Scielo RSS <![CDATA[Estudos de Psicologia (Campinas)]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=0103-166X20120001&lang=es vol. 29 num. 1 lang. es <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <![CDATA[<b>Marxist psychology</b>: <b>a research paradigm whose time has come</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-166X2012000100001&lng=es&nrm=iso&tlng=es This paper seeks to retrieve Marx's ideas about the development of psychology. It offers historical perspectives on different attempts to create a Marxist psychology that shed light on its scope and trajectory. According to Marx, concrete social and material real life play a key role in the development of human psychological functions. Later, Vygotsky, Wallon, Politzer, Leontiev, Luria, Sève among others built on Marx's ideas. These psychologists suggested that individual psychological functions are formed and shaped in concrete, cultural, social, historical circumstances, and pictured an organizing, creative force driving individual activity (instead of behavior). Marxist psychology is the study of the social individual within social relations of production. In a Marxist sense, the emphasis is placed on production, both material and social as the essence of social relations. Hence, psychology cannot be dealt with in an abstract, private and individual manner as the capitalist mode of production would want, but must be seen in terms of the social individual that is formed, structured, and shaped within the social relations of a production framework. In this context, the social production of the individual (as developed in Marx's Die Grundrisse) signifies social relations between people connected with concrete common real social conditions and material production. Production, both social and material, is the totality of social relations. In the process of production, social individuals act not only upon nature but also upon one another, they enter into a definite rich web of connections and relations to one another. Marx's writings encompassed the fields of psychology and made a substantial contribution to the stock of knowledge about human nature processes. Marx never wrote a full-length treatise on psychology, though his own work is the outstanding example of psychological conceptualizations. This paper stresses the decisive relevance of Marx's psychological conceptions for a paradigm shift whose time has come.<hr/>Este artigo busca recuperar as ideias de Marx sobre o desenvolvimento da Psicologia. Apresenta abordagens históricas sobre as diversas tentativas de criar uma psicologia marxista que elucidam sobre a sua abrangência e trajetória. Segundo Marx, a vida real material e a vida social concreta desempenham um papel-chave no desenvolvimento das funções psicológicas humanas. Mais tarde, Vygotsky, Wallon, Politzer, Leontiev, Luria, Sève, entre outros, elaboraram seus trabalhos a partir das ideias do Marx. Estes estudiosos sugeriram que as funções psicológicas das pessoas são formadas e moldadas em circunstâncias concretas, culturais, sociais e históricas, e imaginaram uma força organizadora e criativa conduzindo atividade individual (em vez de comportamento). A psicologia marxista é o estudo do indivíduo social dentro das relações sociais de produção. Em um sentido marxista, a ênfase é na produção, tanto material quanto social, como a essência das relações sociais. Portanto, não se pode tratar a Psicologia de forma abstrata, privada e individual como o modo capitalista de produção gostaria, mas ela deverá ser considerada em relação ao indivíduo social que é formado, estruturado e moldado dentro das relações sociais de uma estrutura de produção. Neste contexto, a produção social do indivíduo (como elaborada em Die Grundrisse do Marx) significa as relações sociais entre pessoas conectadas às condições sociais reais e comuns e a produção material. A produção, tanto social como material, é a totalidade das relações sociais. No processo de produção, os indivíduos sociais agem não apenas a partir da natureza, mas também a partir dos outros indivíduos, entrando numa rede definitiva e rica de conexões e relações entre si. As obras do Marx abrangeram os campos de Psicologia e contribuíram de forma substancial ao conhecimento sobre os processes da natureza humana. Marx nunca escreveu um tratado completo sobre a Psicologia, embora seu próprio trabalho seja o exemplo mais importante de conceptualizações psicológicas. Este artigo sublinha a relevância decisiva das concepções psicológicas de Marx em relação a uma mudança paradigmática, cuja hora já chegou. <![CDATA[<b>Spiritual intelligence and abstract, verbal and numeric reasoning</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-166X2012000100002&lng=es&nrm=iso&tlng=es A presente pesquisa, que visou a explorar o tema inteligência e alguns de seus respectivos desdobramentos, foi estruturada teoricamente