Scielo RSS <![CDATA[Revista Árvore]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=0100-676220140006&lang=en vol. 38 num. 6 lang. en <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <![CDATA[<b>Comparison between areas in restoration and reference area in Rio Grande do Sul, Brazil</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000600001&lng=en&nrm=iso&tlng=en Este estudo teve por objetivo avaliar a evolução da restauração de duas áreas degradadas em unidade de conservação de proteção integral, no bioma Mata Atlântica, no Sul do Brasil. Foram avaliados atributos da composição florística e da estrutura da vegetação, assim como a atividade enzimática do solo (amidase, urease, fosfatase e arilsulfatase), envolvida em processos ecológicos, capazes de caracterizar diferentes áreas em restauração. A vegetação do estrato superior foi amostrada em 18 parcelas de 10 x 20 m em duas áreas recuperadas (A1 e A2) e em 12 parcelas em trecho de floresta utilizada como referência (AR). Nessas parcelas, o componente arbóreo-arbustivo foi medido quanto ao diâmetro, altura e cobertura de copa dos indivíduos, e a regeneração natural foi estudada em subparcelas, através da obtenção do diâmetro do coleto e da altura até 1,0 m. A atividade enzimática foi mensurada por meio da coleta de 10 amostras de solo, nas camadas de 0 a 5 cm e de 5 a 20 cm, em cada área. Os resultados evidenciaram que as áreas em restauração apresentaram menor diversidade (H' = 2,31), em comparação com a área de referência (H' = 3,00), bem como menores valores de área basal, altura e densidade. Conclui-se que a atividade enzimática é um bom indicador para o desenvolvimento em ambas as áreas restauradas, que comparado à área de referência, ocorrerá a longo prazo, indicando a necessidade de manejo de A1 e A2, por meio da eliminação de gramíneas e espécies arbóreas exóticas, fator determinante para o sucesso da restauração.<hr/>The present study aimed to evaluate the evolution of the restoration of degraded areas, in full protection conservation unit in the Atlantic Forest biome, in southern Brazil. The evaluated attributes were floristic composition and structure of vegetation and soil enzymatic activity (amidase, urease, phosphatase and arylsulfatase), involved in ecological processes, able to characterize different areas in restoration. The vegetation of the upper stratum was sampled in 18 plots of 10 x 20 m, in two recovered areas (A1 and A2), and in 12 plots in a forest area used as reference (AR). In these plots, the tree-shrub component was measured as for the diameter, height and canopy coverage of individuals and natural regeneration was studied in subplots, through the obtention of the root collar diameter and height. The enzyme activity was measured through the collection of 10 soil samples, in layers ranging from 0 to 5 cm and 5 to 20 cm in each area. The results showed that the areas in restoration presented lower diversity (H' = 2.31) when compared to the reference area (H' = 3.00), as well as lowest basal area, height and density. It is concluded that the enzyme activity is a good indicator for the development in both areas restored, which compared to the reference area, will occur in the long term, indicating the need for management of A1 and A2, by eliminating grasses and exotic tree species, the determining factor for the success of the restoration. <![CDATA[<b>Multicriteria evaluation in the mapping of landslide susceptibility</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000600002&lng=en&nrm=iso&tlng=en No mapeamento da suscetibilidade de deslizamentos de terra, necessita-se agregar as características da paisagem que atuam de maneira distinta no processo de queda de barreira e podem representar especificidades de uma região. Nesse contexto, o objetivo deste trabalho foi avaliar o método da Média Ponderada Ordenada (MPO) para o mapeamento de áreas suscetíveis ao deslizamento de terra. O método pressupõe a integração de diferentes características da paisagem (fatores), com a associação de pesos a elas (pesos de fator - pf). Pf representa a importância desses fatores para o estudo. Utilizaram-se, neste estudo, os fatores: substrato geológico, solos, declividade do terreno, uso e cobertura do solo e precipitação. Na definição dos fatores e seus pesos, empregou-se a Técnica Participatória. Para avaliação da MPO, geraram-se dois mapas de suscetibilidade, calculando o risco de tomada de decisão (R) e nível de compensação entre fatores (C). Para o primeiro, consideraram-se apenas pf e a compensação total entre fatores (C = 100%) e para o outro, um segundo grupo de pesos (de ordenação (po), que caracteriza a influência dos fatores). Os valores de pó resultaram em valor de C = 72%. No primeiro mapa predomina o nível de suscetibilidade médio, por influência excessiva do fator declividade (fator mais influente; com o maior de pf). No segundo, como consequência de po houve a agregação dos fatores de acordo com a importância previamente definida para eles e a melhor distribuição, em relação ao primeiro, de área entre os níveis de suscetibilidade. Concluiu-se que a MPO é adequada ao mapeamento da suscetibilidade de deslizamento, e a coerência entre pf e po confere robustez ao método.<hr/>The mapping of landslides susceptibility requires the aggregation of landscape characteristics that act differently in the process of landslides and may represents specificities of a region. In this context, the general objective of this study was to evaluate the Ordered Weighted Averaging (OWA) method in the mapping of landslide susceptibility. The method presupposes the integration of different characteristics of the landscape (factors), associating weights to them (named Importance Weights - IW). IW express the importance of these factors to the study. In the study, we used the factors: geological substrate, soil type, slope, land-use and land-cover, and precipitation. In the definition of factors and their weights, the Participatory Technique was used. In order to evaluate the OWA, two susceptibility maps were generated, calculating the decision making risk (R), and compensation level among factors (C). For the first one, only the IW and the total compensation among factors were considered (C = 100%) and for the other one, a second group of weights (the Order Weights (OW), that represents the influence of factors). Using the OW we obtain C = 72%. In the first map the medium level of susceptibility was predominant, by excessive influence of the slope factor (the most influent factor; with the highest IW). In the second map, by influence of OW, there was the aggregation of factors according to the importance predefined for them and the best distribution, in relation to the first one, of area between susceptibility levels. We conclude that OWA is adequate to mapping the landslide susceptibility and that the coherence between IW and OW is responsible to determine the robustness to the method. <![CDATA[<b>Water quality in micro watersheds with agriculture in the municipalities of Santarém and Belterra, Pará</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000600003&lng=en&nrm=iso&tlng=en A expansão da fronteira agrícola no Oeste do Pará nas últimas décadas tem alterado a paisagem, antes ocupada por florestas ou agricultura familiar, provocando alterações ambientais com impacto nos recursos hídricos. O trabalho avaliou a qualidade da água de 24 microbacias hidrográficas, sob diferentes usos de solo: área natural/referência (Flona Tapajós), agricultura tradicional (PA-Moju) e