Scielo RSS <![CDATA[Psicologia: Reflexão e Crítica]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=0102-797220050001&lang=en vol. 18 num. 1 lang. en <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <![CDATA[<B>Editorial</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-79722005000100001&lng=en&nrm=iso&tlng=en <![CDATA[<B>Social orientation, sexual role, and moral judgment</B>: <B>a comparison of two brazilian and one norwegian sample</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-79722005000100002&lng=en&nrm=iso&tlng=en Sessenta estudantes universitários (30 homens e 30 mulheres), de João Pessoa, e 60 estudantes de Porto Alegre, igualmente distribuídos, foram comparados a uma amostra semelhante da Noruega - 120 estudantes universitários (60 homens e 60 mulheres). Exceto por uma aparente diferença na orientação cultural entre as mulheres brasileiras, comparações através do teste de moralidade de justiça de Gibbs, do teste ECI da ética do cuidado, do inventário de papéis sexuais de Bem, e do teste de orientação cultural de Triandis mostraram que todas as diferenças foram entre a amostra da Noruega e as amostras do Brasil como um bloco. Os brasileiros estabeleceram uma diferenciação em relação aos papéis sexuais que não foi feita pelos noruegueses, e obtiveram escores mais altos na orientação cultural para o coletivismo. Os noruegueses mostraram mais altos escores no ECI, o que pode ser decorrente de um viés cultural no teste. Não houve diferenças, entre o Brasil e a Noruega, nem na orientação cultural para o individualismo, nem no teste de Gibbs. De uma forma geral, os homens obtiveram escores mais altos na medida do individualismo total e as mulheres no coletivismo vertical. As mulheres de João Pessoa obtiveram escores mais hedonísticos e individualistas do que as mulheres de Porto Alegre, que obtiveram escores mais tradicionais.<hr/>Thirty female and 30 male university students each from Joao Pessoa and Porto Alegre were compared to a comparable Norwegian sample of 60 female and 60 male students. Except for a suggestion of differences in women's cultural orientation, comparisons on Gibbs' test of justice morality, the ECI test for ethic of care, Bem's sex role inventory, and Triandis' test for cultural orientations showed that all differences were between the Norwegian sample and the Brazilian samples as a unit. Brazilians showed a differentiation of sex roles, which was not shown in Norwegians, and higher scores on the collectivism cultural orientation. Norwegians showed higher scores ECI, which might be because of a culture bias in the test. No difference was shown for individualism cultural orientation, and on Gibbs' test. Men scored higher on the total individualism measure, and women on vertical collectivism. JP women scored as more hedonistic and individual than the PA women, who scores as more traditional than the JP women. <![CDATA[<B>Value correlates of ambivalent sexism</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-79722005000100003&lng=en&nrm=iso&tlng=en O presente estudo teve como objetivo principal conhecer em que medida os valores humanos se correlacionam com o sexismo ambivalente e suas dimensões hostil e benévola. Participaram 301 pessoas da população geral de João Pessoa, provenientes de diferentes classes sociais. Suas idades variaram de 18 a 72 anos (m=29,5; dp=11,58), sendo a maioria do sexo feminino (54,2%), católica (56,8%), solteira (53,2%) e com curso superior (53,5%). Estas responderam o Inventário de Sexismo Ambivalente e o Questionário dos Valores Básicos, além de uma lista com 5 perguntas sócio-demográficas. Os resultados podem ser sumarizados como segue: 1) as duas dimensões do sexismo (benévolo e hostil) se mostraram diretamente correlacionadas entre si; 2) os homens mostraram maior pontuação em sexismo hostil do que as mulheres, embora não diferenciassem em termos do sexismo benévolo; 3) os participantes com pouco estudo, com uma religião definida (católica ou protestante) e de classe social baixa se mostraram mais sexistas; e, finalmente, 4) aqueles com maior pontuação nos valores normativos (obediência, religiosidade) apresentaram maior índice de sexismo, enquanto que os que o fizeram nos valores suprapessoais (beleza e conhecimento) obtiveram as menores pontuações nesta forma de expressão do preconceito. Estes resultados corroboram a concepção de que pensamentos, crenças e comportamentos conservadores tendem a promover o sexismo, ao passo que as pessoas orientadas ao universalismo, que são autodirigidas e não se prendem a preceitos específicos, tendem a ser menos sexistas.