Scielo RSS <![CDATA[Estudos de Psicologia (Natal)]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=1413-294X20050002&lang=en vol. 10 num. 2 lang. en <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <![CDATA[<B>Personality dimensions as predictors of organizational citizenship behavior</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2005000200001&lng=en&nrm=iso&tlng=en O comportamento de cidadania organizacional (CCO) se refere às condutas benéficas para a organização que não são contratualmente estipuladas, nem formalmente recompensadas. O objetivo do presente estudo foi explorar o conjunto de dimensões de personalidade como preditores dos CCO de ajuda e de voz. A amostra foi constituída por 335 empregados argentinos, que preencheram uma folha de dados sociodemográficos, o questionário de Personalidade de Eysenck e as escalas de CCO de ajuda e de voz desenvolvidas por Van Dyne e seus colaboradores. Análises de regressão stepwise indicaram que a tendência a extroversão constitui o melhor preditor dos CCO de voz, enquanto que os CCO de ajuda foram melhor explicados pela estabilidade emocional. Os resultados proporcionaram apoio parcial às relações hipotetizadas entre psicoticismo e CCO de voz, uma vez que as tendências não-psicóticas se revelaram bons preditores dos CCO de voz somente entre as mulheres. Os resultados dão base para elaboração de uma agenda para futuras investigações na área.<hr/>Organizational Citizenship Behavior (OCB) involves discretionary behavior, not required or formally rewarded, that has positive consequences for the organization. The main goal of this study was to examine the role of personality dimensions as predictors of employee's engagement in help and voice OCB. Sample was integrated by 335 Argentinean employees, which were asked to complete a battery of questionnaires including demographic items, Eysenck Personality Questionnaire and Help and Voice OCB scales developed by Van Dyne and his colleagues. Stepwise regression analysis revealed that extraversion was the best predictor of the voice behavior, and emotional stability was the best predictor when help behavior was the criterion. Results partially supported the hypothetical relationship between psicoticism and voice behavior, since non psychotic tendencies only emerged as predictors of voice among females. New research agenda designed to further our understanding of personality-OCB linkages is proposed. <![CDATA[<B>Occupational stress management from the perspective of the area of program evaluation</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2005000200002&lng=en&nrm=iso&tlng=en O objetivo deste artigo é apresentar procedimentos para implementar e avaliar programas de manejo de estresse ocupacional focados no indivíduo, fundamentando-se na literatura das áreas de psicologia da saúde ocupacional e de avaliação de programas. São abordados o planejamento da intervenção, sua implementação e avaliação, com base no ciclo da pesquisa em ciências sociais, cujas etapas compreendem a avaliação de necessidades, busca de base teórica, definição de objetivos, variáveis, instrumentos, delineamento, participantes, procedimentos, implementação do programa e coleta de dados, análise e interpretação de resultados, divulgação dos resultados e formulação de novas questões. São discutidas perspectivas futuras para a área de avaliação de programas e possíveis ganhos resultantes de alianças entre este campo e o campo de intervenções em manejo de estresse ocupacional.<hr/>The aim of this article is to present procedures to implement and evaluate individual focused occupational stress management interventions, based on literature of the area of occupational health psychology and program evaluation. Intervention, implementation and evaluation planning are discussed, based on the social science research cycle, which stages include needs evaluation, search of theoretical basis, definition of goals, variables, instruments, design, participants, procedures, program implementation and data collection, analysis and results interpretation, publishing results and formulation of new questions. Future perspectives for program evaluation and possible gains resulted from the alliance between this area and occupational stress management interventions are discussed. <![CDATA[<B>Psychological support in aviation emergencies</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2005000200003&lng=en&nrm=iso&tlng=en O presente trabalho aborda a experiência de atendimento psicológico em situações de emergência, em conseqüência de desastre aéreo. Focaliza intervenção em situações de luto traumático. O relato baseia-se nas experiências de um grupo de psicólogos, que tem o objetivo de oferecer atendimento psicológico especializado para situações de crises, catástrofes, emergências e luto, nos diferentes âmbitos de necessidade. Visa uma ação preventiva para situações de stress pós-traumático e luto traumático, bem como desenvolver habilidades nos profissionais envolvidos com essa atividade, de maneira a terem uma atuação eficiente, com risco controlado para sua saúde mental.