Scielo RSS <![CDATA[Pro-Posições]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=0103-730720160001&lang=en vol. 27 num. 1 lang. en <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <![CDATA[Presentation]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-73072016000100013&lng=en&nrm=iso&tlng=en <![CDATA[Gender and resistance in animation films]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-73072016000100019&lng=en&nrm=iso&tlng=en Resumo O presente texto tem por objetivo discutir e problematizar as concepções de gênero da princesa Barbie em um filme de animação e nas falas de crianças, bem como refletir sobre novas possibilidades de feminilidades a partir de uma protagonista de filmes de animação, produzida em experiências de produção de filme com crianças. Os questionamentos a serem debatidos são fruto de pesquisa, com apoio do CNPq, além de projetos de extensão sobre produção de filmes de animação com crianças. A reflexão empreendida entende os filmes como artefatos culturais, e as crianças como sujeitos de direito e com condições argumentativas para discutir e mudar as concepções culturalmente construídas. As figuras das princesas ainda aparecem representadas em determinado padrão de normalização. No processo da pesquisa, entretanto, essas concepções são questionadas e novas produções são realizadas, nas quais novas formas de ser feminino divergem da norma, como formas de resistência aos modelos idealizados.<hr/>Absract This paper aims to discuss and to problematize the gender conceptions of Princess Barbie present in an animated film and in children talk. It also discusses the new possibilities of femininity from a protagonist of animated films produced by experiences in producing films with children. The issues to be discussed are results of research, with support from CNPq, and extension projects on production of animated films with children. The reflection undertaken understands movies as cultural artifacts and children as subjects with rights and argumentative conditions to discuss and change culturally constructed ideas. The figures of the princesses appear even represented in certain standard standards. In the process of research, however, these concepts are questioned and new productions are performed in which new ways of being female differ from the norm, as forms of resistance to idealized models. <![CDATA[Thinking about docent training, and subjectivity experience of oneself from the writing of pedagogy students]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-73072016000100037&lng=en&nrm=iso&tlng=en Resumo O artigo discute as experiências de estudantes de um curso de Pedagogia em uma disciplina que trabalha com as temáticas das relações de gênero e sexualidades. O foco de análise são as produções das estudantes em textos denominados "diários de bordo", que contêm narrativas escritas a partir das experiências vividas e do que foi pensado sobre as temáticas abordadas nas aulas. As análises dessas escritas tornaram visíveis as questões que as estudantes levantam sobre o exercício da docência, seus deslocamentos analíticos acerca de suas próprias subjetividades, os processos inventivos de produção de si e os estranhamentos sobre o saber de si e dos outros, além da própria escrita como atividade capaz de produzir outros modos de narrar-se a si mesmas.<hr/>Abstract This article discusses the experiences of Pedagogy students in a course on gender relations and sexuality. The analytical focus is the production of students in journals that contain written narratives on their lived experiences and on what was taught in class. The analysis of the students' writings allowed us to identify their questions on the teaching, their analytical displacement regarding their own subjectivities, the inventive production of themselves, the estrangement about the knowledge of themselves and of others, as well as the actual writing as activity capable of producing other ways of narrating to themselves. <![CDATA[Mourning Love: Love, Mourning and Rights in "Requiem sertanejo"]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-73072016000100057&lng=en&nrm=iso&tlng=en Resumo O texto aborda a homossexualidade e os direitos a ela relacionados em "Requiem sertanejo" de Rick Santos (2011), referenciando no conceito de luto de Derrida a análise desenvolvida. Propõe, assim, a ideia de que "Requiem sertanejo" emprega o luto como um processo constitutivo. O narrador do texto faz isso, ao recontar seu relacionamento com seu falecido amante, Zeca, relacionamento silenciado publicamente durante o tempo em que estiveram juntos, mas colocado a público no luto-narrativa com a morte do amante. Ao agir assim, o narrador enfrenta o legado jurídico de políticas, tais como "Don't ask, don't tell" e, simultaneamente, recupera os seus direitos por meio desse luto público.