Scielo RSS <![CDATA[Estudos Avançados]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=0103-401420170003&lang=pt vol. 31 num. 91 lang. pt <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <![CDATA[Editorial]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-40142017000300004&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt <![CDATA[1917 - 2017 e depois]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-40142017000300007&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt <![CDATA[Filosofia e pensamento social russo: continuidades depois da Revolução de Outubro]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-40142017000300009&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo Neste ensaio estudo as continuidades que permeiam - frequentemente escondidas sob mudanças políticas dramáticas - o cenário da filosofia e do pensamento social no período soviético, da Revolução de Outubro, em 1917, à queda da URSS em 1991.<hr/>Abstract In this essay I focus on the continuities - often hidden behind dramatic political changes - that permeate the landscape of philosophy and social thought in the Soviet period, from the October Revolution in 1917 to the demise of the USSR in 1991. <![CDATA[A cultura soviética entre a revolução e o stalinismo]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-40142017000300025&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo Este artigo apresenta algumas linhas gerais do debate sobre revolução e cultura entre 1917 e o período stalinista, com destaque para o fenômeno do realismo socialista.<hr/>Abstract This article presents an overview of the debate on revolution and culture between 1917 and the Stalinist period, with special attention to the phenomenon of socialist realism. <![CDATA[O gulag e a literatura de gulag: um balanço das pesquisas]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-40142017000300041&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo: Este artigo apresenta um panorama dos debates historiográficos, antigos e recentes, sobre a literatura produzida no complexo de campos de concentração soviéticos (o "gulag"). São examinados livros, congressos, instituições de pesquisa e organizações de memória dedicadas ao tema. O texto é concluído pela constatação da escassez de pesquisas voltadas às especificidades da literatura do gulag.<hr/>Abstract: This paper presents an overview of recent and old debates on the literature created in Soviet concentration camp complexes (gulags), and examines books, conferences, research institutions and memory organizations dedicated to the matter. The article concludes with the observation that studies on the distinctiveness of Gulag literature are still scarce. <![CDATA[Como narrar a história da Revolução Russa no seu centenário?]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-40142017000300055&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo A narração da Revolução Russa foi atravessada por fortes disputas ideológicas e interesses políticos surgidos, em grande parte, no calor da guerra fria. A dissolução da URSS em 1991 trouxe mudanças nas perspectivas teóricas, a melhora no acesso a fontes e novos contextos políticos que questionaram antigos preconceitos, embora não os tenham eliminado. Aos cem anos da Revolução, este artigo passa em revista os debates que se geraram historicamente e analisa as perspectivas abertas a partir das principais transformações na historiografia das duas últimas décadas, com o objetivo de apresentar uma possível história da Revolução Russa que supere preconceitos e distorções.<hr/>Abstract The history of Russian Revolution was pervaded by strong ideological disputes and political interests that emerged at the height of the Cold War. The dissolution of the USSR brought several changes in theoretical perspectives, improved access to sources, and a new political context that questioned, but did not eliminate, prior prejudices. A hundred years after the Revolution, this article reviews the debates that the event inspired and analyzes the perspectives that were opened with the main transformations in the historiography of the last two decades. The objective is to present a history of the Russian Revolution that overcomes prejudices and distortions. <![CDATA[As revoluções russas e a emergência do socialismo autoritário]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-40142017000300067&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo O artigo trata das revoluções russas e a necessidade de propor a superação dos-lugares comuns associados às tradições historiográficas liberais e soviéticas. A inserção da Revolução de Outubro de 1917 no contexto de um ciclo revolucionário que compreende cinco momentos: a revolução de 1905; as duas revoluções de 1917; as guerras civis que se estenderam entre 1918 e 1921; a revolução de Kronstadt, em 1921. A importância decisiva das guerras civis (uma revolução na revolução) na emergência de um novo tipo de socialismo - um socialismo autoritário, imprevisto e não desejado pelas tradições socialistas no século XIX. O debate a respeito do caráter da Revolução de Outubro e do socialismo soviético. A necessidade de se pensar as bases históricas e sociais do socialismo autoritário do ponto de vista de sua superação e da construção de um socialismo - reinventado - no século XXI.