<hr/>This study aimed at knowing the extent to which the human values and ambivalent sexism correlated with each other and with both sexism dimensions: hostile and benevolent. A sample of 301 individuals deriving from different social classes of João Pessoa took part in the present study. Their ages ranged from 18 to 72 years old (m=29.5; sd=11.58). The sample was composed mostly of women (54.2%), catholic (56.8%), single (53.2%) and university graduates (53.5%). They answered the Ambivalent Sexism Inventory, the Basic Values Questionnaire and a set of demographic questions. The results can be abridged as follows: 1) Both sexism dimensions (hostile and benevolent) correlated with each other; 2) men showed higher scores in hostile sexism than women, although no difference between them was found on benevolent sexism scores; 3) participants deriving from lower social classes, with a specific religion (Catholic and Protestant) and less time of study presented higher sexism scores; and 4) those who scored high on normative values (obedience and religiosity) also presented a high score on ambivalent sexism, while the participants with high scores on suprapersonal values (beauty and knowledge) scored lower on this kind of prejudice. These results corroborate the idea that conservative thoughts, beliefs and behavior tend to promote ambivalent sexism. Otherwise, self-directed people who are oriented to universalism and are not attached to specific principles tend to be less sexists. <![CDATA[<B>A study about the integration of the analysis levels of the value systems</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-79722005000100004&lng=en&nrm=iso&tlng=en Este artigo apresenta uma investigação sobre a integração dos níveis de análise dos sistemas de valores de estudantes universitários. No estudo realizado (N=406), foram identificados 4 sistemas subjacentes à organização dos valores dos estudantes: materialista, hedonista, religioso e pós-materialista. A análise da convergência entre os sistemas e os tipos motivacionais da teoria de Schwartz mostrou a semelhança entre o materialismo e os valores da autopromoção, entre o sistema hedonista e a abertura à mudança, entre o sistema religioso e os valores de conservação e entre o pós-materialismo e o tipo motivacional da autotranscendência. Na discussão, enfatiza-se a natureza societal dos valores relacionando suas fontes às ideologias sociais.<hr/>This work is a study on the articulation of the analysis levels of university students' value systems. The results (N=406) show 4 systems underlying the organization of the students' value systems: materialist; hedonist; religious; post-materialist. The analyses of the convergences between values systems and motivacional types of Schwartz's theory showed that there are correlations between materialist and self-enhancement values, between hedonist system and opening to change values types, between religious and conservation values, and between post-materialism and self-transcendence motivational value type. The discussion emphasizes the societal nature of the values system connecting their sources to social ideologies. <![CDATA[<B>Sensation seeking in outdoor pursuits</B>: <B>similarities and differences in discourses on radical sports and adventure tourism</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-79722005000100005&lng=en&nrm=iso&tlng=en Este artigo visa a contribuir para a compreensão do risco-aventura, entendido como o conjunto de práticas que recuperam a dimensão positiva dos riscos. Com base na revisão da literatura e apoiado na vertente construcionista da Psicologia Discursiva, propõe um modelo para análise das dimensões de risco-aventura presentes no turismo de aventura e nos esportes radicais: risco/perigo, adrenalina, aventura, treinamento, uso de equipamentos e relação com a natureza. Como fonte de dados, utilizamos o site de uma operadora especializada em turismo de aventura e uma entrevista com um praticante de parapente. Os dados coletados foram analisados utilizando árvores de associação de idéias e mapas dialógicos. Todos os elementos do modelo analítico se fizeram presentes nas duas modalidades de risco-aventura. Porém, o turismo de aventura caracterizou-se pela delegação do controle do risco a especialistas, enquanto que nos esportes radicais a dimensão treinamento/experiência foi priorizada, enfatizando-se a responsabilidade individual no controle dos riscos.