a partir da visão psicométrica e teve como objetivo explorar a relação entre inteligência espiritual e os raciocínios abstrato, e verbal numérico em estudantes universitários do 1º e 5º anos de graduação do curso de psicologia de uma universidade particular paulista. Os instrumentos utilizados foram a Bateria de Provas de Raciocínio e o Inventário de Inteligência Espiritual (PSI). A participação dos estudantes foi voluntária e a coleta de dados ocorreu de forma coletiva em uma única sessão. Os dados foram submetidos à prova de correlação de Pearson e evidenciaram uma correlação alta, negativa e significativa entre inteligência abstrata e inteligência espiritual, sobretudo nos fatores divindade (r=-0,359, p=0,017) e diligência (r=-0,414, p=0,005). Os dados são discutidos à luz da avaliação psicológica, numa perspectiva psicométrica, visando a elucidar algumas questões acerca do construto inteligência espiritual.<hr/>The aim of this research was to explore the theme of intelligence and some of the respective developments. It was structured, theoretically, from a psychometric viewpoint and had the objective of exploring the relationship between spiritual intelligence and abstract, verbal and numerical reasoning in university students attending the 1st and 5th years of a graduate psychology course in a private university in the state of São Paulo. The instruments used were the Reasoning Test Battery and the Spiritual Intelligence Inventory. Students volunteered to take part and the data collection took place collectively in just one session. The data were submitted to the Pearson correlation test and evidenced a significant, negative and high correlation between abstract and spiritual intelligence, mainly in the factors of divinity (r=-0.359, p=0.017) and diligence (r=-0.414, p=0.005). The data were discussed in the light of the psychological evaluation from a psychometric perspective, aimed at explaining some questions about the spiritual intelligence construct. <![CDATA[<b>Brazilian validation of Young schema questionnaire</b>: <b><i>short form</i></b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-166X2012000100003&lng=es&nrm=iso&tlng=es Esta pesquisa objetivou estudar as propriedades psicométricas da versão brasileira do questionário de esquemas de Young, forma reduzida, e mapear os esquemas cognitivos na amostra, buscando estabelecer correlações entre os níveis de ansiedade, depressão, desajustamento psicossocial e vulnerabilidade com os esquemas iniciais desadaptativos. A metodologia utilizada foi quantitativa, sendo a amostra da pesquisa constituída por 372 participantes. Os instrumentos utilizados foram um Questionário de Dados Sociodemográficos, o Questionário de Esquemas de Young - versão breve - e a Escala Fatorial de Ajustamento Emocional/Neuroticismo. Os resultados achados demonstraram a existência de validade na versão brasileira do Questionário de Esquemas de Young (forma breve) com relação à amostra estudada. Os resultados apontaram para o satisfatório grau de confiabilidade (a=0,955) e para a capacidade de discriminação do questionário, assim como para a validade concorrente com relação à escala fatorial de ajustamento emocional/neuroticismo.<hr/>The aim of this research was to study the psychometric properties of the Brazilian version of the Young Schema Questionnaire (short form) and map the cognitive schemas in the sample by establishing correlations between Early Maladaptive Schemas and variables such as anxiety levels, depression, lack of psychosocial adaptation and vulnerability. The methodology was quantitative. The sample comprised 372 subjects. A Demographic Questionnaire, Young Schema Questionnaire (short form) and Factorial Scale of Emotional Adjustment/Neuroticism were used as the instruments of assessment. The findings demonstrate the validity of the Brazilian version of the Young Schema Questionnaire (short form) for this group. The results showed a satisfactory degree of reliability (a=0.955) and the questionnaire's ability to make distinctions, as well as the convergent validity with regard to the Factorial Scale of Emotional Adjustment/Neuroticism. <![CDATA[<b>Relationship between maternal upbringing and externalizing behavior problems in pre-school children</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-166X2012000100004&lng=es&nrm=iso&tlng=es Este estudo investigou relações entre as práticas educativas maternas e os problemas de externalização na infância. Participaram 64 díades mãe-criança, selecionadas em escolas públicas (68,8%) e particulares (31,3%) de Salvador, Bahia, por meio de amostragem por acessibilidade e também por indicações feitas pelas participantes. Os dados foram coletados em visitas domiciliares ou nas escolas. As mães responderam a uma ficha de dados sociodemográficos, a uma entrevista estruturada sobre as práticas educativas maternas e ao Inventário de Comportamentos da Infância e Adolescência 4-18 anos. A análise de regressão linear múltipla revelou que o modelo que incluiu como variáveis preditoras dos problemas de externalização a escolaridade materna, a renda familiar e as práticas negociação e troca e punição física explicou 15,8% da variância nos problemas de externalização. Discute-se o impacto da punição física no desenvolvimento dos problemas de externalização e o poder preditivo do nível de instrução e da renda familiar em relação às práticas educativas parentais.