Scielo RSS <![CDATA[Pesquisa Veterinária Brasileira]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=0100-736X20130013&lang=pt vol. 33 num. lang. pt <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <![CDATA[<b>Análise morfológica e funcional do processo espermatogênico em cobaios (<i>Cavia porcellus</i>) da pré-puberdade até a pós-puberdade</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-736X2013001300001&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Este estudo descreveu as análises morfológica e funcional do processo espermatogênico em cobaios (Cavia porcellus) de cinco (S5); seis (S6); nove (S9) e onze (S11) semanas de idade (N=5/grupo). Os aspectos analisados incluíram a contagem das populações celulares presentes no estádio 1 do ciclo do epitélio seminífero (CES), eficiência das mitoses espermatogoniais (RMi), produção meiótica (RMe), rendimento geral da espermatogênese (RGE), índice de células de Sertoli (ICS) e capacidade de suporte das células de Sertoli (CSCS). Os resultados mostraram que número médio de espermatogônias A, espermatócitos primários em pré-leptóteno/leptóteno, espermatócitos primários em paquíteno, células espermatogênicas totais e células de Sertoli mostraram variações numéricas em função da idade, entretanto, não detectadas estatisticamente, enquanto espermátides arredondadas aumentaram significativamente na puberdade e depois se estabilizaram. A produção espermatogênica de cobaios de 5 a 11 semanas não atingiu o ponto de estabilização e o RMi, RMe, RGE, ICS e CSCS mostraram variação numérica significativa em função da idade. Os resultados demonstraram que Cavia porcellus na pós-puberdade 2 são um modelo experimental vantajoso para estudos de processos de reconhecimento homólogos, alinhamento, e sinapses durante a prófase meiótica; o rendimento intrínseco da espermatogênese em cobaios é semelhante ao relatado para ratos Wistar, pacas e cutias (Dasyprocta sp.) e menor do que em preás, enquanto que a eficiência funcional das células de Sertoli é superior a de cutias e ratos Wistar e inferior à de pacas, rato espinhoso e catetos. Concluiu-se que em cobaios a espermatogênese está completamente estabelecida na semana 6 de idade, indicando a fase púbere do desenvolvimento sexual, e até a semana 11 eles não atingiram a produção espermática diária máxima e, portanto, a maturidade sexual.<hr/>This study describes the morphological and functional analysis of spermatogenesis in guinea pigs (Cavia porcellus) with five (W5), six (W6), nine (W9) and eleven (W11) weeks of age (n=5/group). The aspects analyzed include counts of cell populations present in stage 1 of seminiferous epithelium cycle (SEC), efficiency of spermatogonial mitosis (EMi), meiotic production (EMe), overall yield of spermatogenesis (EOS), Sertoli cell index (SCI) and carrying capacity of Sertoli cells (CCSC). The results showed that the average number of spermatogonia type A, primary spermatocytes in pré-leptóteno/leptóteno, primary spermatocytes in pachytene, total spermatogenic cells and Sertoli cells showed numerical variations according to age; however they were statistically not detected, while round spermatids increased significantly at puberty and then stabilized. The spermatogenic production of 5 to 11-week-old guinea pigs did not reach the stabilization point, and the RMi, RME, EOS, SCI and CCSC showed significant number variation as a function of age. The results demonstrate that Cavia porcellus in post-pubertal stage 2 are an advantageous experimental model to address studies on the processes of homologous recognition, alignment, and synapsis during meiotic prophase; intrinsic yield of spermatogenesis in guinea pigs is similar to Wistar rats, paca and agouti (Dasyprocta sp.) and lower than in cavies, whereas the functional efficiency of Sertoli cells is higher than in agouti and Wistar rats, and lower than in pacas, spiny rat and collared peccaries. We conclude that in guinea pigs the spermatogenesis is fully established at 6 weeks of age, indicating the pubertal stage of sexual development, and until week 11 they do not reach the maximum daily sperm production and therefore sexual maturity. <![CDATA[<b>Avaliação do eletrocardiograma em cutias (<i>Dasyprocta primnolopha</i>, Wagler 1831) não-anestesiadas clinicamente saudáveis</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-736X2013001300002&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt The agouti is one of the most intensely hunted species throughout the Amazon and the semiarid regions of north-eastern Brazil. Considering the current tendency of wild animal management in captivity, the objective of this study was to determine heart reference values for agouti raised in captivity, based on electrocardiographic assessments (ECG). Adult agouti were selected without clinical signs of heart disease (n=30). The animals were restrained physically and then the ECG was performed. Standardized measurements were taken to establish the statistical analysis of the data. Analysis of the QRS complex showed values compatible with previous reports in peer animals and the limited data available for other wild and exotic species, except for the T wave that showed similar amplitude to the R wave in all the animals studied. The data obtained provided the first reference values for ECG tracings in agouti, contributing to a better understanding of heart electrophysiology in identifying myocardial pathology in these animals.<hr/>A cutia é uma das espécies mais intensamente caçados em toda a Amazônia e as regiões semi-áridas do nordeste do Brasil. Considerando-se a tendência atual no manejo de animais silvestres em cativeiro, o objetivo deste estudo foi determinar os valores de referência para o coração cutia criadas em cativeiro, com base em avaliações do eletrocardiograma (ECG). Foram selecionadas cutias adultas e sem sinais clínicos de doença cardíaca (n=30). Os animais foram contidos fisicamente e, em seguida, o ECG foi realizado. Medições padronizadas foram tomadas para estabelecer a análise estatística dos dados. Análise do complexo QRS apresentou valores compatíveis com os relatórios pregressos em animais animais de companhia, assim como para os poucos dados disponíveis para outras espécies selvagens e exóticas, com exceção da onda T, que mostrou amplitude semelhante à onda R em todos os animais estudados. Os dados obtidos permitiram a aquisição dos primeiros valores de referência para os traçados de ECG em cutias, contribuindo para uma melhor compreensão eletrofisiologia cardíaca, na identificação de miocardiopatia nesses animais. <![CDATA[<b>Descrição anatômica da articulação metacarpo-falângica em ovinos</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-736X2013001300003&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt A descrição anatômica articular evidencia os fatores padrões para as condições biomecânicas que devem ser consideradas na seleção do animal de uma determinada espécie. Dessa forma, objetivou-se descrever a articulação metacarpo-falângica na espécie ovina, em relação a sua arquitetura, considerando o volume, recessos, comunicações e relações no aspecto anatômico macroscópico. Para tanto, foram utilizados dez animais adultos da espécie ovina, raça Santa Inês, machos e fêmeas, escolhidos aleatoriamente. A cápsula articular teve uma dimensão média de 3,05 cm e uma capacidade volumétri-ca média de 3,99 ml; as comunicações ocorreram em um grau médio de expansão do Látex nas faces dorsal (56,7%) e palmar (53,3%); as comunicações proximais nas faces dorsal, palmar e dorso-palmar apareceram em 100,0% dos casos; os recessos estiveram presentes nas extremidades distais. Nesse contexto, conclui-se, que a articulação metacarpo-falângica de ovinos apresenta-se com relações topográficas semelhantes à descrita para os demais ruminantes, possuindo comunicações em sua porção proximal e recessos distalmente.