Scielo RSS <![CDATA[Revista Árvore]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=0100-676220140002&lang=en vol. 38 num. 2 lang. en <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <![CDATA[<b>Anatomical and histochemical characterization of roots and leaves of<i> Anacardium occidentale L. </i>(Anacardiaceae) seedlings</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000200001&lng=en&nrm=iso&tlng=en Anacardium occidentale L. (Anacardiaceae) é uma espécie típica do Cerrado do Brasil Central e possui valor socioeconômico. Objetivou-se caracterizar anatômica e histoquimicamente as raízes e folhas desta espécie em diferentes estádios iniciais de desenvolvimento. Para a caracterização anatômica, as amostras foram fixadas em FAA50, incluídas em parafina e submetidas aos procedimentos usuais para microscopia de campo claro. Foram realizados testes histoquímicos para detecção de lipídios totais, taninos, lignina, amido e terpenoides com grupo carbonila nas folhas, bem como teste para amido nas raízes em cortes frescos. A raiz apresenta epiderme unisseriada, floema com canais secretores e xilema tetrarco. Aos cinco dias após a germinação, a planta apresenta regiões com crescimento secundário e possui região medular na raiz, com função de armazenamento de grãos de amido. As folhas exibem epiderme unisseriada, com tricomas glandulares, cutícula espessa e estômatos paracíticos, em ambas as faces. O mesofilo é dorsiventral, e a nervura central apresenta feixes vasculares colaterais com canais secretores associados ao floema. A caracterização histoquímica da folha evidenciou lipídios totais e compostos fenólicos, entre eles taninos e lignina, em diferentes tecidos da folha. A plântula apresenta características que demonstram sua adaptação ao ambiente Cerrado, como cutícula espessa, mesofilo dorsiventral, crescimento secundário e presença de tricomas, mesmo sendo cultivada em condições de viveiro.<hr/>Anacardium occidentale L. (Anacardiaceae) is a typical species of the Central Brazil cerrado and has socioeconomic importance. The present study aimed to characterize anatomically and histochemically the roots and leaves of this species at different stages of early development. For anatomical characterization, the samples were fixed in FAA50, embedded in paraffin and subjected to the usual procedures for light microscopy. Histochemical tests were performed to detect total lipids, tannins, lignin, starch and terpenoids with a carbonyl group in the leaves, and test for starch in roots in fresh cuts. The root has uniseriate epidermis, phloem and xylem with secretory ducts tetrarc. Five days after germination the plant presents regions with secondary growth and has the pith in the root, with storage function of starch grains. The leaves exhibit uniseriate epidermis with glandular trichomes, thick cuticle and paracytic stomata on both sides. The mesophyll is dorsiventral and midrib presents collateral vascular bundles with secretory ducts associated with phloem. The histochemical characterization showed lipids and phenolic compounds, including tannins and lignin in different tissues of the leaf. The seedling has characteristics that demonstrate its adaptation to Cerrado, as thick cuticle, dorsiventral mesophyll, secondary growth, presence of trichomes, even when cultivated in greenhouse. <![CDATA[<b>Growth and biomass accumulation in mixed araucaria forest in southern Brazil</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000200002&lng=en&nrm=iso&tlng=en No Rio Grande do Sul são poucos os fragmentos de Floresta Ombrófila Mista em estado natural. Isso, por si só, justifica a importância de estudar esses locais visando à compreensão da sua dinâmica interna e da sua relação com o ambiente de entorno. O objetivo deste trabalho foi caracterizar o crescimento e acúmulo de biomassa de um remanescente de Floresta Ombrófila Mista, localizado na Floresta Nacional de Passo Fundo (FLONA). O experimento foi realizado no Município de Mato Castelhano, RS, utilizando o método de área fixa. Foram instaladas 10 parcelas com 30 x 30 m (900 m²), totalizando 9.000 m², em outubro de 2009. Todas as árvores com Diâmetro à Altura do Peito (DAP) maior que 0,1 m foram identificadas. Nos anos 2009, 2010 e 2012, os indivíduos marcados foram contados e seus DAP, medidos. Com os resultados do DAP das árvores, foram realizados o cálculo da área basal e a estimativa da biomassa da vegetação. O total de indivíduos amostrados foi de 402 (447 árvores ha-1). O diâmetro médio das árvores foi de 0,270 m e a área basal das árvores remanescentes, de 35,58; 36,19; e 37,47 m² ha-1, respectivamente nos anos 2009, 2010 e 2012. Esse incremento da área basal no período avaliado resultou em aumento de 217% no valor da biomassa da avaliação de 2009-2010 para 2010-2012. A FLONA de Passo Fundo apresentou aumento no diâmetro das árvores ao longo do tempo, o que resultou em aumento também no acúmulo de biomassa pelo maciço florestal.<hr/>In Rio Grande do Sul State, Brazil, there are few fragments of Araucaria Forest in its natural state, which reinforces the importance of studying these sites in order to understand its dynamics and relationship with the surrounding environment. The aim of this study was to characterize the growth and biomass accumulation of an Araucaria Forest remnant, located in the National Forest of Passo Fundo (FLONA). The experiment was conducted in the municipality of Mato Castelhano, RS, using the method of fixed area. A group of ten plots measuring 30 x 30 m (900 m²), totaling 9,000 m2, installed in October 2009 were used in the study. All trees with diameter at breast height (DBH) greater than 0.1 m were identified. In the years 2009, 2010 and 2012, tagged trees were counted and measured. Biomass vegetation was estimated based on the diameters of the trees. A total of 402 individuals were sampled (447 trees ha-1). The average tree diameter was 0.270 m. The basal area of remaining trees were 35.58, 36.19 and 37.47 m² ha-1, for the years 2009, 2010 and 2012, respectively. The basal area observed for the period of 2010-2012 corresponded to an increase of 217 % compared to the amount of biomass observed in 2009-2010. The trees in the FLONA of Passo Fundo have increased the diameter over time, resulting in an increase in biomass accumulation. <![CDATA[<b>Tetrazolium test for quality assessment of seeds of <i>Tabebuia roseoalba</i> (Ridl.) Sandwith bignoniaceae, subjected to storage</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000200003&lng=en&nrm=iso&tlng=en As espécies do gênero Tabebuia são propagadas sexuadamente, e a utilização de sementes de alta qualidade é fundamental para obtenção de sucesso nos plantios de restauração de áreas degradadas, madeireiras e medicinais. Para isso, o emprego de testes rápidos em programas de controle de qualidade de sementes é ferramenta imprescindível para avaliação de sua qualidade fisiológica. Os objetivos deste trabalho foram estabelecer a metodologia para realização do teste de tetrazólio em sementes de T. roseoalba (ipê-branco) e verificar a viabilidade das sementes em função do tempo de armazenamento avaliando os parâmetros de germinação e compará-los com o resultado do teste de tetrazólio. Os frutos de ipê-branco foram colhidos manualmente no momento de abertura, e foram utilizadas sementes recém-colhidas e sementes armazenadas até 24 meses, obtendo-se resultados de teste de tetrazólio, germinação, emergência, comprimento e peso de matéria seca de plântulas. O teste de tetrazólio na concentração de 0,05% a 36 °C durante 24 h é indicado para avaliar a viabilidade das sementes de ipê-branco, e durante o armazenamento a porcentagem de germinação, comprimento e peso de matéria seca das plântulas é reduzida e a germinação das sementes em viveiro é bruscamente reduzida com o armazenamento das sementes no período de 24 meses.