<hr/>This article is a contribution to the understanding of risk-adventure as the set of practices that recuperate the positive dimension of risk. Based on a review of the literature and on the theoretical approach of Constructionist Discursive Psychology, it proposes a model for the analysis of the dimensions of risk adventure present in adventure tourism and radical sports: risk/danger, adrenaline, adventure, training, use of equipments and relationship to nature. The data, derived from the site of a tourism agency that specialized in adventure tourism and an interview with a paraglide practitioner, was analyzed using "trees of association of ideas" and "dialogical maps". All the elements of the model were present in both modalities of risk-adventure. However, adventure tourism was characterized by the delegation of responsibility to specialists, whilst the training/experience dimension made itself more present in radical sports, along with greater emphasis on individual responsibility in the control of risks. <![CDATA[<B>Obesity and psyhological aspects</B>: <B>emotional and cognitive development, self concept, <I>locus</I> of control and anxiety</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-79722005000100006&lng=en&nrm=iso&tlng=en Investigou-se, neste trabalho, variáveis psicológicas como locus de controle, auto-conceito, ansiedade, maturação cognitiva e emocional e problemas comportamentais em crianças obesas e não obesas. Participaram do trabalho 54 crianças, com idades entre 10 e 12 anos, sendo 27 crianças obesas, 14 meninas e 13 meninos com índices de massa corporal situados acima do percentil 85, e 27 não obesas, 15 meninas e 12 meninos, com índices de massa corporal entre os percentis 5 e 85. Os grupos não se diferenciaram em relação às variáveis estudadas. Foram verificados resultados indicativos de sofrimento psicológico tanto num grupo quanto no outro, não permitindo associar obesidade e problemas psicológicos ou comportamentais.<hr/>The present research aimed to evaluate if obese children showed different results in regard to some psychological variables such as emotional and cognitive development, locus of control, self concept , anxiety and behavioral problems compared to non obese children of same age, sex and school achievement. Subjects were 57 children with ages between 10 and 12 years old. The obese group had 27 children, 14 girls and 13 boys. The criterion for assignment to this group was the value of body mass above 85 percentile. The group of non obese had also 27 children, 15 girls and 12 boys and their body mass index was between 5 and 85 percentiles. There were no differences between the groups in regard to the variables approached. There were signs of psychological suffering in children of both groups. These results do not allow us to associate obesity with psychological or behavioral problems. <![CDATA[<B>Behavioral approaches for chronic pain</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-79722005000100007&lng=en&nrm=iso&tlng=en A terapia comportamental da dor crônica se destaca por um ecletismo técnico, assentando-se em procedimentos provenientes das diferentes abordagens terapêuticas que se desenvolveram no seio da tradição comportamental. Trata-se da Terapia Comportamental Clássica, da Terapia Cognitiva Comportamental, da Análise Aplicada do Comportamento e da Análise Clínica do Comportamento. Estes 4 grandes movimentos que representam o desenvolvimento histórico e a pluralidade paradigmática da terapia comportamental são resgatados como eixos teóricos para servir como pontos cardeais na exposição das opções oferecidas pela terapia comportamental para a clínica da dor. Nesta revisão de literatura, divergências entre as 4 abordagens são identificadas, as quais têm implicações importantes para a atuação do terapeuta.<hr/>Behavior therapy of chronic pain is marked by technical eclecticism, building upon procedures derived from different therapeutic directions that were developed in the behavioral tradition. These are Classical Behavior Therapy, Cognitive Behavior Therapy, Applied Behavior Analysis and Clinical Behavior Analysis. These 4 broad movements that represent the historical development and the paradigmatic plurality of behavior therapy, are used as theoretical axes to serve as directions of reference in the exposition of the options behavior therapy offers for the treatment of pain. In this literature review, divergences are identified between the 4 approaches, which have important implications for the therapist's practice. <![CDATA[<B>Stability of antisocial behavior on the infancy-adolescence transition</B>: <B>a developmental perspective</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-79722005000100008&lng=en&nrm=iso&tlng=en