, evidencing that the disease control is not associated with delayed ripening. For wax treatments, diseases were not controlled, and the fruits presented lower titratable acidity with thyme essential oil, sodium bicarbonate, control (wax), acibenzolar-S-methyl and lemon grass essential oil. Control and thyme essential oil were highlighted for maintaining the green coloration of the fruit skin for the shortest period. Under field conditions, azoxystrobin, thiabendazole, difenoconazole+azoxystrobin and acibenzolar-S-methyl+azoxystrobin reduced the occurrence of diseased fruits, while anthracnose control was only obtained with azoxystrobin.<hr/>RESUMO Um dos grandes problemas na comercialização de abacates é a incidência de doenças pós-colheita. Objetivou-se avaliar o efeito de produtos convencionais e alternativos no controle de doenças em abacates ‘Hass’, em condições de campo e em pós-colheita, realizando a caracterização físico-química nos frutos submetidos aos tratamentos pós-colheita. No campo, em adição ao manejo do produtor, foram avaliados sete produtos, pulverizados três vezes durante a frutificação. Os produtos em pós-colheita foram diluídos em água ou em cera de polietileno oxidada e goma laca. Os tratamentos em água com fosfito de potássio, Soil-Set®, dióxido de cloro, óleo essencial de tomilho, bicarbonato de sódio, óleo essencial de capim limão e tiabendazol reduziram a incidência de frutos doentes, sendo a antracnose, principal doença, controlada com bicarbonato de sódio, óleo essencial de capim limão e tiabendazol. Maior teor de sólidos solúveis foi constatado nos tratamentos água, dióxido de cloro, acibenzolar-S-metílico e tiabendazol. Os produtos que reduziram a antracnose não apresentaram correlação entre a incidência da doença com os parâmetros físico-químicos, evidenciando que o controle não está associado ao atraso no amadurecimento. Nos tratamentos em cera não ocorreu controle das doenças, sendo observado menor acidez titulável com óleo essencial de tomilho, bicarbonato de sódio, controle (cera), acibenzolar-S-metílico e óleo essencial de capim limão. Os tratamentos controle e óleo essencial de tomilho destacaram-se pela menor manutenção da coloração verde da casca dos frutos. Em condições de campo, os produtos azoxistrobina, tiabendazol, difenoconazol+azoxistrobina e acibenzolar-S-metílico+azoxistrobina, reduziram a ocorrência de frutos doentes, sendo que controle da antracnose ocorreu apenas com azoxistrobina. <![CDATA[FONTES DE RESISTÊNCIA A <em>Fusarium oxysporum</em> f. sp.IN BANANA GERMOSPLASMA]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452018000100401&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT Fusarium wilt (syn= Panama disease), caused by Fusarium oxysporum f. sp. cubense (FOC), is one of the most destructive diseases of banana, being genetic resistance the main management strategy for this disease. Since the pathogen is constantly evolving to supplant the genetic resistance, new sources of resistance must be investigated by genetic improvement programs aiming to developing new varieties. The objective of the present study was to identify sources of resistance from the different accessions maintained in the banana active germplasm bank (BAGB) at Embrapa Mandioca e Fruticultura. Forty-one BAGB accessions were evaluated, including 17 diploids, 21 triploids, and two tetraploids. The area under the disease progress curve, disease index, and incubation period were also evaluated. In relation to FOC resistance, there is genetic variability available among the BAGB accessions. The genotype M53 is notable for the complete resistance it expressed, and the accessions Birmanie, PA Songkla, Pirua, Imperial, Poyo, Ambei, Walebo, and Kongo FRF 1286 expressed quantitative resistance.<hr/>RESUMO O murcha de Fusarium, causado por Fusarium oxysporum f. sp. cubense (FOC), é uma das principais doenças da cultura da bananeira. A principal estratégia de controle da doença faz-se com o uso de variedades resistentes, sendo que, para a sua obtenção, faz-se necessário identificar genótipos para utilização nos programas de melhoramento genético da cultura. O objetivo do presente estudo foi identificar fontes de resistência em acessos do Banco Ativo de Germoplasma (BAG) de Bananeira da Embrapa Mandioca e Fruticultura. Foram avaliados 41 acessos do BAG, sendo 17 diploides, 21 triploides e dois tetraploides. Também foram avaliados a área abaixo da curva do progresso da doença, o índice interno da doença e o período de incubação. Há variabilidade genética disponível entre os acessos do Banco de Germoplasma de Bananeira para resistência ao FOC, com destaque à imunidade expressada pelo genótipo M53. Os acessos Birmanie, PA Songkla, Pirua, Imperial, Poyo, Ambei, Walebo e Kongo FRF 1286 expressaram resistência. <![CDATA[ANÁLISE HISTOLÓGICA E DESEMPENHO DE POPULAÇÕES DE MARACUJAZEIRO-AZEDO SOB DIFERENTES PORTA-ENXERTOS RESISTENTES AO <em>Fusarium</em> spp]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452018000100402&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT The present study aimed to describe histological traits of the graft welding process and evaluate the effect of rootstocks on the physical and chemical traits and the productivity of sour passion fruit populations. The experiment was arranged in a randomized block design, in a 4x2 + 4 factorial scheme (cultivars / canopy x rootstocks), three replicates and nine plants per plot. Commercial cultivars and populations and Passiflora alata and P. nitida rootstocks, in addition to ungrafted plants were used as canopy. Cleft grafting was the grafting type adopted. Traits analyzed such as productivity and physical and chemical quality of fruits were submitted to analysis of variance and compared by the Tukey test. The canopy morphology was evaluated according to descriptors of the Ministry of Agriculture, Livestock and Supply. Grafting was carried out for each graft/rootstock combination for histological analysis. Sections were obtained by freehand cuts, stained and mounted on semi-permanent slides, examined under optical microscope and photomicrographed. Rootstocks affected the early cultivation and reduced productivity and number of fruits of passion fruit populations. Grafting did not affect the quality of fruits or the canopy morphology. Considering the complete culture cycle, P. alata species is able to be used as rootstock. The anatomical study demonstrates the occurrence of better compatibility in the connection of P. edulis tissues on P. alata, compared to grafting on P. nitida.