<hr/>The joints anatomical description highlights the standards for biomechanical conditions that must be considered in the selection of a particular animal species. Thus, the objective was to describe the metacarpal phalangeal joint in sheep, for its architecture and adjacent structures. For this purpose, we used ten adult sheep, Santa Ines breed, males and females, randomly chosen. The anatomical specimens for the study were collected by the disarticulation of the distal row of carpal and metacarpal bone of an sheep's forelimb. To observe the joint capsule, adjacent structures were overruled and their topographical relationships with such joint analyzed. The longitudinal measures of the joint capsule and the III-IV metacarpal bones, proximal phalanges III and IV proximal phalanx were taken. Through the results, it is concluded that the metacarpal phalangeal joint in sheep presents similar topographical relationships described for other ruminants, with connections at the proximal and recesses at the distal areas. <![CDATA[<b>Cultivo de células da fração mononuclear da medulla óssea e da fração vascular stromal do tecido adipose de equinos em diferentes meios</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-736X2013001300004&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt The objective of this study was to evaluate the culture of equine bone marrow mononuclear fraction and adipose tissue - derived stromal vascular fraction cells in two different cell culture media. Five adult horses were submitted to bone marrow aspiration from the sternum, and then from the adipose tissue of the gluteal region near the base of the tail. Mononuclear fraction and stromal vascular fraction were isolated from the samples and cultivated in DMEM medium supplemented with 10% fetal bovine serum or in AIM-V medium. The cultures were observed once a week with an inverted microscope, to perform a qualitative analysis of the morphology of the cells as well as the general appearance of the cell culture. Colony-forming units (CFU) were counted on days 5, 15 and 25 of cell culture. During the first week of culture, differences were observed between the samples from the same source maintained in different culture media. The number of colonies was significantly higher in samples of bone marrow in relation to samples of adipose tissue.<hr/>O objetivo deste estudo foi avaliar o cultivo de células da fração mononuclear da medula óssea e da fração vascular estromal do tecido adiposo de equinos em dois diferentes meios. Cinco cavalos foram submetidos à aspiração da medula óssea do esterno e à coleta de tecido adiposo da região glútea, próxima à inserção da cauda. A fração mononuclear e a fração vascular estromal foram obtidas das amostras e cultivadas em meio DMEM suplementado com soro fetal bovino a 10% ou em meio AIM-V. As culturas foram observadas uma vez por semana com um microscópio de luz invertida, com o intuito de se realizar uma análise qualitativa das características morfológicas das células, bem como do aspecto geral do cultivo celular. As unidades formadoras de colônia (CFU) foram contadas nos dias 5, 15 e 25 do cultivo celular. Durante a primeira semana, foram observadas diferenças entre amostras obtidas de mesma origem mantidas em diferentes meios. O número de colônias foi significativamente maior nas amostras de medula óssea em relação às amostras de tecido adiposo. <![CDATA[<b>Hemograma e proteínas de fase aguda de bezerros sadios do nascimento aos 30 dias de idade</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-736X2013001300005&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O conhecimento da dinâmica das alterações nos parâmetros hematológicos e na cinética das proteínas de fase aguda em animais saudáveis nas primeiras semanas de vida é essencial para a interpretação correta dessas avaliações em situações de morbidez e para diferenciar animais sadios e enfermos de forma confiável. Com o intuito de avaliar a cinética desses parâmetros no primeiro mês de vida de bezerros de corte sadios, filhos de vacas primíparas ou pluríparas, amostras de sangue foram coletadas antes da ingestão de colostro e 1, 2, 7, 15 e 30 dias após o nascimento. Os parâmetros eritrocitários foram influenciados pelo número de partos das vacas e o leucograma mostrou alterações características de influência do cortisol fetal liberado por ocasião do nascimento. O teor sérico de proteína total aumentou significativamente após a ingestão do colostro. As concentrações de ceruloplasmina, haptoglobina e proteínas de pesos moleculares 33 kDa e 23 kDa aumentaram significativamente no primeiro dia de vida, seja pela resposta ao nascimento ou pela ingestão do colostro, enquanto os teores de transferrina, albumina e α1-glicoproteína ácida mantiveram-se relativamente estáveis nos primeiros dias de vida, aumentando gradualmente até os 30 dias de idade.<hr/>The knowledge of the dynamic in changes of hematologic parameters and the acute phase proteins kinetics in healthy animals in the first weeks of life is essential for the accurate interpretation of these evaluations in morbidity situations, and to reliably differentiate healthy from sick animals. The aim of the study was to evaluate the dynamic of these parameters in the first month of life of healthy beef calves, born from primiparous or multiparous cows, and so blood samples were collected before colostrum intake and 1, 2, 7, 15 and 30 days thereafter to evaluate hemogram and serum proteinogram. The red cell parameters were influenced by the parturition number of cows, and the leukogram showed characteristic changes of the release of fetal cortisol at birth. The total protein level significantly increased after colostrum intake. The concentrations of acute phase proteins ceruloplasmin, haptoglobin and proteins of molecular weight 33 kDa and 23 kDa significantly increased in the first day of life, influenced either by response to birth or colostrum intake, while the levels of transferrin, albumin and α1-acid glycoprotein were relatively stable in the first days, increasing gradually until 30 days of life. <![CDATA[<b>Morfometria do coração e dos vasos da base e sua implicação no mergulho em <i>Chelonia mydas</i></b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-736X2013001300006&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivou-se caracterizar a morfologia das câmaras cardíacas e das artérias aortas