<hr/>This paper reports the experience of a group of psychologists with air disasters. It deals with traumatic grief, taking into consideration differences among victims and bereaved people in critical conditions. The objective of the work is to offer psychological treatment specific for crisis situations, catastrophes, emergencies and grief, for different needs of the victims, aiming at a preventive action for post-traumatic stress disorder and traumatic grief, and to develop abilities in the professionals that work with such activity, so that they provide an effective action, with controlled risk for their mental health. <![CDATA[<B>Children of a settlement of MST</B>: <B>indications to an infantile education</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2005000200004&lng=en&nrm=iso&tlng=en Este trabalho tem por objetivo descrever as indicações de uma amostra de 23 crianças (quatro a seis anos), de um acampamento do MST, para um espaço de educação infantil em fase de planejamento, através de desenhos e de explicações/descrições. Os dados indicam: o interesse pelo ambiente externo e natureza; sugestões de elementos de diversão e brincadeiras e atividades ou materiais pedagógicos. Cabe destacar a indicação de materiais de construção, principalmente janelas, preocupações que se justificam pelas condições precárias de sobrevivência, já que as famílias vivem a 8 anos em barracos de lona. Os resultados apresentam as crianças como informantes competentes para a realidade educacional que irão freqüentar.<hr/>This work aims to describe the indications of a sample of 23 children (from 4 to 6 years old), from a settlement of MST, to an infantile education, that is in the planning phase, through drawings and explanations/descriptions. The data indicate: the interest for external environment and nature; suggestions of entertainment and fun elements and pedagogic activities or materials. It is necessary to emphasize the indication of building materials, mainly windows that are preoccupation justified by the precarious conditions of survival, because the families live for 8 years in cottages of canvas. The results indicate the children are able informants in regard to the educational reality they will attend to. <![CDATA[<B>R1-Forma B Intelligence Test and G36</B>: <B>evidences of convergent validity</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2005000200005&lng=en&nrm=iso&tlng=en Considerando-se a relevância de se obter medidas confiáveis para a avaliação da inteligência, este estudo foi proposto com o objetivo de verificar a validade convergente entre os testes R1-Forma B e o G36. Participaram 78 alunos que freqüentavam o Telecurso do ensino médio, com idades entre 15 e 64 anos (média = 36,84; DP = 10,10), sendo 27 (34,6%) do sexo feminino e 51 (65,4%) do masculino. Os resultados apontaram para uma alta correlação entre os testes (r = 0,80), o que permite afirmar que medem o mesmo construto. Apesar disso, a hipótese de que o G36 estaria mais correlacionado com o Fator 2 do R-1 não pôde ser confirmada. Esse dado pode indicar que o G36 não seja unidimensional e se relacione mais com a inteligência cristalizada do que com o fator g.<hr/>Considering the relevance of obtaining trustful measurement for the evaluation of intelligence, this study aimed at verifying the convergent validity between the R1-Forma B and the G36 tests. 78 students of both gender (34,6% female and 65,4% male), aged from 15 to 64 years old (mean = 36,84; SD = 10,10) and attending to the high school Telecurso were studied. The results indicated a high correlation between tests (r = 0.80), what allowed for the statement that they measure similar constructs. Nevertheless, the hypothesis that G36 would be more correlated with Factor 2 of R-1 could not be confirmed. This information suggests that the G36 is not unidimensional and is more related to crystallized intelligence than the g factor. <![CDATA[<B>The race Psychology in Brazil (1918-1929)</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2005000200006&lng=en&nrm=iso&tlng=en As teorias raciais chegaram ao Brasil por volta de 1869. Neste artigo procuramos demonstrar como estas teorias entraram no âmbito das ciências psicológicas e direcionaram conceitos e práticas. Foram analisados os anais da Sociedade Eugênica de São Paulo (1919) e os trabalhos apresentados no 1º Congresso Brasileiro de Eugenia (1929), que tiveram como meta "melhorar a raça nacional". Tanto aquela instituição quanto este evento científico contaram com a participação de psicólogos, psiquiatras e antropólogos que se aproximaram do racismo científico, muito difundido pelo mundo no início do século XX. Esta aproximação gerou uma "Psicologia Racial" no Brasil, a qual pretendia reduzir os saberes psicológicos a uma suposta problemática racial.