Scielo RSS <![CDATA[Revista CEFAC]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=1516-184620140006&lang=es vol. 16 num. 6 lang. es <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <![CDATA[EDITORIAL]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000601749&lng=es&nrm=iso&tlng=es <![CDATA[Medial olivocochlear system and genotoxicity in students of the tobacco-producing region]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000601751&lng=es&nrm=iso&tlng=es OBJETIVO: avaliar a associação entre a função do sistema olivococlear medial e biomarcadores genotóxicos em escolares residentes de região fumicultora. MÉTODOS: trata-se de um estudo observacional, prospectivo e transversal. O grupo estudo foi composto por 21 escolares normo-ouvintes residentes de região fumicultora e o grupo controle por 25 escolares normo-ouvintes que não residiam na zona rural. O sistema olivococlear medial foi avaliado por meio da supressão das Emissões otoacústicas produto de distorção, e os biomarcadores genotóxicos foram: ensaio cometa, teste de micronúcleos e ensaio fluorimétrico de quantificação de DNA. Os dados obtidos foram submetidos à análise estatística. RESULTADOS: ao comparar a ocorrência do efeito de supressão das emissões entre os grupos, não foi detectada associação significante. Tanto no ensaio cometa como no ensaio fluorimétrico de quantificação de DNA a média do grupo estudo mostrou-se significantemente mais elevada que a do grupo controle. No teste de micronúcleos, verificou-se diferença significante quanto ao somatório de células alteradas e à frequência de células binucleadas, sendo a média do grupo estudo mais elevada que a do grupo controle. Já referente à frequência de células com micronúcleo, não se observou diferença significante entre os grupos. Não foi detectada associação entre ocorrência do efeito de supressão e os resultados dos biomarcadores genotóxicos. CONCLUSÃO: o grupo estudo não apresentou alterações no sistema olivococlear medial, evidenciado pela presença de supressão das emissões, porém apresentou índices de dano significantemente mais elevados dos biomarcadores genotóxicos. Entretanto, não se verificou associação entre supressão das emissões e genotoxicidade. <hr/> PURPOSE: to evaluate the association between the function of the medial olivocochlear system and the biomarkers of genotoxicity in resident students from the tobacco-producing region. METHODS: the study group was composed by 21 normal-hearing students from the tobacco-producing region and the control group by 25 normal-hearing students who did not live in the countryside. The medial olivocochlear system was assessed by the distortion of product otoacoustic emissions and genotoxic biomarkers, such as: comet assay, micronucleus test and fluorimetric assay for the quantification of DNA. The data were subjected to statistical analysis. RESULTS: by comparing the occurrence of suppression of emissions between the groups, no significant association was detected. Considering the comet assay and the fluorimetric assay for quantitation of DNA, the mean of the study group was considerate significantly higher than the mean of the control group. In the micronucleus test, it was found a significant difference in the sum of abnormal cells and in the frequency of binucleated cells, with the mean of the study group higher than the one found in the control group. And, in relation to the frequency of cells with micronucleus, it showed no significant difference between both groups. No association was found between the occurrence of suppression and the results of genotoxicity biomarkers. CONCLUSION: the study group had no alteration in medial olivocochlear system, which was evidenced by the presence of emissions suppression, but it presented injury rates considerate significantly higher in relation to the genotoxic biomarkers. However, there was no association between suppression of emissions and genotoxicity. <![CDATA[Questionnaire ABEL - Auditory Behavior in Everyday Life: a study of reliability - internal consistency of the brazilian version and reproducibility for test-retest]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000601763&lng=es&nrm=iso&tlng=es OBJETIVO: verificar a confiabilidade (reprodutibilidade e consistência interna) da versão em português do questionário Auditory Behavior in Everyday Life e associações da pontuação com dados de anamnese e escolaridade dos entrevistados. MÉTODOS: foram entrevistados 18 pais de crianças entre quatro e 13 anos e 11 meses, usuárias de próteses auditivas. A versão em português do questionário foi aplicada em duas ocasiões. Estatisticamente, verificou-se a reprodutibilidade no teste-reteste e a consistência interna do instrumento. Foi investigado se valores obtidos na aplicação do questionário poderiam estar associados às variáveis da anamnese e à escolaridade dos entrevistados. RESULTADOS: o questionário mostrou-se reprodutível e com elevada consistência interna (Alfa de Cronbach&gt;0,7). Houve associação entre o grau de perda auditiva e os itens "Atende ao telefone adequadamente" (p=0,004*), "Diz o nome de irmãos, membros da família e colegas de classe" (p=0,032*) e o Fator Consciência Auditiva (p=0,039*). Houve associação entre escolaridade dos entrevistados e o item "Solicita ajuda em situações necessárias" (p=0,027*). CONCLUSÕES: a versão em português do questionário ABEL tem confiabilidade: reprodutibilidade e consistência interna. Há associação entre o grau de perda auditiva e a pontuação em itens específicos e no Fator de Consciência Auditiva. Há associação entre a escolaridade dos entrevistados e o item "Solicita ajuda em situações necessárias". <hr/> PURPOSE: to check the reliability (reproducibility and internal consistency) of