Scielo RSS <![CDATA[Scientia Agricola]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=0103-901619980002&lang=en vol. 55 num. 2 lang. en <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <![CDATA[<b>IRRADIAÇÃO DE RESÍDUOS FIBROSOS COM FEIXES DE ELÉTRONS</b>: <b>EFEITOS NA COMPOSIÇÃO QUÍMICA E DIGESTIBILIDADE</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161998000200001&lng=en&nrm=iso&tlng=en Amostras de bagaço de cana e resíduos de cultura de arroz e algodão foram irradiadas com feixes de elétron, em acelerador industrial tipo Dynamitron para verificar os efeitos da dose de irradiação na digestibilidade da matéria seca e na composição química e estrutural. Os tratamentos consistiram na aplicação de 200, 400, 600, 800 e l000kGy com ou sem aplicação de amônia gasosa para o bagaço de cana e 200kGy com e sem amônia para os resíduos de cultura. Após os tratamentos, o material foi seco e moído para a análise bromatológica completa. A digestibilidade in situ foi medida pela técnica envolvendo sacolas de náilon. As análises estruturais foram realizadas por microscopia óptica e eletrônica. A irradiação produziu uma redução nos conteúdos de fibra bruta e fibra detergente neutro (P&lt;0.01). O teor de compostos fenólicos aumentou com a dose aplicada, sugerindo quebras na estrutura do complexo lignocelulósico. Verificou-se um aumento na digestibilidade com o incremento da dose. Para o bagaço de cana, as doses mais elevadas produziram um incremento de 24 unidades em digestibilidade em relação ao material não tratado; para os restos de cultura os aumentos foram menores. Pela análise estrutural, verificou-se que doses de 800 e l000kGy produziram fragmentação no bagaço de cana. Nas amostras referentes à cultura de arroz e algodão, observou-se alguma alteração celular e separação de fibras com 200kGy. Concluiu-se que a irradiação por elétrons levou a alterações significativas na composição química, estrutural e na digestibilidade de resíduos fibrosos. A utilização de biomassa irradiada como complemento na alimentação aos ruminantes parece ser promissora.<hr/>Samples of sugarcane bagasse, rice and cotton residues were irradiated with various doses (200, 400, 600, 800 and l000kGy) in an electron accelerator with or without anhydrous gaseous NH3 post-treatment, to evaluate the effects of irradiation on dry matter digestibility and on their chemical and physical properties. After irradiation, samples were dried and ground for chemical analysis. Dry matter digestibility was determined with the nylon bag technique. Structural analysis was performed using light and electron microscopy. Crude fiber and neutral detergent fiber significantly decreased (P&lt;0.01) for irradiated samples. Phenolic contents increased with the applied dose indicating that lignin was decomposed. Dry matter digestibility increased with increasing dose. An increase of 24 digestibility units was observed for bagasse at highest dose. Based on microscopy, fragmentation of sugarcane bagasse was observed at 800-1000kGy and some celular alterations occurred at 200kGy for rice and cotton residues. lt was concluded that irradiation caused significant changes on chemical and physical properties and on digestibility of fibrous residues. Utilization of irradiated biomass for animal feed appears promising. <![CDATA[<b>CONSIDERAÇÕES A RESPEITO DE FUNÇÕES ESTIMÁVEIS FORNECIDAS PELO PROC GLM DO SAS PARA DADOS DESBALANCEADOS</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161998000200002&lng=en&nrm=iso&tlng=en o procedimento GLM do sistema estatístico SAS apresenta quatro tipos de somas de quadrados para testar hipóteses sobre dados desbalanceados. Essas somas de quadrados são obtidas a partir de funções estimáveis construídas pelo SAS. Os mecanismos usados para a construção desses quatro tipos de funções estimáveis são aqui discutidas e ilustradas, passo a passo, em exemplos numéricos.<hr/>The General Linear Models Procedure (PROC GLM) of the Statistical Analysis Sistem (SAS), presents four types of sums of squares for testing hypothesis on unbalanced data. These sums of squares are obtained from estimated functions built by SAS. The used mechanisms for the building up of these four types of estimated functions are illustred and discussed with numerical examples, step by step. <![CDATA[<b>EFICIÊNCIA RELATIVA DE FONTES DE FÓSFORO DE DIFERENTES SOLUBILIDADES NA CULTURA DO ARROZ </b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161998000200003&lng=en&nrm=iso&tlng=en Foi realizado um experimento em casa de vegetação com arroz, para verificar se os fosfatos solúveis em ácido cítrico a 2% ou citrato de amônio apresentam a mesma eficiência agronômica que os fosfatos solúveis em água e comparar a eficiência dos extratores de resina e Mehlich com a disponibilidade de fósforo no solo. As fontes testadas foram superfosfatos simples (SPS), multifosfato magnesiano (MFM), termofosfato magnesiano (TFM), fosfato de Araxá (FA) e fosfato de Gafsa (FG), nas doses de 0, 50 e 150mg P/dm3. Na dose de 50mg P/dm3 as fontes apresentaram índice de eficiência agronômica (IEA), em relação ao SPS (IEA = 100%), de 106%, 98%, 95% e 16%, respectivamente para o MFM, TFM, FG e FA. Na maior dose (150 mg P/dm3) os IEA foram de 86%, 82%, 84% e 22% para as fontes na mesma ordem, sendo as três primeiras estatisticamente iguais ao SPS, demonstrando que os fosfatos solúveis em ácido cítrico ou citrato apresentaram eficiência agronômica similar à de fosfatos solúveis em água. Comparando-se a resina trocadora de íons e o extrator de Mehlich como extratores de P do solo, observou-se que a resina forneceu as melhores correlações entre o fósforo do solo e produção de matéria seca (r = 0,82 resina e r = 0,08 Mehlich) e quantidade de fósforo absorvido pelas plantas de arroz (r = 0,89 resina e r = 0,15 Mehlich).<hr/>A greenhouse experiment was conducted with rice aiming to evaluate the agronomic efficiency of phosphates soluble in citric acid 2% or ammonium citrate, as compared to the water soluble phosphates and to compare the efficiency between the extractors of resin and Mehlich with the available soil phosphorus. The sources tested were Simple superphosphate (SSP), Magnesium multiphosphate (MP), Magnesium thermophosphate (TP), Araxá rock phosphate (AP) and Gafsa rock phosphate (GP), at the rates of 0, 50 and 150 mg P/dm3. The agronomic efficiency indices (AEI) for the 50 mg rate were 106%, 98%, 95% and 16% respectively for MP, TP, GP when compared to a standard AEI of 100% for SSP. At the higher rate, AEI were, of the same order, 86%, 82%, 84% and 22%, the first three being statistically equivalent to SSP, showing similar efficiencies when compared to water-soluble phosphates. Furthemore, in comparing ion-exchange resin and Mehlich as soil phosphate extractors, the resin was observed to have a much better correlation between soil phosphorus and a) dry matter yield (r = 0,82 resin and r = 0,08 Mehlich) b) phosphorus uptake by rice plants (r = 0,89 resin and r = 0,15 Mehlich). <![CDATA[<b>O PESSEGUEIRO NO SISTEMA DE POMAR COMPACTO</b>: <b>VIII. CARACTERIZAÇÃO DE CULTIVARES E SELEÇÕES PARA DIFERENTES DENSIDADES POPULACIONAIS</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161998000200004&lng=en&nrm=iso&tlng=en Caracterizou-se no período de 1991-94, na Estação Experimental de Monte Alegre do Sul (22o41'S; 46o43'W e 40 HF-7), IAC, o desenvolvimeento de treze pessegueiros e cinco nectarineiras, cultivados em três lotes contíguos, nos espaçamentos adensados de 4m x 0,5m; 4m x 1m; e 4m x 1,5m, correspondendo a 5000, 2500 e 1667 indivíduos por hectare respectivamente. As copas das plantas foram podadas drasticamente, a cada dois anos, após a colheita. Registrou-se o número de nós de gemas por metro de ramo e de gemas vegetativas e floríferas por nó e a porcentagem de pegamento, o ciclo de crescimento, a massa e a época de colheita dos frutos. Os maiores índices de desenvolvimento foram verificados em Talismã, Aurora-1, Aurora-2, Jóia-1, Tropical e Flordaprince, registrando-se acima de 40 nós de gemas por metro de ramo, 2,50 gemas vegetativas e floríferas por nó e 40% de frutificação efetiva. Os dois últimos cultivares, além de IAC 282-24, se apresentaram como os mais precoces, amadurecendo os frutos com 80 - 85 dias após a floração, com colheitas entre fins de setembro e início de outubro. Os frutos com maior massa foram encontrados em Douradão, ultrapassando a média de 120 gramas nas três densidades populacionais. O sistema de pomar compacto, com poda drástica bienal das copas, não alterou as características principais dos cultivares e seleções, notando-se, apenas, tendência de redução de alguns parâmetros fisiológicos nos espaçamentos mais adensados.