<hr/>The arrival of racist theories in Brazil happened around 1869. The aim of this paper was to demonstrate how those theories got into the psychological sciences and conducted their concepts and practices. Documents from Sao Paulo Eugenic Society's archives (1919) and from the 1st Brazilian Eugenics Conference (1929) have been analyzed, both proving to be committed with the "national race improvement". Many psychologists, psychiatrists and anthropologists related to scientific racism - spread around the world in early 20th century - took part of the institution as well as the conference. This fact brought about the "race psychology" in Brazil, which intended to reduce the psychological knowledge to a hypothetic racial problem. <![CDATA[<B>Visuo-spatial working memory in 7-12 year old children</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2005000200007&lng=en&nrm=iso&tlng=en O objetivo deste trabalho foi avaliar os mecanismos de processamento da informação viso-espacial em crianças. Setenta e oito crianças participaram do experimento em que foram manipulados os fatores idade, posição espacial, similaridade visual e cor dos estímulos memorizados. Os resultados mostraram que todos os fatores principais alcançaram significância estatística. As crianças mais velhas tiveram uma freqüência de acertos maior que as crianças mais novas. Os estímulos dos conjuntos com similaridade baixa foram mais bem recordados que os estímulos com similaridade alta. A taxa de recordação foi melhor nas provas em que as letras de um conjunto foram todas apresentadas com a mesma cor, assim como a porcentagem de respostas corretas variou de forma significativa em função da posição espacial dos estímulos. Os resultados foram interpretados de acordo com modelos que enfatizam aspectos do desenvolvimento de estratégias cognitivas ao longo do desenvolvimento humano, especialmente o modelo de memória de trabalho.<hr/>This study aimed to evaluate the mechanisms of visual-spatial memory in children. Seventy eight children took part in an experiment with four factors: children's age, stimuli spatial position, stimuli visual similarity, stimuli set color. The results have shown that all main factors are statistically meaningful. The oldest children presented a better performance than the youngest ones. Stimuli set formed by low similarity letters were better recollected than the stimuli set formed by high similarity letters. The recall of the spatial position of letters was better in trials where the letters of a set were presented in the same color. The percentage of correct recall changed meaningfully as a function of the spatial position in which the target had been presented. The results were interpreted according to models that emphasize aspects of development of cognitive strategies along with the human development, especially the working memory model. <![CDATA[<B>Reason and emotion</B>: <B>a behavior-analytic interpretation of recent advances in neurosciences</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2005000200008&lng=en&nrm=iso&tlng=en Achados recentes das neurociências apresentam uma visão integrada do funcionamento humano que envolve a presença de relações entre os grandes sistemas orgânicos, entre estados fisiológicos e cognitivos e entre razão e emoção. Este artigo objetiva contrastar tais estudos a aspectos centrais do modelo interpretativo skinneriano, destacando o papel de relações entre processos respondentes e operantes para a compreensão da interdependência entre razão e emoção. Investiga-se a importância de respostas emocionais e do comportamento verbal para a expressão de respostas tidas como racionais e, de uma maneira geral, para a seleção do repertório comportamental, verbal e não-verbal. Ressalta-se que o atual movimento de superação de propostas dualistas de compreensão do ser humano pelas neurociências aproxima-se da perspectiva analítico-comportamental de investigação de respostas abertas e encobertas no contexto de relações indivíduo-ambiente.<hr/>Recent findings of the neurosciences present an integrated view of the human functioning, one that encompasses the relationships among the great organic systems, between physiological and cognitive states and between reason and emotion. The aim of this paper is to contrast such studies with central aspects of the Skinnerian explanatory system, highlighting the role of relations between respondent and operant processes for an understanding of the interdependence between reason and emotion. The importance of emotional responses and verbal behavior for rational responding and, moreover, for the selection of verbal and non-verbal behavioral repertoire, is discussed. It is argued that the current movement in the neurosciences towards overcoming dualistic views of the human being is compatible with the behavior-analytic approach to overt and covert responses in the context of individual-environment relations. <![CDATA[<B>Maternal directive styles directed to boys and girls</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2005000200009&lng=en&nrm=iso&tlng=en O presente estudo investigou a utilização de enunciados maternos diretivos, os quais podem