Scielo RSS <![CDATA[Estudos de Psicologia (Natal)]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=1413-294X20060003&lang=pt vol. 11 num. 3 lang. pt <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <![CDATA[<B>Qualitative study of school violence determinants in Chile</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2006000300001&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Se presentan los resultados de una investigación cualitativa sobre violencia escolar realizada en Chile. En particular, se presentan los resultados relativos a los determinantes de la violencia escolar, según la percepción de estudiantes de enseñanza media que fueron considerados por sus instituciones educativas como agresivos o violentos. Dentro de la multiplicidad de aspectos que los jóvenes sitúan como determinantes de la violencia escolar, identificamos tres grandes categorías: (a) Antecedentes, que serían variables de contexto fuera del contexto específico de la violencia en la escuela; (b) Factores mediadores, que aluden a determinantes mediatos y, (c) Gatillantes, que se refieren a provocadores inmediatos, en particular de las peleas.<hr/>Results of a qualitative research on school violence carried out in Chile are presented. Particularly, this paper presents the results regarding the determinants of school violence according to the perception of high school students considered by their schools as aggressive or violent. Among the multiplicity of factors that young people establish as determinants of school violence, three broad categories are identified: (a) Antecedents, which would be contextual variables outside the specific context of violence in the school; (b) mediating factors, which refer to mediate determinants; and (c) triggers, which refer to immediate determinants, particularly of fights. <![CDATA[<B>Investimento parental e desenvolvimento da criança</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2006000300002&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Segundo a teoria do investimento parental, seria esperada uma relação entre condições de criação da mãe e sua carreira reprodutiva e, por conseqüência, seus padrões de cuidado aos filhos, com repercussões no desenvolvimento das crianças. Esta pesquisa buscou verificar essas relações, em amostra de 37 mães e seus filhos entre um e quatro anos, de um bairro pobre de Salvador, Bahia. Foi investigada a história familiar e reprodutiva das mães, associada a resultados desenvolvimentais das crianças, medidos através das escalas Bayley e WIPPSI-R, em quatro avaliações realizadas ao longo de três anos. Foram encontradas correlações entre condições de criação da mãe e sua carreira reprodutiva subseqüente. Por sua vez, esses padrões mostraram-se modestamente relacionados ao desenvolvimento cognitivo de seus filhos, favorecendo as crianças cujas mães iniciaram sua vida reprodutiva mais tarde. Os resultados são, em geral, compatíveis com a teoria do investimento parental. Limitações do estudo e perspectivas futuras são discutidas.<hr/>According to the parental investment theory, it would be expected an association between maternal family environment and her reproductive behavior and, as a consequence, her patterns of parental investment on her children, with effects on their development. This study aimed to verify that association, in a sample of 37 mothers and their children (one to four years old), in a poor neighborhood of Salvador, in the state of Bahia, Brazil. We studied the family and reproductive history of the mothers and assessed the cognitive development of children, through Bayley and WIPPSI-R scales, in four assessments during three years. We found correlation between the raising environment of the mother and her subsequent reproductive patterns. These patterns were related to cognitive development of children, favoring children whose mothers started their reproductive life later. The results are, in general, compatible with the parental investment theory. Limitations of the study and future perspectives are discussed. <![CDATA[<B>Tempo subjetivo e percepção de movimento em obras de arte</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2006000300003&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O estudo de imagens em movimento e de imagens estáticas que representam algum movimento contribui para o esclarecimento do papel do tempo como modulador da experiência humana. Diferentes formas de representar ou induzir movimento em estímulos ou distintas obras das artes visuais devem envolver não somente técnicas específicas, mas diferentes formas de interação que só ocorrem quando se dá o encontro entre obra e expectador. A percepção de movimento, muito provavelmente, não está confinada a uma simples decomposição ou soma das suas grandezas constituintes (tempo, espaço e velocidade), pois na sua cognição estão combinadas sensações e percepções internas e externas, que ocorrem em sistemas e níveis perceptuais distintos. Entretanto, processos correlatos devem responder pela percepção de movimentos reais, induzidos e representados. Sendo oriundo da intersecção espaço-temporal, a utilização do movimento em pesquisas de estética experimental pode contribuir para o esclarecimento dos processos que atuam na percepção subjetiva de tempo.