Scielo RSS <![CDATA[Psicologia: Teoria e Pesquisa]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=0102-377220140003&lang=pt vol. 30 num. 3 lang. pt <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <![CDATA[<b>Fatores associados à não adaptação do bebê na creche: da gestação ao ingresso na instituição</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-37722014000300001&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Buscou-se identificar fatores associados à não adaptação do bebê na creche, tais como, temperamento do bebê, relações pais-bebê e crenças e práticas ligadas aos cuidados alternativos. Participaram quatro famílias, cujos bebês entraram na creche entre 10 e 12 meses de idade e foram retirados por não adaptação segundo avaliação dos pais. Realizou-se entrevistas na gestação, 3, 8 e 12 meses do bebê. Análise de conteúdo qualitativa revelou que os fatores mais relevantes na compreensão da não adaptação relacionaram-se à dinâmica da interação pais-bebê, a saber: sentimentos ligados à separação e forma com que os pais vivenciaram o ingresso na creche. Os resultados sugerem a importância de ações que promovam acolhimento à situação de separação pais-bebê na transição para a creche.<hr/>We aimed to identify factors associated with the not adjusting of babies to daycare, such as, baby's temperament, parents-baby relationship and beliefs and practices about alternative care. Participants were four families whose babies entered into daycare between 10 and 12 months of age and were removed by not adjusting as evaluated by their parents. Interviews were applied during pregnancy, and when the baby was three, eight and twelve months old. Qualitative content analysis indicated that the most relevant factors to understand the not adjustment were related to dynamics of parents-baby interaction, like: feelings related to separation and the way that parents experienced daycare center entrance. The results highlight the importance of promoting the acceptance of parents-baby separation in transition to daycare. <![CDATA[<b>Medindo a percepção dos estilos parentais de adolescentes durante a infância: as propriedades psicométricas do estilo parental e do questionário de dimensões</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-37722014000300002&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt The paper analyzes the psychometric properties of the G1 version of the Parenting Styles and Dimensions Questionnaire, a self-report instrument designed to investigate how adolescents or adults were parented during childhood. The sample included 1451 Italian adolescents in high school. Three studies tested the scale's structure, invariance, and convergent validity. The first found slightly acceptable fit indexes for a 40-item scale measuring three factors (authoritative, authoritarian, and permissive styles); the factors presented good reliability (ρc .62-.96). Multigroup confirmative analyses found factor loadings invariant in the father version, whereas 12 items resulted not invariant in the mother version (second study). Good convergent validity was found with the Parental Bonding Index and the Parental Monitoring Scale (third study). Discussion of results is provided within the parenting styles literature.<hr/>O presente trabalho analisa as propriedades psicométricas da versão G1 do Parenting Styles and Dimensions Questionnaire (Questionário de Estilo e Dimensões de Parentalidade), um instrumento de autorrelato projetado para investigar retrospectivamente como adolescentes ou adultos foram criados durante a infância. A amostra incluiu 1451 adolescentes italianos cursando o ensino médio. Três estudos foram apresentados, nos quais a estrutura da escala, sua invariância, e sua validade convergente são testadas. O primeiro estudo encontrou índices ligeiramente aceitáveis para uma escala de 40 itens medindo três fatores (estilos autoritativo, autoritário, permissivo); os fatores apresentaram uma boa confiabilidade (ρcrange .62-.96). Análises confirmativas multigrupo descobriram que as cargas de fatores foram invariantes, na versão do pai, enquanto que doze itens resultaram não invariantes na versão da mãe. Uma boa validade convergente foi encontrada com Parental Bonding Index, e Parental Monitoring Scale no terceiro estudo. A discussão dos resultados é provida na literatura de estilos parentais. <![CDATA[<b>Rivalidade ou violência? </b><b>A percepção de estudantes universitários vítimas de violência por parte de irmãos</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-37722014000300003&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Este estudo pretende avaliar a percepção das vítimas relativamente a comportamentos de cariz físico, sexual e psicológico, perpetrados por irmãos. Faz parte de uma investigação mais vasta na qual foram avaliados os diferentes tipos de violência e a sua frequência no início da adolescência. Neste estudo, os participantes classificaram os abusos sofridos com recurso ao Self-Labelling of Personally Experienced Violence. Os resultados indicam que os jovens que sofreram todos os tipos de vitimizações (físicas, psicológicas e sexuais) atribuíram os incidentes à "rivalidade entre irmãos", de modo significativo, quando comparados com os jovens que só sofreram um ou dois tipos de vitimização (psicológicas, físicas, psicológicas + físicas ou psicológicas + sexuais). Os resultados são discutidos segundo perspectivas de 'normalização de agressões', as quais explicam a manutenção de comportamentos abusivos contra irmãos.