<hr/>Thirteen peach and five nectarine cultivars and selections were evaluated by biennial drastic pruning at spacings of 4m x 0.5m; 4m x 1.0m and 4m x 1.5m corresponding to densities of 5,000; 2,500 and 1,667 plants per hectare, respectively. The experimental area was located in Monte Alegre do Sul (22o41'S; 46o43'W and 40 hours below 7oC) State of São Paulo, Brazil. From 1991 to 1994 seven phenological variables were recorded: bud density based on the average number of buds per meter of branch and flower and leaf buds per node, fruit set, fruit development period, fruit weight and harvest season. The best vegetative and reprodutive development was observed in Talismã, Aurora-1, Aurora-2, Jóia-1, Tropical and Flordaprince, presenting the following values: above 40 nodes per meter, 2.50 flower and leaf buds per node and 40% of fruit set. The earliest ripening cultivar: Flordaprince, Tropical and IAC 282-24 ripened in late September to early October between 80 and 85 days after full bloom. The fruit weigths were higher in Douradão, above 120 g for the three planting densities. All the peaches and nectarines adapted very well to the meadow orchard system, on biannual drastic pruning. <![CDATA[<b>ESTABELECIMENTO <i>IN VITRO</i> DE PORTA-ENXERTOS DE VIDEIRA ATRAVÉS DE ÁPICES MERISTEMÁTICOS E SEGMENTOS NODAIS</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161998000200005&lng=en&nrm=iso&tlng=en Visando aumentar a eficiência de estabelecimento in vitro dos porta-enxertos de videira `Jales' e `Campinas', foram conduzidos alguns experimentos com ápices meristemáticos e segmentos nodais, retirados de brotações de estacas lenhosas. Foram testadas diversas concentrações de 6-benzilaminopurina (BAP) em meio de cultura MS com a metade da concentração de sais. O efeito desta citocinina foi marcante sobre o crescimento dos explantes. O aumento da concentração de BAP estimulou o crescimento e expansão foliar dos ápices meristemáticos e das gemas axilares até a concentração de 10µM. O uso de 20µM de BAP reduziu o crescimento dos segmentos nodais. Conclui-se que o estabelecimento dos porta-enxertos pode ser realizado em meio MS, com a metade da concentração de sais, suplementado com 10µM de BAP.<hr/>Aiming to increase the efficiency of in vitro establishment of grapevine rootstocks `Jales' and `Campinas', some experiments were carried out with shoot tips and nodal segments, taken from shoots of hardwood cuttings. Several 6-benzylaminopurine (BAP) concentrations were tested in MS medium with half salt strength. This cytokinin had a markedly effect on the explant growth. The increase of BAP concentration stimulated growth and foliar expansion of shoot tips and axillary buds up to 10µM. The use of 20µM, BAP led to a reduced growth of nodal segments. It was concluded that rootstock establishment can be done in an half strength MS medium supplemented with 10µM of BAP. <![CDATA[<b>RESÍDUOS DE FENITROTION EM FRUTOS E FOLHAS DE TOMATEIRO (<i>Lycopersicon esculentum </i>Mill) ESTAQUEADO </b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161998000200006&lng=en&nrm=iso&tlng=en Estudou-se o comportamento dos resíduos de fenitrotion em frutos e folhas de tomateiro estaqueado, através de cromatografia gasosa. O experimento de campo foi instalado quando as plantas tinham 90 dias após o transplante das mudas, e constou de quatro tratamentos: (1) uma aplicação de fenitrotion em dosagem simples, de 100 g i.a./100 litros de água, (2) uma aplicação em dosagem dobrada, de 200 g i.a./100 litros de água, (3) quatro aplicações espaçadas de sete dias, na dosagem simples e (4) testemunha. As amostras de fruto e folha foram colhidas um dia antes da aplicação (-1) e aos zero , 1, 2, 3, 5, 7 e 14 dias após. Basicamente, a metododogia para análises dos resíduos dos frutos e das folhas constou da extração com acetona e partição em clorofórmio; limpeza dos extratos em coluna de florisil (no caso de folhas) e eluição procedida com benzeno. As determinações quantitativas foram feitas por cromatografia gasosa, usando-se detector fotométrico de chama com filtro específico para fósforo. Os resíduos nas folhas foram sempre maiores do que os dos frutos (cerca de 80 vezes, em média) durante todo o período de colheita das amostras. Os valores de meia-vida de degradação de fenitrotion em frutos e folhas foram: 1,6 a 1,9 e 0,7 a 0,8 dia, respectivamente, mostrando uma diminuição mais rápida dos resíduos em folhas. As meias-vidas de persistência foram semelhantes para os dois substratos: 4,2 a 7,3 e 5,6 a 6,2 dias, respectivamente. Os resíduos encontrados nos frutos logo após a aplicação, foram menores que a tolerância oficial (0,5 ppm) para os tratamentos que utilizaram 100 g i.a./100 litros em uma ou quatro pulverizações espaçadas de sete dias. Uma única aplicação de 200 g i.a./100 litros resultou em resíduos menores que 0,5 ppm, desde um dia após a aplicação.<hr/>The behavior of fenitrothion in fruits and leaves of staked tomato plants was studied with gas chromatography. The field experiment begun when plants had 90 days post-transplant and consisted of four treatments: (1) a single application of fenitrothion at 100 g a.i./100 liters of water; (2) a double dose application of 200 g a.i./100 liters of water; (3) four applications at 7 day intervals at the lower dosage; and (4) control. Fruit and leaf samples were collected one day before application (-1) and at zero, 1, 2, 3, 5, 7 and 14 days post-application. Residual analysis of fruit and leave consisted of acetone extraction and partition with chloroform; extract cleaning in a florisil column and benzene elution (for leaves). Quantitative estimates were obtained in a gas chromatograph, using flame photometric detector, with a special phosphorus filter. Leaf residues were always higher than those in fruits (approximately 80 times), during all sampling intervals. Half-live degradation values of fenitrothion in fruits and leaves were: 1.6 to 1.9 and 0.7 to 0.8 days, respectively. Half-lives of persistence were similiar for both substrates: 4.2 to 7.3 and 5.6 to 6.2 days, respectively. Fruit residues immediately after application were below the official tolerance level (0.5 ppm) for treatments of 100 g a.i./100 liters in one or four weekly applications. A single application of 200 g a.i./100 liters resulted in residual levels lower than 0.5 ppm after one or more days post-application. <![CDATA[<b>ASPECTOS ANATÔMICOS DO ENRAIZAMENTO DA VIDEIRA MUSCADÍNIA (<i>Vitis rotundifolia</i> Michx.) ATRAVÉS DE ALPORQUIA </b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161998000200007&lng=en&nrm=iso&tlng=en A multiplicação das videiras é comumente realizada através de processos vegetativos como a estaquia e a enxertia, os quais nem sempre apresentam resultados satisfatórios, especialmente para as espécies de difícil enraizamento, comprometendo a produção comercial. A uva muscadínia (Vitis rotundifolia Michx.) é considerada uma planta difícil de enraizar. Sua propagação através da estaquia mostra que o emprego de reguladores vegetais proporciona pouco ou nenhum benefício ao enraizamento das estacas. Atualmente, a alporquia em frutíferas vem se apresentando como um método de propagação que proporciona um bom enraizamento, aliado à aplicação de reguladores vegetais. Este trabalho procurou avaliar a eficiência do processo de alporquia com relação ao enraizamento da uva muscadínia bem como estudar a anatomia dos calos e das raízes adventícias. Pode-se concluir que a prática do anelamento mostra-se mais efetiva em proporcionar o enraizamento do que a retirada de lascas. A adição de ácido naftalenacético não afetou significativamente o enraizamento. As raízes adventícias apareceram nas proximidades da região cambial, nas regiões nodais e internodais dos ramos. Não ocorreu a formação de raízes diretamente do calo. O tecido do calo caracterizou-se por ser meristematicamente ativo e não apresentar amido.<hr/>The propagation of grapes is ordinarily carried out by vegetative methods like cuttings and graftings, which not always present satisfactory results, especially for those species with low rooting ability, endangering the commercial production. The muscadine grape (Vitis rotundifolia Michx.) is considered recalcitrant for rooting. Its propagation by cuttings shows that growth regulators have few or no benefits on rooting. Nowadays, air-layering is reported as a propagation method that promotes good rooting when combined with the application of growth regulators. This work aimed to evaluate the efficiency of air-layering process in relation to muscadine grape rooting, as well as to study the callus and the adventitious root anatomy. The results showed that the practice of ringing is more successfull than the bark retreating for rooting. The addition of naphtalene acetic acid did not affect significantly the rooting. The adventitious roots appeard close to the cambial area at the node and internode branch regions. There was no root formation from callus tissue. Its tissue was characterized by meristematic activity and absence of starch. <![CDATA[<b>TÉCNICA DE MEDIÇÃO DE ÁREA FOLIARCONSUMIDA POR INSETOS ATRAVÉS DE DIGITALIZADOR DE IMAGENS </b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161998000200008&lng=en&nrm=iso&tlng=en Este trabalho teve por objetivo verificar a viabilidade do uso de digitalizador de imagens manual, acoplado a um microcomputador, para a avaliação do consumo de folhas de soja, por lagartas de 5o instar de Anticarsia gemmatalis Hübner (Lep.: Noctuidae), em comparação com o método de pesagem e do planímetro, baseando-se na eficiência dos métodos e no tempo gasto para a avaliação. Os testes foram realizados utilizando-se folhas de soja `IAC 8' e lagartas criadas em dieta artificial. Foram realizados 2 tipos de teste: 1o) oferecimento de folíolos inteiros de soja às lagartas e, 2o) oferecimento de disco de folhas de área conhecida. No 1o teste comparou-se o método de pesagem com o digitalizador de imagens ("scanner"); no 2o experimento foram comparados o método do planímetro com o digitalizador de imagens que emprega o programa PCXAREA. Os resultados obtidos demonstraram que não existem diferenças nas medições de folíolos e discos de soja consumidos por A. gemmatalis quando comparados os métodos tradicionais (planímetro e pesagem) e o de digitalização de imagens. A medição com o digitalizador reduziu o tempo de avaliação em 88,5% e 87%, em relação ao planímetro e método de pesagem, respectivamente, sendo plenamente viável a sua utilização.<hr/>The viability of the use of an image analyzer (scanner), was compared with the use of leaf weight and planimeter techniques, to measure leaf area consumption by insects. The tests were conducted with 5th instar Anticarsia gemmatalis Hübner (Lep.: Noctuidae) larvae reared on artificial diet. Soybean leaves (cultivar "IAC - 8") were offered to velvetbean caterpilars held in Petri dishes. Two experiments were conducted in a completely randomized design: (1) with whole soybean leaves, and (2) with leaf disks. The image analyzer use was compared with the leaf weight method in the first experiment and with the planimeter. The image data was analyzed with PCXAREA software. There were no significant differences between the image analyzer and the standard techniques. The evaluation time with image analyzer reduced by 88.5 and 87% the time consumed with planimeter and leaf weight methods, respectively. Based on the results, it is concluded that the use of a scanner is viable for measuring leaf area consumption by insects. <![CDATA[<b>EFEITO DA TEMPERATURA NO PARASITISMO DE <i>Trichogramma pretiosum</i> Riley, 1879 SOBRE OVOS DE <i>Sitotroga cerealella</i> (Olivier, 1819)</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161998000200009&lng=en&nrm=iso&tlng=en Avaliou-se o efeito da temperatura no parasitismo de Trichogramma pretiosum Riley, 1879 sobre ovos de Sitotroga cerealella (Olivier, 1819), para sua utilização em criações massais e/ou para o controle biológico desta traça de grãos armazenados. Os parasitóides foram mantidos sob as temperaturas de 18, 20, 22, 25, 30 e 32°C, durante 48 horas, com umidade relativa de 60±10% e fotofase de 14 horas, em todas as condições. O parasitismo foi avaliado pela contagem do número de ovos pretos (característica do parasitismo) e pelo número de parasitóides emergidos. As altas temperaturas foram favoráveis ao desempenho de T. pretiosum que, a 30°C teve 97,6% das fêmeas parasitando, com uma média de 18,8 ovos parasitados em 48 horas e com uma viabilidade de 88,5%.<hr/>The effect of temperature was evaluated on egg parasitization of the angoumois grain moth, Sitotroga cerealella (Olivier, 1819), by Trichogramma pretiosum Riley, 1879 as a basis for mass production of T. pretiosum or biological control of S. cerealella in stored corn T. pretiosum parasitization was studied under six constant temperatures (18, 20, 22, 25, 30, and 32°C) and was evaluated through the counting number of darkened eggs (parasitization characteristic) and the number of emerged parasitoids. The highest temperatures were the best for T. pretiosum parasitization. At 30°C, 97.6% of the females were effective on parasitization with an average of 18.8 S. cerealella eggs per female during the first 48 h period and a high parasitoid emergence (88.5%). <![CDATA[<b>AVALIAÇÃO DE GENÓTIPOS DE CENTEIO, TRITICALE, TRIGO COMUM E TRIGO DURO QUANTO À TOLERÂNCIA AO ALUMÍNIO EM SOLUÇÃO NUTRITIVA </b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161998000200010&lng=en&nrm=iso&tlng=en Estudou-se o comportamento diferencial entre 9 genótipos de centeio, 2 de triticale, 5 de trigo comum (Triticum aestivum L.) e um de trigo duro (Triticum durum L.), empregando-se soluções nutritivas arejadas, com concentrações de alumínio (0, 3, 6, 10, 15 e 20 mgL-1), à temperatura constante de 25 ± 1oC e pH 4,0. A tolerância foi medida pela capacidade das raízes primárias continuarem a crescer em solução sem alumínio, após 48 horas em solução contendo uma concentração conhecida de alumínio. Todos os cultivares de centeio Branco, Bagé, FA (In Chansti), Soron, Padrela, Montalegre, Vila Pouco de Aguiar, Gimonde e Lamego e os cultivares de trigo BH-1146 e IAC-227 foram considerados muito tolerantes, por exibirem crescimento radicular após o tratamento em solução contendo 20mgL-1 de Al3+. Os genotipos de centeio Padrela, Montalegre e Vila Pouco de Aguiar foram os mais tolerantes, em função dos seus maiores índices de tolerância relativa. Os cultivares de triticale IAC-1 e CEP-15 e os cultivares de trigo comum IAC-5 e IAC-24 apresentaram uma tolerância intermediária, exibindo crescimento da raiz primária na presença de 15 mgL-1 de Al3+, porém não a 20. Os cultivares Anahuac (trigo comum) e Yavaros "S" (trigo duro) mostraram-se sensíveis ao Al3+ , não apresentando crescimento das raízes primárias após tratamento em soluções contendo 3 mgL-1 de Al3+.