<hr/>RESUMO O objetivo do presente trabalho foi descrever as características histológicas do processo de soldadura da enxertia e avaliar a influencia dos porta enxertos sobre as características físicas e químicas do fruto e na produtividade de populações de maracujazeiro azedo. O delineamento utilizado foi o de blocos ao acaso, num esquema fatorial 4x2+4 (cultivares/copas x porta enxertos), com três repetições e nove plantas por parcela. Foram utilizadas como copa cultivares comerciais e populações e os porta enxertos Passiflora alata e P. nitida, além do pé-franco. O tipo de enxertia foi o convencional por garfagem no topo em fenda cheia. As características analisadas como produtividade e qualidade físico química dos frutos foram submetidas à análise de variância e comparadas pelo teste de Tukey. E a morfologia da copa foi avaliada de acordo com descritores do MAPA. Foi realizada a técnica de enxertia de cada combinação enxerto/porta enxerto para a analise histológica, onde as secções foram obtidas à cortes a mão livre, coradas e montadas em lâminas semipermanente e analisadas sob microscópio óptico e fotomicrografadas. Os portas enxertos influenciaram no período inicial de cultivo reduzindo a produtividade e o número de frutos das populações de maracujazeiro, e a enxertia não influenciou na qualidade dos frutos e na morfologia da copa. Considerando o ciclo completo da cultura, a espécie P. alata possui condições de ser utilizada como porta enxerto. O estudo anatômico demonstra a ocorrência de uma melhor compatibilidade na união dos tecidos de P. edulissobre P. alata quando comparados a enxertia sobre P. nitida. <![CDATA[MORTALIDADE DE LAGARTA-ENROLADEIRA-DA-MAÇÃ EXPOSTAS A DIFERENTES SUBESPÉCIES DE <em>Bacillus thuringiensis</em> EM DIETA ARTIFICIAL, EM TRÊS PERÍODOS DE AVALIAÇÃO]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452018000100403&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT Bioinsecticides based on Bacillus thuringiensis are the entomopathogen most marketed worldwide. The aim of this study was to evaluate the bioactivity of kurstaki, aizawai subspecies and kurstaki x aizawai hybrid on B. salubricola larvae fed on artificial diet in different assessment periods. Mortality was assessed on the seventh, tenth and fifteenth days after treatment. Microplates containing 150 µl of diet in each cell were used. Suspensions containing Bt subspecies was deposited on the surface of the diet, then neonate larvae were released. The mortality assessment performed after fifteen days of treatment was significant for all three subspecies. Bt kurstaki was more efficient in all assessment periods, except for fifteen days, which was similar to Bt aizawai. Assessments performed up to seven days were more efficient to determine mortality. The three subspecies have influenced the ability for instar change, regardless of concentration. The LC50 of Bt kurstaki on the seventh and tenth days of assessment was from three to six times smaller than that observed in Bt aizawai x kurstaki, and Bt aizawai, respectively.<hr/>RESUMO Bacillus thuringiensis é o entomopatógeno mais comercializado mundialmente. Objetivou-se com este estudo avaliar a eficiência das subespécies kurstaki, aizawai e o hibrido aizawai x no kurstakicontrole de Bonagota salubricola (Lepidopetera: Tortricidae) em diferentes períodos de avaliação. Os experimentos foram realizados em dieta artificial. Foram utilizadas microplacas contendo 150 µl de dieta em cada poço. A concentração contendo as subespécies de Bt foi depositada na superfície da dieta, em seguida liberada uma larva neonata, totalizando 24 em cada concentração. A mortalidade foi avaliada no sétimo, décimo e décimo quinto dias após o tratamento. Em todas as concentrações, foi verificado o instar larval. A avaliação de mortalidade realizada após quinze dias do tratamento foi significativa para as três subespécies. Bt kurstaki foi mais eficiente em todos os períodos de avaliação, exceto aos quinze dias, período em que foi semelhante a Bt aizawai. Avaliações acima de sete dias foram mais adequadas para determinar a mortalidade. As três subespécies influenciaram na capacidade de mudança de instar, indiferentemente da concentração. A CL50 de Bt kurstaki, aos sete e dez dias de avaliação, foi de três a seis vezes menores que Bt x aizawaikurstaki e Bt aizawai, respectivamente. <![CDATA[IMPACTO DA CHUVA SOBRE O ACARICIDA PROPARGITE COM E SEM ADIÇÃO DE ADJUVANTES NO CONTROLE DO ÁCARO <em>Brevipalpus yothersi</em>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452018000100404&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT Rainfalls may affect the efficiency of pesticides due to a decreased deposit of active ingredient on plants. This should be considered in spraying with acaricides, the main strategy used for the management of citrus leprosis, the main viral disease of the Brazilian citrus culture. Citrus leprosis disease is transmitted by Brevipalpus mites, mainly B. yothersi. The objective of this study was to evaluate the effects of artificial rains on the efficiency of the acaricide propargite in combination or not with adjuvants for the control of the mite B. yothersi. The experiment was conducted using orange plants grown in pots kept under greenhouse conditions. The acaricide propargite was evaluated isolated and with addition of the adjuvants polydimethylsiloxane (20mL cp/100 L of water) and a mixture of phosphatidylcholine (lecithin) and propionic acid (500 mL cp/100 L of water). After the application of the acaricide with and without the adjuvants, the plants were subjected to a 10-mm artificial rainfall at different time intervals: 5 minutes, and 1 and 12 hours after application. Thereafter, B. yothersi mites were transferred to plants for survival evaluation. The artificial rainfall affected negatively the efficiency of propargite isolated and in mixture. The addition of the adjuvant phosphatidylcholine and propionic acid impaired the efficiency of propargite due to an increased runoff of the broth and a decrease in the deposit of active ingredients on plants. We conclude that the acaricide propargite should not be used in combination with the adjuvants polydimethylsiloxane and mixture of phosphatidylcholine and propionic acid in rainy conditions.<hr/>RESUMO Chuvas podem afetar a eficiência dos agrotóxicos devido à redução do depósito de ingrediente ativo sobre as plantas. Esse é um fator que deve ser considerado nas pulverizações com acaricidas, principal estratégia utilizada no manejo da leprose-dos-citros, principal doença viral da citricultura brasileira. A leprose-dos-citros é transmitida por ácaros Brevipalpus, com destaque para Brevipalpus yothersi. O objetivo do trabalho foi avaliar o efeito de chuva artificial sobre a eficiência do acaricida propargite em mistura ou não com adjuvantes no controle do ácaro B. yothersi. O experimento foi conduzido utilizando plantas de laranja cultivadas em vasos e mantidas em casa de vegetação. O acaricida propargite foi avaliado isolado e com adição dos adjuvantes polidimetilsiloxano (20mL p.c./100L de água) e mistura de fosfatidilcoline (lecitina) e ácido propiônico (500mL p.c./100L de água). Após a aplicação do acaricida com e sem os adjuvantes, as plantas foram submetidas a chuva artificial de 10 mm, em diferentes intervalos de tempo, a 5 minutos, 1 e 2 horas após a aplicação. Em seguida, foram transferidos para as plantas ácaros B. yothersi para avaliação da sobrevivência. A chuva artificial afetou negativamente a eficiência do propargite aplicado isolado e em mistura. A adição do adjuvante fosfatidilcoline e ácido propiônico prejudicou a eficiência do propargite, devido ao maior escorrimento da calda e à redução do depósito de ingrediente ativo sobre as plantas. Conclui-se que o acaricida propargite não deve ser utilizado em associação com os adjuvantes polidimetilsiloxano e mistura de fosfatidilcoline e ácido propiônico em condições de chuva. <![CDATA[REAÇÃO