<hr/>This study investigated the relationship between maternal upbringing and externalizing behavior problems in childhood. Participants in the study included 64 mother-child dyads recruited from public (68.8%) and private (31.3%) schools in Salvador, in the Brazilian state of Bahia, via a convenience sampling method and through referral by other participants. The data were collected during home visits or in school. Mothers completed a socio-demographic data form, underwent a structured interview about the practice of maternal upbringing and the Child Behavior Checklist 4-18. A multiple linear regression analysis revealed that the model that included mother's schooling, family income, negotiation and corporal punishment as predictor variables of externalizing behavior problems, accounted for 15.8% of the variance in externalizing behavior problems. The impact of corporal punishment on the development of externalizing behaviors and the predictive power of the level of instruction and family income in relation to the child's upbringing, are discussed. <![CDATA[<b>Being a combat officer in the Army</b>: <b>a transgenerational delegation?</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-166X2012000100005&lng=es&nrm=iso&tlng=es Esta pesquisa teve como objetivo geral investigar a influência exercida pelo pai, oficial do exército, na decisão do filho para seguir a carreira militar e como este último percebe a referida carreira. Especificamente, procurou-se analisar as motivações que levaram à escolha pela carreira por parte dos filhos; os ganhos obtidos e as dificuldades para exercer a carreira; o papel da família e as expectativas acerca do futuro. A pesquisa foi realizada com 20 cadetes alunos da Academia Militar das Agulhas Negras, que responderam a uma entrevista analisada de acordo com a técnica da análise de conteúdo temática. Os resultados apontaram a forte influência do pai, o apoio da família, além da convivência diária com a rotina e as normas da instituição como as principais motivações para a escolha da carreira. O sentimento de orgulho e de honra perpassara todas as entrevistas, embora os participantes tenham reconhecido ser uma carreira caracterizada por perdas, sacrifícios e esforço constante. As expectativas de futuro remetem ao desejo de contínua dedicação para melhorar o desempenho e as colocações, bem como a construção de uma família.<hr/>The aim of this study was to investigate the influence exerted by a father and Army officer, in deciding if the child will follow a military career and how the child perceives this career. More specifically, it sought to analyze the motivations that led to this decision; the gains achieved and the difficulties in exercising this career; the role of the family and expectations for the future. The study was carried out on twenty student cadets in the Agulhas Negras Military Academy (named for one of the highest mountains in Brazil, literally Black Needles). They responded to an interview that was analyzed in accordance with the technique of Thematic Content Analysis. As the main motivations for this career choice, the results pointed to the strong influence of the father, family support, as well as daily contact with the routine and the rules of the institution. The feeling of pride and honor pervaded all the interviews, although they acknowledged that it is a career that involves loss, sacrifice and constant effort. Expectations of the future relate to the desire for continuous dedication to improving the performance and postings, as well as building a family. <![CDATA[<b>The relationship between religiousness and quality of life in people living with HIV</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-166X2012000100006&lng=es&nrm=iso&tlng=es Este estudo objetivou investigar a relação entre religiosidade e qualidade de vida em pessoas com vírus da imunodeficiência humana, já que a religiosidade tem sido considerada relevante nesse contexto. Participaram do presente estudo 90 pacientes soropositivos ao vírus da imunodeficiência humana de um hospital de referência em João Pessoa no estado da Paraíba, sendo 56% do sexo masculino. Foram utilizados os instrumentos da Avaliação da World Health Organization Quality of Life Assessment Questionnaire-bref, quatro questões sobre religiosidade do World Health Organization Quality of Life Assessment Questionnaire-100 e o questionário de atitude religiosa. Foram realizadas análises descritivas e bivariadas, bem como uma análise de regressão linear múltipla (stepwise), a fim de se verificarem as variáveis que melhor explicariam a qualidade de vida nessa amostra. Ficou demonstrado que houve relação entre religiosidade e qualidade de vida entre os pacientes, ressaltando-se que a dimensão da religiosidade se relacionou com os domínios psicológico, social e ambiental de qualidade de vida, o que se manifestou de forma semelhante entre os pacientes sintomáticos. Percebe-se a importância da religiosidade no contexto da saúde e enfrentamento de doenças.