<hr/>Nine rye genotypes, two triticale, five bread wheat and one durum wheat were studied for aluminum tolerance in aerated nutrient solutions with six different levels of aluminum (0, 3, 6, 10, 15 and 20 mgL-1), under constant temperature at 25 ± 1oC and pH 4.0. Aluminum tolerance was evaluated by measuring the root growth in an aluminum-free complete nutrient solution after a treatment of 48 hours in an aluminum solution. All the rye cultivars Branco, Bagé, FA (In Chansti), Soron, Padrela, Montalegre, Vila Pouco de Aguiar, Gimonde and Lamego and the wheat cultivars BH-1146 and IAC-227 were considered tolerant because they showed root growth after treatment in solution containing 20 mgL-1 of Al3+. The rye genotypes Padrela, Montalegre and Vila Pouco de Aguiar were considered the most tolerant according to the index of relative tolerance. The triticale cultivars IAC-1 and CEP-15, and the bread wheat cultivars IAC-5 and IAC-24 presented an intermediate tolerance, showing root growth in the presence of 15 mgL-1 of Al3+, but no growth was found in the presence of 20. The cultivars Anahuac (bread wheat) and Yavaros "S" (durum wheat) were sensitive to Al3+, showing no root growth after treatment in solution containing 3 mgL-1 of Al3+. Key Words: rye, triticale, bread wheat, durum wheat, aluminum, toxicity <![CDATA[<b>DISPONIBILIDADE DE FÓSFORO PARA PLANTAS DE ARROZ AVALIADA POR EXTRATORES QUÍMICOS</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161998000200011&lng=en&nrm=iso&tlng=en Avaliou-se a disponibilidade de fósforo para o arroz, em casa de vegetação, em um solo ácido e com deficiência de P. Utilizou-se 0,5 dm3 de solo, cinco fontes de fósforo (fosfato natural Alvorada-FNA, fosfato monoamônico-MAP, superfosfato simples-SFS, superfosfato triplo-SFT, e termofosfato magnesiano-TM), três doses (100, 200 e 300 mg P dm-3 de solo), uma testemunha e 10 plantas de arroz por vaso. Analisou-se o fósforo do solo por três extratores: Mehlich-1, Olsen e resina. Os fertilizantes aumentaram significativamente a produção de matéria seca em relação à da testemunha. A máxima produção foi alcançada com MAP e SFS na dose 200 mg P dm-3 de solo. A matéria seca, a porcentagem de P e o P absorvido foram correlacionados com os teores de fósforo extraídos do solo pelos três extratores, os quais apresentaram diferenças na extração de P. O extrator Olsen destacou-se dos outros (Mehlich-1 e resina), mostrando-se mais eficiente em predizer a disponibilidade de P para o arroz.<hr/>Phosphorous avaliability to rice plants was evaluated in an experiment under greenhouse conditions using an acid and low phosphorus soil. Five fertilizers (Alvorada rock phosphate-FNA, amonion monophosphate-MAP, simple superphosphate-SFS, triple superphosphate-SFT and magnesium termophosphate-TM), three rates (100, 200 and 300 mg P dm-3 of soil), one control and ten plants of rice/pot were used. Phosphorus in soil samples were analized using the following extractants: Mehlich-1, Olsen and resin. Dry matter, P content and P absorved by the shoot were correlated with the P recovered by the three chemical methods. The MAP and SFS at the rate of 200 mg P dm-3 of soil, allowed the highest dry matter accumulation in above ground parts of rice plants. The MAP and SFS at the rate of 200 mg P dm-3 of soil, allowed the highest dry matter in above ground parts of rice plants. Differences among soil chemical P-extractants and a positive correlation with the evaluated parameter were observed. Olsen's extractants showed were the best correlation with rice response to rates and sources of P. <![CDATA[<b>EFEITO DO BENEFICIAMENTO DE SEMENTES DE TREMOÇO AZUL SOBRE SUAS QUALIDADES FÍSICA, FISIOLÓGICA E SANITÁRIA </b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161998000200012&lng=en&nrm=iso&tlng=en As escassas informações, referentes ao beneficiamento de sementes de Lupinus angustifolius (L.), motivaram a avaliação dos efeitos da ação dos equipamentos sobre as qualidades física, fisiológica e sanitária do lote de sementes processado. O estudo, realizado com sementes de tremoço azul cv. IAPAR 24, considerou tratamentos obtidos no processamento, isolado e conjunto, em máquina de ventilador e peneiras e mesa de gravidade. Foram avaliados os rendimentos das máquinas e as qualidades sanitária, física e fisiológica das sementes processadas. Concluiu-se que, o uso da mesa gravitacional, associado ou não ao da máquina de ventilador e peneiras, proporciona ganhos qualitativos às sementes de tremoço.<hr/>The evaluation of the effects of processing seeds of blue lupine on their physical, physiological and pathological quality was performed due to the lack of available information. Seeds of blue lupine cv. IAPAR 24 were processed using the air screen cleaner and the gravity table, individually or in sequence. The efficiency of the equipments was measured and the seed physical, physiological and pathological qualities were evaluated. The gravity table individually or in association with air screen cleaner contributed to improve the quality of blue lupine seeds. <![CDATA[<b>UTILIZAÇÃO DO TESTE DE CONDUTIVIDADE ELÉTRICA PARA PREVISÃO DO POTENCIAL GERMINATIVO DE SEMENTES DE INGÁ</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161998000200013&lng=en&nrm=iso&tlng=en Sementes de espécies do gênero Inga apresentam curta longevidade em condições naturais, freqüentemente inferiores a 15 dias. O teste de germinação para estas sementes tem duração de 7 a 15 dias, tornando-o de difícil aplicabilidade na separação de lotes de sementes a serem beneficiados e armazenados. Assim, esta pesquisa visou verificar a eficiência da utilização do teste de condutividade elétrica na separação, quanto à qualidade fisiológica, de lotes de sementes de ingá (Inga uruguensis Hook. &amp; Arn.). Foram utilizados três lotes de sementes distintos quanto à sua época de coleta, cada qual com dois sublotes em função da forma de obtenção (colheita diretamente nas árvores e coleta sobre o solo). Todos foram armazenados por período de 80 dias, em vermiculita úmida dentro de câmara fria, com análises a cada 20 dias. Os resultados comprovaram a eficiência do teste na separação de lotes de alta (germinação superior a 50%), média (germinação entre 10 e 40%) ou baixa (germinação inferior a 10%) qualidade fisiológica que corresponderam a valores de condutividade elétrica de, respectivamente, 0-25, 25-60 e acima de 60 mS.g de peso de matéria seca-1.cm-1.