agriculturas mecanizadas recentes e antigas de soja (Rodovias Curuá-Una e BR-163, respectivamente), com base na Resolução Conama nº 357/05, em Santarém e Belterra, no Pará. As coletas ocorreram em outubro/11 e abril/12. Parâmetros analisados: pH, cor, turbidez, TDS, OD, DBO, nitrato, nitrito, nitrogênio amoniacal, fósforo total, clorofila-a e coliformes termotolerantes. Confrontando os resultados com os da Resolução, constatou-se no período seco que seis microbacias da Flona Tapajós e uma do PA-Moju apresentaram concentrações abaixo dos limites permissíveis para OD. Apenas uma microbacia (BR-163) apresentou pH no intervalo aceitável, e todas as microbacias do PA-Moju superaram o limite estabelecido para clorofila-a. A cor apresentou desconformidade em quatro microbacias da Curuá-Una, durante o período chuvoso. As atividades antrópicas estão causando assoreamento e aporte de compostos e nutrientes aos recursos hídricos, promovendo a sua degradação. A Resolução nº 357/05 necessita de adequações para a região Amazônica, visto que alguns parâmetros que apresentaram valores em desconformidade com a legislação refletem condições naturais da região.<hr/>The expansion of the agricultural frontier in the west of Pará in recent decades has changed the landscape once occupied by family agriculture or forests, causing environmental changes impacting on water resources. The study evaluated the quality of water of 24 micro watersheds under different land uses: natural/reference area (Flona Tapajós), traditional agriculture (PA - Moju) and recent mechanized farming and old soybean crops (Highways Curuá-Una and BR-163, respectively), based on Conama Resolution nº357/05, in Santarém and Belterra (PA). The samples were collected in October/11 and April/12. Analyzed parameters: pH, color, turbidity, TDS, DO, BOD, nitrate, nitrite, ammonia nitrogen, total phosphorus, chlorophyll-a and fecal coliform. Comparing the results to the resolution, it was found that in the dry period six micro watersheds from Flona Tapajós and one from PA-Moju had concentrations below the permissible limits for DO. Only one micro watershed (BR-163) showed pH within the acceptable range, and all the micro watersheds from PA-Moju exceeded the limit for chlorophyll-a. The color showed inconsistency in four micro watersheds of Curuá-Una, during the rainy season. Human activities are causing siltation and supply of compounds and nutrients to water resources, promoting their degradation. Resolution nº 357/05 needs to be adjusted for the Amazon region, since some parameters that presented values in violation of the law reflect natural conditions of the region. <![CDATA[<b>Chemical and mineralogical properties of charcoals from different environments</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000600004&lng=en&nrm=iso&tlng=en O aumento das emissões dos gases de efeito estufa vem motivando diversos estudos sobre as formas de captura e sequestro de C. A incorporação do biocarvão no solo é uma forma eficiente de manter o C do biocarvão estabilizado, além de propiciar benefícios à produção agrícola. Este trabalho teve como objetivo caracterizar carvões vegetais coletados em diferentes ambientes. Foram determinados os teores de C total e C orgânico; análise elementar através da calcinação; e caracterização das amostras por difratometria de raios X, espectroscopia de absorção e microscopia eletrônica de varredura. As amostras em contato com o solo apresentaram maiores teores de COT, enquanto os teores de C total foram maiores nos carvões sem contato com o solo. Os valores de pH em H2O nas amostras de carvões em contato com o solo variaram de 4,42 a 7,24, com média de 6,8. Já o pH em KCl variou entre 2,91 e 6,88, com média de 4,68. Os teores de nutrientes foram baixos em todas as amostras. Nos carvões em contato com o solo, foram detectados caulinita, quartzo, grafite e gibbsita. Os principais grupos funcionais identificados foram O-H, C=O, C=C e C-O. A MEV das amostras 1 e 2 estruturas da madeira ficaram menos evidentes, e houve influência dos componentes e organismos dos solos nesses carvões..<hr/>The increased emissions of greenhouse gases have motivated researches about capture and sequestration of C. The use of biochar in soils is an efficient way to maintain the C in the biochar stabilized and benefit the crop yield. The objective of this research was to characterize charcoals collected at different places.It was determined: total and organic C contents; elementary analysis by calcination; characterization of the samples by X-ray diffractometry, absorption spectroscopy and scanning electron microscopy. The samples in contact with soil showedhigher TOC contents, while total C contents were higher in the charcoals without contact with soil. The pH-H2O values of charcoal samples in contact with soil ranged between 4,42-7,24, average 6,8, while pH-KCl values ranged between 2,91-6,88, average 4,68. All samples presented low nutrient contents. In the samples of charcoal in contact with soil,kaolinite, quartz, graphite and gibbsitewere detected.The main functional groups identified were O-H, C=O, C=C and C-O. In the SEM of thesamples 1 and 2,wood structures were less evident and there was influence of the soil components and organisms in these charcoals. <![CDATA[<b>Development of tree native species in a reforested area at the biodiversity corridor Santa Maria - PR</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000600005&lng=en&nrm=iso&tlng=en Objetivou-se avaliar um plantio de enriquecimento com 12 espécies arbóreas nativas da região, em uma área reflorestada do Corredor de Biodiversidade Santa Maria, localizado entre os Municípios de Santa Terezinha de Itaipu e São Miguel do Iguaçu, no Paraná. Objetivou-se, também, avaliar a persistência da espécie invasora Megathyrsus maximus (Jacq.) B. K. Simon & S. W. L. Jacobs, conhecido como capim-colonião, e alterações nas características físicas e químicas do solo. As avaliações consistiram no acompanhamento mensal da mortalidade e desenvolvimento das mudas e da massa de matéria seca obtida no manejo do capim-colonião. As alterações promovidas no solo foram verificadas por meio de três coletas de solo ao longo do experimento. A mortalidade alcançou 24,38%, sendo mais acentuada nos dois primeiros meses, janeiro (11,88%) e fevereiro (5,63%). Em relação ao desenvolvimento das mudas, destacaram-se as espécies Aloysia virgata (Ruiz & Pav.) Juss. (lixeira) e Ceiba speciosa (A. St.-Hil.) Ravenna (paineira), com acréscimos mensais em diâmetro de 0,80 mm e 0,60 mm e em altura de 5,80 cm e 1,74 cm, respectivamente. O controle do capim-colonião pela metodologia aplicada foi eficiente, não havendo reincidência considerável ao longo dos meses. Por meio das análises de solo, foi possível observar que a recuperação da área, mesmo que por período curto, mostrou-se eficiente na alteração das características físicas e químicas do solo, podendo ainda levar a novas modificações em decorrência do desenvolvimento das mudas.<hr/>This study aimed to evaluate an enrichment planting of 12 tree species native to the region, in a reforested area of the Biodiversity Corridor Santa Maria, located between the cities of Santa Terezinha de Itaipu and São Miguel do Iguaçu-PR. This study also aimed to evaluate the persistence of the invasive species Megathyrsus maximus (Jacq.) B. K. Simon & S. W. L. Jacobs, known as green panic grass, and it also monitored changes in physical and chemical characteristics of the soil. The evaluations consisted of monthly monitoring of the mortality rate and seedling growth and dry mass obtained from the management of green panic grass. The changes introduced in the soil were checked using three soil samples throughout the experiment. Mortality reached a percentage of 24.38%, which was more intense in the first two months: January (11.88%) and February (5.63%). Regarding the development of seedlings, the species that stood out were Aloysia virgata (Ruiz & Pav.) Juss. (sweet almond verbena), and Ceiba speciosa (A.St.