Scielo RSS <![CDATA[Horticultura Brasileira]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=0102-053620160003&lang=en vol. 34 num. 3 lang. en <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <![CDATA[Editor's letter]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362016000300309&lng=en&nrm=iso&tlng=en <![CDATA[Reuse water and urban horticulture: alliance towards more sustainable cities]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362016000300311&lng=en&nrm=iso&tlng=en ABSTRACT The need to rethink current models of using water resources in the various sectors of human activity is escalating, as thousands of people in different regions of the world are suffering from clean water shortage for their basic daily needs. In this context, the use of recycled water from treated domestic sewage in agricultural activities is gaining ground. Reuse water can combine environmental protection and high agricultural productivity, especially for simultaneously carrying plant nutrients and minimizing demands for catching "noble" fresh water from streams and water sources for irrigation, currently the highest water consuming activity. The increasing urbanization contributes to generate, but also to foster the treatment and use of wastewater, since urban areas are, at one time, chief water consumers and chief sewage producers. Although there are cultural and sanitary impediments for using recycled water on large scale and the knowledge about possible existing treatments is still limited, a safe alternative to integrate the reuse water into the productive process is its use in irrigation projects involving non edible species. Among these, plants used in floriculture and landscaping can be great allies for the development of wastewater-based urban and peri-urban horticulture, encouraging local development, creating jobs and aiding to environmental protection. We critically discuss these possibilities in this article.<hr/>RESUMO A necessidade de se repensar os modelos atuais de uso dos recursos hídricos nos diversos setores da atividade humana é cada vez maior, uma vez que milhares de pessoas de diversas regiões do mundo vêm sofrendo com a falta de água para suas necessidades básicas do dia-a-dia. Neste contexto, a utilização da água de reuso de esgoto doméstico tratado nas atividades agrícolas vem ganhando espaço. A água de reuso pode aliar preservação ambiental e alta produtividade agrícola, principalmente por já conter nutrientes para as plantas e por minimizar a pressão sobre a retirada de água "nobre" de rios e mananciais para a irrigação, que é a maior consumidora de água na atualidade. A crescente urbanização contribui para a geração, mas também para estimular o tratamento e uso de águas residuais, uma vez que áreas urbanas são, a um só tempo, grandes consumidoras de água e grandes produtoras de esgoto. Embora existam impedimentos culturais e sanitários para a utilização da água de reuso em larga escala e de ser limitado o conhecimento sobre os possíveis tratamentos existentes para tal finalidade, uma alternativa segura para integrar a água de reuso ao processo produtivo é sua utilização em projetos de irrigação que considerem espécies não comestíveis. Entre essas, plantas utilizadas na floricultura e no paisagismo podem ser grandes aliadas para o desenvolvimento da horticultura urbana e periurbana com o uso de águas residuais, de modo a promover o desenvolvimento local, gerar empregos e preservar o meio ambiente. Neste artigo, são avaliadas de forma crítica essas possibilidades. <![CDATA[Ultra high diluted arsenic reduces spore germination of <strong><em>Alternaria brassicicola</em></strong> and dark leaf spot in cauliflower]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362016000300318&lng=en&nrm=iso&tlng=en ABSTRACT A major problem in cauliflower crop is the fungus Alternaria brassicicola, which causes dark leaf spot on Brassicaceae family. The current use of copper salts in agriculture is questioned. In fact, these products present some disadvantages, connected mainly with their deposits in the soil and toxicity on plants. This work investigated the effects of arsenic treatments, in ultra high diluted form (UHD), prepared by a process of repeated dilution and succussion (shaking), through: 1) in vitro germination experiments, where spores of A. brassicicola were suspended in the treatments; 2) in planta experiments and 3) a field trial, where cauliflower plants infected by the fungus were sprayed with treatments. The results showed that ultra high dilutions of arsenic (where no more molecules of this substance are present) were effective in all the experiments, inhibiting spore germination by 60.0%, controlling fungal disease in in planta experiments (relative efficacy of 42.1%), and, in field trial, decreasing the mean infection level in cauliflower heads by 45.7% and 41.6% in artificially inoculated and naturally infected plants, respectively. This is the first study to demonstrate that ultra high dilutions effectively reduce in vitro spore germination and infection of A. brassicicola in cauliflower plants, both under controlled conditions and in the field. Our research is still very experimental, however, in light of the significant results obtained with ultra-diluted arsenic, and given that its extreme high dilution level precludes any toxicity or accumulation in the environment, the use of UHDs could be considered a potential and reliable approach for sustainable agriculture.<hr/>RESUMO Um grande entrave no cultivo da couve-flor é a incidência do fungo Alternaria brassicicola, causador da mancha foliar escura em plantas da família Brassicaceae. A utilização de sais de cobre na agricultura é questionada. De fato, estes produtos apresentam desvantagens, principalmente relacionadas com os seus depósitos no solo e a sua fitotoxicidade. Neste trabalho investigou-se os efeitos do uso de arsenico na forma ultra diluída (UHD), preparado por um processo de diluição repetida e agitação, por meio de: 1) germinação in vitro de esporos em suspenção de A. brassicicola; 2) experimento in planta e 3) ensaio em campo onde plantas de couve-flor, infectadas pelo fungo, foram pulverizadas. Diluições ultra altas de arsenico (em que não há mais presença dessas moléculas) foram eficazes em todos os experimentos, inibindo a germinação de esporos em 60,0%, controlando a doença fúngica nos experimentos in planta (eficácia relativa de 42,1%) e, no teste de campo, diminuindo o nível de infecção médio em cabeças de couve flor em 45,7% e 41,6% respectivamente, em plantas inoculadas artificialmente e infectadas naturalmente. Este é o primeiro estudo para demonstrar que as soluções ultra diluídas de arsenico efetivamente reduzem a germinação de esporos in vitro e reduzem a infecção de A. brassicicola em plantas de couve-flor, tanto em condições controladas como em campo. Nossa pesquisa ainda é muito experimental; no entanto, à luz dos resultados significativos obtidos com arsênico ultra-diluído e, dado que o elevado nível de diluição impede qualquer toxicidade ou acumulo no ambiente, o uso de UHDs poderia ser considerado uma abordagem potencial e confiável para a agricultura sustentável. <![CDATA[New sources of partial resistance to bacterial spot race T2 in processing tomatoes]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362016000300326&lng=en&nrm=iso&tlng=en ABSTRACT Bacterial leaf spot of tomato is caused by four Xanthomonas species, among which Xanthomonas vesicatoria race T2 predominates in Uruguay. Difficulties in integrated disease management and the rapid spread of the pathogen led to investigations of genetic resistance. This study aimed to identify resistance sources to bacterial leaf spot race T2 in tomato for processing. Twelve genotypes were evaluated under field conditions in 2010 and 2011. Plants were spray-inoculated with a suspension of bacteria (108 cfu/mL) 15 days after transplantation. Incubation period, disease severity on leaves, and the percentage of fruits with symptoms at harvest were determined. The incubation period did not differ among the genotypes. The genotype 'Hawaii 7981' had the lowest leaf severity on the leaves, followed by 'Loica'. The lines (derived from the cultivar 'Loica') LB97, LB99, LB60, and LB76, and the cultivar 'Ohio 8245' showed intermediate levels of severity on leaves, whereas 'H9997', 'Cuyano', LB85, and 'NUN6011' presented higher severities. The differences in disease severity of the leaves were similar over the years, while incidence of symptoms in fruit was more variable. Next to 'Hawaii 7981', the cultivars 'Loica' and 'Ohio 8245' were identified as new sources of partial resistance to bacterial spot race T2.