Scielo RSS <![CDATA[Radiologia Brasileira]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=0100-398420180001&lang=pt vol. 51 num. 1 lang. pt <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <![CDATA[Derivando escore de cálcio coronariano da tomografia computadorizada torácica]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-39842018000100001&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt <![CDATA[Radiografia de tórax em unidade de terapia intensiva neonatal: um exame transecular, mas ainda essencial no manejo clínico dos recém-nascidos]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-39842018000100002&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt <![CDATA[Sellar and parasellar abnormalities]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-39842018000100003&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt <![CDATA[A conectividade funcional extrínseca da rede de modo padrão em usuários de crack-cocaína]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-39842018000100004&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Objective: This study aimed to explore the functional connectivity of the default mode network (DMN) in crack-cocaine users, in comparison with that observed in age-matched non-drug-using controls. Materials and Methods: Inpatient crack-cocaine users who had been abstinent for at least four weeks and age-matched non-drug-using controls underwent resting state functional magnetic resonance imaging. Images were acquired while the subjects rested with their eyes closed. After data preprocessing, DMNs were defined by spatial independent component analysis and seed-based correlation analysis, by chosen regions of interest centered in the ventral anterior cingulate cortex and in the posterior cingulate cortex. Results: The functional connectivity of the DMN determined by independent component analysis did not differ between the crack-cocaine users and the controls. However, the seed-based correlation analysis seeking a single metric of functional connectivity between specific brain regions showed that the negative connectivity between the ventral anterior cingulate cortex and the left superior parietal lobule was significantly greater in the crack-cocaine users than in the controls. Conclusion: The results suggest that selective extrinsic network connectivity of the DMN related to motor and executive function is impaired during crack-cocaine addiction.<hr/>Resumo Objetivo: Este estudo teve como objetivo explorar a conectividade funcional da rede de modo padrão em usuários de crack-cocaína comparando-a a controles não usuários da mesma faixa etária. Materiais e Métodos: Usuários de crack-cocaína internados em abstinência por pelo menos quatro semanas e controles não usuários pareados por idade foram submetidos a ressonância magnética funcional em estado de repouso, enquanto descansavam com os olhos fechados. Depois do pré-processamento de dados, a rede de modo padrão foi definida por análise espacial de componentes independentes e análise de correlação baseada em sementes, por regiões de interesse centradas no córtex cingulado anterior ventral e no córtex cingulado posterior. Resultados: A conectividade funcional analisada por componentes independentes não foi diferente entre os usuários de crack- cocaína e os controles pareados por idade. No entanto, a análise de correlação baseada em sementes à procura de uma conectividade funcional métrica única entre regiões específicas do cérebro mostrou uma negatividade significativamente maior da conectividade entre o córtex cingulado anterior ventral e o lóbulo parietal superior esquerdo, quando comparada a controles pareados por idade. Conclusão: Os resultados sugerem que conectividades extrínsecas seletivas da rede de modo padrão relacionadas a funções motoras e executivas podem estar comprometidas na dependência de crack-cocaína. <![CDATA[Identificação de calcificação coronariana utilizando tomografia computadorizada do tórax não sincronizada ao eletrocardiograma]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-39842018000100008&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Objective: To evaluate the accuracy of visual analysis and of the coronary artery calcium (CAC) score in nontriggered computed tomography (CT), in comparison with that of the CAC score in electrocardiogram-triggered CT, in identifying coronary calcification. Materials and Methods: A total of 174 patients for whom CT was indicated for CAC scoring underwent nontriggered and triggered CT in a 