the Portuguese version of the questionnaire Auditory Behavior in Everyday Life and the score associations with anamnesis and with interviewed people's schooling. METHODS: we interviewed 18 parents of children between four and 13 years and 11 months, hearing aids users. The Portuguese version of the questionnaire was administered on two occasions. We verified the reproducibility of the test-retest and internal consistency and we investigated whether the values of the questionnaire could be associated with variables of anamnesis and with interviewee's schooling. RESULTS: the questionnaire proved to be reproducible and had high internal consistency (Cronbach's Alpha&gt;0.7). There was an association between the degree of hearing loss and scores in item "Answers telephone appropriately" (p=0.004*) and "Says the names of siblings, family members, classmates" (p=0.032*) and scores on Auditory Awareness Factor (p=0.039*). There was an association between interviewee's schooling and the scores in item "Asks for help in situations where it is needed" (p=0.027*). CONCLUSIONS: the Portuguese version of ABEL showed reliability - reproducibility and internal consistency. There is an association between the degree of hearing loss and scores on specific items and in Auditory Awareness Factor. There is an association between interviewee's schooling and the score in item "Asks for help in situations where it is needed". <![CDATA[Work, continuing education and income professional audiologist active in audiology]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000601775&lng=es&nrm=iso&tlng=es OBJETIVO: investigar o perfil de formação e atuação do fonoaudiólogo na área de Audiologia na 6ª Região, além de analisar a satisfação profissional, e verificar possíveis relações entre o grau de aperfeiçoamento profissional e de satisfação do fonoaudiólogo com a renda salarial mensal. MÉTODOS: estudo transversal descritivo com fonoaudiólogos inscritos no Conselho Regional de Fonoaudiologia 6ª Região por meio da aplicação de um questionário analisando as variáveis: formação acadêmica, áreas de atuação profissional, faixa salarial e satisfação com a profissão, no período de maio a outubro de 2012. RESULTADOS: foram investigados 857 fonoaudiólogos. Destes, 63,8% atuam com Audiologia, 53,7% se graduaram em Minas Gerais, 51,4% possuem especialização e 5,5%, mestrado, o que se relacionou estatisticamente com maior renda salarial (p&lt;0,05). No que se refere à fonte de renda, 84,1% relataram ter na Fonoaudiologia a sua única fonte de renda e a maior parte recebe de 2 a 5 salários mínimos. A maioria trabalha com audiologia ocupacional. O otorrinolaringologista é o profissional que mais encaminha pacientes. Dos investigados, 54,1% não estão satisfeitos com a profissão. Houve relação significante entre satisfação profissional e renda. CONCLUSÃO: observou-se pouca inserção do fonoaudiólogo nas áreas de perícia, teste de processamento auditivo central, reabilitação vestibular, programa de conservação auditiva e testes labirínticos. Ressalta-se a importância da continuidade dos estudos para auxiliar na inserção profissional no mercado de trabalho e melhorar a qualificação profissional. Torna-se evidente a necessidade de se integrar formação acadêmica e profissional. <hr/> PURPOSE: to investigate the formation pattern and performance of the audiologist in Audiology in the 6th Region, besides analyzing job satisfaction, and to verify the relationship between the degree of professional development and the degree of satisfaction with the speech therapist monthly income - salary. METHODS: cross-sectional study with audiologists enrolled in the 6th Region Regional Speech Council, through the application of a questionnaire to analyze the variables: education, professional activity areas, salary and satisfaction with the profession, in the period of May to October 2012. RESULTS: 857 audiologists were investigated. Of these, 63.8% work in Audiology, 53.7% graduated in Minas Gerais, 51.4% have specialization and 5.5% are masters, which was associated statistically with higher wage income (p &lt;0.05) . With regard to the source of income, 84.1% reported having in Speech Therapy their only source of income and most receive from 2 to 5 minimum wages. Most work with occupational audiology. The ENT is the professional who most directs patients. From those investigated, 54.1% are not satisfied with their profession. There was a significant relationship between job satisfaction and income. CONCLUSION: there was little integration of the speech therapist in the areas of expertise, central auditory processing test, vestibular rehabilitation, hearing conservation program and labyrinthine tests. The importance of continuing studies is emphasized to assist in employability on the labor market and improve professional skills. It is evident the need to integrate academic and professional training. <![CDATA[Symmetry of tympanometric measurements and transient evoked otoacoustic emissions in neonates]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000601783&lng=es&nrm=iso&tlng=es OBJETIVO: verificar a ocorrência de simetria maior ou igual à 70%, entre as orelhas, comparando os resultados da timpanometria nas frequências de 226 e 1000Hz com as respostas das emissões otoacústicas em neonatos. MÉTODOS: foram avaliados 39 neonatos, em média com 60 horas de vida, sendo 20 do sexo feminino e 19 do sexo masculino. Cada recém-nascido foi submetido à avaliação timpanométrica com as sondas de 226 e 1000 Hz, e avaliação das emissões otoacústicas transientes em ambas as orelhas. Os resultados foram submetidos a testes estatísticos. RESULTADOS: na análise da amostra pode-se observar ocorrência de simetria &lt;70% nas respostas