<hr/>RESUMO A mancha bacteriana do tomateiro é causada por quatro espécies de Xanthomonas, sendo Xanthomonas vesicatoria raça T2 a predominante no Uruguai. O manejo químico e cultural desta doença não tem sido suficiente para o seu controle; portanto, o melhoramento genético para gerar genótipos resistentes é uma estratégia importante que deve ser incluído para contribuir no manejo integrado desta doença. O objetivo do presente trabalho foi identificar fontes de resistência à mancha bacteriana foliar raça T2 do tomateiro para indústria. Doze genótipos foram avaliados no campo em 2010 e 2011. As plantas foram inoculadas com uma suspensão da bactéria (108 cfu/mL) aos 15 dias depois do transplante. O período de incubação, a severidade da doença e a percentagem dos frutos com sintomas foram determinados. Não houve diferença no período de incubação entre os genótipos. O genótipo 'Hawaii 7981' teve o menor valor de severidade nas folhas, seguido da cultivar 'Loica'. As linhagens (derivadas de 'Loica'), LB97, LB99, LB60 e LB76 e a cultivar 'Ohio 8245' tiveram um nível intermédio de severidade nas folhas, ao passo que 'H9997', 'Cuyano', LB85 e 'NUN6011' apresentaram severidades mais altas. As diferenças entre os genótipos no nível de severidade da doença foram consistentes entre os anos, porém, a incidência nos frutos foi mais variável. Junto à 'Hawaii7981', 'Loica' e 'Ohio 8245' foram identificados como novas fontes de resistência parcial à mancha bacteriana raça T2. <![CDATA[Ultrastructure study of <strong><em>Vanda</em></strong> Kasem's Delight orchid's protocorm-like body]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362016000300333&lng=en&nrm=iso&tlng=en ABSTRACT Growing orchids has been classified as an international business since it covers 8% of the world floriculture trade. Thus, large-scale micropropagation of orchid using tissue culture techniques and improvement of some essential traits, such as resistances to various diseases and pests, and tolerances to environmental stresses, such as low temperatures and low light intensities, via genetic engineering acknowledged the orchids as one of the top ten cut flowers. Protocorm-like bodies (PLBs) are excellent explants for clonal propagation, artificial seeds development and genetic engineering since they are organized and easily regenerable somatic embryos that propagate rapidly. Vanda Kasem's Delight hybrid orchid's PLBs derived from shoot tip culture were examined in order to understand the fundamental ultrastructure of PLB. Examination of the cross sections of PLB revealed that PLB is made of a discrete bipolar structure that contains anterior and posterior meristems. Actively dividing meristem cells and outer layer lined by several rows of small and isodiametric cells with a dense cytoplasm and a prominent nucleus were also observed via cytological studies. Scanning Electron Microscope investigations revealed that the surface of PLBs is occupied by vertically positioned branched trichome appendages and regularly spaced stomatal openings with two guard cells. Organelles such as mitochondria of various sizes, shapes and biconvex chloroplast in the cytoplasm were revealed by Transmission Electron Microscope analysis. Hence, inheriting actively dividing cells, and bestowed with elements related to transpiration, photosynthesis and energy synthesizing power house makes PLB a suitable explant for micropropagation and genetic engineering studies.<hr/>RESUMO O cultivo de orquídeas é considerado um negócio internacional, abrangendo 8% do comércio mundial da floricultura. Assim, a micropropagação em larga escala da orquídea, usando técnicas de cultura de tecidos e melhoria de alguns tratos essenciais, tais como resistências a várias doenças e pragas, e tolerâncias a estresses ambientais (por exemplo baixas temperaturas ou intensidades de luz), através da engenharia genética, classifica as orquídeas entre as dez mais importantes flores de corte. Estruturas semelhantes a protocórmios (PLBs) constituem explantes excelentes na propagação clonal, desenvolvimento artificial de sementes e engenharia genética, uma vez que são embriões somáticos organizados, facilmente regeneráveis e de rápida propagação. PLBs dessa orquídea híbrida em estudo, derivados da cultura do meristema, foram examinados visando compreender a sua ultra-estrutura fundamental. O estudo das secções transversais revelou que o PLB é feito de uma discreta estrutura bipolar que contém meristemas anterior e posterior. Através do estudo citológico foram observadas células meristematicas ativamente em divisão além de uma camada exterior revestida por várias camadas de células pequenas e isodiamétricas com um citoplasma denso e um núcleo proeminente. No microscópio eletrônico de varredura observou-se que a superfície da PLB é ocupada por apêndices de tricomas ramificados, posicionados verticalmente, além de aberturas estomáticas, com duas células guarda, regularmente espaçadas. Organelas como mitocôndrios de vários tamanhos e formas além de cloroplastos biconvexos no citoplasma foram reveladas pelo microscópio eletrônico de transmissão. Assim, a observação de células em divisão ativa, e elementos relacionados com a transpiração e fotossíntese faz do PLB um explante adequado para estudos de micropropagação e engenharia genética. <![CDATA[Urea concentration on vegetative development and nutrition of Cactaceae epiphytic species]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362016000300340&lng=en&nrm=iso&tlng=en ABSTRACT Rhipsalis paradoxa, Rhipsalis baccifera and Hatiora salicornioides are epiphytic cacti from the Atlantic Forest. They have a great ornamental potential due to the exotic characteristic of their joints (stems segments). The study aimed to evaluate the growth and development of roots and shoots as well as macronutrient and micronutrient contents in the joints of these species fertilized with different concentrations of urea as a nitrogen source. The study also analyzed the importance of the root system on nitrogen absorption. Plants were weekly irrigated with modified Hoagland &amp; Arnon solutions with 0, 16.7, 33.3, 49.9 or 66.6 mM N applied as urea. After 180 days of cultivation, plants were separated into joints and roots for biometric and biomass measures, as well as macronutrient and micronutrient analysis of joints. The experimental design was randomized blocks, with five treatments, four blocks and five plants per plot, for each species. Data were submitted to analyses of variance and regression. R. baccifera showed the highest plant length and number of joints in 29.94 and 40.82 mM N, respectively, H. salicornioides showed the highest length and number of joints in 48.29 and 45.68 mM N respectively. For R. paradoxa, the highest length was in 66.6 mM N. The lowest values for plant length and number of joints were observed in the absence of N, for all species. High nitrogen concentrations in the solution increased the N concentration in joints of R. baccifera, R. paradoxa and H. salicornioides by 24, 19 and 13 g N/kg dry mass, respectively. The roots of epiphytic cacti, besides the function of fixing the plant on substrate (phorophyte), are functional for nutrient absorption, and the best results were obtained in 30.05 to 66.60 mM N in the nutrient solution.<hr/>RESUMO Cactáceas epífitas da Mata Atlântica como Rhipsalis paradoxa, Rhipsalis baccifera e Hatiora salicornioides são utilizadas como plantas ornamentais devido à formação de densos aglomerados de seus artículos (segmentos do caule). O estudo visou avaliar o crescimento e desenvolvimento do sistema radicular e aéreo, e os teores de macro e micronutrientes nos artículos das espécies, submetidas a diferentes concentrações de ureia, bem como analisar a importância do sistema radicular na absorção de nitrogênio. As plantas foram irrigadas semanalmente com soluções modificadas de Hoagland &amp; Arnon, contendo diferentes concentrações de ureia (0; 16,7; 33,3; 49,9 e 66,6 mM N). Após 180 dias de cultivo, as plantas foram separadas em artículos e raízes para as medidas de biometria e biomassa, além da análise de macro e micronutrientes dos artículos. O delineamento experimental utilizado foi em blocos casualizados com cinco tratamentos, quatro blocos e cinco plantas por parcela, para cada espécie. Os dados foram submetidos à análise de variância e regressão. R. baccifera apresentou maior comprimento da planta na concentração de 29,94 mM N e maior número de artículos em 40,82 mM N e H. salicornioides apresentou maior comprimento em 48,29 mM N e maior número de artículos em 45,68 mM; enquanto que para R. paradoxa, os maiores comprimentos foram na dose 66,6 mM N. As espécies apresentaram os menores valores de comprimento e número de artículos na ausência de N. O aumento da concentração de N no meio de cultivo elevou os teores de N nos artículos em 24, 19 e 13 g N/kg de massa de matéria seca nas espécies R. baccifera, R. paradoxa e H. salicornioides, respectivamente. O estudo mostrou que as raízes das cactáceas epifíticas, além da função de fixação da planta ao substrato (forófito), são funcionais quanto à absorção de nutrientes e se recomenda a adubação de cactáceas epifíticas com 30,05 a 66,60 mM N na solução nutritiva. <![CDATA[Phosphorus influence on quality and yield of tubers of dual purpose potato cultivars]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362016000300346&lng=en&nrm=iso&tlng=en Resumo Mesmo em áreas com teores mais elevados de fósforo (P) disponível no solo é comum observar a aplicação de doses deste