<hr/>The species of Tabebuia are propagated sexually, and the use of high-quality seeds is crucial to achieving success in restoration of degraded areas, timber and medicinal production. Thus, the use of rapid tests in programs to control seed quality is an essential tool for the assessment of their physiological quality. The objectives of the present study were to establish the methodology for conducting the tetrazolium test in seeds of T. roseoalba and verify seed viability as a function of storage time, evaluating germination parameters and comparing them with the results of the tetrazolium test. The fruits were manually harvested at the opening, and fresh seeds and seeds stored up to 24 months were evaluated by tetrazolium test, germination, emergence, length and dry weight of seedlings. The tetrazolium at a concentration of 0.05% at 36 ° C for 24 hours is indicated to assess the viability of T. roseoalba, and during storage germination, length and dry weight of the seedlings are reduced and the germination in nursery is sharply reduced with seed storage in 24 months. <![CDATA[<b>Agricultural management in the una’s wildlife refuge: a perspective of conservation by agroforestry</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000200004&lng=en&nrm=iso&tlng=en Este estudo investiga os tipos de manejo e o perfil socioeconômico relacionado a estes, nas propriedades rurais do Refúgio de Vida Silvestre de Una. Tem-se como pressuposto de que as agroflorestas sucessionais são as mais favoráveis para conservação do bioma Mata Atlântica, inclusive na escala de paisagem. Portanto, objetiva-se conhecer os aspectos socioeconômicos associados à adoção de um tipo de manejo e sua inserção na paisagem. Para tanto, foram realizadas entrevistas em 73 propriedades, entre janeiro e maio de 2011. Os dados sobre os agrossistemas foram classificados em tipos de manejo: convencional, tradicional, orgânico e agroflorestal. Os resultados apontaram a predominância do tipo de manejo tradicional entre as propriedades. O perfil socioeconômico encontrado é compatível com as características do tipo de manejo predominante, o tradicional. Observaram-se no manejo tradicional: maior contribuição da mão de obra familiar e menor ocorrência de fonte de renda proveniente de trabalho rural para terceiros. A capacitação para atividade agrícola foi a única característica socioeconômica que apresentou maior importância para o manejo agroflorestal. Na paisagem, os resultados apontaram para a necessidade de adequação das práticas utilizadas nos agroecossistemas tradicionais aos objetivos da conservação do bioma, pois 39% das propriedades estão a uma distância de 350 m dos fragmentos, considerada máxima para que ocorra a conectividade estrutural, e possuem esse tipo de manejo.<hr/>This study investigates the types of management and socioeconomic profiles related to those, in the rural properties of the Una’s Wildlife Refuge. It has been assumed that the successional agroforestry are the most favorable for the conservation of the Atlantic Rainforest biome, including the landscape scale. Therefore, the objective of this study was to investigate the socio-economic aspects associated with the adoption of a type of management and its integration into the landscape. Several interviews were performed in 73 properties between January and May 2011. Data on agricultural systems were classified into types of management: conventional, traditional, organic and agroforestry. The results indicate the predominance of the traditional type of management in the properties of Una’s Wildlife Refuge. The socioeconomic profile found is consistent with the characteristics of the predominant type of management, the traditional. In the traditional management, we observed a greater contribution of family labor and a fewer source of income from rural labor to others. Training for agriculture was the only socioeconomic variable that indicated greater importance for agroforestry. In the landscape, the results pointed the need for adaptation of the practices used in traditional agroecosystems to the biome’s conservation goals, because 39% of the properties are within the distance of 350 m from the nearest fragment (considered the maximum to occur structural connectivity) and have this type of management. <![CDATA[<b>Development of <i>Dalbergia</i><i> nigra</i> (Vell.)</b><b> Allemão ex Benth under different doses of calcium, magnesium and sulphur</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000200005&lng=en&nrm=iso&tlng=en O jacarandá (Dalbergia nigra (Vell.) Allemão ex Benth) é uma espécie da família Leguminosae-Fabaceae, com potencial para diversos usos, incluindo recuperação de áreas degradadas. Neste trabalho, objetivou-se verificar o crescimento das mudas de jacarandá-da-bahia sob diferentes doses dos nutrientes cálcio, magnésio e enxofre, em solos com características diferentes. O experimento foi conduzido em casa de vegetação no período de fevereiro de 2006 a junho de 2006. Os tratamentos foram delimitados segundo uma matriz baconiana, em que se variaram os nutrientes em três doses e dois tratamentos adicionais (zero e referência). Adotou-se o delineamento inteiramente casualizado com quatro repetições, num total de 44 unidades amostrais. As mudas foram conduzidas em vasos plásticos com capacidade para 2,1 dm-3 e colhidas aos 120 dias após a semeadura, sendo avaliadas diversas características morfológicas. A espécie se mostrou, em geral, pouco exigente em relação à aplicação dos nutrientes. Enquanto novos estudos, com doses menores às testadas neste, não sejam feitos, e tomando como base a massa seca total e as condições similares à desse experimento, indicam-se as doses de: 0,8 cmol c dm-3 de solo de Ca e 20 mg dm-3 de solo de S, independente do solo testado; e 0,2 e 0,8 cmol c dm-3 de solo de Mg para solos com características similares ao PVAm e LVAd, respectivamente<hr/>The jacaranda (Dalbergia nigra (Vell.) Allemão ex Benth) is a specie with potential for several uses, including recovery degraded areas. The objective of this work was to evaluate the effect of calcium, magnesium and sulfur, on the seedlings growth under different soil types. The experiment was conducted in a greenhouse from February 2006 to June 2006. The treatments were delimited according to a Baconian matrix where nutrients are varied in three different doses and two additional treatments (zero and reference). A complete randomized design with four replications was established in a total of 44 sample units. The seedlings were grown in pots with a capacity for 2.1 dm-3, and collected at 120 days after sowing and evaluated several morphological characteristics. The specie was generally undemanding regarding the application of