<hr/>The study of images in movement as well as those static images, which represent some movement, contributes to the understanding of the role of time as a modulator of the human experience. Different forms of representing and inducing movement in stimuli or in distinct works of visual art shall involve not only specific techniques, but different forms of interaction which only occur when there is an encounter between the work of art and the spectator. The perception of movement, probably, is not confined to a unique decomposition or sum of its constituent greatnesses (time, space and speed), thus in its cognition the internal and external sensations and perceptions are combined, which occur in distinct systems and perceptual systems. Nevertheless, correlated processes shall respond by the perception of real movements, induced and represented ones. Having come from the intersection of temporal space, the utilization of movement in studies of experimental aesthetics can contribute to the understanding of the processes that act in the subjective perception of time. <![CDATA[<B>O processamento das informações sociais em crianças e adolescentes agressivos</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2006000300004&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Este artigo tem por objetivo revisar a literatura internacional publicada no período de 1980 até 2004 sobre o Modelo de Processamento das Informações Sociais, utilizando as palavras-chave cognição social e processamento de informações sociais (PsycINFO). Os autores analisam a convergência desses estudos quanto ao processamento das informações sociais por crianças e adolescentes agressivos. De acordo com o modelo, a resposta comportamental de uma criança ou adolescente para um estímulo social problemático ocorre em função de diferentes etapas de processamento: codificação das pistas sociais, interpretação das pistas sociais, busca de respostas, avaliação das respostas e atuação. Após uma breve introdução histórica sobre o modelo e seus principais postulados, são descritos alguns estudos empíricos sobre o tema. Uma relação entre o processamento de informações sociais e a manifestação de comportamentos agressivos foi confirmada nesta revisão, mas verificou-se uma baixa incidência de artigos contemplando amostras clínicas.<hr/>This paper aimed to review the international literature on Social Information Processing Model published from 1980 to 2004 using the keywords social cognition and information-processing social (PsycINFO). The authors analyze the convergence of these studies in regard to information processing by aggressive children and adolescents. According to the model, a child and adolescent's behavioral response to a problematic social stimulus is a function of different steps of processing: encoding of social cues, interpretation of social cues, response search, response evaluation, and enactment. After a short historical introduction about the model and its main postulates, empirical studies were described. The relation between social information-processing and aggressive behavior was confirmed in this revision but a low incidence of articles based on clinical samples was noted. <![CDATA[<B>Psicologia e saúde do trabalhador</B>: <B>práticas e investigações na Saúde Pública de São Paulo</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2006000300005&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Este artigo tem por objetivo situar o momento histórico da emergência do campo da Saúde do Trabalhador na Saúde Pública e resgatar experiências que exemplificam diferentes tipos de inserção da Psicologia na saúde do trabalhador. Focaliza a descrição no Estado de São Paulo, que presencia um contexto político e institucional fecundo para o desenvolvimento desse campo a partir de meados dos anos 1980. Recorre-se à apresentação de atividades desenvolvidas pela Psicologia nos serviços de saúde pública que marcam algumas de suas contribuições para a saúde do trabalhador.<hr/>The aims of this article are to present the historical moment in which an opportunity for psychological research and practices emerges in the field of workers' health in the context of Public Health, and to register experiences that exemplify different insertions of Psychology in workers' health. It focuses the description on the State of São Paulo in the middle of 1980's: the political and institutional context which is favorable to the development of that field. It presents some psychological activities in public health services that highlight the contributions of Psychology to the field of worker's health. <![CDATA[<B>A Escala de Comportamento Ecológico</B>: <B>desenvolvimento e validação de um instrumento de medida</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2006000300006&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O interesse por estudos sobre as relações entre o homem e o meio ambiente tem sido cada vez maior. Entretanto, aqueles dedicados à investigação da complexidade do fenômeno comportamental