Scielo RSS <![CDATA[REAd. Revista Eletrônica de Administração (Porto Alegre)]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=1413-231120120002&lang=en vol. 18 num. 2 lang. en <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <![CDATA[<b>Commitment, well-being and satisfaction of management professors at a federal university</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-23112012000200001&lng=en&nrm=iso&tlng=en As pesquisas sobre o comprometimento organizacional, o bem-estar e a satisfação no trabalho vêm sendo realizadas com êxito na área de Psicologia Organizacional. Novos estudos sinalizam uma possível interdependência entre estes construtos. O objetivo precípuo desta pesquisa foi investigar as relações entre comprometimento organizacional, bem-estar e satisfação no trabalho, através de um censo realizado com os 104 professores de Administração de uma Universidade Federal, com taxa de resposta de 78%. Trata-se de uma pesquisa de campo, explicativa-descritiva, possuindo caráter transversal e natureza quantitativa. Os resultados mostraram que os professores apresentaram bons níveis de realização no trabalho e afetos positivos prevalentes em relação aos afetos negativos; declararam-se satisfeitos no trabalho quanto à chefia, aos colegas e à natureza do trabalho. O comprometimento organizacional normativo foi o único que contribuiu para a explicação da satisfação com o salário. O comprometimento organizacional calculativo contribuiu para a explicação dos fatores satisfação com a chefia e satisfação com as promoções. Finalmente, o comprometimento organizacional afetivo foi o principal preditor do bem-estar e da satisfação no trabalho. Este trabalho contribuiu tanto para a produção acadêmica das áreas de Psicologia e Comportamento Organizacional, quanto para a tomada de decisão quanto às políticas de gestão dos professores pesquisados, na perspectiva de que docentes e discentes possam desfrutar de um melhor ambiente de aprendizagem e produção do conhecimento.<hr/>Research on organizational commitment, well-being and job satisfaction have been performed successfully in the field of Organizational Psychology. New studies indicate a possible interdependence between these constructs. The main objective of this research was to investigate the relationships between organizational commitment, well-being and job satisfaction, through a census conducted with 104 professors of Management at a Federal University, with a response rate of 78%. This survey consists of an explanatory-descriptive study, having transversal and quantitative nature. The results showed that teachers had good levels of achievement at work and positive affect predominant over negative affect; they also expressed their satisfaction at work on the bosses, colleagues and the nature of work. The normative organizational commitment was the only one who contributed to the explanation of satisfaction with salary. The calculative organizational commitment has contributed to the explanation of the factors leading to satisfaction and satisfaction with the promotions. Finally, affective organizational commitment was the main predictor of well-being and job satisfaction. This work contributed to both the academic field of Organizational Behavior, as for decision making regarding the management policies of the professors surveyed, with the expectation that both professors and students can enjoy a better environment for learning and knowledge production.<hr/>Las investigaciones sobre el comprometimiento organizacional, el bien estar y la satisfacción en el trabajo continúan a realizarse con éxito en el área de la Psicología Organizacional. Nuevos estudios señalan una posible interdependencia entre estos constructos. El objetivo mayor de esta investigación fue estudiar las relaciones entre comprometimiento organizacional, bien estar y satisfacción en el trabajo, por medio de un censo realizado con los 104 profesores de Administración de una Universidad Federal, con índice de respuestas de 78%. Se trata de una investigación de campo, explicativa-descriptiva, poseyendo carácter transversal y naturaleza cuantitativa. Los resultados mostraran que los profesores presentaran buenos niveles de realización en el trabajo e afectos positivos prevalentes en relación a los afectos negativos; se declararan satisfechos en el trabajo cuanto a los jefes, a los colegas e a la naturaleza del trabajo. El comprometimiento organizacional normativo fue el único que contribuyó para la explicación de la satisfacción con el salario. El comprometimiento organizacional calculativo contribuyó para la explicación de los factores satisfacción con los jefes y satisfacción con las promociones. Finalmente, el comprometimiento organizacional afectivo fue el principal predictor del bien estar e de la satisfacción en el trabajo. Este trabajo contribuyó tanto para la producción académica de las áreas de Psicología y Comportamiento Organizacional, cuanto para la domada de decisión frente a las políticas de gestión de los profesores investigados, en la perspectiva de que docentes y discentes puedan desfrutar de un ambiente mejor de aprendizaje y producción de conocimiento. <![CDATA[<b>The use of business game and simulation in undergraduate business programs in Bahia state</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-23112012000200002&lng=en&nrm=iso&tlng=en Este artigo apresenta um panorama sobre a utilização dos jogos de empresas na graduação em Administração pelas Instituições de Ensino Superior (IES) do estado da Bahia. Observa-se um crescente interesse de professores, no