<hr/>Abstract This articles discusses the Russian revolutions and the need to leave aside the platitudes of both liberal and Soviet historiographic traditions. The insertion of the Revolution of October 1917 in the context of a revolutionary cycle comprising five moments: the revolution of 1905; the two Revolutions of 1917; the civil wars that lasted from 1918 to 1921; the Kronstadt Uprising in 1921. The decisive importance of the civil wars (revolutions within the revolution) in the emergence of a new type of socialism - an authoritarian socialism, unforeseen and unwanted by socialist traditions in the nineteenth century. The debate about the character of the October Revolution and Soviet socialism. The need to think about the historical and social foundations of authoritarian socialism from the point of view of its overcoming and the construction of a - reinvented - socialism in the 21st century. <![CDATA[O centenário da Revolução Russa]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-40142017000300081&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo O propósito geral deste artigo é discutir alguns acontecimentos de 1917 na Rússia e mostrar um panorama das questões que os historiadores discutem hoje.<hr/>Abstract The purpose of this article is to interpret certain events of 1917 in Russia, and to provide an overview of the issues that historians discuss today. <![CDATA[A cultura na cidade]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-40142017000300099&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo Como articular diferentes campos de conhecimentos para responder aos desafios contemporâneos das cidades brasileiros? Sob o viés histórico e social de crescimento e formação das cidades no Brasil mapeiam-se possibilidades, desenhos e interlocuções profícuos aos desafios lançados.<hr/>Abstract How does one articulate different fields of knowledge to respond to the contemporary challenges of Brazilian cities? From a historical and social viewpoint of growth and formation of cities in Brazil, fruitful possibilities, designs and dialogues emerge to these challenges. <![CDATA[Incursões e diálogos pelo berço do humano (ou sobre quando a arquitetura liberta a cidade)]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-40142017000300105&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo Este texto busca refletir sobre as relações entre o pensamento da arquitetura e a cidade contemporânea, permeando trajetórias históricas e como os contextos político, econômico, social e cultural devem ser considerados em qualquer processo que lide com a complexidade da condição urbana que nos cerca.<hr/>Abstract By permeating historical trajectories, this text seeks to discuss the relations between architectural thought and the contemporary city, and how the political, economic, social and cultural contexts must be considered in any process that deals with the complexity of the urban condition that surrounds us. <![CDATA[Da minha janela vejo o mundo passar: Lima Barreto, o centro e os subúrbios]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-40142017000300123&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo O objetivo deste artigo é descrever os subúrbios e a antiga capital do Brasil, Rio de Janeiro, no começo do século XX e durante a Reforma Pereira Passos. Nosso protagonista e guia é, nesse caso, o escritor Lima Barreto, uma voz importante e única nesse contexto do pós abolição.<hr/>Abstract The main goal of this article is to describe the suburbs and the old capital of Brazil, Rio de Janeiro, in the beginning of the 20th century, during the Pereira Passos Reform. Our protagonist and guide, in this case, is the writer Lima Barreto, an important and unique voice in the post-abolition milieu. <![CDATA[Por uma estética radicante: deslocamento, experiência e cidade]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-40142017000300143&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo O artigo tem como objetivo analisar uma prática artística que, na contemporaneidade, vem ganhando ampla dimensão e recorrência: o deslocamento. As implicações do percurso, sua dimensão plástica e urbanística são motes cruciais a esta análise com base na análise de produções artísticas posteriores à década de 1960. A aproximação apresenta especificidades que tem paulatinamente buscado qualificar o deslocamento urbano nas suas mais diferentes acepções. Nela emergem as principais considerações teóricas sobre as especificidades da caminhada como ato com implicações estéticas e também urbanísticas tendo como base a deriva situacionista e a estética radicante de Nicolas Bourriaud.