Scielo RSS <![CDATA[Ágora: Estudos em Teoria Psicanalítica]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=1516-149820140001&lang=pt vol. 17 num. 1 lang. pt <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <![CDATA[<b>A encenação dos sonhos</b>: <b>imagens de Freud e de Benjamin</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-14982014000100001&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O texto procura tecer alguns elos entre o modo como se dá a formação dos sonhos para a psicanálise freudiana e a maneira pela qual o trabalho com cinema se processa na visão de Walter Benjamin. A aproximação entre sonhos e cinema na visão dos autores mencionados visa analisar o modo como a subjetividade se constitui na modernidade, apontando tanto para questões da vida psíquica dos sujeitos, como também para uma perspectiva histórico-política mais abrangente.<hr/>The dream's staging: images of Freud and Benjamin. The text seeks to make some links between the way the formation of dreams is to Freudian psychoanalysis and the way of working with film takes in the vision of Walter Benjamin. The rapprochement between dreams and movies in the authors mentioned aims to examine how subjectivity is constituted in modernity, pointing both to issues of psychic life of individuals but also to an historical and political vision. <![CDATA[<b>O self como centro de ação em James e Winnicott</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-14982014000100002&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Trata-se de investigar a noção de self agente em James e Winnicott. Em James, examinamos o elemento descritivo que constitui o self. Em Winnicott, exploramos a teoria explicativa sobre a emergência do self. A perspectiva de Winnicott é apresentada aqui como a pré-história do self jamesiano. A concepção de James é análoga ao self integrado winnicottiano, concebido como uma posição corporificada resultante da ação do organismo no campo experiencial. A combinação das duas abordagens resulta na noção de self como fluxo de identidade que emerge da interação com os outros no espaço transicional.<hr/>The self-agency in James and Winnicott. Our goal is to investigate the notion of self-agency in James and Winnicott. With James, we examine the descriptive element of what constitutes a self. With Winnicott, we explore his explanatory theory on self-emergence. Winnicott's perspective is presented here as the prehistory of the Jamesian self. James's conception of self is similar to the Winnicottian integrated self that is an embodied position that emerges from the organism's actions at the experiential field. The blend of the two approaches leads to the idea that the self is a flux of identities emerging in interaction with others in the transitional space. <![CDATA[<b>Psicanálise e estética da recepção</b>: <b>desacordos e entrecruzamentos</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-14982014000100003&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Este trabalho visa discutir entrecruzamentos e dessemelhanças entre a teoria da recepção estética da escola de Jauss, Iser e colaboradores, e a psicanálise freudiana. Os teóricos da recepção estética leram Freud, o que não significa dizer que compreenderam suas posições com relação à leitura da obra de arte. Assim, o ensaio almeja sistematizar algumas das vicissitudes desta relação.<hr/>Psychoanalysis and Aesthetics Reception: disagreements and crosslinkings. This paper aims to discuss certain intersections and discrepancies between the theories of aesthetic reception, as we can see in Jauss and Iser writings, and Freudian psychoanalysis. As we know, the theorists of the aesthetic reception read Freud, but that doesn't mean that the authors have well understood their positions related to the reading action of the artwork. Thus, this work intends to describe some of this relationship features. <![CDATA[<b>A voz na experiência psicanalítica</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-14982014000100004&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O presente trabalho aborda a voz em sua dimensão de imperativo superegoico e de objeto pulsional na experiência psicanalítica. Parte da voz da consciência moral que S. Freud assimilou ao supereu examina o imperativo de gozo e define o objeto vocal. Com J. Lacan, segue um percurso que vai da voz da lei à lei insensata para desembocar no real. Para situar a presença do objeto voz, recorre à entrevista com um diretor de ópera, à tela de um artista plástico que atualiza a narrativa mitológica e à clínica psicanalítica em sua variedade de posições subjetivas.<hr/>The voice in the psychoanalytic experience. The present work deals with the voice in its dimension of superegoic imperative and of pulsional object in the psychoanalytic experience. It starts with the voice of moral conscience that S. Freud assimilated to the superego, it examines the jouisance imperative and it sets the vocal object. With J. Lacan, it follows a route that goes from the voice of the law to the unreasonable law in order to get at the real. To situate the presence of the voice object, it uses an interview with an opera director, a screen of a visual artist that updates the mythological narrative and the psychoanalytic clinics in its variety of subjective positions. <![CDATA[<b>Maternidade do exílio. Quando o deslocamento favorece a fertilidade</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-14982014000100005&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Neste artigo, os efeitos subjetivos da migração em mulheres grávidas em situação de grande precariedade foram explorados a partir de uma pesquisa em psicanálise conduzida no seio de uma maternidade pública da cidade de Buenos Aires (Argentina). A análise dos resultados clínicos mostra que o movimento impulsionado pela migração engendra importantes remanejamentos subjetivos e pulsionais na mulher, dando assim um novo impulso ao encontro com o sexual e à procriação.<hr/>Motherhood in exile. Migration as a stimulus to fertility. Based on a psychoanalytic research project carried out at a maternity hospital in Buenos Aires (Argentina), this paper explores the effects of migration on the subjectivity of pregnant women living in condition of precariousness. The clinical data shows that in these women, the movement initiated by migration provokes a subjective and drive-related reorganisation, which may function as a new stimulus in the encounter with sexuality and procreation. <![CDATA[<b>Sobre o amor e suas falhas</b>: <b>uma leitura da melancolia em psicanálise</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-14982014000100006&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Pretendemos aqui analisar uma das definições que Lacan oferece da psicose (em 1975), atribuindo a uma falha do amor, em seu processo de constituição, a origem das psicoses de maneira geral. Após compreender o sentido dessa falha amorosa, buscaremos identificar o modo de operação do amor (e sua falha) no quadro clínico da melancolia.