nutriente, com o objetivo de aumentar a produtividade e o tamanho dos tubérculos de batata. Contudo, nesses casos não se sabe até que ponto o uso de elevadas doses de P pode afetar a produtividade e as características de qualidade dos tubérculos. Objetivou-se com este trabalho avaliar a influência da adubação fosfatada sobre a produtividade e as características de qualidade dos tubérculos de cultivares de batata de duplo propósito, cultivadas em solos com baixo (14 mg/dm3), médio (36 mg/dm3) e alto (70 mg/dm3) teores de P disponível. Nos três solos, utilizou-se o delineamento de blocos ao acaso, no esquema fatorial 2x5, com quatro repetições. Os tratamentos foram constituídos por duas cultivares de batata (Asterix e Markies) e cinco doses de P2O5 (0, 125, 250, 500 e 1.000 kg/ha). A cultivar Markies foi menos produtiva que a Asterix, mas com tubérculos de qualidade superior nas características firmeza, sólidos solúveis, acidez titulável, pH da polpa e teor de proteína. Em solo com baixa, média e alta disponibilidade de P, as produtividades de tubérculos comercializáveis, de ambas cultivares, foram incrementadas em 376%, 41% e 26%, respectivamente, até doses de máxima eficiência agronômica de 500, 255 e 239 kg/ha de P2O5. Sob baixa disponibilidade de P, a adubação fosfatada aumentou a massa média, a firmeza, o pH da polpa e o teor de amido, e diminuiu o teor de açúcares redutores dos tubérculos. Nos solos com maiores teores de P disponível, além de ter exercido menor influência sobre a produtividade e qualidade dos tubérculos, a adubação fosfatada aumentou os teores de açúcares redutores dos tubérculos até a dose de 453 kg/ha de P2O5, o que não é interessante para o processamento industrial da batata.<hr/>ABSTRACT Even in areas with high levels of phosphorus (P) available in the soil, application of this nutrient is common, aiming to increase potato tuber yield and size. However, the effect of high P rates on tuber yield and quality is not known in these cases. The objective of this study was to evaluate the influence of P fertilization on yield and characteristics of tuber quality of dual purpose potato cultivars, grown in soils with low (14 mg/dm3), medium (36 mg/dm3) and high (70 mg/dm3) P availability. In the three soils, we used the randomized blocks design in a 2x5 factorial scheme, with four replications. The treatments consisted of two potato cultivars (Asterix and Markies) and five P2O5 rates (0, 125, 250, 500, and 1,000 kg/ha). The cultivar Markies was less productive than Asterix but had tubers with higher quality characteristics, such as firmness, soluble solids, titratable acidity, pulp pH and protein concentration. In soils with low, medium and high P availability, the marketable tuber yield of both cultivars was increased by 376%, 41%, and 26%, respectively, up to maximum agronomic rates of 500, 255, and 239 kg/ha P2O5. Under low P availability, fertilization increased the average weight, firmness, pulp pH and starch concentration, and decreased the reducing sugar concentration in tubers. In soils with higher P availability, besides having exercised less influence on the yield and quality of tubers, the phosphate fertilizer increased levels of reducing sugars in tubers up to the rate of 453 kg/ha P2O5, which is not interesting for the industrial processing of potatoes. <![CDATA[Reaction of accessions of two species of "jurubeba" as rootstocks to protect tomato plants against bacterial wilt]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362016000300356&lng=en&nrm=iso&tlng=en RESUMO A murcha bacteriana, causada pelo patógeno de solo ralstonia solanacearum, é uma séria ameaça à produção de tomate em cultivos sujeitos a alta temperatura e alta umidade. O controle dessa doença é muito difícil e requer várias estratégias, entre as quais a enxertia tem ganhado notoriedade nos últimos anos, em especial após o lançamento de híbridos de porta-enxertos de tomateiro desenvolvidos especiamente para esta finalidade. Embora promovam considerável proteção contra a murcha bacteriana, os porta-enxertos de tomateiro podem se infectar em situações muito favoráveis à doença, tais como: alta população do patógeno, alta temperatura e umidade e presença de isolado muito agressivo. O objetivo desse trabalho foi avaliar duas espécies de jurubeba na busca de alto grau de resistência à murcha bacteriana. Foram avaliados, em experimentos conduzidos em casa de vegetação em brasília-df, 26 acessos de cada uma das espécies solanum scuticum e solanum stramonifolium, conhecidas no brasil com o nome genérico de jurubeba. Em uma primeira etapa, os acessos foram inoculados com um isolado de r. Solanacearum e, posteriormente, os mais resistentes desafiados com três isolados altamente virulentos pertencentes a diferentes biovares/filotipos. Acessos de s. Scuticum apresentaram variação quanto ao grau de resistência, com 15 dos 26 acessos mostrando reação do tipo imunidade à doença, mesmo aos isolados mais virulentos. Não houve correlação significativa entre grau de resistência e local de coleta dos acessos. Os acessos de s. Stramonifolium, diferentemente de s. Scuticum, mostraram reação uniforme, e todos foram altamente resistentes à doença. As duas espécies de jurubeba avaliadas, portanto, contêm acessos com alto nível de resistência à murcha bacteriana e seu uso como porta-enxerto é viável para o controle da doença, desde que seja ajustada a combinação correta enxerto versus porta-enxerto e garanta adequada compatibilidade.<hr/>ABSTRACT Bacterial wilt, induced by the soil pathogen ralstonia solanacearum, is a serious tomato disease in tropical countries in areas subject to high temperatures and high humidity. Disease control is very difficult and requires a set of management measures, among them grafting, which has become more popular after the release of a set of commercial tomato resistant rootstocks. Although protection conferred by these rootstocks has been effective in many locations, it is not enough under situations very conducive to bacterial wilt, such as high populations of the pathogen in the soil, high temperature, high soil humidity and presence of an aggressive strain of the pathogen. The objective of this work was to assess the potential of accessions of two solanum species known as "jurubeba" in brasil, as rootstocks to protect tomato plants against bacterial wilt through grafting. In experiments carried out under greenhouse conditions in brasilia, 26 accessions of each solanum scuticum and s. Stramonifolium were tested. In a first phase, the set of accessions were challenged with one isolate of r. Solanacearum previously known by its high virulence to solanaceous crops. In a second phase, three representative resistant accessions were challenged with three isolates of the pathogen also previously chosen for their high virulence to tomato and sweet pepper and distinct biovar/phylotype. Accessions of s. Scuticum reacted differently to the pathogen's isolates, but 15 out of 26 accessions presented an immune-like resistance to all bacterial isolates. No correlation was observed between resistance and origin of the accessions. S. Stramonifolium accessions, differently from s. Scuticum, were all resistant to the bacterial isolates. The two species of "jurubeba", therefore, contain accessions that are higly resistant to a range of virulent isolates of r. Solanacearum. Their use as rootstocks to protect tomato against bacterial wilt is viable, but further research is needed to solve eventual problems related to the rootstock-scion compatibility. <![CDATA[Tomato post-harvest durability and physicochemical quality depending on silicon sources and doses]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362016000300361&lng=en&nrm=iso&tlng=en ABSTRACT This study aimed to investigate the effect of silicon (Si) sources and doses on the physicochemical quality as well as post-harvest conservation of tomato fruits. Treatments were arranged in a 3 x 5 factorial scheme corresponding to sources {calcium silicate, potassium silicate and sodium silicate} and five doses of Si (equivalent to 0, 100, 200, 400 and 800 kg/ha SiO2). Randomized blocks were the experimental design, with four replications. Soluble solids, vitamin C, lycopene, titratable acidity, mature fruit firmness, initial firmness, firmness half-life, time until reaching firmness equivalent to 3.0 x 104 N/m2 and 2.0 x 104 N/m2 and Si content in fruits were evaluated. Soluble solids, vitamin C and lycopene of fruits increased with increasing doses of Si, except for the highest dose. Calcium and sodium silicate provided the highest lycopene concentration in fruits. An increase in initial firmness, number of days until reaching firmness half-life and firmness equivalent to 3.0 and 2.0 x 104 N/m2 were observed along with increasing doses of Si. Tomato fertilization with calcium silicate, potassium silicate and sodium silicate, used as sources of Si, increased the post-harvest conservation as well as the physicochemical quality of tomato.