funcionar para dirigir, controlar e manter a atenção da criança nas trocas interativas. Os enunciados diretivos podem apresentar diferentes funções nas interações e variações em seu uso dependendo de características como o gênero. Nesse estudo foram analisadas as possíveis variações no uso de diretivos maternos, em função do gênero da criança. Participaram desse estudo 16 díades mãe-criança nas idades entre 24-30 meses. As díades foram filmadas em ambiente natural durante 20 minutos. As transcrições das sessões seguiram as diretrizes do sistema computacional Child Language Data Exchange System (CHILDES). A aplicação do teste Mann-Whitney revelou variações no uso de diretivos maternos, sendo dirigidos mais diretivos a meninos que a meninas. Os resultados foram discutidos considerando-se o nível lingüístico infantil e os contextos nos quais os enunciado ocorreram.<hr/>The present study investigated the use of directives which can function to direct, control and keep the child's attention during the interactions. The directives utterances may show different functions in the interactions in which they are used depending on characteristics such as gender. In this study the possible variations in the use of maternal directives were analyzed by considering the child's gender. Sixteen mother-child dyads participated in this study. Children's age varied between 24-30 months. The dyads were video-recorded in natural environment for 20 minutes. The transcriptions of the sessions were carried out following the norms of the computational system Child Language Data Exchange System (CHILDES). Mann-Whitney U test indicated a significant difference in the maternal speech directed to boys and girls. These results showed that the maternal directives were directed more to boys than to girls. These results were discussed considering the level of the children linguistic development and the context in which the utterances were presented. <![CDATA[<B>Mature women</B>: <B>life histories and depressive complaints</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2005000200010&lng=en&nrm=iso&tlng=en O presente trabalho buscou investigar a queixa depressiva em mulheres na maturidade, a partir de eventos significativos ao longo de sua história de vida. Foram realizadas entrevistas clínicas com nove mulheres com diagnóstico de depressão. A análise das entrevistas indicou que as participantes enfrentaram situações de perda ou abandono dos pais, humilhações e maus-tratos, bem como privações econômicas em sua infância, que tiveram impacto sobre sua saúde física e mental. Já na vida adulta, algumas perderam filhos prematuramente. Há casos de violência conjugal. A queixa depressiva parece estar também relacionada a imagens autodepreciativas sobre o exercício dos papéis de mãe e esposa, com sentimentos de culpa e fracasso. O estudo aponta a necessidade de atenção clínica à história de mulheres que apresentam sintomas depressivos na maturidade. Indica-se ainda a discussão da categoria gênero na área da Saúde Mental, para a revisão de concepções históricas e culturais sobre o ciclo de vida feminino.<hr/>The present study investigated depressive symptoms in mature women, based on significant events in their life history. Clinical interviews were carried out with nine women diagnosed with depression. The data analysis showed that participants had experienced parents' loss or abandonment, humiliations, ill-treatment, and were financially deprived during their childhood. Such events had a profound impact on their physical and mental health. As adults, some women have lost their children prematurely. There are also cases of marital violence. Depressive complaints seem to be related to low self-esteem images concerning their role as mothers and wives, with feelings of guilt and failure. The study, points out the need of clinical care related to the history of mature women facing depressive symptoms. It is also suggested a discussion of gender category in the field of Mental Health, in order to review historical and cultural concepts of women's life cycle. <![CDATA[<B>Role of vivarium illumination in rat behavior in the elevated plus-maze</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2005000200011&lng=en&nrm=iso&tlng=en Há pouca informação sobre o efeito dos ambientes onde os ratos são mantidos antes de testes. Para investigar o efeito da iluminação do biotério, ratos Wistar machos foram submetidos a um período de 96 h de iluminação contínua, escuridão contínua ou um ciclo claro escuro de 12:12 h e testados no labirinto em cruz elevado em uma sala iluminada (150 lux) ou escura (0 lux). Os resultados mostram que nem a iluminação contínua nem a escuridão contínua do biotério afetam o comportamento dos ratos, quando comparados aos sujeitos mantidos no ciclo claro-escuro de 12 h. A condição de luminosidade durante o teste, no entanto, foi importante: independentemente da condição de iluminação do biotério, os animais testados no escuro exploraram mais os braços abertos do labirinto, um resultado já relatado na literatura e interpretado como diminuição da ansiedade nesse aparato.