das emissões otoacústicas em 74,4% do total de neonatos. Por outro lado, na timpanometria, houve uma maior ocorrência de simetria ≥ 70%, tanto para sonda de 226 quanto para 1000Hz (76,9% e 84,6%, respectivamente). No que diz respeito ao gênero e orelha, as diferenças encontradas em cada teste não foram significantes, embora tenha sido observada maior amplitude de respostas de emissões otoacústicas na orelha direita. CONCLUSÃO: os resultados sugerem haver simetria no sistema auditivo em sua porção mais periférica, e início de assimetrias a partir da cóclea. <hr/> PURPOSE: to determine the occurrence of symmetry ≥ 70% between the ears, comparing the results of 226- and 1000-Hz tympanograms with otoacoustic emissions in neonates. METHODS: thirty-nine neonates (20 female and 19 male) were evaluated at an average age of 60 hours. Each newborn underwent 226- and 1000-Hz probe tone tympanometry and evaluation of the transient-evoked otoacoustic emissions in both ears. The results were subjected to statistical tests. RESULTS: occurrence of symmetry &lt; 70% was observed in otoacoustic emissions for 74.4% of the neonates. Tympanometry produced a greater occurrence of symmetry ≥ 70% for both the 226- and 1000-Hz probe tones (76.9% and 84.6%, respectively). With regard to gender and ear, the differences in each test were not significant, although greater otoacoustic emission amplitude was observed for the right ear. CONCLUSION: the results suggest symmetry in the auditory system in its most peripheral portion, and asymmetries begin to occur from the cochlea. <![CDATA[The influence of eye movement and the vestibular-ocular reflex in reading and writing]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000601791&lng=es&nrm=iso&tlng=es OBJETIVO: verificar se alterações na oculomotricidade e no reflexo vestíbulo-ocular estão relacionados com a dificuldade de leitura e escrita. MÉTODOS : foram selecionados 18 sujeitos de ambos os gêneros, faixa etária entre nove e 14 anos de idade, com audição e acuidade visual estática dentro dos padrões de normalidade, sendo um grupo de 11 sujeitos com dificuldade de leitura e escrita e outro grupo controle composto por sete sujeitos sem a dificuldade. Os exames realizados foram avaliações da linguagem escrita, acuidade visual estática, acuidade visual dinâmica, audiológica e oculomotricidade. RESULTADOS : a acuidade visual estática, calibração, nistagmo espontâneo e semi - espontâneo apresentaram-se dentro da normalidade em toda população estudada. As provas de acuidade visual dinâmica e movimento sacádico apresentaram diferença estatisticamente significante (p&lt;0,05) entre os grupos estudados, enquanto o movimento de rastreio apresentou alterações em ambos os grupos, não ocorrendo diferença estatística. CONCLUSÃO: alterações na oculomotricidade, assim como mal desempenho do reflexo vestíbulo-ocular mostrado na acuidade visual dinâmica podem estar interferindo na dificuldade do desenvolvimento da leitura e escrita. <hr/> PURPOSE: to determine whether changes in eye movement and vestibular- ocular reflex are related to the difficulty of reading and writing. METHODS: 18 subjects of both genders, aged between nine and 14 years of age with hearing and static visual acuity within normal limits were selected: one group of 11 subjects with reading and writing and other composite control group seven subjects without difficulty. The tests included evaluations of written language, static and dynamic visual acuity, audiological and eye movements. RESULTS: static visual acuity, calibration, spontaneous and semi- spontaneous nystagmus were within the normal range throughout the study population. Proofs of dynamic visual acuity and saccades showed statistically significant difference (p &lt; 0.05) between the groups, while the smooth-persuit eye movements showed changes in both groups, with no statistical difference. CONCLUSION: alterations in eye movement, as well as poor performance of the vestibulo-ocular reflex shown in dynamic visual acuity may be interfering with the difficulty of the development of reading and writing. <![CDATA[The use of band limited stimulus in newborn hearing screening with automated auditory brainstem responses]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000601798&lng=es&nrm=iso&tlng=es OBJETIVO: estudar os resultados obtidos no Potencial Evocado Auditivo de Tronco Encefálico Automático (PEATE-A) com um estímulo chirp de bandas limitadas. MÉTODOS: o PEATE-A com o estímulo HiLo CE-Chirp(, na intensidade de 35 dB nNA, foi registrado em 50 recém-nascidos (RN) com e sem indicadores de risco para deficiência auditiva (IRDA) e comparado ao PEATE por Frequência Específica (PEATE-FE). Foram analisados os resultados "passa/falha" para o estímulo HiLo CE-Chirp( e para os componentes Hi e Lo, separadamente e determinadas medidas de validação. O tempo de detecção de resposta no PEATE-A também foi determinado. RESULTADOS: o PEATE-A com o HiLo CE-Chirp( apresentou alta taxa de falha (36%) e de falso-positivos (33%). Diferenças significantes entre as porcentagens de "falha" entre os dois componentes foram observadas, sendo a porcentagem de falha no componente Lo maior que no Hi, nas duas orelhas. O tempo médio de detecção de resposta foi de 63,8 segundos para a orelha direita e 77,9 para a orelha esquerda, sendo observadas diferenças estatisticamente significantes entre as orelhas (p=0,002). CONCLUSÃO: o estímulo de banda limitada apresentou tempo médio de detecção de resposta consideravelmente pequeno e alta sensibilidade, no entanto, devido a alta taxa de falso-positivos, apresentou baixa especificidade, mostrando a importância de novos estudos direcionados, principalmente, para o aperfeiçoamento da técnica e do estímulo, buscando