<hr/>Abstract This article aims to analyze an artistic practice that, in contemporaneity, has gained a vast extension and recurrence: the act of walking. The implications of one's chosen pathway, its aesthetic and urbanistic dimension, are crucial themes in the analysis, which focuses on the artistic production after the 1960s. This approach presents an inventory of the lexicon that has gradually qualified the act of walking in its various meanings. It is from this glossary that the main theoretical considerations about the specificities of walking as an act with aesthetic implications emerge, based on the situationist dérive of Nicolas Bourriaud's "radicant" aesthetics. <![CDATA[O rio, a inundação e a cidade A várzea do Tietê como situação crítica]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-40142017000300157&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo As metrópoles brasileiras estão passando por grandes transformações. As periferias se converteram em situações críticas, onde conflitam diferentes políticas públicas, assentamentos de moradia precária e sistemas ambientais desconfigurados. As várzeas dos rios, como o Tietê na zona leste de São Paulo, são paradigmáticas das condições de não equilíbrio, exigindo repensar os fenômenos extremos que afetam a paisagem urbana: as chuvas torrenciais, as inundações; desenvolver estratégias sociais e instrumentos técnicos para lidar com as instabilidades; recolocar as relações entre o rio e a cidade, integrando os dispositivos de contenção de enchentes e o meio ambiente, em outras bases conceituais e operacionais.<hr/>Abstract The Brazilian metropolises are undergoing great transformations. The peripheries have become critical situations, where different public policies, settlements of precarious housing units and disaggregated environmental systems conflict. River floodplains, such as that of the Tietê river in eastern São Paulo, are paradigmatic of a condition of non-equilibrium, requiring a new perspective on the extreme phenomena that affect the urban landscape: torrential rains, floods. It is necessary to develop social strategies and technical tools to deal with climatic instabilities and to re-evaluate the relations between the river and the city, integrating flood containment devices and the environment into other conceptual and operational foundations. <![CDATA[Um ponto cego de O Mal-estar na Cultura: a Ciência na era da Instalação]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-40142017000300173&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo O objetivo deste artigo é demonstrar que a chave conceitual do diagnóstico freudiano do Mal-estar na cultura é incapaz de apreender a alteração do lugar e do funcionamento social da ciência na cultura. A razão disso é considerada residir em sua concepção de ciência, supostamente a única forma de discurso capaz de garantir uma relação não ilusória e infantilizada com as fraquezas humanas. Tal concepção de ciência é incapaz de apreender sua assimilação pela técnica, tal como Heidegger formula em seu texto Sobre a técnica. Como exemplo dessa assimilação, realizo uma análise da alteração recente da epistemologia psiquiátrica e de sua assimilação pelas técnicas do marketing, assim como seus efeitos subjetivos desses novos modos de nomeação do sofrimento. Na conclusão, discuto a impotência crítica da concepção freudiana de ciência diante dessa assimilação e os diferentes sentidos de verdade em jogo.