<hr/>There is little information about the environments where rats are kept before being tested. In order to investigate the role of vivarium illumination, male Wistar rats were submitted to a 96-h period of continuous illumination, continuous dark or a 12:12 h light/dark cycle and tested in the elevated plus-maze in a lit (150 lux) or a dark room (0 lux). Results showed that neither vivarium illumination nor darkness for 96 h altered the rats' behavior in comparison to that of rats kept under the 12-h light/dark cycle. Luminosity during the test, however, was important: no matter what the vivarium illumination was, rats tested in the dark room explored more the open arms of the maze, an already reported result which is interpreted as decreased anxiety in this apparatus. <![CDATA[<B>Miscegenation against racial bipolarity</B>: <B>contradictions and oppressive effects of national discourse about races</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2005000200012&lng=en&nrm=iso&tlng=en Analisamos discursos de brancos acerca do modo bipolar de classificação racial. A abordagem teórico-metodológica adotada aqui enfatiza a função e os efeitos do discurso. Freqüentemente, nesses discursos, o modo bipolar é posicionado como racista e o povo brasileiro é apresentado como uma raça mestiça, como um povo sem divisões raciais. São discursos que terminam por obliterar o nosso racismo e a desigualdade entre negros e brancos no Brasil.<hr/>This article analyzes discourses of white people about the bipolar system of racial classification. It focuses on the function and effects of discourse. Often, in these discourses, the bipolar system of racial classification appears as a product of racism and the Brazilian people appear as a mixed race, as a people free of racial separation. They are discourses that hide our racism and the inequality between whites and blacks. <![CDATA[<B>Values, psychosocial support and training impact at work</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2005000200013&lng=en&nrm=iso&tlng=en O presente trabalho teve como objetivo investigar valores individuais e percepções de suporte organizacional à transferência de treinamento como preditores do impacto do treinamento no trabalho. A amostra consistiu de 79 profissionais, de nível superior, de uma instituição hospitalar na área de reabilitação do aparelho locomotor e de 85 profissionais de uma autarquia federal ligada ao sistema financeiro nacional. Os pesquisados haviam concluído os cursos de capacitação que foram objeto de avaliação neste estudo, há aproximadamente três meses. Responderam, no local de trabalho, questionários que continham escalas previamente validadas. Foram realizadas análises de regressão múltipla hierárquica. Os resultados apontaram suporte psicossocial e o tipo motivacional conservadorismo/coletivismo como importantes preditores do impacto do treinamento no trabalho (R² = 0,35; p < 0,001) e sugerem que os indivíduos que valorizam a conservadorismo, ou seja, que buscam respeito, compromisso, segurança, harmonia e aceitação dos costumes e idéias de uma cultura perceberam maior impacto dos conhecimentos e habilidades adquiridos nos cursos em suas atividades profissionais. A interação entre valores individuais e suporte organizacional à transferência foi marginalmente significativa. No entanto, sugere-se a confirmação desses resultados, a partir do aumento da amostra e da diversificação das organizações estudadas.<hr/>The purpose of this work was to investigate individual values and perceptions of the organizational support to training's transfer as predictors of the impact in work training. Seventy nine university graduated degree professionals, working at a hospital specialized in orthopedics' rehabilitation plus eighty five professionals, working for an state government institution, connected to the national financial system, constituted the sample of this research. All of them had finished the training event which was evaluated in this paper approximately three months ago. While at work they responded to the questionnaire, which had scales previously validated. Multiple regression hierarchical analyses were made. The data shows psychosocial support and the motivational type conservationism\collectivism as an important predictor of the impact of the training at work (R² = 0.35; p < 0.001). It also suggests that people who value conservationism, i.e., that look for respect, compromise, safety, harmony and welcoming of culture habits and ideas got more from the impact of the knowledge and abilities acquired from their professional activities. The interaction between individual values and organizational support transfer had poor significance. Nonetheless, the confirmation of these data suggests that further studies should be undertaken by expanding the sample and diversifying the institutions studied. <![CDATA[<B>Interactions between hospitalized children and psychologist during