DE GENÓTIPOS DE MAMOEIRO A MANCHA-ALVO E ATIVIDADE DE EXTRATOS VEGETAIS E <em>Bacillus</em> spp.SOBRE <em>Corynespora cassiicola</em>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452018000100405&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT Papaya target-spot, caused by fungus Corynespora cassiicola presents a wide geographic distribution, causing leaf spots in several hosts. The aim of this research was to evaluate the behavior of papaya varieties and/or selections to the natural occurrence of target spot, and test the fungi toxic effect of neem, citronella and eucalyptus extracts, and fungi static effects of Bacillus isolates on the fungus C. cassiicola in vitro. To evaluate the natural occurrence of the disease in field, symptoms on leaves of 11 papaya varieties and/or selections have been assessed. The pathogenicity of isolates was verified by inoculation of plants in greenhouse. Neem, citronella and eucalyptus extracts were prepared at concentrations of 10, 15 and 20% and poured into Petri dishes containing C. cassiicola mycelium discs. For , Bacillusnine isolates were used, and the antagonistic potential was evaluated by the pairing of pathogen and isolate colonies by the circle method. Papaya varieties and/or selections presented all leaves with injury, and Canaan Sunrise Solo and Canaan Golden selections showed the greatest number of injuries per leaf, showing that papaya varieties and/or selections respond differently to the phytopathogen. All plant extracts tested showed inhibitory effect on the mycelial growth of C. cassiicola in vitro. Bacillus isolates showed an antagonistic potential on the mycelial growth of the fungus, with B. methylotrophicus (Iso 31 and Iso 41) being the most promising as a biological control agent. The results indicate that forms of alternative control of diseases are promising in the management of papaya target-spot.<hr/>RESUMO A mancha-alvo do mamoeiro, causada pelo fungo Corynespora casiicola, possui ampla distribuição geográfica, causando manchas foliares em vários hospedeiros. O objetivo desta pesquisa foi avaliar o comportamento de variedades/seleções de mamoeiro à ocorrência natural da mancha-alvo e testar o efeito fungitóxico de extratos de nim, citronela e eucalipto, e fungistático de isolados de Bacillus sobre o fungo C. cassiicola in vitro. Para avaliar a ocorrência natural da doença no campo, foram avaliados os sintomas em folhas de 11 variedades e/ou seleções de mamoeiro. A patogenicidade dos isolados foi verificada pela inoculação de plantas em casa de vegetação. Os extratos de nim, citronela e eucalipto foram preparados nas concentrações de 10; 15 e 20% e vertidos em placas de Petri, contendo discos de micélio de C. cassiicola. Para Bacilllus, foram utilizados nove isolados, e a potencialidade antagonista foi avaliada pelo pareamento de colônias do patógeno e dos isolados, pelo método de círculo. As variedades e seleções de mamoeiro apresentaram a totalidade das folhas com lesões, sendo as seleções Canaã Sunrise Solo e Canaã Golden as que apresentaram maior número de lesões/folhas, mostrando que as variedades/seleções de mamoeiro respondem diferentemente ao fitopatógeno. Todos os extratos vegetais testados apresentaram efeito inibitório sobre o crescimento micelial in vitro de C. cassiicola. Os isolados de Bacillus apresentaram potencial antagônico sobre o crescimento micelial do fungo, sendo os isolados de B. methylotrophicus (Iso 31 e Iso 41) mais promissores como agentes de controle biológico. Estes resultados indicam que formas de controle alternativo de doenças são promissoras no manejo da mancha-alvo do mamoeiro. <![CDATA[Desempenho de macieiras ‘Fuji Suprema’ tratadas com indutores de brotação, em São Joaquim-SC]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452018000100701&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract The application of rest breaking agents to overcome the lack of chilling is a common practice in apple orchards in southern Brazil. However, its necessity in areas of greater chilling accumulation, like in the city São Joaquim, Santa Catarina State (SC), has been questioned over the years. The aim of this study was to evaluate the effect of different budbreak promoters, on the performance of ‘Fuji Suprema’ apple trees, in the region of São Joaquim/SC. The study was performed at the Experimental Station of São Joaquim - Santa Catarina Agricultural Research and Extension Agency (EPAGRI), in the growing seasons of 2013/2014, 2014/2015, and 2015/2016. Plant material consisted of 10-year-old ‘Fuji Suprema apple trees grafted on the rootstock ‘M.9’ and arranged in a randomized complete block design with five replicates. Treatments consisted of a nutrient solution containing soluble nitrogen and calcium (NCaS), combined with either calcium nitrate or mineral oil, at different rates; and hydrogen cyanamide combined with mineral oil. The time of application was when buds were between the stages A (dormant bud) and B (swollen bud; silver tip). The influence of treatments on flowering, budbreak, yield components, and fruit quality was assessed. Flowering and fruit quality were little affected by treatments. In the other hand, the budbreak promoters consistently improved axillary budbreak in two out of three seasons.<hr/>Resumo A aplicação de indutores de brotação para superar o baixo acúmulo de frio é uma prática comum em pomares de macieira na região Sul do Brasil. No entanto, sua necessidade em áreas com maior acúmulo de frio, como na cidade de São Joaquim, do Estado de Santa Catarina (SC), tem sido questionada ao longo dos anos. O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito de diferentes indutores de brotação no desempenho de macieiras ‘Fuji Suprema’ na região de São Joaquim-SC. O estudo foi desenvolvido na Estação Experimental de São Joaquim – Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina, nas safras de 2013/2014, 2014/2015 e 2015/2016. Foram utilizadas plantas da cultivar ‘Fuji Suprema’, com 10 anos de idade, enxertadas no porta-enxerto ‘M.9’. O delineamento experimental foi de casualização por blocos, com cinco repetições. Os tratamentos consistiram em solução nutritiva contendo nitrogênio solúvel e cálcio (SNCa), combinado com nitrato de cálcio ou óleo mineral, em diferentes concentrações e cianamida hidrogenada combinada com óleo mineral. A aplicação foi realizada quando as gemas estavam entre os estádios A (gema dormente) e B (gema inchada; ponta prateada). Foi avaliada a influência dos tratamentos na floração, brotação, produção e qualidade do fruto. A floração e a qualidade do fruto foram pouco influenciadas pelos tratamentos. Por outro lado, a brotação de gemas laterais foi consistentemente aumentada pelos produtos testados em duas das três safras em que o estudo foi realizado. <![CDATA[Potencial de água no ramo de pessegueiro em função do armazenamento de água no solo e da demanda evaporativa da atmosfera]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452018000100702&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract The use of water potential indicators in the plant has been adopted in irrigation management, in recent years, since it is accepted that the plant is the best indicator of its own water status. The objective of this study was to verify the relationship between water potential in peach tree branches and the evaporative demand of the atmosphere and the water availability in two textural classes of an Aquertic Hapludalf soil, aiming to adopt irrigation management strategies based on the water potential in the plant. Research was carried out in a commercial peach orchard, cv. Esmeralda, in the municipality of Morro Redondo-Rio Grande do Sul state, Brazil. Four peach tree rows were evaluated, being two irrigated and two non irrigated. The irrigation management was based on the replacement of the potential crop evapotranspiration. It was concluded that the water potential in the peach tree branch is positively related with the evaporative demand of the atmosphere and negatively related with soil water storage. Future studies should adopt irrigation management strategies for peach trees based on the water potential mainly for the irrigation management of post-harvest peach trees.