futura aplicação clínica no PEATE-A. <hr/> PURPOSE: to study the results obtained in Automated Evoked Auditory Brainstem Response (AABR) with a frequency-specific chirp stimulus. METHODS: the AABR with the stimulus HiLo CE-Chirp (r), the intensity of 35 dB NNA, was recorded in 50 newborns (NB) with and without risk factors for hearing loss and compared to the toneburst ABR (TB-ABR). We analyzed the results "pass / refer" for the stimulus HiLo CE-Chirp (r) and the components Hi and Lo, separately, and determined validation measures. The response detection time of AABR was also determined. RESULTS: AABR with HiLo CE-Chirp(r) showed high failure (36%) and false positives (33%). Significant differences between the percentages of "failure" between the two components were observed, and the percentage of component failure greater than the Hi Lo, in both ears. The mean of response detection time was 63.8 seconds for the right ear and 77.9 for the left ear, with statistically significant differences between the ears (p = 0.002). CONCLUSION: the band stimulus presented limited mean sensing response considerably small, high sensitivity, however, due to high rate of false positives, showed low specificity, there is a need for improvement in technique or stimulus for its future application clinical AABR. <![CDATA[The use of self-assessment questionnaires for validation of the results in hearing aid selection and fitting process]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000601808&lng=es&nrm=iso&tlng=es OBJETIVO: verificar o efeito do uso da amplificação sonora em deficientes auditivos por meio de um questionário de autoavaliação. MÉTODOS: utilizou-se o Questionário Internacional - Aparelho de Amplificação Sonora Individual, composto de sete questões. Avaliaram-se 22 sujeitos com idade entre 32 e 85 anos, portadores de perda auditiva neurossensorial bilateral de grau leve a severo, pós-lingual, usuários de aparelho de amplificação sonora individual com adaptação unilateral ou bilateral pelo período mínimo de 12 semanas. RESULTADOS: o escore médio da pontuação total obtido na aplicação do questionário foi de 27 pontos e não houve diferença significante (p=0,191) entre as pontuações obtidas nas sete questões do questionário, sendo o valor médio de 3,85 pontos. Não houve correlação dos resultados com a idade dos pacientes nem com o tempo de uso da amplificação. Não houve diferença significante no escore total do questionário bem como dos fatores 1 e 2 considerando: grau da perda auditiva, configuração audiométrica, modelo de aparelho de amplificação sonora individual e adaptação unilateral ou bilateral. CONCLUSÃO: com a aplicação do questionário verificou-se que o uso da amplificação sonora tem efeito benéfico para seus usuários e que estes se mostraram satisfeitos com o uso. <hr/> PURPOSE: to verify the effect of the hearing aid use in hearing impaired subjects through a self-assessment questionnaire. METHODS: it was used the International Outcome Inventory for Hearing Aids questionnaire to validate the results. It was evaluated 22 hearing aid users, ages between 32 and 85 years, with bilateral sensorineural hearing loss from mild to severe, post-lingual. All the participants were users of amplification with unilateral or bilateral fitting for at least 12 weeks. RESULTS: the mean total score obtained in the questionnaire application was 27 and there was no significant difference (p = 0.191) among scores in the seven questions of the questionnaire, the average being of 3.85 points. There was no correlation on results either in patients' age or time of amplification. There was no significant difference in the total score of the questionnaire as well as factors 1 and 2 considering: degree of hearing loss, audiometric configuration, hearing aid model and unilateral or bilateral fitting. CONCLUSION: by applying the questionnaire, it was found that the hearing aid use has benefic effects for their users and that they were satisfied with it. <![CDATA[Phonological processing in subjects with specific language impairment]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000601820&lng=es&nrm=iso&tlng=es OBJETIVO: comparar o desempenho de crianças com Distúrbio Específico de Linguagem e com Desenvolvimento Típico de Linguagem em relação às habilidades de memória fonológica, acesso lexical e consciência fonológica. MÉTODOS: 40 sujeitos (20 com diagnóstico de distúrbio - Grupo de Estudo e 20 sem distúrbio - Grupo Controle) de 7 e 10 anos de idade, ambos os gêneros, pareados de acordo com a idade cronológica e série escolar. Aplicou-se: Prova de Fonologia do Teste de Linguagem Infantil ABFW; Prova de não palavras da prova de Memória de Trabalho Fonológica; Perfil de Habilidades Fonológicas e Teste de Nomeação Automática Rápida - RAN. Realizaram-se análises estatísticas descritivas e inferenciais, utilizando o teste Qui Quadrado (significância menor ou igual a 0,05). RESULTADOS: houve diferença estatística entre os grupos nas habilidades do processamento fonológico. O grupo experimental apresentou desempenho significantemente pior comparado ao Grupo Controle. Apenas a prova de nomeação rápida de objetos não apresentou diferença estatística significante entre os grupos. CONCLUSÃO: a grande maioria das crianças com DEL apresentaram alteração nas habilidades do PF, sendo a diferença de desempenho em comparação com crianças com DTL estatisticamente significante. <hr/> PURPOSE: to compare the performance of children with Specific Language Impairment and Typical Language Development in relation to phonologic memory, lexical access and phonologic awareness skills. METHODS: 40 subjects (20 diagnosed with Impairment - Study Group and 20 without the same diagnosis - Control Group) from