psycho-educational attendance at a pediatric ward</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2005000200014&lng=en&nrm=iso&tlng=en O objetivo do presente estudo foi analisar a interação entre crianças hospitalizadas e uma psicóloga em contexto de atendimento psicopedagógico. Foram realizadas 22 observações do atendimento promovido por uma psicóloga com crianças internadas em enfermaria de pediatria, no período de sete meses. Participaram do estudo 102 crianças com idade mediana na fase escolar. As verbalizações foram gravadas e tanto os comportamentos motores, quanto as atividades realizadas foram registradas. Os resultados revelaram que a psicóloga iniciava mais contatos interativos do que as crianças e atuava predominantemente estimulando a interação entre elas. Os temas sobre as atividades psicopedagógicas ocorreram em maior porcentagem em relação aos demais conteúdos verbais. Verificou-se que a psicóloga envolvia a criança nas atividades realizadas, informando, orientando ou fazendo comentários. As verbalizações sobre hospitalização apresentaram baixa ocorrência. As crianças, apesar de enfermas e hospitalizadas, participaram ativamente e interagiram em situações lúdico-pedagógicas. Os achados mostram a relevância desse tipo de atividades para promoção do desenvolvimento da criança no contexto hospitalar.<hr/>The aim of the present study was to analyze the interactions between hospitalized children and a psychologist at psycho-educational attendance. Twenty two observations were done about the attendance promoted by a psychologist with children at pediatric ward, during a period of seven months. One hundred and two children participated in this study. The verbalizations were recorded; motor behavior and performed activities were registered. The results showed that the psychologist began more interactions than children and promoted stimulation for interactions between them. The verbalizations about psycho-educational activities were more frequent than other ones. The psychologist involved the child in the activities, instructing, giving orientations and talking about it. Low percentage of verbalizations about hospitalization was found. In spite of children being sick and hospitalized, they participated actively and interacted in playing and learning situations. These findings show the relevance of this kind of activities for promoting the children's development in the hospital context. <![CDATA[<B>Breastfeeding and maternal sensitivity in dyads with infants born at risk</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2005000200015&lng=en&nrm=iso&tlng=en O presente estudo investigou a relação entre o tipo de alimentação do bebê (aleitamento materno, fórmula e alimentação mista) e os comportamentos de interação mãe-bebê, a partir do conceito de sensibilidade materna. Participaram 20 díades com bebês nascidos pré-termos (Grupo I) que necessitaram de tratamento intensivo neonatal, 14 díades com bebês nascidos a termo (Grupo II) que necessitaram de tratamento intensivo neonatal, e 24 díades com bebês nascidos a termo sadios (Grupo III). O risco do recém-nascido foi considerado a partir de sua necessidade de tratamento intensivo neonatal. A interação mãe-bebê foi filmada durante a situação de face-a-face, aos dois meses de idade do bebê, e avaliada conforme o Protocolo de Interação Mãe-Bebê (Schermann et al. 1994) que pontua itens referentes aos comportamentos interativos da mãe, do bebê e da díade mãe-bebê. Os resultados mostraram que a sensibilidade materna diferiu entre os três grupos investigados (p = 0,039), havendo maior incidência no Grupo III (grupo controle). A partir do estudo realizado, é possível inferir que a sensibilidade materna é mais favorável em mães de bebês nascidos a termo e sadios do que em mães de bebês nascidos com risco neonatal. O aleitamento materno é um importante fator que promove o estabelecimento de uma sensibilidade materna mais favorável, sendo fundamental o incentivo da amamentação mesmo para recém-nascidos pré-termo e a termo de risco.<hr/>The purpose of this study was to investigate the relation between the kinds of infant's feeding (breastfeeding, complement and mixed) and the mother-infant interactional behaviors. The participants included 20 dyads of pre-term infant (Group I) who had needed intensive care, 14 dyads of full-term infant (Group II) who had needed intensive care, and 24 dyads of full-term health infants (Group III). The risk was considered by the neonatal intensive care needed. The mother-infant interaction was filmed at face-to-face situation and evaluated through Mother-Infant Interaction Protocol (Schermann et al. 1994) to assess the maternal behaviors, the infant behaviors and the dyads behaviors. Results showed that maternal sensitivity was very different between groups (p = 0.039); Group III (control group) had a better maternal sensitivity. Therefore maternal sensitivity is better in mothers of full-term health infants, than in mothers of pre-term infant and full-term infant who had