Scielo RSS <![CDATA[Revista Brasileira de Educação Especial]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=1413-653820140002&lang=es vol. 20 num. 2 lang. es <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <![CDATA[<b>Editorial</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-65382014000200001&lng=es&nrm=iso&tlng=es <![CDATA[<b>Crianças com e sem deficiência auditiva: o equilíbrio na fase escolar</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-65382014000200002&lng=es&nrm=iso&tlng=es a capacidade de manter o equilíbrio é pré-requisito para execução de várias atividades da vida diária. Para a regulação do equilíbrio, o sistema de controle postural necessita de informações quanto às posições relativas dos segmentos do corpo e à magnitude das forças atuantes. As informações são provenientes dos sistemas: visual, somatosensorial e vestibular. Alguns indivíduos com perda auditiva neurossensorial podem ter prejuízos no processo de aquisição de habilidades motoras básicas, em função de problemas no equilíbrio. O objetivo desse estudo foi comparar o equilíbrio entre crianças com deficiência auditiva e ouvintes de nove a 12 anos de idade. A amostra foi composta de 20 crianças, sendo 10 com deficiência auditiva e 10 ouvintes. Para avaliação foi aplicada a Escala de Equilíbrio Pediátrica - EEP (versão brasileira) e o Teste de Alcance. Em relação à EEP, as crianças com deficiência auditiva apresentaram mediana de 55 e as ouvintes de 56 pontos (p=0,007). No Teste de Alcance as crianças com perda auditiva e as ouvintes obtiveram as seguintes medianas: Alcance Anterior - 24/29 (p=0,021); Alcance Lateral Direita - 16/22 (p=0,001); Alcance Lateral Esquerda - 14,5/22 (p=0,002), respectivamente. Os resultados sugerem que as crianças com perda auditiva neurossensorial apresentaram déficit de equilíbrio, em comparação com as crianças ouvintes. Tal fato pode estar relacionado com a perda auditiva neurossensorial, uma vez que crianças com essa deficiência podem apresentar, concomitantemente, alterações de equilíbrio causadas pelo déficit na quantidade e/ou qualidade das informações provenientes do aparelho vestibular. Assim, foi possível identificar que as crianças com deficiência auditiva apresentam alterações no equilíbrio, quando comparadas as crianças ouvintes.<hr/>The ability to maintain one’s balance is a prerequisite for carrying out several daily living activities. To adjust one’s balance, the postural control system requires information about the relative positions of the body segments and the magnitude of the acting forces. The information comes from several systems: visual, vestibular and somatosensory. There may be concerns in the process of acquiring basic motor skills for some individuals with sensorineural hearing impairments, due to problems with balance. The aim of this study was to compare balance in children with and without hearing impairments from nine to 12 years. The sample was made up of 20 children, 10 with and 10 without hearing impairments. The Pediatric Balance Scale - PBC - (Brazilian version) and the Range Test were applied in order to assess balance. Regarding the PBC scores, children with hearing impairment had a mean score of 55, while hearing children presented with a men score of 56 points (p = 0.007). On the Range Test, children with and without hearing impairments had the following mean results: previous range - 24/29 (p=0.021); right lateral reach - 16/22 (p=0.001); left lateral reach - 14.5/22 (p=0.002), respectively. The results suggest that children with sensorineural hearing impairments had balance deficits, compared to hearing children. This fact may be related to sensorineural hearing impairment, since children with hearing impairments can also present alterations in balance caused by deficit in quantity and/or quality of information coming from the vestibular apparatus. Thus, it was possible to identify that children with hearing impairments present alterations in balance, when compared to hearing children. <![CDATA[<b>Admission and permanence of students with disabilities in brazilian public universities</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-65382014000200003&lng=es&nrm=iso&tlng=es o objetivo desta pesquisa foi identificar as ações e iniciativas de universidades públicas brasileiras quanto ao ingresso e permanência de pessoas com deficiência, a fim de verificar as barreiras e os facilitadores encontrados por esses estudantes no cotidiano do ensino superior. Quanto aos procedimentos, o método utilizado foi a pesquisa de campo, participaram da pesquisa 12 Coordenadores de Serviço de Apoio e 30 alunos com deficiência de 13 universidades. Optou-se por quatro fontes de evidências: entrevista semiestruturada, documentos, observação