<hr/>Abstract The aim of this article is to demonstrate that the conceptual key to the Freudian diagnosis of Civilization and its discontents is unable to grasp the changing place and social functioning of science in culture. The reason for this is deemed to reside in his conception of science, supposedly the only form of discourse capable of guaranteeing a relationship neither illusory nor infantile with human weaknesses. Such a conception of science is incapable of apprehending how it can be assimilated by technique, as Heidegger puts it in his text The question concerning technology. As an example of this assimilation, I analyze the recent change in psychiatric epistemology and its assimilation by marketing techniques, as well as the subjective effects of these new ways to name suffering. In the conclusion, I discuss the critical impotence of the Freudian conception of science in face of such assimilation and the different meanings of truth at play. <![CDATA[Mal-estar na literatura brasileira contemporânea]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-40142017000300193&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo: Examina-se comparativamente a literatura brasileira dos anos 1990 com os anos 2010, tendo em vista a maneira como esta distribui suas narrativas de sofrimento. Tomam-se tais narrativas segundo o grupo das que denotam sofrimento por excesso de experiências produtivas de determinação ou por falta de experiências produtivas de indeterminação, traduzindo assim a dialética entre a verdade e o real segundo as teses da psicanálise de J. Lacan. Propõe-se um modelo sobre as séries transformativas em curso, tendo em vista os destinos do traumático ligado à ditadura civil-militar e o retorno da violência social nos anos 2010.<hr/>Abstract: We comparatively analyze Brazilian literature in the 1990s and in the 2010s, stressing the ways we can distinguish their narratives of suffering. We arrange these narratives in two groups: suffering through an excess of unproductive experiences of determination and suffering through a lack of productive experiences of indetermination, thus translating the dialectics between truth and reality from Lacanian psychoanalysis. We propose a model based on transformative series, taking into account the destinies of trauma associated with the military-civil dictatorship and the return of social violence in the 2010s. <![CDATA[Lacan, revolução e liquidação da transferência: a destituição subjetiva como protocolo de emancipação política]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-40142017000300211&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo: Trata-se de discutir aqui as implicações políticas dos conceitos de transferência, ato analítico e destituição subjetiva tais como elaborados por Lacan a partir dos anos 1960. Tais conceitos são peças fundamentais para uma reconfiguração da noção de emancipação política, o que evidencia uma dimensão fundamental da relação entre clínica e política.<hr/>Abstract: This article aims to discuss the political implications of the concepts of transference, analytical act and subjective destitution developed by Lacan in the 1960s. These concepts are decisive for a reconfiguration of the notion of political emancipation, evincing a major dimension of the relation between clinical practice and politics <![CDATA[O gênero entre a lei e a norma]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-40142017000300229&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo: O presente artigo visa apresentar uma análise da relação entre lei e norma no contexto da apropriação lacaniana da antropologia estrutural, em especial no que se refere às suas consequências conceituais junto a processos de identificação sexual. São discutidos os limites da formalização do complexo de Édipo e a aspiração universalizante do simbólico em Lacan. Empreende-se, então, uma releitura de As estruturas elementares do parentesco buscando demonstrar o lugar central conferido por Lévi-Strauss à cultura e às variações de normas locais no núcleo duro da chamada lei simbólica. O artigo conclui, a partir de tais resgates, que a constituição de grupos e as políticas de alianças podem pautar uma outra concepção do caráter simbólico dos processos identificatórios relativos ao gênero.<hr/>Abstract: This paper aims to analyze the relation between law and norm in the context of Lacan's appropriation of structural anthropology, particularly its theoretical consequences on sexual identification processes. The limits of the formalization of Oedipus complex are discussed, as well as Lacan's universal aspiration of the symbolic. We undertake an alternative reading of The elementary structures of kinship to show the central role given by Lévi-Strauss to culture and local norms variations. Considering this, the paper concludes that the formation of groups and a politics of alliances may guide a new conception of gender identification processes. <![CDATA[Engenharia de sistemas complexos]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-40142017000300249&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo: Este artigo apresenta uma proposta de abordagem dos sistemas complexos considerando sua engenharia e definindo medidas cujas evoluções temporais proporcionam indicativos de necessidade de ações preventivas nas fases de projeto, execução e operação de grandes obras.