needed intensive care. Breastfeeding is an important factor to promote a better maternal sensitivity. <![CDATA[<B>The alterity in the social binding</B>: <B>a view of the Freudian text "Civilization and its Discontents"</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2005000200016&lng=en&nrm=iso&tlng=en O presente trabalho define-se como uma revisão crítica do texto de Freud "O mal-estar na civilização". Nossa leitura desse texto visa refletir sobre o problema da alteridade e sobre a teoria do enlaçamento social. O texto freudiano apresenta o encontro angustiante do eu com o outro. Realizamos uma pequena reflexão sobre a interpretação freudiana do mandamento cristão "Amarás a teu próximo como a ti mesmo" e sobre o problema moral do encontro com o outro, apontando para a dimensão trágica desse encontro. Finalizando, procuramos discutir a questão da culpa e da dívida como fundamentos do laço social.<hr/>The following work can be defined as a critical revision of the text "Civilization and its Discontents", by Freud. Our view of the text aims to reflect on the problem of alterity and on the theory of the social binding. Freud's text presents the afflictive meeting of the self with the other. We will reflect on the Freudian interpretation of the Christian commandment "Thou shall love Thy neighbor as Thyself", and on the moral problem of the meeting with the other pointing to the tragic dimension of this meeting. And, to finish, we will try to discuss the question of guilt and debt as basis of the social bond. <![CDATA[<B>Successful development with multiple sclerosis</B>: <B>an essay in positive psychology</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2005000200017&lng=en&nrm=iso&tlng=en A natureza crônica e progressivamente incapacitante de muitas enfermidades neurológicas, tais como a esclerose múltipla, constitui um desafio para a reabilitação. Uma abordagem que objetive apenas a restituição funcional corre o risco de fracassar, impondo uma carga de sofrimento adicional ao portador. As abordagens compensatórias têm se demonstrado eficazes no intuito de capacitar os portadores de doenças crônicas a enfrentar suas dificuldades cotidianas a curto-prazo e planejar o seu curso de vida a longo-prazo, aumentando assim o senso de controle e autonomia e melhorando a qualidade de vida. A abordagem compensatória impõe o estabelecimento de uma agenda positiva. Neste ensaio nós estabelecemos um paralelo entre a adaptação psicossocial à esclerose múltipla e os processos observados no desenvolvimento psicológico adulto. São notadas tanto semelhanças quanto diferenças. Algumas possibilidades são exploradas, que os modelos derivados do estudo do desenvolvimento bem-sucedido na idade adulta e velhice oferecem para o estabelecimento de uma agenda positiva para os portadores de esclerose múltipla.<hr/>The chronic and progressively incapacitating nature of many neurological illnesses, such as multiple sclerosis, poses major challenges to the rehabilitative efforts. Approaches based solely on the pursuit of functional restitution incur the risk of failure and additional distress to the sufferers. Compensatory approaches have been consistently shown effective in the empowerment of individuals both to cope with daily life in the short run and to plan their life courses in the long run, thus regaining control and autonomy and improving well being. Compensation requires the establishment of a positive agenda. In this essay we establish a parallel between the processes of psychosocial adaptation to multiple sclerosis and normal adult development. Both similarities and differences are noted. We try to explore some perspectives derived from research models designed to study successful adult development in order to establish a positive agenda for individuals with multiple sclerosis. <![CDATA[<B>Contributions of graphic projective techniques for the understanding of highway wanderers' personality</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2005000200018&lng=en&nrm=iso&tlng=en Estudos indicam que a deserção que caracteriza o estilo de vida dos andarilhos de estrada é multifatorial e envolve fatores sócio-econômicos e psicológicos. O presente estudo visou investigar as principais características da personalidade de andarilhos de estrada. Para tanto, aplicou-se a Bateria de Grafismos de Hammer em 23 andarilhos albergados em uma instituição assistencial. O material coletado foi avaliado e interpretado em função dos critérios de atribuição de significados fornecidos pela literatura científica especializada. Os dados obtidos indicam que os sujeitos possuem uma imagem corporal comprometida por sentimentos de inferioridade e inadequação e uma organização afetiva marcada por conflitos de ordem sexual, pela utilização de mecanismos de defesa primários e por uma veemente tendência ao isolamento nas relações interpessoais. Tais resultados fornecem subsídios para o delineamento de algumas características de personalidade dos sujeitos estudados. Não obstante, a corroboração das hipóteses em questão depende da realização de novos estudos empíricos.