Scielo RSS <![CDATA[Revista de Economia e Sociologia Rural]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=0103-200320170003&lang=en vol. 55 num. 3 lang. en <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <![CDATA[Efeitos dos Programas Governamentais de Aquisição de Alimentos para a Agricultura Familiar em Espera Feliz, MG]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-20032017000300427&lng=en&nrm=iso&tlng=en Resumo: Este trabalho objetivou compreender os efeitos dos programas governamentais de aquisição de alimentos (PAA e PNAE) à dinâmica socioeconômica da agricultura familiar no município de Espera Feliz, em Minas Gerais. Questionou-se se os agricultores familiares estão mudando seus processos, dinâmicas e produtos em função das políticas de compra governamental. Para alcançar esses objetivos foram realizadas 61 entrevistas junto a agricultores fornecedores do PAA e PNAE. A pesquisa permitiu diagnosticar vários efeitos dos programas junto aos seus beneficiários, entre eles: i) Econômico: aumento de produção, trabalho e renda; diversificação produtiva e acesso a novos mercados; ii) Social: fortalecimento das organizações associativas locais, ampliação das relações institucionais, maior envolvimento familiar na produção; iii) Meio ambiente: o incentivo à produção livre de agrotóxico e iv) Segurança alimentar: melhoria na alimentação das famílias e aumento da qualidade dos produtos. Foi possível concluir que a identificação de efeitos em todas as categorias analisadas indica que os programas têm propiciado múltiplos efeitos positivos para a agricultura familiar local, imprimindo nova dinâmica social e econômica ao grupo de agricultores familiares que aderiram às compras institucionais.<hr/>Abstract: This work aims to understand the effects of government food acquisition programs (PAA and PNAE) on the socioeconomic dynamics of family farming in the municipality of Espera Feliz, in Minas Gerais State. It was questioned whether family farmers are changing their processes, dynamics and products according to government purchasing policies. To achieve these objectives, 61 interviews were carried out with farmers supplying the PAA and PNAE. The research allowed diagnosing various effects of the programs with their beneficiaries, among them: i) Economic: increase of production, work and income; Diversification of production and access to new markets; ii) Social: strengthening of local associative organizations, expansion of institutional relations, greater family involvement in production; iii) Environment: incentive to free production of pesticides and iv) Food security: Product quality. It was concluded that the identification of effects in all categories analyzed indicates that the programs have provided multiple positive effects for local family farming, imparting a new social and economic dynamics to the group of family farmers who joined institutional purchases. <![CDATA[Execução de Projetos de REDD+ no Brasil Por Meio de Diferentes Modalidades de Financiamento]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-20032017000300445&lng=en&nrm=iso&tlng=en Resumo: No âmbito dos acordos globais sobre mudanças climáticas, o mecanismo para Redução de Emissões por Desmatamento e Degradação Florestal (REDD+) tem sido colocado como central para o incentivo econômico às medidas de mitigação envolvendo os ecossistemas florestais. O presente trabalho objetiva analisar as diferenças e as semelhanças dos projetos de REDD+ no Brasil sob distintas modalidades de financiamento, baseadas em fundos públicos ou no mercado de carbono. Utilizando testes de hipótese, dados são analisados, coletados em bases de dados de acesso público, para 18 variáveis de 89 projetos piloto, aprovados sob o mercado voluntário de carbono e sob o Fundo Amazônia. Verifica­-se que os projetos sob cada modalidade de financiamento têm várias diferenças entre si, como as relativas a participantes, prazos, abrangência e práticas de Monitoramento, Relato e Verificação. Por outro lado, como aspecto semelhante, recorrem tanto aos pagamentos em dinheiro quanto aos incentivos não monetários, como fortalecimento institucional e provimento de infraestrutura. Isso explicita os esforços destes projetos em adaptar-se às complexidades do contexto florestal e à eficiência necessária para garantir resultados esperados do REDD+. Argumenta-se, assim, em favor da adoção de modalidades mistas de financiamento, capazes de incentivar simultaneamente projetos sob fundos públicos e sob mercados de carbono.