nutrients, and the doses recommended when classified as low by the hand of fertilization. While further studies with doses lower than those tested in this, are not made, and building on the total dry mass and conditions similar to this experiment, are indicated doses: 0.8 cmolc dm-³ of soil Ca and 20 mg dm-³ of soil S, regardless of the test soil; and 0.2 and 0.8 cmolc dm-³ soil Mg to soils with similar characteristics to the PVAm and LVAd, respectively. <![CDATA[<b>Genetic diversity among individuals of <i>Spondias</i><i> lutea</i> L. originating from sergipe low san francisco area using rapd markers</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000200006&lng=en&nrm=iso&tlng=en A recuperação de matas ciliares com mudas que apresentam o máximo de diversidade genética possível é de suma importância para a conservação das espécies. Assim, este estudo foi realizado com o objetivo de caracterizar geneticamente, por meio de marcadores RAPD, indivíduos de Spondias lutea L. (cajá), com a finalidade de elaborar estratégias de produção de sementes para a recuperação de mata ciliar. O estudo foi realizado em uma área de mata ciliar no Baixo São Francisco sergipano, onde foi coletado material foliar de 17 indivíduos para a análise de RAPD. A extração de DNA foi realizada por meio de tampão CTAB 2%, e para a geração de polimorfismo foram empregados 17 oligonucleotídios. A matriz binária construída com presença (1) e ausência de bandas (0) foi usada para o cálculo da estimativa de similaridade genética e, a partir desta, foi feita a representação simplificada das similaridades, pelo método de agrupamento UPGMA, e a estabilidade dos agrupamentos foi testada pela análise "bootstrap". Para visualização da divergência entre os indivíduos, realizou-se o agrupamento dos indivíduos pelo método de Tocher. A matriz de distância genética foi comparada com a matriz de distância geográfica pelo teste de Mantel, com a finalidade de verificar se há correlação entre as mesmas. A similaridade genética média entre os indivíduos foi de 46,8%, e a amplitude das similaridades variou de 21 a 78%. Não houve associação entre as distâncias genéticas e geográficas (r = 0,08). Com o método de agrupamento de Tocher, houve a formação de cinco grupos e o valor mínimo de similaridade calculado, acima do qual os indivíduos são considerados geneticamente iguais, foi igual a 91%. Assim, os indivíduos analisados são considerados divergentes e podem ser utilizados como matrizes porta-sementes em programas de produção de sementes para a recuperação de mata ciliar.<hr/>ABSTRACT - The restoration of riparian forests with seedlings that have as much genetic diversity as possible is very important for the conservation of species. Thus, the objectives of this study were to characterize genetically, by RAPD markers, individuals of Spondias lutea L., and to elaborate strategies of seed production for restoration of riparian forest. The study was conducted in a riparian forest in the Low San Francisco area in Sergipe State, Brazil, where leaves of 17 individuals were collected for RAPD analysis. The DNA extraction was performed with CTAB 2% buffer and for the polymorphism generation 17 primers were used. We used a binary matrix constructed with presence (1) and absence (0) of bands in order to obtain the genetic similarity estimates. The simplified representation of the similarities was made by the UPGMA grouping method and stability of groupings was tested by bootstrap analysis. For the visualization of the divergence among individuals, we used the Tocher grouping method. The genetic distance matrix was compared with the matrix of geographical distance by Mantel’s test, in order to determine whether a correlation exists between them. The mean genetic similarity between individuals was 46,8%, with the similarity coefficients ranging from 21 to 78%. There was no association between genetic and geographical distances (r = 0.08). Five groups were formed by the Tocher grouping method. The minimum value of calculated similarity was 91%. Thus, the analyzed individuals were considered divergent and can be used as tree-seeds in seed production programs to restore riparian forests. <![CDATA[<b>Spatial analysis of forest fragments in the Itapemirim River Basin, ES</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000200007&lng=en&nrm=iso&tlng=en Os objetivos deste trabalho foi mapear e analisar a estrutura da paisagem florestal em uma área representativa da Bacia do Rio Itapemirim, ES, por meio de índices de ecologia da paisagem. O mapeamento dos fragmentos florestais foi obtido utilizando técnicas de fotointerpretação na escala de 1:1500 do ortofotomosaico do ano 2007. Para o cálculo dos índices de ecologia, foi utilizada a extensão Patch Analyst dentro do aplicativo computacional ArcGIS 9.3. Foram encontrados 3.285 fragmentos florestais em toda a área, representando 17% de cobertura florestal. Os fragmentos mapeados foram divididos em classes de tamanho, sendo fragmentos pequenos aqueles menores que 5 ha; de tamanho médio aqueles entre 5 e 50 ha; e grandes os maiores que 50 ha. Os fragmentos pequenos encontravam-se em maior número (2.236), seguidos pelos fragmentos de tamanho médio (749) e, por último, pelos fragmentos grandes, que compreenderam apenas 100 manchas. O número de fragmentos de cada classe de tamanho possui relação inversa com a contribuição em área dessa classe dentro da fragmentação florestal. As análises quantitativas por meio de métricas da paisagem foram feitas com os grupos de índices de área; densidade e tamanho, forma; proximidade e área central, sendo este último obtido em diferentes simulações de efeito de borda (20,40, 60, 80, 100, 140 e 200 m). Para todos os índices houve diferenciações com relação às classes de tamanho dos fragmentos florestais. A maior parte dos fragmentos florestais da bacia, são pequenos, menores que 5 ha, sendo que a distância de borda de 100 metros elimina completamente a área central desses fragmentos. Apesar dos fragmentos grandes apresentarem os formatos mais irregulares, estes possuem maior índice de área central, mesmo sob o efeito da maior distância de efeito de borda.<hr/>The objectives of this study were to map and analyze the structure of forest landscape in a representative area of Itapemirim river basin, ES, through indexes of landscape ecology. The mapping of forest fragments was obtained using image interpretation techniques on a scale of 1:1500 of the ortho-image-mosaic of the year 2007. For the ecology metrics calculation, the extension Patch Analyst was used within the computational application ArcGIS 9.3. In general, 3285 forest fragments were found in all the area, representing 17% of the forest covering. The mapped fragments were divided into size classes, considering as small those fragments smaller than 5 ha, average fragments have size between 5 and 50 ha, and large fragments are larger than 50 ha. The small fragments were found in greater number (2,236), followed by average fragments (749), and finally the large fragments, comprising only 100 spots. The number of fragments of each size class has an inverse relationship with the contribution in area of the same class within the forest fragmentation. Quantitative characterizations through landscape metrics were made with groups of area