-Hil.) Ravenna (silk floss tree), with monthly increases in diameter of 0.80 mm and 0.60 mm, and in height of 5.80 cm and 1.74 cm, respectively. The control of green panic grass by the applied methodology was efficient, with no significant recurrence over the months. Through soil analysis, it was possible to observe that the recovery of the area, even for a short period, proved to be effective in altering the physical and chemical characteristics of the soil, and it may also lead to new modifications due development of seedlings. <![CDATA[<b>Reproductive biology of <i>Sideroxylon obtusifolium</i> (Roem. & Schult.) T.D. Penn. (Sapotaceae) in the semiarid region of Bahia</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000600006&lng=en&nrm=iso&tlng=en O objetivo deste trabalho foi estudar a fenologia, biologia reprodutiva e visitantes florais de Sideroxylon obtusifolium em área de caatinga. O estudo foi realizado de outubro de 2003 a setembro de 2005, em populações naturais de S. obtusifolium, na Reserva Legal do Projeto Salitre, em Juazeiro, BA. Os dados fenológicos indicaram que as fenofases vegetativas (brotação e senescência foliar) ocorreram ao longo do ano, enquanto a floração e frutificação foram registradas na estação seca e das chuvas, respectivamente. As flores são hermafroditas, de coloração creme, exalam odor, secretam pequena quantidade de néctar (< 1 µl) e apresentam antese diurna e dicogamia protogínica. Entre os visitantes florais, foram registradas abelhas, vespas, moscas e borboletas. Apis mellifera e os dípteros morfoespécie 1 e 2 foram considerados polinizadores dessa sapotácea. Quanto ao sistema de reprodução, S. obtusifolium é autógama facultativa, produzindo frutos por autopolinização (6,6%) e por polinização cruzada (33%). Diferenças no registro fenológico, na biologia floral e nos agentes polinizadores foram encontradas, em comparação com outros ambientes, indicando que as variáveis climáticas podem ser um dos diversos fatores que influenciam essa relação.<hr/>The aim of this work was to study phenology, reproductive biology and flower visitors of Sideroxylon obtusifolium in caatinga area. The study was conducted from October 2003 to September 2005, in natural populations o f S. obtusifolium in Legal Reserve Area of the Project Salitre, municipality of Juazeiro, state of Bahia, Brazil. The phenological data showed that vegetative phenophases (sprouting and leaf senescence) occurred throughout the year, while flowering and fruiting were recorded in the dry and rainy seasons, respectively. The flowers are hermaphrodite, cream color, exhale odor, secrete small amount of nectar (<1µL), have diurnal anthesis and protogynous dichogamy. Among the floral visitors, bees, wasps, flies and butterflies were recorded. Apis mellifera and dipteral morphospecies 1 and 2 were considered as pollinators of this specie. The reproduction system of S. obtusifolium is facultatively autogamous, producing fruit by self-pollination (6.6%) and by cross-pollination (33%). Differences in phenological registry, floral biology and the pollinators agents were found when compared with other environments, indicating that the climatic variables can be one of several factors that influence this relationship. <![CDATA[<b>Definition of priority areas for public use in the Cachoeira da Fumaça state park, ES, using geoprocessing</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000600007&lng=en&nrm=iso&tlng=en O Parque Estadual da Cachoeira da Fumaça (PECF) está localizado entre os municípios de Alegre e Ibitirama, no sul do Estado do Espírito Santo, possuindo área aproximada de 162,50 hectares. Levando-se em consideração a importância ambiental do PECF para o Estado do Espírito Santo, a necessidade de proteção dos ecossistemas da Mata Atlântica e suas formações associadas, bem como o aprimoramento das técnicas de gestão, este trabalho teve por objetivo propor subsídios aos gestores, através da geração de um mapa de adequabilidade com áreas prioritárias ao uso público, utilizando análise multicritério e lógica fuzzy. Os materiais utilizados foram: Ortofoto do ES, mapa de curvas de nível obtido do Geobases e para coleta de dados em campo utilizou-se GPS diferencial. Os fatores relevantes para avaliação dos aspectos relacionados ao ecoturismo que foram utilizados para produzir os mapas de adequabilidade, seguindo uma ordem de prioridade estabelecida pelo método Analytic Hierarchy Process (AHP) foram: fator cachoeira, uso dos solos, massa de água (contendo os rios), trilhas, locais de acessos, estruturas e declividade. Após a combinação dos fatores, foi gerado o mapa de adequabilidade para uso público, com superfície de adequabilidade mostrando a aptidão e representando o zoneamento da área do PECF para o objetivo proposto. A partir do zoneamento da Unidade de Conservação foi possível mostrar as áreas com diferentes graus de aptidão ao ecoturismo de acordo com suas distâncias da cachoeira, trilhas, e da área de Mata Atlântica.<hr/>The "Cachoeira da Fumaça" State Park (PECF) is located between the municipalities of AlegreandIbitirama, in the Southern region of thrStateof Espírito Santo, comprising an area of approximately 162.50 hectares. Taking into account the environmental importance of PECF for the State of Espírito Santo, the need to protect the ecosystems of the Atlantic Forest and its associated formations, as well as the improvement of management techniques, this paper proposes subsidies to managers, through the generation of a suitability map with areas destined to public use, using multicriteria analysis and fuzzy logic. The materials used were:Orthophoto of Espírito Santo, contour lines map obtained from Geobases and a differential GPS was used to collect data in the field. The relevant factors for the assessment of aspects related to ecotourism that were used to produce suitability maps, following an order of priority established by the Analytic Hierarchy Process (AHP) method, were: waterfall factor, land use, water body (containing the rivers), trails, access sites, structures and slope. After the combination of factors, a suitability map for public usewas generated, with suitability surface showing the aptitude and representing the zoning of the PECF area for the proposed goal. From the zoning of the Conservation Unit, it was able to show areas with different degrees of aptitude to ecotourism according to their distances from the waterfall, trails, and the Atlantic Forest. <![CDATA[<b>Use of hyperbolic function truncated to the description of the diameter distribution pf thinned eucalyptus</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000600008&lng=en&nrm=iso&tlng=en Objetivou-se, neste estudo, avaliar a utilização da função hiperbólica completa de três parâmetros, com a supressão e utilização do parâmetro de locação como diâmetro mínimo e a função com truncamento à direita, em função do diâmetro máximo da descrição da distribuição diamétrica de povoamentos de eucalipto submetidos a desbastes. As parcelas permanentes utilizadas foram mensuradas aos 27, 40, 50, 58, 61, 76, 87, 101 e 112, 125, 135, 147 e 160 meses, com um primeiro desbaste realizado aos 58 meses e um segundo desbaste aos 130 meses. Todos os ajustes resultaram em aderência aos dados pelo teste de Kolmogorov-Smirnov em nível de 0,01. Os valores médios do teste foram 0,0562; 0,0386; 0,0532; e 0,0387, para a função com três parâmetros, dois parâmetros, parâmetro de locação igual ao diâmetro mínimo e truncada à direita, respectivamente.