O termo anti-social tem sido amplamente utilizado na literatura científica para descrição de problemas de comportamento não específicos, como comportamentos delinqüentes, agressividade e oposicionismo. O objetivo desse estudo é descrever e discutir o conceito de comportamento anti-social, como um indicador de transtornos mentais específicos e de algumas categorias de problemas comportamentais. Para isso, examinamos a relação entre o comportamento anti-social e o Transtorno Desafiador Opositivo, o Transtorno da Conduta, o Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade e o Transtorno de Personalidade Anti-social. Além disso, discute-se também os fatores que contribuem para a estabilidade desse comportamento na transição da infância para a adolescência e os prejuízos decorrentes ao longo do desenvolvimento. Propõe-se a ampliação das discussões conceituais acerca dos transtornos mentais, utilizando-se categorias mais amplas, como a de comportamento anti-social.<hr/>The term antisocial is widely used in the literature to describe non-specific behavior problems such as delinquent behavior, aggressiveness, and oppositionist behavior. The aim of the present study was to describe and to discuss the concept of antisocial behavior as an indicator of specific mental disorders such as Attention-deficit and Hyperactivity Disorder, Conduct Disorder, Oppositional Defiant Disorder, and Antisocial Personality Disorder. Also, we discuss the factors that contribute to the stability of such behaviors in the transition from childhood to adolescence and the losses incurred throughout development. A recommendation is made to broaden conceptual discussions about mental disorders using wider categories such as antisocial behavior. <![CDATA[<B>Social stressors of high blood pressure in deprived communities</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-79722005000100009&lng=en&nrm=iso&tlng=en A hipertensão arterial tem sido estudada sob vários enfoques. As pesquisas demonstram a conexão entre os determinantes sociais e as manifestações da doença. Este estudo trata dos estressores sociais de hipertensão na Vila Nossa Senhora de Fátima, Porto Alegre, Brasil. Relata e discute os resultados do trabalho realizado junto a esta população, no qual se examinam variáveis constitucionais, sociais e fisiológicas. O exame da literatura sobre o tema e a comparação com um grupo controle, advindo de estudo semelhante com população de outro contexto social, mostrou a influência dos estressores sociais no processo de desenvolvimento da hipertensão. As conclusões alcançadas permitem algumas recomendações de ação no sentido da construção da cidadania como instrumento de participação e promoção de saúde.<hr/>The origins of systemic high blood pressure has been studied from a wide array of different approaches. Researches suggests a very close connection between social environment stressors and all the manifestations of the disease itself. The present study deals with relevant social stressors that might be related to the high rates of high blood pressure found among the inhabitants of Vila Nossa Senhora de Fátima, a poor neighborhood in Porto Alegre, Brasil. Results, when compared to those comming from samples from different contexts of the same city, suggest an important relationship between certain social circunstances and the evolution of the hypertension desease. The discussion points to the importance of building up ciitzenship as a tool for health participation and promotion. <![CDATA[<B>Reflections on the diabetes type 1 and its relation to the emotional aspect</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-79722005000100010&lng=en&nrm=iso&tlng=en Este artigo tem como tema central o diabetes tipo 1 ou infanto-juvenil. Tendo em vista as repercussões que esta doença crônica traz, este trabalho levantou dados bibliográficos que subsidiassem reflexões sobre os aspectos emocionais vivenciados pelas crianças diabéticas. O resultado mostrou que o emocional influi na etiologia do diabetes e que o diabetes também influi no emocional desta criança. Isso ocorre devido aos cuidados incessantes para controle da doença, medo das possíveis complicações, mal-estar provocado pelos sintomas de hiper e hipoglicemia, o fato de ser "diferente". Sendo assim, é necessário um acompanhamento desta criança não só por médicos, mas também por outros profissionais da saúde, entre eles o psicólogo, objetivando elaboração dos aspectos referentes à doença e suas repercussões emocionais.