e pulmonares da espécie Chelonia mydas. Foram avaliados 11 espécimes de C. mydas mortas coletadas no litoral do estado do Rio Grande do Norte, Brasil. Os animais foram necropsiados para a obtenção do coração, fragmentos das artérias aorta e pulmonares direita e esquerda. Os vasos adquiridos foram fixados em formol e submetidos ao processamento histológico de rotina e coloração com Técnica de Verhoff modificada. Enquanto, do coração, os parâmetros largura, altura base-ápice e a circunferência ventricular foram mensurados por meio do paquímetro. Nessa espécie a microscopia das artérias pulmonares e artérias aortas variaram de acordo com o antímero. A maior espessura relativa do Cavum Venosum (CV) auxilia no bombeamento cardíaco durante o mergulho e sua menor espessura direita é uma vantagem para a dilatação ventricular durante a imersão profunda enquanto que a quantificação das lâminas elásticas e fibras musculares da túnica média das artérias aortas e pulmonares direita e esquerda comprovaram que a túnica média das aortas predomina o componente elástico vs. muscular, entretanto, nas artérias pulmonares o componente elástico não-predomina. Essa angioarquitetura pode estar relacionada com a capacidade de mergulho, favorecendo um maior aproveitamento do sangue oxigenado armazenado previamente durante o período de apneia.<hr/>This study aimed to characterize the morphology of the heart chambers, pulmonary arteries and aortas of Chelonia mydas. Eleven specimens were evaluated from dead C. mydas collected on the coast of the state of Rio Grande do Norte, Brazil. The animals were necropsied to obtain heart, aorta and fragments of the right and left pulmonary vessels. The vessels were fixed in formalin and subjected to histological processing and staining by a modified Verhoff technique. The parameters width, height and base-apex ventricular circumference of the heart were measured with a caliper. In the species the microscopy of pulmonary arteries and aorta varied according to the antimere. The largest relative thickness of Cavum venosum (CV) assists the cardiac output during diving, and its smaller thickness is advantageous for the right ventricular dilation during deep immersion, while the quantification of elastic and muscle fibers of the tunica media of aortas and right and left pulmonary arteries showed that the medial layer of aorta dominates the elastic vs. muscle fibers; however the elastic fibers are not dominating in the pulmonary arteries. The angioarchitecture may be related to the ability to swim, favoring better use of oxygenated blood previously stored during the period of apnea. <![CDATA[<b>Análise microscópica e ultraestrutural das glândulas salivares mandibulares de <i>Procyon cancrivorus</i></b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-736X2013001300007&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Devido a importância ecológica dos Procyon cancrivorus, o objetivo deste trabalho foi caracterizar morfologicamente e ultra estruturalmente a glândula salivar mandibular desta espécie. Foram utilizadas 10 pares (direita e esquerda) de glândulas salivares mandibulares de cinco animais adultos. As glândulas salivares mandibulares foram dissecadas e mensuradas com paquímetro de precisão e posteriormente processadas por técnica rotineira de histologia e coradas por HE (hematoxilina e eosina) e Picrossírius. Fragmentos das glândulas foram processados para análise em microscopia eletrônica de varredura (MEV). As glândulas salivares mandibulares direitas e esquerdas de P. cancrivorus apresentaram-se lobuladas, formato ovalado, e posicionadas entre a fossa atlantis e o osso basihyoideum do crânio. Microscopicamente, estas glândulas estavam revestidas por uma cápsula de tecido conjuntivo denso não modelado, a qual adentra a glândula através de septos, dividindo-a em lóbulos. Nos septos de tecido conjuntivo estão presentes vasos sanguíneos e nervos, além de ductos interlobulares excretores. Dentro dos lóbulos das glândulas salivares mandibulares, são encontrados ductos do tipo estriado e intercalar, além de predomínio de ácinos do tipo mucoso. Os resultados permitem concluir que as glândulas salivares mandibulares dos Procyon cancrivorus, seguem o padrão estrutural descrito em outras espécies de mamíferos. No entanto os tipos de ácinos podem variar entre as espécies, sendo, portanto, necessários futuros estudos histoquímicos e de biologia celular para desvendar a importância dessa variação para a espécie aqui estudada, comparando com seu hábito alimentar.<hr/>Due to the ecological importance of Procyon cancrivorus, the aim of this study was to characterize morphologically and ultrastructurally the mandibular salivary gland of this specie. We used 10 pairs (right and left) of mandibular salivary glands from five adult animals. The mandibular salivary glands were dissected and measured by precision calipers and later processed by histological routine technique, stained by HE (hematoxylin and eosin) and Picrossirius. Fragments of the glands were processed for analysis by scanning electron microscopy (SEM). The mandibular salivary gland, right and left from P. cancrivorus presents lobulated and oval-shape, and it was positioned between the fossa atlantis and basihyoideum ossis of skull. Microscopically, these glands are lined by a capsule formed by dense irregular connective tissue, which enters into the gland by septa, dividing it into lobules. Into the septa of connective tissue were present blood vessels and nerves, and interlobular excretory ducts. Inside the lobes of the mandibular salivary glands, striatum and intermediate-type ducts are found, and the predominance of mucous acini was observed. The results indicate that the mandibular salivary glands of Procyon cancrivorus, follows the structural pattern described in other mammalian species. However the types of acini may vary among species, and thus further histochemical and cell biology studies are required in order to uncover the significance of this variation for the specie here studied, according with their feeding habit. <![CDATA[<b>Isolamento e cultivo de neurônios e neuroesferas de córtex cerebral aviar</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-736X2013001300008&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Métodos de cultivo celular são convenientes na realização de análises funcionais de alterações/interações protéicas das células neuronais, auxiliando a decifrar o interactoma de proteínas chaves na neurogênese de doenças do Sistema Nervoso Central. Por esse motivo, culturas de neurônios e neuroesferas isolados do córtex cerebral aviar representam um modelo acessível para o estudo de diversas doenças neurológicas, tal como a epilepsia. A espécie aviar apresenta peculiaridades em seu proteoma neuronal, visto a presença de uma expressão diferenciada de proteínas chaves no metabolismo energético cerebral, algumas destas (VDAC1 e VDAC2) desempenham papel importante na compreensão do mecanismo da epilepsia refratária. A metodologia estabelecida no presente estudo obteve cultivo de neuroeferas, onde as células cresceram tipicamente em aglomerados atingindo, dentro de 7 dias, o diâmetro ideal de 100-200 µm. A diferenciação celular das neuroesferas foi obtida após a aderência destas às placas tratadas com poli-D-lisina, evidenciada pela migração de fibras do interior da neuroesfera. Ao contrário das neuroesferas, os neurônios em cultivo extenderam seus neuritos após 11 dias de isolamento. Tal modelo in vitro pode ser utilizado com sucesso na identificação das variáveis neuroproteômicas, propiciando uma avaliação global das alterações dinâmicas e suas interações protéicas. Tal modelo pode ter aplicações em estudos dos efeitos de indutores da morte celular e bloqueadores de canais de membrana mitocondriais em proteínas chaves do metabolismo energético cerebral.