direta informal e artefatos físicos. Destacamos alguns diferenciais encontrados: O Atendimento Educacional Especializado desenvolvido na UNISUL; a estrutura e a organização dos serviços de apoio da UERN e da UFPR; o Guia USP Acessível; a legislação da UNESC; o Manual do Candidato da UFRJ, UDESC, UERN, UNESC, UNISUL, FURB e UnB. Cabe destacar o que pode ser considerado como os grandes desafios para as universidades diante do acesso dos alunos com deficiência: Romper as barreiras, ainda existentes, principalmente, as atitudinais; Prever e prover as condições de acessibilidade (física, comunicacional e pedagógica) e; criar alternativas para evitar práticas excludentes por parte dos professores. Nesse sentido, uma educação superior que prime pela presença de todos os alunos na universidade carece de investimentos em ações, em materiais adequados, em qualificação docente, em adequação arquitetônica, mas, principalmente, investimentos em ações que combatam atitudes inadequadas e preconceituosas.<hr/>The aim of this study was to identify actions and initiatives of Brazilian public universities regarding the admission and permanence of students with disabilities in higher education, in order to verify the barriers and facilitators faced by these students in daily life at this education level. The research method was field research. The participants were 12 Support Service Coordinators and 30 students with disabilities in 13 public universities. There were four sources for collecting evidence: semi-structured interviews, documents, direct informal observation and physical artifacts. Some differential service features were encountered: Specialized Educational Services carried out at UNISUL; the structure and organization of support services at UERN and UFPR; the USP Acessível Guide; UNESC policies; the Student Candidate Manual at UFRJ, UDESC, UERN, UNESC, UNISUL, FURB and UnB. The major challenges these universities face regarding access for students with disabilities are: breaking still existing barriers, mainly of attitudinal nature; anticipation and provision of accessible conditions (physical, communicational and pedagogical) and; creation of alternatives, on the part of teachers, to avoid practices that exclude. Thus, adequate materials, professional qualification, architectural adjustments, but mainly investments in actions to combat inadequate and discriminatory attitudes are required, in order to ensure that higher education will be concerned with all students. <![CDATA[<b>High abilities/giftedness in the school context: perceptions of teachers and teaching practice</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-65382014000200004&lng=es&nrm=iso&tlng=es esta pesquisa objetivou explorar as concepções de professores do Ensino Fundamental da rede pública de Vitória-ES sobre altas habilidades/superdotação (AH/SD), verificando as relações entre essas concepções e a prática docente dos participantes, avaliando também a concepção dos mesmos quanto à adequação de sua formação profissional para lidar com pessoas com AH/SD e investigando as principais estratégias de ensino e aprendizagem utilizadas pelos mesmos. Para a coleta de dados utilizou-se um roteiro de entrevista contendo cinco perguntas sobre alguns dados do participante, uma questão de evocação de palavras e quatro sobre a conceituação de AH/SD para os professores e sobre sua formação e prática profissional. Além disso, foram contadas quatro histórias sobre mitos relativos às AH/SD para eles julgarem e emitirem suas opiniões. A análise dos dados pareceu indicar que os participantes possuem uma concepção de que o aluno superdotado tem necessidades educativas específicas e que os professores não tiveram uma formação adequada para lidar com as pessoas com AH/SD. No que se refere as duas primeiras histórias, verificou-se que a maioria dos docentes não possue sua prática diária perpassada por tais mitos; quanto à terceira, 95% dos docentes concordaram que o aluno com AH/SD necessita ter atendimento especial, e quanto a quarta, enquanto uns participantes acreditavam que as pessoas com AH/SD sofrem isolamento, outros acreditavam que eles convivem muito bem com seus colegas. Espera-se que esta pesquisa possa contribuir para o avanço da discussão acerca dessa temática, oferecendo subsídios teóricos e metodológicos para embasar o trabalho docente na área.