<hr/>The objective of this study was to evaluate the use of the full hyperbolic function of three parameters, with the deletion and used the location as parameter function with minimum diameter and truncated to the right on the basis of maximum diameter to describe the diameter distribution of eucalyptus thinning. This study used data from an experiment on thinning. The permanent plots were measured at 27, 40, 50, 58, 61, 76, 87, 101 and 112, 125, 135, 147 and 160 months, with a first cutting out at 58 months and a second thinning at 130 months. All adjustments resulted in adherence to the data by the Kolmogorov-Smirnov (P> 0.01). The average values of the test were 0.0562, 0.0386, 0.0532 and 0.0387 for the function with three parameters, two parameters, location parameter equal to the minimum diameter and truncated to the right, respectively. <![CDATA[<b>Effects of post-harvesting silviculture in the tree population of <i>Chrysophullym lucentifolium</i> Cronquist (Goiabão) in a terra firme forest in the brazilian amazon</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000600009&lng=en&nrm=iso&tlng=en Avaliou-se o crescimento de uma população de Chrysophyllum lucentifolium Cronquist (goiabão), considerando árvores com diâmetro igual ou superior a 35 cm, em 700 ha de floresta natural de terra firme explorada com técnicas de impacto reduzido, seguidas de tratamentos silviculturais, no Município de Paragominas, PA, Amazônia brasileira. Foram estabelecidos sete tratamentos, com quatro repetições de 25 ha em cada um, em que foram aplicados os tratos silviculturais, que constaram de corte de cipós e anelagem de árvores competidoras. O crescimento da espécie foi determinado por meio do incremento periódico anual em diâmetro, no período de 2005 a 2009. Além das medidas de diâmetro, foram observadas as formas das copas das árvores e a intensidade de luz recebida pelas copas. Chrysophyllum lucentifolium não respondeu significativamente aos tratamentos silviculturais, ou seja, a anelagem e o corte de cipós parecem não ter influenciado o crescimento da espécie no período de cinco anos. No entanto, as árvores com diâmetro de 40 a 49 cm, com copas de forma regular e recebendo alta intensidade de luz, cresceram mais, na maioria dos tratamentos. Portanto, é provável que o incremento ainda vá aumentar nos anos seguintes, embora em outras áreas da Amazônia o efeito da abertura do dossel tenha estimulado o crescimento das árvores apenas até o final do terceiro ano após a exploração. Outras avaliações silviculturais da espécie devem ser realizadas para constatar se houve aceleração no crescimento nos últimos anos ou se há a necessidade de aplicar novamente os tratos silviculturais.<hr/>Growth rate of a population of Chrysophyllum lucentifolium Cronquist (goiabão) was evaluated, considering trees with diameter equal or above 35 cm,in 700 ha of a terra firme natural forest that was harvested using reduced impact techniques, followed by silvicultural treatments in the municipality of Paragominas, state of Pará, Brazilian Amazon. Seven treatments were established, with four replications of 25 ha each one. The silvicultural treatments applied were climber cutting and girdling of competitors trees. Species growth rate was evaluated by the diameter periodic annual increment, during the 2005-2009 period. Diameter measurements were recorded but also the crown shape of the trees and the intensity of light over the trees crowns were observed. Silvicultural treatments (girdling of trees and climber cutting) have not improved the Chrysophyllum lucentifolium Cronquist growth rate during the five-year study period. But trees with 40 cm to 49 cm diameter, with crowns regularly distributed and receiving high intensity of light,grew more in most treatments. Thus, probably the diameter increment will increase in the next years, although some studies in Amazon region have showed that the canopy opening has favored the tree growth rates up to the end of the third year after logging. More silvicultural evaluations must be done in order to know the species growth rate in the last years and to decide about the need of applying again silvicultural treatments. <![CDATA[<b>Structure of the woody component of the vegetation in two areas of caatinga in Floresta city, Pernambuco, Brazil</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000600010&lng=en&nrm=iso&tlng=en Avaliaram-se a composição e estrutura do componente arbustivo-arbóreo da vegetação de duas áreas de caatinga com diferentes histórias de uso, em Floresta, PE. Foram avaliadas 60 parcelas de 20 x 20 m, sendo 40 em área de vegetação secundária, 22 anos após o corte raso (Área I); e 20 parcelas em área com vegetação conservada (Área II). Foi feita a identificação botânica e medidas a circunferência à altura do peito (CAP) e a altura das árvores com CAP > 6,0 cm, estimando os parâmetros de estrutura horizontal e índices de riqueza e diversidade. A vegetação secundária apresentou maior riqueza de espécies, diferindo quanto à estrutura fitossociológica e fisionomia da vegetação conservada. Nas duas áreas, a espécie de maior Valor de Importância foi Poincianella bracteosa, cuja dominância foi maior na Área I, onde Pityrocarpa moniliformis, Piptadenia viridifolia, Senna spectabilis e Croton blanchetianus foram exclusivas. Croton rhamnifolius, Manihot glaziovii e Myracrodruon urundeuva, presentes em ambas as áreas, tiveram maior importância relativa na área conservada. Na área conservada, a vegetação apresentou área basal, altura média e máxima maiores do que na área perturbada, mostrando que a estrutura da vegetação com 22 anos ainda estava em desenvolvimento. Tomando como referência a área basal da Área II e o incremento estimado na área de vegetação secundária, a regeneração em áreas desmatadas exigiria período superior a 40 anos para reestabelecer a estrutura original.<hr/>The composition and structure of the shrub-arborealcomponent of the vegetation were analyzedin two areas of the caatinga, with different histories ofuse, in Floresta, Pernambuco, Brazil. Sixty 20x20 m plots were assessed, 40 in an area of secondary vegetation 22 years after clearing (Area I) and 20 in a conserved vegetation area (Area II). Botanic identificationwas made, and circumference at breastheight (CBH), height of trees with CBH > 6.0 cm, calculating horizontal structure parameters and species richness and diversity, were determined. The secondary vegetationshowedgreater species richness, differing from the conserved vegetation in phytosociological structure and physiognomy. In both areas, the species of greatest Importance Value was Poincianellabracteosa, the dominance of which was greater in Area I, where Pityrocarpa moniliformis, Piptadenia viridifolia, Senna spectabilis and Croton blanchetianus were exclusive. Croton rhamnifolius, Manihot glazioviie and Myracrodruon urundeuva were present in both areas but showed greater relative importance in the most conserved area. The vegetation in the conserved area had a larger basal area and larger mean and maximal height values than the disturbed area, demonstrating