<hr/>Abstract: This paper proposes an approach to complex systems considered as engineering works, and defines measures whose temporal evolutions give hints of the need for preventive actions in the design, execution and operation of big systems <![CDATA[Psicodinâmica do trabalho e riscos de adoecimento no magistério superior]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-40142017000300257&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo: A intensificação da atividade docente reflete um novo paradigma de produção e consumo do conhecimento, no qual coexistem demandas caracterizadas por aceleração das atividades, alienação e competitividade. Nesse sentido, faz-se pertinente investigar a tríade trabalho, saúde, doença no contexto da docência do magistério superior. Diante disso, buscou-se analisar os indicadores críticos de adoecimento no trabalho segundo a percepção dos docentes da Universidade Federal de Santa Maria (RS). Para tanto, realizou-se aplicação do Inventário sobre Trabalho e Riscos de Adoecimento (Itra) e, posteriormente, entrevistas semiestruturadas de caráter complementar, aplicadas aos docentes pertencentes às áreas do conhecimento com maior participação. Destaca-se a identificação de sobrecarga cognitiva em nível grave para as mulheres (58%) em relação aos homens, com avaliação em nível crítico (50%), além de maior esgotamento profissional enfrentado por elas, com avaliação em nível crítico (44%). O teste Mann-Whitney evidenciou diferença significativa entre homens e mulheres quanto aos danos físicos (p = 0, 001), danos sociais (p = 0,01) e custo cognitivo (p = 0,04). Dessa forma, o papel do gênero deve ser considerado enquanto elemento que promove distinção na percepção, avaliação e gestão dos aspectos que envolvem o trabalho e a vulnerabilidade aos riscos de adoecimento.<hr/>Abstract: The intensification of higher education teaching reflects a new paradigm of production and consumption of knowledge, in which demands characterized by the acceleration of activities, alienation and competitiveness coexist. In this sense, it is relevant to investigate the triad work/health/disease among college faculty. Therefore, we sought to analyze the critical indicators of illness at work, as perceived by the professors of the Federal University of Santa Maria (RS), by applying the Inventory on Work and Risk of Illness (Itra) and, later, semi-structured complementary interviews with faculty belonging to the knowledge areas with the highest participation. We identified serious cognitive overload among women (58%) compared to men, with evaluation in critical level (50%), as well as greater burnout, with evaluation in critical level (44%). The Mann-Whitney test revealed significant differences between men and women with regard to physical damage (p = 0.001), social harm (p = 0.01) and cognitive cost (p = 0.04). Thus, the role of gender should be considered as an element that promotes distinctions in perception, assessment and management of aspects involved in work and in vulnerability to risk of illness. <![CDATA[Ecléa Bosi, a grande amiga]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-40142017000300279&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo: A intensificação da atividade docente reflete um novo paradigma de produção e consumo do conhecimento, no qual coexistem demandas caracterizadas por aceleração das atividades, alienação e competitividade. Nesse sentido, faz-se pertinente investigar a tríade trabalho, saúde, doença no contexto da docência do magistério superior. Diante disso, buscou-se analisar os indicadores críticos de adoecimento no trabalho segundo a percepção dos docentes da Universidade Federal de Santa Maria (RS). Para tanto, realizou-se aplicação do Inventário sobre Trabalho e Riscos de Adoecimento (Itra) e, posteriormente, entrevistas semiestruturadas de caráter complementar, aplicadas aos docentes pertencentes às áreas do conhecimento com maior participação. Destaca-se a identificação de sobrecarga cognitiva em nível grave para as mulheres (58%) em relação aos homens, com avaliação em nível crítico (50%), além de maior esgotamento profissional enfrentado por elas, com avaliação em nível crítico (44%). O teste Mann-Whitney evidenciou diferença significativa entre homens e mulheres quanto aos danos físicos (p = 0, 001), danos sociais (p = 0,01) e custo cognitivo (p = 0,04). Dessa forma, o papel do gênero deve ser considerado enquanto elemento que promove distinção na percepção, avaliação e gestão dos aspectos que envolvem o trabalho e a vulnerabilidade aos riscos de adoecimento.