associado ao meio ambiente são recentes. A inexistência de instrumento para medir o comportamento ecológico adequado à realidade brasileira, que permita a compreensão desse fenômeno em nosso contexto sociocultural, destaca a importância e a necessidade de se construírem instrumentos confiáveis e adequados ao estudo dessa temática no Brasil. Este trabalho descreve a elaboração e a validação da Escala de Comportamento Ecológico (ECE) no contexto brasileiro. A amostra consistiu em 234 estudantes de ensino universitário e médio, com média de idade de 20,5 anos, sendo 142 mulheres e 88 homens (4 não indicaram seu gênero). Os resultados apontaram para a multidimensionalidade do comportamento ecológico. Os quatro fatores específicos foram ativismo-consumo, economia de água e de energia, limpeza urbana e reciclagem.<hr/>Interest in studies about the relationship between human beings and the environment has continuously increased. Nevertheless, studies concerning the investigation of the complexity of behavior phenomenon linked to environment are recent. The lack of instruments to measure ecological behavior in the Brazilian context, in order to understand this phenomenon in the social and cultural framework of the country, highlights the importance and need to establish reliable and suitable instruments for the study of this subject in Brazil. This paper describes the development and validation of the Ecological Behavior Scale (EBS) for use within the Brazilian context. The study involved 234 high school and university students (142 female and 88 male and 4 missing; average age equals 20.5). The results point to the multidimensionality of ecological behavior. The four factors found were activism-consume, water and energy saving, urban cleanliness, and recycling. <![CDATA[<B>Procurando "botões" de desenvolvimento</B>: <B>avaliação de crianças com deficiência e acentuadas dificuldades de aprendizagem</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2006000300007&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt No presente trabalho, foi levantado o problema da avaliação de crianças com diagnóstico de deficiência primária e acentuadas dificuldades de aprendizagem, que tendem a obter baixo escores em avaliações padronizadas. Questionou-se a prática de atribuir esses baixos resultados exclusivamente aos aspectos orgânicos da deficiência, levando a prognósticos desfavoráveis. Com base no conceito de zona de desenvolvimento proximal de Vygotsky, foram observadas e analisadas, em grupos de convivência com caráter psico-educacional, as interações de seis crianças que tinham obtido baixos resultados na aplicação de um teste padronizado (WISC Verbal), ou que tinham sido consideradas não-testáveis. Em todos os casos, foi possível identificar capacidades nessas crianças, muitas vezes representando momentos iniciais de aquisição de novos modos de ação, ainda bastante instáveis. Discutiu-se o fato de que situações de avaliação padronizada, em geral, não se constituem no melhor ambiente para a identificação de capacidades em aquisição, no caso dessas crianças.<hr/>The present study was aimed at the problem of assessment of children diagnosed with primary deficiency and severe learning difficulties, that tend to get low scores in standardized assessment procedures. It was questioned the practice of attribution of bad results to the organic aspects of the deficiency, leading to bad prognoses. Based on Vygotsky's concept of zone of proximal development, six children were observed along their interactions at the weekly meetings of psycho-educational groups. They were selected due to their low IQs in Verbal WISC test or because they could not be submitted to this kind of assessment. It was possible to identify growing capacities in the children, some times representing the initial steps of acquisition. It was discussed the fact that standardized assessment procedures do not constitute the better setting for the identification of capacities that are in process of acquisition, in the case of children with this profile. <![CDATA[<B>Reforma psiquiátrica e exclusão</B>: <B>as experiências de Reggio Emilia a Perúgia</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2006000300008&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O artigo pretende reanimar uma problemática que preencheu o debate dos movimentos de reforma psiquiátrica nos anos 60 e 70 do último século: alternativas à exclusão. Após uma revisão da crítica aos fundamentos da assistência psiquiátrica orientada historicamente pelo modelo asilar, os autores fazem uma reconstrução de duas experiências da reforma psiquiátrica italiana que podem ser hoje consideradas como exemplares: Reggio Emilia e Perugia. Na medida em que o paradigma da assistência se desloca do asilo para o território, que desafios temos hoje que enfrentar para garantir que a assistência pós-asilar não se sustente pela "exclusão"?