<hr/>Abstract: Under the global climate change agreements, the mechanism for Reducing Emissions from Deforestation and Forest Degradation (REDD+) is paramount for the economic incentive of forest-based mitigation measures. In order to analyse the similarities and differences between REDD+ projects in Brazil that are using public funds or carbon markets as its financing mechanism, this study gathers project data from public access databases and applies statistical descriptive analysis and hypothesis testing to 18 variables that describe core project characteristics. Based on the analysis results for 89 pilot projects approved under the voluntary carbon market and the Amazon Fund, it is possible to identify that the projects under each category presents clear distinctions in characteristics related to participants, time periods, scope and monitoring reporting and verification. On the other hand, projects under both categories resort to both cash payments and non-monetary incentives such as institutional strengthening and infrastructure provision. The results pictures projects’ efforts to adapt to the complexities of the forest sector and to the efficiency requirements necessary to achieve the expected REDD+ results. It is argued that a mixed financial mechanism should be adopted, in order to enable financing projects both under public funds and under carbon markets. <![CDATA[<strong>Factors that May Lead on the Non-renewal of Certified Organic Product According to Organic Producers in Brazil</strong>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-20032017000300465&lng=en&nrm=iso&tlng=en Abstract: The regulatory process of the organic sector in Brazil began in 1999 and has gone through several changes, culminating in the Decree-Law of December 2007, which established rules for the production and trading of organic products in Brazil. In such Decree, the certification has become a compulsory requirement for production and trading of such products, whose rules governing their obtaining follow rigorous controls standards. As the certification process of organic products is recent and there is a lack of studies carried on this subject, this study will contribute to fill the existing gap in the international literature, mainly national about this topic, once that aimed to identify factors that influence the possibility of non-renewal of organic production certificate, according to the perception of certified producers in Brazil. Through this effort, this research should contribute to wider adherence and maintenance of the producer in the certified system or, at least, proposals for further works. A total of 200 producers from several Brazilian states participated in this study, and data analysis was performed using descriptive statistics and, later, exploratory factor analysis. The results achieved holds that the determining factors to the non-renewal of the certificate involve variables related to transactions among operators, organization of the supply chain and to the regulations. Furthermore, to overcome the challenges imposed to rural producers, one of the proposals is for greater effective actions from representative industry entities of the sector in aspects that are related to the certification process.<hr/>Resumo: O processo de regulamentação do setor de orgânicos no Brasil se iniciou em 1999 e passou por várias mudanças, culminando no Decreto-lei de dezembro de 2007, que estabeleceu regras para produção e comercialização de produtos orgânicos no Brasil. Em tal decreto, a certificação se tornou requisito compulsório para produção e comercialização de tais produtos, cujas regras para sua obtenção seguem padrões rigorosos de controle. Sendo recente o processo de certificação de produtos orgânicos, esta pesquisa vem contribuir à literatura internacional e, principalmente, nacional, sobre este tema, com o objetivo de identificar os fatores que influenciam a possibilidade de não renovação do certificado de produção de orgânicos, segundo a percepção de produtores certificados do Brasil, e assim propor ações que possam contribuir para adesão e manutenção no sistema certificado. Participaram dessa pesquisa 200 produtores de vários estados brasileiros, e a análise dos dados foi realizada por meio de estatística descritiva e, posteriormente, análise fatorial exploratória. Os resultados apontaram que os fatores considerados determinantes para a não renovação do certificado envolvem variáveis relacionadas às transações entre os agentes, à organização da cadeia produtiva e à regulamentação. Para superar os desafios impostos aos produtores rurais, uma das propostas é que haja maior efetividade das ações das entidades de