64-channel multislice scanner, in a single session without a change in position. The images were interpreted by a radiologist with seven years of experience in thoracic and cardiovascular radiology. The measurement of coronary calcium was carried out by three methods: CAC score with dedicated software in nontriggered CT, CAC score with dedicated software in triggered CT, and visual analysis without dedicated software in nontriggered CT. Results: In nontriggered CT, the CAC score presented an accuracy of 95.98% (95% CI: 91.93-98.04). The visual analysis showed an accuracy of 97.13% (95% CI: 93.45-98.77). Conclusion: Nontriggered CT showed excellent accuracy in the identification and exclusion of coronary calcification, either the CAC score was determined with dedicated software or through visual analysis.<hr/>Resumo Objetivo: Avaliar a acurácia da análise visual e do escore de cálcio (EC) por tomografia computadorizada de tórax não sincronizada ao eletrocardiograma (TCNS) na identificação de cálcio coronariano, quando comparada ao EC por tomografia computadorizada sincronizada ao eletrocardiograma (TCSE). Materiais e Métodos: Cento e setenta e quatro pacientes com indicação de realização de TC para avaliação de EC foram submetidos a TCNS e a TCSE em aparelho com 64 fileiras de detectores em sessão única, sem alteração de posicionamento. As imagens foram interpretadas por radiologista com sete anos de experiência em radiologia torácica e cardiovascular. A mensuração do cálcio coronariano foi realizada por três métodos: EC por meio de software dedicado na TCSE e na TCNS, análise visual sem uso de software dedicado na TCNS. Resultados: A TCNS apresentou acurácia de 95,98% (IC 95%: 91,93-98,04) e a análise visual apresentou acurácia de 97,13% (IC 95%: 93,45-98,77). Conclusão: A TCNS apresentou excelente acurácia na identificação e exclusão do cálcio coronariano quando comparada à TCSE, seja pela aferição do EC por software dedicado ou pela análise visual. <![CDATA[Mapa T1 e coeficiente de partição do miocárdio em aparelho 3 tesla: comparação entre gadobenato de dimeglumina e gadofosveset trissódico]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-39842018000100013&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Objective: To compare an albumin-bound gadolinium chelate (gadofosveset trisodium) and an extracellular contrast agent (gadobenate dimeglumine), in terms of their effects on myocardial longitudinal (T1) relaxation time and partition coefficient. Materials and Methods: Study subjects underwent two imaging sessions for T1 mapping at 3 tesla with a modified look-locker inversion recovery (MOLLI) pulse sequence to obtain one pre-contrast T1 map and two post-contrast T1 maps (mean 15 and 21 min, respectively). The partition coefficient was calculated as ΔR1myocardium /ΔR1blood , where R1 is 1/T1. Results: A total of 252 myocardial and blood pool T1 values were obtained in 21 healthy subjects. After gadolinium administration, the myocardial T1 was longer for gadofosveset than for gadobenate, the mean difference between the two contrast agents being −7.6 ± 60 ms (p = 0.41). The inverse was true for the blood pool T1, which was longer for gadobenate than for gadofosveset, the mean difference being 56.5 ± 67 ms (p &lt; 0.001). The partition coefficient (λ) was higher for gadobenate than gadofosveset (0.41 vs. 0.33), indicating slower blood pool washout for gadofosveset than for gadobenate. Conclusion: Myocardial T1 times did not differ significantly between gadobenate and gadofosveset. At typical clinical doses of the contrast agents, partition coefficients were significantly lower for the intravascular contrast agent than for the extravascular agent.<hr/>Resumo Objetivo: Avaliar o efeito da utilização de um agente de contraste intravascular baseado em gadolínio quelado a albumina (gadofosveset) no tempo T1 e no coeficiente de partição do miocárdio, quando comparado com um agente de contraste extravascular baseado no gadolínio não quelado a albumina (gadobenato). Materiais e Métodos: Os participantes do estudo foram submetidos a dois exames para aquisições do mapeamento T1 em aparelho de 3 tesla. Utilizando uma sequência de pulso modificada - modified look-locker inversion recovery (MOLLI) -, realizou-se uma etapa pré-contraste e duas etapas pós-contraste do mapa T1 (média de 15 e 21 minutos). O coeficiente de partição foi calculado como: ΔR1miocárdio /ΔR1sangue. Resultados: Um total de 252 valores de mapa T1 no miocárdio e no sangue foi obtido em 21 indivíduos saudáveis. Após a