País e no Estado, na aplicação de jogos para a formação profissional do administrador. O aumento do interesse por essa técnica pode ser decorrente, entre outras origens, dos muitos benefícios que a literatura demonstra para seus usuários. Nesse artigo é desenvolvida uma revisão teórica dessa literatura buscando os seus conceitos centrais, a origem dos jogos e sua utilização no Brasil e no mundo. Em um segundo momento, apresenta-se dados de um levantamento realizado com 47 coordenadores de cursos de Administração de IES baianas sobre suas experiências institucionais com o uso da técnica. Optou-se por uma abordagem quantitativa com a utilização de estatísticas descritivas (frequência, média e desvio-padrão), constatando que 44,7% das IES da Bahia aplicam o jogo para a formação de administradores. Igualmente, pode-se verificar que esta utilização deve crescer nos próximos cinco anos para 63,8%, por causa dos elevados índices de satisfação com a aplicação e o mais alto grau de concordância com os aspectos favorecedores do que com os dificultadores à adoção do jogo. Finalmente, dois pontos se destacam como críticos a uma aplicação mais ampla dos jogos de empresas nos cursos de Administração no Estado da Bahia: o custo de aquisição e a oferta de simuladores eletrônicos.<hr/>This paper presents an overview about the use of business simulation and games in undergraduate business programs in Bahia State, Brazil. The increasing interest about this technique can be originated, among others facts, on the many benefits that the specialized literature shows for its users. In this article a theoretical review on this literature is developed searching its central concepts, its origins and its use in Brazil and in the world. Some empirical data are presented from a survey with 47 under-graduation coordinators and directors from Bahian Institutions about their experience with business simulation and games by their lectures and professors. A quantitative approach using descriptive statistics (frequency, means and standard deviation) showed that 44.7% of the Bahian Institutions apply this kind of techniques. It shows also that business simulation practices are expected to grow in next five years, for 63, 8 % due to high satisfaction indications on its application. Finally, two aspects appeared as very important ones to a higher level of business simulation and games application in Management courses in Bahia: the acquisition cost and the availability of electronic simulations. <![CDATA[<b>Organizational socialization</b>: <b>a comparative study among Brazilian and norwegian civil servants</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-23112012000200003&lng=en&nrm=iso&tlng=en O estudo foi delineado com vistas a identificar os resultados de socialização organizacional de servidores atuantes em duas universidades públicas, de diferentes países (Brasil e Noruega), e compará-los numa perspectiva de análise transcultural. As amostras foram constituídas de professores e funcionários técnico-administrativos de uma universidade brasileira (N=72) e de uma universidade norueguesa (N=63). Na obtenção dos dados foi utilizado o Inventário de Socialização Organizacional (ISO) e uma ficha sociodemográfica. Considerando que os respondentes são provenientes de diferentes culturas, os procedimentos de análise dos dados foram precedidos de testes para a verificação da ocorrência de diferentes estilos de resposta entre os mesmos. Para a identificação e comparação dos resultados de socialização organizacional foram estimadas as médias nos fatores do ISO, aplicados testes t para a comparação das médias e realizados testes ANOVA para verificar a ocorrência de diferenças significativas nos níveis de socialização organizacional em função da nacionalidade e da ocupação. Com base nos achados obtidos, observou-se que os servidores noruegueses, de modo geral, relataram maior integração às pessoas do que os servidores brasileiros e estes, por sua vez, tenderam a resultados mais satisfatórios de integração à organização. Notou-se, ainda, um efeito interativo entre nacionalidade e ocupação nos resultados de socialização organizacional, de forma que uma homogeneidade nos níveis de socialização de servidores docentes e técnico-administrativos foi verificada somente na universidade norueguesa, sendo expressivas as diferenças nos níveis de socialização dos servidores, em ocupações distintas, na universidade brasileira. Além disso, os funcionários técnico-administrativos noruegueses tenderam a se mostrar mais socializados do que os brasileiros, ao passo que, entre estes últimos, os docentes demonstraram uma socialização mais satisfatória comparativamente aos noruegueses. Atentando para os diferentes contextos em que se inserem as duas universidades estudadas, reflexões acerca de possíveis influências das orientações culturais nos resultados foram tecidas.