Scielo RSS <![CDATA[Revista Brasileira de Fruticultura]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=0100-294520200005&lang=pt vol. 42 num. 5 lang. pt <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <![CDATA[Estrutura da variabilidade fenotípica de caracteres de frutos e sementes de baruzeiro (<em>Dipteryx alata</em> vog.)]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452020000500101&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Dipteryx alata Vogel (“baru tree”) is a fruit species native to the Brazilian Cerrado and presents a multiplicity of uses, constituting a priority species for domestication and cultivation studies. The objective of the current study was to characterize fruit and seeds of D. alata from several regions of the Brazilian Cerrado biome to support strategies for ex situ conservation and utilization of the genetic variability of the species. Fruits were collected from 25 subpopulations, sampling six mother plants per subpopulation, with collection of at least 25 fruits per plant. The physical trait data of the fruits and seeds were submitted to descriptive analysis, analysis of variance and correlation among traits. There was significant variation for all traits among subpopulations and among individuals within subpopulations. The highest proportion of variability was observed among individuals within subpopulations. The phenotypic differentiation among subpopulations was higher for fruit traits compared to seed traits. The correlation analysis showed the existence of significant correlations for most of the traits pairs in the different hierarchical levels. It was concluded that D. alata presents phenotypic variability to support germplasm collection programsand formation of base populations for breeding programs, recommending the sampling in several locations to ensure an adequate representativeness of the phenotypic variability.<hr/>Resumo Dipteryx alata Vog. (barueiro) é uma espécie frutífera nativa do Cerrado brasileiro e apresenta uma multiplicidade de usos, constituindo-se em espécie prioritária para estudos de domesticação e cultivo. O presente trabalho teve como objetivo caracterizar fisicamente frutos e sementes de barueiro provenientes de coleta de germoplasma em diferentes regiões do Cerrado visando, à conservação ex situ e à utilização da variabilidade genética da espécie. Foram coletados frutos de plantas de 25 subpopulações, em seis estados, amostrando seis matrizes por subpopulação, com coleta de, pelo menos, 25 frutos por matriz. Os dados de caracterização física dos frutos e das sementes foram submetidos à análise descritiva, análise de variância e correlação entre caracteres. Houve variação significativa para todas as variáveis avaliadas entre subpopulações e entre matrizes dentro de subpopulações. A maior proporção da variabilidade foi observada entre matrizes dentro de subpopulações. A divergência fenotípica entre subpopulações foi maior para caracteres de frutos em comparação com caracteres de sementes. A análise de correlação demonstrou a existência de correlações significativas para a maioria dos pares de caracteres avaliados nos diferentes níveis hierárquicos. Conclui-se que D. alata possui variabilidade fenotípica para sustentar programas de coleta de germoplasma e formação de populações-base para programas de melhoramento genético, recomendando-se a coleta em múltiplas procedências para assegurar uma adequada representatividade da variabilidade fenotípica. <![CDATA[Estimativa da área foliar de <em>Anacardium humile</em>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452020000500501&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract The Anacardium humile A. St.- Hil. fruit tree has productive potential, being their fruits appreciated in the Cerrado region for having characteristic flavor, however, this species is still exploited in an extractive way, being necessary studies for its domestication. The aim of this work was to estimate the leaf area of Anacardium humile. One hundred leaves were collected in the biological collection from a genetic resources field and evaluated for length, width and fresh weight, and scanned at resolution of 300 dpi to determine the leaf area with the aid of the ImageJ image analysis program. Subsequently, a leaf disc with a diameter of 22.27 mm was detached at the basal portion of each leaf, in which the fresh weight of the discs was obtained. Data were submitted to descriptive analysis and the relationship among the features explained by Pearson’s correlation with the software Rbio. The data were also subjected to regression analysis to explain the relationship between leaf area and measurements of width, length and leaf weight, and to fit the proper statistical model with the software Origin. It was concluded that leaf area can be determined by image analysis software and linear measurements are correlated to leaf area.