<hr/>RESUMO O presente trabalho teve por objetivo avaliar o efeito de diferentes fontes e doses de silício (Si) sobre a qualidade físico-química e a conservação pós-colheita de frutos de tomateiro. Os tratamentos foram distribuídos em esquema fatorial 3 x 5, correspondendo às fontes de Si {silicato de cálcio, potássio e sódio} e cinco doses de Si (equivalentes a 0, 100, 200, 400 e 800 kg/ha de SiO2). O delineamento experimental foi em blocos casualizados, com quarto repetições. Foram realizadas as seguintes avaliações nos frutos: teor de sólidos solúveis, vitamina C, licopeno, acidez titulável, firmeza de fruto maduro, firmeza inicial, meia vida da firmeza, firmezas em 3,0 x 104 N/m2 e 2,0 x 104 N/m2 e concentração de Si nos frutos. As concentrações de sólidos solúveis, vitamina C e licopeno nos frutos aumentaram em resposta às doses crescentes de Si, contudo, reduziram na maior dose. A aplicação de silicato de cálcio e de sódio proporcionou aumento na concentração de licopeno do fruto. Houve um aumento na firmeza inicial, número de dias para alcançar a meia vida da firmeza, firmeza de 3,0 x 104 N/m2 e firmeza 2,0 x 104 N/m2 dos frutos em resposta ao aumento das doses de Si. Com base nesses resultados, pode-se concluir que a adubação do tomateiro com silicato de cálcio, potássio e sódio, usados como fontes de Si, aumentam a conservação pós-colheita e a qualidade físico-química de frutos do tomateiro. <![CDATA[Determining the inheritance of agronomic traits in chili pepper]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362016000300367&lng=en&nrm=iso&tlng=en ABSTRACT The Capsicum genus is widely studied in many countries but most of research focuses on C. annuum. Although its importance as potential genetic resource for breeding to disease resistance and fruit quality, studies on genetics and breeding in C. baccatum var. pendulum are still scarce and it still remains as an underexploited crop. This paper aimed to study the inheritance of agronomic characteristics, to estimate the genetic parameters for seven agronomic traits in C. baccatum var. pendulum, using generation mean analysis and to verify the existence of major genes and polygenes with additive and non-additive effects, using the method of maximum likelihood with the aid of Monogen software. The agronomic traits evaluated were: number of fruits per plant (NFP); average fruit mass per plant (AFM); fruit length (FRL); fruit diameter (FRD); fruit pulp thickness (FPT); soluble solids content (SSC) and fruit dry mass (FDM). There was a significant difference among generations (P1, P2, F1, F2, BC1 and BC2) for all traits evaluated. Narrow sense heritability estimates ranged from 45% for NFP to 75% for FRD. By estimating the average degree of dominance (ADD), we found that partial dominance is the gene action involved in the genetic control for FRL and FRD, while additive effect was observed for NFP, FPT and SSC, complete dominance for FDM and overdominance for AFM. The additive-dominant model was sufficient to explain the results obtained for all evaluated traits. Maximum likelihood method identified the existence of polygenes with additive and dominance effects in SSC, FPT and FDM. Major gene effect was identified for FRL and NFP characteristics. The results indicated the complexity of the inheritance of these traits with the presence of major gene involved.<hr/>RESUMO O gênero Capsicum é amplamente estudado em muitos países, porém a maioria das pesquisas se concentra em C. annuum. Apesar de sua importância como potencial recurso genético para a resistência a doenças e qualidade dos frutos, os estudos sobre a genética e o melhoramento de C. baccatum var. pendulum ainda são escassos, além de ser considerada uma espécie subexplorada. Este trabalho teve como objetivos: estudar a herança de sete características agronômicas; estimar os parâmetros genéticos para esses caracteres por meio da análise de médias de gerações e verificar a existência de gene de efeito maior e de possíveis poligenes de efeitos aditivos e não aditivos, utilizando-se o método da máxima verossimilhança com auxílio do programa Monogen. As características agronômicas avaliadas foram: número de frutos por planta (NFP); massa média de frutos por planta (MMF); comprimento do fruto (CPF); diâmetro do fruto (DFR); espessura de polpa do fruto (EPF); teor de sólidos solúveis totais (TSS) e massa seca de fruto (MSF). Houve diferença significativa entre as gerações (P1, P2, F1, F2, RC1 e RC2) para todas as características avaliadas. As estimativas da herdabilidade no sentido restrito variaram de 45% (NFP) a 75% (DFR). Constatou-se que a ação gênica de dominância parcial está envolvida no controle genético das características CPF e DFR, enquanto que a ação aditiva foi observada para NFP, EPF e TSS, dominância completa para MSF e sobredominância para MMF. O modelo aditivo-dominante foi suficiente para explicar os resultados obtidos para todas as características avaliadas. Já pelo método da máxima verossimilhança pode-se identificar a existência de poligenes com efeitos aditivos e de dominância nas características TSS, EPF e MSF. A ação de gene de efeito maior foi detectada para CPF e NFP. Os resultados apontam a complexidade da herança das características avaliadas, com presença de gene de efeito maior envolvido. <![CDATA[Univariate and multivariate procedures for agronomic evaluation of organically grown tomato cultivars]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362016000300374&lng=en&nrm=iso&tlng=en ABSTRACT Tomato is one of the most important crops, the worldwide production in 2012 reached 161.8 million tons. Considering the lack of agronomic information on already available cultivars as well as on the varieties under development by breeding programs for organic systems, the objectives of this work were determine the yield components of 14 tomato cultivars in the organic system, through univariate and multivariate analysis. The experimental design was randomized blocks with six replications and five plants per plot. Evaluations consisted of total, marketable and non-marketable yield and number of marketable fruits per plant, in 2010. We carried out analysis of variance, using test F 5%. The effect of cultivar was fixed and the block effect was random. Then, means were ranked according to Scott-Knott 5%. Differences among cultivars were significant for total yield, number of marketable fruits per plant and marketable yield. The mean for total yield among cultivars was 51 t/ha and for marketable yield was 41 t/ha. Cultivars IAC 1 and Santa Clara were the least dissimilar (0.38). On the other hand, cultivars HTV 0601 and IAC 3 were the most dissimilar (10.63). The score dispersion graph showed two distinct groups. The second group contained cultivars HTV 0601, Granadero, Bari and Netuno, which stood out in the evaluation for the organic production system, presenting the highest total yield, marketable yield and number of marketable fruits per plant. Multivariate analysis was effective in identifying clusters of cultivars.<hr/>RESUMO O tomateiro é uma das culturas de maior importância, cuja produção mundial, em 2012, atingiu 161,8 milhões de toneladas. Devido à carência de informações sobre o comportamento agronômico das cultivares disponíveis, e de novas cultivares ainda em desenvolvimento pelos programas de melhoramento genético, conduzidas em sistema orgânico de produção, os objetivos do trabalho foram determinar, quantitativamente, por meio de técnicas de análise uni e multivariadas, as características produtivas de 14 cultivares de tomate de mesa em sistema orgânico de produção. O delineamento experimental foi de blocos casualizados com seis repetições e cinco plantas úteis por parcela. Avaliou-se a produtividade total, comercial, não-comercial e número de frutos comerciais por planta, em 2010. Os dados foram submetidos à análise de variância pelo teste F a 5% de probabilidade, considerando o efeito da cultivar como fixo e os efeitos de bloco como aleatórios. Houve efeito significativo entre as cultivares para a produtividade total, comercial e o número total de frutos comerciais por planta. As produtividades médias, total e comercial, foram 51 e 41 t/ha, respectivamente. As cultivares IAC 1 e Santa Clara apresentaram a menor magnitude de distância (0,38). Por outro lado, as cultivares HTV 0601 e IAC 3 apresentaram a maior magnitude de distância (10,63). No dendrograma de dissimilaridade, houve a formação de dois grupos. No segundo grupo, percebe-se o agrupamento das cultivares HTV 0601, Granadero, Bari e Netuno, que se destacaram no cultivo sob sistema orgânico, apresentando os maiores valores de produtividade total e comercial e número de frutos comerciais por planta. A análise multivariada foi eficiente na identificação de agrupamentos das cultivares. <![CDATA[Potential of rosemary leaves and branches to enhance storage life of onion bulbs]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362016000300381&lng=en&nrm=iso&tlng=en ABSTRACT Although its importance as vegetable, a considerable amount of onion bulbs is lost in storage. That's why storage condition is one of the most important issues to maintain post-harvest quality. For this purpose, a factorial experiment based on randomized complete block design with two factors and three replicates was carried out. The factors were storage conditions of onion bulbs with five levels (4oC in the seed storage apparatus, 25 and 30oC without using rosemary leaves and branches in the incubator, and 25 and 30oC using rosemary leaves and branches in the incubator) and storage times with ten levels (10 consecutive weeks). The storage feedbacks of bulbs in terms of the weight loss (WL) and the average bud length (ABL) of bulbs were analyzed. The storage of bulbs at 25oC using rosemary fresh leaves and branches inside each bag of bulbs after 10 weeks resulted in the lowest weight loss and average bud length, and significantly controlled the post-harvest fungal rotting and improved the shelf life of bulbs. The findings of this study indicated the high potential of rosemary fresh leaves and branches, which can be considered as an alternative strategy to control post-harvest fungal rotting and to improve the storage life of bulbs considering its simplicity and efficacy in decreasing the storage cost, the weight loss and sprouting without causing any environmental toxicity.