index, density and size, shape, proximity and central area, which was obtained from different simulations of edge effect (20, 40, 60, 80, 100, 140 and 200 m). For all the indexes there were differences on size classes of forest fragments. Most of the basin forest fragments are small, less than 5 h, and the distance of edge 100 meters completely eliminates the central area of these fragments. Although large fragments present the most irregular shapes, they have a higher index central area even under the effect of the greater distance of the edge effect. <![CDATA[<b>Neural networks for estimating of the volume of trees</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000200008&lng=en&nrm=iso&tlng=en Objetivou-se propor neste estudo uma metodologia com a utilização de Redes Neurais Artificiais (RNA), para redução do número de árvores a serem cubadas durante o processo de geração de equações volumétricas. Os dados utilizados neste estudo foram provenientes de cubagens de 2.700 árvores de povoamentos clonais de eucalipto localizados no Sul da Bahia. O treinamento das RNA foi feito visando à obtenção de redes para a estimação do volume com e sem casca. Como variáveis de entrada, utilizaram-se o diâmetro à altura do peito - 1,30 m (dap), a altura e os diâmetros nas posições de 0,0; 0,5; 1,0; 1,5; 2,0; e 4,0 m do solo e os volumes obtidos até 2 e 4 m. A precisão do método foi feita com a aplicação do teste L&O. Avaliaram-se também a dispersão dos erros percentuais, o histograma de frequência dos erros percentuais e a raiz do erro quadrático médio (RMSE). A metodologia proposta neste estudo mostrou-se eficiente para a estimação do volume de árvores, sendo indicada para a obtenção do volume total com e sem casca de povoamentos de eucalipto, possibilitando a redução dos custos para a construção de equações volumétricas.<hr/>The objective of this study was to propose a methodology by using Artificial Neural Networks (ANN) to reduce the number of trees to be scaled during the process of generating volumetric equations. The data used in this study were originated from measurements of 2,700 trees of clonal eucalyptus plantations located in southern Bahia State, Brazil. The training of ANN was performed in order to obtain networks for estimating the volume with and without bark. As input variables, we used the diameter at breast height (dbh) - 1.30 m, height, and diameter at 0.0, 0.5, 1.0, 1.5, 2.0 and 4.0 m above the ground and the volumes obtained until 2 and 4 m. The accuracy of the method was carried out using the test L & O. We also evaluated the dispersion of percentage errors, frequency histogram of the percentage error and the root mean square error (RMSE). The methodology proposed in this study proved to be efficient for estimating the volume of trees, and is indicated to obtain the total volume with and without bark of eucalyptus, enabling the reduction of costs for the construction of volumetric equations. <![CDATA[<b>Influence of the architecture in estimated volume of individual trees using artificial neural networks</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000200009&lng=en&nrm=iso&tlng=en As redes neurais supervisionadas são compostas por unidades de processamento organizadas de forma paralela, em que cada uma delas computa determinadas funções matemáticas. As unidades são organizadas em camadas e ligadas por pesos sinápticos que ponderam as entradas, buscando ajustá-los a um padrão de saída previamente estabelecido. É fundamental a correta definição do número de camadas e da quantidade de neurônios em cada uma delas, uma vez que o treinamento é influenciado diretamente por esses parâmetros. Para explorar esse ponto, dados de cubagem de cinco empresas diferentes foram reunidos em uma planilha e, de forma aleatória, divididos em conjunto de treinamento e conjunto de validação. Os dados foram apresentados para três redes com arquiteturas diferentes. A avaliação foi feita por meio de gráficos de resíduos e teste t (p< = 0,05). Com base nos resultados, foi possível concluir que, para obter estimativas de volume por árvore, a rede neural deve ser construída com mais de 10 neurônios na primeira camada, sendo recomendado o uso de mais de uma camada intermediária.<hr/>Supervised neural networks are composed of parallel processing units. Each unit, called neurons, computes certain mathematical functions. The units are arranged in layers and connected by synaptic weights to balance the entries, trying to adjust them to a predetermined output pattern. The correct definition of the number of layers and the number of neurons in each layer are crucial, once the training is directly influenced by these parameters. To explore this point, data of scaling from five different regions were arranged in a spreadsheet and randomly divided into training and validation set. Data were presented for three networks with different architectures. The evaluation was performed using residual plots and t test (p <0.05). To estimate volume per tree, the neural network must be built with more than 10 neurons in the first layer, and it is recommended the use of more than one intermediate layer. <![CDATA[<b>Modeling of the diameter distribution for forest species in a fragment of mixed ombrophyllous forest</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000200010&lng=en&nrm=iso&tlng=en Este trabalho teve como objetivo avaliar o desempenho das funções densidade de probabilidade (fdp) Weibull 3 Parâmetros (3P) e Beta ajustadas pelo método da Máxima Verossimilhança para descrever a distribuição diamétrica de espécies arbóreas de um fragmento de Floresta Ombrófila Mista. A área de estudo faz parte da Floresta Nacional de Irati (FLONA), onde foram instaladas 25 parcelas permanentes (100 m x 100 m) com área total amostrada de 25 ha e, para os ajustes, foram utilizados dados de todas as árvores com diâmetro à altura do peito (DAP) superior ou igual a 10 cm. Os ajustes foram feitos para as 20 espécies com maior valor de importância (VI) com dados agrupados em classes de 5 cm de DAP. A programação não linear (PNL) foi utilizada com o objetivo de minimizar os desvios entre valores observados e estimados. Para avaliação dos ajustes, foram utilizados os testes de aderência de Kolmogorov-Smirnov e de Hollander-Proschan, além do Erro-Padrão de Estimativa (%) e Índice de Reynolds. Os resultados indicaram que as funções Weibull 3P e Beta apresentaram resultados satisfatórios, que ambas poderiam ser recomendadas para avaliar a distribuição diamétrica das espécies consideradas e que o uso da PNL nem sempre melhorou os ajustes.