<hr/>The aim of the study was to analyze the organizational socialization outcomes among civil servants at two public universities, from different countries (Brazil and Norway), comparing the results obtained in a cross-cultural perspective. The samples were composed of professors and technical-administrative employees at a Brazilian university (N=72) and a Norwegian university (N=63). The data collection instruments used were the Organizational Socialization Inventory (OSI) and a sociodemographic form. Data analysis was preceded by a number of tests to verify possible distinct response styles among the respondents, as they came from different cultures. Descriptive analysis, t-tests and ANOVA were performed to identify and compare organizational socialization outcomes. The results showed that the Norwegian civil servants, in general, reported better integration to people compared to Brazilians, which tended to be more integrated to organization than Norwegians. It was also observed and interaction effect between nationality and occupation, so that only among Norwegians civil servants in distinct occupations the organizational socialization outcomes were homogeneous. At the Brazilian university, professors related to be more socialized than technical-administrative employees. Furthermore, Norwegian technical-administrative employees tended to be more socialized than their Brazilian counterparts, while Brazilian professors showed better socialization outcomes comparatively to Norwegian professors. Given the different contexts in which the two universities operate, some considerations about cultural orientations and their possible influence in the findings were proposed. <![CDATA[<b>The use and effectiveness of modern manufacturing practices</b>: <b>a survey of the Brazilian industry</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-23112012000200004&lng=en&nrm=iso&tlng=en O trabalho buscou caracterizar a adoção, a intensidade do uso, a efetividade e as perspectivas de uso futuro de um conjunto de doze práticas de gestão do trabalho e da produção: Reengenharia de Processos, Terceirização, Parceria na Cadeia de Suprimentos, Cultura de Aprendizagem, Empowerment, Trabalho em Equipe, Manutenção Produtiva Total, Engenharia Simultânea, Tecnologia Integrada por Computador, Célula de Produção, Produção Just-in-time e Gestão da Qualidade Total. Para tanto, foi realizado um survey por meio de entrevistas telefônicas com diretores ou gerentes de produção de 220 empresas industriais com mais de 150 empregados, localizadas em todo o território nacional. Os resultados apontam o uso amplamente difundido do conjunto antes referido de práticas, que foram introduzidas, sobretudo, a partir da última década do século XX e que são avaliadas pelos gestores de forma bastante positiva, em função dos impactos positivos gerados em termos de qualidade, custos e velocidade de resposta. A pesquisa traça um panorama geral da utilização dessas práticas, fornecendo elementos para estudos intensivos que possam aprofundar a compreensão sobre causas e efeitos dos resultados encontrados.<hr/>This work seeks to characterize the adoption, intensity of use, effectiveness and the perspective of future use of a group of twelve work and production management practices: Outsourcing; Business Process re-engineering; Supply Chain Management; Learning Culture; Empowerment; Team Based Work; Total Productive Maintenance; Concurrent Engineering; Production Cell; Just in Time; Total Quality Management; Integrated Computer-based Technology. A nationwide sample of 220 companies, with more than 150 employees, of the different industrial sectors was used. Data collection was done by phone interviews with production managers and directors. The findings point toward a broad use of the practices, which have been introduced during the last decade, based on a very good evaluation on its impact over costs, quality and responsiveness. This research also provides a comparative scenario of a nationwide perspective with similar research projects which might deepens the comprehension of the phenomena here described.<hr/>El trabajo buscó caracterizar la adopción, la intensidad de uso, la eficacia y las perspectivas de uso futuro de un conjunto de doce prácticas de gestión del trabajo y la producción: Reingeniería de Procesos, Outsourcing, asociación, cadena de suministro, cultura de aprendizaje, Capacitación, Trabajo en equipo, Mantenimiento Productivo Total, Ingeniería Concurrente, Tecnología Integrada, Informática, Producción de la célula, la producción, Just-In-Time y Gestión de la Calidad Total. Para ello, se realizó un survey por medio de entrevistas telefónicas con los directores o gerentes de producción de 220 empresas industriales con más de 150 empleados en todo el país. Los resultados indican el uso generalizado del conjunto de las prácticas antes mencionadas, que fueron introducidos principalmente de la última década del siglo XX son evaluados por los gerentes sobre la base de los resultados positivos generados en términos de calidad, cuesto y velocidad de respuesta. Esta investigación presenta una visión general del uso de esas prácticas, proporcionando evidencia para estudios intensivos que se puede profundizar en el conocimiento de causas y efectos de los resultados encontrados. <![CDATA[<b>How to be a man and be beautiful? An exploratory study on male practices of consumption of beauty</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-23112012000200005&lng=en&nrm=iso&tlng=en Mudanças recentes vêm afetando as fronteiras de gênero: masculinidade e feminilidade mostram, em muitas situações, delimitações tênues. Porém, muitos ideais tradicionais de gênero persistem no subconsciente do indivíduo (Goldenberg, 2000). A identidade masculina é construída a partir da negação - negando atributos relacionados à mulher, à criança ou ao homossexual - e aqueles que se consideram fora do padrão dominante de masculinidade ainda demonstram medo de serem vistos como homossexuais (Badinter, 1993, e outros). O consumo de beleza está associado ao desejo de promover um aumento da atratividade física e a obtenção dos benefícios sociais correspondentes (Bloch e Richins, 1992). Como a atratividade física é considerada um elemento central da feminilidade, o consumo de