<hr/>This article has as its main point the type 1 or infantile-juvenile diabetes. Considering the repercussions that this chronic disease may cause, this study aims at performing a bibliographic survey with data that can give a subsidy to reflections on the emotional aspects experienced by the diabetic children. The findings showed that the emotional aspect influences the diabetes etiology and that the diabetes also influences the emotional aspect of this child. This is due to both the incessant cares used to control the disease and fear of possible complications, as well as to the indisposition caused by the hyper and hypoglycemia symptoms and the fact of being "different". Therefore, it is necessary an attendance of these children diabetes, not only by the doctors, but also by other health professionals, among them, the psychologist, aiming at the elaboration of the aspects related to the disease and its emotional repercussions. <![CDATA[<B>Metamemory and self-efficacy</B>: <B>a validation study of research instruments in memory aging</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-79722005000100011&lng=en&nrm=iso&tlng=en A literatura cognitiva documenta em inúmeros relatos a existência de diferenças significativas entre o desempenho de jovens e idosos em tarefas de memória episódica. Pesquisadores nas últimas décadas exploram possíveis explicações para esta discrepância. Uma das hipóteses em investigação é que talvez os idosos possuam percepções, atitudes e afetos diferentes relativos à memória, e que talvez seu desempenho seja afetado por estes fatores. Os conceitos de meta-memória e auto-eficácia têm sido empregados nas pesquisas sobre o envelhecimento da memória para a avaliação desta hipótese. Nesta pesquisa, 1 questionário de meta-memória (MIA), 1 questionário de auto-eficácia (MSEQ) e 4 versões de 2 tarefas de desempenho de memória episódica (4 listas de itens de supermercado e 4 histórias curtas) foram traduzidos para o português, adaptados à cultura brasileira e submetidos a testes de validação junto a 33 jovens e 27 idosos saudáveis brasileiros. Os resultados das análises realizadas sugerem que as versões em português destes instrumentos têm boas características psicométricas e são promissores para esta área de pesquisa no Brasil.<hr/>The cognitive aging literature documents in numerous studies the existence of significant age differences between younger and older adults in tests of episodic memory. Researchers have been investigating possible explanations for such differences. One hypothesis being tested is whether older adults hold different perceptions, attitudes and feelings towards memory that could affect performance negatively. Metamemory and self-efficacy are concepts that have been used in the test of this hypothesis. In the present research, a metamemory questionnaire (MIA), a self-efficacy questionnaire (MSEQ) and 4 versions of 2 episodic memory tasks (4 grocery lists and 4 short stories) were translated into Portuguese, adapted to Brazilian culture and submitted to validity testing with 33 younger and 27 older healthy Brazilian adults. The results from the analyses suggest that the Portuguese versions of these instruments have good psychometric characteristics and seem promising for research in this field in Brazil. <![CDATA[<B>The evaluation of children's morphosyntactic awareness</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-79722005000100012&lng=en&nrm=iso&tlng=en A revisão da literatura dos estudos sobre a origem e desenvolvimento da consciência morfossintática e sua relação com o aprendizado da língua escrita nos revela o emprego de uma diversidade de tarefas bem como diferenças concernentes ao seu desenvolvimento e valor preditivo relacionado à aquisição da língua escrita. O presente trabalho pretendeu, então, realizar uma revisão da literatura sobre a consciência morfossintática de maneira a descrever as tarefas correntemente utilizadas para sua mensuração nas investigações acerca da aquisição da língua escrita, analisando a validade e propriedade de tais instrumentos na investigação do desenvolvimento das habilidades morfossintáticas na criança. Discute-se, na presente análise, a eficácia das tarefas clássicas de consciência morfossintática bem como de tarefas de uso recente na literatura em efetivamente acessar a manipulação intencional do conhecimento morfossintático pela criança.