that the vegetation structure was still in development 22 years after use. Referring to the basal area of Area II and the estimated increment in the secondary vegetation area, regeneration in deforested areas would require more than 40 years to restore the original structure. <![CDATA[<b>Changes in the aggregate stability of latosol and podzolic according to the management between the rows of rubber trees (<i>Hevea brasiliensis</i>)</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000600011&lng=en&nrm=iso&tlng=en Realizou-se um experimento com o propósito de avaliar o efeito de diferentes sistemas de manejo aplicados na entrelinha da seringueira (Hevea brasiliensis), na estabilidade de agregados em água de um Latossolo Vermelho, textura argilosa do Município de Jaboticabal, SP, e um Argissolo Vermelho-Amarelo, textura areia/média do Município de Tabapuã, SP, cujos tratamentos consistiram em: roçadeira, adubo-verde perene (Pueraria phaseoloides) e gradagem. As amostras de solo foram retiradas após sete anos de aplicação desses manejos nas camadas de 0-0,1; 0,1-0,2; 0,2-0,3; e 0,3-,4 m. A estabilidade de agregados foi obtida em peneira com classes de tamanhos de 8-4; 4-2; 2-1; 1-0,5; 0,5-0,125; e <0,125 mm. A Pueraria phaseoloides propiciou diferença significativa em relação aos demais sistemas de manejo na camada superficial (10 cm), quanto à distribuição de agregados, apresentando maior distribuição de agregados maiores no Latossolo Vermelho. O manejo com a grade dessa mesma camada, em ambos os solos, apresentou valores superiores de agregados de tamanho pequeno. A matéria orgânica dos solos apresentou relação direta e significativa com a estabilidade dos agregados maiores e relação inversa e significativa com a estabilidade de agregados menores.<hr/>A trial was carried out with the purpose of evaluating the effect of different management systems applied between the rows of rubber trees (Hevea brasiliensis) on the aggregate stability in water of Dark Red Latosol, with clayey texture from the Municipality of Jaboticabal (SP) and Yellow Red Podzolic, sandy/medium texture fromthe Municipality of Tabapuã (SP). The treatments consisted of disk harrowing, Pueraria phaseoloides and mowing. The soil samples were withdrawn after seven years of application of these management systems from depths of 0-0.1, 0.1-0.2, 0.2-0.3, and 0.3-0.4 m. The stability of the aggregates was obtained in sieves with size classes of 8-4, 4-2, 2-1, 1-0.5, 0.5-0.125, and <0.125 mm. The Pueraria phaseoloides gave a significant difference regarding the distribution of the aggregates on the superficial layer (10 cm) when compared to the other management systems, presenting a higher distribution of larger sized aggregates on the Dark Red Latosol. The tillage management for this same depth presented higher values of small sized aggregates on both soils. The organic matter on the soils showed a direct and significant relation to the stability of the larger sized aggregates and an inverse relation with the stability of the smaller sized aggregates. <![CDATA[<b>Seed bank as indicator of restoration in multistrata agroforestry systemsin southwestern of Mato Grosso do Sul, Brazil</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000600012&lng=en&nrm=iso&tlng=en Este estudo teve por objetivo avaliar a composição do banco de sementes como indicador de restauração em quatro módulos de sistemas agroflorestais multiestratificados, com diferentes idades e em remanescente florestal nativo no Município de Amambai, região Sudoeste do Estado de Mato Grosso do Sul. As coletas de solo foram realizadas em dezembro de 2012 e consistiram em 15 amostras de 20 cm x 20 cm, a 5 cm de profundidade, distribuídas ao acaso, em cada módulo do Sistema Agroflorestal e testemunha (mata), com descarte da serapilheira, totalizando 75 amostras. As amostras foram alocadas em estufa e acondicionadas em bandejas plásticas de 3 L, agrupadas lado a lado por área de coleta. O monitoramento das plântulas ocorreu durante 180 dias, com irrigação diária. A maioria das espécies foi de herbáceas (73%), representando as arbóreas 14,2%. Entre as arbóreas, três se destacam: Trema micrantha (L.) Blume, Cecropia pachystachya Trecul e Solanum paniculatum L. Em relação à densidade de sementes viáveis no solo, ocorreu predomínio de espécies herbáceas em todas as áreas, e os valores não apresentaram diminuição em relação ao aumento em idade das áreas; entretanto, os menores valores foram encontrados na área de Mata. A densidade de sementes de espécies arbóreas aumentou conforme o avanço em idade das áreas, sugerindo o avanço sucessional dos sistemas agroflorestais multiestratificados estudados, de forma semelhante ao que ocorre em florestas em estádio secundário de sucessão, evidenciando sua capacidade em restaurar áreas degradadas.<hr/>This studyaimed to evaluatethe composition of theseed bankas indicator ofrestorationin fourmodules of multistrataagroforestry systems, with differentages, andin a remaining native forestin the Municipality ofAmambai, southwestern regionof the state of Mato Grossodo Sul. Thesoilsampleswere takenin December 2012and consisted in15 samples of20cmx20cm, 5cm depth, randomly distributedin eachmodule of agroforestry systemandcontrol (forest area), with disposal of the leaf litter, totaling 75samples. The sampleswere placedin a greenhouse, in plastic trays of 3L and groupedsideby side, by collection area. The monitoringwas made for180 days with daily irrigation.Most specieswereherbaceous(73%), the trees representing14.2%. Among thetree species, three stand out: Trema micrantha (L.) Blume, Cecropia pachystachya Trécul, and Solanum paniculatum L. Inrelation to the densityof viable seedsin the soil, there was a predominanceof herbaceous speciesin all areas,and the values for these speciesshowed nodecreasein relation toincreasing age of the areas; however,the lowest valueswere foundin theforest area. The seed density of tree species increased according to the age of the areas, suggesting successional advancement of themultistrata agroforestry systems studied, similar to what occurs in forests in secondarysuccessional stage, demonstrating its ability to restore degraded areas. <![CDATA[<b>Brazilian mahogany growth and resistance to Hypsipyla grandella under calcium and boron</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000600013&lng=en&nrm=iso&tlng=en O mogno-brasileiro possui alto valor madeireiro, mas seu cultivo comercial é inviabilizado pelo ataque da broca Hypsipyla grandella. Objetivou-se avaliar o efeito de doses de cálcio e boro nas variáveis de crescimento do mogno e na resistência ao ataque da broca H. grandella . O delineamento utilizado foi o fatorial 4² em blocos ao acaso com quatro doses de cálcio (0, 100, 200 e 400 mg L-1) e quatro de boro (0; 0,5; 2; e 4 mg L-1) e três repetições com três plantas por repetição. Avaliaram-se: altura, diâmetro, massa seca aérea e de raiz, relação parte aérea:raiz, taxa de infestação e comprimento da galeria construída pela broca. Os dados foram submetidos ao teste de Tukey a 5% e à análise de correlação e regressão. Não houve interação estatística entre os nutrientes, nem significância de altura e diâmetro do coleto. A massa de raízes e da parte aérea apresentou os maiores resultados na omissão dos elementos, verificando as menores relações parte aérea:raiz nas doses de 100 mg L-1 em função do cálcio e 0,5 mg L-1 em função do boro. A dose de 100 mg Ca L-1 proporcionou a menor taxa de infestação de H. grandella. Para a resistência do mogno ao desenvolvimento da galeria, tanto o cálcio quanto o boro apresentaram significância, sendo os menores comprimentos verificados nas doses de 100 mg L-1 Ca e 0,5 mg L-1 B, respectivamente. Esses nutrientes influenciam a resistência do mogno ao ataque da broca e evidenciam a necessidade de estudos em condições de campo.