<hr/>Cell culture methods are used for studies of protein interactions in neural cells, helping to detect the interactome of proteins linked to generation of central nervous system diseases. For this reason, neural cells and neurospheres isolated from cortical chicken brain are a current model for studies of neurological diseases, such as epilepsy. Chicken brain has key characteristics on its proteome, with a differential expression of proteins linked to energy metabolism, some of them (VDAC 1 and VDAC 2) play an important role in understanding mechanism of refractory epilepsy. Using the methods described, we found neurospheres, in which cells grow in structures with the ideal diameter of 100-200µm within seven days after isolation. Neurospheres differentiation was obtained after adhesion of these cells to surfaces coated with poly-D-Lysine, detected by migration of fibers inside them. Unlike neurospheres, neurons extended neurites after 11 days of isolation. Here we describe a method to isolate and culture neurons and neurospheres from chicken cerebral cortex. Such "in vitro" model can be utilized on studies of neuronal protein differential expression and interaction. Cultures of isolated neurons represent an accessible model on studies of apoptosis and channel blockers of key proteins linked to brain metabolism. <![CDATA[<b>Características anatômicas e histológicas dos dentes na cutia (<i>Dasyprocta</i> <i>prymnolopha</i> Wagler, 1831)</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-736X2013001300009&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt The agouti species Dasyprocta prymnolopha (D. prymnolopha) is a medium-sized rodent, diurnal, and characteristic of northeastern Brazil, south of the Amazon. Several studies have been made on these rodents. However, there is a lack of analysis of masticatory system, in particular morphology of the teeth. Thus, this research seeks to describe anatomical and histological aspects of the agouti teeth. For this purpose, we used adult agouti, in which measurements and descriptions of teeth and dental tissues were made. It was observed that the dental arch of D. prymnolopha comprises of twenty teeth, evenly distributed in the upper and lower arch, being inferior teeth larger than their corresponding higher. The incisors are larger, and between the posterior premolars and molars, there is a gradual increase in length in the anterior-posterior arch. In microscopic examination, a prismatic appearance was observed consisting of enamel prisms arranged in different directions, behind the enamel and dentin with standard tubular dentinal tubules with variable diameter and far between, also showing a sinuous path from the inner portion to the junction with more superficial enamel. Morphological analysis of dental tissues showed that an enamel with structural organization adapted to the act of chewing and high impact dentin compatible with standard tubular function resilience and mechanical damping of masticatory forces, as found in larger animals, confirming the understanding of eating habits that define much of its ecological functions within the ecosystem they inhabit.<hr/>A cutia espécie Dasyprocta prymnolopha (D. prymnolopha) é um roedor de tamanho médio, diurno e característico do Nordeste do Brasil, sul da Amazônia. Vários estudos têm sido feitos sobre estes roedores. No entanto, há uma carência de estudos do sistema estomatognático, em particular, a morfologia dos dentes. Assim, esta pesquisa procura descrever aspectos anatômicos e histológicos dos dentes cutia. Para isto, nós utilizamos cutias adultas, em que as mensurações e as descrições dos dentes e dos tecidos dentais foram feitas. Observou-se que a arcada dentária de D. prymnolopha é composta por vinte dentes, distribuídas uniformemente no arco superior e inferior, sendo os dentes inferiores, maiores do que os seus correspondentes superiores. Os incisivos são maiores, e entre os pré-molares e molares posteriores, existe um aumento gradual no comprimento do arco anterior-posterior. No exame microscópico, uma forma prismática foi observada o que consiste de prismas de esmalte dispostos em diferentes direções, atrás do esmalte e dentina com túbulos dentinários com padrão tubular de diâmetro variável e distantes entre si, mostrando também um caminho sinuoso a partir da parte interna da junção com o esmalte mais superficial. A análise morfológica dos tecidos dentários mostrou um esmalte com a organização estrutural adaptada para o ato de mastigar e dentina de alto impacto compatível com a função do padrão tubular de resiliência e amortecimento mecânico de forças mastigatórias, como encontrado em animais maiores, confirmando o entendimento de hábitos alimentares que definem muito das suas funções ecológicas dentro do ecossistema em que vivem. <![CDATA[<b>Metabolismo oxidativo e perfil bioquímico muscular de cavalos de pólo suplementados com complexo vitamínico ADE</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-736X2013001300010&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Horses used for the game of polo experience abrupt and frequent changes in exercise intensity. To meet this variable energy demand, the horses use both aerobic and anaerobic pathways in varying proportions and intensities. In this context, there must be a balance between the formation of reactive oxygen species (ROS) and the action of antioxidants to prevent oxidative stress and its consequences. The effect of supplementation with an ADE vitamin complex on oxidative metabolism was evaluated in 18 crossbred horses randomly divided between a treated group (TG) and a control group (CG). The TG animals received the ADE vitamin complex (1mL/50 kg of body weight) by deep intramuscular injection at 30 and 15 days before the game. The CG horses received 10ml of saline by the same administration route and schedule. During the polo match, the animals played for a total of 7.5 min. Blood samples were collected on the same days as the treatments were administered, and immediately before and at 15, 90 and 180 minutes after the game. The concentrations of creatine phosphokinase (CK), lactate dehydrogenase (LDH), lactate, glucose, aspartate aminotransferase (AST), glutathione (GSH), superoxide dismutase (SOD) and malondialdehyde (MDA) were measured in the blood samples. After the game, the TG demonstrated higher levels of AST, lactate and glucose than the CG, suggesting more efficient energy use by the treated animals. The higher GSH and lower lactate levels in the TG before the game suggest the presence of a greater antioxidant supply in the treated animals. The maintenance of the MDA levels indicates that neither of the groups exhibited oxidative stress.