<hr/>Abstract: The intensification of higher education teaching reflects a new paradigm of production and consumption of knowledge, in which demands characterized by the acceleration of activities, alienation and competitiveness coexist. In this sense, it is relevant to investigate the triad work/health/disease among college faculty. Therefore, we sought to analyze the critical indicators of illness at work, as perceived by the professors of the Federal University of Santa Maria (RS), by applying the Inventory on Work and Risk of Illness (Itra) and, later, semi-structured complementary interviews with faculty belonging to the knowledge areas with the highest participation. We identified serious cognitive overload among women (58%) compared to men, with evaluation in critical level (50%), as well as greater burnout, with evaluation in critical level (44%). The Mann-Whitney test revealed significant differences between men and women with regard to physical damage (p = 0.001), social harm (p = 0.01) and cognitive cost (p = 0.04). Thus, the role of gender should be considered as an element that promotes distinctions in perception, assessment and management of aspects involved in work and in vulnerability to risk of illness. <![CDATA[Relações entre Estados Unidos e Rússia hoje]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-40142017000300287&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo: A intensificação da atividade docente reflete um novo paradigma de produção e consumo do conhecimento, no qual coexistem demandas caracterizadas por aceleração das atividades, alienação e competitividade. Nesse sentido, faz-se pertinente investigar a tríade trabalho, saúde, doença no contexto da docência do magistério superior. Diante disso, buscou-se analisar os indicadores críticos de adoecimento no trabalho segundo a percepção dos docentes da Universidade Federal de Santa Maria (RS). Para tanto, realizou-se aplicação do Inventário sobre Trabalho e Riscos de Adoecimento (Itra) e, posteriormente, entrevistas semiestruturadas de caráter complementar, aplicadas aos docentes pertencentes às áreas do conhecimento com maior participação. Destaca-se a identificação de sobrecarga cognitiva em nível grave para as mulheres (58%) em relação aos homens, com avaliação em nível crítico (50%), além de maior esgotamento profissional enfrentado por elas, com avaliação em nível crítico (44%). O teste Mann-Whitney evidenciou diferença significativa entre homens e mulheres quanto aos danos físicos (p = 0, 001), danos sociais (p = 0,01) e custo cognitivo (p = 0,04). Dessa forma, o papel do gênero deve ser considerado enquanto elemento que promove distinção na percepção, avaliação e gestão dos aspectos que envolvem o trabalho e a vulnerabilidade aos riscos de adoecimento.<hr/>Abstract: The intensification of higher education teaching reflects a new paradigm of production and consumption of knowledge, in which demands characterized by the acceleration of activities, alienation and competitiveness coexist. In this sense, it is relevant to investigate the triad work/health/disease among college faculty. Therefore, we sought to analyze the critical indicators of illness at work, as perceived by the professors of the Federal University of Santa Maria (RS), by applying the Inventory on Work and Risk of Illness (Itra) and, later, semi-structured complementary interviews with faculty belonging to the knowledge areas with the highest participation. We identified serious cognitive overload among women (58%) compared to men, with evaluation in critical level (50%), as well as greater burnout, with evaluation in critical level (44%). The Mann-Whitney test revealed significant differences between men and women with regard to physical damage (p = 0.001), social harm (p = 0.01) and cognitive cost (p = 0.04). Thus, the role of gender should be considered as an element that promotes distinctions in perception, assessment and management of aspects involved in work and in vulnerability to risk of illness. <![CDATA[A poesia brasileira e a Segunda Guerra Mundial]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-40142017000300293&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo: A intensificação da atividade docente reflete um novo paradigma de produção e consumo do conhecimento, no qual coexistem demandas caracterizadas por aceleração das atividades, alienação e competitividade. Nesse sentido, faz-se pertinente investigar a tríade trabalho, saúde, doença no contexto da docência do magistério superior. Diante disso, buscou-se analisar os indicadores críticos de adoecimento no trabalho segundo a percepção dos docentes da Universidade Federal de Santa Maria (RS). Para tanto, realizou-se aplicação do Inventário sobre Trabalho e Riscos de Adoecimento (Itra) e, posteriormente, entrevistas semiestruturadas de caráter