Scielo RSS <![CDATA[Educação & Sociedade]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=0101-733019980004&lang=en vol. 19 num. 65 lang. en <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <link>http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-73301998000400001&lng=en&nrm=iso&tlng=en</link> <description/> </item> <item> <title><![CDATA[<b>Ilusion or naiveté? </b>: <b>Teaching data and educational policies</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-73301998000400002&lng=en&nrm=iso&tlng=en Depois de ilustrar os tipos de indicadores de ensino produzidos pela OCSE, o artigo propõe algumas explicações para o interesse suscitado por este tipo de produto no curso dos últimos dez anos e descreve a evolução do conjunto de indicadores comparáveis dos sistemas educacionais definidos pela OCSE. Além disso, examina a possível utilização destes por parte das políticas educacionais e mostra, tanto a importância analítica de um conjunto de dados que diz respeito a múltiplos aspectos dos sistemas educacionais, quanto seus limites e ambigüidades.<hr/>By presenting data on teaching as produced by the OCSE, this article proposes to explain the interest caused by such a product during the last ten years and describes the evolution of such data comparing educational systemas as defined by OCSE. It also examines the utilizations of such data by educational policies considering its importance, limits and ambiguities. <![CDATA[<b>Paradigms crisis and the emergence of an ethic reflexion</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-73301998000400003&lng=en&nrm=iso&tlng=en O artigo analisa os paradigmas mais influentes na história do pensamento moderno, sobretudo nas doutrinas hegelianas e marxistas sobre a sociedade e a ética. Seu alvo é apresentar dúvidas sobre o próprio conceito de "paradigma", tal como ele é aceito e veiculado nas chamadas "ciências" sociais brasileiras.<hr/>The article analyses the most influential paradigms in the history of the modern thought, mainly the Hegelian and Marxist doctrines on society and ethics. Its aim at raising a few doubts on the paradigm concept itself in the ways it is accepted and widespread in the field of the so- called "social sciences" in Brazil. <![CDATA[<b>The components of competency, a necessary exercise for an unsolvable problem</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-73301998000400004&lng=en&nrm=iso&tlng=en As mudanças técnicas organizacionais e econômicas dos últimos dez anos levaram os chefes de projetos e de empresa a substituir progressivamente o termo "qualificação" pelo de "competência" para pensar o problema dos ajustes das pessoas às tarefas ou aos objetivos, bem como a buscar procedimentos ou modelos de avaliação dessas competências. Ora, se por um lado a questão é legítima e se coloca além mesmo da conjuntura atual, por outro, essa busca de procedimentos ou grades descontextualizadas, codificáveis e homogêneas é incompatível com a pluralidade de registros ou elementos que toda atividade de trabalho tenta articular. De fato, esta comporta pelo menos três polaridades diferentes: o grau de apropriação de saberes conceitualizáveis, o grau de apreensão das dimensões propriamente históricas da situação e o debate de valores a que se vê convocado todo indivíduo num meio de trabalho particular. Há, portanto, uma heterogeneidade fundamental nos "ingredientes" da competência, relações dinâmicas entre esses ingredientes nunca verdadeiramente antecipáveis e, conseqüentemente, pesquisas a serem conduzidas acerca dos procedimentos de avaliações diferenciadas, apropriadas à diversidade desses ingredientes.<hr/>For a decade now, technical changes in management and economy have driven people in charge of projects and companies to gradually substitute the word "competences" for the word "qualification" to cope with the task of adapting people to jobs and objectives, and to seek procedures or formats to assess such competences. But, right though we may be in putting forward the issue - even beyond the current economic situation - such a quest for out-of-context, homogeneous and easy-to-codify procedures or diagrams is inconsistent with the numerous levels or elements to be put together in any working activity. There are at least three quite different sides to a working activity: the extent to which conceptualizable knowledge can be reached, the extent to which the very historical aspects of a situation can be understood, and the clash of values with which any individual is confronted in a given working environment. Hence the basic heterogeneity of the components of competency, of the dynamic relationship between these components - which can never be actually foreseen - and thus of the research to be done on the various formats of assessment suited to the variety of those components. <![CDATA[<b>Technology and teacher training</b>: <b>Towards a post-modern pedagogy?