<hr/>RESUMO Apesar de sua importância como vegetal, uma quantidade considerável de bulbos de cebola é perdida durante o armazenamento. Portanto, as condições de armazenamento tornam-se uma das questões mais importantes visando manter a qualidade pós-colheita. Com esta finalidade, instalou-se um experimento fatorial em delineamento de blocos ao acaso, com dois fatores e três repetições. Os fatores foram constituídos pelas condições de armazenamento com cinco níveis (4oC no aparelho de armazenamento de sementes, 25 e 30oC sem o uso de folhas e ramos de alecrim na incubadora, e 25 e 30oC, utilizando folhas e ramos de alecrim na incubadora) e tempos de armazenamento com dez níveis (10 semanas consecutivas). Foram analisados os armazenamentos de bulbos em termos de perda de peso e comprimento médio do seu broto. O armazenamento dos bulbos a 25oC, com o uso de folhas e ramos frescos de alecrim dentro de cada saco de bulbos após 10 semanas, resultou na menor perda de peso e comprimento médio do broto com controle significativo de fungos pós-colheita, melhorando o tempo de armazenamento da cebola. Os resultados deste estudo indicam o elevado potencial de folhas e ramos frescos de alecrim, que podem ser considerados uma estratégia alternativa no controle de fungos pós-colheita com consequente melhoria da vida de armazenamento da cebola, considerando sua simplicidade e eficácia na diminuição do custo de armazenamento, a menor perda de peso e menor brotação, sem causar qualquer toxicidade ao ambiente. <![CDATA[Selection of tomato genotypes for processing with high zingiberene content, resistant to pests]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362016000300387&lng=en&nrm=iso&tlng=en ABSTRACT Tomato cultivars resistant to arthropod pests are an important tool to reduce the use of pesticides. Resistance sources can be found in wild Solanum species such as S. habrochaites, which shows high levels of zingiberene (ZGB). This study aimed to evaluate the resistance of a tomato F2 progeny to spider mite and whitefly by evaluating the ZGB content, in laboratory, in plants from the F2 population of the interspecific crossing Solanum lycopersicum cultivar Redenção x Solanum habrochaites var. hirsutum (PI-127826), F1 plants, susceptible plants (cultivar Redenção) and plants of the wild species (PI-127826). From the F2 population, six plants with high content and three with low content of ZGB were selected. For evaluating the impact of ZGB on the spider mite behavior, the distance walked by spider mites from a central point was measured on the selected plants and their parents. For whitefly, the number of eggs and nymphs were quantified. Spider mites travelled shorter distances in plants with high ZGB content. Also, the number of whitefly eggs and nymphs was lower in these plants. Higher ZBG contents affected negatively both the spider mite and the whitefly behavior.<hr/>RESUMO Cultivares de tomateiros resistentes a artrópodos-praga são uma importante ferramenta para a redução do uso de agrotóxicos nas lavouras. As fontes de resistência podem ser encontradas em espécies silvestres de Solanum, como o S. habrochaites, que apresenta altos teores de zingibereno (ZGB). Com o objetivo de avaliar a resistência ao ácaro-rajado e à mosca-branca em progênies F2 de tomateiro, foi quantificado o teor de ZGB em laboratório, em plantas da população F2 obtidas a partir do cruzamento interespecífico de Solanum lycopersicum cultivar Redenção x Solanum habrochaites var. hirsutum (PI-127826), em plantas F1, cultivar suscetível (Redenção) e em plantas da espécie silvestre (PI-127826). Da população F2 foram selecionadas seis progênies para alto teor e três para baixo teor de ZGB. Para avaliar o impacto de ZGB sobre o comportamento do ácaro-rajado, mediu-se a distância percorrida pelo ácaro a partir de um ponto central nas plantas selecionadas e nos genitores. Já para mosca-branca foram quantificados número de ovos e ninfas em folíolos. Os resultados demonstraram que em plantas com alto teor de ZGB os ácaros percorreram as menores distâncias. Já para mosca-branca foi encontrado menor número de ovos e ninfas nessas plantas. Assim, pode-se concluir que teores mais altos de ZGB afetam negativamente o comportamento do ácaro-rajado e da mosca-branca. <![CDATA[Nitrogen and phosphate fertilizer on green corn grown in succession to the melon crop]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362016000300392&lng=en&nrm=iso&tlng=en ABSTRACT Melon producers, in Chapada do Apodi, Rio Grande do Norte State, Brazil, located between the states of Ceará and Rio Grande do Norte, have cultivated corn in succession to the melon crop. However, this crop rotation is not yet evaluated on the extent to which the residual effect of nitrogen and phosphate fertilization carried out in melon can supply partially or completely the corn demands of nitrogen and phosphorus. This work aimed to evaluate the effect of nitrogen (N) and phosphorus (P) in the production of corn in succession to the cultivation of melon (Cucumis melo) irrigated in an Alkaline Inceptisol of Chapada do Apodi. Ten treatments from the combinations between five N rates (0; 45; 90; 160 and 220 kg/ha) and four levels of P2O5 (0; 40; 80; and 120 kg/ha) were compared. The experimental design was a randomized block with four replications. The corn cultivar was the hybrid AG 1051 and the characteristics evaluated were number and total weight of ears, number and weight of marketable unhusked ears and concentrations of N and P in plant and P in the soil. This study also estimated critical levels of N and P in the plant and P in the soil. Producing green corn in succession to melon is viable, in this experiment conditions, without application of nitrogen and phosphorus to the soil. However, for maximum corn productivity, application of 90 kg/ha N combined with 40 kg/ha P2O5 is recommended. The average critical level of N and P in the plant for corn production was 32.29 and 4.31 g/kg, respectively. This value for P in the soil was 20.7 mg/dm3.<hr/>RESUMO Os produtores de melão na Chapada do Apodi, localizada entre os Estados do Ceará e do Rio Grande do Norte, têm cultivado o milho verde como cultura de sucessão ao meloeiro. Contudo, nessa sucessão de culturas ainda não se avaliou até que ponto o efeito residual das adubações nitrogenadas e fosfatadas realizadas no meloeiro pode suprir parcial ou totalmente as demandas de nitrogênio e de fósforo do milho verde. Neste trabalho objetivou-se avaliar o efeito de doses de nitrogênio (N) e de fósforo (P) na produção de milho verde, em sucessão ao cultivo de melão (Cucumis melo) irrigado, em um Cambissolo Alcalino da Chapada do Apodi. Foram comparados dez tratamentos resultantes de combinações entre cinco doses de N (0, 45, 90, 160 e 220 kg/ha) e quatro doses de P2O5 (0, 40, 80 e 120 kg/ha). O delineamento experimental foi de blocos ao acaso com quatro repetições. A cultivar utilizada para produção de milho verde foi o híbrido AG 1051 e as características avaliadas foram número e peso total de espigas, número e peso de espigas comercializáveis empalhadas e teores de N e de P na planta e P no solo. Também foram estimados os níveis críticos de N e de P na planta e de P no solo. Nas condições deste experimento, é viável produzir milho verde em sucessão ao cultivo de melão sem a aplicação de nitrogênio e de fósforo no solo. Porém, para obtenção de uma produtividade de milho verde ainda maior, e com um gasto mínimo de fertilizantes, recomenda-se a aplicação de 45 kg/ha de N na ausência de adubação fosfatada, ou 40 kg/ha de P2O5 na ausência de adubação nitrogenada. O nível crítico médio de N e de P na planta para produção de milho verde foi de 32,29 e 4,31 g/kg, respectivamente, e para o P no solo foi de 20,7 mg/dm3. <![CDATA[Production and use of ornamental pumpkin landraces in the Rio Grande do Sul State, Brazil]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362016000300398&lng=en&nrm=iso&tlng=en