administração do meio de contraste, a diferença média do tempo T1 do miocárdio entre os agentes de contraste foi -7,6 ± 60 ms (p = 0,41) (isto é, gadobenato T1 &lt; gadofosveset T1). Já no sangue, a diferença média de tempo T1 foi 56,5 ± 67 ms (p &lt; 0,001) (isto é, gadobenato T1 &gt; gadofosveset T1). O coeficiente de partição foi maior para o gadobenato (λ = 0,41) do que para o gadofosveset (λ = 0,33), refletindo uma eliminação mais lenta do gadofosveset em comparação com o gadobenato. Conclusão: Os tempos T1 do miocárdio não foram significativamente diferentes entre gadobenato e gadofosveset. Os coeficientes de partição foram significativamente mais baixos para o agente de contraste intravascular em comparação com o agente extravascular em doses clínicas típicas de cada contraste. <![CDATA[Atelectasia pulmonar em recém-nascidos com doenças clinicamente tratáveis submetidos a ventilação mecânica: aspectos clínicos e radiológicos]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-39842018000100020&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Objective: To analyze the radiological aspects of pulmonary atelectasis in newborns on mechanical ventilation and treated in an intensive care unit, associating the characteristics of atelectasis with the positioning of the head and endotracheal tube seen on the chest X-ray, as well as with the clinical variables. Materials and Methods: This was a retrospective cross-sectional study of 60 newborns treated between 1985 and 2015. Data were collected from medical records and radiology reports. To identify associations between variables, we used Fisher's exact test. The level of significance was set at p &lt; 0.05. Results: The clinical characteristics associated with improper positioning of the endotracheal tube were prematurity and a birth weight of less than 1000 g. Among the newborns evaluated, the most common comorbidity was hyaline membrane disease. Atelectasis was seen most frequently in the right upper lobe, although cases of total atelectasis were more common in the left lung. Malpositioning of the head showed a trend toward an association with atelectasis in the left upper lobe. Conclusion: Pulmonary atelectasis is a common complication in newborns on mechanical ventilation. Radiological evaluation of the endotracheal tube placement provides relevant information for the early correction of this condition.<hr/>Resumo Objetivo: Analisar os aspectos radiológicos da atelectasia pulmonar em recém-nascidos com doenças clinicamente tratáveis submetidos a ventilação mecânica e atendidos em uma unidade de tratamento intensivo neonatal, associando características da atelectasia com o posicionamento da cabeça e da cânula endotraqueal na radiografia de tórax e com variáveis clínicas. Materiais e Métodos: Estudo de corte transversal e retrospectivo, em que foram incluídos 60 pacientes internados entre 1985 e 2015. A coleta dos dados foi realizada por meio da revisão dos prontuários e dos laudos das radiografias dos recém-nascidos. Para associação das variáveis foi realizado o teste exato de Fisher. O nível de significância adotado foi p &lt; 0,05. Resultados: As características clínicas associadas à localização inadequada da cânula foram prematuridade e o peso ao nascer inferior a 1000 g. A doença clínica mais frequentemente encontrada foi a doença da membrana hialina. O lobo pulmonar superior direito foi o que apresentou maior frequência de atelectasia, e casos de atelectasia completa foram mais frequentes no pulmão esquerdo. O mau posicionamento da cabeça mostrou uma tendência de associação com atelectasia no lobo superior esquerdo. Conclusão: A atelectasia pulmonar representou uma complicação importante em recém-nascidos submetidos a ventilação mecânica, sendo a avaliação radiológica do posicionamento da cânula endotraqueal relevante para a correção precoce dessa condição. <![CDATA[Impacto dos relatórios de segunda opinião realizados por radiologistas subespecializados em ginecologia num centro oncológico: revisão sobre a ressonância magnética para o estadiamento do câncer do endométrio]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-39842018000100026&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Objective: To determine whether there are substantive differences between the initial interpretations of magnetic resonance imaging (MRI) scans acquired at outside facilities and the second-opinion interpretations of radiologists specializing in gynecologic oncology at a tertiary cancer center, among patients referred for