<hr/>O jogo de pólo se caracteriza por mudanças abruptas e frequentes na intensidade do exercício dos cavalos. Para satisfazer esta demanda inconstante de energia, os animais utilizam as vias aeróbia e anaeróbia em proporções e intensidade variáveis. Neste contexto deve haver equilíbrio entre a formação das espécies reativas de oxigênio (EROs) e a ação das substâncias antioxidantes a fim de evitar o estresse oxidativo e suas consequências. Avaliou-se o efeito da suplementação com vitaminas ADE no metabolismo oxidativo destes animais. Para tanto, 18 equinos mestiços foram distribuídos aleatoriamente em dois grupos: tratado e controle (GT) e controle (GC).Os animais do GT receberam complexo vitamínico ADE (1 mL/50 kg de peso vivo) pela via intramuscular profunda aos 30 e 15 dias antes do jogo. Os cavalos do GC receberam, pela mesma via de administração e nos mesmos momentos, 10mL de solução fisiológica. Os animais jogaram um tempo de 7,5min. Foram coletadas amostras de sangue nos mesmos dias de tratamento e imediatamente antes e aos 15, 90 e 180 minutos após o jogo. Foram determinadas as concentrações sanguíneas de CK, LDH, lactato, glicose, AST, GSH, SOD e MDA. Após o jogo o GT apresentou maiores valores para AST, lactato e glicemia que o GC, sugerindo melhor aproveitamento energético dos animais tratados. Os valores maiores de GSH e menores de lactato no GT antes da prova sugerem maior aporte antioxidante nos animais tratados. A manutenção dos teores de MDA indica que nenhum dos grupos entrou em estresse oxidativo. <![CDATA[<b>Leucograma e metabolismo oxidativo de neutrófilos em cabras da raça Saanen nos períodos de gestação, parto e pós-parto</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-736X2013001300011&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O presente estudo teve como objetivo a avaliação do leucograma e do metabolismo oxidativo de neutrófilos em fêmeas caprinas da raça Saanen, nos períodos de gestação, parto e pós-parto. Amostras de sangue foram colhidas de 20 fêmeas nulíparas da raça Saanen, clinicamente sadias por venipunção jugular aos 49 (M1), 42 (M2), 35 (M3), 28 (M4), 21 (M5), 14 (M6), sete (M7), três (M8) dias antes do parto, no dia do parto (M9), três (M10) e sete (M11) dias após o parto, para a realização do leucograma e dosagens séricas de cortisol, estradiol e progesterona. A partir de 28 dias (M4) antes do parto até sete dias do pós-parto (M11) foram colhidas amostras de sangue para a avaliação do metabolismo oxidativo de neutrófilos por meio do teste de redução do tetrazólio nitroazul (NBT). Os resultados demonstraram que no dia do parto houve aumento nas concentrações séricas de cortisol e estradiol, e diminuição da progesterona, leucocitose por neutrofilia e desvio à esquerda leve, diminuição dos linfócitos, aumento da relação neutrófilo:linfócito, eosinopenia, monocitose e basofilia. No sétimo dia do pós-parto houve leucocitose por neutrofilia e aumento da relação neutrófilo:linfócito. Não houve nos períodos de gestação, parto e pós-parto alterações significativas no metabolismo oxidativo dos neutrófilos. Conclui-se que o parto determina elevação da concentração sérica de cortisol e estradiol, e diminuição da progesterona determinando quadro de leucocitose por neutrofilia e desvio à esquerda leve, com diminuição dos linfócitos, aumento da relação neutróflo:linfócito, eosinopenia, monocitose e basofilia. Ao sétimo dia do pós-parto há leucocitose por neutrofilia, aumento da relação neutrófilo:linfócito e do fibrinogênio. A gestação, o parto e o período do pós-parto não alteram o metabolismo oxidativo de neutrófilos avaliado por meio do teste de redução do NBT.<hr/>The purpose of this study was to evaluate the leukocyte count and the oxidative metabolism of neutrophil in Saanen goats during periods of pregnancy, parturition and postpartum. Were used 20 Saanen goats, clinically healthy and serologically negative for caprine arthritis encephalitis virus (CAEV). Blood samples were collected by jugular venipuncture 49 (M1), 42 (M2), 35 (M3), 28 (M4), 21 (M5), 14 (M6), seven (M7), three (M8) days before the parturition, on the day of birth (M9), three (M10) and seven (M11) days postpartum, for the leukocyte count, and serum for cortisol, estradiol and progesterone determination. From 28 days (M4) before parturition until seven days postpartum (M11) blood samples were collected for evaluation of oxidative metabolism of neutrophils by the nitroblue tetrazolium reduction test (NBT). The results showed that at parturition day there were an increase in cortisol and estradiol levels and a decrease in progesterone serum, neutrophilic leukocytosis and left shift slight, decrease of lymphocytes, increase in the neutrophil: lymphocyte, eosinopenia, monocytosis and basophilia. There was a neutrophilic leukocytosis and an increase in the neutrophil: lymphocyte on the seventh day postpartum. There were not significant alterations in oxidative metabolism of neutrophils during pregnancy, parturition and postpartum. It was concluded that parturition causes an elevation in cortisol and estradiol levels and a decrease in progesterone serum determining a neutrophilic leukocytosis and left shift slight, with a reduction of lymphocytes, increase in the neutrophil:lymphocyte, eosinopenia, monocytosis and basophilia. Neutrophilic leukocytosis, increase in the neutrophil: lymphocyte and fibrinogen are detected on the seventh day postpartum. Pregnancy, parturition and the postpartum do not change the oxidative metabolism of neutrophils evaluated by NBT reduction test. <![CDATA[<b>Comparação de métodos para estimar coeficientes de digestibilidade de uma ração comercial de gatos-domésticos para jaguatiricas</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-736X2013001300012&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt In this experiment, methods of total fecal collection (TFC) and internal markers (acid-insoluble ash - AIA, crude fiber - CF, and acid-detergent fiber - ADF) were compared for determination of the coefficients of apparent digestibility (CAD) for dry matter (DM), crude protein (CP), ether extract (EE), nitrogen-free extracts (NFE), and gross energy (GE) of commercial feline dry kibble for ocelots (Leopardus pardalis). Six adult animals, weighing 12.45±1.37 kg, gradually received experimental kibble in their usual diet until the beginning of the experiment and were submitted to an adaptation period ten days prior to the collection period. CAD obtained by TFC, AIA, CF, and ADF were, respectively, 73.7, 76.83, 62.01, and 46.03% for dry matter; 81.9, 84.8, 75.8, and 63.8% for crude protein; 85, 86.7, 78.5, and 69.1% for ether extract; 78.52, 79.55, 69.11, and 53.04% for nitrogen-free extracts; and 80.5, 82.2, 71.4, and 58.4% for gross energy. The AIA method showed to be efficient in determining coefficients of apparent digestibility and may contribute to investigations on the digestibility of diets for wild felines. In comparison to the items of ocelot's usual diet, the kibble used in this paper provided an adequate nutritional supply with reduced daily costs per animal.