<hr/>Literature review on the origin and the development of morphosyntatic awareness and its relation to written language acquisition shows the use of several tasks to measure morphosyntactic awareness as well as the differences in their pattern of development and in their importance to predict children's written language apprenticeship. The present study aims to carry out a literature review on morphosyntactic awareness in order to describe the current tasks used to measure it and to discuss the validity and the appropriateness of such instruments to the research on the development of children's morphosyntactic abilities. It is discussed, in the present analysis, the efficacy of the classical morphosyntactic awareness tasks as well as the current tasks in effectively access children's intentional manipulation of their morphosyntactic knowledge. <![CDATA[<B>Visual processing of form</B>: <B>evidences for angular narrow-band frequency channels in humans</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-79722005000100013&lng=en&nrm=iso&tlng=en O objetivo deste trabalho foi caracterizar e comparar curvas de resposta do sistema visual humano para filtros de freqüências angulares de 1 e 4 ciclos/360º em coordenadas polares. Mensuramos 15 curvas para cada filtro com o paradigma de somação de resposta de supralimiar e com a participação de 5 voluntários adultos. Os resultados demonstraram somações máximas de limiar de contraste na freqüência de teste dos filtros angulares (1 e 4 ciclos/360º) circundadas por inibições nas freqüências vizinhas às freqüências de teste de cada filtro. Estes resultados são consistentes com a existência de canais ou filtros angulares de banda estreita operando no sistema visual humano através do processo de somação ou inibição em faixa de freqüências específicas.<hr/>The aim of this work was to characterize and to compare the response curves of the human visual system for angular filters of 1 and 4 cycles/360º defined in polar coordinates. We measured 15 curves for each filter with 5 adult volunteers using a supra-threshold summation method with a forced-choice paradigm. The results showed maximum summation effects at test frequencies for angular (1 and 4 cycles/360º) filters surrounded on both sides by strong inhibition. These results were in agreement with the existence of channels or narrow-band angular filters operating in the human visual system either through summation or inhibition of specific frequency ranges. <![CDATA[<B>The multiple-faces effect</B>: <B>preliminary studies</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-79722005000100014&lng=en&nrm=iso&tlng=en O fenômeno de muitas-faces foi investigado inicialmente no ponto cego e com faces familiares. Analizamos este efeito em 4 categorias: 1) desaparecimente/ escurecimento/ clareamento de partes da face; 2) variação de tamanho das partes da face; 3) percepção de movimento/ mudanças de expressão da face; 4) percepção de outras faces. Categorias 1 e 2 refletem impressões iniciais. Apenas relatos caindo nas categorias 3 e/ou 4 mostram o fenômeno. Os resultados fazem a análise de dados de 37 participantes utilizando fotografias da mãe, do pai e/ou parentes. A análise entre os participantes apresentou a incidência de 87% e 68% nas categorias 3 e 4, respectivamente. Na categoria 3, mudanças na expressão facial ocorreram 90% e 82% para mãe e pai, respectivamente. Na categoria 4, o muitas-faces foi observado com maior freqüência na face da mãe (73%; n=30) do que na do pai (41%; n=22). Avaliamos estes resultados em termos de processamento periférico da forma considerando a possibilidade de haver uma sintonia para faces com base na freqüência de observação de uma mesma face durante o desenvolvimento na primeira infância.<hr/>The multiple-faces effect was first investigated at the blind spot using familiar faces. We analyzed the effect into 4 categories: 1) disappearance/darkening/whitening of face parts; 2) variation in size of face parts; 3) perception of movement /change in facial expression; 4) perception of other faces. Categories 1 and 2 reflect initial impressions. Only reports falling into categories 3 and/or 4 show the multiple-faces effect. Results analyzed data from 37 subjects (using mother and/or father and/or other relatives' photographs). Analysis across subjects yielded 87% and 68% in categories 3 and 4, respectively. In category 3, changes in facial expression were 90% and 82% for mother and father faces, respectively. In category 4, other faces were more frequently observed with the mother's face (73%) than the father's (41%) face. We discuss these results in terms of peripheral processing of form considering a possible tuning for faces resulting from frequency of viewing the same face during early visual development. <![CDATA[<B>Psychological development of school-age children born preterm in