RESUMO No Brasil, são cultivadas variedades crioulas de diversas espécies de cucurbitáceas. A maior diversidade genética de Cucurbita em cultivo parece ser encontrada no Rio Grande do Sul, onde os agricultores praticam e detêm o conhecimento popular mediante práticas dinâmicas de guardar e trocar estas sementes, sendo que muitas destas variedades apresentam potencial para uso ornamental. Assim, este trabalho foi desenvolvido com o objetivo de resgatar o conhecimento popular associado ao uso e cultivo de variedades crioulas de abóboras ornamentais no Rio Grande do Sul. Para isso, foram realizadas entrevistas com agricultores doadores de sementes de variedades crioulas do Banco Ativo de Germoplasma (BAG) de Cucurbitáceas da Embrapa Clima Temperado. Nas entrevistas, foi utilizado um questionário semiestruturado, com dados de identificação do entrevistado (iniciais do nome, idade, sexo, profissão, etnia e local) e questões norteadoras relativas ao conhecimento sobre abóboras ornamentais (histórico de cultivo na família, procedência da semente, nome popular atribuído, razões para manter o cultivo, época de plantio e colheita, critérios de seleção dos frutos, formas de utilização, local e manejo do cultivo, e formas de retirada e armazenamento das sementes). Foram entrevistados 12 doadores do BAG e, através destes, foram localizadas outras nove pessoas que também cultivam variedades crioulas de abóboras ornamentais, sendo possível o incremento de três novos acessos para o BAG. Foi possível concluir que há uma relação afetiva dos guardiões com suas seleções e que existe uma grande diversidade de variedades crioulas de abóboras ornamentais mantidas por agricultores familiares do Sul do Rio Grande do Sul.<hr/>ABSTRACT Landraces of several cucurbit species are cultivated in Brazil. The greatest genetic diversity of cultivated Cucurbita seems to be found in Rio Grande do Sul State, where farmers have the knowledge and practice to store and exchange these seeds. Many of these varieties have potential for ornamental use. This research was developed to rescue the popular knowledge associated with the use and cultivation of landraces of ornamental pumpkins in Rio Grande do Sul State, Brazil. Farmers that donor landraces seeds to the Cucurbitaceae Active Germplasm Bank of Embrapa Temperate Agriculture were interviewed. A semi-structured questionnaire was used, with respondent identification (name, age, profession, gender, ethnicity and address) and guiding questions relating to knowledge about ornamental pumpkins (history of cultivation in the family, origin of the seed, popular name assigned, reasons to keep growing, planting time and harvest, the fruit selection criteria, ways to use, location and crop management, and ways of removing and storing seeds). We interviewed 12 farmers who donate the seeds for the Bank and, through them, nine other growers of ornamental pumpkin landraces were identified, which added three new accessions to the Bank. In conclusion, a relationship between the selections and their guardians was observed and a wide diversity of ornamental pumpkin landraces maintained by farmers in southern Rio Grande do Sul State was reported. <![CDATA[Postharvest conservation of strawberry fruits at different storage conditions]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362016000300405&lng=en&nrm=iso&tlng=en RESUMO O morango é um produto muito apreciado pelos consumidores devido às características organolépticas. Porém, os frutos do morangueiro são altamente perecíveis depois de colhidos, sendo necessário adotar medidas alternativas para prolongar o período de conservação dos frutos. O trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar a conservação pós-colheita de frutos de cultivares de morangueiro em diferentes condições de armazenamento. Os frutos de morangueiro utilizados no experimento foram cultivados na fazenda da empresa Mape Frutas, localizada no município de Datas-MG. Foram avaliados os frutos de oito cultivares (Festival, Campinas, Toyonoka, Dover, Oso Grande, Camarosa Diamante e Aromas). As condições de armazenamento e as análises foram realizadas no Laboratório de Tecnologia Biomassa do Cerrado da UFVJM. As condições de armazenamento foram em câmara fria (temperatura média 2,34±0,78°C e umidade relativa 89,93±4,14%) e condições ambiente (temperatura média 17,43±2,68°C e umidade relativa 74,11±10,44%). As características foram analisadas por 12 dias, com avaliações a cada 3 dias: aparência, incidência de doenças, teores de sólidos solúveis totais, acidez titulável total, vitamina C e firmeza. O delineamento experimental utilizado foi em blocos casualizados, em esquema fatorial com oito cultivares de morangueiro e cinco tempos de armazenamento, com três repetições, avaliados separadamente nas duas condições de armazenamento. Em condições ambiente os frutos de morangueiro podem ser armazenados por no máximo três dias. O armazenamento em câmara fria proporciona maior conservação pós-colheita de frutos de morangueiro, podendo os frutos ser armazenados até doze dias. A cv. Festival apresentou melhor conservação pós-colheita nas duas condições de armazenamento, enquanto que as cvs. Toyonoka e Campinas apresentaram maior incidência de doenças e menor firmeza de frutos quando comparadas com as outras cultivares.<hr/>ABSTRACT Strawberry is a product appreciated by consumers due to the organoleptic characteristics. However, strawberry fruits are highly perishable after harvest, so alternative measures to prolong the shelf life of fruits are necessary. The objective of this experiment was to evaluate the fruit postharvest conservation of strawberry cultivars under different storage conditions. Strawberry fruits of eight cultivars (Festival, Campinas, Toyonoka, Dover, Oso Grande, Camarosa, Diamante and Aromas) were grown at "Mape Frutas" farm, in Datas municipality, Minas Gerais State, Brazil. Strawberry fruits were stored at cold storage (2.34±0.78°C; 89.93±4.14% RH) and environmental conditions (17.43±2.68°C; 74.11±10.44%). The experimental design was randomized blocks in a factorial arrangement with eight strawberry cultivars and five storage times, with three replications. Fruits appearance, disease incidence, total soluble solids, titratable acidity, vitamin C and firmness were evaluated every 3 days, until 12 days. At room condition, strawberry fruit could be stored for only three days. Fruits kept in cold chamber kept quality until 12 days. Cv. Festival had the best postharvest shelf life in both storage conditions and cvs. Toyonoka and Campinas showed higher incidence of diseases and less fruit firmness when compared to the other cultivars. <![CDATA[Manure effect on the incidence of rose diseases in the Integrated Production System]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362016000300412&lng=en&nrm=iso&tlng=en ABSTRACT Deficiency, excess or imbalance in the combinations of nutritional elements can influence the response of plants to pathogen infection by either increasing the level of defense or favoring the occurrence of diseases. The rose is susceptible to several pathogens and the consumer market requires flower stalks with no level of damage. Therefore, in the production of roses the application of pesticides is performed in a preventive and intensive way, which causes environmental contamination. This study evaluated the effects of chemical fertilization management and intercropping with green manure on the incidence and severity of downy mildew and powdery mildew in rosebushes grown in an Integrated Production System. The experiment was conducted in a greenhouse with 'Carolla' rosebushes. The experimental design was a randomized block with split plot in space, with eight treatments and four replications. The treatments consisted of four percentages of chemical fertilizer (25%, 50%, 75% and 100%), based on fertilization recommended for culture of rosebushes in the state of Minas Gerais, versus the presence or absence of green manure (Calopogonium mucunoides). Treatments that did not receive 100% of the chemical fertilizer had been incremented with two types of bio-fertilizers applied monthly, Bokashi (16 g/plant, applied to soil) and Supermagro (5% applied to leaves). Assessments of disease were carried out weekly on the central leaves of the productive flower stalks. In the integrated management of disease, preventive applications were made with alternative products and biological pesticides, such as neem oil (Azadirachta indica), sodium bicarbonate, bordeaux mixture, infusion of Equisetum sp., raw milk, silicon and bio-fertilizers. The alternative pesticides were efficient; however, despite reducing the frequency of application, spraying with chemical pesticides was necessary. None of the treatments related to chemical fertilization and intercropping with green manure influenced the incidence and severity of downy mildew and powdery mildew in 'Carolla' rosebushes.