classe representativas do setor no que se refere aos aspectos relacionados ao processo de certificação. <![CDATA[Potencial e Disponibilidade de Biomassa de Cana-de-açúcar na Região Centro-Sul do Brasil: indicadores agroindustriais]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-20032017000300479&lng=en&nrm=iso&tlng=en Resumo: A energia termelétrica, em especial a produzida por meio de biomassa de cana-de-açúcar, é uma alternativa sustentável ao abastecimento e à segurança energética do País, uma vez que é complementar e substituta primária da energia hidrelétrica. Com isso, o estudo tem por objetivo identificar qualitativa e quantitativamente o potencial e a disponibilidade de biomassas de cana-de-açúcar para uso energético e como matéria-prima à futura tecnologia de produção de etanol celulósico na região Centro-Sul. Realizou­-se um levantamento de dados para a safra 2013/14 com 77 usinas visando obter indicadores agronômicos (oferta de bagaço e palha de cana-de-açúcar), tecnológicos (potencial de cogeração do setor) e mercadológicos (preços de energia elétrica, participação nos ambientes de comercialização). De modo geral, os indicadores agronômicos para uma usina típica no Brasil apresentaram moagem média de 3 milhões de toneladas, 8,1% de impureza vegetal e 88% de colheita mecanizada. Os indicadores tecnológicos evidenciaram que mais de 60% das caldeiras amostradas apresentaram tecnologia de baixa pressão de vapor (até 48 bar) e 69% dos turbogeradores amostrados foram do tipo contrapressão simples. Já para os indicadores mercadológicos verificou-se, para as usinas que exportaram energia, que houve participação de 53% no mercado regulado a preços médios de R$ 191,49/MWh.<hr/>Abstract: The thermoelectric power, in particular, produced by sugarcane biomass, shows up as a sustainable alternative to promote energy security. Thus, the study aims to identify qualitatively and quantitatively the potential and availability of biomass from sugarcane, bagasse and straw for energy use in cogeneration operation and as raw material for cellulosic ethanol production in South-Center region. In order to do this, a data collection was conducted for the 2013/14 season with 77 sugarcane mills to develop agronomic indicators (measurement of bagasse and straw sugarcane supply), technological indicators (industry cogeneration potential) and market indicators (electricity prices and participation in different marketing environments). In general, agronomic indicators for a typical sugarcane mill in Brazil have medium crush of 3 million tons of sugarcane, 8.1% of plant impurity and 88% of mechanized harvesting. Technological indicators in Brazil showed that almost 60% of sampled boiler had a low vapor pressure technology (until 48 bar) and 69% of sampled turbogenerator were simple counter type. As for the market indicators, for energy exported mills, the share was 53% in the regulated market at an average price of 191.49 BRL/MWh. <![CDATA[Programa de Aquisição da Produção da Agricultura no Papa/DF: inovação gerencial e tecnológica em sistemas familiares, 2009-2016]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-20032017000300497&lng=en&nrm=iso&tlng=en Resumo: No Brasil, políticas públicas de segurança alimentar incluem o Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e o Programa de Aquisição da Produção da Agricultura do Distrito Federal (Papa-DF). Este trabalho analisou o impacto deste último (Papa/DF) sobre a adoção de práticas gerenciais e de tecnologias produtivas mais adequadas pelo grupo de agricultores familiares que participam desta política, pois estas inovações têm reconhecida relação com seu desempenho. A linha de base foi obtida em 2009, em uma pesquisa que analisou o perfil dos produtores de leite do DF. Em 2016, foram entrevistados produtores participantes do programa, aplicando-se questionário semelhante ao de 2009, visando identificar mudanças em gestão e em processos produtivos, entre 2009 e 2016. Os resultados indicam mudanças positivas em inovação gerencial (processos de planejamento e gestão) e tecnológica (adoção de tecnologias recomendadas) nestes sistemas e, ainda, em variáveis que podem influenciar tais resultados (características da produção e do produtor).