práticas de beleza costuma ser maior entre as mulheres. A identidade de gênero masculina está associada a menor preocupação com a aparência, assim, os homens estão menos inclinados a adotarem práticas de beleza. Neste contexto, como pesquisar o tema beleza entre os homens? O objetivo deste estudo exploratório foi contribuir para uma melhor compreensão sobre o consumidor masculino de produtos e serviços de beleza, refletindo sobre padrões estéticos e práticas relacionadas à beleza masculina. Os relatos foram obtidos através de entrevistas em profundidade, usando também técnica projetiva, com dez jovens homens de classe econômica alta no Rio de Janeiro. Diversos aspectos das práticas de beleza são manipulados pelos entrevistados na caracterização de papéis sociais e na construção das identidades de gênero. Poucas foram as práticas de beleza identificadas como permitidas para o gênero masculino. Eles vêem a beleza como facilitadora das relações sociais e amorosas, mas sucesso profissional e inteligência ainda parecem mais importantes. Homem não precisa ser bonito. E não deve se esforçar - ou demonstrar que se esforça - para ser belo. O corpo belo deve ser "efeito colateral" da busca por saúde ou do gosto por esportes. Os relatos sugerem uma estreita associação entre os cuidados de beleza e feminilidade. Então, como ser bonito e masculino ao mesmo tempo? Como cuidar da beleza sem ser mulher? Para preservar a masculinidade é preciso que o comportamento masculino de consumo de produtos e serviços de beleza mantenha-se distante do feminino. Assim, o comportamento da mulher parece servir como um ponto de referência para os entrevistados: eles observam tempo, dedicação e investimento financeiro das mulheres em relação à beleza e, a partir daí, iniciam sua construção do que é 'permitido' ou 'proibido' para suas práticas de beleza.<hr/>Recent changes have affected the boundaries of gender: masculinity and femininity show, in many situations, blurred boundaries. Even so, many traditional gender ideals still exist in the subconscious of the individual (Goldenberg, 2000). The masculine identity is constructed out of denial - denying the attributes related to women, children or homosexual - and those who consider themselves outside the dominant pattern of masculinity still have fear of being perceived as gay (Badinter, 1993; among others). The consumption of beauty products is associated with the desire to promote an increase in physical attractiveness and achievement of the corresponding social benefits (Bloch and Richins, 1992). Because physical attractiveness is considered a central element of femininity, the consumption practices of beauty is often more important in the construction of women's identity. However, the male gender identity is associated with less concern with appearance, as a consequence, men have less inclination to adopt beauty practices. In this context, how to research such topic as beauty among men? This study aimed to a better understanding of the male consumer of beauty products and services, reflecting on aesthetic values and practices related to male beauty. Data were obtained through in-depth interviews using projective techniques as well, with ten young men of high socioeconomic status in Rio de Janeiro. Several aspects of the practices of beauty seemed to be manipulated by respondents in the characterization of social roles and the construction of gender identities. Few were the practices of beauty identified as allowed for males. They do see beauty as a facilitator of social relations, but intelligence and professional success are seem as more important. Man do not need to be beautiful. And he must not strive - or demonstrate that strives - to be beautiful. The beautiful body must be a "side effect" of search for health or taste for sports. Their accounts suggest a close association between beauty care and femininity. So, how to be beautiful and masculine at the same time? How to take care of beauty without being a woman? In order to preserve the maleness is necessary that the male consumption behavior of beauty products and services remain distant from the feminine. Thus, women's behavior seems to serve as a reference point for the interviewees: they observe time, effort and financial investment women devote to beauty and, thereafter, they start their construction of what is 'allowed' or 'forbidden' concerning their beauty practices. <![CDATA[<b>The construction of a model about customer retention and its antecedentes in an environment of services</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-23112012000200006&lng=en&nrm=iso&tlng=en Este trabalho aborda a estratégia da retenção de clientes por meio da prática do marketing de relacionamento no ambiente de serviços. É proposto um Modelo Teórico, com suas respectivas hipóteses, no qual os construtos Satisfação de Clientes, Valor, Reputação do Provedor de Serviços e Confiança são considerados antecedentes da Retenção de Clientes. A análise central dos dados foi implementada por técnicas de estatística multivariada e pela Modelagem de Equações Estruturais. Os resultados indicam que o Modelo Teórico Reespecificado apresenta o melhor ajuste em relação Modelo Teórico inicial, embora precise de um maior amadurecimento teórico e empírico, até pelo ineditismo do modelo integrado. O trabalho propicia evidências relevantes, comprovando que o valor percebido pelos clientes é um construto antecedente da confiança depositada no provedor de serviços, relação esta mediada pela reputação do provedor de serviços; que a reputação do provedor de serviços é importante no contexto relacional em estudo; e que a retenção de clientes é positivamente influenciada pela confiança depositada no provedor de serviços.