<hr/>Abstract This paper employs as its theoretical framework Derrida's model of mourning to approach homosexuality and rights in Rick Santo's "Requiem sertanejo" (2011). This study proposes that "Requiem sertanejo", insinuates mourning as a constitutive process. This is achieved through the texts narrator's recounting of he and his ex-lover, Zeca's story that during their time together was silenced publicly, but mad public in this narrative of mourning. In doing so, the narrator confronts the legal legacy of policies such as "Don't ask, don't tell." At the same time, he reclaims his rights through public mourning. <![CDATA[Notes on friendship and family: life as a work of art in the meeting with Antonia and the ashes in the garden]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-73072016000100073&lng=en&nrm=iso&tlng=en Resumo O artigo apresenta uma reflexão sobre amizade e família a partir do filme Excêntrica família de Antônia e do pedido feito por um participante de uma ONG AIDS antes de seu falecimento. Utilizando ferramentas conceituais de Michael Foucault e de autoras e autores que dialogam com a obra do autor, o texto interpela o lugar da diferença nas famílias e a centralidade da família como referência do contexto social. O debate sobre amizade remete à dimensão política do espaço público e à possibilidade de invenção de modos coletivos de vivência, levando a novas configurações da ética e da estética da existência dos indivíduos e da sociedade.<hr/>Abstract The paper presents a discussion on friendship and family based on the movie Antonia's Line and on the request made by a AIDS NGO participant before his death. Using conceptual tools of Michael Foucault and other authors who engage in conversations with his work, the text questions the place of difference in families and the centrality of family as reference of social context. The debate about friendship refers to the political dimension of public space and the possibility of inventing collective ways of living, leading to new configurations of ethics and aesthetics of existence of individuals and society. <![CDATA[Paulo Freire: educator-thinker of liberation]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-73072016000100093&lng=en&nrm=iso&tlng=en Resumo O presente trabalho propõe um exame da fundamentação teórica humanista crítica do educador e pensador Paulo Freire, tomada como eixo orientador de sua perspectiva de libertação. Primeiramente foi feita uma contextualização da cena pessoal, histórica, política e filosófica que permeou o início de seu trabalho e sua opção por trabalhar com os setores marginalizados da sociedade brasileira. Em seguida, foram explicitados alguns conceitos-chave nos quais essa fundamentação teórica se sustenta e foram abordadas algumas questões para situar o papel do intelectual segundo Freire, tecendo considerações sobre o contexto educacional/social contemporâneo. Por fim, concluiu-se com mediações que visam demonstrar como os elementos desenvolvidos nos levam de volta à noção de radicalidade da humanização, também fruto das reflexões de início do trabalho de Freire.<hr/>Abstract The present work proposes an examination of the humanistic critical theoretical foundation of educator and thinker Paulo Freire, regarding it as a guideline of his view on liberation. The work begins by contextualizing the personal, historical, political and philosophical scene that characterized the beginning of Freire's work and his choice to work with the marginalized sectors of Brazilian society. The second part delineates key concepts that support his theoretical approach. Next, questions regarding the roll intellectuals play according to Freire in educational/social contemporary contexts are brought into consideration. The articles concludes by demonstrating how elements developed in this article lead us back to Freire's original notion of radicalness inside humanization, also a part of his first thoughts. <![CDATA[The monitor of the Program More Education: towards a conceptual definition]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-73072016000100111&lng=en&nrm=iso&tlng=en Resumo Este trabalho debate a caracterização da literatura sobre os educadores que se dedicam às práticas educativas não escolares, especificamente os monitores das escolas municipais de Jataí-GO que atuam no Programa Mais Educação. Buscou-se compreender o monitor como educador social inserido nas práticas educativas não formais promovidas pela implementação do Programa Mais Educação, bem como a terminologia empregada, o campo de trabalho, as atividades desenvolvidas e a formação desse profissional. A construção metodológica desta compreensão utilizou-se de aportes teóricos vários e do estudo comparado da revisão da literatura com os documentos oficiais do programa. Com a finalidade de comprovar ou contestar o encontrado na pesquisa bibliográfica, elaboraram-se questões abertas e fechadas, as quais todos os monitores atuantes no Programa Mais Educação das escolas municipais de Jataí-GO responderam. Apresentam-se aqui os dados obtidos. Por meio da pesquisa bibliográfica, documental e da análise dos dados, é possível afirmar que os monitores podem ser entendidos como educadores sociais e são uma categoria que ainda se encontra entre tensões e indefinições, na busca da construção de sua identidade como grupo profissional.