<hr/>This study aimed to explore the concepts of elementary school teachers from the Vitória-ES public school system regarding high abilities/giftedness (HA/GD), in order to investigate the relationship between the participants’ conceptions and teaching practices. We also evaluated their conception about the appropriateness of their training to deal with people with HA/GD and investigated the main teaching and learning strategies used by these students. For data collection we used an interview script containing five questions about some participant’s data, a question of word retrieval, and four about conceptualization of HA/GD for teachers and about their training and professional practice. Additionally, we asked them to judge and issue their opinions on four stories we told them about myths regarding HA/GD. The analysis of the data seemed to indicate that participants understand that gifted students have special needs and that teachers have not had adequate training to deal with people with HA/GD. As regards the first two stories, it was found that such myths do not seem to pervade the daily practice of the majority of teachers. As for the third, 95% of teachers agree that students with HA/GD need special services, and regarding the fourth, while some participants believed that people with HA/GD suffer isolation, others believed that they get along well with their peers. We hope that this study will contribute to advance the discussion of this theme offering theoretical and methodological support for teaching in this area. <![CDATA[<b>Interaction among visually impaired children in play groups</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-65382014000200005&lng=es&nrm=iso&tlng=es os estudos sobre o brincar e o desenvolvimento de crianças com deficiência visual tem destacado os obstáculos que podem surgir na interação com parceiros. No presente estudo, buscou-se analisar as formas de interação entre as crianças e de atuação do adulto, em situação de brincadeira faz de conta, identificando possíveis dificuldades e soluções para as mesmas. Foram observadas duas crianças de cinco anos, com deficiência visual (cegueira e baixa visão) e dificuldades escolares. As sessões foram filmadas e foram selecionados episódios de interação entre os participantes, com foco nas capacidades e dificuldades no contexto grupal. A análise foi baseada em categorias referentes à intervenção do adulto pesquisador e à interação entre crianças nas brincadeiras infantis. A análise dos dados indicou exemplos de habilidades e iniciativas das crianças na elaboração de cenas e enredos, bem como algumas dificuldades na interação entre elas. Destacou a atuação da pesquisadora na promoção da brincadeira, a partir de necessidades identificadas a cada momento da interação, como, por exemplo, a descrição de ações e objetos para a criança cega e a intervenção em caso de disputas. Considerou-se que grupos de brincadeira favorecem a interação entre crianças com deficiência visual e destacou-se o papel do adulto nesse contexto. Esses aspectos foram considerados relevantes para o planejamento pedagógico no contexto da educação inclusiva.<hr/>Studies about play and development of children with visual impairments have emphasized different obstacles than emerge during interaction with their playmates. In the present study, modes of child-child interaction and of adult intervention in make-believe group play were analyzed. Possible challenges and solutions for child participation were identified. The participants were two visually impaired children (blindness and low vision) aged five years who presented school difficulties. The sessions were filmed and episodes of interaction among participants were selected, focusing on capacities and difficulties in the group context. The analysis was based on categories related to the intervention of the adult researcher and to child-child interaction during play. The analysis indicated instances of abilities and initiatives of the children in elaborating scenes and plots, as well as some difficulties in their interaction. The researcher’s role in promoting play was also underscored in each interaction instance (e.g.: the description of actions and objects for the blind child and intervention in case of disputes). The results suggested that play groups promote interaction between visually impaired children while highlighting the role of the adult in this context. Those aspects were considered relevant for pedagogical planning in the context of inclusive education. <![CDATA[<b>Virtual learning object incluir: a resource for teacher education addressing inclusion</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-65382014000200006&lng=es&nrm=iso&tlng=es muito tem se discutido a respeito dos desafios e dificuldades da inclusão de estudantes com necessidades educacionais especiais, tal como vem sendo proposta pela política educacional brasileira a partir dos anos 1990. A literatura científica mostra que as lacunas referentes à formação inicial e continuada de professores constituem um dos grandes obstáculos para que a inclusão se torne