<hr/>This work approaches the strategy of customer retention by means of the practical of the relationship marketing in the environment of services. A Theoretical Model is proposed, with its respective hypothesis, in which the constructs Customer Satisfaction, Value, Reputation of the Services Provider and Trust are considered antecedents of Customer Retention. The central analysis of the data was implemented by techniques of multivariate statistics and the Structural Equations Modeling. The results indicate that the Respecificated Theoretical Model presents the best adjustment compared to initial Theoretical Model; even so it needs a theoretical and empirical evolution, despite of originality of the integrated model. The work propitiates relevant evidences, proving that the value perceived for the customers is one antecedent construct of the trust deposited in the services provider, and this relation is mediated by the reputation of the services provider; that the reputation of the services provider is important in the relational context in study; and that the customer retention is positively influenced by the trust deposited in the services provider. <![CDATA[<b>Environmental management and strategy</b>: <b> a bibliometric study on the theme of interest in Brazilian academic journals</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-23112012000200007&lng=en&nrm=iso&tlng=en Este trabalho objetivou identificar a evolução do interesse de publicação da administração nas questões da gestão ambiental, estratégia ambiental, desempenho ambiental e avaliação estratégica ambiental (em português, inglês ou espanhol), através da verificação de artigos com estas temáticas em periódicos da área. Realizou-se um estudo bibliométrico, com abordagem quantitativa, em 44 periódicos brasileiros classificados em 2008 pelo sistema Qualis/CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, como A1, A2, B1 e B2, para a área de Administração, Ciências Contábeis e Turismo. Foram pesquisadas 1.203 edições disponibilizadas eletronicamente, entre 2000 e 2009, com a identificação de 113 artigos, de 22 periódicos, que citaram algum dos termos de busca no corpo de texto. Os artigos foram analisados com base nos seguintes parâmetros: identificação do periódico; ocorrência dos termos-chave; ano de publicação; e autoria. Identificou-se que apenas cinco periódicos publicaram 54,86% dos artigos selecionados: REAd - Rev. Eletrônica de Administração (15,04%), G&P - Gestão & Produção (11,50%), RAP - Rev. de Administração Pública (11,50%), CAD - Cadernos EBAPE.BR (9,74%) e PROD - Produção (7,08%). O termo chave 'Gestão Ambiental' foi encontrado no título de 38 dos artigos, é citado como palavra-chave em 64 e está presente no corpo de texto de 111. Já 'Avaliação Ambiental Estratégica' somente foi citado em 2 artigos da amostra. Os anos de maior publicação dos artigos foram 2006 (20) e 2009 (24). Os autores que mais publicaram tiveram participação em 7 artigos diferentes da amostra. Observou-se que de 2000 a 2009 houve bom crescimento de periódicos brasileiros e número de artigos publicados que citaram os termos pesquisados, inclusive com edições especiais sobre a questão ambiental, porém com difusão pouco significativa nas publicações brasileiras, haja vista que somente houve identificação dos termos-chave na razão de um artigo para cada 10 edições analisadas. Espera-se que este trabalho possa contribuir, a partir da identificação quantitativa dos artigos, periódicos e autores que citaram os termos de busca desta pesquisa (conforme listagem do Apêndice 1), para configurar o estado da arte e divulgar a fundamentação teórica nacional sobre a temática da questão ambiental relacionada a gestão, estratégia e o desempenho organizacionais.<hr/>This study aimed to identify changes in the interest of the administration area on issues of environmental management, environmental strategy, environmental performance and strategic environmental assessment (in Portuguese, English or Spanish) by checking the articles with these themes in journals. We carried out a bibliometric study with a quantitative approach, in 44 Brazilian journals classified by the system in 2008 Qualis/CAPES - Coordination for the Improvement of Higher Education Personnel, such as A1, A2, B1 and B2, to the area of Administration, Accounting and Tourism. We surveyed 1203 editions available electronically, between 2000 and 2009, with the identification of 113 articles in 22 journals, citing some of the search terms in the body text. Articles were evaluated using the following parameters: identification of the journal, the occurrence of key terms, date of publication, and authorship. It was identified that only five journals published 54.86% of articles selected: REAd - Electronic Administration Rev. (15.04%), G & P - Production & Management (11.50%), RAP - Rev. of Public Administration (11.50%), CAD - Notebooks EBAPE.BR (9.74%) and PROD - Production (7.08%). The key term 'Environmental Management' was found in title 38 of the articles, is cited as a keyword in 64 and present in the body text 111. Have 'Strategic Environmental Assessment' was only mentioned in two articles in the sample. The years of publication of the articles were higher in 2006 (20) and 2009 (24). Authors who have published more have participated in seven different articles of the sample. It was noted that from 2000 to 2009 there was a good growth of Brazilian magazines and number of published articles that cited the search terms, including special issues on the environmental issue, but with negligible diffusion in Brazilian publications, since it was identified only of key terms in respect of an article for each ten issues examined. It is hoped that this work can contribute, from the quantitative identification of articles, journals and authors that have cited this search query terms (as listing in Annex 1), to set the state of the art and disclose the theoretical foundation's national theme of environmental issues related to management, strategy and organizational performance.