ages of 7 and 10 years old, both genders, paired according to chronological age and school grade level. It was applied: child's phonologic test ABFW; Non-words test of the Working Phonologic Memory test; Phonologic Skills Profile and Rapid Automatic Naming - RAN. Descriptive and inferential analyses have been made, making use of chi-squared test (significance lesser or equal than 0,05). RESULTS: there was statistical difference between the groups on the phonologic processing skill. The study group presented significantly worse performance in comparison with the control group. Only the rapid object naming has shown no significant statistical difference between groups. CONCLUSION: the vast majority of children suffering from SLI presented some change on the PP (Phonologic Processing), being the difference in the performance in comparison with children with TLD (Typical Language Development) statistically significant. <![CDATA[Constitution of the experience of motherhood and infant development risk]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000601828&lng=es&nrm=iso&tlng=es OBJETIVOS: analisar a possível relação entre dificuldade na constituição da experiência da maternidade e a presença de índices de risco ao desenvolvimento infantil, bem como a interferência ou não de variáveis psicossociais e obstétricas em ambos aspectos. MÉTODOS: tipo quantitativo descritivo, com caráter casual comparativo sobre as manifestações comportamentais do processo interativo mãe-bebê. A amostra foi constituída de 182 mães e seus bebês, estes nascidos a termo ou pré-termo, em um hospital universitário da região central do Rio Grande do Sul. Foi realizada uma entrevista semi-estruturada sobre a experiência da maternidade com as mães e aplicado um protocolo de índices de desenvolvimento infantil com a díade. A análise estatística deu-se sobre o cruzamento dos resultados de ambas avaliações. RESULTADOS: a presença de dificuldades na constituição a experiência da maternidade relacionou-se estatisticamente com a presença de risco ao desenvolvimento infantil. As variáveis psicossociais e obstétricas não apresentaram interferência significante nos resultados. CONCLUSÕES: sistematizam os argumentos apresentados e destacam que as dificuldades na constituição da experiência da maternidade são fatores de risco grave para o aparecimento de indicadores de risco para o desenvolvimento infantil, pois alterações no comportamento de quem exerce a função materna se refletem já na protoconversação inicial da díade mãe-bebê, o que pode gerar risco ao desenvolvimento infantil de um modo geral, e à aquisição da linguagem em particular. <hr/> PURPOSES: to analyze the possible relationship between the difficulty in setting up the experience of motherhood and the presence of risk indices to child development as well as the interference or not of psychosocial and obstetric variables on both aspects. METHODS: quantitative and descriptive type, with comparative casual character on the behavioral manifestations of the mother-infant interactive process. The sample consisted of 182 mothers and their babies, these born at term or preterm, at a university hospital in the central area of the Brazilian southern state of Rio Grande do Sul. A semi-structured interview about the experience of motherhood took place with mothers and a protocol of child development indices with the dyad was applied. Statistical analysis was applied on the crossing of the results of both assessments. RESULTS: the presence of difficulties in setting up the experience of motherhood was statistically related to the presence of risk to child development. Psychosocial and obstetric variables showed no significant interference in the results. CONCLUSIONS: they systematize the arguments presented and highlight that the difficulties in setting up the experience of motherhood are major risk factors for the onset of risk indicators to child development, as changes in the behavior of those who exercise the maternal role are already reflected in the initial protoconversation of the mother-infant dyad, which may create a risk to child development in general and language acquisition in particular. <![CDATA[Receptive and expressive language of institutionalized children]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000601837&lng=es&nrm=iso&tlng=es OBJETIVO: verificar o nível de desenvolvimento da linguagem de crianças que estão em abrigos e compará-lo ao de crianças que sempre permaneceram com a família biológica. MÉTODOS: foram participantes deste estudo 30 crianças com idade entre 14 e 47 meses. Para avaliação da linguagem foi utilizado o teste Avaliação do Desenvolvimento da Linguagem e, para a triagem da audição, foi realizada a audiometria com reforço visual utilizando o audiômetro pediátrico PA5. A verificação da audição foi feita como forma de averiguação de possíveis fatores de risco para o desenvolvimento da linguagem. RESULTADOS: a análise estatística permitiu constatar que, comparando as crianças do abrigo com as que sempre estiveram com a família biológica, não houve diferença estatisticamente significante quanto a Linguagem Receptiva, Expressiva ou Global. No entanto, pode ser verificado maior índice de distúrbios de linguagem nas crianças que estavam em abrigos. CONCLUSÃO: observou-se que as crianças abrigadas não apresentaram diferença estatisticamente significante quando comparadas às crianças que sempre permaneceram com suas famílias biológicas. <hr/> PURPOSE: to check the language development of children who are in shelters and compare them to children who have always stayed with their biological families. METHODS: participants were 30 children aged 14 to 47 months. For language assessment was used the Language Development