<hr/>This study aimed to evaluate the performance of the probability density functions (pdf) Weibull with 3 parameters (3P) and Beta adjusted by Maximum Likelihood method to describe the diameter distribution of some representative species from a fragment of Araucaria Forest. The study area is part of the National Forest Irati (FLONA), where 25 permanent sample plots (100 m x 100 m) were established with a total sampled area of 25 ha, and for the fittings, we used data from all trees with diameter at breast height (DBH) greater than or equal to 10 cm. Adjustments were made for the 20 species with the highest importance value (VI) with data grouped into classes of 5 cm DBH. The nonlinear programming (NLP) was used in order to minimize the deviations between observed and estimated values. To evaluate the adjustments, we used the Goodness-of-fit tests Kolmogorov-Smirnov and Hollander-Proschan, in addition to the Standard Error of the Estimate (%) and Reynolds Index. The results indicated that Weibull 3P and Beta functions presented satisfactory results, and both could be recommended to evaluate the diameter distribution of the selected species and that the use of NLP has not improved adjustments in all cases. <![CDATA[<b>Environmental scenarios for land planning of permanent preservation areas in Sorocaba, SP</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000200011&lng=en&nrm=iso&tlng=en Este estudo objetivou analisar a importância das Áreas de Preservação Permanente (APP) para a manutenção dos remanescentes florestais no município de Sorocaba, SP. O mapa desses remanescentes foi elaborado com base em fotografias aéreas de 2006, e mapas de hidrografia e de declividade foram usados para determinação das APP. Compararam-se dois cenários: real (mata atual) e ideal (mata atual acrescida da restauração das APP), com base em métricas da paisagem. Os resultados indicaram que 19% do município se enquadra como APP e, dessa área, apenas 45% possui cobertura florestal. As APP preservadas representam 50% do total de cobertura florestal da paisagem. A restauração das APP representaria aumento de 16,68% para 28% de cobertura florestal da paisagem e possibilitaria o surgimento de fragmentos maiores que 3.000 ha, enquanto no cenário real os maiores fragmentos atingem 300 ha. Os remanescentes florestais se apresentaram intimamente ligados às APP: margens de rios, áreas alagáveis e encostas, onde a ocupação urbana foi dificultada e existe o instrumento legal de proteção. Esse quadro evidencia que as APP possuem papel fundamental na conservação florestal em um município bastante urbanizado, onde as áreas naturais sofrem muita pressão. A avaliação dos cenários mostrou que a incorporação dos dispositivos legais no planejamento e ordenamento territorial subsidia as estratégias voltadas para a manutenção de hábitats naturais e, consequentemente, a diminuição dos efeitos negativos sobre a biodiversidade. Entretanto, as mudanças recentes no Código Florestal podem representar um retrocesso no cenário ambiental nacional diante da crescente urbanização.<hr/>The present study aimed to analyze the importance of the Permanent Preservation Areas (PPA) for the forest remnants maintenance in the city of Sorocaba, State of São Paulo, Brazil. A forest remnants map was made using aerial photographs from 2006, and hydrographic and slope maps were used to PPA determination. Two scenarios were compared with landscape metrics: real (with current forest) and ideal (current forest adding the PPA restoration). The results showed that 19% of the city territory were classified as PPA, and from this area, only 45% have forest cover. The preserved PPA represents 50% of all forest cover in the landscape. Restoring the PPA would increase from 16.68% to 28% of forest cover landscape and enable the emergence of fragments larger than 3,000 ha. In the real scenario, the bigger fragments have 300 ha. The presence of forest remnants is closely related to PPA areas: riverbanks, floodplains and hillside, where urban occupation was hampered and there is legal protection. The situation shows that the PPA play a fundamental role in forest patches conservation in a largely urbanized city, where natural areas support pressure. The evaluation of the scenarios showed that the incorporation of the legal provisions in planning and territorial ordering subsides the strategies for the maintenance of natural habitats and, consequently the reduction of the negative effects on biodiversity. However, the recent changes in Forest Code may represent a retrocession in the environmental scenario against to the increasing urbanization. <![CDATA[<b>Biomass of tree species as a response to planting density and interspecific competition</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000200012&lng=en&nrm=iso&tlng=en Planting trees is an important way to promote the recovery of degraded areas in the Caatinga region. Experiments (E1, E2, and E3) were conducted in a randomized blocks design, with three, three, and five replicates, respectively. The objectives were to evaluate biomass of the shoots of: a) gliricidia (G) and sabiá (S), as a response to planting density; b) G, S, and neem (N) in competition; c) G, and S in agroforestry. E1 was conducted in split-plots, and planting densities (400, 600, 800, 1000, and 1200 plants ha-1) as subplots. E2 consisted of a factorial comprising the following plots: GGG, NGN, SGS, NNN, GNG, SNS, SSS, GSG, NSN (each letter represents a row of plants). E3 was conducted with G and S in agroforestry experiment. The trees were harvested after 54, 42, and 27 months old, in E1, E2 and E3, respectively. In E1, G presented higher green biomass of the stems and leaf at smaller densities than S, but lower green biomass of branches at most densities. The species did not differ for mean stem dry biomass and leaf dry biomass, but G showed higher branch dry biomass at most densities. Higher planting densities increased green and dry biomass of stems, branches, and leaves in S, but decreased those characteristics in G, with the exception of leaf dry mass, which was not influenced by density. In E2, the behavior of each species was identical in plots containing the same or different species. Griricidia showed the highest green biomass of stems and branches, and the highest values for geren biomass of the leaf were observed for gliricidia and neem. The highest stem, branch, and leaf dry biomass values were obtained for G, S, and N, respectively. In E3, G was superior for stem and leaf green biomass, and for stem and branch dry biomass. There were no differences between species for the other biomass values.<hr/>Existe interesse na recuperação de áreas degradadas da Caatinga com o plantio de árvores. Experimentos (E1, E2 e E3) foram realizados, em blocos ao acaso com três, três e cinco repetições, respectivamente, para avaliar as biomassas da parte aérea: a) da gliricidia (G) e sabiá (S), em resposta à densidade de plantio; b) da G, S e nim (N) em competição; e c) da G e S em experimento agroflorestal. E1 foi realizado com parcelas subdivididas, com densidades de plantio (400, 600, 800, 1.000 e 1.200 plantas ha-1) nas subparcelas. E2 foi um fatorial com as seguintes parcelas: GGG, NGN, SGS, NNN, GNG, SNS, SSS, GSG e NSN (cada letra representa uma fileira de plantas). E3 foi realizado com G e S em experimento agroflorestal. As árvores foram abatidas aos 54, 42 e 27 meses de idade, em E1, E2 e E3, respectivamente. Em E1, G foi superior à S nas biomassas frescas de caules e folhas, nas menores densidades, mas inferior quanto à biomassa fresca de ramos, na maioria das densidades. As espécies não diferiram quanto às biomassas médias secas de caules e folhas, mas G apresentou maior biomassa seca de ramos, na maioria das densidades. O aumento da densidade de plantio aumentou as biomassas frescas e secas de caules, ramos e folhas da S, mas reduziu essas características na G, à exceção da matéria seca de folhas, não influenciada pela densidade. Em E2, cada espécie