<hr/>The article intends to reanimate a matter that was a center piece on the Psychiatric Reform debates on the decades of 1960s and 1970s: alternatives to the "exclusion". After reviewing the psychiatric assistance foundations, which were historically oriented by the asylum standard, the authors reappraise two experiments that took place during Italian Psychiatric Reform and have been considered a model: Reggio Emilia and Perugia. As far as assistance paradigm moves from asylum to territory, what obstacles we have to confront to assure that the post-asylum assistance do not get sustained by "exclusion"? <![CDATA[<B>Reflexões sobre as relações entre drogadição, adolescência e família</B>: <B>um estudo bibliográfico</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2006000300009&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O consumo de drogas entre adolescentes tem sido alvo de diversas pesquisas. O objetivo deste estudo foi apresentar uma sistematização dos resultados obtidos por meio de uma revisão bibliográfica envolvendo três eixos: drogadição, adolescência, família. Foram enfocados aspectos referentes ao consumo de drogas hoje e a utilização destas na adolescência, além da relação entre drogas, adolescência e família. Por meio desta revisão, observou-se que a literatura da área aponta que aspectos do funcionamento familiar podem atuar como fatores que propiciam o envolvimento dos adolescentes com substâncias psicoativas. Conclui-se pela necessidade de mais investigações buscando verificar as relações entre adolescência, drogadição e família.<hr/>The consumption of drugs among adolescents has been the target of several studies. The objective of this review was to present a systematization of the results obtained through a bibliographic study involving three axes: drug addiction, adolescence, family. The focus was on aspects referring to the current consumption of drugs and their use during adolescence, besides the relationship among drugs, adolescence and family. Through this study, it was observed that the literature of the area points out that aspects of the family operation can act as factors that propitiate the adolescents' involvement with psychoactive substances. It is concluded that there is need of more investigation to verify the relationships among adolescence, drug addiction and family. <![CDATA[<B>Teoria das inteligências fluida e cristalizada</B>: <B>início e evolução</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2006000300010&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O objetivo deste estudo é apresentar a evolução da teoria das inteligências fluida e cristalizada. Assim, discute-se como a concepção de dois fatores gerais, denominados Inteligência Fluida e Cristalizada, ou Gf-Gc, foi capaz de conciliar modelos de compreensão da inteligência, como os desenvolvidos por Spearman, Thorndike e Thurstone. A princípio uma representação dicotômica da inteligência, o modelo Gf-Gc sofreu modificações desde a década de 1960, sendo sua versão mais recente conhecida como teoria das capacidades cognitivas de Cattell-Horn-Carroll. Conclui-se que a disseminação desta teoria permitirá que a inteligência seja representada, não por meio de uma capacidade única e estática, mas por múltiplas formas e passíveis de estimulação.<hr/>The goal of this study is to present the development of the fluid and crystallized intelligence theory. The conception of these two broad abilities, named Fluid and Crystallized Intelligence factors, or Gf-Gc, is discussed as capable of conciliating conceptions as those proposed by Spearman, Thornike and Thurstone. Initially a dichotomous representation of intelligence, the Gf-Gc model was modified since the 1960's and the most recent version is named Cattell-Horn-Carroll theory of cognitive abilities. It is concluded that this model will facilitate and improve the understanding of intelligence not as an unique and immutable capacity, but composed by multiple and modifiable capacities. <![CDATA[<B>Condições de trabalho e saúde de motoristas de transporte coletivo urbano</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2006000300011&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O objetivo do presente estudo foi caracterizar as condições de trabalho e saúde de motoristas de transporte coletivo urbano da cidade de Florianópolis, Santa Catarina, tendo como suporte principal as contribuições oriundas da Psicologia Ambiental, da Psicologia do Trabalho e da Ergonomia. Foram realizadas observações do local de trabalho, das linhas e do comportamento do motorista durante o percurso na linha. Foram entrevistados 21 motoristas e as falas serviram de recurso para a análise qualitativa organizada em categorias analíticas. Pôde-se concluir que a atividade de dirigir é desgastante, causa fadiga e sua eficácia está relacionada principalmente a fatores ambientais do local de trabalho e a forma como os motoristas lidam com esses fatores. Há a incidência de distúrbios orgânicos (dores na cabeça, nas pernas e problemas auditivos) e psíquicos (como estresse, irritabilidade e fadiga), que afetam não só a atividade de dirigir mas também a vida social e coletiva desse profissional.