<hr/>Abstract This paper discusses the literature on educators who are dedicated to non-school educational practices, specifically monitors that operate in the More Education Program. We seeked to understand the 'monitor' as a 'social educator' inserted in the non-formal educational practices promoted by the implementation of the More Education Program as well as the terminology used in the documents, the job market, the activities developed and the training of these professionals. Based on the litterature, the programme official documents and data analysis of the Jataí-Goiás-Brazil monitors survey, it became clear that the monitors can be understood as social educators who still face uncertainties and tensions as they try to build their identity as a professional group. <![CDATA[Monitorship: a teaching modality that enhances collaborative and self-regulated learning]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-73072016000100133&lng=en&nrm=iso&tlng=en Resumo Este artigo analisa se a monitoria, entendida como uma modalidade de ensino, potencializa a aprendizagem colaborativa e autorregulada dos estudantes universitários. Além do acompanhamento do trabalho de monitoria, desenvolvido em uma Instituição de Ensino Superior, durante um semestre letivo, realizou-se uma entrevista semiestruturada com monitores e professores orientadores e aplicou-se um questionário com os universitários participantes das monitorias. Os dados coletados foram submetidos à análise de conteúdo, e seus resultados evidenciaram que o trabalho realizado foi producente para a aprendizagem autorregulada de monitores e universitários, pois a maior parte desses estudantes aprendeu a utilizar diferentes estratégias de aprendizagem; e que a monitoria tende ao êxito nos espaços universitários, por investir na aprendizagem ativa, interativa, mediada e autorregulada.<hr/>Abstract We sought in this article to examine whether monitorship, understood as a way of teaching, enhance collaborative and self-regulated learning of college students. The study was based on observation of the monitorship work conducted in an Institution of Higher Education, during one semester, semi-structured interviews with monitors and teachers and of a questionnaire answered by college students participating of the monitorship. The data were subjected to content analysis. The results of this analysis showed that the work done was productive for self-regulated learning of monitors and college students since most of the students learned to use different learning strategies. Monitorship thus tends to be a successful tool at the higher education level as it promotes active, interactive, mediated and self-regulated learning. <![CDATA[Paulo Freire: from denunciation of a banking education to the announcement of a liberating pedagogy]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-73072016000100155&lng=en&nrm=iso&tlng=en Resumo Este artigo procura identificar o sentido da denúncia da educação bancária, realizada por Paulo Freire, e apontar suas implicações para o anúncio de uma educação libertadora sobre o corpo dos educadores. A partir das obras do educador, busca-se discutir, num primeiro momento, a denúncia da educação bancária, e, num segundo momento, o anúncio de uma pedagogia libertadora freireana: problematizadora e conscientizadora. Para a análise interpretativa dos dados, lançou-se mão da hermenêutica como metodologia de pesquisa em Educação. Como resultado, verificou-se que, quando Freire faz o anúncio de uma pedagogia libertadora, ele não está apenas propondo outra realidade possível, mas, também, está fazendo a denúncia de uma educação opressora, vista como uma negação do corpo na prática pedagógica. Por fim, uma educação libertadora só se efetivará quando o educador/educando oprimido se conscientizar, reconhecendo o opressor hospedado no seu corpo. Será o educador/educando livre, portanto, a partir da práxis e da humanização de si e dos outros.<hr/>Abstract In this paper, we aim to identify the meaning of the denunciation in the banking education, idealized by Paulo Freire, as well as to point out the implications of a liberating education for the the education of educators. First, the article discusses the denunciation of banking education, as it appears in his work entitled Pedagogy of the Oppressed (2005) and also in his books Pedagogy of Indignation (2000) and Education and Actuality Brazilian (2003). Secondly, this paper discusses the announcement of a liberating pedagogy idealized by Paulo Freire: problematization and critical consciousness, based on theoretical arguments of Paulo Freire, approached in Awareness (2001b), Cultural Action for Freedom (2002a) and Education as the Practice of Freedom (2009). Using hermeneutic as a research methodology, we showthat, when Freire makes the announcement of a liberating pedagogy, he is not only proposing another possible reality, but also he is making the denunciation of an oppressing education, seen as a denial of the body in the pedagogical practice. Finally, a liberating education only will become effective when the oppressed educator-educating become aware, recognizing that the oppressor is been hosted into your own body. They will be free, therefore, from the praxis and their self-humanization and others. <![CDATA[The Geography in the curriculum policy: when the integrated curriculum reaffirms thediscipline]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-73072016000100179&lng=en&nrm=iso&tlng=en Resumo Este artigo focaliza a interdisciplinaridade como expressão de um dos sentidos de currículo integrado nas políticas para o Ensino Médio. Buscando desenvolver tal investigação, analisam-se documentos oficiais: Parâmetros, Orientações complementares aos Parâmetros e Orientações Curriculares Nacionais, com atenção à disciplina Geografia. A partir da abordagem ao ciclo de políticas de Ball, discutimos os textos oficiais como representações de um conjunto mais amplo das políticas de currículo. Com Goodson, analisa-se a relação entre as disciplinas acadêmica e escolar, tendo em vista discursos em defesa da interdisciplinaridade. Problematiza-se a influência da comunidade disciplinar na definição das políticas para Geografia, ao argumentar que, apesar de proposta como via de integração curricular, a interdisciplinaridade tende a ser ressignificada como característica da ciência geográfica nos textos específicos, possibilitando que, de forma híbrida, o discurso disciplinar seja apoiado pela ideia de integração curricular.