<hr/>Abstract: In Brazil, public food security policies include the National School Feeding Programme (PNAE), the Food Acquisition Program (PAA) and the Agricultural Production Acquisition Program of the Federal District (PAPA-DF). This study analyzed the impact of the latter (Papa/DF) on the adoption of management practices and of most appropriate production technologies by a group of farmers who participate in this policy, as these innovations have recognized relationship with their performance. The baseline was obtained from a 2009 data on these producers. In 2016, producers participating in Papa/DF were interviewed, applying a questionnaire likewise the one used in 2009, to identify changes in management and production processes, from 2009 to 2016. The results indicate positive changes in management innovation (planning and management processes) and technological innovation (adoption of recommended technologies) in these systems and on variables that can influence such results (production and producer characteristics). <![CDATA[Measurement of Commodity Price Risk: an overview of Brazilian agricultural markets]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-20032017000300515&lng=en&nrm=iso&tlng=en Abstract: This study explores different procedures to estimate price risk in commodity markets. Focusing on Brazilian agricultural markets, the paper proposes to assess both dispersion and downside risk measures using five different approaches (volatility, coefficient of variation, lower partial moments, value at risk and conditional value at risk). Results suggest that some commodities have large price variability but small downside risk, while other commodities show small price variability and large downside risk. Thus, there is no single answer to the question of which commodity exhibits more price risk, but rather distinct answers depending on how risk is perceived by different individuals. These findings are relevant for agents in the agricultural industry as they affect marketing and risk management decisions and for policy makers involved in support programs to agriculture.<hr/>Resumo: O presente estudo propõe explorar diferentes mecanismos para mensuração do risco de preços em mercados de commodities. Com foco nos mercados agrícolas brasileiros, o artigo avalia e compara medidas de dispersão e de riscos não desejáveis, a partir da aplicação metodológica de cinco diferentes mecanismos, como a volatilidade e coeficiente de variação, momentos parciais inferiores, valor em risco e valor em risco condicional. Em geral, os resultados sugerem que algumas commodities possuem grande volatilidade, porém, com pequenas probabilidades de perdas extremas, enquanto outras apresentam pequena dispersão em seus preços e retornos, mas com altas probabilidades de perdas extremas. Neste sentido, ressalta-se que não há apenas uma conclusão quando se avalia qual mercado fornece maiores riscos a seus agentes. Sendo assim, respostas distintas dependem de como o risco é percebido e tolerado por diferentes agentes. Tais constatações são relevantes nas tomadas de decisões de produção, estocagem e comercialização por parte de diferentes agentes atuando no agronegócio, assim como podem servir de subsídios às políticas que envolvam questões de suporte a determinados mercados agrícolas do País. <![CDATA[Impacto da Implantação do Custo do Pedágio na BR-163 em Relação ao Transporte de Soja do Estado de Mato Grosso]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-20032017000300533&lng=en&nrm=iso&tlng=en Resumo: Este artigo tem por objetivo a análise da concessão da rodovia BR-163, considerando as possíveis implicações sobre a competitividade no transporte da soja do estado de Mato Grosso. Esta proposição se justifica, sobretudo, porque o pedágio, a priori, representa custo ao transporte rodoviário, qualquer gasto acrescido a ela poderá comprometer a margem de lucro. Esta pesquisa foi subsidiada por revisão bibliográfica e documental, utilizando de pesquisa do tipo descritiva. Buscou-se identificar os principais componentes do custo do transporte rodoviário e o impacto da rodovia concedida na competitividade do setor. Assim, foi feita uma análise comparativa do custo do transporte de soja em rodovias pagas (concedidas) e as economias com custos que são inerentes a esta modalidade de transporte, decorrente da ótima condição da pavimentação asfáltica. Para perpetrar essa verificação e contrapor os custos com pedágio, foram elencadas três variáveis, são elas: (i) a economia com o combustível, (ii) a economia com o custo operacional dos caminhões e (iii) a economia que se faz em menor perdas de grãos de soja. O resultado encontrado após a quantificação das variáveis econômicas apontou impacto positivo, com benefícios econômicos para o estado de Mato Grosso.