<hr/>This study aimed to investigate the perception of victims of sibling violence (physical, sexual and psychological). It is part of a larger investigation that analyzed the different types of violence and its frequency in early adolescence. In the present study, the participants classified the mistreatments they suffered on the Self-Labelling of Personally Experienced Violence. In the explanation of the occurrences, youngsters enduring all types of sibling victimization (physical, sexual and psychological) attributed "sibling rivalry" significantly more importance than their colleagues who were victims of only one or two violence type(s) (physical, psychological, or psychological + physical + or psychological + sexual). The results are discussed according to 'normalization of aggression' perspectives that help to understand the maintenance of abusive behavior towards siblings. <![CDATA[<b>A permanência de mulheres em situações de violência: considerações de psicólogas</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-37722014000300004&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O objetivo desse artigo é identificar o que pensam psicólogas que atendem ou atenderam mulheres em situação de violência doméstica/conjugal, e as motivações para a permanência de algumas delas nessas situações. A proposta metodológica é um estudo qualitativo, utilizando-se entrevistas semiestruturadas e análise de conteúdo. Os resultados apontam como motivação para as mulheres permanecerem em situação de violência: a força do patriarcado; as marcas identitárias do amor romântico e os ganhos secundários das mulheres na experiência vivida. Esses resultados confirmam em parte estudos anteriores, porém, algo novo se destaca. Ao contrário do que apresentam alguns estudos, as psicólogas consideram a determinação sociocultural do fenômeno da violência contra as mulheres na construção do sofrimento psíquico e da intervenção proposta.<hr/>The aim of this paper is to identify what psychologists think who attend women in situations of domestic /marital violence, about the reasons for the persistence of some of the women in these situations.In this study qualitative research methods were used including semi-structured interviews and content analysis.The results show the following motivations for women to stay in violent situations: the strength of patriarchy; the identifying marks of romantic loveand secondary gains of women in the lived experience. These results partially confirm previous studies, but something new stands out. In contrast to what some studies have pointed out,psychologists consider the determination of the sociocultural phenomenon of violence against women in the construction of psychological distress and the proposed intervention. <![CDATA[<b>Imagem corporal em homens: instrumentos avaliativos</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-37722014000300005&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Este estudo teve como objetivo avaliar os instrumentos disponíveis para avaliação da imagem corporal de adultos do sexo masculino, bem como verificar as qualidades psicométricas avaliadas no processo de criação/adaptação destes. Foi realizada busca nas bases de dados: Scopus, Web of Science, BIREME, e Banco de Teses da CAPES; limitadas ao período de 2009 a 2013, por meio das palavras chave: body image, scales, questionnaires, validation e translations. Esta pesquisa constatou um aumento do número de instrumentos disponíveis para a população brasileira, além de uma diversificação das populações estudadas. Entretanto, ainda são poucos os instrumentos específicos para adultos do sexo masculino. Há necessidade de criação e adaptação de novos instrumentos que contemplem a complexidade do construto da imagem corporal.<hr/>This study aimed to evaluate the available assessment tools of body image in adult males, and to verify the psychometric properties obtained in the process of construction/adaptation of these instruments. Search restricted to the period of 2009-2013 was conducted in the Scopus, Web of Science, BIREME databases and in the theses bank of CAPES, using the keywords: body image, scales, questionnaires, validation and translations. This study found an increase in the number of instruments available for the Brazilian population, as well as a diversification of the populations studied. However, there are few specific instruments for adult males. It is necessary create and adapt new tools that address the complexity of the body image construct. <![CDATA[<b>Os efeitos de contexto nas representações sociais sobre o corpo</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-37722014000300006&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivou-se compreender o papel do contexto nas representações sociais (RS) sobre o corpo, num estudo quase-experimental, com 79 participantes. O contexto foi variável independente, sexo e geração variáveis controle e RS sobre o corpo a variável dependente. Os participantes assistiram a vídeos (manipulação do contexto), realizou-se grupo-focal e aplicou-se questionário. A análise envolveu estatística descritiva, testes de associação e multivariados. Resultados indicam que a saúde estrutura a RS, mas junto aos demais elementos emergem RS diferentes em função do contexto. No contexto de saúde, o corpo é veículo da existência e cuidado. No contexto de beleza é um objeto social, sujeito a padrões. Aponta-se para a dinâmica do pensamento social, que traz implicações teóricas e metodológicas aos estudos de RS.