comportou-se igualmente nas parcelas com a mesma espécie ou com espécies diferentes. As maiores biomassas frescas de caule foram apresentadas por G, as de ramos por G e as de folhas por G e N. As maiores biomassas secas de caules, ramos e folhas foram apresentadas por G, S e N, respectivamente. Em E3, G foi superior quanto às biomassas frescas de caules e folhas e biomassas secas de caules e ramos. Não houve diferenças entre espécies quanto às demais biomassas. <![CDATA[<b>Ergonomic evaluation of knapsack sprayers used in forestry</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000200013&lng=en&nrm=iso&tlng=en Os pulverizadores costais são amplamente utilizados no setor florestal. No entanto, existem equipamentos que podem ocasionar certo grau de estresse ao operador, acarretando-lhe danos à sua saúde. Assim, objetivou-se com este trabalho avaliar, ergonomicamente, quatro pulverizadores costais (termonebulizador, pneumático motorizado, costal manual e costal elétrico) quanto aos parâmetros nível de ruído, nível de vibração de corpo inteiro, gasto energético e esforço físico. Na avaliação de ruído, utilizou-se um dosímetro 01dB, comparando os resultados com o que estabelece a Norma NR-15. Para os níveis de vibração, utilizou-se um acelerômetro triaxial, ligado a um processador de sinal do tipo Maestro, sendo os dados comparados com as Diretrizes Europeias. Já para gasto calórico e esforço físico, usaram-se um analisador de gases metabólicos fabricado pela Medgraphics® modelo VO2000 e um monitor cardíaco da marca Polar. Observou-se que o equipamento costal manual e o elétrico não apresentaram problemas quanto ao nível de ruído. Já o pulverizador pneumático e o termonebulizador exibiram valores acima do recomendado pela Norma NR-15, com níveis de 99,97 e 94,33 dB(A), respectivamente. Da mesma forma, os equipamentos motorizados tiveram níveis de vibração elevados em comparação com os demais equipamentos, com vibração global (A8) de 2,09 m s-2 para o termonebulizador e 2,15 m s-2 para o pneumático. Quanto ao gasto energético, houve pequenas variações quanto ao tipo de equipamento utilizado, com gasto variando entre 3,0 e 3,96 kcal min-1.<hr/>Knapsack sprayers have been widely used in forestry. However, some equipment may cause different levels of stress for the operators, causing harm to their health. Therefore, this study aimed to evaluate ergonomically four knapsack sprayers (thermal sprayer, pneumatic motorized, hand sprayer and electric sprayer), regarding to noise parameters, body vibration level, energy expenditure and physical effort. For noise evaluation, a dosimeter 01dB was used, and the results were compared with the regulatory norm NR-15. For vibration levels, we used a triaxial accelerometer connected to a signal processor Maestro type, and data were compared to the European directives. For caloric expenditure and physical effort, we used a gas metabolic analyzer manufactured by Medgraphics® model VO2000 and a heart monitor from Polar brand. We observed that the hand and electric knapsack sprayers did not present problems related to the noise level. However, the pneumatic motorized knapsack and the thermal sprayer, showed levels above than recommended by regulatory norm NR-15 with levels of 99.97 and 94.33 dB(A), respectively. Similarly, the motorized equipment presented high levels of vibration compared to the other equipments, with global vibration (A8) of 2.09 m s-2 for the thermal sprayer and 2.15 m s-2 for the pneumatic. Regarding to energy expenditure, there were small variations between the kind of equipment used, with expenditure ranging from 3.0 to 3.96 kcal min-1. <![CDATA[<b>Particleboards using wastes from cca-treated Pinus sp. and resin from biomass</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000200014&lng=en&nrm=iso&tlng=en A utilização do preservante CCA (sais de cromo, cobre e arsênio) tem sido questionada devido ao impacto relacionado à dispersão, principalmente, do cobre e do arsênio para o ambiente, antes de sua completa fixação na madeira. Outra questão se relaciona à disposição indevida dos resíduos provenientes da madeira tratada, viabilizando a lixiviação devido à maior área passível desses rejeitos sujeita a tal fenômeno. Este trabalho teve como objetivo a produção de painéis de partículas, avaliando o efeito da adição de resíduos de Pinus sp. tratado com sais de cromo, cobre e arsênio (CCA), em associação com material da mesma espécie sem preservantes, além de alterações no teor de adesivo poliuretano à base de mamona empregado na produção. As propriedades dos painéis produzidos foram determinadas conforme recomendações da NBR 14810-3: 2006. Por meio de análise estatística, observou-se que a adição da madeira tratada proporcionou desempenho superior no inchamento em espessura (2 h), ao passo que esse insumo utilizado na mesma proporção que a madeira sem preservantes foi significante, obtendo os melhores resultados na adesão interna. Os módulos de ruptura e de elasticidade na flexão não sofreram influência das variações nos insumos utilizados nos painéis. Os painéis, em grande parte, apresentaram-se em conformidade com os principais requisitos nesse âmbito, mostrando a possibilidade da utilização dos referidos insumos na produção, além da obtenção de um produto com considerável apelo ambiental.<hr/>The use of preservative CCA (Chromated Copper Arsenate) has been questioned due to the impact mainly related to the dispersion of copper and arsenic to the environment prior to its complete fixation in timber. Another issue is related to the inappropriate disposal of wastes from treated wood, which may cause leaching due to the increased area susceptible to these wastes. This study aimed the particleboard production, evaluating the effect of adding waste from CCA-treated Pinus sp., in association with the same specie without preservative, in addition to variations in content of castor oil-based polyurethane resin. Particleboards properties were determined according to NBR 14810-3: 2006. By statistical analysis, it was observed that the addition of treated wood resulted in better performance in the thickness swelling (2 hours), whereas this treated wood used the same proportion as the timber without preservatives was significant in internal bond, showing the better values. The modulus of rupture and modulus of elasticity were not influenced by variations in raw-materials used in particleboards production. Most of the panels were in accordance to the main requirements, showing feasibility of using these materials in their production, as well as obtaining a product with considerable environmental appeal. <![CDATA[<b>Comparison between experimental tests and calculed values for the embedment strength of Pinus taeda L. wood</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000200015&lng=en&nrm=iso&tlng=en Para dimensionar ligações entre membros estruturais de madeira com pinos metálicos (pregos ou parafusos), dois fenômenos devem ser levados em consideração: a flexão do pino metálico e a resistência da madeira ao embutimento. A norma brasileira ABNT NBR 7190:1997 preconiza a metodologia empregada em ensaios laboratoriais para determinação da resistência da madeira ao embutimento com pino metálico e, na ausência dos ensaios, especifica relações para estimar a resistência da madeira ao embutimento a partir da resistência na compressão. O objetivo desta pesquisa consistiu na comparação entre valores de resistência ao embutimento da madeira determinados experimentalmente e calculados utilizando parâmetros recomendados pela ABNT NBR 7190:1997. Pelos resultados dos testes de hipótese, pode-se concluir que a estimativa da resistência ao embutimento paralelo às fibras proposta pela ABNT NBR 7190:1997, que estabelece equivalência com os resultados de compressão na mesma direção, mostrou-se precisa para as madeiras de Pinus taeda L.. Entretanto, o mesmo não foi observado na direção normal em relação às fibras, possivelmente explicada pelo valor do coeficiente áe presente na equação para o cálculo de fe90.