Scielo RSS <![CDATA[Revista Brasileira de Farmacognosia]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=0102-695X19890001&lang=en vol. 2-3-4 num. lang. en <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <![CDATA[<b>Presence of anthracenic compounds in leaves of <i>Cassia fastuosa </i>Willd</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-695X1989000100001&lng=en&nrm=iso&tlng=en Foram submetidas a técnicas de extração para compostos antracênicos de Cassia fastuosa Willd. Constatada a presenca de aloemodina, reína, emodina, senóside A e de senóside B, foram procedidos de doesamentos da reína e do semóside B. Além disso, foi realizado ensaio biológico preliminar, com o extrato aquoso a 10%, para a verificação da atividade laxante.<hr/>Leaves of Cassia fastuosa Willd., Leguminosae, were subjected to extraction methods of anthracenic compounds. Three aglicon were detected in the ethereous extract: aloemodin, emodin and rhein (2.48%). Sennosides A and B were detected in the ethanolic extract. Preliminary biological assay in 10% aqueous extract confirmed the laxative activity and no toxic effect was observed in this concentration. <![CDATA[<b>Proposition of analytical methods for tinctures and mixtures</b>: <b>statistical valuation</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-695X1989000100002&lng=en&nrm=iso&tlng=en Com o objetiuo de propor métodos analíticos de tinturas-mãe e misturas utilizadas em preparações homeopáticas estudou-se a sua aplicabilidade a uma mistura em partes iguais de 10 (dez) tinturas-mãe, das seguintes plantas: Archangelica offcinalis L.; Drymis granatensis L.; Mentha piperita L.; Peumus boldus Molina; Cassia medica; Cassia augustifolia Bahl; Maytenus ilicifolia Martius; Artemisia absin­thium L. e Coriandrum sativum L. todas de usp terapêutico comprovado(6,7,8,9,10), e preparadas a partir de padões, em períodos distintos, durante cinco anos consecutivos. Os valores estatísticos calculados permitiram estabelecer os seguintes limites para os métodos propostos: a) Resíduo alcalino clorofórmico: entre 0,203 e 0,387%; b) Resíduo de ácido clorídrico adicionado ao extrato clorofórmico:entre 0,016 e 0,072%; c) Determinacdo de pll: entre 6,39 e 6,80; d) Determinação da acidez total: entre 0,048 a 0,112%.<hr/>To propose a new analytical methodology applied to homeopathy, and its consequent statistical valuation, the autors studied its applicability to a mixture of ten tinctures in equal parts of the following plants: Archangelica officinalis L; Matricaria chamomile L; Drymis granatensis L; Mentha piperita L; Peumus boldus Molina; Cassia medica; Cassia augustifolia Vahl; Maytenus ilicifolia Martius; Artemisa absinthium L. and Coriandrum sativum L. all of them with therapeutic activity proved (6,7,8,9,10) and prepared from standards, in distinct periods, during five consecutive years. The calculated statistical values permitted to establish the following limits form proposed methods: a) chloroform alkaline residue: form 0.203 to 0.387%; b) hydrochloride acid residue added to the chloroform extract: from 0.016 to 0.072%; c) pH: 6.39 to 6.80; d) Total acidity: from 0.048 to 0.112%. <![CDATA[<b>Pharmacognostic characterization of crude drug and fluid extract of <i>Persea americana </i>Miller</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-695X1989000100003&lng=en&nrm=iso&tlng=en As folhas de Persea americana Miller, conhecidas vulgarmente como folhas-de-abacate, foram caracterizadas morfológica e cromatograficamente. A presenga de anetol, estragol e cariofileno foram pesquisadas na droga brasileira. O extrato fluido foi caracterizado através de sua fração flavonóidica.<hr/>The Persea americana Miller leaves popularly known as "abacate", were morphologic and chromatographycaly characterized. Anethole, estragole e caryophyllene were observed in brasilian drug. Some flavonoids were utilized to characterize the fuid extract. <![CDATA[<b>Pharmacognostic caracterization of essential oil and fluid extract of <i>Stachytarpheta australis</i> Moldenke - <i>Verbenaceae</i></b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-695X1989000100004&lng=en&nrm=iso&tlng=en O óleo essencial e o extrato fluido de Stachytarpheta australis Moldenke, planta medicinal brasileira conhecida popularmente como "gervão", são caracterizados cromatograficamente e físico-quimicamente. 0 vegetal destinado a pesquisa foi coletado de dois em dois meses.<hr/>The essential oil and the fluid extract of Stachytarpheta australis Moldenke, Brazilian Medicinal plant, popular known as gervão, are characterized chromatographically and physic chemically. The vegetable utilized in this research were harvested bimensally. <![CDATA[<b>Investigation of synthetic sweeteners in <i>Stevia rebaudiana</i> (Bert.) Bertoni natural sweetener</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-695X1989000100005&lng=en&nrm=iso&tlng=en Foram analisadas 19 amostras de "Adoçantes Natu rais de Stevia", tendo por objetivo verificar-se a presença de outros adoçantes nao calóricos sintéticos que não são declarados no rótulo do produto. Constatou-se que em 18 amostras,além de componentes do extrato de Stevia reubadiana (Bert.) Bertoni, a sacarina estava presente e que só uma delas declarava tal fato no rótulo. Em três dessas amostras foi encontrado tanbém aspartame e em uma, ciclamato. Fimalmente, em uma amostra não foi encontrado nenhum componente do extrato de Stevia rebaudiana (Bert.) Bertoni, mas sim uma mistuna de manitol e aspartame.