<hr/>Religiousness has been cited as an important factor in the context of living with the Human Immune Deficiency Virus/Acquired Immune Deficiency Syndrome. The aim of this study was to investigate the relationship between religiousness and quality of life in people living with Human Immune Deficiency Virus/Acquired Immune Deficiency Syndrome. So 90 patients living with HIV from a reference hospital in João Pessoa, in the Brazilian state of Paraiba, participated in this study, 56% of them being males. The World Health Organization Quality of Life Assessment Questionnaire-bref, four questions about religiousness from the World Health Organization Quality of Life Assessment Questionnaire-100 and the Religious Attitudes Questionnaire were used. Bivariate and descriptive analyses were performed as well as a multiple linear regression analysis (stepwise), that verifies which variables would best explain the quality of life in this sample. The relationship between religiousness and quality of life among the patients was demonstrated, highlighting that religiousness was related to the psychological, social and environmental domains of quality of life, which also manifested itself in similar fashion amongst symptomatic patients. The importance of religiousness in the context of health and coping with illness could be observed. <![CDATA[<b>Affective dimension of people with acquired deafness before and after the use of cochlear implant</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-166X2012000100007&lng=es&nrm=iso&tlng=es Este estudo teve como objetivo averiguar, antes e após o uso do implante coclear, a dimensão afetiva em pacientes adultos com surdez adquirida, no que diz respeito às modalidades dos sentimentos egoicos, sentimentos em relação ao próximo, sentimentos de temporalidade e estados de ânimo. Participaram 44 adultos que realizaram o implante coclear no Centro de Pesquisas Audiológicas do Hospital de Reabilitação de Anomalias Craniofaciais da Universidade de São Paulo de Bauru. Concluiu-se que, na vivência da surdez, houve predomínio de sentimentos negativos e de um clima afetivo de tensão e depressão, que levava o sujeito a uma vinculação negativa, de assintonia com o mundo. Entretanto, na vivência com o implante coclear, houve predomínio de sentimentos positivos e de um clima afetivo de tranquilidade e contentamento, observando-se uma vinculação positiva do sujeito e sintonia com o mundo.<hr/>The aim of this study was to investigate the affective dimension in adult patients with acquired deafness, both before and after using cochlear implants, by indicating the occurrence of changes in this dimension and investigating it, particularly in the modes of egoic feelings, feelings towards others, feelings of temporality and states of mind before and after the use of the cochlear implant. Forty-four adults took part in this study. They received cochlear implants from the Audiological Research Center at the Craniofacial Anomaly Rehabilitation Hospital at the University of São Paulo in Bauru . It was concluded that, during the period of deafness, negative feelings and an affective climate of tension and depression prevailed, leading the subject to a negative bonding, to a lack of syntony with the world. On the other hand, after the cochlear implant, positive feelings and an affective climate of tranquility and satisfaction prevailed, leading the subject to positive bonding, a feeling of syntony with the world. <![CDATA[<b>Psychological care for the human reproduction physician</b>: <b>a distinct clinical setting</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-166X2012000100008&lng=es&nrm=iso&tlng=es Profissionais da área da saúde entram em contato com o sofrimento humano mesmo quando não trabalham diretamente no campo da Psicologia. Este estudo baseou-se no referencial da psicanálise com vistas a compreender os aspectos do sofrimento humano que emerge para os médicos no exercício da reprodução assistida, e a importância do estudo do imaginário coletivo sobre situações de difícil manejo em suas clínicas. Participaram vinte e dois médicos que atuam em hospitais e clínicas do estado de São Paulo em âmbitos público e privado, independentemente de sexo, idade e tempo de formação. Foi utilizado o procedimento desenhos-estórias com tema, compreendido como procedimento dialógico. A entrevista caracterizou-se como uma situação especial de comunicação e expressão das emoções geradas nos atendimentos relacionados à temática proposta. Constatou-se a necessidade de proposição de espaços facilitadores da expressão emocional, que promovem a continência do sofrimento humano e a ocorrência de experiências reflexivo-vivenciais transformadoras do real.