<hr/>The Brazilian mahogany has high timber value but its commercial cultivation is rendered impossible by the attack of Hypsipyla grandella shoot-borer. The aim of this study was to evaluate the effect of doses of calcium and boron on mahogany growth variables and on the resistance to the attack of its shoot-borer, H. grandella. The design was a 4² factorial randomized blocks with four doses of calcium (0, 100, 200 and 400 mg L-1), four doses of boron (0, 0.5, 2 and 4 mg L-1) and three replications with three plants per replication. It was evaluated: height; diameter; air dry mass and root dry mass; relation air:root; infestation rate and length of the gallery promoted by the shoot-borer. The results were analyzed by Tukey test at 5% and subjected to correlation analysis and regression. There was no statistical interaction between the nutrients and no significance for height and stem diameter. The mass of roots and aerial parts showed the highest results in the deletion of elements and showing the lower ratios of air: root parts in the doses of 100 mg L-1 due to calcium and 0.5 mg L-1due to boron. The 100 mg Ca L-1 dose yielded the lowest rate of infestation of H. grandella. As for the resistance to the development of the mahogany gallery, both calcium and boron were significant, and the smaller lengths observed at doses of 100 mg L-1 Ca and 0.5 mg L-1B, respectively. These nutrients influence the resistance of mahogany to the shoot-borer and show the need for studies in field conditions. <![CDATA[<b>In vitro development and acclimatization of <i>dendezeiro</i> (<i>Elaeis guineensis</i>)</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000600014&lng=en&nrm=iso&tlng=en Fruits and almond from the dendezeiro, oil palmbelonging to the Elaeis genus,are widely used for the production of cookingoils or for the pharmaceutical and cosmetic industries.In the last decade, this oil palm also emerged as a promising source for commercialbiofuel production. This study evaluated the effect of different culture media, MS (MURASHIGUE AND SKOOG) and Y3 (EEUWENS)and carbohydrates duringin vitro germination of zygotic embryos, the effect of growth regulators GA3, NAA and BA Ponin vitro seedling development, and the survival rate of acclimatized seedlingsof Manicoré hybrid (Elaeis oleifera x E. guineensis). Zygotic embryos were inoculated on MS and modified Y3 media, supplemented with different sucrose concentrations (30, 45, and 60 gL-1) or sorbitol (36 gL-1), and the germination rate was evaluated after 30 days. Subsequently, seedlings were transferred to modified Y3 culture medium supplemented with differentGA3 concentrations (3.5 and 7 mgL-1) or without it, combined or not with 1 mgL-1 of NAA, 5 mgL-1 of BAP.The highest germinationpercentage of germinated embryos (92%) was observed in MS medium supplemented with 36 gL-1 sorbitol. Culture media supplemented with growth regulatorsGA3, NAA and BAP promoted greater shoot lengththan control media. Rooted seedlings showed high survival percentage (85%) during acclimatization.<hr/>Frutos e amêndoas de dendezeiro, uma palmeira pertencente ao gênero Elaeis, são amplamente usados para a produção de óleos culinários ou para as indústrias farmacêutica e de cosméticos. Na última década esta palmeira oleífera também emergiu como fonte promissora para a produção comercial de biocombustíveis.Os objetivos deste trabalho foram avaliar o efeito de diferentes meios de cultura, MS (MURASHIGUE; SKOOG) eY3 (EEUWENS)e de carboidratos na germinação in vitro de embriões zigóticos, o efeito dos reguladores de crescimentoGA3, ANA e BAP no desenvolvimento das plântulas in vitro e a taxa de sobrevivência dessas quando aclimatizadasdohíbrido Manicoré(Elaeis oleifera x E. guineensis). Embriões zigóticos foram inoculados em meio de cultivo MS e Y3 modificado, suplementados com diferentes concentrações de sacarose (30, 45 e 60 gL-1) ou sorbitol (36 gL-1) e, após 30 dias a taxa de germinação foi avaliada. Posteriormente, as plântulas foram transferidas para meio de cultivo Y3 modificado suplementado com diferentes concentrações de GA3 (3,5 e 7 mgL-1) ou sem, combinadas ou não com 1 mgL-1de ANA,5 mgL-1 de BAP. A maior porcentagem de embriões germinados (92%) foi obtida em meio de cultivo MS suplementado com 36 gL-1 de sorbitol. Os meios de cultivo suplementados com reguladores de crescimento GA3,, ANA e BAP promoveram maior comprimento da parte aéreaque os meios sem reguladores. As plântulas com raiz apresentaram a maior porcentagem de sobrevivência (85%) durante a aclimatização. <![CDATA[<b>Indicators of sustainability for genetic conservation of <i>Erythrina velutina</i> Willd., in riparian forest area</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000600015&lng=en&nrm=iso&tlng=en Um dos grandes desafios para o sistema agropecuário é estabelecer a produção agrícola aliada à conservação dos recursos genéticos, principalmente visando à proteção de Áreas de Preservação Permanente. Nesse contexto, mulungu (Erythrina velutina Willd), entre outras espécies nativas, vem sofrendo com as pressões antrópicas nos mais diversos ecossistemas, o que causa reduções em sua base genética. Este trabalho foi realizado com o objetivo de utilizar parâmetros ecológicos e genéticos populacionais como indicadores de sustentabilidade em duas populações naturais de mulungu, situadas em áreas de floresta ciliar, no Estado de Sergipe, bem como avaliar a tendência à sustentabilidade delas, visando à conservação genética da espécie. Utilizou-se a matriz de Pressão-Estado-Impacto/Efeito-Resposta (PEI/ER) com a seleção de 13 indicadores, a partir do uso de marcadores moleculares RAPD e bioquímicos (enzimas) nas populações, de modo a apresentá-los como informações relevantes para medir o progresso quanto à sustentabilidade e conservação de mulungu. As populações estudadas apresentaram baixa tendência à sustentabilidade, necessitando de estratégias para mudança desse status.<hr/>One of the greatest challenges for the agricultural system is to establish agricultural production combined with the conservation of genetic resources, mainly aiming to protect the Permanent Preservation Areas. In this context, mulungu (Erythrina velutina Willd), among other native species, has been suffering with anthropogenic pressures in various ecosystems, causing reductions in its genetic basis. This work aims to identify ecological and genetic population parameters as indicators of sustainability in two natural populations of mulungu, located in riparian forest, in the state of Sergipe, and to assess the tendency to their sustainability, aiming genetic conservation of the species.The matrix of Pressure-State-Impact/Effect-Response (PEI/ER)was used with the selection of 13 indicators, from the use of RAPDmolecular markers and biochemical (enzymes) markers in populations, in order to present them as relevant information to measure progress as for sustainability and conservation ofmulungu. The studied populations presented low tendency to sustainability, requiring strategies to change this status. <![CDATA[<b>Influence of basal cutting system of minicutings in clonal propagation of <i>Eucalyptus urophylla</i> x <i>Eucalyptus