<hr/>Nineteen samples os Stevia Natural Sweeteners have been analised aiming at the controlment of the presence of other synthetic sweeteners that are not declared on the label of the product. It was evidenced that in eighteen samples, saccharin was present besides the components of Stevia rebaudiana (Bert.) Bertoni extract and that in only one of them such fact was stated on the label. Aspartame was found in three of these samples and cyclamate in one of them. Finally, no component of Stevia rebaudiana (Bert.) Bertoni extract was found in one of the samples, but a mixture of manitol and aspartame was. <![CDATA[<b>Antimicrobial activity of <i>Mikania</i><i> smilacina</i> DC extracts</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-695X1989000100006&lng=en&nrm=iso&tlng=en O extrato mote obtido de folhas e caules de Mikania Amitacina DC foi submetido ao teste de atividade antimicrobiana pela técnica de diluição seriada frente à S.aureus ATCC 6538, E. coli ATCC l0536 , C. atbicanz ATCC 10321 e A. niger ATCC 16404. 0 extrato foi ativo contra S. aureus, sendo a concentrção inibitória mínbima (bacteriostática) igul a 10 mg/mL. Pela avaliação usando a técnica de difusão em gel, e extrato, mesmo na concentraçao de 60 mg/mL não apresentou atividade inibitótia de crescimento de S. aureus. Da mesma forma, o ácido caurenóico presente no extrato nao apresentou atividade biológica in vitro, indicando ser o efeito avaliado pela técnica anterior devido a presença de outro (s) compostos (s) do extrato mole.<hr/>Semi-liquid extracts obtained from leaves and stems of Mikania smilacina DC has been tested for their antimicrobial activity utilizing the serial dilution technique against S. aureus ATCC 6538, E. coli ATCC 10536, C. albicans ATCC 20321 e A. niger ATCC 16404. The results revealed that the extract showed activity against S. aureus and the minimal inhibitory concentration (MIC) being 10mg/mL. Utilizing the gel diffusion technique the extract even on 60mg/mL concentration showed no growth inhibitory activity against S. aureus. <![CDATA[<b>Identification of <i>Sonchus </i>oleraceus L. (serralha) main structural and chemical characteristics</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-695X1989000100007&lng=en&nrm=iso&tlng=en São descritas as principais caracerpisticas morfológicas e anatônimas de Sonchus oleraceus L. (serralha) com vistas a identificar a espécie e diferenciá-la de gêneros e espécies próximas. As características morfológicas vegetativas revelaram-se mais úteis para esse fim do que as características florais ou histológicas.<hr/>It is described main morphological and anatomical characteristics of Sonchus oleraceus L. (serralha) in order to identify the specie and differentiate it from related genus and species. Morphological characteristics are more important than floral and histological characteristics for this purpose. <![CDATA[<b>Analgesic and antipyretic</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-695X1989000100008&lng=en&nrm=iso&tlng=en Revisão sobre os analgésicos e antipiréticos existentes no mercado com os respectivos mecanismos de ação, bem como a perspectiva do uso de plantas medicinais brasileiras.<hr/>A short revision about analgesic and antipyretic drugs being used in Brazil and few medicinal plants used by the folk. <![CDATA[<b>Some aspects of pharmacokinetics of <i>Cannabis sativa </i>L. (Marihuana) with emphasis on man</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-695X1989000100009&lng=en&nrm=iso&tlng=en O presente artigo consiste em uma análise sobre a origem da Cannabis no Brasil, suas principais substâncias químicas, realçando o Δ9 tetrahidrocanabinol como responsável pelos efeitos farmacológicos. é citado também o fato de existirem duas formas de numeração dos carbonos do ∆THC. Para melhor entender a toxicocinética foram feitas considerações sobre as doses de maconha, que vão variar de acordo com o usuário, e origem do vegetal. Finalmente é feito urn estudo detalhado sobre, absorção, distribuição, armazenamento, biotransformação e eliminação dos diversos componentes químicos da maconha.<hr/>This paper contains an analysis of the origin of the introduction of Cannabis in Brazil, the identify of its chemical components, mainly tetrahydrocannabinol responsible for the pharmacological effects of Cannabis. Toxicokinetic studies were developed in relation the amounts of marihuana consumed, characteristics of the user and origin of the drug. Absorption, distribution, storage, biotransformation and elimination of marihuana derived metabolites were studies. <![CDATA[<b>Raw materials of the pharmaceutical Industry</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-695X1989000100010&lng=en&nrm=iso&tlng=en O presente artigo consiste em uma análise sobre a origem da Cannabis no Brasil, suas principais substâncias químicas, realçando o Δ9 tetrahidrocanabinol como responsável pelos efeitos farmacológicos. é citado também o fato de existirem duas formas de numeração dos carbonos do ∆THC. Para melhor entender a toxicocinética foram feitas considerações sobre as doses de maconha, que vão variar de acordo com o usuário, e origem do vegetal. Finalmente é feito urn estudo detalhado sobre, absorção, distribuição, armazenamento, biotransformação e eliminação dos diversos componentes químicos da maconha.