<hr/>Inga seeds have short life under natural conditions, often lower than 15 days. Since, the germination tests for these seeds last 7-15 days, they are inefficient to separate seed lots for processing and storage. This research was carried out to verify the efficacy of the electrical conductivity test to determine the physiological seed quality of I. uruguensis. Fruits were collected at three dates, directly from the trees or from the ground, forming six sublots of different quality. All of them were stored for 80 days in wet vermiculite and in a cold chamber. Seed quality was evaluated every 20 days. The results confirmed the test efficacy to separate of seed lots in three categories: high (more than 50% germination), intermediate (germination between 10 and 40%) and poor (less than 10% germination) qualities that corresponded, respectively, to 0-25, 25-60 and up 60 mS.g of dry weight-1.cm-1. <![CDATA[<b>ALTURA DE VÔO DAS ABELHAS AFRICANIZADAS (<i>Apis mellifera </i>L.) PARA COLETA DE ALIMENTOS </b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161998000200014&lng=en&nrm=iso&tlng=en O presente trabalho foi realizado com o objetivo de verificar até que altura as abelhas africanizadas deslocam-se para a coleta de alimentos e se existe preferência destas abelhas por alguma altura. Instalou-se, num eucalipto de mais de 30m, um sistema de roldana que possibilitava a colocação de armadilhas a diferentes alturas, para a captura dos insetos que ali fossem se alimentar. As médias do número de abelhas coletadas em sete alturas (de 0 a 30m) decresceram com o aumento da altura e o melhor ajuste foi o de um polinômio linear. No detalhamento da primeira altura (0-5m), que apresentou a maior concentração de abelhas, o melhor ajuste foi o de um polinômio de segundo grau, com um máximo entre 1 e 2m, apesar da maior media observada corresponder à altura de 3m. Não ocorreram diferenças (P&gt;0,05) entre as médias do número de abelhas coletadas nos períodos da manhã e da tarde.<hr/>The present work was carried out to study the maximum flight height that Africanized bees reach in order to collect their food, and if there is preference for a particular height. In an eucaliptus tree, more than 30m tall, a pulley system was fixed which permitted to hang traps at different heights in order to catch insects that fly there looking for food. The mean number of bees caught at seven different heights (from zero to 30m) decreased with height and the best fit obtained was for a linear polinomial. The details of the first height (0-5m), which presented the highest bee concentration, presented a best fit using a second degree polinomial, with a maximum between 1 and 2m, although the greatest observed value corresponded to the height of 3m. There was no difference (P&gt;0.05) between the number of bees caught in the morning and in the afternoon. <![CDATA[<b>ENRAIZAMENTO DE ESTACAS LENHOSAS DE CULTIVARES DE AMEIXEIRA (<i>Prunus</i> spp.), EM CONDIÇÕES DE CAMPO </b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161998000200015&lng=en&nrm=iso&tlng=en O presente trabalho foi conduzido com o objetivo de avaliar o efeito de duas concentrações (0 e 3.000ppm) do ácido indolbutírico (AIB) no enraizamento de estacas de ramos de sete cultivares de ameixeira (All Producer, Ace, Sangal, Roxa de Itaquera, Frontier, Reubennel e Beauty), coletadas de plantas com 8 anos de idade. O experimento foi conduzido em Pelotas, RS, com estacas lenhosas obtidas dos ramos do último período de crescimento e instalado em condições de campo, em junho de 1994. Os resultados obtidos foram bastante variáveis entre as cultivares. Todavia, não observou-se influência estatisticamente significativa do AIB no enraizamento das estacas. Utilizando-se AIB nas cultivares Ace, Sangal e Roxa de Itaquera, obteve-se percentuais de enraizamento superiores a 60%. Para as cultivares All Producer e Frontier obteve-se o máximo de enraizamento de 25,7 e 20,2%, respectivamente. Para a cultivar Beauty os percentuais de enraizamento obtidos na ausência de AIB e com 3000ppm foram de 37,3 e 21,2%, respectivamente. Para a cv. Reubennel, embora não tenha sido verificada influência significativa do AIB, o percentual de enraizamento obtido com a concentração de 3.000ppm foi bastante superior ao obtido na ausência do mesmo, 30,1 e 6,2% de enraizamento.<hr/>The present work was conducted to evaluate the effect of two concentrations (0 and 3,000ppm) of indolbutyric acid (IBA) on the rooting of cuttings of seven plum cultivars (All Producer, Ace, Sangal, Roxa de Itaquera, Frontier, Reubennel and Beauty), excised from 8-year plants. The experiments were performed in Pelotas, RS, Brazil, and cuttings were taken from the stems of the last growth period and taken to field begining July 1994. The results varied strongly among cultivars. There was no significant influence of IBA on the emission of roots. In the cultivars Ace, Sangal and Roxa de Itaquera, the rate of rooting was above 60% with 3,000ppm of IBA. For the cultivars All Producer and Frontier the maximum were 25.7 and 20.2% of rooting, respectively. In the cultivar Beauty the percentage of rooting without and with 3,000ppm of IBA were 37.3 and 21.2%, respectively. For the cultivar Reubennel, although not showing significant influence of IBA, the percentual of rooting in the concentration for 3,000ppm (30,1%) was much higher than that obtained with no IBA, (6,2%). <![CDATA[<b>EFEITO DO ESPAÇAMENTO ENTRE PLANTAS E DA ARQUITETURA VARIETAL NO COMPORTAMENTO VEGETATIVO E PRODUTIVO DA MANDIOCA</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161998000200016&lng=en&nrm=iso&tlng=en Com o objetivo de avaliar o comportamento vegetativo e produtivo de três cultivares de mandioca (Manihot esculenta Crantz) em relação à arquitetura da parte aérea, em quatro espaçamentos, realizou-se experimento de outubro de 1993 a julho de 1994, em solo Podzólico Vermelho Escuro Latossólico, do Município de Piracicaba, SP. Os cultivares SRT 59 com ramificação baixa em ângulo aberto, IAC 576-70 com ramificação alta em ângulo fechado e IAC 1287 sem ramificação, foram conduzidos sob os espaçamentos de 1,0 m x 0,4 m; 1,0 m x 0,6 m; 1,0 m x 0,8 m e 1,0 m x 1,0 m. O experimento foi delineado em blocos ao acaso com parcelas subdivididas, onde os espaçamentos representam as parcelas e os cultivares subparcelas. Cada parcela foi constituída por 4 linhas de 10 plantas, utilizando-se as 16 plantas centrais para obtenção de resultados relativos às seguintes propriedades: estandes inicial e final de plantas; número de hastes por planta; abertura de ramificação; diâmetro da haste principal e rendimento de raízes. Concluiu-se que: 1) cultivares que se ramificam e espaçamentos menores favorecem o fechamento precoce das copas; 2) menores espaçamentos reduziram o ângulo de ramificação e o diâmetro da haste principal nos cultivares que se ramificam; 3) menores espaçamentos aumentam o rendimento dos cultivares que não se ramificam.