<hr/>About love and its flaws: a reading of melancholy in psychoanalysis. This work's aim is to analyze one of the psychosis' definitions offered by Lacan (in 1975), attributing to a love's flaw of operation, the origin of psychosis in general. After understanding the meaning of this love's flaw, one will try to identify the operation of love (and its flaws) in the clinical condition of melancholy. <![CDATA[<b>A construção do caso clínico como forma de pesquisa em psicanálise</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-14982014000100007&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O artigo fundamenta a noção de construção do caso em psicanálise como meio de pesquisa e de trabalho em equipe interdisciplinar, tomando como referência as contribuições de Freud, em 1937, e as do psiquiatra italiano Carlo Viganò. Propõe uma aproximação do inanalisável e da verdade histórica freudianos com o Real que se depura de um caso clínico por meio de sua construção. Formaliza os momentos essenciais no processo da construção do caso como metodologia de trabalho, evidenciando a possibilidade de transmissão ao final do processo.<hr/>The clinical case construction as a way of Research in Psychoanalysis. The article substantiates the notion of case construction in psychoanalysis as a way of research and interdisciplinary teamwork, with reference of Freud's contributions in 1937 and Italian psychiatrist Carlo Viganò. It is proposed an approach of unanalyzable and historical Freudian truth with Real which is debugging of a case through its construction. It also formalizes those essential moments in the process of case construction as a methodology of working, showing the possibility of transmission in the end of process. <![CDATA[<b>O diagnóstico fonoaudiológico na paralisia cerebral</b>: <b>o sujeito entre a fala e a escuta</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-14982014000100008&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Este artigo destaca a clínica fonoaudiológica como espaço para a escuta do corpo (falante) de portadores de paralisia cerebral e objetiva estudar o caso clínico de uma adolescente para estabelecer o diagnóstico diferencial próprio ao campo fonoaudiológico. Dados das investigações anamnéstica e armada, das entrevistas preliminares e de fragmentos das sessões de terapia fonoaudiológica, durante as quais se utilizou um diário e uma prancha de Comunicação Suplementar e/ou Alternativa, analisados com base no Modelo de Organização dos Sintomas de Linguagem dão sustentação ao diagnóstico fonoaudiológico, que, em sendo diferencial, indica a direção do tratamento.<hr/>The speech and language diagnosis in cerebral palsy: the subject between speech and listening. This article highlights the speech and language therapy as a space for listening to the (talking) body of subjects with cerebral palsy and aims to study the case of a teenager in order to establish differential diagnosis, specific to the speech and language therapy field. Data from anamnestic and armed investigations, from preliminary interviews and fragments of speech and language therapy sessions, in which a diary and a board of Supplementary and/or Alternative Communication were used, were analyzed based on the Language Symptoms Organization Model, which gives sustainability to the speech and language diagnosis that, being differential, indicates the direction of treatment. <![CDATA[<b>Conceitos fundamentais dos métodos projetivos</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-14982014000100009&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O objetivo deste artigo é colaborar para fortalecer a confiança no uso dos métodos projetivos nos processos de avaliação psicológica. As associações produzidas frente aos estímulos ambíguos são consideradas expressões da personalidade. Tendo a psicanálise como cenário principal, faremos aqui a exposição de alguns conceitos teóricos que colaboram para a interpretação dos materiais projetivos. São examinados três conceitos: a projeção e suas diferentes variações, a elaboração de fantasias e a personificação. Em seguida, são apresentados alguns métodos projetivos, discutindo-se a eficácia projetiva por meio dos desenhos e pinturas.<hr/>Fundamental concepts for projective techniques. The objective of this article is to collaborate to strengthen the trust in the use of the projective methods in processes of psychological diagnosis. The associations produced to the ambiguous materials are considered as expressions of the personality. With the psychoanalysis as the main scenery, this paper exposes some theoretical concepts that make possible the interpretation of the projective materials. In the first part of the paper, four concepts are examined: projection and their different variations, elaboration of fantasies, personification and compromise formation. Soon afterwards, some projective techniques are presented, and the effectiveness of them is illustrated through drawings and paintings. <![CDATA[<b>"AGISTE CONFORME O TEU DESEJO?": a<i>ntígona e a ética trágica da psicanálise</i>, de Ingrid Vorsatz.</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-14982014000100010&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O objetivo deste artigo é colaborar para fortalecer a confiança no uso dos métodos projetivos nos processos de avaliação psicológica. As associações produzidas frente aos estímulos ambíguos são consideradas expressões da personalidade. Tendo a psicanálise como cenário principal, faremos aqui a exposição de alguns conceitos teóricos que colaboram para a interpretação dos materiais projetivos. São examinados três conceitos: a projeção e suas diferentes variações, a elaboração de fantasias e a personificação. Em seguida, são apresentados alguns métodos projetivos, discutindo-se a eficácia projetiva por meio dos desenhos e pinturas.<hr/>Fundamental concepts for projective techniques. The objective of this article is to collaborate to strengthen the trust in the use of the projective methods in processes of psychological diagnosis. The associations produced to the ambiguous materials are considered as expressions of the personality. With the psychoanalysis as the main scenery, this paper exposes some theoretical concepts that make possible the interpretation of the projective materials. In the first part of the paper, four concepts are examined: projection and their different variations, elaboration of fantasies, personification and compromise formation. Soon afterwards, some projective techniques are presented, and the effectiveness of them is illustrated through drawings and paintings.