<hr/>This paper contains an analysis of the origin of the introduction of Cannabis in Brazil, the identify of its chemical components, mainly tetrahydrocannabinol responsible for the pharmacological effects of Cannabis. Toxicokinetic studies were developed in relation the amounts of marihuana consumed, characteristics of the user and origin of the drug. Absorption, distribution, storage, biotransformation and elimination of marihuana derived metabolites were studies. <![CDATA[<b>Natural products and the pharmacist</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-695X1989000100011&lng=en&nrm=iso&tlng=en É destacada aqui a necessidade de um controle maior na qualidade de medicamentos derivados de produtos vegetais e ao mesmo tempo, a importância do Profissional Farmacêutico como o elemento mais adequado para isso, pela posse que tern de conhecimontos na área de botânica, fitoquímica e farmacologia.<hr/>The importance of a better and constant quality control of products and drugs from vegetal natural sources is here enhanced whereas the Professional Pharmacist undoubtely must be the more convenient element for that purpose. It comes from its multidiscipline knowledge on the fields of botany, phytochemistry and pharmacology all together needful to reach such a target. <![CDATA[<b>Pharmaceutical preparations obtained of the extraction</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-695X1989000100012&lng=en&nrm=iso&tlng=en O autor tece considerações sobre diversas preparações farmacêuticas obtidas por extração dando enfase aquelas contidas na Farmacopéia Brasileira, elabora quadro sinótico onde são analisadas as tinturas, extratos fluidos; mencionando em cada caso: a droga, a parte usada, a divisão e ou pulverização, o processo de preparação, o líquido extrator, o adjuvante, o teor de princípios ativos e a edição da Farmacopéia onde se encontra a preparação. <![CDATA[<b>Some Brazilian plants employed in diabetes treatment</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-695X1989000100013&lng=en&nrm=iso&tlng=en Os autores mencionam 17 plantas medicinais brasileiras frequentemente empregadas no tratamento de diabetes fornecendo dados sobre a composição química, elabora­ção das formas farmacêuticas empregadas e a posologia utilizada.<hr/>The outhors present 17 Brazilian medicinal plants frequently employed as hypoglycaemiant in diabetes treatment The chemical composition, preparation of pharmaceutical forms and posology of these plants are presented. <![CDATA[<b>Spirulin</b>: <b>a new Brazilian fashion</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-695X1989000100014&lng=en&nrm=iso&tlng=en A autora apresenta uma série de dados referentes a morfologia, cultura, processamemto, composicao química e usos da espirulina (Spirutina maxima, Spirulina platensis), microalga verde-azulada cujo consumo está muito em evidência em diversos países da Eutopa, Ásia e América do Norte e que começa também a ser miuto utilizada por brasileiros.<hr/>The author presents a series of figures referents to morphology, culture, process of manufacture, chemical composition and uses of spiruline, a blue-green microalgae which consumption is in evidence in some countries of Europe, Asia and North America and begins to be widely utilized by Brazilians. <![CDATA[<b>A simple method to record motor activity in mice</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-695X1989000100015&lng=en&nrm=iso&tlng=en Existem muitos aparelhos usados para medir o estado de excitação ou calma em animais de laboratório por intermédio da atividade motora espontânea. Geralmente, no entanto, ou são de preço relativamente elevado ou mostram deficiência no funcionamento. Para pequenos laboratórios idealizamos um aparelho simples, que pode ser montado pela própria entidade a um custo quase insignificante. Tendo chegado a nós uma série de indagações a respeito de dito aparelho, resolvemos tornar pública sua construção. <![CDATA[<b>An essential oil still for large-scale loboratory use</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-695X1989000100016&lng=en&nrm=iso&tlng=en O processo de extração utilizado para óleos essenciais baseia-se na hodridestilação em corrente de vapor de água que é a destilação de duas fases imisciveis ou pouco miscíveis. Numerosos aparelhos e suas modificações surgiram no correr dos tempos; uns destinados para uso laboratorial, analítico e outros para uso industrial. O campo da utilização para escala piloto tem sido menos explorado e a maioria dos aparelhos empregados são de construção precária, apresentando várias deficiências. Tendo necessidade nos nossos laboratórios de um aparelho deste tipo e não tendo encontrado algum satisfatório, idealizamos o abaixo descrito. Os requisitos principais que nos norteram no planejamento foram: eficiência no processo; facilidade de construção; facilidade de limpeza interna. Obviamente não se conseguem reunir os pontos ideais de todos estes itens, porisso procuramos balancear o resultado numa eficiência geral.