Evaluation test and the hearing assessment was held on visual reinforcement audiometry with PA5 Pediatric audiometer. The verification of the hearing was made as way to investigate possible risk factors for development of the language. RESULTS: statistical analysis revealed that, comparing children in the shelter with those who have always been with biological families, there was no statistically significant difference by Receptive, Expressive or Global Language. However, it may be verified that there was a higher rate of disturbances language in children who were in shelters. CONCLUSION: It can be concluded that, the children living in shelters have not presented any statistically significant difference in regards to language performance, when compared to the children who have always remained with their biological families. <![CDATA[Structural generalization by children with speech-sound disorders under different therapeutic approaches]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000601842&lng=es&nrm=iso&tlng=es OBJETIVO: verificar qual grupo (com ou sem estimulação das habilidades práxicas orofaciais) apresentou melhores generalizações estruturais, considerando os seguintes tipos: a itens não utilizados no tratamento; para outra posição na palavra; dentro de uma classe de sons; e para outra classe de sons. MÉTODOS: a amostra foi composta por seis sujeitos (três meninas e três meninos), com idades entre 5:4 e 7:0 no início da terapia. Os sujeitos foram divididos em três grupos, recebendo terapia fonológica por meio do modelo de Pares Mínimos oposições Máximas/ Empty Set, sendo os do grupo estudo tratados com estimulação de habilidades práxicas de face e língua (GFoLFa), e com exercícios de habilidades práxicas de língua (GFoL), e o grupo controle submetido apenas à terapia fonológica (GFo). Todos foram avaliados pré e pós-terapia quanto ao sistema fonológico (Yavas, Hernandorena e Lamprecht, 1991); ao Teste de Praxias Orofaciais (Berzoatti, Tavano e Fabbro, 2007); e ao Teste de Praxias Articulatórias e Bucofaciais (Hage, 2000). RESULTADO: o GFoLFa obteve evoluções maiores generalizações para os quatro tipos analisados (dentro de uma classe de sons, para outras posições na palavra, para outra classe de sons e a itens não utilizados no tratamento). O GFoL apresentou importante número de generalizações dentro de uma classe de sons; e GFo apresentou generalização para outra classe de sons. CONCLUSÃO: os grupos que receberam intervenção práxica obtiveram maiores generalizações, porém sugerem-se novos estudos aplicando este modelo, para que possam ser confirmados esses resultados, com outras amostras. <hr/> PURPOSE: to verify which group (with or without stimulation of orofacial praxis skills) presented better structural generalizations by considering the following types: generalization to items not used in the treatment, to another position in the word, within a class of sounds, and to another class of sounds. METHODS: the sample consisted of six subjects (three girls and three boys), whose ages ranged between 5:4 and 7:0 at the beginning of therapy. The subjects were divided into three groups, and they all received phonological therapy through the model of Minimal Pairs-Maximum Oppositions/Empty Set. They were organized as follows: study group, treated with stimulation of facial and tongue praxis skills (GFoLFa), and with exercises of tongue praxis skills (GFoL), and control group, treated with phonological therapy (GFo) only. They were all assessed before and after therapy as to the phonological system (Yavas,Hernandorena and Lamprecht, 1991); also with the Orofacial Praxis Test (Berzoatti, Tavano and Fabbro, 2007), and the Bucofacial Articulatory Praxis test (Hage, 2000). RESULT: the GFoLFa group achieved greater progress as regards generalizations to the four types analyzed (within a class of sounds, to other positions in the word, to another class of sounds and to items not used in the treatment). The GFoL group presented a substantial number of generalizations within a class of sounds; and GFO showed generalization to another class of sounds. CONCLUSION: the groups that received praxis treatment produced greater generalizations; however, we suggest new studies applying this model, so that these results can be confirmed with other samples. <![CDATA[Analysis of the distinctive features and of the phonetic and phonological systems in different severities of phonological disorder]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000601850&lng=es&nrm=iso&tlng=es OBJETIVO: caracterizar e analisar o sistema fonético, o sistema fonológico e os traços distintivos alterados em diferentes gravidades do desvio fonológico. MÉTODOS: foram caracterizados e analisados os dados de fala de 145 crianças com idades entre 4:0 e 8:11 com diagnóstico de desvio fonológico. Elas foram submetidas à Avaliação Fonológica da Criança em que foram analisados: o inventário fonético, o sistema fonológico e os traços distintivos. As crianças foram agrupadas, conforme a gravidade do desvio fonológico, calculado por meio do Percentual de Consoantes Corretas. Os dados foram comparados e analisados entre os grupos, por meio do teste Kruskal-Wallis, ao nível de significância de 5%. RESULTADOS: no inventário fonético, notou-se que a média de fones ausentes foi maior no desvio grave, sendo as fricativas, as plosivas e as laterais, as classes mais ausentes. Da mesma forma, no sistema fonológico observou-se que o desvio grave esteve mais prejudicado, apresentando uma média maior de alteração para todas as classes de fonemas analisados em todas as posições que podem ocorrer na sílaba e na palavra. Para os traços distintivos houve diferença estatisticamente significante entre os graus de