<hr/>Research results indicate that the highway wanderers' desertion involves socioeconomic and psychological factors. The objective of the present study was the investigation of the highway wanderers' personality. For so much, the Hammers' Graphic Battery was applied to a group of 23 highway wanderers sheltered in an caring institution. The collected data was evaluated and interpreted by the utilization of meanings attribution's criteria supplied by the scientific literature. Data analysis indicate that the participants possess a corporal image committed by inferiority feelings and inadequacy and an affective organization marked by sexual conflicts, primary defense mechanisms and a vehement tendency to isolation in interpersonal relationships. Such results supply subsidies for the understanding of some personality characteristics of the researched individuals. However, the corroboration of these hypotheses depends on the accomplishment of new empirical studies. <![CDATA[<B>The vacuum in the context of social representations</B>: <B>an explanatory hypothesis for the social representation of madness</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2005000200019&lng=en&nrm=iso&tlng=en O presente artigo sugere que os conteúdos culturais podem ser estudados com o auxílio da teoria das representações sociais. São mencionados os resultados de alguns estudos que descreveram a representação social da loucura, enfatizando-se uma característica recorrente: a alteridade, ou seja, a loucura é um objeto cercado de insegurança e ambigüidade, representado como algo distante de quem o representa. Alguns autores argumentam que isso pode ser decorrência de uma falha estrutural da representação social da loucura. É proposta uma hipótese para explicar esse fenômeno a partir de um conflito entre sistemas de representações científicas e culturais, o que originaria um problema de cobertura da loucura enquanto objeto a que é dado o nome de vácuo representacional. São apontadas limitações da hipótese levantada e ressalta-se a necessidade de condução de estudos para verificar sua adequação e generalidade.<hr/>The present article suggests that cultural contents can be studied with the help of social representations theory. The results of some studies that have described the social representation of madness are described, emphasizing a recurrent characteristic: otherness, that is, madness is an object surrounded by insecurity and ambiguity, represented as something distant from those who represent it. Some authors say that it might be due to a structural flaw in the social representation of madness. A hypothesis to explain this phenomenon from a conflict between systems of scientific and cultural representations is proposed; such a conflict would cause a coverage problem concerning madness as an object, to which the name of representational is given. Limitations of the hypothesis are pointed out, and the need to carry out studies to verify its adequacy and generalizability is stressed. <![CDATA[<B>Um bom caminho para adentrar a Psicologia Social</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2005000200020&lng=en&nrm=iso&tlng=en O presente artigo sugere que os conteúdos culturais podem ser estudados com o auxílio da teoria das representações sociais. São mencionados os resultados de alguns estudos que descreveram a representação social da loucura, enfatizando-se uma característica recorrente: a alteridade, ou seja, a loucura é um objeto cercado de insegurança e ambigüidade, representado como algo distante de quem o representa. Alguns autores argumentam que isso pode ser decorrência de uma falha estrutural da representação social da loucura. É proposta uma hipótese para explicar esse fenômeno a partir de um conflito entre sistemas de representações científicas e culturais, o que originaria um problema de cobertura da loucura enquanto objeto a que é dado o nome de vácuo representacional. São apontadas limitações da hipótese levantada e ressalta-se a necessidade de condução de estudos para verificar sua adequação e generalidade.<hr/>The present article suggests that cultural contents can be studied with the help of social representations theory. The results of some studies that have described the social representation of madness are described, emphasizing a recurrent characteristic: otherness, that is, madness is an object surrounded by insecurity and ambiguity, represented as something distant from those who represent it. Some authors say that it might be due to a structural flaw in the social representation of madness. A hypothesis to explain this phenomenon from a conflict between systems of scientific and cultural representations is proposed; such a conflict would cause a coverage problem concerning madness as an object, to which the name of representational is given. Limitations of the hypothesis are pointed out, and the need to carry out studies to verify its adequacy and generalizability is stressed.