comparison with children born full-term</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-79722005000100015&lng=en&nrm=iso&tlng=en O presente estudo objetivou avaliar indicadores do desenvolvimento psicológico na fase escolar de crianças nascidas pré-termo com muito baixo peso e compará-los aos de crianças nascidas a termo, quanto às áreas intelectual, emocional e comportamental. A amostra foi composta por 40 crianças de 8 a 10 anos, subdivididas em 2 grupos: Pré-termo (PT), 20 crianças nascidas <37 semanas de idade gestacional e peso <1.500 g e A Termo (AT), 20 crianças nascidas a termo com peso >2.500g. Foram utilizados o Raven, o Desenho da Figura Humana e a Escala Comportamental Infantil. As crianças PT apresentaram mais freqüentemente nível intelectual inferior à média e problemas comportamentais em comparação às AT. Não houve diferença entre os grupos quanto aos aspectos emocionais. Os problemas de enurese, medo, tiques, impaciência e dificuldade de permanência nas atividades foram significativamente mais freqüentes no PT do que no AT. Verificou-se que, no grupo PT, quanto menor o nível intelectual das crianças, mais problemas de comportamento elas apresentavam.<hr/>The present study aims to assess psychological development in terms of behavioral, intellectual and emotional indicators of preterm and very low birthweight children at school age in comparison with full-term children. The sample in this study consisted of forty children aged from 8 to 10 years. They were divided into 2 groups: Preterm (PT) consisting of 20 children born <37 gestational weeks with a <1.500 g birthweight and Full term (FT) also consisting of 20 subjects who were born with a >2.500g birthweight. Raven's Special Scale, Draw-a-Person and Child Behavior Scale were used in the psychological assessment. PT group presented more behavioral problems and lower intellectual level when compared to the FT group. Enuresis, fear, tics, impatience and lack of focus on activities were significantly more frequent in the PT group than in the FT group. In the PT group the lower the intellectual level of the children the more behavior problems they presented. <![CDATA[<B>Reading comprehension and learning evaluation among undergraduates</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-79722005000100016&lng=en&nrm=iso&tlng=en Este estudo teve por objetivo explorar a relação entre a compreensão em leitura, o desempenho acadêmico e a avaliação da aprendizagem em disciplinas específicas. A amostra foi composta por 270 alunos ingressantes dos cursos de administração, direito e psicologia, dos períodos diurno e noturno, de uma universidade particular do interior paulista. Os instrumentos utilizados foram 2 textos preparados segundo a técnica de Cloze e um questionário visando a caracterização dos tipos mais freqüentes de avaliação utilizados no ensino superior. A participação dos estudantes foi voluntária e a coleta de dados ocorreu de forma coletiva em uma única sessão. Os resultados evidenciaram que há correlação estatisticamente significativa entre a compreensão em leitura, o desempenho acadêmico e o tipo de avaliação da aprendizagem utilizado.<hr/>This research meant to explore the relation among reading comprehension, academic performance and learning assessment in specific contents. The sample was composed of by 270 freshman students from administration, law and psychology courses, from daytime and evening period in a private university in São Paulo. The instruments used were 2 texts prepared in accordance to Cloze's technique and a questionnaire focusing the most used characterization types in higher education assessment. The students' participation was voluntary and the data collect happened in a collective session form. The results showed clearly a correlation, statistically significant, among reading comprehension, academic performance and learning assessment was conclusive. <![CDATA[<B>Positivity and negativity of the work in adolescents' social representations</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-79722005000100017&lng=en&nrm=iso&tlng=en O objetivo deste trabalho foi comparar as representações sociais de dois grupos de estudantes adolescentes, respectivamente dos períodos diurno e noturno, sobre o trabalho, a associação trabalho-estudo e o adolescente trabalhador. Participaram da pesquisa 724 estudantes do ensino médio público de São Paulo, de ambos os sexos, entre 14 e 18 anos, trabalhadores e não trabalhadores. A coleta de dados consistiu na técnica de evocações livres, que utilizou os termos indutores "trabalho", "trabalhar e estudar" e "adolescente trabalhador". Foi realizada uma análise estrutural das representações, a partir da qual foram formuladas hipóteses de centralidade dos conteúdos das representações. Entre os principais resultados destacaram-se: a ancoragem do termo "trabalho" em significados concretos do dia-a-dia, entre os estudantes do período noturno; e em conteúdos morais nos dois grupos; o predomínio de elementos centrais negativos associados à relação trabalho-estudo entre os estudantes do período noturno; e a imagem positiva do adolescente trabalhador em ambos os grupos.