desvio, estando mais alterados no desvio grave e menos alterados no desvio leve. CONCLUSÃO: quanto mais graves forem os desvios de fala, mais alterações e ausência de sons serão percebidos em relação ao inventário fonético e ao sistema fonológico. Os resultados obtidos neste estudo reforçaram a importância de se conhecer as características qualitativas de cada um dos graus de desvio fonológico. <hr/> PURPOSE: to characterize and to analyze the phonetic system, the phonological system and the altered distinctive features in different severities of phonological disorder. METHODS: speech data from 145 children with ages between 4:0 and 8:0 diagnosed with phonological disorders were analyzed. They were submitted to the Child's Phonological Assessment to observe: the phonetic inventory, the phonological system and the distinctive features. The children were grouped according to the severity of the phonological disorder, calculated through the Percentage of Correct Consonants. The data were compared and analyzed among the groups through the Kruskal-Wallis test, with significance level of 5%. RESULTS: in the phonetic inventory, it was noticed that the average of absent phones was higher in the severe disorder. The fricative, the plosives and the laterals were the most absent classes. In the same way, in the phonological system it was observed that the severe disorder was the most damaged, with the highest average of alteration for all analyzed classes of phonemes in all possible syllable and word positions. For the distinctive features, there was statistically significant difference among the disorder degrees, with more alterations in the severe disorder and less alterations in the mild disorder. CONCLUSION: as more severe the speech disorders are, more alterations and absence of sounds will be perceived in relation to the phonetic inventory and to the phonological system. The results which were obtained in this study reinforce the importance of knowing the qualitative characteristics of each degree of phonological disorder. <![CDATA[Relevant findings from the clinical history of clutterers]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000601860&lng=es&nrm=iso&tlng=es OBJETIVO: caracterizar os achados relevantes da história clínica de adultos com taquifemia. MÉTODOS: participaram 8 adultos com taquifemia, de 18 a 39 anos, sendo 7 do gênero masculino. Os critérios de inclusão foram: apresentar queixa de taxa de elocução aumentada, com prejuízo na comunicação; manifestar excesso de disfluências comuns; escore acima de 120 no Inventário Preditivo de Taquifemia. A coleta de dados foi realizada por meio do levantamento da história clínica e familial, a avaliação da fluência e, aplicação do Inventário Preditivo de Taquifemia. RESULTADOS: o histórico familial foi positivo para os distúrbios da fluência em todos os casos, sendo 3 para taquifemia e 5 para gagueira. Quanto à queixa, 100% informaram presença de taxa de elocução aumentada e 50% manifestaram queixa relacionada ao prejuízo na inteligibilidade. Todos os casos apresentaram consciência da dificuldade de fala e realizavam alguma estratégia de automonitoramento. Informações relativas ao uso da linguagem-cognição mostraram que a maioria dos adultos relataram dificuldades de encontrar palavras, presença de excessivas revisões, interjeições e hesitações na fala. CONCLUSÃO: os principais achados relevantes da história clínica de adultos com taquifemia foram: histórico familial positivo para os distúrbios da fluência; surgimento das manifestações na infância sem causa aparente; queixa de taxa de elocução aumentada e prejuízo na inteligibilidade da fala; melhora do quadro clínico no decorrer dos anos, que pode estar associada à consciência da dificuldade e habilidade de automonitoramento; alterações na articulação, na prosódia e na escrita; dificuldades de acesso ao léxico; incoordenação pneumofonoarticulatória, e presença de ansiedade. <hr/> PURPOSE: to characterize the relevant findings of the clinical history of adults who clutter. METHODS: participants were 8 adults who clutter (AWC), with ages between 8 and 39 years old, and 7 were men. The inclusion criteria were: complaint of fast speech rate, with damages in the communication; presence of excessive common disfluencies; score above 120 in the Predictive Cluttering Inventory. Data were gathered by clinical and familial history, assessment of fluency and Predictive Cluttering Inventory. RESULTS: the familial history was positive for fluency disorders for all subjects, whereas 3 for cluttering and 5 for stuttering. According to the complaints, 100% reported fast speech rate and 50% reported impairments in speech intelligibility. All the AWC showed speech difficulty awareness and presented some strategy of self-monitoring. Information about language - cognition showed that the majority of the adults reported word-finding problems, excessive revisions, interjections/fillers and hesitations in speech. CONCLUSION: the main findings of the clinical history from AWC were: positive familial history for fluency disorders; the beginning of the manifestations was in childhood without apparent cause; complaints of fast speech rate and impairments in speech intelligibility; improvement of the clinical status throughout the years, which may be associated with speech difficulty awareness and ability of self-monitoring; inappropriate articulation, prosody and writing; word-finding problems; respiratory-speech articulatory incoordination, and presence of anxiety. <![CDATA[Training program on genetic syndromes: the inclusion process and social attitudes]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000601871&lng=es&nrm=iso&tlng=es OBJETIVO: o objetivo deste estudo foi verificar