complementar, aplicadas aos docentes pertencentes às áreas do conhecimento com maior participação. Destaca-se a identificação de sobrecarga cognitiva em nível grave para as mulheres (58%) em relação aos homens, com avaliação em nível crítico (50%), além de maior esgotamento profissional enfrentado por elas, com avaliação em nível crítico (44%). O teste Mann-Whitney evidenciou diferença significativa entre homens e mulheres quanto aos danos físicos (p = 0, 001), danos sociais (p = 0,01) e custo cognitivo (p = 0,04). Dessa forma, o papel do gênero deve ser considerado enquanto elemento que promove distinção na percepção, avaliação e gestão dos aspectos que envolvem o trabalho e a vulnerabilidade aos riscos de adoecimento.<hr/>Abstract: The intensification of higher education teaching reflects a new paradigm of production and consumption of knowledge, in which demands characterized by the acceleration of activities, alienation and competitiveness coexist. In this sense, it is relevant to investigate the triad work/health/disease among college faculty. Therefore, we sought to analyze the critical indicators of illness at work, as perceived by the professors of the Federal University of Santa Maria (RS), by applying the Inventory on Work and Risk of Illness (Itra) and, later, semi-structured complementary interviews with faculty belonging to the knowledge areas with the highest participation. We identified serious cognitive overload among women (58%) compared to men, with evaluation in critical level (50%), as well as greater burnout, with evaluation in critical level (44%). The Mann-Whitney test revealed significant differences between men and women with regard to physical damage (p = 0.001), social harm (p = 0.01) and cognitive cost (p = 0.04). Thus, the role of gender should be considered as an element that promotes distinctions in perception, assessment and management of aspects involved in work and in vulnerability to risk of illness. <![CDATA[A dita do desdito]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-40142017000300299&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo: A intensificação da atividade docente reflete um novo paradigma de produção e consumo do conhecimento, no qual coexistem demandas caracterizadas por aceleração das atividades, alienação e competitividade. Nesse sentido, faz-se pertinente investigar a tríade trabalho, saúde, doença no contexto da docência do magistério superior. Diante disso, buscou-se analisar os indicadores críticos de adoecimento no trabalho segundo a percepção dos docentes da Universidade Federal de Santa Maria (RS). Para tanto, realizou-se aplicação do Inventário sobre Trabalho e Riscos de Adoecimento (Itra) e, posteriormente, entrevistas semiestruturadas de caráter complementar, aplicadas aos docentes pertencentes às áreas do conhecimento com maior participação. Destaca-se a identificação de sobrecarga cognitiva em nível grave para as mulheres (58%) em relação aos homens, com avaliação em nível crítico (50%), além de maior esgotamento profissional enfrentado por elas, com avaliação em nível crítico (44%). O teste Mann-Whitney evidenciou diferença significativa entre homens e mulheres quanto aos danos físicos (p = 0, 001), danos sociais (p = 0,01) e custo cognitivo (p = 0,04). Dessa forma, o papel do gênero deve ser considerado enquanto elemento que promove distinção na percepção, avaliação e gestão dos aspectos que envolvem o trabalho e a vulnerabilidade aos riscos de adoecimento.<hr/>Abstract: The intensification of higher education teaching reflects a new paradigm of production and consumption of knowledge, in which demands characterized by the acceleration of activities, alienation and competitiveness coexist. In this sense, it is relevant to investigate the triad work/health/disease among college faculty. Therefore, we sought to analyze the critical indicators of illness at work, as perceived by the professors of the Federal University of Santa Maria (RS), by applying the Inventory on Work and Risk of Illness (Itra) and, later, semi-structured complementary interviews with faculty belonging to the knowledge areas with the highest participation. We identified serious cognitive overload among women (58%) compared to men, with evaluation in critical level (50%), as well as greater burnout, with evaluation in critical level (44%). The Mann-Whitney test revealed significant differences between men and women with regard to physical damage (p = 0.001), social harm (p = 0.01) and cognitive cost (p = 0.04). Thus, the role of gender should be considered as an element that promotes distinctions in perception, assessment and management of aspects involved in work and in vulnerability to risk of illness.