endometrial cancer staging. Materials and Methods: This was a retrospective, comparative analysis of 153 initial and second-opinion MRI reports for endometrial cancer staging officially submitted for review by radiologists specializing in gynecologic oncology. For each case, the relationship between the initial and second-opinion reports, regarding the suggested diagnosis and the clinically relevant MRI findings reported, was categorized as "agreement" or "disagreement". Histopathology was used in order to establish the definitive diagnosis. Results: Disagreement was found in 58 (37.9%) of the 153 cases. Second-opinion interpretations reported findings that affected the preoperative cancer staging and could have led to a change in treatment in 38 cases (24.8%); that did not affect the preoperative staging but provided information that was more accurate in 8 (5.2%); and that suggested a new cancer diagnosis in 12 (7.8%). In 37 cases (24.2%), there was a potential for changes in patient care. Among the 58 cases of disagreement, a definitive (histopathological) diagnosis was made in 41 (70.7%). In 31 (75.6%) of those 41 cases, the second-opinion report was more accurate than was the initial report. Conclusion: Discordant interpretations of MRI examinations, which can have a substantial effect on the clinical management of patients, appear to be common.<hr/>Resumo Objetivo: Determinar se existe diferença substancial entre os relatórios de estudos de ressonância magnética realizados no exterior, comparativamente com os relatórios de segunda opinião elaborados por radiologistas subespecializados em oncologia ginecológica, em pacientes encaminhados a centro de referência terciária para estadiamento do câncer do endométrio. Materiais e Métodos: Foi efetuado estudo retrospectivo com comparação e análise dos respectivos relatórios, de 153 estudos de ressonância magnética submetidos para uma segunda interpretação num centro oncológico. Cada conjunto de relatórios foi categorizado como "concordante" ou "discordante", relativamente aos achados radiológicos referidos e ao diagnóstico final sugerido. A análise anatomopatológica foi utilizada para determinar o diagnóstico definitivo. Resultados: Foram identificadas discordâncias em 58/153 (37,9%) relatórios. As segundas interpretações: alteraram o estádio pré-operatório e motivaram uma potencial alteração da abordagem terapêutica em 38/153 (24,8%), forneceram informação diagnóstica mais precisa sem alterar o estádio pré-operatório em 8/153 (5,2%) e sugeriram diagnóstico de um câncer novo em 12/153 (7,8%). Quando foi possível obter um diagnóstico definitivo, encontrado em 41/58 casos (70,7%), o relatório de segunda opinião mostrou ser mais correto em 31 desses 41 estudos (75,6%). Conclusão: As discrepâncias entre relatórios realizados no exterior e reavaliados por radiologistas subespecializados são frequentes, motivando uma potencial alteração da abordagem terapêutica num número relevante de casos. <![CDATA[Estudo angiotomográfico das variações do tronco celíaco e da artéria hepática em 100 pacientes]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-39842018000100032&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Objective: To describe the main anatomical variations of the celiac trunk and the hepatic artery at their origins. Materials and Methods: This was a prospective analysis of 100 consecutive computed tomography angiography studies of the abdomen performed during a one-year period. The findings were stratified according to classification systems devised by Sureka et al. and Michels. Results: The celiac trunk was "normal" (i.e., the hepatogastrosplenic trunk and superior mesenteric artery originating separately from the abdominal aorta) in 43 patients. In our sample, we identified four types of variations of the celiac trunk. Regarding the hepatic artery, a normal anatomical pattern (i.e., the proper hepatic artery being a continuation of the common hepatic artery and bifurcating into the right and left hepatic arteries) was seen in 82 patients. We observed six types of variations of the hepatic artery. Conclusion: We found rates of variations of the hepatic artery that are different from those reported in the literature. Our findings underscore the need for proper knowledge and awareness of these anatomical variations, which can facilitate their recognition and inform decisions regarding the planning of surgical procedures, in order to avoid iatrogenic intraoperative injuries, which could lead to complications.