Scielo RSS <![CDATA[Opinião Pública]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=0104-627620140002&lang=es vol. 20 num. 2 lang. es <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <![CDATA[Comportamento eleitoral e estratégia partidária nas eleições presidenciais no Brasil (2002 - 2010)]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-62762014000200157&lng=es&nrm=iso&tlng=es Neste artigo utilizo o Modelo Unificado do Voto de Adams, Merril e Grofman (2005) para compreender melhor o papel das estratégias partidárias e da identificação partidária na decisão do voto. Utilizo o algoritmo NOPP, derivado do trabalho de Adams et al, e os dados do ESEB para verificar as estratégias adotadas pelos candidatos nas três últimas eleições para presidente no Brasil. Enquanto este modelo proporcionou uma boa aproximação da posição dos candidatos do PSDB e de outros partidos que se posicionaram mais ao centro e à direita, ele não foi muito preciso no posicionamento dos candidatos do PT e de outros partidos que se posicionavam mais à esquerda. Isto indica que estes partidos se movem menos pela maximização de votos do que por outros fatores.<hr/>In this article I use the Unified Model of Vote from Adams, Merrill and Grofman (2005) to better understand the role of party strategies and party identification in the voter decision. I use the NOPP algorithm, derived from the work of Adams et al, and data from the ESEB to check the strategies adopted by the candidates in the last three presidential elections in Brazil. While this model provided a good approximation of the position of the PSDB candidates and other parties that were positioned more to the center and right it was not very precise in positioning the PT candidates and other parties that are positioned more to the left. This indicates that these parties move less by maximizing votes than by other factors. <![CDATA[Parlamentares, representação política e redes sociais digitais: perfis de uso do Twitter na Câmara dos Deputados]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-62762014000200178&lng=es&nrm=iso&tlng=es O objetivo do artigo é refletir sobre as formas de uso do Twitter por parte dos parlamentares com mandato vigente na Câmara dos Deputados durante a Legislatura 2011-2015. Pretende-se investigar que fatores levam os representantes a investirem no Twitter como parte de sua estratégia de comunicação política. São examinados os perfis públicos dos 463 deputados com registro no microblog. Tais contas foram monitoradas semanalmente (entre fevereiro e julho de 2012), a partir do software de estatística "R". Os resultados apontam correlações entre o uso da ferramenta e atributos como idade e ocupação de cargos de liderança.<hr/>The article reflects on how members of the Brazilian House of Representatives use Twitter as part of their political communications strategy. We examine all the 463 official accounts registered on Twitter in order to understand the factors that lead legislators to invest in microblogging. Such accounts were weekly monitored (between February and July 2012) by using the statistical software "R". The results points out correlations between the use of Twitter and attributes like age and occupation of leadership positions. <![CDATA[A parte que me cabe nesse julgamento: a Folha de S. Paulo na cobertura ao processo do "mensalão"]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-62762014000200204&lng=es&nrm=iso&tlng=es O artigo analisa a cobertura do jornal Folha de S. Paulo ao julgamento da Ação Penal 470, mais conhecido como julgamento do "mensalão". A partir dele e tendo em mente sua especificidade, discutimos as relações entre a imprensa brasileira e o PT e o modo de organização da pluralidade no jornalismo político no Brasil. Nessa cobertura, a pluralidade corresponde à garantia de espaços restritos para a defesa, circunscrita e autointeressada, de alguns indivíduos diante da narrativa que organiza o noticiário. O noticiário é apresentado, por sua vez, como narrativa colada aos fatos e, como tal, não posicionada. O ângulo apresentado como legítimo para a cobertura é naturalizado ao mesmo tempo em que as posições em disputa, que implicariam recortes distintos para a produção do noticiário, são excluídas ou domesticadas como reações aos fatos. Na cobertura analisada, o partidarismo encontra sua expressão na prevalência da dimensão moral da política no discurso jornalístico.<hr/>This article analyses the role of one of the main Brazilian newspapers, Folha de S. Paulo, in the understanding of Penal Action 470 - the judgment by Brazilian supreme court of important members of Brazilian Workers' Party for their involvement in corruption during the first government of Lula da Silva. It discusses the relationship between press and PT in Brazil and, also, the way plurality is organized in Brazilian political journalism. In the news here discussed, plurality equals guarantees for a restricted defense of some individuals in face of the narrative that organizes the coverage. While a circumscribed defense is presented as self-interested, that narrative is presented as nonpartisan and stuck to the facts. The angle presented as legitimate in the news is naturalized while conflicting positions are excluded or domesticated as reactions to the facts. Partisanship has its expression, then, in the prevalence of the moral dimension of politics. <![CDATA[Padrões distintos de bem-estar no Brasil: uma análise temporal]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-62762014000200219&lng=es&nrm=iso&tlng=es O objetivo do artigo é mostrar a existência de diferentes mundos de bem-estar no Brasil. Sugerimos aqui tanto a existência de distintos mundos de bem-estar entre os estados brasileiros quanto uma mudança fundamental em nosso sistema de proteção social no período posterior à Constituição de 1988. A conclusão é que a discrepância entre os mundos de bem-estar encontrados nos estados nos permite dizer que no Brasil há categorias distintas de cidadãos, com acessos diferenciados a serviços básicos. Os estados apresentam distintos legados e, portanto, distintas trajetórias nas três décadas analisadas, mas há uma tendência à convergência nesse bem-estar. Essa heterogeneidade se traduz em padrões distintos de segurança social. Para isso, a metodologia utilizada foi basicamente análise descritiva através de séries temporais e análise de conglomerado.