<hr/>Este estudio tuvo como objetivo identificar los cambios en el interés de la zona de administración en temas de gestión ambiental, la estrategia ambiental, desempeño ambiental y evaluación ambiental estratégica (en Portugués, Inglés o español) marcando los artículos de estos temas en las revistas. Se realizó un estudio bibliométrico con enfoque cuantitativo, en 44 periódicos nacionales clasificados por el sistema en 2008 Qualis/CAPES - Coordinación de Perfeccionamiento de Personal de Nivel Superior, tal como A1, A2, B1 y B2, para el área de Administración, Contabilidad y Turismo. Se encuestó a 1.203 ediciones en formato electrónico, entre 2000 y 2009, con la identificación de 113 artículos en 22 revistas, citando algunos de los términos de búsqueda en el texto del cuerpo. Los artículos fueron evaluados utilizando los siguientes parámetros: identificación de la revista, la ocurrencia de los términos clave, fecha de publicación, y la autoría. Se identificó que sólo cinco revistas publicadas 54,86% de los artículos seleccionados: REAd - Administración Electrónica Rev. (15,04%), G & P - Producción y Gestión (11,50%), RAP - Rev. de Administración Pública (11,50%), CAD - EBAPE.BR Portátiles (9,74%) y PROD - Producción (7,08%). El término clave 'Gestión Ambiental' se encuentra en el título 38 de los artículos, se cita como una palabra clave en el 64 y presente en el texto del cuerpo 111. Tener 'Evaluación Ambiental Estratégica' sólo se menciona en dos artículos en la muestra. Los años de la publicación de los artículos fueron mayores en 2006 (20) y 2009 (24). Los autores que han publicado más han participado en siete diferentes artículos de la muestra. Se señaló que desde 2000 hasta 2009 hubo un buen crecimiento de las revistas brasileñas y el número de artículos publicados que citan los términos de búsqueda, incluyendo números especiales sobre el tema ambiental, pero con la difusión insignificante en publicaciones brasileñas, desde que se identificó sólo de los términos clave en relación con un artículo de cada diez cuestiones examinadas. Se espera que este trabajo puede contribuir, desde la identificación cuantitativa de los artículos, revistas y autores que han citado este términos de la consulta de búsqueda (como la inclusión en el apêndice 1), para establecer el estado de la técnica y dar a conocer la fundamentación teórica de nacionales tema de las cuestiones ambientales relacionadas con la gestión, la estrategia y el desempeño organizacional. <![CDATA[<b>The forest furtherance: an alternative of raw material in Brasilian pulp industry</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-23112012000200008&lng=en&nrm=iso&tlng=en Neste estudo foram analisados os programas de fomento florestal das empresas do segmento de celulose. O objetivo é identificar a participação do fomento florestal no suprimento de madeira e as dimensões definidas nos contratos desses programas. Para o estudo utilizou-se o referencial teórico da nova economia institucional, particularmente a teoria dos contratos incompletos de longo prazo e dos custos de transação. Utilizou-se a abordagem qualitativa da pesquisa exploratória e descritiva. Para isso, após estudo documental sobre o ambiente regulatório e institucional do setor florestal, realizou-se a coleta de dados primários por meio de questionário semiestruturado, encaminhado por meio eletrônico a dirigentes e técnicos de onze empresas produtoras de celulose escolhidas intencionalmente. Os resultados mostram que o fomento florestal ocupa a segunda posição na matriz de suprimento de madeira para processamento da indústria de celulose como mecanismo de substituição da integração vertical, pela coordenação vertical por meio de contratos de longo prazo. Indicam, também, que a participação dos programas de fomento florestal e do mercado no suprimento de madeira para processamento está crescendo. O fomento visa a facilitar o acesso a recursos, associados ao cultivo florestal, reduzindo os custos associados à imobilização em terras, fomentando o aumento da oferta de madeira para processamento. As empresas estruturam modalidades diferentes dos programas de fomento para adequar os incentivos aos produtores de acordo com o porte de suas propriedades. Excetuando-se o fomento de extensão, os demais programas de fomento usam a opção de compra da produção.