<hr/>Resumo Objetivo: Relatar as principais variações anatômicas do tronco celíaco e da artéria hepática em sua origem. Materiais e Métodos: Foram analisadas, de forma prospectiva, 100 angiotomografias abdominais consecutivas realizadas em serviço público no período de um ano. Os achados foram categorizados segundo a classificação de Sureka et al. e de Michels. Resultados: De um total de 100 pacientes, 43 tiveram tronco celíaco normal, ou seja, tronco hepatogastroesplênico e artéria mesentérica superior originando-se separadamente da aorta abdominal. Quatro tipos de variação do tronco celíaco foram encontrados em nosso trabalho. Oitenta e dois pacientes apresentaram o padrão de anatomia normal, ou seja, a artéria hepática originando-se da artéria hepática comum e bifurcando-se em artéria hepática direita e artéria hepática esquerda. Seis tipos de variação da artéria hepática foram encontrados em nosso estudo. Conclusão: O nosso trabalho apresenta índices de variações que diferem dos artigos encontrados na literatura. Esses achados chamam a atenção para a necessidade do conhecimento das variações anatômicas no nosso meio, colaborando e facilitando o seu reconhecimento, sua utilização no planejamento técnico operatório e evitando lesões inadvertidas que poderiam comprometer o resultado dos procedimentos médicos, levando a complicações. <![CDATA[Armadilhas em imagem ponderada em difusão da pelve feminina]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-39842018000100037&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Diffusion-weighted imaging (DWI) is widely used in protocols for magnetic resonance imaging (MRI) of the female pelvis. It provides functional and structural information about biological tissues, without the use of ionizing radiation or intravenous administration of contrast medium. High signal intensity on DWI with simultaneous low signal intensity on apparent diffusion coefficient maps is usually associated with malignancy. However, that pattern can also be seen in many benign lesions, a fact that should be recognized by radiologists. Correlating DWI findings with those of conventional (T1- and T2-weighted) MRI sequences and those of contrast-enhanced MRI sequences is mandatory in order to avoid potential pitfalls. The aim of this review article is the description of the most relevant physiological and benign pathological conditions of the female pelvis that can show restricted diffusion on DWI.<hr/>Resumo A imagem ponderada em difusão (IPD) é amplamente utilizada em protocolos de ressonância magnética (RM) da pelve feminina. Fornece informações funcionais e estruturais de tecidos biológicos sem uso de radiação ionizante ou de administração intravenosa de material de contraste. Hipersinal em IPD com hipossinal simultâneo em mapas de coeficiente de difusão aparente geralmente está associada a malignidade. No entanto, esse padrão também pode ser visto em muitas lesões benignas, um fato que deve ser reconhecido por radiologistas. É imprescindível fazer a correlação dos achados de IPD com os de sequências de RM convencionais (em T1 e T2) e daquelas com contraste para evitar possíveis armadilhas. O objetivo deste artigo de revisão é descrever as condições fisiológicas e patológicas benignas mais relevantes da pelve feminina que podem demonstrar restrição à difusão da água em IPD. <![CDATA[Anormalidades selares e justasselares: achados na ressonância magnética atípicos de doenças comuns e típicos de doenças incomuns]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-39842018000100045&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo A região selar/justasselar abrange o componente ósseo da sela turca, a glândula hipofisária, o seio cavernoso e a cisterna suprasselar. As alterações dessa região podem se manifestar por consequência de hipoprodução ou hiperprodução hormonal ou por sinais e sintomas neurológicos decorrentes da compressão de estruturas adjacentes. A ressonância magnética (RM) é, atualmente, o método de avaliação por imagem de eleição para o estudo dessa região, tendo suplantado a tomografia computadorizada. O presente trabalho tem como objetivo demonstrar aspectos comuns e incomuns de imagem dessas alterações selares/justasselares que auxiliem no diagnóstico diferencial. Avaliamos, retrospectivamente, as imagens de RM de 70 pacientes com anormalidades selares/justasselares do arquivo didático e relatamos os casos com alterações mais incomuns, em que a RM teve papel importante no diagnóstico. Todos os casos foram confirmados histopatologicamente ou clinicolaboratorialmente.