<hr/>Resumo A utilização de indicadores do potencial de água na planta tem sido adotada no manejo da irrigação ao longo dos últimos anos, pois é admitido que a planta seja o melhor indicador do seu próprio estado hídrico. O objetivo do presente trabalho foi verificar a relação do potencial da água nos ramos do pessegueiro com a demanda evaporativa da atmosfera e com a disponibilidade de água em duas classes texturais de um Argissolo Bruno-Acinzentado, visando à adoção de estratégias de manejo da irrigação em pessegueiros baseada no potencial de água na planta. Em um pomar comercial de pessegueiro, cv. Esmeralda, no município de Morro Redondo-Rio Grande do Sul Foram avaliadas plantas em quatro linhas de pessegueiro, sendo duas irrigadas e duas não irrigadas. O manejo da irrigação foi baseado na reposição da evapotranspiração potencial da cultura. Concluiu-se que o potencial de água no ramo do pessegueiro apresenta uma relação direta com a demanda evaporativa até o final da colheita dos frutos e uma relação inversa com o armazenamento de água no solo. Futuros estudos devem ser realizados baseados no manejo da irrigação por meio do potencial de água na planta de pessegueiro principalmente, na pós-colheita. <![CDATA[Índices paramétricos e não paramétricos aplicados na seleção de progênies de maracujazeiro-azedo]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452018000100801&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Several traits must be observed in the selection of sour passion fruit progenies. For such, selection indices could be used for gradually increasing the frequency of favorable genotypes for the set of the traits of interest. This study aimed to compare parametric and non-parametric selection indices to be used in the selection of passion fruit progenies and identify the best economic weights. Thus, 118 full-sib families and three controls were assessed for days regarding flowering, productivity in kg ha-1 year, fruit mass in g, number of fruits, average length of fruits in mm, average fruit diameter in mm, fruit shape, average shell thickness in mm, pulp yield, pulp color, total soluble solids, titratable acidity and SS/ATT ratio. The non-parametric selection indexes used to obtain genetic gains were Mulamba and Mock, genotype-ideotype distance, multiplicative and Elston. Smith and Hazel, Williams and Pesek and Baker parametric indexes were used, with different economic weights attributed. The Mulamba and Mock, genotype-ideotype distance nonparametric selection indexes and the Williams parametric index showed satisfactory and balanced gains. The genetic variation coefficient, genetic standard deviation and random weight economic weights provided higher gains for non-parametric selection indexes. Similar gains were obtained for parametric indexes, regardless of assigned weight, except for Pesek and Baker, whose genetic standard deviation provided the highest gain.<hr/>Resumo Na seleção de progênies de maracujazeiro-azedo, várias características devem ser observadas. Uma alternativa é o uso de índices de seleção que visem a melhorar gradativamente as frequências de genótipos favoráveis para o conjunto de características de interesse. O objetivo deste trabalho foi comparar índices de seleção paramétricos e não paramétricos na seleção de progênies de maracujazeiro-azedo e identificar os melhores pesos econômicos. Desta forma, 118 famílias de irmãos completos e três testemunhas foram avaliadas para dias para o florescimento, produtividade em kg ha-1 ano, massa de frutos em g, número de frutos, comprimento médio dos frutos em mm, diâmetro médio de frutos em mm, formato de fruto, espessura média de casca em mm, rendimento de polpa, coloração da polpa, teor de sólidos solúveis totais, acidez total titulável e ratio. Os índices de seleção não paramétricos empregados para a obtenção dos ganhos genéticos foram Mulamba e Mock, distância genótipo ideótipo, multiplicativo e Elston, e os índices paramétricos foram de Smith e Hazel, Williams e Pesek e Baker, com a atribuição de diferentes pesos econômicos. Os índices de seleção não paramétricos de Mulamba e Mock, distância genótipo ideótipo e o índice paramétrico de Williams apresentaram ganhos satisfatórios e equilibrados. Os pesos econômicos coeficiente de variação genético, desvio-padrão genético e peso aleatório proporcionaram maiores ganhos para os índices de seleção não paramétricos; para os índices paramétricos, os ganhos foram semelhantes, independentemente do peso atribuído, exceto para o índice de Pesek e Baker, em que o desvio-padrão genético proporcionou o maior ganho. <![CDATA[Resistência ao <em>Cowpea aphid-borne mosaic</em> virus em genótipos de <em>Passiflora setacea</em> germinadas <em>in vitro</em>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452018000100802&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT Passion fruit (Passiflora edulis) is a fruit species of great relevance for Brazilian economy. However, it is highly susceptible to the Cowpea aphid-borne mosaic virus (CABMV). The species P.setacea, on the other hand, is resistant to the disease. The present study aimed to identify CABMV-resistant P. setacea genotypes for the introgression of genes into sour passion fruit genetic breeding programs. The seeds of passion fruit genotypes were germinated in vitro in MS culture medium. The seedlings were acclimatized in a growth chamber at the temperature of 27 ± 2ºC, photoperiod of 16:8 hours and 80% of relative humidity. Thirty plants of each genotype were mechanically inoculated with extract prepared from leaves collected from passion fruit plants with symptoms of CABMV for the assessment of resistance to CABMV. The severity of leaf symptoms was evaluated by means of a grading scale of visual signs. After the visual evaluation and identification of the asymptomatic genotypes of P. setacea, the PTA-ELISA test was carried out for 30 selected genotypes. According to the visual evaluation, all P. setacea genotypes were highly resistant to CABMV, while the P. edulis genotypes were highly susceptible. Out of the 30 genotypes selected, only PsRJ 4 was considered susceptible by PTA-ELISA. The other genotypes of P. setacea were considered resistant and present great potential for use in passion fruit genetic breeding programs.