<hr/>Abstract This paper focuses on interdisciplinarity as one of the meanings of integrated curriculum in the high school curriculum policy. We analyze the Brazilian Curriculum Parameters and the National Curricular Proposals regarding Geography. Based on Ball´s policy cycle approach, we treat the documents as representations of a whole ensemble of curriculum policy. Based on Goodson, we analyze the relationship between the academic discipline and the school subject, considering the interdisciplinarity discourse. We discuss how the disciplinary community influences the Geography curriculum policy, and how the interdisciplinarity tends to be seen as characteristic of the Geographic Science. In this case, the integrated discourse, in a hybrid way, supports the disciplinary discourse. <![CDATA[Curriculum strategies]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-73072016000100197&lng=en&nrm=iso&tlng=en Resumo O presente artigo apresenta resultados parciais de uma pesquisa em andamento que tem como objetivo investigar as especificidades curriculares em espaços escolares e não escolares. Este escrito objetiva, especificamente, problematizar um dos espaços escolares conveniados, uma escola pública brasileira, buscando as propostas de currículos ali desenhadas e produzidas. Utiliza-se como metodologia aproximações da genealogia de Michel Foucault e Gilles Deleuze, com o intuito de visibilizar a rede discursiva, os jogos de poder, a produção de currículos específicos e os modos de relação presentes no campo empírico. Que relações seriam possíveis mobilizar nos movimentos curriculares desse espaço escolar? Entende-se, a partir da análise realizada, que os modos atuais de currículo, escola e escolarização não são naturais, mas construções históricas permanentemente refeitas. Dessa maneira, apontam-se movimentos de captura dentro da organização escolar investigada e linhas de fuga que possibilitam aberturas para outras experiências curriculares.<hr/>Abstract This paper discusses curriculum specificities in a Brazilian school in order to identify curriculum proposals designed and produced there. Genealogy has been our methodological option, in approximation to Michel Foucault's and Gilles Deleuze's thoughts to evidence the discursive network, games of power, production of specific curricula and kinds of relationships found in the empirical field. Which relationships could be mobilized in the curriculum movements in that place? The analysis enabled us to understand that the current kinds of curriculum, school and schooling are not natural; rather, they are historical constructions that have been recently redone. The study points out capturing movements in the organization of the investigated school and lines of flight that would favor other curriculum experiences. <![CDATA[Nominata]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-73072016000100213&lng=en&nrm=iso&tlng=en Resumo O presente artigo apresenta resultados parciais de uma pesquisa em andamento que tem como objetivo investigar as especificidades curriculares em espaços escolares e não escolares. Este escrito objetiva, especificamente, problematizar um dos espaços escolares conveniados, uma escola pública brasileira, buscando as propostas de currículos ali desenhadas e produzidas. Utiliza-se como metodologia aproximações da genealogia de Michel Foucault e Gilles Deleuze, com o intuito de visibilizar a rede discursiva, os jogos de poder, a produção de currículos específicos e os modos de relação presentes no campo empírico. Que relações seriam possíveis mobilizar nos movimentos curriculares desse espaço escolar? Entende-se, a partir da análise realizada, que os modos atuais de currículo, escola e escolarização não são naturais, mas construções históricas permanentemente refeitas. Dessa maneira, apontam-se movimentos de captura dentro da organização escolar investigada e linhas de fuga que possibilitam aberturas para outras experiências curriculares.<hr/>Abstract This paper discusses curriculum specificities in a Brazilian school in order to identify curriculum proposals designed and produced there. Genealogy has been our methodological option, in approximation to Michel Foucault's and Gilles Deleuze's thoughts to evidence the discursive network, games of power, production of specific curricula and kinds of relationships found in the empirical field. Which relationships could be mobilized in the curriculum movements in that place? The analysis enabled us to understand that the current kinds of curriculum, school and schooling are not natural; rather, they are historical constructions that have been recently redone. The study points out capturing movements in the organization of the investigated school and lines of flight that would favor other curriculum experiences.