<hr/>Abstract The sellar/juxtasellar region comprises the bone component of the sella turcica, pituitary gland, cavernous sinus, and suprasellar cistern. Abnormalities in this region can be attributed to underproduction or overproduction of hormones or to the neurological signs and symptoms resulting from the compression of adjacent structures. Magnetic resonance imaging (MRI) is currently the imaging method of choice, having supplanted computed tomography. The aim of this study was to demonstrate the common and uncommon imaging aspects of sellar and juxtasellar changes, which could facilitate the differential diagnosis. We retrospectively evaluated the MRI scans of 70 patients with sellar/juxtasellar abnormalities from didactic files, and report those with more unusual changes, where MRI played an important role in diagnosis. All cases were confirmed histologically or clinical laboratory. <![CDATA[Lesões hepáticas que contêm gordura: ensaio iconográfico]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-39842018000100052&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract The aim of this pictorial essay is to review the spectrum of fat-containing liver lesions and their characterisation on magnetic resonance imaging with focus on the radiological features that aid in the differential diagnoses. Fat-containing liver lesions comprise a heterogeneous group of tumours with variable imaging findings. Magnetic resonance imaging clearly displays the micro- and macroscopic fat components of the lesions and other characteristic features that are helpful tools to make the differential diagnosis.<hr/>Resumo O objetivo deste ensaio é rever o espectro de lesões hepáticas que contêm gordura e caracterizar seus aspectos de imagem na ressonância magnética, com foco nas características radiológicas que auxiliam no diagnóstico diferencial. As lesões hepáticas que contêm gordura compreendem um grupo heterogêneo de tumores com aspectos de imagem variáveis. A ressonância magnética exibe claramente os componentes de gordura microscópica e macroscópica das lesões e outras características que são úteis para fazer diagnósticos diferenciais. <![CDATA[Trombose parcial do corpo cavernoso]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-39842018000100058&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract The aim of this pictorial essay is to review the spectrum of fat-containing liver lesions and their characterisation on magnetic resonance imaging with focus on the radiological features that aid in the differential diagnoses. Fat-containing liver lesions comprise a heterogeneous group of tumours with variable imaging findings. Magnetic resonance imaging clearly displays the micro- and macroscopic fat components of the lesions and other characteristic features that are helpful tools to make the differential diagnosis.<hr/>Resumo O objetivo deste ensaio é rever o espectro de lesões hepáticas que contêm gordura e caracterizar seus aspectos de imagem na ressonância magnética, com foco nas características radiológicas que auxiliam no diagnóstico diferencial. As lesões hepáticas que contêm gordura compreendem um grupo heterogêneo de tumores com aspectos de imagem variáveis. A ressonância magnética exibe claramente os componentes de gordura microscópica e macroscópica das lesões e outras características que são úteis para fazer diagnósticos diferenciais. <![CDATA[Coluna vertebral dupla: a propósito de um caso]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-39842018000100059&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract The aim of this pictorial essay is to review the spectrum of fat-containing liver lesions and their characterisation on magnetic resonance imaging with focus on the radiological features that aid in the differential diagnoses. Fat-containing liver lesions comprise a heterogeneous group of tumours with variable imaging findings. Magnetic resonance imaging clearly displays the micro- and macroscopic fat components of the lesions and other characteristic features that are helpful tools to make the differential diagnosis.