<hr/>RESUMO O maracujazeiro-azedo (Passiflora edulis) é uma espécie frutífera de grande importância econômica para o Brasil, porém altamente susceptível ao vírus Cowpea aphid-borne mosaic vírus (CABMV). A espécie P. setacea, em contrapartida, apresenta resistência à doença. O objetivo deste estudo foi identificar genótipos de P. setacea resistentes ao CABMV, visando à introgressão de genes em programas de melhoramento genético do maracujazeiro-azedo. As sementes dos genótipos de maracujazeiro foram germinadas in vitro em meio de cultura MS. A aclimatização das plântulas ocorreu em câmara de crescimento com temperatura de 27± 2 ºC, fotoperíodo de 16h8 e 80% de umidade relativa. Para avaliar a resistência ao CABMV, foram utilizadas 30 plantas de cada genótipo, inoculadas mecanicamente com extrato preparado a partir de folhas coletadas de plantas de maracujazeiro-azedo com sintomas de infecção pelo CABMV. A severidade dos sintomas foliares foi avaliada por meio de uma escala de notas visuais. Após a avaliação visual e a identificação dos genótipos assintomáticos de P. setacea, realizou-se o teste PTA-ELISA em 30 genótipos selecionados. Pela avaliação visual, todos os genótipos de P. setacea foram altamente resistentes ao CABMV, e os genótipos de P. edulis, altamente suscetíveis. Dos 30 genótipos selecionados, apenas o PsRJ 4 foi considerado suscetível pelo PTA-ELISA. Os demais genótipos de P. setacea foram considerados resistentes e apresentam grande potencial de serem utilizados em programas de melhoramento genético do maracujazeiro. <![CDATA[Caracterização física, química, microbiológica e sensorial de geleias de Manipuçá para a merenda escolar municipal de Fortaleza-CE]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452018000100901&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract This research aimed to characterize the physical, chemical, microbiological and sensory characterization of manipuçá (Mouriri cearensis Huber) jellies as an alternative to school meals of an elementary public school in Fortaleza-CE. The fruits, in maturation stages 4 (mature) and 5 (senescent), were collected in the Botanical Garden of São Gonçalo, in São Gonçalo do Amarante-CE. Initially, the fruits of manipuça were processed and to obtain the jelly five formulations were proposed (treatments) containing different proportions of water and pulp (4:1-F1; 4:2-F2, 4:3-F3: 4:4-F4; and 4:5-F5), which then they were subjected to physicochemical analysis (total soluble solids-TSS; total titratable acidity-TTA; pH; TSS/TTA ratio-SAR; vitamin C-CV; total soluble sugar-TSSu, reducing sugar-RS and non-reducing sugars-NRS), microbiological (coliforms at 35°C-CF) and sensory (aroma-A; color-C; appearance-AP; flavor-F; texture-T; and the purchaser intends-PI). We used the Assistat program in statistical analyzes. The results showed the following variation in the five formulations: TSS (°Brix) - 72 (F1) to 85.12 (F5); TTA (%) - 0.95 (F1) to 0.54 (F5); pH - 4.09 (F1) to 4.30 (F5); SAR - 75.22 (F1) to 156.20 (F5); CV (mg / 100g) - 7.40 (F2) to 14.19 (F5); TS (%) - 63.97 (F1) to 79.73 (F5); RS (%) - 44.53 (F2) to 66.98 (F5); NRS (%) - 12.47 (F1) to 32.98 (F4); absence of CF; for A, C, AP, F and T, F5 was greater than F2, F3, F4 and equals to F1; and for PI, F5 was superior to all. In conclusion: the F5 is sweeter and less acidic, however, the F1 is less sweet and more acidic; the F5 obtained greater acceptance among students, so this is the ideal formulation to use as an alternative to school meals for primary school students from public schools in Fortaleza-CE.<hr/>Resumo A presente pesquisa objetivou fazer a caracterização física, química, microbiológica e sensorial de geleias de manipuçá (Mouriri cesrensis Huber) como uma alternativa para a merenda escolar do Ensino Fundamental das escolas públicas municipais de Fortaleza-CE. Os frutos, nos estádios 4 (maduro) e 5 (senescente) de maturação, foram colhidos no Jardim Botânico de São Gonçalo, em São Gonçalo do Amarante–CE. Inicialmente, os frutos do manipuçá foram processados e, para obtenção de geleia, foram propostas cinco formulações (tratamentos), contendo diferentes proporções de água e polpa (4:1-F1; 4:2-F2; 4:3-F3 4:4-F4; e 4:5-F5), que em seguida foram submetidas às análises físico-químicas (sólidos solúveis totais- SST; acidez total titulável-ATT; pH; relação SST/ATT-RSA; vitamina C-VC; açúcares solúveis totais-AST, redutores-AR e não redutores-ANR), microbiológica (coliformes a 35ºC-CF) e sensoriais (aroma-A; cor-C; aparência-AP; sabor-S; textura-T; e intenção de compra-IC). Utilizou-se o programa Assistat nas análises estatísticas. Os resultados apresentaram a seguinte variação nas cinco formulações: SST (°Brix) – 72 (F1) a 85,12 (F5); ATT (%) – 0,95 (F1) a 0,54 (F5); pH – 4,09 (F1) a 4,30 (F5); RSA – 75,22 (F1) a 156,20 (F5); VC (mg/100 g) - 7,40 (F2) a 14,19 (F5); AST (%) - 63,97 (F1) a 79,73 (F5); AR (%) - 44,53 (F2) a 66,98 (F5); ANR (%) - 12,47 (F1) a 32,98 (F4); ausência de CF; para A, C, AP, S e T, a F5 foi superior a F2, F3, F4 e igual a F1; e para IC a F5 foi superior a todas. Conclui-se que: a F5 é a mais doce e menos ácida; entretanto, a F1 é a menos doce e mais ácida; a F5 obteve maior aceitação entre os estudantes, portanto esta é a formulação ideal para ser utilizada como alternativa na merenda escolar dos alunos de Ensino Fundamental das escolas municipais de Fortaleza-CE. <![CDATA[Níveis de AIB e substratos no enraizamento de miniestacas de mamoeiro híbrido UENF/CALIMAN 02 em sistema semi-hidropônico]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452018000101001&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Mini-cutting is a technique with large applications in various crops, mainly due to the increase in the percentage and quality of adventitious roots, reducing time for the formation of clonal seedlings. The aim of this study was to evaluate IBA levels and substrates on the rooting of UENF/CALIMAN 02 hybrid papaya mini-cuttings. To perform the experiment, papaya mini-cuttings were taken from mother plants grown in pots in greenhouse, induced to produce shoots through pruning and growth regulator applications. Mini-cuttings were fixed in vermiculite or coconut fiver substrates placed in alveolate trays with 4.5x4.5x5.0 cm cells, and styrofoam trays were placed in plastic trays where different IBA levels were added in a modified Hoagland solution. After 45 days, rooted buds were transplanted to plastic pots of 600 mL of volume with soil, sand, well-cured bovine fertilizer, in the proportion of 3:1:1, remaining for 45 days. When they were taken from pots, roots were carefully washed, and the length of shoots, length of the largest root, dried mass of shoots and radicular system and root percentage were measured. The experiment was set up in a randomized complete block 5 x 2 factorial design, with 5 IBA levels: 0; 2.5; 5.0; 7.5 and 10 mg L-1, two substrates: vermiculite and coconut fiber, three replicates, with six plants per replicate. IBA levels of 5.0 mg L-1 and substrate vermiculite are the most adequate for the rooting of ‘UENF/CALIMAN 02’ papaya mini-cuttings in semi-hydroponic system in alveolate styrofoam trays with 4.5x4.5x5.0 cm cells.