<hr/>An experiment was carried out in order to evaluate the vegetative and productive behavior of three cultivars of cassava (Manihot esculenta Crantz) related to the above ground architecture, in four planting spacings. The research was carried out in Piracicaba, State of São Paulo, Brazil from October 1993 to July 1994, on a Rhodic Kandindox soil. The treatments constituted of cultivars SRT 59 (Branca de Santa Catarina), IAC 576-70 and IAC 1287 (Fibra), described as low and open-angle branching, high and close-angle branching and no or late branching, respectively. Each treatment had three subtreatments of planting spacings: 1.0 m x 1.0 m; 1.0 m x 0.8 m, 1.0 m x 0.6 m and 1.0 m x 0.4 m, arranged in randomized blocks with subdivided plots and four replications. Each subplot was constituted of 4 lines with 10 plants each. Evaluations were performed on the 16 central plants of each subplot. The branching cultivars and the smallest planting spacings favored canopy closure. Smaller the planting spacings closer the branching angle and smaller the diameter of the primary stems for the branching cultivars the smaller the planting spaces the higher the root yield for the no branching cultivars. <![CDATA[INFLUÊNCIA DE HERBICIDAS APLICADOS EM CONDIÇÕES DE PÓS-EMEGÊNCIA NO CRESCIMENTO DA PLANTA E FIXAÇÃO SIMBIÓTICA DO NITROGÊNIO NA CULTURA DO AMENDOIM]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161998000200017&lng=en&nrm=iso&tlng=en Foi realizado experimento em Ribeirão Preto, SP, com o objetivo de avaliar a necessidade de inocular sementes de amendoim (Arachis hypogaea L. cv Tatu) e o efeito de herbicidas aplicados em pós-emergência no crescimento da planta, na nodulação, na fixação simbiótica do nitrogênio e na produtividade. O experimento foi em parcelas subsubdivididas com as parcelas principais dispostas em blocos ao acaso, com quatro repetições. Nas parcelas estudou-se o efeito da inoculação das sementes. Nas subparcelas, além do tratamento testemunha, aplicou-se os herbicidas fomesafen (250 g/ha), lactofen (192 g/ha), fluazifop-p-butil (187 g/ha), haloxifop-metil (240 g/ha) e a mistura fomesafen (250 g/ha) + fluazifop-p-butil (187 g/ha). Não houve efeito de herbicidas na massa seca de raiz. A parte aérea apresentou maior massa seca quando aplicou-se os latifolidicidas especialmente lactofen. A nodulação foi afetada apenas aos 28 DAT; a massa seca e o número de nódulos foram prejudicados pela aplicação de fluazifop-p-butil. A inoculação das sementes aumentou a atividade da nitrogenase tendo o tratamento inoculado fixado mais nitrogênio. Logo após a aplicação dos herbicidas, a atividade da nitrogenase foi reduzida sendo os graminicidas mais prejudiciais. Não houve resposta na produtividade de grãos quanto a inoculação não havendo necessidade de inocular as sementes em áreas onde ocorre população autóctone. A produtividade de grãos de amendoim respondeu à aplicação de herbicidas sendo que os melhores resultados foram obtidos com a mistura dos herbicidas e com os latifolidicidas.<hr/>Seed inoculation need and post-emergence herbicide effects, in the presence of endemic rhizobia population, were studied on plant growth, nodulation, symbiotic nitrogen fixation and grain yield of peanut (Arachis hypogaea L. cv Tatu) in a dark red latosol of Ribeirão Preto, SP, Brazil. The experiment was a split-plot design with the main plots arranged in a randomized complete block design with four replications. The effect of seed inoculation with recommended strains was studied in the main plots. Within each plot the effect of the herbicides was studied: fomesafen (250 g/ha), lactofen (192 g/ha), fluazifop-p-butyl (187 g/ha), haloxifop-methyl (240 g/ha) and fomesafen (250 g/ha) + fluazifop-p-butyl (187 g/ha) mixture applied in post-emergence. There was no herbicide effect on root dry weight. The shoot dry weight was higher when fomesafen, and mainly lactofen, were applied. Nodulation was affected only at 28 DAT, and nodule dry weight and nodules number were adversely affected by fluazifop-p-butyl. Inoculation treatment affected nitrogenase activity, which was higher with inoculated seed treatment. Symbiotic nitrogen fixation decreased four hours after herbicide treatment, fluazifop-p-butyl and haloxifop-methyl having been the most depressive. Seed inoculation did not affect grain yield indicating there is no need of this treatment when there is endemic rhizobia population. Peanut grain yield was affected by herbicides. The highest grain yield was observed with fomesafen + fluazifop-p-butyl mixture and with fomesafen and lactofen. <![CDATA[<b>UNA ALTERNATIVA PARA DETECTAR OBSERVACIONES INFLUYENTES EN FUNCIONES DE PRODUCCIÓN UNIVARIADAS</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161998000200018&lng=en&nrm=iso&tlng=en En muchas aplicaciones agrícolas o biológicas, se ajustan modelos basados en funciones de producción Yi = (Xi, <FONT FACE="Symbol">q</font>) + e para un conjunto de variables predictoras Xj j = 1,. . . , k y un vector parámetros <FONT FACE="Symbol">q</font>. En este trabajo se presenta una alternativa para detectar observaciones influyentes, cuando la función de producción es univariada y la estimación de los parámetros se realiza por el método de Gauss - Newton.<hr/>Em muitas aplicações agrícolas ou bilógicas, ajustam-se modelos baseados em funções de produção Yi = (Xi, <FONT FACE="Symbol">q</font>) + e, para um conjunto de variáveis preditoras xj , j=1,..., k e um vetor de parâmetros <FONT FACE="Symbol">q</font>. Neste estudo apresenta-se uma alternativa para detectar observações influentes, quando a função de produção é univariada e a estimação dos parâmetros é executada através do método de Gauss-Newton.<hr/>Models of production functions Yi = (Xi , <FONT FACE="Symbol">q</font>) + e, with explanatory variables xj , j=1,..., k and a parameter vector <FONT FACE="Symbol">q</font> are used in agricultural and biological areas. In the present work we present an alternative to detect influent observations, when the production function is univariate and the Gauss-Newton method is used to estimate the parameters. <![CDATA[<b>ON THE ESTIMATION AND PREDICTION IN MIXED LINEAR MODELS</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161998000200019&lng=en&nrm=iso&tlng=en Beginning with the classical Gauss-Markov Linear Model for mixed effects and using the technique of the Lagrange multipliers to obtain an alternative method for the estimation of linear predictors. A structural method is also discussed in order to obtain the variance and covariance matrixes and their inverses.<hr/>Através do modelo linear clássico de Gausss-Markov caracterizado como modelo de efeitos mistos, aplicou-se a tecnologia dos multiplicadores de Lagrange para obter um método alternativo de estimação de preditores lineares. Além disso, é proposto um critério estrutural simples para a obtenção das matrizes de variâncias, covariâncias e de suas inversas. <![CDATA[<b>EFEITO DA APLICAÇÃO PRÉVIA DE ETHEPHON EM AMEIXEIRA (<i>Prunus salicina</i> Lindl) E DO IBA NO ENRAIZAMENTO DE SUAS ESTACAS </b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161998000200020&lng=en&nrm=iso&tlng=en O experimento foi realizado em casa de vegetação com nebulização intermitente com o objetivo de verificar o efeito do ethephon, aplicado às plantas, e do ácido indolbutírico no enraizamento de estacas de ramos das cultivares Frontier, Reubennel, Ace, Songold, Beauty e Roxa de Itaquera. As plantas foram pulverizadas com ethephon (ácido 2-cloroetil fosfônico) nas concentrações de 0 (zero), 50 e 100 mg.l-1. Foram coletados ramos do ano e destes, retirou-se estacas medianas, com comprimento de 15cm e um par de folhas, as quais foram tratadas com ácido indolbutírico (IBA) de formulação líquida nas concentrações de 0 (zero) e 3000 mg.l-1, com tempo de imersão de 5 segundos. As estacas foram acondicionadas em sacos de polietileno contendo vermiculita como substrato. Observou-se que o ethephon aumentou o percentual de enraizamento da cultivar Beauty e o IBA aumentou o percentual de enraizamento das cultivares Roxa de Itaquera, Songold e Beauty. Concluiu-se ainda que existe diferença de potencial de enraizamento entre as cultivares de ameixeira, sendo que apresentaram maior enraizamento as cultivares Frontier e a Ace.