<hr/>Neste experimento foram comparados os métodos de coleta total de fezes (CT) e de indicadores internos (cinza insolúvel em ácido - CIA, fibra bruta - FB e fibra em detergente ácido - FDA) na determinação dos coeficientes de digestibilidade aparente (CDA) da matéria seca (MS), proteína bruta (PB), extrato etéreo (EE), extrativo não nitrogenado (ENN) e energia bruta (EB) de uma ração comercial de gatos-domésticos para jaguatiricas (Leopardus pardalis). Seis animais adultos com peso de 12,45 ± 1,37kg receberam gradativamente a ração experimental na dieta habitual até o início do experimento e foram submetidos a um período de adaptação de 10 dias anteriores ao período de coleta. Os CDA obtidos pela CT, CIA, FB e FDA foram, respectivamente de 73,70; 76,83; 62,01 e 46,03% para matéria seca, 81,9; 84,8; 75,8 e 63,8% para proteína bruta, 85,0; 86,7; 78,5 e 69,1% para extrato etéreo, 78,52; 79,55; 69,11 e 53,04% para extrativo não nitrogenado e de 80,5; 82,2; 71,4 e 58,4% para energia bruta. O método de CIA mostrou-se eficiente na determinação dos coeficientes de digestibilidade aparente e pode contribuir com as investigações sobre a digestibilidade em dietas com felídeos selvagens. A ração utilizada permitiu aos animais um adequado aporte nutricional e apresentou menores custos/animal/dia em comparação aos itens que compunham a dieta habitual. <![CDATA[<b>Ultraestrutura comparativa da língua do sagui-de-tufo-preto (<i>Callithrix penicillata</i>) e do bugio-preto (Alouatta caraya) em diferentes faixas etárias</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-736X2013001300013&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Para a análise e descrição comparativa da morfologia da língua e de suas papilas, bem como a distribuição destas, foram utilizados três animais de faixas etárias distintas (filhote, jovem, adulto), de duas espécies de primatas, Callithrix penicillata (sagui-de-tufo-preto) e Alouatta caraya (bugio-preto), ambas sendo observadas através da microscopia eletrônica de varredura. Os animais da espécie Callithrix penicillata eram procedentes de um criadouro comercial de animais selvagens em Atibaia/SP e vieram a óbito por causas naturais, e os da espécie Alouatta caraya eram provenientes do acervo do Laboratório de Anatomia Macroscópica da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da Universidade de São Paulo (FMVZ-USP). Com o material analisado e a técnica empregada pôde-se constatar que as línguas dos saguis-de-tufo-preto e dos bugios-pretos analisadas apresentavam papilas linguais similares às descritas para outras espécies de primatas. As línguas possuíam diferenças morfológicas, principalmente para alguns tipos de papilas linguais, em detrimento do avançar da idade dos animais. De forma geral, foram observados quatro tipos de papilas linguais, sendo estas: filiforme, fungiforme, valada e folhada. As línguas dos bugio-pretos apresentavam características de animais com dietas herbívoras. Possuindo desta forma papilas filiformes com formatos variados (coroa, lança, multifilamentar), de acordo com as regiões da língua, e também robustas papilas, principalmente na proeminência lingual. Já as línguas dos saguis-de-tufo-preto possuíam características de animais onívoros. Com papilas filiformes em formato de coroa, grandes quantidades de papilas fungiformes e desenvolvidas papilas folhadas. Observou-se que as modificações das papilas linguais que ocorrem nos animais após o nascimento apresentaram correlação com a mudança nos tipos de alimentos consumidos. Sendo presumível então concluir que as dietas possuem relação direta para com as alterações morfológicas e estruturais das papilas linguais nos animais ora aqui analisados.<hr/>For the comparative analysis and description of the morphology of the tongue and taste buds as well as the distribution of these we have used three animals of different age groups (puppy, young adult), of two species of primate, Callithrix penicillata (black-tufted-ear-marmoset) and Alouatta caraya (black-howler-monkey), both being observed by scanning electron microscopy. The animals of the species Callithrix penicillata were from a commercial breeding of wild animals in Atibaia-SP and they had died of natural causes, and the specie Alouatta caraya were from the collection of Macroscopic Anatomy Laboratory of Faculty of Veterinary Medicine and Animal Science University of São Paulo (FMVZ-USP). With the material analyzed and the technique employed could be seen that the tongue of black-tufted-ear-marmosets and black-howler-monkeys had examined lingual papillae similar to those described for other primate species. The tongue has morphological differences, especially for some types of lingual papillae, at the expense of advancing age of the animals. Overall, we found four types of lingual papillae, which are: filiform, fungiform, vallate and litter. The tongues of the black-howler-monkey had characteristics of animals with herbivorous diets. Possessing this way with the filiform papillae varied formats (crown, spear, multifilament), according to the regions of the tongue, and also robust taste, especially in the lingual prominence. Since the tongues of the black-tufted-ear-marmosets owned features of omnivorous animals. With filiform-shaped crown, large amounts of fungiform papillae and foliate papillae developed. It was observed that the changes of tongue papillae that occur in animals after birth correlated with the change in the types of foods consumed. Being suspected then conclude that diets have direct relation to the morphological and structural of the lingual papillae now here in the animals analyzed. <![CDATA[<b>Variação da ecogenicidade difusa em parênquima hepático homogêneo relacionada aos achados bioquímicos e hematológicos em cães</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-736X2013001300014&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt No presente estudo foi analisado o parênquima hepático com características homogêneas e ecogenicidade difusa reduzida (G1), aumentada (G2) e normal (G3), em relação ao perfil dos animais, dimensão do fígado e achado bioquímico e hematológico. Amostras de sangue obtidas por punção venosa da jugular ou da cefálica do antebraço foram encaminhadas para realização de hemograma e dosagem sérica de ALT, FA, proteínas totais, albumina, globulina, uréia e creatinina. Dos 30 cães que compuseram o G1, 30 (100%) apresentaram evidenciação das paredes portais e da parede da vesícula biliar, 23 (76,67%) fígado com dimensão preservada e bordos em ângulos agudos, 15 (50%) faixa etária entre 1 e 6 anos de idade e 8 (26,67%) eram da raça Lhasa apso. Não houve predisposição quanto ao sexo, assim como não foram identificadas alterações significativas nos exames bioquímicos e hematológicos dos cães do G1. Quanto aos diagnósticos clínicos atribuídos para estes cães, houve maior prevalência de gastroenterite (43,33%). Dos 30 cães do G2, 27 animais (90%) apresentaram hepatomegalia e arredondamento dos bordos hepáticos, 18 (60%) tinham idade superior a 9 anos, 16 (53,33%) eram fêmeas e 9 (30%) eram da raça poodle. Houve elevação da atividade sérica de FA e elevação de ALT, redução nos níveis de proteínas séricas totais, albumina, globulinas, eritrócitos e volume globular, além de leucocitose por neutrofilia, com desvio à esquerda, eosinopenia, linfopenia e monocitose nos cães do G2. Neste grupo houve prevalência de doenças metabólicas (54%), como diabetes mellitus e hiperadrenocorticismo, além das hepatopatias crônicas (17%), atribuídas ao uso contínuo e prolongado de corticóide e drogas anticonvulsivantes. Dos 30 cães do grupo controle (G3), 22 (73,33%) apresentaram dimensões hepáticas inalteradas e bordos em ângulos agudos. Neste grupo de animais, não houve alterações significativas nos exames laboratoriais.