<hr/>To design connections between timber parts with metal dowels (nails or bolts), two phenomena must be considered: bending of the metal dowel and the embedment strength in the wood. The Brazilian Standard ABNT NBR 7190:1997 proposes the methods used in the laboratory tests to determine the embedment strength with the metal dowell and, in the absence of testing, specifies relations to calculate the embedment strength from the compression strength. The aim of this research was to compare the embedment strength values obtained by experimental tests and calculated by the relationships established by the Brazilian Standard ABNT NBR 7190:1997. By the results of the hypothesis tests, it was possible to conclude that the estimate of the embedment strength parallel to the grain proposed by the Brazilian standard ABNT NBR 7190:1997, establishing equivalence with the strength compression results in the same direction, must be effective to the wood species Pinus taeda L., however, the same was not found in the perpendicular direction with respect to the grain, possibly explained by the áe values in the equation to calculed fe90. <![CDATA[<b>Production of biomass for energy generation in plantations of <i>Pinus</i><i> taeda</i> L. with different ages</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000200016&lng=en&nrm=iso&tlng=en Os objetivos deste trabalho foram quantificar e qualificar a biomassa residual produzida em plantios comerciais de Pinus taeda L., em diferentes idades e sistemas de manejo, visando à geração de energia em sistemas de cogeração. As idades dos povoamentos foram: três anos (primeira poda), seis anos (terceira poda), 10 anos (terceira poda), 12 anos (primeiro desbaste), 14 anos (primeiro desbaste), 16 anos (segundo desbaste) e 24 anos (corte raso). Cinco árvores foram colhidas em cada idade, e seus componentes separados, pesados e analisados quanto ao teor de umidade e ao poder calorífico. Os dados quantitativos e qualitativos foram correlacionados para determinar o potencial de geração de energia elétrica a partir da biomassa florestal. Os plantios de Pinus taeda L. produziram de 30 a 95 t de biomassa florestal/ha, respectivamente, aos 3 e 24 anos de idade. O maior potencial produtivo de biomassa para a geração de energia são o corte raso (24 anos), o primeiro desbaste (14 anos) e a terceira poda (10 anos), respectivamente. O material com melhor qualidade para geração de energia foi o galho, com o menor teor de umidade (54%) e o maior poder calorífico líquido (1.784 kcal/kg), sendo 24, 14 e 10 anos as melhores idades. O sistema de manejo e as práticas silviculturais têm influência, juntamente com a idade, na produção de biomassa por unidade de área. O rendimento energético da biomassa recém-colhida é baixo, necessitando de tratamento prévio para redução do teor de umidade e aumento do poder calorífico líquido.<hr/>The objectives of this study were to quantify and qualify the residual biomass produced in commercial plantations of Pinus taeda L. in different ages and management systems, aiming at generating energy in co-generation systems. The ages of the forests were: 3 years (first pruning), 6 years (third pruning), 10 years (third pruning), 12 years (first thinning), 14 years (first thinning), 16 (second thinning) and 24 years (harvesting). Five trees were harvested at each age and their separate components were weighed and analyzed for moisture content and calorific value. Quantitative and qualitative data were correlated to determine the potential for generating electricity from forest biomass. The plantations of Pinus taeda L. produced 30-95 tonnes of forestry biomass/ha, respectively, at 3 and 24 years of age. The highest yield potential of biomass for energy generation are harvesting (24 years), first thinning (14 years) and third pruning (10 years), respectively. The best quality material for power generation was the branch with the lowest moisture content (54%) and higher net calorific value (1784 kcal/kg), and the best ages were 24, 14 and 10 years. The management system and forestry practices have an influence, together with age on biomass production per unit area. The energy performance of newly harvested biomass is low, requiring treatment to reduce the moisture content and increase in net calorific value. <![CDATA[<b>Bioassays on panels made with eucalyptus and sugarcane bagasse</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000200017&lng=en&nrm=iso&tlng=en No desenvolvimento de painéis, deve-se dar destaque a ensaios que remetam à aplicabilidade final do produto, como os ensaios de durabilidade ao ataque de fungos e cupins. Nesse contexto, painéis confeccionados com diferentes percentuais de partículas de bagaço de cana-de-açúcar (Saccharum sp.) e fibras de eucalipto (Eucalyptus grandis), aglutinados com duas dosagens de resina ureia formol (13% e 16%), foram submetidos à avaliação de resistência biológica (bioensaios) ao ataque de cupins e fungos, ensaio fundamental na definição de uso e aplicação do produto final. Foram utilizados cupins da espécie Reticulitermes santonensis, rhinotermitidade, e fungos da espécie Pleurotus ostreatus, basidiomiceto de podridão-branca, de acordo com procedimentos da normatização AFNOR. De modo geral, os novos painéis confeccionados apresentaram-se não resistentes aos bioensaios realizados e houve similaridade na dinâmica de ataque e perda de massa entre as diferentes dosagens de resina praticadas, remetendo à necessidade da aplicação de revestimento protetor na superfície dos painéis ou adição de produtos fungicidas e cupinicidas.