<hr/>Resumo O objetivo deste ensaio é rever o espectro de lesões hepáticas que contêm gordura e caracterizar seus aspectos de imagem na ressonância magnética, com foco nas características radiológicas que auxiliam no diagnóstico diferencial. As lesões hepáticas que contêm gordura compreendem um grupo heterogêneo de tumores com aspectos de imagem variáveis. A ressonância magnética exibe claramente os componentes de gordura microscópica e macroscópica das lesões e outras características que são úteis para fazer diagnósticos diferenciais. <![CDATA[Fragmentos de agulhas de acupuntura identificados em radiografia e tomografia computadorizada de tórax]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-39842018000100060&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract The aim of this pictorial essay is to review the spectrum of fat-containing liver lesions and their characterisation on magnetic resonance imaging with focus on the radiological features that aid in the differential diagnoses. Fat-containing liver lesions comprise a heterogeneous group of tumours with variable imaging findings. Magnetic resonance imaging clearly displays the micro- and macroscopic fat components of the lesions and other characteristic features that are helpful tools to make the differential diagnosis.<hr/>Resumo O objetivo deste ensaio é rever o espectro de lesões hepáticas que contêm gordura e caracterizar seus aspectos de imagem na ressonância magnética, com foco nas características radiológicas que auxiliam no diagnóstico diferencial. As lesões hepáticas que contêm gordura compreendem um grupo heterogêneo de tumores com aspectos de imagem variáveis. A ressonância magnética exibe claramente os componentes de gordura microscópica e macroscópica das lesões e outras características que são úteis para fazer diagnósticos diferenciais. <![CDATA[Metástases cutâneas com comprometimento ósseo secundárias a carcinoma epidermoide paranasal]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-39842018000100061&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract The aim of this pictorial essay is to review the spectrum of fat-containing liver lesions and their characterisation on magnetic resonance imaging with focus on the radiological features that aid in the differential diagnoses. Fat-containing liver lesions comprise a heterogeneous group of tumours with variable imaging findings. Magnetic resonance imaging clearly displays the micro- and macroscopic fat components of the lesions and other characteristic features that are helpful tools to make the differential diagnosis.<hr/>Resumo O objetivo deste ensaio é rever o espectro de lesões hepáticas que contêm gordura e caracterizar seus aspectos de imagem na ressonância magnética, com foco nas características radiológicas que auxiliam no diagnóstico diferencial. As lesões hepáticas que contêm gordura compreendem um grupo heterogêneo de tumores com aspectos de imagem variáveis. A ressonância magnética exibe claramente os componentes de gordura microscópica e macroscópica das lesões e outras características que são úteis para fazer diagnósticos diferenciais. <![CDATA[Epipericardial fat necrosis: increasing the rate of diagnosis by disseminating knowledge within a single institution]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-39842018000100062&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract The aim of this pictorial essay is to review the spectrum of fat-containing liver lesions and their characterisation on magnetic resonance imaging with focus on the radiological features that aid in the differential diagnoses. Fat-containing liver lesions comprise a heterogeneous group of tumours with variable imaging findings. Magnetic resonance imaging clearly displays the micro- and macroscopic fat components of the lesions and other characteristic features that are helpful tools to make the differential diagnosis.<hr/>Resumo O objetivo deste ensaio é rever o espectro de lesões hepáticas que contêm gordura e caracterizar seus aspectos de imagem na ressonância magnética, com foco nas características radiológicas que auxiliam no diagnóstico diferencial. As lesões hepáticas que contêm gordura compreendem um grupo heterogêneo de tumores com aspectos de imagem variáveis. A ressonância magnética exibe claramente os componentes de gordura microscópica e macroscópica das lesões e outras características que são úteis para fazer diagnósticos diferenciais. <![CDATA[Criptococose pulmonar simulando captação neoplásica na PET/CT]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-39842018000100063&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract The aim of this pictorial essay is to review the spectrum of fat-containing liver lesions and their characterisation on magnetic resonance imaging with focus on the radiological features that aid in the differential diagnoses. Fat-containing liver lesions comprise a heterogeneous group of tumours with variable imaging findings. Magnetic resonance imaging clearly displays the micro- and macroscopic fat components of the lesions and other characteristic features that are helpful tools to make the differential diagnosis.