<hr/>Health professionals have to deal with human suffering, even if they don't deal directly with interventions in the psychology area. This study was based on Psychoanalysis, with the aim of understanding the aspects of human suffering which emerge with doctors in the exercise of their work with assisted human reproduction, considering the collective model concerning the difficult situations that they have to deal with in their clinics. Twenty-two doctors working in hospitals and clinics in the state of São Paulo, in both private and public facilities, volunteered to participate, ignoring sex, age and time since graduation. The Drawing and Storytelling thematic was used as the dialogical procedure. The interview was characterized as a special situation with the expression and communication of emotions generated in sessions related to the proposed theme. It was found that there was a need for the proposition of facilitating spaces for emotional expression, promoting the containment of human suffering and the occurrence of the transforming life reflection experiences of reality. <![CDATA[<b>Changes in mothers' social support network during pregnancy and childbirth</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-166X2012000100009&lng=es&nrm=iso&tlng=es A rede social de apoio tem sido enfatizada como um dos aspectos mais importantes para o bem-estar materno durante a gestação e o nascimento dos filhos. Este estudo teve como objetivo verificar as alterações no apoio prestado por familiares e não familiares durante esse período, na perspectiva de 45 mulheres grávidas e de 42 com bebês de até seis meses. A coleta de dados consistiu na aplicação de um questionário de caracterização do sistema familiar e de uma entrevista semiestruturada, visando obter informações sobre a estrutura e o funcionamento da família e de sua rede social durante a gestação e o nascimento dos filhos. Os resultados apontaram mudanças na vida familiar, durante essa transição, quanto ao contato social e ao suporte emocional e material. Os dados sugerem a importância da elaboração de programas de educação familiar para a manutenção do equilíbrio familiar, nesse período.<hr/>The social support network has been highlighted as one of the most important factors in maintaining the welfare of mothers during pregnancy and childbirth. The aim of this study is to ascertain the changes in support from family and others during this period, according to 45 pregnant women and 42 women with children under six months old. Data was collected by administering a family questionnaire and a semi-structured interview, focusing on information about the characterization of the family and the social support network during pregnancy and childbirth. The results show that the main changes occurred with social contact and psychological and material support. We suggest that family educational programs are fundamental in helping families during this period of transition. <![CDATA[<b>Exploring the relationship between morphological awareness, cognitive processing and spelling</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-166X2012000100010&lng=es&nrm=iso&tlng=es Estudos realizados em línguas alfabéticas mostram que a habilidade de refletir sobre os morfemas que compõem as palavras - consciência morfológica - está associada ao sucesso no reconhecimento e compreensão de palavras na leitura. O português é uma língua com uma ortografia bastante regular em termos das correspondências entre letra e som. Neste estudo, investiga-se se o processamento da morfologia contribui para a escrita no português e se essa contribuição é independente de outros aspectos cognitivos da linguagem, como vocabulário e memória auditiva. Crianças de 2º ano e 3º ano do Ensino Fundamental constituíram a amostra. Os resultados das correlações de Pearson mostram que a consciência morfológica está associada à escrita; quando se controla a memória e o vocabulário, essa relação passa a ser significativa.