<hr/>RESUMO A deficiência, excesso ou desequilíbrio nas combinações de elementos nutricionais pode influenciar a reação das plantas à infecção por patógeno de forma a aumentar o nível de defesa ou favorecer a ocorrência de doenças. A roseira é suscetível a diversos patógenos e o mercado consumidor requer hastes florais sem nenhum nível de dano. Por isso, na produção de rosas, a aplicação de defensivos químicos é realizada de forma preventiva e intensiva, o que causa contaminações ambientais. Este trabalho teve como objetivo avaliar o manejo da adubação química e orgânica na incidência e severidade de oídio e míldio em roseiras cultivadas em sistema de produção integrada. O experimento foi realizado em casa de vegetação com o cultivo de roseiras 'Carolla'. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos casualizados, com parcelas subdivididas no espaço, com oito tratamentos e quatro repetições. Os tratamentos foram constituídos de quatro porcentagens de adubação química recomendada para a cultura em Minas Gerais, Brasil (25%, 50%, 75% e 100%) versus presença ou ausência de adubo verde (Calopogonium mucunoides) plantado em consórcio com a roseira. Os tratamentos que não receberam 100% de adubação química foram incrementados com 2 tipos de biofertilizantes aplicados mensalmente: Bokashi (16 g/planta, via solo) e Supermagro (5% aplicado via foliar). As amostragens para a avaliação de míldio e de oídio foram feitas semanalmente nos folíolos das folhas centrais do ramo produtivo da planta. No manejo integrado de doenças, foram realizadas aplicações preventivas com produtos alternativos e defensivos biológicos: óleo de nim (Azadirachta indica), bicarbonato de sódio, calda bordalesa, infusão de cavalinha (Equisetum sp.), leite cru, silício e biofertilizantes. Os defensivos alternativos foram eficientes, entretanto, apesar da redução da frequência de aplicações, as pulverizações com defensivos químicos foram necessárias. Nenhum dos tratamentos relacionados às adubações química e orgânica influenciou na incidência e severidade de míldio e oídio. <![CDATA[Beet production depending on rates of castor bean cake as topdressing]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362016000300416&lng=en&nrm=iso&tlng=en RESUMO Objetivou-se com este trabalho avaliar a influência de doses de torta de mamona aplicadas em cobertura na produção de beterraba. Foram realizados dois experimentos no município de São Manuel-SP, no período de 05 de setembro a 10 de dezembro de 2012. Foram testadas doses de torta de mamona em cobertura (0; 150; 300; 450 e 600 g/m2) e uma testemunha com cobertura inorgânica (129 g/m2 de sulfato de amônio e 24 g/m2 de cloreto de potássio), totalizando seis tratamentos, no delineamento experimental de blocos ao acaso, com quatro repetições. No primeiro experimento a adubação de plantio constou apenas de composto orgânico (40 t/ha) e no segundo, além do composto orgânico, foi feita a adubação inorgânica com NPK 4-14-8 (1,7 t/ha). A adubação de cobertura nos experimentos foi parcelada em três vezes, em intervalos de 14 dias após o transplante. Não houve influência das doses de torta de mamona em cobertura em todas as características avaliadas, com a adubação orgânica associada à inorgânica no plantio, sendo que a produtividade média obtida foi de 37,5 t/ha. Na ausência de adubação inorgânica no plantio, com a aplicação de até 600 g/m2 de torta de mamona em cobertura, obteve-se aumento linear em todas as características. Para cada 100 g/m2 de torta de mamona houve aumento de 7,2 g da matéria fresca de raiz, 1,5 mm no diâmetro da raiz e 2,2 t/ha na produtividade, obtendo-se, na maior dose (600 g/m2,) os valores máximos de matéria fresca de raiz (139,5 g), diâmetro de raiz (6,5 cm) e produtividade (42,9 t/ha).<hr/>ABSTRACT The objective of this study was to evaluate the influence of castor bean cake rates applied in topdressing in beet production. Two experiments were carried out in São Manuel, São Paulo State, Brazil, from September 5 to December 10, 2012. Rates of castor bean cake were evaluated (0, 150, 300, 450 and 600 g/m2), as well as a control with inorganic fertilization in topdressing (129 g/m2 ammonium sulfate and 24 g/m2 potassium chloride), totalizing six treatments in randomized blocks design, with four replications. In the first experiment, base fertilization consisted of organic compost (40 t/ha) and in the second experiment, besides the organic compost, inorganic fertilization was applied using NPK 4-14-8 (1.7 t/ha). The top dressing fertilization in the experiments was divided into three applications, at intervals of 14 days after transplantation. Castor bean cake rates influenced none of all evaluated characteristics in treatments receiving organic planting fertilization associated with inorganic fertilization, and the average yield obtained was 37.5 t/ha. In the absence of inorganic planting fertilization, with the application of up to 600 g/m2 castor bean cake in topdressing, a linear increase in all characteristics was obtained. For each 100 g/m2 castor bean cake applied, we obtained an increase of 7.2 g of root fresh weight, 1.5 mm in the root diameter and 2.2 t/ha in the yield, with maximum values of root fresh weight (139.5 g), root diameter (6.5 cm) and yield (42.9 t/ha) obtained in the highest rate (600 g/m2). <![CDATA[Models for estimating yacon leaf area]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362016000300422&lng=en&nrm=iso&tlng=en ABSTRACT The recent exploration of yacon demands scientific information for improving the crop production technology. This study aimed to set a leaf area estimate model for yacon plants, using non-destructive measurements of leaf length (L) and/or width (W). Sixty-four representative yacon plants were randomly selected in an experimental field during the full vegetative growth. One thousand leaves of various sizes were taken from those plants for setting and validating a model. The logarithmic model best fitted this purpose, the result of multiplying length by width being used as independent variable. Yacon leaf area can be determined with high precision and accuracy by LALW = (-27.7418 + (3.9812LW / ln LW ) , disregarding the leaf size.<hr/>RESUMO A exploração recente de yacon gera demanda de informações científicas que impulsionem o desenvolvimento de tecnologias específicas de manejo e condução da lavoura. Neste escopo, visando contribuir nos campos fitotécnico e fisiológico, o presente trabalho objetivou ajustar um modelo de estimação de área foliar em batata yacon, usando medidas não destrutivas do comprimento (C) e/ou largura (L) de suas folhas. Para tal, 64 plantas representativas da cultura foram coletadas ao acaso, em um campo experimental em pleno crescimento vegetativo. Dessas plantas, 1000 folhas de diversos tamanhos foram tomadas para a construção e posterior validação do modelo construído. O modelo logarítmico foi o que apresentou melhor ajuste considerando como variável independente o produto do comprimento pela largura da folha. Desta forma, encontrou-se que a área foliar em batata yacon, independente do tamanho da folha, pode ser determinada com altas precisões e acurácia, através do estimador AFCL = (-27,7418 + (3,9812CL / ln CL ) . <![CDATA[Osmopriming and performance of cabbage seeds with different levels of vigor]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362016000300428&lng=en&nrm=iso&tlng=en RESUMO O condicionamento osmótico de sementes vem sendo indicado como alternativa para uniformizar e acelerar a germinação e a emergência de plântulas, especialmente em hortaliças. Assim, objetivou-se avaliar o efeito do condicionamento osmótico sobre o desempenho de lotes de sementes de repolho com diferentes níveis de vigor. Foram utilizadas sementes de quatro lotes de repolho, cultivar 60 dias. No primeiro ensaio, as sementes foram condicionadas em solução aerada de PEG 6000 a -1,0 MPa por 0, 2, 4 e 6 dias, a 20oC. As sementes de cada tratamento, submetidas ou não a secagem até atingir novamente o teor de água inicial, foram avaliadas mediante testes de germinação e de emergência de plântulas em casa de vegetação. Num segundo ensaio, sementes da mesma cultivar foram submetidas ao envelhecimento artificial a 42°C e 100% U.R. por 0, 24, 33 e 42 h e, em seguida, submetidas ao condicionamento em solução de PEG 6000 a -1,0 MPa, a 20oC, por seis dias, sendo secadas em seguida. O condicionamento osmótico em PEG 6000, a -1,0 MPa por seis dias, beneficia a germinação e o vigor de sementes de repolho, de maneira mais evidente em lotes de menor qualidade fisiológica.