<hr/>Abstract: The purpose of this article is to analyze the lease of the BR-163 highway, considering the possible implications on the competitiveness of soybean transport in the state of Mato Grosso. This proposition is justified especially because the toll, a priori, represents cost to the road transport and any additional expense to it may compromise the profit margin. This research was subsidized by bibliographical and documentary revision, using the descriptive research method. The main components of the cost of road transport and the impact of the highway leased on the competitiveness of the sector were identified. Thus, a comparative analysis of the cost of soybean transportation in paid highways (leased) and the cost savings that are inherent to this modality of transportation, due to the excellent condition of asphaltic paving, was performed. To carry out this verification, and to counter toll costs, three variables were listed: (i) the economy with fuel, (ii) the economy with the operating cost of trucks and (iii) the economy that is made in smaller losses of soybean grains. The results found after the quantification of economic variables showed positive impact, with economic benefits for the state of Mato Grosso. <![CDATA[Análise Fatorial do Sistema Agroindustrial do Biodiesel no Brasil e na União Europeia]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-20032017000300551&lng=en&nrm=iso&tlng=en Resumo: Este artigo objetiva analisar comparativamente os principais fatores envolvidos na coordenação do sistema agroindustrial do biodiesel (SAI biodiesel) no Brasil e na União Europeia, sob a perspectiva dos stakeholders deste sistema. Para tanto, foi desenvolvido um questionário e a comparação foi realizada por meio da análise fatorial. Os resultados mostraram que os fatores semelhantes estão relacionados à tributação e ao comércio internacional, aos sindicatos dos trabalhadores e associações que representam as usinas de biodiesel, e à diversificação, aquisição da agricultura familiar/pequeno produtor e garantia de oferta. Os fatores diferentes são: (1) no Brasil: estratégias de crescimento, competitividade das usinas, diferenciação das usinas, incentivos para a produção de biodiesel, políticas gerais sobre biocombustíveis, tecnologias de produção de biodiesel e políticas nacionais específicas e (2) na UE: diferenciação na produção de biodiesel e organizações de apoio. Os resultados também mostraram a existência de um trade-off no que se refere ao avanço tecnológico no SAI biodiesel. Se, por um lado, a inclusão dos agricultores familiares e pequenos agricultores na economia é um dos fatores a serem considerados para a sustentabilidade do sistema, por outro, o desenvolvimento deste, buscando resolver o conflito alimento versus biocombustíveis, marginaliza estes produtores.<hr/>Abstract: This paper aims to analyze comparatively the main factors involved in the coordination of the agro-industrial system of biodiesel (AIS of biodiesel) in Brazil and the European Union, from the perspective of the stakeholders of this system. For this, a questionnaire was developed and the comparison was done by factor analysis. The results showed that similar factors are related to taxation and international trade, labor unions and associations representing the biodiesel plants and diversification, acquisition of family farming/small producer and guaranteeing supply. The different factors are: (1) in Brazil: growth strategies, competitiveness of plants, differentiation of plants, incentives for biodiesel production, general policies on biofuels, biodiesel production technologies and specific national policies and (2) in the the European Union: differentiation in the production of biodiesel and support organizations. The results also showed the existence of a trade-off regarding to the technological advances on the AIS of biodiesel. If, on the one hand, the inclusion of family farmers and smallholders in the economy is one of the factors to be considered for the sustainability of the system, on the other hand, the development of this, seeking to resolve the conflict food versus biofuels, marginalizes these producers. <![CDATA[Does the Geographical Proximity Matter in Knowledge and Information Flow? A study about wine cluster in the Southern region of Brazil]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-20032017000300569&lng=en&nrm=iso&tlng=en Abstract: This study aims to analyze technological knowledge and information flows intra and extra-cluster, as well as the cognitive roles the firms play. It was decided to investigate such flows among firms and institutions that compose the wine cluster of Vale dos Vinhedos, mountain region of Rio Grande do Sul, responsible for approximately 90% of the national wine production. The social network method was used for this article. As main results, it is highlighted: the information flow has a distinct dynamic from the technological knowledge flow established among firms; they play different cognitive roles in the identified technological knowledge network; great part of the connections established is with companies from the cluster itself; and the search for knowledge in support institutions in the area is intense, highlighting the importance of geographical proximity in the established relations.