globulus</i> subsp. <i>maidenii</i> hybrid</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000600016&lng=en&nrm=iso&tlng=en A técnica de miniestaquia permitiu o estabelecimento de florestas clonais em larga escala. Porém, pouco se avançou no seu manejo em viveiro para genótipos recalcitrantes. Assim, esse estudo teve como objetivo avaliar a influência do sistema de cortes na base de miniestacas na produção de mudas de um clone híbrido de Eucalyptus urophylla x Eucalyptus globulus subsp. maidenii. Desta forma, foram realizadas três avaliações: 1) sobrevivência aos 30 dias em casa de vegetação; 2) enraizamento aos 45 dias em casa de sombra; e 3) aproveitamento final aos 60 dias na área de rustificação. O índice de enraizamento foi determinado com base no percentual de sobrevivência. O delineamento experimental utilizado foi em blocos casualizados constituído de três tratamentos: 1) miniestacas com corte na base perpendicular (testemunha); 2) miniestacas com corte na base em bisel (corte diagonal) e 3) miniestacas cortadas perpendicularmente, com três incisões longitudinais na base. Foram avaliadas quatro blocos de 228 plantas por bloco. Os resultados de enraizamento foram superiores a 80% nos melhores tratamentos e indicam que a propagação do clone via miniestaquia é viável, não apresentando comportamento recalcitrante. Os sistemas de corte basal das miniestaca em bisel e as incisões não favoreceram a formação de raízes.<hr/>Mini-cutting technique has allowed establishing large scale clonal forests. However small progress has been observed in nursery management practices for recalcitrant genotypes. The present work aimed to evaluate the influence of different base cut systems in mini-cuttings for seedlings production of a hybrid clone of Eucalyptus urophylla x Eucalyptus globulus subsp. maidenii. Three evaluations were performed: 1) survival in the greenhouse at the 30th day; 2) number of rooted seedlings in the shade house at the 45th day; and 3) viable seedlings in the hardening area at the 60th day. Rooting evaluation was based on survival rate. The experimental design was in randomized blocks with four replications and three treatments: 1) perpendicular cut at the base of mini-cuttings (control); 2) bevel cut at the base of mini-cuttings (diagonal cut); 3) perpendicular cut at the base of mini-cuttings with three longitudinal incisions in the base. Four blocks were assessed, each block was composed by 228 plants. The results of rooting were over 80% in the best treatments, indicating that the clone propagation is feasible using mini-cutting technique, and it does not show a recalcitrant behavior. The basal cut system in bevel and in longitudinal incisions did not favor rooting. <![CDATA[<b>Diversidad florística arbórea y su relación con el suelo en un bosque pluvial tropical del chocó biogeográfico</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000600017&lng=en&nrm=iso&tlng=en El objetivo del presente estudio fue determinar la composición y diversidad florística arbórea a escala local en un bosque del Chocó biogeográfico, una de las regiones más lluviosas del mundo, y su relación con las características del sitio. Se emplearon dos parcelas de una hectárea, en las cuales se determinó la composición y diversidad de árboles con DAP > 10 cm y se relacionaron con los nutrientes del suelo, la topografíay el espacio. No se presentaron diferencias significativas entre las parcelas para las variables estructurales y de diversidad estudiadas, con valores de abundancia de 640 y 716 individuos/ha yde riqueza de 174 y 223 especies/ha.Nuestros resultados soportan la hipótesis de hiperdominancia de unos pocos grupos biológicos en los bosques húmedos tropicales. Ladiversidad arbórea a escala local se relacionó significativamente con algunas condiciones edáficas.Se presentó asociación positiva de la diversidad con el aluminio del suelo, y negativa con la topografía.No obstante, solamente un 37% de la variación en la composición florística fue explicada por las variables espaciales y ambientales (topográficas y edáficas). Por ello, aparentemente la distribución de las especies a escala local parece estar gobernada principalmente por procesos aleatorios o biológicos (como la limitación en dispersión), conforme lo propone la teoría neutral. El papel de las adaptaciones específicas al hábitat (teoría del nicho) pareciera ser limitado.<hr/>O objetivo deste estudo foi determinar a composição e diversidade florística arbórea localmente na floresta tropical de Chocó biogeográfico, uma das regiões mais úmidas do mundo, e sua relação com os recursos locais. Foram uUtilizadaram-se duas parcelas de um 1 hectareha, nos nas quais foram determinadas a composição e diversidade de árvores com DAP> 10 cm e foram avaliadas suas relações com os nutrientes do solo, a topografia e o espaço. Não houve diferenças significativas entre as parcelas para com relação àas variáveis estruturais e de diversidade estudadas, com valores de abundância de 640 e 716 indivíduos/ ha e riqueza de 174 e 223 espécies/ha. Nossos Os resultados apoiam a hipótese de hiperdominância de poucos grupos biológicos em florestas tropicais. A diversidade de árvores em escala local foi relacionada significativamente com algumas condições do solo. A associação positiva da diversidade com alumínio do solo e negativa com a topografia foi apresentada. No entanto, apenas 37% da variação na composição de espécies foi explicada por variáveis espaciais e ambientais (topografia e solo). Então, aparentemente a distribuição das espécies em escala local parece ser governada, principalmente, por processos aleatórios ou biológicos (limitação de dispersão), conforme proposto pela teoria neutra. O papel das adaptações específicas ao hábitat (teoria de nicho) parece ser limitado. <![CDATA[<b>Initial growth of <i>Bauhinia variegata</i> trees under different colored shade nets and light conditions</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000600018&lng=en&nrm=iso&tlng=en Bauhinia variegata and B. variegata var. candida, commonly known as orchid trees, are small sized trees widely used for urban forestry and landscaping. Adult plants grow under full sun; in Brazil, however, seedlings are generally cultivated in commercial nurseries under natural half-shading. The objective of this study was to evaluate the influence of different colored shade nets and light conditions on the initial growth of B. variegata and B. variegata var. candida. The influence of six light conditions (red net with 50% shading; blue net with 50% shading; black net with 70% shading; black net with 50% shading; black net with 30% shading; and full sun) on the initial growth of B. variegata and B. variegata var. candida were evaluated along 160 days, and growth relationships were calculated. Seedlings showed more efficiency on the use of photoassimilated compounds when grown under full sun. Such condition is the most appropriate for seedling production of B. variegata and B. variegata var. candida, contradicting what has been performed in practice.