<hr/>The present study evaluated the liver with homogeneous parenchyma in dogs, with diffuse reduced echogenicity (G1), increased echogenicity (G2) and normal echogenicity (G3) by ultrasound examination associating the findings on animal profile, liver size and hematology and biochemistry results. Blood samples obtained by cephalic or jugular venipunture were submitted for hemogram and ALT, ALP, total proteins, albumin, globulin, urea and creatinine analysis. Among the 30 dogs in G1, 30 (100%) presented portal venous and gall bladder wall clarity, 23 (76.67%) presented normal liver size and edges, 15 (50%) were from 1 to 6 years old and 8 (26.67%) belonged to the lhasa apso breed. No predispositions were found according to gender, as well as no significant alterations in biochemical and hematological exams were observed in G1. The most prevalent disease found in this group was gastroenteritis (43.33%). Among the 30 dogs in G2, 27 (90%) presented hepatomegaly and rounded hepatic edges, 18 (60%) were over 9 years old, 16 (53.33%) were female and 9 (30%) belonged to the poodle breed. The laboratorial findings related to this group were increased ALT and ALP serum activity, decreased levels of total protein, albumin, globulin, erythrocytes and hematocrit, as well as leukocytosis with neutrophilia and a left shift, eosinopenia, lymphopenia and monocytosis. The most prevalent diseases found in this group were metabolic disorders (54%), such as diabetes mellitus and hyperadrenocorticism, and chronic hepatopathies (17%) due to prolonged and continuous use of corticoid and anticonvulsive drugs. Among the 30 dogs in the control group (G3), normal liver size and edges were presented in 22 (73.33%). In this group, no alterations were seen in laboratorial exams. <![CDATA[<b>Efeitos do estresse da orquiectomia na citologia broncoalveolar de bezerros da raça Holandesa</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-736X2013001300015&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt A identificação do impacto que certas formas de estresse causam ao bem estar animal e equilíbrio orgânico, representa um desafio á adoção de boas práticas de criação. Assim, a presente pesquisa verificou o impacto de um desafio doloroso rotineiro dos bovinos na imunidade pulmonar e sistêmica. Avaliou-se hemograma e cortisol, em quatro momentos, sendo M1, M6, M7 e M8 (respectivamente sete dias antes e um, três e oito dias depois do desafio doloroso) e citologia broncolaveolar, obtida por broncoscopia, nos momentos M1, M6 e M8. Houve uma redução dos valores do eritrograma no primeiro dia após o desafio, compatível com anaplasmose e agravada pela perda de sangue durante a cirurgia e um influxo de leucócitos para a região pulmonar. Oito dias após o desafio, evidenciou-se aumento de cortisol, gerando uma leucocitose por neutrofilia e monocitose no sangue com provável redução de quimiotaxia para o pulmão, tornando o trato respiratório potencialmente mais susceptível a infecções, sugerindo que esta prática de manejo, mesmo acompanhado de protocolo analgésico, pode ser considerada um fator de risco a penumonias afetando o bem estar animal.<hr/>The recognition of the impact of certains forms of stress in the animal well being and organic equilibrium, represents a challenge to the adoption of good practices. Thus, this research verified the impact of a painful rotine of the cattle husbandry can cause on pulmonary and systemic immunity. Was evaluated hemogram and cortisol, in four moments, being M1, M6, M7 e M8 (respectively seven days before and one, three and eight days after the painful challenge) and bronchoalveolar cytology,obtained by bronchoscopy, in the moments of M1, M6 e M8. There was a reduction of the erythrogram values in the first day after the challenge, compatible with the anaplasmosis and aggravated by the blood loss during the surgery and an influx of leukocytes to the pulmonary region. Eight days after the challenge, became evident the cortisol increase, enerating leukocytosis by neutrophilia and monocytosis in the blood with a probable reduction of chemotaxis to the lungs, turning the respiratory tract potentially more susceptible to infections, suggesting that this practice, even accompanied by analgesic protocol, increases the risk of pneumonia, affecting the animal well-being. <![CDATA[<b>Avaliação das características do líquido ruminal, hemogasometria, atividade pedométrica e diagnóstico de laminite subclínica em vacas leiteiras</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-736X2013001300016&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Este estudo objetivou avaliar as características do líquido ruminal, hemogasometria, atividade pedométrica e ocorrência laminite subclínica, por meio da presença de enfermidades podais secundárias, em vacas leiteiras de alta produção, provenientes de um rebanho comercial. Foram avaliadas 200 vacas holandesas, oriundas da mesma propriedade, localizada na região de Araçatuba, SP, divididas em quatro grupos, sendo estes estabelecidos a partir da produtividade diária. Inicialmente procedeu-se o exame clínico dos animais, seguido da colheita de amostras do líquido ruminal, por meio de sondagem esofágica, sendo este avaliado quanto ao pH, cor, odor, consistência, sedimentação, flutuação e prova de redução pelo azul de metileno. Também foram colhidas amostras de sangue venoso para hemogasometria, além da coleta dos dados da pedometria (número de passos) e produção de leite diária das vacas. Os dados obtidos foram tabulados e submetidos à análise de correlação. Nenhum animal avaliado apresentou alterações no pH ruminal, bem como não foram encontrados distúrbios do desequilíbrio ácido básico, pois os valores de pH sanguíneo, PCO2, TCO2, HCO3- e EB estavam dentro da normalidade, durante a análise hemogasométrica. A pedometria foi efetiva como método de triagem para as vacas acometidas de afecções podais, pois se observou a redução no número de passos devido à dor, correlacionada a menor produção leiteira. Contudo, a identificação destas afecções, somente foi possível mediante exame clínico específico dos dígitos. A ocorrência das afecções podais em 49,5% do rebanho deveu-se aos fatores de riscos presentes na propriedade, como o concreto abrasivo e instalações inadequadas, associados também a possível ocorrência de acidose ruminal subaguda, não diagnosticada pela metodologia utilizada. A correlação entre os valores do pH ruminal, pedometria e hemogasometria se mostrou eficiente para o diagnóstico precoce das afecções podais e também no estabelecimento da etiologia destas enfermidades. A laminite subclínica acometeu primariamente as vacas do rebanho, considerando a etiologia multifatorial desta afecção, ocorrência e distribuição das enfermidades podais diagnosticadas.