<hr/>The purpose of this study was to characterize work and health conditions of urban bus drivers of Florianópolis, Brazil, using as principal support the contributions derived from Environmental Psychology, Working Psychology and Ergonomics. Observations were made at work site, routes and of driver's behavior throughout the route. Twenty-one drivers were interviewed and the lines were used as a resource for the qualitative analysis organized in analytical categories. It was concluded that the driving activity is consuming, causes fatigue and its efficacy is mainly related to environmental factors from the work site and the way the drivers deal with it. Organic (head soreness, leg soreness and hearing problems) and psychic (as stress, irritability and fatigue) disturbs affect not only the driving activity but also the social and community life of this professional. <![CDATA[<B>Estudo de ideação suicida em adolescentes de 15 a 19 anos</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2006000300012&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Este estudo objetivou identificar a presença de ideação suicida em adolescentes da população geral, da cidade de Porto Alegre, com idades entre 15 e 19 anos; caracterizar os adolescentes com e sem ideação suicida quanto à intensidade de depressão/desesperança; identificar, nos adolescentes com ideação suicida, o nível de associação entre ideação suicida e depressão/desesperança e identificar, nos adolescentes com ideação suicida, quais variáveis foram encontradas como mais associadas à ideação suicida. Utilizou-se uma ficha de dados sócio-demográficos, Escala de Ideação Suicida de Beck, Inventário de Depressão de Beck e Escala de Desesperança de Beck. Os dados foram analisados através do cálculo de freqüências, pelo teste qui-quadrado e regressão logística. Dos 526 adolescentes da amostra, 36% apresentaram ideação suicida. Destes, 36% apresentaram sintomas de depressão e 28,6% de desesperança (moderada e/ou grave). As variáveis mais associadas à ideação suicida foram: sexo feminino, tentativa de suicídio de amigo, depressão e desesperança.<hr/>This study aimed at identifying suicide ideation among adolescents aged 15 to 19 years old within the general population of Porto Alegre city, Brazil; characterizing adolescents with and without suicide ideation as to depression/hopelessness intensity; identifying suicide ideation, association level between suicide ideation and depression/hopelessness in those youngsters; as well as identifying the variables most associated to suicide ideation in those adolescents showing this behavior. A social-demographic datasheet, Beck Scale for Suicide Ideation, Beck Depression Inventory and Beck Hopelessness Scale were used. Data were submitted to frequency calculation, chi-square test and logistic regression analysis. From the 526 adolescents in the sample, 36% presented suicide ideation. Out of them, 36% showed depression symptoms and 28,6% hopelessness (moderate and/or severe). The variables most associated to suicide ideation were: feminine gender, a friend's suicide attempt, depression and hopelessness. <![CDATA[<B>A autonomia de uma ciência <I>bona fide</i></B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2006000300013&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Este estudo objetivou identificar a presença de ideação suicida em adolescentes da população geral, da cidade de Porto Alegre, com idades entre 15 e 19 anos; caracterizar os adolescentes com e sem ideação suicida quanto à intensidade de depressão/desesperança; identificar, nos adolescentes com ideação suicida, o nível de associação entre ideação suicida e depressão/desesperança e identificar, nos adolescentes com ideação suicida, quais variáveis foram encontradas como mais associadas à ideação suicida. Utilizou-se uma ficha de dados sócio-demográficos, Escala de Ideação Suicida de Beck, Inventário de Depressão de Beck e Escala de Desesperança de Beck. Os dados foram analisados através do cálculo de freqüências, pelo teste qui-quadrado e regressão logística. Dos 526 adolescentes da amostra, 36% apresentaram ideação suicida. Destes, 36% apresentaram sintomas de depressão e 28,6% de desesperança (moderada e/ou grave). As variáveis mais associadas à ideação suicida foram: sexo feminino, tentativa de suicídio de amigo, depressão e desesperança.<hr/>This study aimed at identifying suicide ideation among adolescents aged 15 to 19 years old within the general population of Porto Alegre city, Brazil; characterizing adolescents with and without suicide ideation as to depression/hopelessness intensity; identifying suicide ideation, association level between suicide ideation and depression/hopelessness in those youngsters; as well as identifying the variables most associated to suicide ideation in those adolescents showing this behavior. A social-demographic datasheet, Beck Scale for Suicide Ideation, Beck Depression Inventory and Beck Hopelessness Scale were used. Data were submitted to frequency calculation, chi-square test and logistic regression analysis. From the 526 adolescents in the sample, 36% presented suicide ideation. Out of them, 36% showed depression symptoms and 28,6% hopelessness (moderate and/or severe). The variables most associated to suicide ideation were: feminine gender, a friend's suicide attempt, depression and hopelessness.