realidade. O presente trabalho parte de uma discussão a respeito da formação de professores para a inclusão e postula dois princípios como alicerces para essa formação: a ética da responsabilidade e a disponibilidade para o outro. Apresenta, em seguida, o objeto virtual de aprendizagem Incluir (OA Incluir), construído com o objetivo de criar um instrumento facilitador à formação de professores para a educação na perspectiva da inclusão. Dividido em quatro módulos (Limites, Diversidade, Docência e Surdez), este OA visa ultrapassar a transmissão de informação, propondo uma linha de reflexão que promova e mobilize novas práticas dentro de pressupostos interacionistas/construtivistas. As reflexões desenvolvidas ao longo do OA são relatadas e brevemente discutidas. Uma análise quantitativa e qualitativa está em andamento e deverá sinalizar se o OA atinge o objetivo para o qual foi construído.<hr/>Much has been discussed about the challenges and difficulties for inclusion of students with special educational needs, as proposed by the Brazilian educational policy since the 1990s. Scientific literature shows that gaps related to the initial and continuing teacher education are a major obstacle in making inclusion come about. This paper presents a discussion of teacher education for inclusion and postulates two principles as the foundation for this education: the ethics of responsibility and being available to the other. Then, it presents the virtual learning object Incluir (LO Incluir), built with the objective of creating a tool to facilitate the preparation of teachers for education from the inclusion perspective. Divided into four modules (Limits, Diversity, Teaching and Deafness), this LO is intended to overcome the transmission of information, providing for reflection that promotes and mobilizes new practices within interactionist/constructivist assumptions. The reflections developed along the LO are reported and briefly discussed. A quantitative and qualitative analysis is in progress and will signal whether the LO reaches the objective for which it was created. <![CDATA[<b>The lack of education on giftedness in ufpel courses: a case study</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-65382014000200007&lng=es&nrm=iso&tlng=es apesar de muitos avanços no campo da educação especial, ainda há muito poucos trabalhos relativos ao tema das Altas Habilidades/Superdotação (AH/SD), particularmente no interior do Brasil. Neste artigo são apresentados resultados de uma pesquisa objetivando investigar a conjectura de que há bastante desconhecimento sobre este assunto nas licenciaturas da Universidade Federal de Pelotas (UFPel). Como estudo de caso, foram levantados dados com cerca de um terço dos estudantes dos cursos de Licenciatura em Matemática. Utilizou-se como instrumento de pesquisa um questionário que permitia avaliações quantitativas e qualitativas dos conhecimentos e concepções dos alunos acerca das AH/SD. Os resultados indicaram que a maioria deles não estudou o assunto e este não é abordado curricularmente no curso. Com isso, eles desconhecem a legislação pertinente e nem mesmo sabem que os termos "superdotação" e "altas habilidades" têm o mesmo significado. Como fruto da desinformação, as respostas deles continham diferentes concepções mitológicas segundo a literatura de referência. Apenas para exemplificar, a maioria vê os alunos com AH/SD como um grupo homogêneo e não imagina um superdotado apresentando baixo rendimento escolar.<hr/>Despite many advances in the field of special education, there are relatively few studies on the subject of high abilities/giftedness (HA/G), particularly in the interior of Brazil. This paper presents results of a study that aimed to investigate the supposition that there is a basic lack of understanding about HA/G in the Pelotas Federal University (UFPel) teacher preparation courses. In this case study, data was collected from almost a third of the undergraduate students in mathematics courses. The survey instrument was a questionnaire designed to carry out a quantitative and qualitative analysis of their knowledge and conceptions about HA/G. The results pointed out that the majority of the students had not studied this topic and it is not addressed in their courses. For this reason, they are unaware of the relevant legislation on this theme, much less that the terms "giftedness" and "high abilities" mean the same thing. Due to their lack of information, their answers revealed various mythological conceptions, as juxtaposed to the literature. To mention one example, most of them had the assumption that gifted students form a homogeneous group whose members never fail in school. <![CDATA[<b>Special education and implementation policy of