<hr/>Resumo As plantas de Anacardium humile A. St.- Hil. (cajuzinho-do-cerrado) possuem potencial produtivo, sendo seus frutos apreciados na região do Cerrado por apresentarem sabor característico; no entanto, esta espécie ainda é explorada de forma extrativista, fazendo com que sejam necessários estudos que objetivem sua domesticação. O objetivo do presente trabalho foi estimar a área foliar de plantas de Anacardium humile. As folhas foram coletadas na coleção biológica de um campo de recursos genéticos e avaliadas quanto ao comprimento, largura e massa fresca, e foram escaneadas na resolução de 300 dpi para determinar a área foliar com auxílio do programa de análise de imagens ImageJ. Posteriormente, foi destacado um disco foliar na porção basal de cada folha com o auxílio de um vazador de 22,27 mm, no qual se obteve a massa fresca dos discos. Os dados foram submetidos à análise descritiva, e a relação entre as características, explicadas pela correlação de Pearson no programa Rbio. Os dados foram ainda submetidos a analises de regressão para explicar a relação entre a área foliar e as medidas de comprimento, largura e peso das folhas, e para ajustar o modelo matemático adequado com o software Origin. Concluiu-se que a área foliar pode ser determinada por programas de análises de imagens que a as medidas lineares se relacionam com a área foliar. <![CDATA[Perfil dos produtores e da adoção de tecnologias no cultivo de maracujá na região do Triângulo Mineiro]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452020000500502&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Productivity of passion fruit in Brazil varies widely among producers in different states and regions depending on the adoption of technologies. In this study, the goal was to evaluate the producers profile and use of technologies in passion fruit production in the Triângulo Mineiro region, driven by the local juice industry. The research was carried out from 2018 to 2019, using Behavioral Diagnosis of Productive Activity methodology, based on questionnaires applied to 22 producers in eight cities. The data were submitted to descriptive and multivariate statistical analysis. Most producers grow passion fruit in up to 5 ha, in a family work regimen, and have little experience. The cultivation system is open field in vertical trellis, with a production cycle of 1.5 years. The great majority use manual pollination, chemical and organic fertilization, and do not systematically adopt integrated phytosanitary management. The seedlings are purchased from qualified nurseries and the most planted cultivar is the FB 300. The main losses reported by producers were caused by drought and damage to floral bud, with an average fruit yield of 17 t ha-1 year-1. This production chain is structured but requires technical interventions to increase the profitability and sustainability of the production system.<hr/>Resumo A produtividade do maracujazeiro no Brasil possui grandes variações entre produtores de diferentes Estados e regiões, em função de tecnologias adotadas. Neste trabalho, objetivou-se avaliar o perfil dos produtores e o uso de tecnologias na atividade produtiva de maracujá, na região do Triângulo Mineiro, impulsionada pela indústria de suco local. A pesquisa foi feita de 2018 a 2019, utilizando a metodologia do Diagnóstico Comportamental da Atividade Produtiva (DCAP), a partir da análise do perfil de 22 produtores, em oito municípios, e os dados foram submetidos à análise estatística descritiva e multivariada. A maioria dos produtores cultiva maracujá em até 5 ha, em regime familiar de trabalho, e possui pouco tempo de experiência. O sistema de cultivo é a céu aberto em espaldeira, com ciclo de produção de 1,5 ano. A maioria dos produtores faz polinização manual, adubação química e orgânica, e não adota, sistematicamente, o manejo integrado de pragas e doenças. As mudas são adquiridas de viveiros habilitados, e a cultivar mais plantada é a FB 300. Os principais prejuízos relatados foram causados por seca e danos no botão floral, com produtividade média de frutos de 17 t ha-1 ano-1. A cadeia produtiva está estruturada, mas há necessidade de intervenções técnicas para aumentar a rentabilidade e a sustentabilidade do sistema de produção. <![CDATA[Extração de óleo de amêndoa do Pequi por prensagem hidráulica e sua caracterização]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452020000500901&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract The seed by-products of pequi pulp processing have a kernel in its core which is not used due to the difficulty of its extraction from the spinous endocarp. However, this kernel has high quality oil which can be used for human consumption. Thus, the kernel and the oil composition as well as the conditions to obtain the kernel oil by hydraulic pressing were evaluated in this study. The kernel showed high lipid content (55.76%), therefore being a good source for obtaining oil. The oil extraction by hydraulic pressing presented a higher yield at 5.5 tons to 6.0 tons of force and 9% to 10% moisture. Oil recovery was 75%. The pequi kernel oil showed low acid (0.17 mg KOH/g) and peroxide (1.22 mEq O2/kg) values. The kernel oil also presented high levels of oleic acid (42.47%). The results indicate that the kernel oil extraction is an alternative form for using seeds to increase the producer/processor income and to decrease residue volumes in the pequi processing industry.