<hr/>Studies carried out in alphabetic languages show that the ability to reflect upon morphemes, morphological awareness, is related to the success in recognizing words and comprehension in reading and spelling. Portuguese is a language with a fairy normal orthography in terms of letter-sound correspondence rules. This study investigated whether morphological awareness helps with spelling in Portuguese and whether this contribution is independent of other cognitive aspects of language such as vocabulary and memory. The sample was composed of children from the 2nd and 3rd grades. The Pearson correlation results showed that morphological awareness is associated with spelling; when memory and vocabulary are controlled this relationship is significant. <![CDATA[<b>Unconscious and transference</b>: <b>the clinical perspective</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-166X2012000100011&lng=es&nrm=iso&tlng=es Como fenômeno clínico, a transferência sempre é acompanhada por seu caráter antinômico. Ela é abertura à interpretação e ao encontro com o analista, em contrapartida se apresenta também como um obstáculo, exibindo sua face de resistência. Freud se mostra atento às duas vertentes clínicas, teorizando-as em diferentes momentos, em especial quando se refere à estereotipia do inconsciente que a transferência convoca. Também ressalta sua abertura, quando a situa como condição de interpretação. Como conduzi-la, levando em conta sua contradição interna? É a partir dessas questões que abordaremos a proposição lacaniana de que a transferência demarca um fechamento do inconsciente, articulada que está a ele numa pulsação temporal.<hr/>As a clinical phenomenon, transference is always accompanied by its antinomic character. It is open to interpretation and the encounter with the analyst, however it also presents itself as an obstacle, showing its resistant side. Freud was aware of both clinical sides, theorizing on them at different moments, especially when referring to the stereotyped behavior of the unconscious which transference summons. He also stresses its openness, where he situates it as a condition of interpretation. How do we proceed with this, bearing in mind its internal contradiction? It is based on these questions that we will address the Lacanian proposition that transference delineates a closing of the unconscious, which is expressed in a heartbeat in time. <![CDATA[<b>Self-efficacy beliefs and resilience</b>: <b>findings of social-cognitive literature</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-166X2012000100012&lng=es&nrm=iso&tlng=es Este artigo investiga como as relações entre autoeficácia e resiliência vêm sendo abordadas pela literatura em diferentes etapas do ciclo de vida e contextos diversos. Toma como referência a teoria social cognitiva de Bandura e aborda os conceitos de agência, autoeficácia e autorregulação. As crenças de autoeficácia são tidas como percepções sobre a capacidade de organizar e executar determinado curso de ação; são consideradas elemento central na fundação da motivação e da realização e podem afetar a maneira como o indivíduo resiste às pressões do ambiente, sem entrar em disfuncionalidade (resiliência). Enquanto agente, o indivíduo encara as ameaças do ambiente como oportunidades, escolhendo estratégias para lidar com elas. Por meio de mecanismos autorregulatórios, os indivíduos motivam-se, orientam-se por meio do controle proativo, estabelecendo metas desafiadoras e mobilizando esforços para alcançar seus objetivos. Estudos baseados na crença de autoeficácia e resiliência são destacados e alguns horizontes são relacionados para pesquisa.<hr/>This article studies how the relationship between self-efficacy and resilience has been dealt with by literature in different phases of the life cycle and contexts. It takes Bandura´s Social Cognitive Theory as a reference, addressing the concepts of agency, self-efficacy and self-regulation. Self-efficacy beliefs are seen as perceptions about the capacity to organize and execute a specific course of action; they are regarded as a central element in the foundation of motivation and attainment and may affect the manner in which individuals cope with taxing environmental demands without falling into dysfunction (resilience). As an agent, the individual sees environmental threats as opportunities, choosing strategies to deal with them. Using self-regulating mechanisms, the individuals motivate themselves and steer themselves through proactive control, establishing challenging goals and mobilizing efforts to achieve the desired goals. Studies referring to the beliefs of self-efficacy and resilience are highlighted, and some horizons are compared for research. <![CDATA[<b>The mental health institution as a social </b><b>device for producing subjectivity</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-166X2012000100013&lng=es&nrm=iso&tlng=es Analisa-se a instituição de saúde mental como dispositivo de produção de subjetividade. Embora se trate de um setor singular da produção, a aplicação do referencial de análise das formações sociais e da mercadoria, criado por Marx, pode trazer à luz aspectos de extrema utilidade na análise da composição e dos efeitos produtivos das práticas no campo da saúde mental em nosso contexto na atualidade. Dois modos de produção destacam-se em flagrante contradição: suas lógicas são congruentes com a do modo capitalista de produção ou com a lógica dos modos de produção cooperados que o antecederam; a concepção de saúde variará radicalmente em cada caso. Conclui-se que, no âmbito da saúde psíquica e mental, a produção de saúde é indissociável da produção de subjetividade, podendo estas ser sintônicas ou dessintônicas entre si, dependendo do modo de produção em que são realizadas. Propõe-se nova definição de saúde para a atenção psicossocial.