<hr/>Resumo O objetivo deste ensaio é rever o espectro de lesões hepáticas que contêm gordura e caracterizar seus aspectos de imagem na ressonância magnética, com foco nas características radiológicas que auxiliam no diagnóstico diferencial. As lesões hepáticas que contêm gordura compreendem um grupo heterogêneo de tumores com aspectos de imagem variáveis. A ressonância magnética exibe claramente os componentes de gordura microscópica e macroscópica das lesões e outras características que são úteis para fazer diagnósticos diferenciais. <![CDATA[Angiomiolipomas renais gigantes em portadora de esclerose tuberosa]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-39842018000100064&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract The aim of this pictorial essay is to review the spectrum of fat-containing liver lesions and their characterisation on magnetic resonance imaging with focus on the radiological features that aid in the differential diagnoses. Fat-containing liver lesions comprise a heterogeneous group of tumours with variable imaging findings. Magnetic resonance imaging clearly displays the micro- and macroscopic fat components of the lesions and other characteristic features that are helpful tools to make the differential diagnosis.<hr/>Resumo O objetivo deste ensaio é rever o espectro de lesões hepáticas que contêm gordura e caracterizar seus aspectos de imagem na ressonância magnética, com foco nas características radiológicas que auxiliam no diagnóstico diferencial. As lesões hepáticas que contêm gordura compreendem um grupo heterogêneo de tumores com aspectos de imagem variáveis. A ressonância magnética exibe claramente os componentes de gordura microscópica e macroscópica das lesões e outras características que são úteis para fazer diagnósticos diferenciais. <![CDATA[Rim supranumerário à direita com comunicação piélica e ureter único]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-39842018000100066&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract The aim of this pictorial essay is to review the spectrum of fat-containing liver lesions and their characterisation on magnetic resonance imaging with focus on the radiological features that aid in the differential diagnoses. Fat-containing liver lesions comprise a heterogeneous group of tumours with variable imaging findings. Magnetic resonance imaging clearly displays the micro- and macroscopic fat components of the lesions and other characteristic features that are helpful tools to make the differential diagnosis.<hr/>Resumo O objetivo deste ensaio é rever o espectro de lesões hepáticas que contêm gordura e caracterizar seus aspectos de imagem na ressonância magnética, com foco nas características radiológicas que auxiliam no diagnóstico diferencial. As lesões hepáticas que contêm gordura compreendem um grupo heterogêneo de tumores com aspectos de imagem variáveis. A ressonância magnética exibe claramente os componentes de gordura microscópica e macroscópica das lesões e outras características que são úteis para fazer diagnósticos diferenciais. <![CDATA[Cricoid and cervical osteophytes causing dysphagia: an extremely rare and interesting case]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-39842018000100067&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract The aim of this pictorial essay is to review the spectrum of fat-containing liver lesions and their characterisation on magnetic resonance imaging with focus on the radiological features that aid in the differential diagnoses. Fat-containing liver lesions comprise a heterogeneous group of tumours with variable imaging findings. Magnetic resonance imaging clearly displays the micro- and macroscopic fat components of the lesions and other characteristic features that are helpful tools to make the differential diagnosis.<hr/>Resumo O objetivo deste ensaio é rever o espectro de lesões hepáticas que contêm gordura e caracterizar seus aspectos de imagem na ressonância magnética, com foco nas características radiológicas que auxiliam no diagnóstico diferencial. As lesões hepáticas que contêm gordura compreendem um grupo heterogêneo de tumores com aspectos de imagem variáveis. A ressonância magnética exibe claramente os componentes de gordura microscópica e macroscópica das lesões e outras características que são úteis para fazer diagnósticos diferenciais.