educational service specialists in maceió/alagoas</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-65382014000200008&lng=es&nrm=iso&tlng=es esta pesquisa busca recuperar aspectos da História da Educação Especial do município de Maceió/Al e analisar o atual processo de implantação da política do atendimento educacional especializado (AEE) na rede municipal desta cidade alagoana. Além disso, procuramos também descrever algumas das condições geográficas, políticas, econômicas, sociais e educacionais da cidade de Maceió, em virtude de que estas características podem colaborar na compreensão de alguns dos resultados diagnosticados. Elegemos a análise documental como abordagem de pesquisa, a fim de diagnosticar a realidade estudada. Os resultados apontam que a Educação Especial, no município em questão, é bastante recente e que, apesar disso, há alguns esforços para responder a atual política de oferta do AEE em unidades escolares da rede municipal de educação. No entanto, diversas dificuldades foram encontradas, a saber: precária estrutura arquitetônica dos espaços escolares e ausência de profissionais habilitados. Estas dificuldades são consonantes com a realidade do município estudado que enfrenta sérios problemas de cunho econômico, político, social e educacional, os quais desfavorecem o desenvolvimento da Educação como um todo e da Educação Especial em particular. Diante disso, urge a necessidade de políticas/ações que promovam não somente a melhoria da formação profissional especializada para o AEE e das condições de infraestruturas do espaço escolar, mas principalmente a valorização e o fortalecimento de um sistema municipal de educação que, por muito tempo, vem sofrendo com o descaso de más administrações públicas.<hr/>This study seeks to recover aspects of the History of Special Education of the city of Maceió/AL and analyze the current process of policy implementation of specialized educational services (SES) in public schools of this city. In addition, we also describe some of the geographic, political, economic, social and educational conditions of the city of Maceió, because these characteristics may explain some of the results that were uncovered. We chose the documentary analysis approach as a way to diagnose the reality under investigation. The results indicate that Special Education in Maceió is fairly recent, and that despite this, attempts have been made to answer the current policies providing for SES schools of the municipal education system. Nevertheless, several difficulties were encountered, namely: precarious architectural structure of school buildings and the lack of qualified professionals. These difficulties are similar to the city’s general reality, as a place that faces serious problems of economic, political, social and educational nature, which undercut the development of education as a whole and Special Education in particular. Therefore, there is urgent need for policies/actions to promote not only the improvement of specialized professional development for the SES and infrastructure conditions of school buildings, but mainly the enhancement and strengthening of the municipal system of education which, for many years has suffered the neglect of bad public administration. <![CDATA[<b>Opinion of education and health professionals on the use of orthostatic boards for students with cerebral palsy</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-65382014000200009&lng=es&nrm=iso&tlng=es dentre os recursos de Tecnologia Assistiva existentes para a adequação postural na posição ortostática, para o aluno com paralisia cerebral que não pode experienciar a postura em pé, está a prancha ortostática. Em um ambiente escolar e terapêutico foram observadas dificuldades, em posicionar alunos com paralisia cerebral quadriplégica espástica, com um modelo tradicional de prancha existente no mercado. Sendo assim, estes alunos não tinham acesso adequado e não eram incluídos às atividades desenvolvidas naquele ambiente, por falta de um mobiliário de posicionamento adequado. Por isso, foi desenvolvida uma prancha ortostática a fim de favorecer a participação dos alunos nas atividades. O objetivo deste trabalho foi avaliar a efetividade de uso de uma prancha ortostática para o aluno com paralisia cerebral, por meio da opinião de profissionais da educação e da saúde. Os participantes foram quatro profissionais da Educação e da Saúde que atendiam alunos com paralisia cerebral. Foram realizadas entrevistas semiestruturadas com os participantes. O áudio das entrevistas foi transcrito na íntegra e, em seguida, procedeu-se à análise do conteúdo. Identificou-se um grande tema, Avaliação, e cinco subtemas: 1) Benefícios da prancha; 2) Segurança da prancha; 3) Manuseio da prancha; 4) Interações do aluno e 5) Modificações na prancha. Os resultados desta etapa indicaram que, segundo a opinião dos profissionais, a prancha: 1) proporcionou benefícios para os alunos e participantes; 2) é segura para o perfil de aluno selecionado; 3) é difícil de manusear; 4) favoreceu a atenção, comunicação, posicionamento e movimentação de cabeça dos alunos e 5) há necessidade de algumas modificações.