<hr/>Resumo A miniestaquia é uma técnica com grandes aplicações em várias culturas, devido, principalmente, ao aumento dos porcentuais e qualidade de enraizamento adventício, reduzindo o tempo para a formação da muda clonal. O objetivo deste trabalho foi avaliar níveis de ácido indolbutírico (AIB) e substrato no enraizamento de miniestacas de mamoeiro híbrido UENF/CALIMAN 02. Para a realização do experimento, as miniestacas de mamoeiro foram retiradas de plantas matrizes cultivadas em vasos, em casa de vegetação, induzidas a produzir brotos por meio de podas e aplicações de reguladores vegetais. As miniestacas foram afixadas em substrato vermiculita ou fibra de coco em bandejas alveoladas de isopor com células de 4,5x4.5x5,0 cm. As bandejas de isopor foram então colocadas em bandejas plásticas contendo solução de Hoagland modificada onde foram adicionados diferentes níveis de AIB. Após 45 dias, os brotos enraizados foram avaliados e transplantados para vasos plásticos, de 600 mL de volume, com terra, areia e esterco bovino bem curtido, na proporção 3:1:1, nos quais permaneceram por mais 45 dias, quando foram retirados dos vasos e realizada a avaliação final, quando suas raízes foram lavadas cuidadosamente e foram coletados os dados de comprimento da parte aérea, comprimento da maior raiz, massa seca da parte aérea e do sistema radicular e porcentagem de enraizamento. O experimento foi instalado em delineamento inteiramente casualizado, em esquema fatorial com cinco níveis de AIB: 0; 2,5; 5,0; 7,5 e 10 mg L-1, dois substratos: vermiculita e fibra de coco, com três repetições e seis miniestacas por repetição. Os níveis de 5,0 mg L-1 AIB e o substrato vermiculita foram os mais adequados para o enraizamento de miniestacas de plantas hermafroditas de mamoeiro ‘UENF/CALIMAN 02’ em sistema semi-hidropônico, em bandejas alveoladas de isopor, com células de 4,5x4,5x5,0 cm. <![CDATA[Fisiologia e qualidade de mudas de <em>Eugenia dysenterica</em> DC,produzidas em substratos em base de vermiculita e casca de arroz carbonizada]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452018000101002&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Eugenia dysenterica DC is a fruiting species endemic to the Brazilian Cerrado, belonging to the Myrtaceae family and popularly known as Cagaiteira. It has medicinal and antifungal properties, and has an important function in the ecosystem. Nevertheless, there are few studies about the maintenance of this species. The aim of this study was to evaluate the growth, nutrition, quality and physiology of E. dysenterica seedlings grown in fine vermiculite and rice husk-based substrates in the following combinations: 1:0, 3:1, 1:1, and 1:3, in addition to Trimix® commercial substrate and vermiculite only. The physical attributes of substrates (dry and moist densities, available water, remaining water, aeration space and total porosity), seedling emergence percentage, emergence speed index, gas exchange, chlorophyll a fluorescence, relative seedling water content, relative substrate moisture content, plant biometric growth characteristics, accumulated dry weight and nutritional status were evaluated through leaf macronutrient content 128 days after emergence. The increase in the proportion of rice husk mixed with vermiculite resulted in reduction of the dry and moist densities of substrates, available water, remaining water, total porosity and moisture content, and increased the aeration space in substrates. The fine vermiculite substrate promoted the highest Dickson’s quality index and the greatest stem diameter of plants. Seedlings grown on vermiculite substrate presented higher N and K content in leaves, and those grown in Trimix® substrate showed higher leaf Mg content. Substrates did not alter the physiological attributes of seedlings.<hr/>Resumo A Eugenia dysenterica DC é uma espécie de frutífera endêmica do Cerrado, pertence à família Myrtaceae e é popularmente conhecido como cagaiteira. Apresenta propriedades medicinais e antifúngicas, e tem função importante no ecossistema. No entanto, existem poucos estudos sobre a manutenção da espécie. O objetivo deste estudo foi avaliar o crescimento, a nutrição, a qualidade e a fisiologia de mudas E. dysenterica cultivadas em substratos à base de vermiculita fina e casca de arroz carbonizada, nas seguintes combinações: 1:0; 3:1; 1:1 e 1:3, além do substrato comercial Trimix® e apenas vermiculita. Avaliaram-se os atributos físicos dos substratos (densidades seca e úmida, água disponível, água remanescente, espaço de aeração e porosidade total), a porcentagem de emergência de plântulas, o índice de velocidade de emergência, as trocas gasosas, a fluorescência da clorofila a, o teor relativo de água das mudas, o teor de umidade relativa do substrato, as características biométricas de crescimento de plantas, o acúmulo de massa seca e o estado nutricional através do conteúdo de macronutrientes nas folhas, após 128 dias da emergência. O incremento na proporção de casca de arroz misturada com vermiculita reduziu as densidades seca e úmida, a água disponível, a água remanescente, a porosidade total e o teor de umidade, e aumentou o espaço de aeração nos substratos. O substrato vermiculita pura promoveu o maior índice de qualidade de Dickson, bem como o maior diâmetro de colo, apesar de ser o substrato no qual as plantas apresentaram menor índice de velocidade de emergência. As plantas crescidas no substrato vermiculita pura apresentaram maior teor de N e K nas folhas, e as crescidas no subtrato Trimix® apresentaram maior teor foliar de Mg. Os substratos não alteraram os atributos fisiológicos das mudas. <![CDATA[Tempo de tratamento com AIB no enraizamento de estacas de cultivares de Oliveira]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452018000101003&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Phytoregulators such as indole butyric acid (IBA), have been used in the process of olive tree rooting in the form of concetrated hydroalcoholic solutions. The objective of this present study was to evaluate the efficiency of a low concentration of IBA (300 mg L-1), diluted in a solution of only 10% of alcohol 70 oGL, in the rooting of four olive tree cultivars (Arbequina, Arbosana, Frantoio and Koroneiki), treated in different times of base immersion (0, 1, 2, 4 and 8 hours). The rooting was carried out in november 2015, in greenhouse with an irrigation system type intermittent mist chamber. The cuttings standard were 12 cm length and two pairs of leaves, planted in plastic tubings, containing carbonized rice husk as substrate. The experimental design was achieved in randomized blocks, in factorial arrangement of 4 x 5, with four replications and 12 cuttings per plot. After 70 days of rooting it was verified that the increase of treatment time affected the leaf retention, survival and rooting negativelly. Leaf retention presented positive relationship with survival and rooting. The treatment for one hour in a solution of IBA was effective in the cuttings rooting stimulus of cultivar Arbosana (66,7%). Cultivars Koroneiki and Arbequina presented low or null rooting whether or not the IBA was used.