<hr/>This research aimed to compare the social representations of adolescents who study during the day and of those who study in the evening concerning three related objects: the work itself, the association between working and studying, and the adolescent who works. The subjects were 724 male and female high school students from 14 to 18 years old, divided into a worker and a non-worker groups. Data were collected using the free evocation method with inductor terms, and the software Evoc helped in the formulation of hypotheses about the centrality of the main contents of each representation. The most important results were: the anchoring by workers of the term "work" in elements of their everyday life; the predominance among workers of negative central elements as to the association between studying and working; the positive image for both groups regarding the adolescent who works. <![CDATA[<B>The street youth and assistance institutions</B>: <B>uses and recognition of objectives</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-79722005000100018&lng=en&nrm=iso&tlng=en O presente estudo visou a identificar os significados que os adolescentes em situação de rua atribuem às instituições de atendimento a eles destinadas. Treze adolescentes em situação de rua de 12 a 17 anos, do sexo masculino, encontrados no centro de Porto Alegre foram entrevistados na rua. Os resultados revelaram que as instituições são de extrema importância para estes jovens, sendo responsáveis pelo fornecimento de alimentação, vestimentas, lazer, educação, profissionalização e prestação de cuidados com a higiene e a saúde. As instituições, juntamente com seus funcionários, desempenham um importante papel na sua rede de apoio social e afetivo. Os significados foram compreendidos a partir da utilização e da atribuição de objetivos institucionais, sendo possível, desta forma, melhor entender a relação estabelecida entre os jovens e as instituições de atendimento.<hr/>The study aims to identify the meanings of institutional agencies for street youth. Thirteen male adolescents, 12 to 17 years old, were interviewed on the streets. The results revealed that the institutions are extremely important to these youngsters, giving food, clothes, leisure, education, job training and health care to those adolescents. The institutions constitute the social support network of the street youth. The institutional meanings were understood by the use and the given attributions related to their goals, showing the established relation between the adolescent and the institution. <![CDATA[<B>Transference and oedipus complex, within Freud's theory</B>: <B>notes about the transference destiny</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-79722005000100019&lng=en&nrm=iso&tlng=en Este artigo comunica algumas considerações sobre o conceito de transferência, na teoria freudiana. Especial atenção é voltada para as relações entre transferência, complexo de Édipo e complexo de castração. Partindo dessas relações e da hipótese segundo a qual Freud não apresenta um final possível para o complexo de Édipo, o presente trabalho entende que esse autor não fornece uma teoria sobre o final da transferência. Esse pensamento evoca o impasse freudiano em relação aos términos das análises. Nesse ponto, é feita uma breve referência à teoria lacaniana sobre a castração e a transferência ao final de análise.<hr/>This article discloses some considerations about the transference conception situated within Freud's theory. The relations between transference, Oedipus complex and castration complex are highlighted. Starting from these relations and from the allegedly in wich Freud doesn't reveal a possible ending to Oedipus complex, this current work perceives that this author does not provide a theory about the transference ending. This idea drives into Freud's impasse, as far as the analysis ending is concerned. In this issue, a short reference is produced on Lacan's castration theory and on that of the transference at end of the analysis.