<hr/>The objective of this paper is to show the existence of different worlds of welfare in Brazil. We suggest that as the existence of distinct worlds of welfare across Brazilian states as a fundamental change in welfare after the 1988 Constitution. The conclusion is the discrepancy between the worlds of welfare found between states allows us to say that in Brazil there are distinct categories of citizens, with differentiated access to basic services. We also show that states have different legacies and therefore different trajectories in the three decades analyzed, but there is a trend towards convergence in welfare. This heterogeneity is reflected in distinct patterns of social welfare. For this, the methodology used was basically a descriptive analysis based in time series and cluster analyses. <![CDATA[Desenho institucional e promoção da justiça em espaços participativos: implicações em um estudo de caso]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-62762014000200252&lng=es&nrm=iso&tlng=es Do conjunto de estudos sobre os impactos do Orçamento Participativo (OP), uma linha de investigação tem apontado seu potencial redistributivo, compreendendo-o como a concretização da equidade e do princípio da diferença, elementos estruturantes da concepção de justiça de John Rawls. Assim, este artigo averigua se esse potencial se concretizou na experiência de OP de Biguaçu-SC. Constata-se, diante do cruzamento dos dados de investimento per capita com o Índice de Vulnerabilidade Social (IVS) por região, que, em partes, a experiência promoveu a justiça, porém, essa promoção esteve limitada pela mudança no desenho institucional da experiência, que impactou diretamente na redução da equidade.<hr/>Among the studies on the Participatory Budgeting (PB) impacts, a line of research has shown its redistributive potential, comprehending it as the consolidation of equality and the difference principle, framework elements of the conception of justice, by John Rawls. Assim, esse trabalho consistiu em averiguar se esse potencial se concretizou na experiência de OP de Biguaçu-SC.&lt;}0{&gt;Therefore, this article aimes to verify if this potential was achieved in the PB experience of the city of Biguaçu in Santa Catarina, Brazil.&lt;0} {0&gt;Constatou-se, diante do cruzamento dos dados de investimento per capita com o Índice de Vulnerabilidade Social (IVS) por região, que, em partes, a experiência promoveu a justiça. Porém, essa promoção esteve limitada pela mudança no desenho institucional da experiência, que impactou diretamente na redução da equidade.&lt;}0{&gt;The study proves through cross tabulation of the per capita investiment and the Social Vulnerability Index (SoVI) per region, that, in part, the experience promoted justice. However, this promotion was limited by the changes in the institutional design of the experience, which caused a direct impact on the equality reduction. <![CDATA[Engajamento cívico e capital social: um modelo interativo para o efeito da confiança interpessoal]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-62762014000200273&lng=es&nrm=iso&tlng=es A teoria do capital social enfatiza a confiança interpessoal como um facilitador da cooperação entre os indivíduos, crucial para a formação de organizações autônomas da sociedade civil e para o engajamento dos cidadãos em questões de interesse público. Em que pese a centralidade da confiança para o conceito de capital social, pesquisas empíricas recentes têm demonstrado que o seu efeito sobre a participação cívica é, na melhor das hipóteses, fraco. Este artigo propõe um modelo empírico interativo, onde o efeito da confiança interpessoal é condicionado por elementos motivacionais da participação (expectativas de benefícios e percepções de custos). Usando dados do British Election Study (BES) de 2005, um survey conduzido no Reino Unido, testo o efeito condicional da confiança sobre a disposição dos indivíduos a se engajarem em diferentes tipos de ações coletivas. Os resultados apontam que o efeito condicional da confiança varia não apenas de acordo com variáveis motivacionais, mas, também, com o tipo de engajamento em questão.<hr/>Social capital theory emphasizes interpersonal trust as a facilitator of cooperation among individuals, crucial for the formation of autonomous associations within civil society and for the engagement of citizens in public affairs. Despite the importance of trust for the concept of social capital, recent empirical research has been demonstrating that its effect on civic participation is weak, at best. This paper suggests an interactive model, where the effect of trust is conditioned by motivational aspects of participation (expectations of benefits and perceptions of costs). Using data from the 2005 British Election Study (BES), a survey conducted in the United Kingdom, I test the conditional effect of interpersonal trust on individuals' willingness to engage in different types of collective action. The findings point to a conditional effect of trust that varies not only according to motivation variables, but also depending on the type of engagement <![CDATA[Terrorismo e Estados Falidos: uma análise de discurso crítica]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-62762014000200291&lng=es&nrm=iso&tlng=es Mediante aportes conceituais da Análise de Discurso Crítica de Norman Fairclough, o artigo analisa a política externa norte-americana durante o governo George W. Bush (2001-2008). De forma mais precisa, a partir da leitura de documentos oficiais selecionados, objetiva-se averiguar a construção discursiva das ameaças aos EUA, com ênfase em três pontos: a construção de identidades em torno do terrorismo transnacional e dos chamados Estados Falidos; a recepção e a reprodução do discurso e como estes sentidos influenciariam a ação política norte-americana; e como tais elementos contribuem para justificar a atuação internacional dos EUA. Ademais, em termos teóricos e metodológicos, espera-se contribuir ao demonstrar os potenciais da Análise de Discurso Crítica para o estudo das Relações Internacionais.<hr/>Using Norman Fairclough´s Critical Discourse Analysis, this article aims at analyzing U.S. foreign policy under George W. Bush (2001-2008). Therefore, after the reading of official documents, we intend to study the discursive construction of new threats against the United States, with particular focus on three issues: first, the construction of identities around transnational terrorism and the so-called failed states; secondly, the reception and reproduction of this discourse and how these specific meanings affected U.S. political action; and how these elements are connected to the strategies of U.S foreign policy in the post-Cold War era. Finally, concerning theoretical and methodological issues, we expect to underline the potential of Critical Discourse Analysis to the study of International Relations.