<hr/>Resumo Os caroços, subprodutos do processamento da polpa de pequi, têm em seu núcleo uma amêndoa que não é utilizada devido à dificuldade de sua extração a partir do endocarpo espinhoso. No entanto, essa amêndoa possui óleo de alta qualidade que pode ser usado para consumo humano. Neste trabalho, avaliaram-se a composição da amêndoa e do óleo, bem como as condições de obtenção do óleo da amêndoa por prensagem hidráulica. A amêndoa apresentou alto teor lipídico (55,76%), sendo boa fonte de obtenção de óleo. A extração de óleo por prensagem hidráulica apresentou maior rendimento nas faixas de 5,5 ton a 6,0 ton de força e 9% a 10% de umidade. A recuperação de óleo foi de 75%. O óleo de amêndoa de pequi apresentou baixos valores de índice de acidez (0,17 mg KOH / g) e peróxidos (1,22 mEq O2 / kg). Além disso, o óleo de amêndoa apresentou altos níveis de ácido oleico (42,47%). Esses resultados indicam que a extração de óleo de amêndoa é uma forma alternativa de utilização de caroços para aumentar a renda do produtor / processador e para diminuir o volume de resíduos no processamento de pequi. <![CDATA[Caracterização genética, físico-química e avaliação da atividade antioxidante de cultivares comerciais de abacate de Risaralda, Colômbia]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452020000500902&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract This research aimed at performing the molecular characterization of commercial Papelillo avocado (Persea americana cv Lorena) cultivars from the municipality of Marsella (Risaralda, Colombia), as well as the physicochemical analysis and antioxidant activity assessment of the pulp and seed. An evaluation of 50 individuals among commercial varieties and possible patterns was performed using 17 microsatellite markers. Proximate analysis of the pulp was performed, and the fatty acid profile of oils, the antioxidant activity by the DPPH and FRAP methods, and the total phenolic content were evaluated. From the cluster analysis, Dice index, and Principal Coordinates Analysis, it became evident that all the individuals showed a tendency to group by populations. In addition, the pulp revealed high fiber contents (4.96–20.64%) and moisture (80.75–82.96%); however, it showed low oil content (5.97–6.56%). The fatty acid found in the highest proportion in seed oil is linoleic acid and that in pulp oil is oleic acid. The antioxidant activity by the DPPH method for seed oil (87.87 to 91.04%) presented a greater inhibition concerning to the pulp oil (20.34% and 24.43%), this same trend was observed by the FRAP method. Concerning the content of total phenols, the seed oil (31.94–76.30 mg GAE g-1) has a higher value than the pulp (30.18–54.30 mg GAE g-1). The set of samples was characterized as a significant source of genetic variability; thanks to the excellent alternatives they provide as rootstocks for commercial varieties such as the ‘Lorena’ cultivars. The chemical classification carried out in this study is of great importance, due to the lack of information about the oil of the ‘Papelillo’ avocado cultivated in different regions of Colombia.<hr/>Resumo Esta pesquisa teve como objetivo realizar a caracterização molecular de cultivares comerciais de abacate Papelillo (Persea americana cv. Lorena) do município de Marsella (Risaralda, Colômbia); bem como a caracterização físico-química e avaliação da atividade antioxidante da polpa e da semente. Realizou-se uma avaliação de 50 indivíduos entre variedades comerciais e possíveis padrões utilizando 17 marcadores microssatélites. Analisou-se a composição centesimal da polpa e avaliou-se o perfil de ácidos graxos dos óleos, o conteúdo fenólico total e a atividade antioxidante pelos métodos DPPH e FRAP. A partir da análise de cluster, índice de dados e análise de coordenadas principais, tornou-se evidente que todos os indivíduos mostraram uma tendência de agrupar por populações. Além disso, a polpa revelou altos teores de fibras (4.96 a 20.64%) e umidade (80.75 a 82.96%); no entanto, mostrou baixo teor de óleo (5.97-6.56%). O ácido graxo encontrado na maior proporção no óleo de semente é o ácido linoléico e o do óleo de polpa é o ácido oleico. A atividade antioxidante pelo método DPPH