<hr/>This study sought to comprehend the role context has on social representations (SR) of the body, using a semi-experimental design, with 79 participants, with context as the independent variable, SR as the dependent variable and sex and generation as control variables. Participants watched videos (manipulating context), followed by a focal group and a questionnaire. The data were analyzed using descriptive statistics and multivariate tests. Results indicate that health structures SR, however, together with other elements different SR emerge due to the context. In the health context, the body is a vehicle of existence and care. In the beauty context, the body appears as a social object, subject to aesthetic standards. These findings point to a dynamics of social thought, with theoretical and methodological implications for the studies on SR. <![CDATA[<b>Efeitos do estado de humor sobre os comportamentos alimentares inadequados de atletas de atletismo</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-37722014000300007&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O objetivo do presente estudo foi analisar os efeitos do estado de humor sobre os comportamentos alimentares inadequados (CAI) em atletas. Participaram 68 atletas de atletismo, do sexo feminino, com idades entre 12 e 17 anos. Utilizaram-se o Eating Attitudes Test (EAT-26) e a Escala de Humor de Brunel (BRUMS) para avaliar os CAI e o distúrbio total do humor (DTH), respectivamente. Dois modelos de regressão linear não indicaram influência estatisticamente significativa da BRUMS nas subescalas Dieta (p=0,42) e Bulimia e Preocupação com Alimentos (p=0,81) do EAT-26. Ao contrário, a BRUMS (p=0,04) demonstrou impacto significante (7%) sobre os escores da subescala Autocontrole Oral. Concluiu-se que as atletas com DTH elevado podem estar mais susceptíveis à influência ambiental para a ingestão alimentar.<hr/>The goal of the present study was to analyze the effects of mood state on inappropriate eating behavior (IEB) of athletes. The participants were 68 female track and field athletes, with ages between 12 and 17 years. The Eating Attitudes Test (EAT-26) and the Brunel Mood Scale (BRUMS) were used to evaluate the IEB and total mood disturbance (TMD), respectively. Two linear regression models indicated no statistically significant influence of BRUMS on Diet (p = 0,42) and on the Bulimia and Food Preoccupation (p = 0,81) subscales of the EAT-26. Rather, BRUMS (p = 0,04) showed a significant impact (7%) on Oral Selfconttrol subscale scores. It was concluded that athletes with high TMD might be more susceptible to environmental influence upon food intake. <![CDATA[<b>Análise da produção de artigos científicos sobre o lazer: uma revisão</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-37722014000300008&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Este estudo objetivou analisar artigos científicos sobre a temática "lazer", por meio de uma pesquisa documental. Foi feita uma busca na Biblioteca Virtual de Saúde, havendo uma predominância de estudos da Educação Física, Psicologia, Epidemiologia, Enfermagem e Nutrição. O lazer foi abordado no sentido específico das atividades físicas realizadas durante os momentos de lazer ou dos tipos de atividade de lazer, seguidos por aqueles que abordavam teórica ou empiricamente o conceito genérico de lazer e as atitudes frente o lazer. Verificou-se menor proporção de estudos sobre benefícios psicológicos e sociais relacionados às práticas de lazer. Entre as considerações finais, espera-se que novos estudos sobre a temática ampliem seu escopo, indo além dos benefícios físicos promovidos com a prática de atividades de lazer.<hr/>This study aimed to analyze scientific papers on the theme "leisure", by means of a documental research. A search was performed at the "Biblioteca Virtual de Saúde", with a predominance of studies in Psychology, Physical Education, Epidemiology, Nursing and Nutrition. Leisure has been approached in the specific sense of physical activities performed during leisure time, followed by studies describing types of leisure activities, those that addressed theoretically or empirically the generic concept of leisure and attitudes toward leisure activities. There were few studies regarding psychological and social benefits related to leisure-time activities. Among the concluding remarks, we expect that further studies on the subject should broaden their scope, reaching beyond the physical benefits promoted the practice of leisure activities. <![CDATA[<b>Evidências