<hr/>This work studied the programs of forest furtherance developed by companies in the pulp segment. The objective is to identify the participation of forest furtherance in wood supply and dimensions defined in contracts of these programs. The study used the theoretical framework of new institutional economics, with emphasis in theory of long term incomplete contracts and transaction costs. Qualitative approach in the exploratory and descriptive study of multiple cases was used. After a documental study on the regulatory and institutional environment of forest sector, there was collected primary data through semi-structured questionnaire, sent electronically to managers and technicians of eleven pulp production companies intentionally chosen. The results show that forest furtherance occupies the second position in the supply matrix of timber for pulp processing industry, whose participation tends to increase with the trend of replacing the vertical integration by vertical coordination through long-term contracts. The results also show that the participation of programs to forest furtherance and market in the timber supply for processing is growing. The furtherance aims to facilitate efficient access and availability of land suitable for forestry cultivation, reducing the costs associated with detention of land and increasing the timber supply for processing. The companies structure different modalities of furtherance programs, to attend to different classes of encouraged producers, mainly pursuant to the size of their farms. Except the extension furtherance, the other programs of forest furtherance use option to purchase option of output. <![CDATA[<b>From home industry to multinational company</b>: a case study of an Italian-Brazilian alliance under the focus of the structurationist approach of strategy-as-practice]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-23112012000200009&lng=en&nrm=iso&tlng=en O objetivo deste artigo é investigar indícios estruturacionistas, decorrentes de uma aliança estratégica interorganizacional, que possam ter resultado na mudança de uma fábrica fundo de quintal para uma empresa multinacional. Atingiu-se esse objetivo realizando um estudo de caso na empresa subsidiária brasileira do setor de máquinas e componentes para móveis, atual líder do mercado. Atentou-se para as considerações de Johanson e Vahlne (2006), com relação às implicações dos relacionamentos interorganizacionais em termos de aprendizagem e oportunidades. Concordando com as crescentes exigências para elucidar a prática estratégica no cotidiano das empresas, adotou-se a abordagem de estratégia como prática em complementaridade com a teoria da estruturação para balizar o exame à indispensável ligação entre pessoas, atividades e o contexto mais amplo. Os resultados destacam diversas alterações nas atividades da empresa filial permeando as seguintes etapas da aliança: (i) pré-aliança; (ii) durante a parceria; e (iii) após a joint-venture. Para ilustrar como os elementos de práxis, práticas e praticantes estariam relacionados nessas diferentes fases do relacionamento interorganizacional, uma adaptação do gráfico de Whittington (2006) é proposta. Conclui-se apresentando um quadro com as principais atividades e ferramentas envolvidas na adaptação da empresa ao longo da aliança, entre as quais se enfatizam as práticas de mobilidade dos funcionários e do compromisso de relacionamento. Para melhor entender a forma como as alianças estratégicas afetam as empresas de bens de capital e verificar se há um padrão recorrente em termos do envolvimento de práticas, práxis e praticantes nas etapas de relacionamento, semelhante ao que está se propondo, considera-se apropriado realizar um trabalho comparativo. Dessa forma, poder-se-ia fazer inferências sobre as condições de escopo e transferibilidade.<hr/>This paper's aim is to investigate structurationist evidence, due to an inter organizational strategic alliance, that may have resulted in the transformation of a home industry to a multinational company. This goal was achieved by performing a case study in the Brazilian subsidiary of the sector of furniture machinery and components, the current market leader. The considerations of Johanson and Vahlne (2006) regarding the implications in terms of learning and opportunities of inter-organizational relationships were given special attention. Consistent with the growing requirement of clarifying the strategic practice in everyday business, examining the essential connection between people, activities and the broader context, the Strategy-as-practice approach was adopted in tandem with the structurationist theory. The results highlight several changes in the activities of the subsidiary firm during the following periods of the relationship: (i) pre alliance; (ii) partnership; and (iii) after the joint-venture. To illustrate how elements of praxis, practices and practitioners are related in these different phases, a graphic adapted from Whittington (2006) is proposed. We conclude with the presentation of a table with the main activities and tools involved in the restructuring of the company from which practices of personnel mobility and relationship commitment are emphasized. For a better understanding of how strategic alliances affect the capital goods companies, a comparative study should be considered. A comparative study is indicated in the same way, for checking on recurrent patterns of involvement in terms of practice, praxis and practitioners in relationship stages, similar to what is being proposed. This would allow making inferences about the scope and conditions of transferability.