<hr/>ABSTRACT Priming, used as a pre-sowing treatment, has been recommended as an alternative to increase speed and uniformity of seed germination and seedling emergence, especially for vegetable seeds. The effect of osmopriming on performance of cabbage seed lots with different levels of vigor was evaluated. Four seed lots of cabbage '60 dias' were used. Seeds of each lot were primed in aerated -1.0 MPa PEG 6000 solution for 0, 2, 4 and 6 days at 20oC. Seeds of each treatment, dried or not after priming, were evaluated by germination test and seedling emergence in greenhouse. In a second assay, cabbage seeds were submitted to artificial aging at 42oC and 100% relative humidity for 0, 24, 33 and 42 h and, after that, submitted to osmopriming, as described, for six days, and subsequently dried to attain the original seed water content. Priming in 6000 PEG solution at -1,0 MPa for six days is efficient to improve germination of cabbage seeds, especially for low vigor seed lots. <![CDATA[Cutting type for the <strong><em>Turnera subulata</em></strong> propagation]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362016000300435&lng=en&nrm=iso&tlng=en RESUMO Turnera subulata é uma espécie herbácea e ruderal, conhecida no Brasil como Chanana, Damiana ou Flor-do-Guarujá e tem amplo uso como ornamental e na medicina popular o que torna a espécie importante para o cultivo. O objetivo do presente trabalho foi avaliar o efeito da posição da estaca na planta e presença ou ausência de folhas na propagação de T. subulata. No primeiro experimento foram avaliados os tratamentos a) estaca mediana com uma gema e sem folhas, b) com uma gema e duas folhas, c) com duas gemas e sem folhas e d) com duas gemas e duas folhas. No segundo experimento foram avaliadas estacas da posição apical, mediana e basal combinadas com presença e ausência de folhas. Foram avaliados o comprimento e número de raízes, número de folhas, massa seca de raízes, porcentagem de enraizamento e de sobrevivência. As estacas com duas gemas e duas folhas apresentaram maior comprimento de raiz (10,5 cm), número de raízes (18,5), número de folhas (6,6), massa seca da raiz (0,48 mg) e porcentagem de enraizamento (90%) e de sobrevivência (100%). As estacas basais com folhas apresentaram maior comprimento da raiz (10,5 cm), número de raízes (18,5) e de folhas (6,6), maior porcentagem de enraizamento (96,8%) e de sobrevivência (100%). Estacas com uma gema e estacas apicais apresentaram menor porcentagem de sobrevivência (em torno de 70%). Para a propagação de T. subulata recomenda-se o uso de estacas basais com duas folhas.<hr/>ABSTRACT Turnera subulata is an herbaceous and ruderal species, known in Brazil as Chanana, Damiana or Flor-do-Guarujá widely used as an ornamental plant as well as in folk medicine. The aim of this study was to evaluate the effect of cutting position on the plant and the presence or absence of leaves in the T. subulata propagation. In the first experiment the treatments were a) median cutting with a bud and without leaves, b) with a bud and two leaves, c) with two buds and without leaves and d) with two buds and two leaves. In the second experiment we evaluated apical, median and basal cuttings combined with leaves and without leaves. We evaluated length and number of roots, number of leaves, dry matter of roots, rooting and survival. The cuttings with two buds and two leaves had higher root length (10.5 cm), number of roots (18.5), number of leaves (6.6), dry mass of roots (0.48 mg), percentage of rooting (90%) and survival (100%). The basal cuttings with leaves had higher root length (10.5 cm), number of roots (18.5) and leaves (6.6), the highest percentage of rooting (96.8%) and survival (100%). Cuttings with one bud and apical cuttings have a lower survival rate, around 70%. For the T. subulata propagation we recommend the use of basal cuttings with two leaves. <![CDATA[Initial development of Italian Zucchini plants cultivated with worm humus]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362016000300439&lng=en&nrm=iso&tlng=en RESUMO A abobrinha é uma das dez hortaliças mais cultivadas no Brasil. Possui alto valor nutricional e, por isso é utilizada como ingrediente principal na produção de tortas, doces e ração animal. Apesar da importância econômica e nutricional, poucos são os trabalhos envolvendo a adubação e propagação da cultura. Neste contexto, objetivou-se avaliar o efeito do húmus de minhoca no desenvolvimento de plantas jovens de abobrinha. O experimento foi realizado durante os meses de novembro de 2012 a janeiro de 2013, em casa de vegetação. O delineamento estatístico foi inteiramente casualizado, com seis tratamentos (0, 100, 200, 300, 400 e 1000 g de húmus de minhoca por vaso de 1,5 L) e quatro repetições. As plantas cultivadas em 1000 g de húmus de minhoca apresentaram maiores teores de massa seca da folha, caule e raiz. Pela análise de regressão, observou-se que a dosagem de 750 g foi a que permitiu os máximos valores de razão de área foliar e razão de peso foliar. Identificou-se relação positiva entre a proporção de húmus e a massa seca de folhas+caule, massa seca da raiz e a massa seca total. Os teores de clorofila a e b foram maiores em doses de 575 e 644 g, respectivamente. Assim sendo, o uso de húmus de minhoca favorece o desenvolvimento fisiológico de plantas jovens de abobrinha.<hr/>ABSTRACT Zucchini is one of the ten most important vegetable crops grown in Brazil. It has a high nutritional value, and is used as main ingredient of cakes, candies and animal food. Despite the economical and nutritional importance, few researches are available about its propagation and fertilization. The main objective of this work was to evaluate the effect of the earthworm humus on the development of young zucchini plants. The experiment was carried out in a greenhouse from November (2012) to January (2013) in a complete randomized design, with six doses (0, 100, 200, 300, 400 and 1000 g of earthworm humus per a 1,5 L pot) and four replications. The plants grown in 1000 g had higher levels of dry mass of leaf, stem and root. Regression analysis showed that the dosage of 750 g allowed the maximum values of leaf area ratio and leaf weight ratio variables. A positive relationship was identified between the proportion of humus and the dry mass of leaves + stem, root dry mass and total dry mass. a and b chlorophyll levels were higher at doses of 575 and 644 g, respectively. Therefore, the use of earthworm humus favors the physiological development of young zucchini plants. <![CDATA[Working station: infrastructure for vegetable harvesting and postharvest handling in small farms]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362016000300443&lng=en&nrm=iso&tlng=en RESUMO O manuseio descuidado das hortaliças a partir da colheita contribui para o elevado volume de perdas deste grupo de alimentos. As perdas pós-colheita podem ser quantitativas, representadas pela fração do alimento que não é consumido mas descartado, ou qualitativas, quando se referem ao decréscimo da qualidade sensorial, nutricional e microbiológica do alimento ainda próprio para consumo. Com o objetivo de melhorar as condições de trabalho durante a colheita e beneficiamento de hortaliças em pequenas propriedades rurais, a Embrapa Hortaliças propôs a instalação de uma estação de trabalho de baixo custo, composta de três equipamentos: casa de embalagem de lona, carrinho para transporte e mesa para seleção. Estes equipamentos contribuem para preservar a qualidade da hortaliça colhida, por meio da redução dos estresses abióticos (calor, deposição de orvalho, chuva e danos físicos), e consequentemente, aumentam a sua durabilidade e o tempo disponível para a sua comercialização. Adicionalmente têm efeitos sobre a saúde do trabalhador rural e sobre o rendimento do trabalho. Os efeitos benéficos sobre a saúde do trabalhador incluem a redução do tempo de exposição ao sol e dos problemas osteo-musculares causados pelo carregamento de cargas pesadas e/ou distribuídas assimetricamente e por operações repetitivas e/ou posturas inadequadas. O aumento do rendimento do trabalho resulta da eliminação de etapas repetitivas, redução do cansaço causado pela sobrecarga do sistema músculo-esquelético, redução do desconforto térmico e pela possibilidade de execução do beneficiamento das hortaliças sob condições de chuva.<hr/>ABSTRACT The rough handling during harvest and preparation for the market contributes to the high volume of postharvest losses observed for vegetables. Postharvest losses of vegetables may be either in quantity, when food is not consumed but discarded, or in quality, when the sensory, nutritional or microbiological quality is reduced even when the food is suitable for consumption. In order to improve the infrastructure for harvest and post-harvest handling of vegetables in small farms, Embrapa Vegetables recommended a low cost working station made of three equipment: a tarp packing house; a wheelbarrow and a sorting table. These equipments contribute for the maintenance of the vegetable quality by reducing biotic and abiotic stresses (such as heat, dew, rain, mechanical damage) during harvest and post-harvest handling and consequently extends the shelf life and the time available for the farmer to market his product. Additional benefits are related to the rural worker health and the working efficiency. Benefits for the worker health include the reduction of exposure to the sun and reduction of work-related musculoskeletal disorders caused by heavy loads, repetitive movements and/or awkward positions. Higher working efficiency is due to the elimination of repetitive activities, less tiredness due to overloading of the musculoskeletal system, reduction of thermal discomfort and the possibility to keep working when it is raining.