de validade da versão brasileira do questionário das cinco facetas de mindfulness (FFMQ-BR)</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-37722014000300009&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt In order to assess the psychometric properties of the Brazilian version of the FFMQ, 395 participants divided into smokers, people from the general population, college students, and meditators answered the FFMQ and the Psychological Well-Being Scale (PWBS). An Exploratory Factor Analysis (EFA) was conducted and the reliability was assessed. The FFMQ-BR consists of seven factors and all of them showed good internal consistency. Evidence of the construct and criterion validity was obtained by a significant correlation between the FFMQ-BR scores and well-being and by a significant difference between the scores of the meditators and the other participants on the FFMQ-BR. This study may help in providing subsidies to the progress of research in the topic by examining the empirical relationships between Mindfulness and mental health.<hr/>Com o objetivo de avaliar as propriedades psicométricas da versão brasileira do FFMQ, 395 participantes divididos entre tabagistas, comunidade geral, universitários e meditadores responderam ao FFMQ e à Escala de Bem-Estar Subjetivo (EBES). Foi realizada uma Análise Fatorial Exploratória (AFE) e a avaliação da fidedignidade. O FFMQ-BR foi composto por sete facetas e todas obtiveram valores adequados de consistência interna. Comprovou-se a validade de construto e de critério através da correlação entre os escores do FFMQ-BR e a EBES e da diferença entre os escores dos meditadores e dos demais participantes no FFMQ-BR, respectivamente. Estes resultados podem fornecer subsídios para o avanço das pesquisas nessa área através da avaliação enpírica de relações entre mindfulness e saúde mental. <![CDATA[<b>Comprometimento organizacional: bases para uma abordagem processual</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-37722014000300010&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Há uma importante vertente de pesquisa sobre comprometimento organizacional (CO) sobre os vínculos entre indivíduo e sua organização empregadora. O presente estudo objetiva caracterizar a produção científica que analisa esse construto em uma perspectiva processual, pela sua importância para esclarecer questões conceituais e empíricas. Foram analisados39 artigos que relatam pesquisa longitudinal sobre CO, publicados entre 1975 e 2010. Além de constatar a reduzida utilização deste desenho de pesquisa na área, verificou-se: a) que o foco central dos estudos é a identificação dos seus antecedentes, mais do que nas mudanças no comprometimento ao longo do tempo e seus fatores determinantes; b) são reduzidos os estudos que incorporam variáveis do contexto. Da revisão são extraídas algumas recomendações para estudos futuros.<hr/>The links between individuals and their employer organization have been a main focus within research on organizational commitment (CO). The present study aimed to characterize the scientific literature analyzing this construct from a process perspective, considering its importance in clarifying conceptual and empirical issues. 39articles reporting longitudinal data on CO, published between 1975 and 2010, were analyzed. In addition to confirming the infrequent use of this research design in the area, the analysis pointed out that: a) a central focus on the identification of its antecedents, more than on changes in commitment patterns over time and their determining factors; b) only a reduced number of studies incorporate context variables. This review results in relevant recommendations for future studies. <![CDATA[<b>Avaliação da inteligência emocional: a relação entre medidas de desempenho e de autorrelato</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-37722014000300011&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Apresenta-se a adaptação e validação do Teste de Vocabulário Emocional (TVE) ao contexto português, uma medida de desempenho de inteligência emocional, explorando as suas qualidades psicométricas e a validade de critério e convergente com uma medida de autorrelato, o Questionário de Competência Emocional - Revisto (QCE-R). O TVE, com 35 itens, desenvolvido por Takšic, Herambasic e Velemir (2003) no contexto croata, mede a capacidade para compreender emoções. A amostra incluiu 682 alunos do 10.º ano, entre 14 e 21 anos (M = 15,5; DP = 0,77) de diferentes cursos científico-humanísticos. Genericamente, o TVE revelou boas qualidades psicométricas, tendo-se correlacionado positivamente com o rendimento académico e evidenciado maior capacidade para o predizer do que o QCE-R, com o qual não estabeleceu qualquer associação.