<hr/>Bauhinia variegata e B. variegata var. candida, popularmente conhecidas como pata-de-vaca, são árvores de porte baixo muito usadas na arborização urbana e no paisagismo. Plantas adultas crescem sob sol pleno; no Brasil, no entanto, mudas são geralmente cultivadas em viveiros comerciais sob meia-sombra. O objetivo deste trabalho foi avaliar a influência de diferentes telas coloridas e condições de luminosidade no crescimento inicial de mudas de B. variegata e B. variegata var. candida. A influência de seis condições de luminosidade (tela vermelha com 50% de sombreamento, tela azul com 50% de sombreamento, tela preta com 70% de sombreamento, tela preta com 50% de sombreamento, tela preta com 30% de sombreamento e a sol pleno) no crescimento inicial das mudas foi avaliada ao longo de 160 dias, e relações de crescimento foram calculadas. As mudas foram mais eficientes no uso dos fotoassimilados quando cultivadas a sol pleno. Essa condição é a mais apropriada para a produção de mudas de B. variegata e B. variegata var. candida, contrariando o que vem sendo feito na prática. <![CDATA[<b>Germination of <i>Melanoxylon brauna</i> schott seed in different temperatures</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000600019&lng=en&nrm=iso&tlng=en Os objetivos deste trabalho foram investigar o efeito da temperatura sobre a germinação de sementes de Melanoxylon brauna e identificar as temperaturas cardinais de germinação, bem como avaliar a eficiência do teste de condutividade elétrica para determinação das temperaturas cardinais. Para tanto, foram realizados três ensaios. No primeiro, foi feita a determinação das curvas de embebição, em cada temperatura (5, 10, 15, 20, 25, 30, 35, 40 e 45 ºC); as sementes foram pesadas a cada 2 h, por um período de 12 h e após a cada 12 h até a protrusão radicular de 50% das sementes, ou até 120 h quando na ausência de germinação. No segundo ensaio, para identificar as temperaturas cardinais, as sementes foram mantidas sob cada temperatura, por 10 dias, em câmara tipo BOD, sob luz constante. No terceiro ensaio, foi realizado um teste de condutividade elétrica com as sementes incubadas por períodos de 24, 48 e 72 h de embebição em cada uma das temperaturas e, em seguida, colocadas em erlenmeyers com 75 mL de água deionizada a 25 ºC, por 24 h, para posterior leitura da condutividade elétrica. É mais criterioso recomendar faixas de temperaturas para germinação do que temperaturas pontuais. As temperaturas cardinais (teóricas) para a característica porcentagem de germinação são: 12,3 ºC - mínima, 30,0 ºC - ótima (teórica) e 42,7 ºC - máxima. As faixas de temperatura considerando todas as variáveis investigadas são: 12,1-12,6 ºC (mínima); 30,0-35,8 ºC (ótima); e 42,4-43,0 ºC (máxima). A espécie apresenta grande amplitude de germinação com relação à temperatura, sendo verificada a germinação na faixa de 12,0 a 42,0 ºC. O teste de condutividade elétrica foi eficiente para avaliar o efeito da temperatura sobre as sementes e, nesse teste, a temperatura ótima é de 27,0 ºC..<hr/>The objective of this study was to investigate the effect of temperature on the germination of Melanoxylonbrauna seeds and identify cardinal temperatures for germination, as well as to evaluate the efficiency of the electrical conductivity test to determine the cardinal temperatures. Therefore, three testswere performed. In the first test, the determination of imbibition curves was performed at each temperature (5, 10, 15, 20, 25, 30, 35, 40 and 45ºC), the seeds were weighed every two hours for a period of 12 hours and after every 12 hours until the root protrusion of 50% of the seeds, or 120 hours when there was no germination. In the second test, to identify the cardinal temperatures, seeds were kept under each temperature for a period of 10 days in DBO under constant light. In the third test, an electrical conductivity test was performed with the seeds incubated for 24, 48 and 72 hours of imbibition in each of the temperatures, and then were placed inerlenmeyer flasks with 75 mL of deionized water at 25ºC for 24 hours for subsequent reading of the electrical conductivity. It is more judicious to recommend temperature ranges for germination than punctual temperatures. The cardinal temperatures (theoretical) for the characteristic germination rates are: 12.3ºC - minimum - 30.0ºC optimal (theoretical) and 42.7ºC maximun. The temperature ranges considering all the variables investigated were: 12.1 to 12.6ºC (minimum); 30.0-35.8ºC (optimum) and 42.4-43.0ºC (maximum). The specie has a wide range of germination with respect to temperature, and germination was observed in the temperature range from 12.0 to 42.0ºC. The electrical conductivity test was efficient to evaluate the effect of temperature onseeds and according to this test the optimal temperature is 27.0ºC. <![CDATA[<b>Prediction of the properties of LVL produced with paricá (<i>Schizolobium amazonicum</i> Huber ex Ducke) bymeans of stress wave method</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000600020&lng=en&nrm=iso&tlng=en Foram avaliadas as propriedades físicas e mecânicas de compósitos LVL produzidos com a madeira de paricá (Schizolobium amazonicum Huber ex. Ducke), por meio de Stress Wave Timer. Os compósitos foram confeccionados em laboratório, dos quais foram retiradas amostras, que foram inicialmente destinadas à realização dos ensaios não destrutivos. Todas as amostras, com dimensões de 2,2 × 2,2 × 40 cm, foram ensaiadas, não destrutivamente, com a propagação de ondas nos sentidos flatwise e edgewise. Em sequência, as mesmas amostras foram destinadas à confecção de subamostras, para realização dos ensaios destrutivos, físicos (absorção de água, inchamento em espessura e inchamento residual) e mecânicos (resistência e rigidez à flexão estática flatwise; resistência e rigidez à flexão estática edgewise; resistência à compressão paralela e resistência ao cisalhamento paralelo e perpendicular). A velocidade de propagação das ondas (V0) e o módulo de elasticidade dinâmico (Emd), obtidos com o auxílio do Stress Wave, foram utilizados para elaboração de modelos de predição das propriedades avaliadas. Os resultados indicaram que o Stress Wave Timer apresenta resultados satisfatórios para predição das propriedades mecânicas de compósitos LVL. Com relação às propriedades físicas, embora tenham sido verificados modelos com ajustes significativos, constatou-se limitação dessa ferramenta para predição desses parâmetros. Contudo, considerando ambas as propriedades, físicas e mecânicas, os melhores ajustes foram observados em amostras ensaiadas com a propagação de ondas no sentido edgewise e com o uso da variável independente Emd.<hr/>The physical and mechanical properties of the LVL manufactured with paricá (Schizolobium amazonicum Huber ex. Ducke) was evaluated by Stress Wave Timer. The LVL composite was made in laboratory and from them some samples were withdrawn, that were initially destined for the non-destructive tests. All samples with 2.2 × 2.2 ×40 cmwere tested, non-destructively, in the wave propagation direction flatwise and edgewise. Afterwards, the same samples were transformed into subsamples, to be used in destructive tests: physical (water absorption; thickness swelling and residual swelling) and mechanical tests (resistance and rigidity to flatwise static bending; resistance and rigidity to edgewise static bending; resistance to parallel compression and resistance toparallel and perpendicular shearing). The propagation wave velocity (V0) and the dynamic elasticity modulus (Emd), obtained with the support of Stress Wave, were used for modeling the properties. The results showed that the Stress Wave Timer has satisfactory predictions for mechanical properties of LVL. As for the physical properties, although some models had significant settings, it was found limitation of this tool for the prediction of these parameters. However, in bothphysical and mechanicalproperties, the best settings were observed in samples tested with the wave propagation in edgewise direction, using the Em dindependent variable.