<hr/>The work was carried out in a greenhouse with intermitent mist to verify the effect of ethephon (2-chloroetyl phosphonic acid) in plants, applied one week before of branch collection, and later treatment with indolebutyric acid (IBA) on rooting of cuttings of Frontier, Reubennel, Ace, Songold, Beauty and Roxa de Itaquera cultivars. The plants were sprayed with ethephon at 0 (zero); 50 and 100 mg.l-1 concentrations. Branches of the year from eight years old plants were collected and from them median cuttings departed with 15cm lenght and two leaves. Later, they were treated with IBA at 0 (zero) and 3000 mg.l-1 concentrations for 5 seconds immersion. The cuttings were packed in polietylene bags containing vermiculite with substrate. Ethephon increased the rooting percentage of Beauty cultivar and the IBA increased the rooting percentage of Roxa de Itaquera, Songold and Beauty cultivars. Different rooting potential among of plum cultivars was verified and the best ones were Frontier and Ace. <![CDATA[<b>AVALIAÇÃO DE METODOLOGIA ALTERNATIVA PARA O TESTE DE TETRAZÓLIO PARA SEMENTES DE SOJA</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161998000200021&lng=en&nrm=iso&tlng=en Uma metodologia alternativa para o teste de tetrazólio, evidenciou a possibilidade de redução do período de embebição (pré-condicionamento) das sementes de 16 horas à 25ºC para 6 horas à 41ºC. Como a metodologia foi testada, até o momento, em um número limitado de cultivares, permaneceu a dúvida se o procedimento alternativo (6h/41ºC) era aplicável para uma gama maior de cultivares de soja. Assim sendo, executou-se a presente pesquisa onde foram avaliados três períodos de embebição (4h, 6h e 16 horas), duas temperaturas (41ºC e 25ºC) em sementes das cultivares BR-13, EMBRAPA 4, EMBRAPA 48, FT-Abyara, FT-5, IAS 5, OCEPAR 13, OCEPAR 14, OCEPAR 16 e OCEPAR 17. Os seguintes testes foram realizados: grau de umidade e tetrazólio (determinando-se os índices de vigor, viabilidade, dano mecânico, deterioração por umidade e lesão de percevejo). Concluiu-se que: a) o pré-condicionamento das sementes de soja à temperatura de 41ºC por 6 h possibilitou o desenvolvimento de coloração nítida para a leitura do teste de tetrazólio, fornecendo condições para uma avaliação precisa dos índices de vigor e de viabilidade, b) o pré-condicionamento pelo período de 4 h à 41ºC afeta drasticamente o desenvolvimento da coloração das sementes, não permitindo identificar com precisão às classes de vigor e de viabilidade para todas as cultivares testadas; entretanto esse procedimento é eficiente para a caracterização das lesões causadas por percevejos.<hr/>An alternative method of the tetrazolium test established that the preconditioning period of soybean seeds could be successfully shortened from the traditionally 16 hours at 25ºC to 6 hours at 41ºC. Since this alternative method has been tested so far with a limited number of soybean cultivars, it is imperative that it should be tested for additional cultivars. The applicability of this alternative procedure of seed preconditioning was tested in ten soybean cultivars: BR-13, EMBRAPA 4, EMBRAPA 48, FT-Abyara, FT-5, IAS 5, OCEPAR-13, OCEPAR-14, OCEPAR-16, and OCEPAR-17. Two imbibition periods (4 h and 6 h) at 41ºC were tested and compared to the traditionally recommended period for preconditioning. The following tests were carried out: seed moisture content and tetrazolium through determinations of vigor, viability and level of mechanical damage, weathering and sting bug damage. From the results, the following conclusions can be drawn: a) seed preconditioninig for 6h at 41ºC resulted in adequate staining patterns of the seeds, allowing accurate estimates of vigor and viability; b) seed preconditioning for 4 h at 41°C did not develop adequate staining of the seeds, to correctly evaluate vigor and viability of the seeds; however, this procedure was efficient to identify sting bug damage on seeds. <![CDATA[EFEITO DA APLICAÇÃO DE UNICONAZOLE NA CULTURA DE SOJA [(<i>Glycine max</i> (L.) MERRILL CV IAC-17)]]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161998000200022&lng=en&nrm=iso&tlng=en O presente trabalho foi conduzido no campo com o objetivo de estudar os efeitos da aplicação foliar de uniconazole (S-3307D) no início da floração em plantas de soja (Glycine max (L.) Merrill cv IAC-17). As dosagens de uniconazole utilizadas foram: 2,5; 5,0; 10,0 e 20,0 g i.a./ha. O delineamento experimental utilizado foi de blocos ao acaso, com 5 tratamentos contendo 4 repetições cada, sendo o tamanho de cada parcela de 40 m2, totalizando 800 m2 de área experimental. Para a avaliação dos efeitos do S-3307D sobre a produtividade de plantas de soja, foram realizadas as seguintes observações, no momento da colheita: produção (peso em Kg das plantas em 10 m2); número de plantas/10 m2; número de vagens/planta; número de grãos/vagem; peso de 100 grãos (em g); altura da planta (em cm) e número de ramos. A partir dos resultados obtidos pode-se concluir que uniconazole a 10,0 g i.a./ha, foi eficiente em aumentar a produtividade da cultura de soja (Glycine max (L.) Merrill cv IAC-17).<hr/>With the objective of studying the effects of foliar application of uniconazole (S-3307D) on soybean plants (Glycine max (L.) Merrill cv IAC-17), at the beginning of the flowering stage, a field experiment was carried out using uniconazole at the following doses: 2.5; 5.0; 10.0 e 20.0 g a.i./ha. The experimental design consisted of randomized blocks with 5 treatments and 4 replicates; plot size was 10 m2, and the total experimental area 800 m2. The effects of S-3307D on the productivity of soybean plants were evaluated through the following observations, made at harvesting: weight in Kg of plants per 10 m2, number of plants per 10 m2, number of pods per plant, number of seeds per pod, weight of 100 seeds (in grams), height of the plants (in cm) and number of branches. According to the results, it can be concluded that uniconazole at 10.0 g a.i./ha was efficient for increasing the yield of soybean (Glycine max (L.) Merrill cv IAC-17). <![CDATA[<b>QUALIDADE DE SEMENTES DE MILHO (<i>Zea mays </i>L.) SOB CONDIÇÕES DE SECAGEM INTERMITENTE</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161998000200023&lng=en&nrm=iso&tlng=en O trabalho avaliou a remoção de água e a qualidade de sementes de milho submetidas a secagem intermitente rápida e lenta, sob temperaturas do ar de 60oC e 70oC, respectivamente. Para tanto, na safra 94/95 sementes básicas da cultivar IAPAR 26, apresentando 22% de água, foram colhidas com automotriz, em Ponta Grossa - PR, e secadas em secadores comerciais, utilizando-se como tratamento referencial a secagem à sombra até 13% de água. No transcurso das secagens a redução do teor de água das sementes foi monitorado, em intervalos de trinta minutos, para o estabelecimento das velocidades e curvas de secagem. A qualidade fisiológica foi avaliada nas sementes amostradas, antes da secagem, no estágio intermediário e ao final das secagens, através dos testes de germinação, tetrazólio (germinação e vigor) e de envelhecimento artificial. As secagens intermitentes rápida e lenta, com velocidades médias de 1,7 e 2,7% /h, respectivamente, nas temperaturas empregadas, foram eficientes na remoção de água de sementes de milho com alto grau de umidade, não afetando imediatamente, a sua qualidade fisiológica (P &gt; 0,01). Redução da temperatura do ar pode ser recomendada no final do processo, quando o teor de água das sementes aproxima-se de 14%.