<hr/>The objectives of this study were to evaluate the characteristics of ruminal fluid, blood gas analysis, pedometer activity and suclinical laminitis occurrence, through the presence of secondary foot diseases in high production dairy cows, from a commercial herd. 200 Holstein cows originating from the same farm, located in Araçatuba/SP, Brazil, were divided into four groups, which are established from the daily milk production. Initially clinical examination of the cows was procedure, followed by sampling of rumen fluid, by esophageal tube. Fluid was evaluated for pH, color, odor, consistency, sedimentation, flotation and methylene blue reduction test. Venous blood samples were also collected for blood gas analysis, in addition to collecting data from pedometrics (number of steps) and daily milk production. Data were tabulated and submitted to correlation analysis. No animal had reported changes in rumen pH. Non-acid base imbalance were found, since the values of blood pH, PCO2, TCO2, HCO3- and BE were normal during hemogasimetric analysis. The pedometric was effective as a screening method to cows with foot diseases. It demonstrated reduction in the number of steps due to pain, correlated with lower milk production. However, the identification of foot lesions was only possible through specific digital clinical examination. The occurrence of 49.5 % of herd foot problems was due to the risk factors present in the farm. The abrasive concrete and inadequate facilities, also associated with the possible occurrence of sub-acute ruminal acidosis, were observed as risk factors. However, sub-acute ruminal acidosis was undiagnosed by the methods used. The correlation between the values of ruminal pH, and blood gas analysis pedometrics showed efficient for the early diagnosis of foot diseases and also in establishing the etiology of these diseases. Subclinical laminitis occurred primarily in cow's herd, considering the multifactorial etiology of this disease, occurrence and distribution of foot diseases diagnosed. <![CDATA[<b>Estereologia do sistema elástico e das células musculares lisas no pênis fibroelástico zebuino e bubalino</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-736X2013001300017&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Samples of ten penises of Mediterranean buffaloes and ten penises of Red Sindhi cattle were used. The thickness of the tunica albuginea (TA), distribution of smooth muscle cells (SMC) and volume density (Vv) of elastic system fibers in TA, corpus cavernosum (CC) and corpus spongiosum (CS) were evaluated. The Vv of elastic system fibers in buffalo and bovine penis was respectively 4.07% ±0.88% and 3.36% ±1.21% in TA; 17.32% ±2.21% and 13.14% ±1.27% (CC), 26.58% ±4.31% and 31.36% ±3.67% (CS). The CC of buffalo presented higher Vv of elastic fibers than bovine, while in the CS the Vv of elastic fibers in buffaloes was smaller than in cattle. The TA thickness showed a significant difference among the species studied. The arrangement of SMC in the bovine penises and in the water buffalo suggests that this pattern is common to animals that have fibroelastic penises.<hr/>O pênis dos zebuinos e bubalinos são classificados como do tipo fibroelástico, sendo grande parte de sua rigidez conferida pelas fibras colágenas e elásticas presentes na matriz extracelular. Embora alguns estudos tenham abordado estes componentes em bovinos europeus, os dados na literatura sobre zebuínos e bubalinos são escassos. Nós avaliamos a espessura da túnica albugínea, a distribuição das células musculares lisas e a densidade volumétrica (Vv) das fibras do sistema elásticona túnica albugínea, no corpo cavernoso e esponjoso do pênis de animais jovens adultos inteiros.Foram utilizados 10 fragmentos de pênis de búfalos da raça Mediterrâneo e 10 fragmentos de pênis de bovinos da raça Red Sindi. Os fragmentos de pênis foram processados de acordo com a técnica histológica de rotina para inclusão em parafina e corados pela Fucsina Resorcina de Weigert, Picro Sirius Red, Tricrômio de Gomori e anticorpo anti α actina. As fibras elásticas foram determinadas em 25 campos aleatórios de cada fragmento, utilizando o sistema teste modelo M42. A Vv das fibras do sistema elástico no pênis do búfalo e bovino foram(média e desvio padrão respectivamente) de 4,07% ±0,88 e 3,36% ±1,21 na túnica albugínea; 17,32% ±2,21 e 13,14% ±1,27 no corpo cavernoso; 26,58% ±4,31 e 31,36% ±3,67 no corpo esponjoso, respectivamente. Houve diferença na Vv das fibras elásticas entre as duas espécies, no corpo cavernoso e no corpo esponjoso. Na espessura da túnica albugínea houve diferença significativa entre o búfalo Mediterrâneo (1,4mm ±0,11) e o bovino Red Sindi (1,76mm ±0,23). Nas duas espécies, as fibras musculares lisas foram encontradas apenas associadas ao endotélio de revestimento dos seios cavernosos. Com base nestes resultados, podemos concluir que existem diferenças na proporção entre os componentes da matriz extracelular nas espécies estudadas, fato que deve ser considerado nos procedimentos clínicos e cirúrgicos veterinários e continua a ser investigado. <![CDATA[<b>Experiências em clonagem e transgenia em bovinos</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-736X2013001300018&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Transgenic technology has become an essential tool for the development of animal biotechnologies, and animal cloning through somatic cell nuclear transfer (SCNT) enabled the generation of genetically modified animals utilizing previously modified and selected cell lineages as nuclei donors, assuring therefore the generation of homogeneous herds expressing the desired modification. The present study aimed to discuss the use of SCNT as an important methodology for the production of transgenic herds, and also some recent insights on genetic modification of nuclei donors and possible effects of gene induction of pluripotency on SCNT.<hr/>Tecnologias de modificação genética têm se tornado ferramentas essenciais para o desenvolvimento de biotecnologias animais. A clonagem animal mediante transferência nuclear de célula somática (TNCS) possibilitou a geração de animais geneticamente modificados através da utilização de linhagens celulares previamente modificadas e selecionadas como doadoras de núcleo, garantindo desta maneira a geração de rebanhos homogênoes expressando a modificação desejada. O presente estudo objetivou discutir o uso da TNCS como importante metodologia para a produção de rebanhos transgênicos, assim como experiências recentes na manipulação genética de células doadoras de núcleo e possíveis efeitos da indução gênica à pluripotência na TNCS.