<hr/>Resumo Fitorreguladores, como o ácido indolbutírico (AIB), têm sido empregados no processo de estaquia da oliveira geralmente na forma de soluções hidroalcoólicas concentradas. O objetivo do presente estudo foi avaliar a eficiência de uma baixa concentração de AIB (300 mg L-1), diluído em solução com apenas 10% de álcool a 70 oGL, no enraizamento de estacas de quatro cultivares de oliveira (Arbequina, Arbosana, Frantoio e Koroneiki), tratadas por diferentes tempos de imersão da base (0; 1; 2; 4 e 8 horas). A estaquia foi realizada em novembro de 2015, em estufa com sistema de irrigação do tipo nebulização intermitente. As estacas foram padronizadas com tamanho de 12 cm de comprimento e dois pares de folhas, plantadas em tubetes plásticos contendo casca de arroz carbonizada como substrato. O delineamento experimental foi em blocos casualizados, no esquema fatorial 4 x 5, com quatro repetições e 12 estacas por parcela. Após 70 dias de estaquia, foi verificado que o aumento do tempo de tratamento afetou negativamente a retenção foliar, a sobrevivência e o enraizamento. A retenção foliar apresentou relação positiva com a sobrevivência e o enraizamento. O tratamento por 1 hora em solução de AIB foi eficiente no estímulo do enraizamento das estacas da cultivar Arbosana (66,7%). As cultivares Koroneiki e Arbequina apresentaram baixo ou nulo enraizamento, independentemente do uso ou não de AIB. <![CDATA[Condicionamento na promoção e uniformização da germinação de sementes de Umbuzeiro]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452018000102001&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Seed dormancy may decrease during storage and some environmental conditions may accelerate this process. The aim of this work was to determine efficient techniques to condition umbu seeds in order to promote and standardize their germination. Seeds were stored for 180 days in paper bags kept in five ambient conditions: laboratory (25 ºC and 55% RH); warm oven (40 °C and 53% RH); hot oven (50 °C and 49% RH); dry chamber (18 °C and 65% RH) and cold chamber (10 °C and 65% RH). Seed quality was evaluated every 60 days by means of the following tests and determinations: water content; germination test (25 °C and 55% RH, weekly evaluated up to 91 days after sowing); first count test (14 days); germination rate index; mean germination time and electrical conductivity. The conditioning of umbu seeds in laboratory, or in warm oven (40 ºC) used efficient techniques to promote and standardize germination; under these conditions, after six months of storage, germination increased from 31% to 84 and 74%, respectively.<hr/>Resumo A dormência das sementes pode diminuir durante o armazenamento, e algumas condições do ambiente podem acelerar este processo. O objetivo deste trabalho foi determinar técnicas eficientes para condicionar as sementes de umbu de modo a promover e a uniformizar a germinação. As sementes foram armazenadas por 180 dias em sacos de papel mantidos em cinco condições de ambiente: laboratório (25 ºC e 55% UR); estufa morna (40 ºC e 53% UR); estufa quente (50 ºC e 49% UR); câmara seca (18 oC e 65% UR) e câmara fria (10 oC e 65%UR). A qualidade das sementes foi avaliada a cada 60 dias, por meio dos seguintes testes e determinações: teor de água; teste de germinação (25 ºC e 55% UR, avaliado semanalmente até 91 dias após a semeadura); teste da primeira contagem (14 dias); índice de velocidade de germinação; tempo médio de germinação e condutividade elétrica. O condicionamento das sementes de umbu em laboratório, ou em estufa morna (40 ºC), foi técnica eficiente para promover e uniformizar a germinação; nestas condições, após seis meses de armazenamento, a germinação aumentou de 31% para 84 e 74%, respectivamente. <![CDATA[PROPAGAÇÃO MANGA]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452018000104001&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT This Chapter has the objectives to search, through the review of the available literature, important informations on the evolution of mango propagation regarding theoretical and practical aspects from cellular base of sexual propagation, nursery structures and organizations, substrate compositions and uses, importance of rootstock and scion selections, also it will be described the preparation and transport of the grafts (stem and bud) as well as the main asexual propagation methods their uses and practices. Finally, pattern and quality of graft mangos and their commercialization aspects will be discussed in this Chapter.<hr/>RESUMO Este Capítulo tem como objetivos buscar, por meio da revisão da literatura disponível, importantes informações sobre a evolução da propagação da mangueira na teoria e na prática desde sua base celular da propagação sexuada, as estruturas e a organização dos viveiros de mudas, a composição e o uso dos substratos, a importância e a seleção do porta-enxerto e da copa, bem como relatar a preparação e o transporte dos enxertos (garfo e borbulha) e os principais métodos de propagação vegetativa, uso e aspectos práticos dos mesmos. Finalmente, os padrões e a qualidade de uma muda de mangueira enxertada e os aspectos relativos à comercialização serão também discutidos neste Capítulo. <![CDATA[Inovações tecnológicas na propagação do Açaizeiro e do Bacurizeiro]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452018000104002&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT Açaí palm (Euterpe oleracea Mart.) and bacuri tree (Platonia insignis Mart.) are two important fruit species native to the Brazilian Amazon. The first species is widely cultivated in the Brazilian Amazon and with some orchards established in other regions of Brazil. Nevertheless, most of its production still comes from the dense and diversified native açaí orchards found in the floodplains of the Amazon River estuary and that in the last two decades have been managed for the production of fruits. The production of the second species is still dependent on extractivism of abundant natural populations in areas of secondary vegetation. Both species reproduce naturally sexually and asexually. In the case of açai tree, asexual reproduction occurs by means of the emission of tillers in the base of stems. For bacuri tree, reproduction is verified by means of abundant sprouts that arise from roots that develop horizontally, near the ground surface. The propagation of açaí palm tree, particularly sexually is a consolidated process, practically without innovations in the last years. Açaí seeds show rapid and relatively uniform germination. A seedling obtained from seeds is suitable for final planting four to six months after emergence of seedlings. Regarding propagation by asexual route, it has been demonstrated that tillers can be used for the production of seedlings. For this, they should be separated from the mother plant when they have two completely expanded leaves and one at the beginning of formation. The big challenge is to increase the multiplication rate of tillers. For bacuri tree, considerable advances have been obtained both for sexual and asexual propagation. Propagation by primary root cuttings or direct seeding at the definitive site constitutes innovations that overcome the problem of the slow and uneven germination of the bacuri seed. The developed grafting techniques allow both the production of grafted seedlings and grafting in the field, for plants from direct seeding.