<hr/>The institution of Mental Health is analyzed as a device for producing subjectivity. Though it deals with a unique production sector, the application of the analytical frame of reference of Social Formations and the market, as espoused by Marx, may bring to light some extremely useful aspects in the analysis of the composition and productive effects of such practices in the field of mental health, within our context, at this present moment in time. Two production modes stand out in clear contradiction: their arguments are consistent with either that of the capitalist mode of production or with the cooperative mode of production that preceded it; the definition of health will vary radically according to the case. It may be concluded that, within both the psychic and mental spheres, health production is inseparable from the production of subjectivity, being either syntonic or dystonic, according to the mode of production that provides the foundations for its fulfillment. With these elements, a new definition for psychic health is being proposed here as a basis for actions of Psychosocial Care. <![CDATA[<b>Convergence between the theories of Lev Semionovich Vigotski and Norbert Elias</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-166X2012000100014&lng=es&nrm=iso&tlng=es Esta pesquisa aborda o problema da constituição da singularidade do indivíduo no social, assumindo como referência a concepção de Lev S. Vigotski de internalização e a concepção de Norbert Elias de individualização. O objetivo é identificar algumas convergências entre a teoria de Vigotski e de Elias. Para discutir suas proposições, fez-se uso da metodologia da pesquisa de natureza teórico exploratória em torno da teoria dos dois autores. Vigotski e Elias possibilitaram a compreensão de que as singularidades são processos e funções presentes na constituição das estruturas psíquicas e sociais.<hr/>This study focuses on the problem of the individual's creation of singularity in society, taking as a reference Lev S. Vigotski's conception of internalization and Norbert Elias's conception of individualization. The objective is to identify convergences between the theory of Vigotski and Elias. To discuss the propositions of Vigotski and Elias, the methodology of theoretical exploratory research on the two authors was used. Vigotski and Elias made possible the understanding that singularities are processes and functions present in the formation of psychic and social structures. <![CDATA[<b>Self-monitoring training and diabetes type 2 prevention behavior</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-166X2012000100015&lng=es&nrm=iso&tlng=es Este estudo investigou os efeitos de um treino em automonitoração na instalação e ampliação de repertórios comportamentais considerados como preventivos para a ocorrência de diabetes. Descreve-se um caso clínico realizado com uma mulher adulta com os seguintes fatores de risco: alimentação inadequada, sobrepeso, sedentarismo e histórico familiar de cardiopatia e diabetes. Foram realizadas visitas domiciliares para investigação de características sociodemográficas, levantamento de linhas de base do comportamento alimentar e de atividade física, treino em automonitoração e entrevista final. Os resultados apontam mudanças comportamentais referentes à instalação e à ampliação de hábitos alimentares mais saudáveis e prática regular de atividade física. A discussão do caso abrange aspectos que indicam a aquisição de comportamentos preventivos, relacionando-os com a literatura utilizada.<hr/>This study investigated the effects of self-monitoring training for the implementation and expansion of behavioral repertoires considered as preventive in the occurrence of diabetes. One clinical case is described relating to an adult woman with the following risk factors: inadequate diet, overweight, sedentary and a family history of heart disease and diabetes. Home visits were made in order to perform an investigation of the socio-demographic characteristics, a baseline survey of eating behavior and physical activity, training in self-monitoring and a final interview. The results point to behavioral changes regarding the implementation and broadening of healthy eating habits and regular physical activity. The discussion of the case includes aspects that indicate the acquisition of preventive behaviors, relating them to the literature used.