</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-73301998000400005&lng=en&nrm=iso&tlng=en A partir da discussão dos controvertidos conceitos de modernidade e pós-modernidade, este texto busca destacar os ideais e as conquistas da sociedade moderna em dois campos cada vez mais complementares no processo de socialização das novas gerações: a educação e a comunicação. Considerando a crescente importância do fenômeno comunicacional na sociedade atual, globalizada e tecnificada, a educação é chamada a constituir-se em espaço de mediação entre a criança e um meio ambiente povoado de máquinas cada vez mais "inteligentes". Tendo como eixo teórico a integração - necessária e inelutável - ao campo educacional, das novas tecnologias de comunicação e de informatização, a autora tenta delinear alguns caminhos para a formação de professores numa perspectiva inovadora, indispensável para a melhoria da qualidade da escola do presente e do futuro.<hr/>: Starting from a discussion on the controversial concepts of modernity and post-modernity, this text is an attempt to highlight the ideals and achievements of modern society in two increasingly complementary areas in the socialisation process of new generations: those of education and communication. Considering the growing importance of the communicational phenomenon in our globalised and technified contemporary society, education is required to serve as mediator between the child and an environment populated by ever more "intelligent" machines. Using as theoretical basis the necessary and inevitable integration of new information and communication technologies into education field, the author attempts to mark out some paths towards an innovative view of teacher training which is indispensable for an improved schooling today and tomorrow. <![CDATA[<b>Is schooling redundant in a new technology world?</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-73301998000400006&lng=en&nrm=iso&tlng=en Este ensaio pretende contribuir para a discussão sobre os rumos do ensino escolar na perspectiva de resistência ao ideário neoconservador colocado pelas regras do capitalismo na sua forma "globalizada". Esboça um cenário em que as extraordinárias potencialidades de humanização e socialização do indivíduo proporcionadas pelo desenvolvimento técnico-científico se colocam em confronto com sua crescente solidão e individualismo nas relações sociais e aponta para a necessidade de contraposição aos objetivos colocados para o ensino pela forma de pensamento hoje hegemônica, isto é, a formação do trabalhador-consumidor adequado às novas tecnologias. Apresentamos uma visão oposta a essa tendência: a educação como meio de emancipar o homem.<hr/>The aim of this essay is to contribute to the discussion on the directions of teaching under the perspective of the resistance to the neoconservative ideas presented by the rules of capitalism under its "globalized" form. It draws a landscape in which the extraordinary potentialities of humanization and socialization of the individual given by the technological and cientific development are set against his growing loneliness and individualism in the social relationships and points to the need of opposing the aims of teaching proposed by the leading ways of thinking in our times - that is, the making of the worker and/as a consumer fit to the new technologies. It confronts this trend in education with a totally opposed view: education as a way of emancipating man. <![CDATA[<b>A reivenção da felicidade</b>: <b>uma breve nota sobre o cinqüentenário da Declaração Universal dos Direitos Humanos </b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-73301998000400007&lng=en&nrm=iso&tlng=en Este ensaio pretende contribuir para a discussão sobre os rumos do ensino escolar na perspectiva de resistência ao ideário neoconservador colocado pelas regras do capitalismo na sua forma "globalizada". Esboça um cenário em que as extraordinárias potencialidades de humanização e socialização do indivíduo proporcionadas pelo desenvolvimento técnico-científico se colocam em confronto com sua crescente solidão e individualismo nas relações sociais e aponta para a necessidade de contraposição aos objetivos colocados para o ensino pela forma de pensamento hoje hegemônica, isto é, a formação do trabalhador-consumidor adequado às novas tecnologias. Apresentamos uma visão oposta a essa tendência: a educação como meio de emancipar o homem.<hr/>The aim of this essay is to contribute to the discussion on the directions of teaching under the perspective of the resistance to the neoconservative ideas presented by the rules of capitalism under its "globalized" form. It draws a landscape in which the extraordinary potentialities of humanization and socialization of the individual given by the technological and cientific development are set against his growing loneliness and individualism in the social relationships and points to the need of opposing the aims of teaching proposed by the leading ways of thinking in our times - that is, the making of the worker and/as a consumer fit to the new technologies. It confronts this trend in education with a totally opposed view: education as a way of emancipating man.