que o óleo de semente (87.87 a 91.04%) apresentou maior inibição em relação ao óleo de polpa (20.34% e 24.43%): essa mesma tendência foi observada pelo método FRAP. Com relação ao conteúdo de fenóis totais, o óleo de semente (31.94 a 76.30 mg de GAE g-1) tem um valor mais alto que a polpa (30.18 a 54.30 mg de GAE g-1). O conjunto de amostras foi caracterizado como uma fonte significativa de variabilidade genética, graças às excelentes alternativas que eles fornecem como porta-enxertos para variedades comerciais, como as cultivares ‘Lorena’. A classificação química realizada neste estudo é de grande importância, devido à falta de informações sobre o óleo do abacate ‘Papelillo’ cultivado em diferentes regiões da Colômbia. <![CDATA[Poda de desponte e uso de biofertilizante no crescimento de Nogueiras-Pecã]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452020000503001&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract In Brazil, the cultivation of pecan trees has substantially increased in the last years, thus requiring the development of scientific research and technologies to improve it. Thus, the aim of this study was to evaluate the tipping off effect associated with the use of biofertilizer in the growth of newly implanted plants in their final site. The treatments consisted of : control; application of “supermagro” biofertilizer; tipping off of plants, and tipping off associated with the use of biofertilizer. The variables evaluated were: plant height; plant growth rate; stem thickness; number of leaves, and number of leaves/stem height ratio. In addition, leaf nutrient content analysis was performed. Tipping off and the use of biofertilizer provide greater growth of the plant height and cultivar scion diameter after sprouting. Thus, tipping off associated with biofertilizer can be used in the early phase of the pecan orchard implantation to provide the best plant development.<hr/>Resumo O objetivo deste estudo foi avaliar o efeito de desponte associado ao uso de biofertilizantes no crescimento da planta, da cultivar Barton, recém-implantada no local definitivo. O experimento foi conduzido em uma propriedade rural, no município de Morro Redondo (RS). Os tratamentos consistiram em: testemunha; aplicação do biofertilizante supermagro; desponte de plantas, e desponte associado à aplicação do biofertilizante. O estudo foi conduzido entre julho de 2017 e setembro de 2018. A prática de desponte na poda de formação da nogueira-pecã promoveu o crescimento da planta com relação à altura, ao diâmetro do enxerto, à estimulação no tempo de brotação e ao número de folhas. A utilização do biofertilizante estimulou maior crescimento da altura das plantas. Além disso, foi observada maior concentração de nutrientes por via foliar nas plantas que receberam o desponte associado ao biofertilizante. A prática de desponte e o uso do biofertilizante apresentaram maior crescimento da altura da planta e diâmetro da cultivar-copa no período avaliado. Assim, a utilização de desponte, associado ao uso de biofertilizante, é uma alternativa que pode ser utilizada na fase inicial de implantação do pomar de nogueiras-pecã para proporcionar o melhor desenvolvimento da planta. <![CDATA[Exportação de nutrientes em tangerinas produzidas em sistema orgânico no subtrópico brasileiro]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452020000503002&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract The knowledge on the amount of nutrients exported by citrus fruit is an adequate tool to estimate nutrient demand reposition and this information about mandarin is very scarce. In this context, the objective of this study was to determine the nutrient content and exportation by mandarin fruits harvest, in an orchard managed under organic production system. An experiment was carried out in an organic orchard of adult mandarin trees (23 years), located in Rio Grande do Sul State (Brazil). The total content of macronutrients and micronutrients was determined in the mandarin fruits and the exportation was estimated by average yields in two seasons (2013/2014 and 2014/2015). The average exportation of macronutrient was 3.3, 2.3, 1.3, 0.4 and 0.3 kg t-1 for N, K, Ca, P and Mg, respectively; and of micronutrients was 6.3, 4.6, 1.5, 0.7 and 0.5 g t-1 for Fe, B, Zn, Mn and Cu, respectively. The N exportation in mandarin fruits does not comply with the current information used for citrus fertilizer recommendations, where the K is the nutrient most exported. Regarding micronutrients, besides the exported amounts vary among the literature, the magnitude order follows the same observed in our study. We propose these new standards for reposition of macronutrients and micronutrients in established mandarin orchards under organic management, contributing to a more accurate fertilizer recommendation.