<hr/>RESUMO O açaizeiro (Euterpe oleracea Mart.) e o bacurizeiro (Platonia insignis Mart.) são duas importantes espécies frutíferas nativas da Amazônia Brasileira. A primeira espécie já é bastante cultivada na Amazônia Brasileira e com alguns pomares estabelecidos em outras regiões do Brasil. Não obstante, a maior parte da produção ainda é oriunda dos densos e diversificados açaizais nativos encontrados nas várzeas do estuário do Rio Amazonas e que, nas últimas duas décadas, vêm sendo manejados para a produção de frutos. A produção da segunda espécie também ainda é dependente do extrativismo de populações naturais abundantes em áreas de vegetação secundária. Ambas as espécies reproduzem-se naturalmente por via sexuada e assexuada. No caso do açaizeiro, a reprodução assexuada se dá-se por meio da emissão de perfilhos na base dos estipes. Já no bacurizeiro, verifica-se por meio de abundantes brotações que surgem de raízes que se desenvolvem horizontalmente, próximas à superfície do solo. A propagação do açaizeiro, particularmente por via sexuada, é um processo já consolidado, praticamente sem inovações nos últimos anos. As sementes de açaí apresentam germinação rápida e relativamente uniforme. Uma muda obtida a partir de sementes está apta para o plantio no local definitivo entre quatro e seis meses após a emergência das plântulas. No que se refere à propagação por via assexuada, foi demonstrado que os perfilhos podem ser utilizados para a produção de mudas. Para tanto, devem ser separados da planta-mãe quando apresentarem duas folhas completamente expandidas e uma em início de formação. O grande desafio consiste em aumentar a taxa de multiplicação dos perfilhos. Com relação ao bacurizeiro, consideráveis avanços foram obtidos tanto no que se refere à propagação sexuada como a assexuada. A propagação por estacas de raiz primária ou a semeadura direta no local definitivo constituem-se em inovações que contornam o problema da germinação lenta e desuniforme da semente de bacuri. As técnicas de enxertia desenvolvidas possibilitam tanto a produção de mudas enxertadas como a enxertia no campo, para plantas oriundas de semeadura direta. <![CDATA[Atributos de qualidade em frutos de mirtileiro ‘Snowchaser’ de baixa exigência em frio cultivados no Brasil]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452018000105001&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract In Brazil there are still few studies on the post-harvest quality of low-chill blueberry cultivars, which have been recently introduced in the country. ‘Snowchaser’ blueberries were evaluated during a six-day storage period regarding fruit physical and chemical properties, and its antioxidant capacity. During fruit storage there was an increased weight loss and maintenance of some skin color properties such as luminosity (L*) and b*, whereas the values of parameter a* decreased and chroma (C) values increased. The levels of anthocyanins and flavonoids in the pulp increased, as well as the antioxidant activity. Maximum fruit shelf life at room temperature was six days without reduction on the antioxidant activity along the period, which is beneficial to consumers’ health.<hr/>Resumo Há poucos estudos sobre a qualidade pós-colheita de cultivares de mirtilos de baixa exigência em frio hibernal, recentemente introduzidas no Brasil. Frutos de mirtileiro ‘Snowchaser’ foram avaliados quanto às propriedades físicas e químicas e também com relação à atividade antioxidante, durante 6 dias de armazenamento. Houve aumento da perda de massa e manutenção das variáveis colorimétricas de luminosidade (L*) e (b*), enquanto os valores da variável a* diminuíram e os de croma aumentaram. Os teores de antocianinas e flavonoides aumentaram, assim como a atividade antioxidante. O período máximo de conservação dos frutos em temperatura ambiente foi de 6 dias, sem redução da atividade antioxidante ao longo do período, o que é benéfico para a saúde dos consumidores. <![CDATA[Composição química, atividades anti-<em>Trypanosoma cruzi</em> e citotóxica do óleo essencial dos frutos verdes de <em>Protium ovatum</em> (BURSERACEAE)]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452018000106001&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Chagas disease is a major neglected tropical disease caused by Trypanosoma cruzi. It has been treated with the antiparasitic drugs nifurtimox and benzonidazole, which cause several side effects. The market for natural products has considerably grown lately and the use of plants has become an alternative to the development of novel drugs to cure the disease. Therefore, this study aimed at describing the chemical analysis of the essential oil from green fruits of Protium ovatum and evaluating their trypanocidal and cytotoxic potential. The essential oil was obtained by Clevenger hydrodistillation whereas its chemical composition was determined by gas chromatography coupled to mass spectrometry (GC-MS). The major compounds found in the essential oil from green fruits of P. ovatum were ß-myrcene (62.0 %), a-pinene (11.3 %) and limonene (7.3 %). To the best of our knowledge, this was the first time that the chemical composition of the essential oil from green fruits of P. ovatum was described. Results showed that the essential oil had strong trypanocidal activity against trypomastigote forms of theY strain of Trypanosoma cruzi (IC50 = 1.2 µg/mL). In addition, the essential oil from green fruits of P. ovatum did not display cytotoxicity against LLCMK2 adherent epithelial cell at the concentration range under analysis (CC50 = 550.3 µg/mL). As a result, it is an excellent option for the development of novel antiparasitic drugs.<hr/>Resumo A doença de Chagas é uma das principais doenças tropicais negligenciadas causadas pelo Trypanosoma cruzi, e em seu tratamento utilizam-se medicamentos como o nifurtimox e o benzonidazol, que causam vários efeitos colaterais. O mercado de produtos naturais tem aumentado consideravelmente nos últimos anos, e o uso das plantas continua sendo uma alternativa para o desenvolvimento de novos medicamentos para cura de doenças. Portanto, este estudo aborda a composição química do óleo essencial dos frutos verdes de Protium ovatum e a avaliação de seus potenciais tripanocida e citotóxico. O óleo essencial foi obtido por hidrodestilação, utilizando o aparato do tipo Clevenger. A composição química foi determinada por cromatografia gasosa acoplada ao espectrômetro de massas (CG-EM). Os principais compostos encontrados no óleo essencial dos frutos verdes de P. ovatum foram: ß-mirceno (62,0 %), a-pineno (11,3 %) e limoneno (7,3 %). Este é o primeiro relato da composição química do óleo essencial obtido a partir de frutos verdes de P. ovatum. Os resultados mostraram que o óleo essencial analisado apresenta forte atividade tripanocida contra as formas tripomastigota da cepa Y do Trypanosoma cruzi (IC50 = 1,2 µg/mL). O óleo essencial exibiu ainda moderada citotoxidade frente à linhagem LLCMK2 na concentração avaliada (CC50 = 550,3 µg/mL). Em suma, o óleo essencial dos frutos verdes de P. ovatum pode ser considerado uma fonte alternativa para o desenvolvimento de novos medicamentos antiparasitários.