<hr/>The work evaluated water removal and corn seed quality by "fast" and "slow" intermittent drying, under 60oC and 70oC air temperatures. In 1994/95 IAPAR 26 seeds were harvested with a combined, harvester (22% water content) in Ponta Grossa, Paraná, Brazil. They were dried in commercial dryers, using the shade drying to 13% as referential. The seed water content was monitored during drying, at intervals of thirty minutes, for the establishment of the drying speeds and curves. The physiologic quality was evaluated in the sampled seeds, before drying, at intermidiate times and at the end of drying, through the germination, tetrazolium (germination and vigor) and accelerated aging tests. The drying speed for the "fast" and "slow" dryers were 1.7% and 2.7% /hr, respectively. The dryers were efficient in the removal of corn seed water with high moisture content, not affecting immediately its physiologic quality (P&gt; 0.01). Air temperature reduction can be recommended at the end of the process, when the seeds reach 14% water content. <![CDATA[<b>DESEMPENHO VEGETATIVO E PRODUTIVO DE CULTIVARES DE MANDIOCA (<i>Manihot esculenta</i> Crantz) A PARTIR DE MANIVAS COM DIFERENTES DIÂMETROS</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161998000200024&lng=en&nrm=iso&tlng=en Realizou-se esta pesquisa com a finalidade de se estudar a viabilidade da utilização de manivas com três diferentes diâmetros relacionados a três diferentes posições nas plantas de origem, avaliando-se seus efeitos na emergência, desenvolvimento e produção de três cultivares de mandioca (Manihot esculenta Crantz). A pesquisa no campo foi realizada em dois anos, durante o período compreendido entre 23/09/1980 e 23/07/1981 e entre 01/09/1981 e 20/07/1982, em Piracicaba, SP. Ramas maduras e sadias foram obtidas de plantas com cerca de 12 meses de idade, pertencentes aos cultivares Mantiqueira, Jaçanã e Pirassununga. Destas ramas, foram preparadas manivas com comprimento de 20 cm e diâmetros de 2,6 ± 0,2 cm, 2,0 ± 0,2 cm e 1,4 ± 0,2 cm, representando, respectivamente, manivas retiradas das hastes principais, ramificações primárias e ramificações secundárias das plantas de origem. O delineamento experimental foi um fatorial 3 x 3 em blocos casualizados com nove tratamentos e cinco repetições. Foram determinados a velocidade e porcentagem de emergência, número de raízes tuberosas por planta, massa da raiz e o rendimento de raízes. De acordo com os resultados obtidos pode-se concluir: 1) O vigor da muda de mandioca, expresso através dos diversos diâmetros da maniva, manifesta-se significativamente no estádio de emergência da cultura; 2) Manivas com 2,0 ± 0,2 cm ou 2,6 ± 0,2 cm de diâmetros, retiradas respectivamente das ramificações primárias e hastes principais, devem ser preferidas para maior velocidade e porcentagem de emergência; 3) Menor número de raízes tuberosas produzidas por planta é compensado pela maior massa individual da raiz; 4) Para a produção de raízes por área, é indiferente a utilização de manivas com diâmetro de 2,6 ± 0,2 cm, 2,0 ± 0,2 cm e 1,4 ± 0,2 cm; 5) Os três cultivares utilizados no experimento são de alto rendimento em raízes, destacando-se o cultivar Mantiqueira.<hr/>This research deals with the viability study of using stem cuttings with three different diameters, related to three different positions in the cassava plant (Manihot esculenta Crantz), and evaluating the effects of such stem cuttings on the emergence, velocity, number and weight of tuberous roots per plant and yield of three cassava cultivars. The field research was conducted in Piracicaba, SP, Brazil, during two years, from September 23, 1980 to July 23, 1981, and September 1, 1981 to July 20, 1982. The mature and healthy stem cuttings were obtained from 12 month old plants of the Mantiqueira, Jaçanã and Pirassununga cultivars. These cuttings (20 cm long) were divided into three diameter size classes: 2.6 ± .2 cm, 2.0 ± .2 cm and 1.4 ± .2 cm, representing stem cuttings taken from the main stem, the primary and the secondary ramification of the mother plants, respectively. The experimental design was a 3 x 3 factorial in randomized blocks with nine treatments in five blocks. The following conclusions are based on the results obtained: 1. The stem cutting vigor is more significantly shown in the stage of plant emergence. 2. Refering to the initial phases of the development, stem cuttings with 2.0 ± .2 cm or 2.6 ± .2 cm of diameters are prefered. 3. A smaller number of tuberous root yield per plant is compensated by a major tuberous root weight. 4. Neither stem cutting diameter nor stem cutting position influenced on root production per area. 5. The three cultivars used in the experiment showed a high root yield, and the cultivar Mantiqueira was the most productive. <![CDATA[<b>ABSORÇÃO DE CÁDMIO E CRESCIMENTO DE FEIJOEIRO (<i>Phaseolus vulgaris</i>, L. cv carioca)</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161998000200025&lng=en&nrm=iso&tlng=en A absorção de cádmio e seus efeitos no crescimento de feijoeiro (Phaseolus vulgaris, L. cv carioca) foi estudada em solução nutritiva completa de Hoagland &amp; Arnon acrescida de doses de cádmio com concentrações entre 10 e 200 mmol L-1. Os teores de cádmio em folhas e raízes aumentaram à medida que aumentou a concentração de cádmio na solução nutritiva. Os teores de cádmio nas raízes foram maiores que nas folhas. Os resultados mostraram que a inibição do crescimento de folhas e raízes provocadas pela presença de cádmio são reversíveis.<hr/>Cadmium uptake and its effects on the growth of beans (Phaseolus vulgaris, L. cv carioca) was studied in a complete Hoagland &amp;Arnon nutritive solution, containing cadmium levels ranging from 10 to 200 mmol L-1. The concentration of cadmium in leaves and roots increased as the concentration of cadmium in the solution increased. The cadmium level in roots was greater than in leaves. The inhibition of leave and root growths by cadmium was reversible. <![CDATA[<b>EFEITOS DE STIMULATE E DE MICRO-CITROS NO DESENVOLVIMENTO VEGETATIVO E NA PRODUTIVIDADE DA LARANJEIRA `PÊRA' <i>(Citrus sinensis </i>L. Osbeck) </b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161998000200026&lng=en&nrm=iso&tlng=en Estudou-se o efeito de aplicações do estimulante vegetal Stimulate e do fertilizante foliar Micro-Citrus no número de ramos, comprimento dos ramos, número e caracterização de frutos na colheita da laranjeira `Pêra' (Citrus sinensis L. Osbeck) sobre limoeiro `Cravo'. O experimento foi realizado em condições de campo, num Latossolo Vermelho-Escuro Álico, em Holambra (S.P.), sendo que em 13/02, 22/04 e 17/06/96 foram efetuadas pulverizações com Stimulate (1 L.ha-1, 2L. ha-1 e 4L. ha-1), Stimulate 2L. ha-1 + Micro-Citros e Micro-Citros, além do controle. Realizaram-se seis tratamentos distribuídos em dez árvores inteiramente casualizadas em um pomar uniforme com seis anos de idade. Foram demarcadas quatro ramificações em diagonal, nas quais efetuaram-se determinações biométricas em 22/04 e 23/09/96. Observou-se que Stimulate (1 L. ha-1) aumentou o número de ramos 69 dias após a primeira aplicação, além de incrementar o peso médio dos frutos por árvore, em relação ao controle, na colheita.<hr/>The effects of the plant growth regulator Stimulate and of fertilizer Microcitros applications were evaluated on sprout number, stem length and fruit set of Citrus sinensis L. Osbeck cv. `Pera' sweet orange trees, grafted on `Rangpur' lime, in a Typic Haplorthox soil, in Holambra, São Paulo State, Brazil. On February 13, April 22 and June 17, six year old `Pera' trees were sprayed with Stimulate (1,2 and 4L. ha-1), Stimulate 2L. ha-1 + Micro-Citrus, Micro-Citrus and control treatment. A completely randomized design was used with 10 replications and one tree per plot. Four ramifications were marked in each tree for the biometrical determinations (April 22 and September 23/96). Stimulate (1L.ha-1) increased shoot number 69 days after the 1st. application and increased the mean weight of fruits per tree.