<hr/>Resumo O conhecimento sobre a quantidade de nutrientes exportados por frutas cítricas é uma ferramenta adequada para estimar a reposição de nutrientes, e estas informações para tangerinas são escassas. Nesse contexto, o objetivo deste estudo foi determinar o teor e a exportação de nutrientes pela colheita de frutos de tangerineiras, em um pomar manejado sob sistema orgânico de produção. Um experimento foi realizado em um pomar orgânico de tangerineiras adultas (23 anos), localizado no Rio Grande do Sul, Brasil. O teor total de macronutrientes e de micronutrientes foi determinado nos frutos de tangerina, e a exportação foi estimada pela produtividade média de duas safras (2013/2014 e 2014/2015). A exportação média de macronutrientes foi de 3,3; 2,3; 1,3; 0,4 e 0,3 kg t-1 para N, K, Ca, P e Mg, respectivamente; e de micronutrientes foi de 6,3; 4,6; 1,5; 0,7 e 0,5 g t-1 para Fe, B, Zn, Mn e Cu, respectivamente. A exportação de N pelas tangerinas não condiz com as informações atuais utilizadas para recomendações de adubação em citros, sendo o K o elemento mais exportado. Em relação aos micronutrientes, além de as quantidades exportadas variarem entre a literatura, a ordem de magnitude segue a mesma observada em nosso estudo. Propomos esses novos padrões para reposição de macronutrientes e de micronutrientes em pomares estabelecidos de tangerina sob manejo orgânico, contribuindo para uma recomendação de adubação mais precisa. <![CDATA[Otimização da amostragem de solo usando análise espacial em área de mangueira irrigada nas condições semiáridas brasileiras]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452020000503003&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Soil sampling is a fundamental procedure in the decision making regarding the management of the soil, thus, a sampling plan should represent as accurately as possible the evaluated crop field. Therefore, the objectives of this study were to suggest a soil sampling approach and soil sampling point allocation using spatial analyses and compare to the classic statistic method in irrigated mango orchards in the Brazilian semi-arid region. The experiment was carried out in three commercial mango orchards located in the region of the São Francisco Valley, Brazil. Soil samples were collected in 0-0.2 m and 0.2-0.4 m depths following regular grids where the number of samples varied from 50 to 56. Soil texture, soil bulk density, soil total porosity, microporosity, macroporosity, pH, Ca, Mg, Na, K, Al, P, potential acidity, and the sum of basis were evaluated. Classical and geostatistical statistics were used to determine the ideal number of soil samples. Fuzzy c-means clustering technique was used to separate the areas into homogeneous zones and to allocate the sampling points. The wide method of 20 individual soil samples proved to be inefficient. On the other hand, the use of geostatistics proved to be efficient and is required for each crop field. The c-means clustering was adequate to separate the areas into homogeneous zones and, thus, to assist the sampling point allocation.<hr/>Resumo A amostragem do solo é um procedimento fundamental na tomada de decisão sobre o manejo do solo; portanto, um plano de amostragem deve representar o mais acuradamente possível o campo de cultivo avaliado. Os objetivos do estudo foram avaliar uma abordagem de amostragem de solo e a alocação de pontos amostrais usando análise espacial e comparar com o método da estatística clássica em pomares de manga irrigada na região do semiárido brasileiro. O experimento foi realizado em três pomares comerciais de manga, no Vale do São Francisco, Brasil. As amostras de solo foram coletadas nas camadas de 0-0,2 e 0,2-0,4 m, seguindo grades regulares, onde o número de amostras variou de 50 a 56. A textura do solo, de densidade, porosidade total, microporosidade, macroporosidade, bem como seu pH, Ca, Mg, Na, K, Al, P, acidez potencial e a soma de bases foram avaliados. Estatística clássica e geoestatística foram usadas para determinar o número ideal de amostras de solo. A técnica de agrupamento fuzzy c-means foi usada para separar as áreas em zonas homogêneas e alocar os pontos de amostragem. O método de coleta de 20 amostras simples de solo mostrou-se ineficiente. Por outro lado, o uso da geoestatística provou ser eficiente e é necessário para cada campo de cultivo. O agrupamento fuzzy c-means foi adequado para separar as áreas em zonas homogêneas e, assim, auxiliar na alocação dos pontos amostrais. <![CDATA[Bananeira ‘Prata-Anã’ submetida a lâminas de irrigação, densidades de plantio e poda de pencas]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452020000506001&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract The objective of this study was to assess the effect of planting densities, irrigation levels and bunch trimming on yield, fruit grading and water-use efficiency (WUE) of ‘Prata-Anã’ banana plants. The following factors were combined in a randomized block design: three irrigation levels (IL), 50, 75 and 100% crop evapotranspiration (ETc); four planting densities (PD)- 1,666; 2,083; 2,666 and 3,333 plants ha-1; and two bunch trimming treatments (BT), removal of either one or two hands from the bunch. The treatments were arranged in a split-split plot design. Irrigation level was assigned to main plots, PD to subplots and BT to sub-subplots, with four replicates. Measurements were made in the first production cycle. Removing two hands increased number of leaves, leaf area, leaf area index, fruit weight, fruit diameter, total hand weight and mean hand weight of ‘Prata-Anã’ banana plants. A plant density population of 3,333 plants ha-1 combined with an irrigation level at 75% ETc improves plant development and yield while maintaining fruit size and saving water, regardless of removal of one or two hands from the bunch.<hr/>Resumo Objetivou-se com este trabalho avaliar a produtividade, a classificação de frutos e a eficiência de uso da água da bananeira ‘Prata-Anã’ submetida a densidades de plantio, lâminas de irrigação e poda de pencas. O delineamento experimental utilizado foi em blocos casualizados, com três lâminas de irrigação (LI); 50, 75 e 100% da evapotranspiração da cultuta (ETc), aplicadas por microaspersão; quatro densidades de plantio (DP); 1.666, 2.083, 2.666 e 3.333 plantas ha-1; e duas formas de poda de pencas (PP); uma e duas pencas; em esquema de parcelas subsubdivididas, com LI nas parcelas; DP nas subparcelas, e PP nas subsubparcelas; com quatro repetições, no primeiro ciclo de produção. A poda de duas pencas aumenta o número de folhas, a área foliar, o índice de área foliar, a massa e o diâmetro dos frutos, a massa total e a massa média das pencas na bananeira ‘Prata-Anã’. A densidade de 3.333 plantas ha-1 e a lâmina de irrigação de 75% da ETc proporcionam os melhores resultados para o desenvolvimento da planta, com aumento de produtividade, manutenção da classificação comercial e economia de água, independentemente da poda de pencas. <![CDATA[Produção de bananeira ‘Prata-Anã’ com déficit hídrico e alta densidade de plantio]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452020000506002&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Yield-improving and water-saving techniques assume great importance in the cultivation of banana plants under semiarid regions, prone to greater climate variability. The objective of this study was to evaluate yield and water-use efficiency (WUE) response of ‘Prata-Anã’ banana plants to combinations of plant densities and irrigation levels: three irrigation levels, 50, 75 and 100% crop evapotranspiration (ETc), and four plant densities, 1,666 (3.0 x 2.0 m), 2,083 (3.0 x 1.6 m), 2,666 (3.0 x 1.25 m) and 3,333 (3.0 x 1.0) plants ha-1, evaluated in two production cycles. The treatments were laid out in a randomized block design with four replicates. Increasing plant density up to 3,333 plants ha-1 induced reductions in number of leaves at harvest and some yield components; also, longer cycles, and increased yields were observed while maintaining fruit marketable size, regardless of the irrigation level used. Using an irrigation level at 50%ETc and a plant density of 3,333 plants ha-1 led to an increase in WUE of 313.92% in the first cycle and 295.27% in the second cycle compared with 1,666 plants ha-1 irrigated at 100% ETc. Higher yields and WUE can be achieved by using a plant population density of 3,333 plants ha-1 and irrigation levels below 100%ETc.<hr/>Resumo Em condições semiáridas com maior variabilidade climática, é imperativo implementar estratégias de cultivo e de manejo de irrigação para aumentar a produtividade da bananeira com economia hídrica. Objetivou-se avaliar produção e eficiência de uso de água (EUA) da bananeira ‘Prata-Anã’ sob combinações de lâminas de irrigação e densidades de plantio. Os tratamentos foram: três lâminas de irrigação, 50; 75 e 100% da evapotranspiração da cultura, ETc, quatro densidades de plantio, 1.666 (3,0 x 2,0 m), 2.083 (3,0 x 1,6 m), 2.666 (3,0 x 1,25 m) e 3.333 (3,0 x 1,0) plantas ha-1 e dois ciclos de produção, dispostos em delineamento em blocos casualizados, com quatro repetições. O aumento da densidade de plantio até 3.333 plantas ha-1 diminui o número de folhas na colheita, as características produtivas dos frutos, aumenta o período para colheita, mas eleva a produtividade e mantém a classificação comercial dos frutos, independentemente da lâmina de irrigação. A redução de 50% da ETc com aumento da densidade de plantio para 3.333 plantas ha-1 proporciona aumento de 313,92% na EUA, no primeiro ciclo, e 295,27% no segundo ciclo. É possível obter maior produtividade e maior EUA com densidade de plantio de até 3.333 plantas ha-1 e irrigação inferior a 100% da ETc.