<hr/>This study presents the adaptation and validation to the Portuguese context of the Vocabulary Emotions Test (VET), an ability measure of Emotional Intelligence, particularly exploring their psychometrics properties and the criterion and convergent validity with a self-report measure, the Emotional Skills and Competence Questionnaire - Reviewed (ESCQ-R). Consisting of 35 items, the VET was constructed in Croatian settings by Takšic, Herambasic and Velemir (2003), and was developed to measure the ability to understand emotions. This study involved 682 10th graders, with ages between 14 and 21 years (M = 15.5; SD = .77) from several courses. The VET revealed good psychometric properties, showed positive correlations with academic achievement and evidenced better predictive validity than the ESCQ-R, with which no association was found. <![CDATA[<b>O estudo do comportamento verbal no Brasil</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-37722014000300012&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O presente trabalho realizou uma revisão histórica de dissertações de mestrado e teses de doutorado brasileiras sobre comportamento verbal, com base na proposta Skinneriana (1957/1992), produzidas entre 1968 e 2012. Foram investigados: a) tipo de trabalho (dissertação ou tese), b) universidades em que os trabalhos foram defendidos, c) orientadores, d) linha de pesquisa (básica, aplicada ou histórico-conceitual), e) metodologia (descritiva ou experimental), e f) temas de investigação. No total, 177 dissertações e 53 teses sobre comportamento verbal foram identificadas. Os resultados indicam que o estudo do comportamento verbal, no Brasil, estabeleceu-se como programa de pesquisa e cresceu ao longo dos anos.<hr/>In the present study a historical review was realized of Brazilian master thesis and doctoral dissertations about verbal behavior, which were based on Skinner' proposals (1957/1992) and carried out from 1968 to 2012. The following aspects were analyzed: a) type of work (thesis or dissertation, b) affiliation of the authors, c) advisor, d) line of research (basic, applied, conceptual or historical), e) methodology (descriptive or experimental), and f) research topics. In total, 177 thesis and 53 dissertations related to verbal behavior were identified. The results indicate that the study of verbal behavior in Brazil has been established as a research program and has grown over the years. <![CDATA[<b>Resenha: rumo ao inconsciente psicanalítico: das origens do conceito às primeiras elaborações freudianas</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-37722014000300013&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O presente trabalho realizou uma revisão histórica de dissertações de mestrado e teses de doutorado brasileiras sobre comportamento verbal, com base na proposta Skinneriana (1957/1992), produzidas entre 1968 e 2012. Foram investigados: a) tipo de trabalho (dissertação ou tese), b) universidades em que os trabalhos foram defendidos, c) orientadores, d) linha de pesquisa (básica, aplicada ou histórico-conceitual), e) metodologia (descritiva ou experimental), e f) temas de investigação. No total, 177 dissertações e 53 teses sobre comportamento verbal foram identificadas. Os resultados indicam que o estudo do comportamento verbal, no Brasil, estabeleceu-se como programa de pesquisa e cresceu ao longo dos anos.<hr/>In the present study a historical review was realized of Brazilian master thesis and doctoral dissertations about verbal behavior, which were based on Skinner' proposals (1957/1992) and carried out from 1968 to 2012. The following aspects were analyzed: a) type of work (thesis or dissertation, b) affiliation of the authors, c) advisor, d) line of research (basic, applied, conceptual or historical), e) methodology (descriptive or experimental), and f) research topics. In total, 177 thesis and 53 dissertations related to verbal behavior were identified. The results indicate that the study of verbal behavior in Brazil has been established as a research program and has grown over the years. <![CDATA[<b>Carta</b><b> ao editor</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-37722014000300014&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O presente trabalho realizou uma revisão histórica de dissertações de mestrado e teses de doutorado brasileiras sobre comportamento verbal, com base na proposta Skinneriana (1957/1992), produzidas entre 1968 e 2012. Foram investigados: a) tipo de trabalho (dissertação ou tese), b) universidades em que os trabalhos foram defendidos, c) orientadores, d) linha de pesquisa (básica, aplicada ou histórico-conceitual), e) metodologia (descritiva ou experimental), e f) temas de investigação. No total, 177 dissertações e 53 teses sobre comportamento verbal foram identificadas. Os resultados indicam que o estudo do comportamento verbal, no Brasil, estabeleceu-se como programa de pesquisa e cresceu ao longo dos anos.<hr/>In the present study a historical review was realized of Brazilian master thesis and doctoral dissertations about verbal behavior, which were based on Skinner' proposals (1957/1992) and carried out from 1968 to 2012. The following aspects were analyzed: a) type of work (thesis or dissertation, b) affiliation of the authors, c) advisor, d) line of research (basic, applied, conceptual or historical), e) methodology (descriptive or experimental), and f) research topics. In total, 177 thesis and 53 dissertations related to verbal behavior were identified. The results indicate that the study of verbal behavior in Brazil has been established as a research program and has grown over the years.