<hr/>Among the resources available in Assistive Technology for postural orthostatic positioning for students with cerebral palsy who cannot maintain an orthostatic position, the orthostatic board is available to help them. In a school and therapeutic environment, difficulties were reported in positioning students with spastic quadriplegic cerebral palsy using the traditional model that is available on the market. For lack of the necessary equipment to help position the students, they were hampered as to access, and were not included in some of the activities performed in that environment. As a result, an orthostatic board was developed, in order to enable the students to participate in various activities. The aim of this study was to evaluate the effectiveness of using an orthostatic board for a student with cerebral palsy, by means of gathering the opinions of health and education professionals. The participants were four Education and Health professionals that work with students with cerebral palsy. Semi-structured interviews were carried out with those participants. The audio section recorded in the interviews was fully transcribed, and the content was then analyzed. The main theme was identified as Assessment, and five sub-themes were identified as: 1) Benefits of the board, 2) Board safety, 3) Handling; 4) Student interactions and 5) Modifications to the board. The results of this phase indicated that in the opinion of the professionals, the board: 1) provided benefits for students and participants, 2) was safe for the selected student profile, 3) was difficult to handle, 4) enabled promotion of attention, communication, positioning and movement of the heads of students and 5) required some modifications. <![CDATA[<b>La transición a la vida activa de las personas con discapacidad: expectativas familiares y grado de ajuste al trabajo</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-65382014000200010&lng=es&nrm=iso&tlng=es as pessoas com deficiência física ou mental têm direito a ser inseridas no mercado de trabalho para exercer seu papel como cidadãos ativos, independentes e com um nível de qualidade de vida adequado, o que constitui um autêntico desafio ao qual devemos responder. No caso deste estudo, nos limitamos ao tema deficiência intelectual. No que diz respeito ao âmbito educativo, os Programas de Qualificação Profissional Inicial (PCPI), na modalidade de Aula de Formação Específica, oferecem una formação adequada ao patamar de competências sociais, pessoais e laborais para este coletivo. Neste trabalho, apresentamos os resultados da aplicação de um Itinerário de Inserção Laboral, dentro do quadro de um projeto europeu, no qual participaram estudantes de três centros educativos da Finlândia, Espanha e Dinamarca, assim como as suas respetivas famílias. Para conhecer o grau de ajustamento ao trabalho destes jovens, estes responderam ao Work Adjustment Inventory-WAI (Inventário de Ajustamento ao Trabalho) e também entrevistamos as suas famílias. Os resultados permitiram saber que o itinerário de inserção laboral desenhado constitui uma oferta formativa adequada para os estudantes em questão, enfatizamos que o grau de adaptabilidade ao trabalho está relacionado com o nível de atividade, empatia, sociabilidade e assertividade de cada pessoa. As entrevistas possibilitaram a identificação do perfil das famílias destes estudantes e identificar as suas expectativas em relação ao futuro dos seus filhos e filhas. Entre as conclusões alcançadas, destacam-se as altas expectativas das famílias no que diz respeito à inserção dos seus filhos, assim como o alto nível de avaliação relativamente ao itinerário desenhado como estratégia fundamental para conseguir lograr uma formação integral e uma inserção sócio-laboral adequada.