<hr/>Resumo: O estudo tem como objetivo analisar os fluxos de informação e conhecimento tecnológico intra e extracluster, bem como os papéis cognitivos que as firmas desempenham. Optou-se por investigar tais fluxos entre firmas e instituições que compõem o cluster vinícola do Vale dos Vinhedos, região serrana do Rio Grande do Sul, responsável por aproximadamente 90% da produção nacional de vinhos. Foi utilizado o método de redes sociais. Como principais resultados, destacam-se: o fluxo de informação tem dinâmica distinta daquela do fluxo de conhecimento tecnológico estabelecido entre as firmas; essas desempenham diferentes papéis cognitivos na rede de conhecimento tecnológico identificada; grande parte das conexões estabelecidas é com empresas do próprio cluster; e é intensa a busca de conhecimento nas instituições de apoio existentes no local, destacando a importância da proximidade geográfica nas relações estabelecidas. <![CDATA[A Governança do Arranjo Produtivo Local da Castanha-do-Brasil na Região da Calha Norte, Pará]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-20032017000300589&lng=en&nrm=iso&tlng=en Resumo: O objetivo do trabalho foi analisar as formas de governança do Arranjo Produtivo Local (APL) da castanha-do-brasil (Berthollethia excelsa Bonpl.) na região da Calha Norte, do estado do Pará, caracterizando os fatores específicos que condicionam a governança. Os dados foram obtidos por meio de questionário estruturado no padrão RedeSist, aplicados aos agentes da cadeia produtiva local, com ênfase nas empresas de beneficiamento de castanhas. A análise dos resultados foi desenvolvida com base nos índices de percepção dos entrevistados sobre a estrutura, a governança e as vantagens associadas ao ambiente local, fundamentada nas teorias das aglomerações produtivas, competitividade e governança. Os resultados mostram que pela grande concorrência existente entre as empresas, as transações comerciais realizadas localmente promovem internalização de conhecimento e aprendizagem de forma individual, não se desdobrando em geração de informação para o APL como um todo, em que os processos de cooperação e aprendizagem têm decorrido basicamente da experiência acumulada na produção e consequentes inovações incrementais em produtos e processos, caracterizando, assim, uma capacidade inovativa interna das empresas. Conclui-se que há baixa capacidade de gestão e governança nas ações cooperativas de forma sistêmica e, na ausência de estruturas de governança mais especializadas, predomina a governança de mercado no APL estudado.<hr/>Abstract: The objective of this work was to analyze the forms of governance on the Local Productive Arrangement (APL) of Brazil nut (Berthollethia excelsa Bonpl.) in the Calha Norte region, state of Pará, characterizing the specific factors that influence the governance, emphasizing the main underlying theoretical approaches. The data were obtained by means of a structured questionnaire in standard RedeSist, applied to agents of the local productive chain, with emphasis to the Brazil nuts processing companies. The analysis of the results has been developed on the basis respondent’s perception indices on their structure, governance and the advantages associated with the local environment and based on theories of productive agglomerations, competitiveness and governance. The great competition among companies for processing business transactions locally promotes internalization of knowledge and learning individually, not unfolding a generation of information to APL as a whole, in which the processes of cooperation and learning have basically passed the accumulated experience in the production and consequential incremental innovations in products and processes, thus characterizing an internal capacity of the innovative companies. It was concluded that there are low capacity of management and governance at the systemic form cooperatives and actions, and even in the absence of more specialized governance structures, there is a predominance of market governance in the APL studied.