<hr/>Trials referring applicability of the final product, such as durability tests to fungi and termites are crucial in developing panels. Therefore, panels made with different percentages of sugarcane bagasse particles (Saccharum sp.) and eucalyptus fiber (Eucalyptus grandis), bounded with two dosages of urea formaldehyde resin (13% and 16%), were evaluated for biological resistance (bioassays) to termites and fungi, which is fundamental in defining use and application of the final product. We used the termite species Reticulitermes santonensis, rhinotermitidade, and the fungy Pleurotus ostreatus, a white rot basidiomycete, according to AFNOR standardization procedures. In general, the new panels were not resistant to bioassays and there was a similarity in the dynamics of attack and mass loss among the different doses of resin applied, thus evidencing the need of applying protective coating on the panels surface or adding termiticide and fungicide products. <![CDATA[<b>Extractives and energetic properties of wood and charcoal</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000200018&lng=en&nrm=iso&tlng=en Charcoal production stands out as a raw material for the production of renewable energy. To assess wood quality in energy terms, studies have focused more on the holocellulose and lignin content than on the role of extractives. The objective of this study was to evaluate the relationship between the extractive content in cold water, in dichloromethane and total on energy properties of wood and charcoal, from six trees species. The extractives were removed with different solvents to be recorded and gross calorific value of wood was determined. The wood was carbonized at 1.67°C/min heating rate until maximum of 450°C and residence time of 30 min. The extractive content was correlated with the gravimetric yield, apparent relative density, ash, volatile matter, fixed carbon and gross calorific value of charcoal. The removal of total extractives and extractives soluble in dichloromethane reduced the gross calorific value of wood of most species evaluated. The extractives removed in cold water did not correlate with the parameters of carbonization. The extractives content in dichloromethane correlated with volatile matter, fixed carbon and gross calorific value. Total extractive content correlated with gravimetric yield, apparent relative density and gross calorific value of charcoal.<hr/>A produção de carvão vegetal se destaca como matéria-prima para a produção de energia renovável. A holocelulose e a lignina são mais abordadas em estudos sobre a qualidade da madeira para fins energéticos, enquanto a influência de extrativos nesse parâmetro é pouco conhecida. O objetivo foi avaliar a relação entre o teor de extrativos em água fria, diclorometano e totais e as propriedades energéticas da madeira e do carvão vegetal de seis espécies. Os extrativos foram removidos com diferentes solventes para serem contabilizados e o poder calorífico superior da madeira, determinado. A madeira foi carbonizada a uma taxa de aquecimento de 1,67 ºC/min, temperatura máxima de 450 ºC e tempo de residência de 30 min. O teor de extrativos foi correlacionado com o rendimento gravimétrico, densidade relativa aparente, química imediata e poder calorífico do carvão. A remoção dos extrativos totais e solúveis em diclorometano reduziu o poder calorífico da madeira da maioria das espécies avaliadas. Os extrativos em água fria não se relacionaram com os parâmetros da carbonização. O teor de extrativos em diclorometano apresentou correlação com o teor de materiais voláteis, carbono fixo e poder calorífico. O teor de extrativos totais se relacionou com o rendimento gravimétrico, densidade relativa aparente e poder calorífico do carvão vegetal. <![CDATA[<b>Potential energy of <i>Eucalyptus </i>sp. wood according to age and different genetic materials</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000200019&lng=en&nrm=iso&tlng=en Este trabalho teve como objetivo determinar a influência da idade e de diferentes materiais genéticos de Eucalyptus sp. na produção de madeira para energia. Neste estudo, foram avaliados três clones de Eucalyptus sp., em quatro idades diferentes, aos 3, 4, 5 e 7 anos, sendo provenientes da Gerdau S/A. De cada árvore foram retirados cinco discos (0%, 25%, 50%, 75% e 100% da altura comercial do tronco), bem como determinados a densidade básica, o poder calorífico superior e a análise elementar da madeira, e, como base nesses valores, foi possível estimar a quantidade de energia m-3. Observou-se que houve efeito da idade e do material genético para a densidade básica da madeira e para o poder calorífico superior. Verificou-se ainda que a quantidade de energia m-3 aumentou com a idade, e houve diferença significativa entre os três materiais genéticos avaliados. O clone GG 680 apresentou melhor desempenho dessa variável, apresentando, aos 7 anos, 2.943 kW.h.m-³. Cabe ressaltar que a escolha do melhor material genético deve levar em consideração as características tecnológicas da madeira, bem como a sua produtividade e efetividade técnica de produção.<hr/>The present study aimed to determine the influence of age and different genetic material of Eucalyptus sp. in wood energy production. Therefore, we evaluated three Eucalyptus sp. clones from Gerdau S/A, at four different ages: 3, 4, 5 and 7 years. Five discs were removed from each tree (0%, 25%, 50%, 75%, 100% of the trunk commercial height), and the wood basic density and calorific value were determined. Based on these values we estimated the energy m-3 amount. We observed an effect of age and genetic material for the wood density and the calorific value. Moreover, the amount of energy m-3 increased with increasing age, and the three genetic materials evaluated were significantly different between them. The GG 680 clone showed better performance for this variable, presenting at seven years 2,943 kW.h.m-³. Note that the selection of the best genetic material must consider the wood technological characteristics, as well as their productivity and effectiveness of technical production. <![CDATA[<b>Net precipitation in different forest fragments of ipanema national forest</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-67622014000200020&lng=en&nrm=iso&tlng=en O presente trabalho foi conduzido na Floresta Nacional de Ipanema, unidade de conservação de uso sustentável localizada no município de Iperó-SP, com o objetivo de quantificar e comparar as frações de precipitação efetiva e interceptação da chuva em três povoamentos florestais distintos, sendo eles: Eucalyptus cloeziana, Pinus caribea var. hondurensis e Floresta Estacional Semidecidual. Para tanto, realizou-se o monitoramento das variáveis precipitação interna, escoamento pelo tronco, interceptação e precipitação em aberto em cada formação florestal, ao longo do período de novembro de 2009 à maio de 2010. O estudo revelou a precipitação efetiva de 86,2%, 85,0% e 77,2%; interceptação de 13,8%, 15,0% e 22,8% em relação à precipitação em aberto em Eucalyptus cloeziana, Pinus caribea var. hondurensis e Floresta Estacional Semidecidual, respectivamente. A influência dos povoamentos na distribuição da chuva apresentou diferença significativa somente para o processo de interceptação entre Floresta Estacional Semidecidual e os demais.<hr/>This study was conducted in the National Forest of Ipanema, sustainable conservation in the municipality of Iperó-SP, in order to quantify and compare the net precipitation and interception of rain in three different forest stands, which are: Eucalyptus cloeziana, Pinus caribea var. hondurensis and Floresta Estacional Semidecidual. Therefore, we carried out the monitoring of throughfall, stemflow, interception and gross precipitation in each forest type, over the period November 2009 to May 2010. The study revealed the throughfall of 86.2%, 85.0% and 77.2%; intercept of 13.8%, 15.0% and 22.8% in relation to gross precipitation in Eucalyptus cloeziana, Pinus caribea var. hondurensis and Floresta Estacional Semidecidual, respectively. The influence of the forests in the distribution of precipitation showed significant difference only for the process of interception between Floresta Estacional Semidecidual and others.