<hr/>People with mental or physical disabilities have the right to join the labour market in order to be active, independent citizens with a sufficient standard of living, which is a challenge that must be met. In this paper we discuss the theme of intellectual disability. In terms of education, the Specialised Workshops included in Initial Professional Qualification Programmes (PCPI for its initials in Spanish) offer suitable training in social, personal and work skills for this group of people. The results of applying a Job Placement Itinerary within a European project framework, which involved students from three schools in Finland, Spain and Denmark as well as their families, are presented in this paper. To measure the degree of work adjustment these young people have responded to the Work Adjustment Inventory-WAI and their families were interviewed. The results have determined that the designed job placement itinerary constitutes a suitable training option for these students and emphasized that the degree of work adjustment is related to the individual’s level of activity, empathy, sociability and assertiveness. Through the interviews it was possible to identify the profile of these students’ families and their expectations about the future of their children. The final conclusions underscore the high expectations of families for the inclusion of their children, as well as the high value placed on the designed itinerary as a key strategy for more comprehensive training and suitable social and labour integration. <![CDATA[<b>Tendencies and perspectives of academic production on the theme of deaf education: mapping productions</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-65382014000200011&lng=es&nrm=iso&tlng=es este estudo objetivou apresentar algumas tendências e perspectivas da produção acadêmica referente à temática educação de surdos, considerando-se as teses e dissertações constantes no Banco de Teses da CAPES segundo o ASSUNTO Educação de surdos e ANO BASE 2005 a 2009. Constituiu-se em uma investigação de caráter exploratório descritivo e de natureza bibliográfica. Por meio das informações bibliográficas e com base nos resumos das produções acadêmicas, pretendeu-se, a partir da catalogação dos dados, mapear o respectivo campo do conhecimento. Os dados coletados permitiram observar a distribuição anual e por modalidade da produção acadêmica, a distribuição geográfica e segundo as universidades, os níveis de financiamento e os programas de pós-graduação aos quais está vinculada essa produção. Os resultados obtidos corroboram os apontamentos de estudos que focalizaram semelhantes aspectos, como o crescimento constante no número de Mestrados e Doutorados no país, a prevalência de produções na modalidade Mestrado acadêmico, a distribuição geográfica e institucional dos estudos concentrada nas regiões Sudeste e Sul e a insuficiência de aportes financeiros, por meio da concessão de bolsas de estudos, destinados à produção científica. Ressalta-se também, o percentual expressivo de instituições privadas, a prevalência de estudos vinculados a programas em Educação, Letras e Linguística, bem como, a presença de programas comumente observados em diferentes áreas de investigação, como programas em Ciência da computação, Engenharia e Tecnologia. Por fim, evidencia-se a relevância de estudos que visem sistematizar e inventariar a produção acadêmico-científica em um determinado campo do conhecimento, contribuindo para o aprimoramento da área e de seus objetos de investigação.<hr/>This study aimed to present some tendencies and perspectives of academic research production related to the theme of deaf education, considering dissertations and theses contained in the CAPES Database according to the SUBJECT Deaf education and YEAR 2005 to 2009. An exploratory investigation of descriptive and bibliographical nature was carried out. Using bibliographic information and academic productions abstracts, the aim was to catalogue relevant information and map this field of knowledge. The collected data enabled us to observe the yearly distribution according to the mode of academic production, the geographical distribution, according to location of public and private universities, funding levels and the graduate programs responsible for the production. The results corroborate the results from other studies that focused on similar aspects, such as the steady growth in the number of Masters’ and Doctoral studies in the country, the prevalence of productions at the Masters’ level, the geographical distribution and institutional studies concentrated in the Southeast and Southern regions, and the insufficient level of funding, by means of grants and scholarships for scientific production. The study showed the involvement of a significant percentage of private institutions, the prevalence of studies related to Education, Language and Literature, and Linguistics programs, as well as the presence of programs commonly observed in diverse areas of investigation, such as Computer Science, Engineering and Technology programs. Finally, the study underscores the importance of studies aiming to organize and inventory the academic and scientific production in a specific field of knowledge, contributing to advancing the area and its research objects.