<hr/>El objetivo de este artículo es de investigar indicios estructuracionistas decurrentes de una alianza estratégica inter-organizacional que pueda tener resultado en la mudanza de una fábrica de "fondo de patio" para una empresa multinacional. Se consiguió ese objetivo realizando un estudio de caso en la empresa subsidiaria brasileña del sector de máquinas y componentes para muebles, actual líder del mercado. Según lo presentado por Johanson e Vahlne (2006) se consideran las implicaciones de las relaciones inter-organizacionales en términos de las oportunidades y el aprendizaje. Consistente con el creciente requerimiento para se elucidar la práctica estratégica en el cotidiano de las empresas, se utilizó el enfoque de estrategia como práctica en complementación con la teoría de la estructuración para balizar el examen atento a la indispensable conexión entre personas, actividades y el contexto más amplio. Los resultados destacan diversas alteraciones en las actividades de la empresa filial atravesando las siguientes etapas de la alianza: (i) pre-alianza; (ii) durante la asociación; y (iii) después de la joint-venture. Para ilustrar como los elementos de praxis, prácticas y practicantes estarían relacionados en esas diferentes fases del relacionamiento inter-organizacional, una adaptación del gráfico de Whittington (2006) es propuesta. Se concluye presentando un cuadro con las principales actividades involucradas en la adaptación de la empresa de entre las cuales las prácticas de movilidad de los funcionarios y de comprometimiento del relacionamiento son enfatizados por la generación de una nueva mentalidad de empresa multinacional y por tornar la alianza en una disposición más favorable. Para entender mejor cómo las alianzas estratégicas afectan el negocio de bienes de capital y buscar un patrón recurrente de la participación en términos de práctica, práctica y lo profesionales en las etapas de la relación, similar a lo que se propone, se considera adecuado llevar a cabo un estudio comparativo. Esto permitiría hacer inferencias sobre el alcance e condiciones de transferencia. <![CDATA[<b>International promotion networks and their contribution in the internationalization process</b>: <b>PSI wines from Brazil case</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-23112012000200010&lng=en&nrm=iso&tlng=en O presente estudo foca a natureza de redes de promoção internacional formais, formadas por empresas que operam no mesmo setor e país de origem. O objetivo é analisar uma rede de promoção internacional e a sua contribuição no processo de internacionalização das empresas afiliadas. Para tanto, foi realizada uma revisão na literatura sobre os temas de redes interorganizacionais de cooperação, internacionalização e a formação de redes para internacionalização, bem como a coleta de evidências empíricas por meio de uma abordagem qualitativa utilizando-se do método de estudo de caso. A unidade de análise consiste no Projeto Setorial Integrado (PSI) Wines From Brazil, formado por 39 empresas do setor vinícola e mantido pelo Instituto Brasileiro do Vinho - IBRAVIN com o apoio da APEX Brasil e observada por meio da visão de issue-based net, com foco nas interligações entre os membros da rede. A coleta das evidências ocorreu durante visitas in loco, por meio de entrevistas semiestruturadas com os gestores de 14 empresas participantes da rede, mais dois gestores executivos do projeto Wines From Brazil. Os dados foram interpretados por meio da técnica de análise de conteúdo. Como auxílio à análise, foi elaborada uma matriz de agrupamento conceitual, formada por quatro construtos: relação entre os atores, políticas governamentais, efeitos da participação na rede e geração de mudanças. Os resultados indicam que a formação da rede contribui no processo de internacionalização das empresas associadas principalmente por meio do suporte financeiro e da troca de informações e conhecimentos. A rede consiste numa estrutura de ligação entre empresas, governo e entidades setoriais que permite a troca de recursos necessários para a internacionalização. A associação em redes consiste numa opção estratégica, especialmente no caso de setores menos desenvolvidos internacionalmente. Em adição, os resultados apontam para os efeitos das políticas setoriais de estímulo à formação de redes de promoção internacional.<hr/>This study focuses the formal international promotion networks, formed by companies that operate in the same sector and country of origin. The objective is to analyze an international promotion network and its contribution in the internationalization process of affiliates companies. For this, it was carried out a literature review on the following topics: network cooperation, internationalization and network formation for internationalization. Empirical evidence was collected through a qualitative approach through a case study. The unit of analysis was the Integrated Sector Project (PSI) Wines from Brazil, formed by 39 wine companies and supported by the Brazilian Institute of Wine - IBRAVIN and APEX Brazil. Network was observed through issue-based net view, focusing on the linkages between network members. Empirical evidence was collected during visits in loco, through semi-structured interviews with 14 companies' managers and two network managers. Data were interpreted using the content analysis technique. For analysis support, it was developed a conceptual matrix, with four constructs: relationships between stakeholders, government policies, network participation effects and changes generation. Results indicate that the network formation contributes with internationalization process of affiliates companies mainly through financial support and information and knowledge exchange. Network consists in a structural link between companies, government and sectorial institutions that enables the exchange of resources required for internationalization. Networks affiliation is a strategic option, especially for less internationally developed industries. Furthermore, results point out effects of sectorial policy that stimulate the formation of international promotion networks.