as atitudes sociais dos alunos sem necessidades educacionais especiais em relação à inclusão antes e após um programa de capacitação em síndromes genéticas. MÉTODOS: participaram deste estudo 21 alunos matriculados no 9º ano do ensino regular. A Escala Lickert de Atitudes Sociais em Relação à Inclusão foi utilizada para mensurar as atitudes sociais. O programa de capacitação teve diversificadas atividades, entre as quais, atividades presenciais, à distância e práticas na temática síndromes genéticas e inclusão. RESULTADOS: em ambos os grupos os escores do pós-teste são significantemente maiores, demonstrando atitudes mais favoráveis após o programa de capacitação. CONCLUSÃO: torna-se evidente a necessidade de programas de intervenção que proporcionem mudanças de atitudes contribuindo no processo de inclusão. <hr/> PURPOSE: the aim of this study was to assess the social attitudes of students without Special Educational Needs - SEN regarding the inclusion before and after a training program in genetic syndromes. METHODS: 219th grade students enrolled in regular school participated in this study. The Likert-type scale of social attitudes towards inclusion was used to measure the social attitudes. The program consisted of activities, including, classroom, distance and practical activities on the themes genetic syndromes and inclusion. RESULTS: in both groups, the post-test scores are significantly higher, showing more favorable attitudes after the training program. CONCLUSION: it becomes evident the need for intervention programs that provide changes in attitudes contributing to the inclusion process. <![CDATA[School hearing screening in the city of Porto Alegre: results of the pilot study]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000601878&lng=es&nrm=iso&tlng=es OBJETIVO: descrever os resultados do estudo piloto realizado para orientar o processo de implementação da triagem auditiva escolar, no Município de Porto Alegre. MÉTODOS: foram aplicados 134 protocolos em crianças de seis a oito anos de idade de uma Escola Municipal de Ensino Fundamental de Porto Alegre. Os resultados apresentados no protocolo de triagem eram: medida do Nível de Pressão Sonora no ambiente, durante a realização da triagem audiométrica; resposta à triagem audiométrica em 20 dB nas frequências de 1000Hz, 2000Hz e 4000Hz, em ambas as orelhas; Medidas de Imitância Acústica: curva timpanométrica e reflexos acústicos ipsilaterais nas frequências de 500Hz, 1000Hz, 2000Hz e 4000Hz, em 100 dB nas duas orelhas, utilizando o critério passa-falha. RESULTADOS: em relação ao sexo, 50,75% eram meninos. A idade média foi 6,86 anos (± 0.46). Na triagem audiométrica a grande maioria das crianças passou e a curva timpanométrica mais encontrada foi a Tipo A (51,7%), seguida da Tipo C (24,1%) na orelha direita, e na orelha esquerda 55,7% eram Tipo A e 21,6% Tipo C. O ruído ambiental manteve-se abaixo de 50 dBNA em 90,5%. CONCLUSÃO: a maioria das crianças que falharam na TAE tinha seis anos de idade. A curva timpanométrica mais prevalente foi do Tipo A, seguida do Tipo C. Não se observou diferenças estatisticamente significantes ao comparar as orelhas testadas e os sexos. <hr/> PURPOSE: to describe the results of the pilot study carried out to guide the implementation process of the hearing screening in schools in the City of Porto Alegre. METHODS: 134 protocols were applied to children between the ages of six and eight, from a Municipal Elementary School in Porto Alegre. The results presented in the screening protocol were: the measurement of the Sound Pressure Level in the environment during the audiometric screening; response to audiometric screening at 20 dB with frequencies of 1000Hz, 2000Hz and 4000Hz in both ears; Acoustic Immittance Measures: tympanometric curve and ipsilateral acoustic reflexes at the frequencies of 500Hz, 1000Hz, 2000Hz and 4000Hz, at 100 dB in both ears, using the pass-fail criterion. RESULTS: in relation to sex, 50.75% were boys. The average age was 6.86 (±0.46). Most children passed the audiometric screening and the most frequent tympanometric curve was Type A (51.7 %), followed by Type C (24.1 %) in the right ear. In the left ear, 55.7% were Type A and 21.6%, Type C. The environmental noise remained below 50dBSPL in 90.5%. CONCLUSION: the majority of children who failed the audiometric screening were six years old. The most prevalent tympanometric curve was Type A, followed by Type C. No statistically significant differences were observed when genders and tested ears were compared. <![CDATA[Teachers' voice: analyses of brazilian laws in the perspective of health promotion]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000601888&lng=es&nrm=iso&tlng=es OBJETIVO: analisar as leis brasileiras sobre saúde vocal do professor, na perspectiva da promoção da saúde. MÉTODOS: foram captados, no período de 1998 a 2010, 61 documentos publicados, sendo organizados nas categorias: terminologia, objetivo, estratégias previstas e garantias ao professor. Os dados receberam tratamento quali-quantitativo. RESULTADOS: as terminologias utilizadas nos documentos foram: programa (88,52%), campanha (6,55%) e política de saúde vocal (4,91%); quanto aos objetivos, a prevenção de disfonias em professores (83,60%) foi o mais citado; a estratégia privilegiada para abordar a voz do professor se resumiu a curso teórico-prático anual (80,32%) e a garantia prevista ao professor foi o acesso ao tratamento fonoaudiológico e médico em caso de disfonia (65,57%). A maioria dos documentos não indicou qualquer garantia de direitos aos professores, limitando-se ao tratamento da disfonia, demonstrando que a voz do professor e seu cuidado, ainda não constituem objeto de preocupação do Estado. CONCLUSÃO: os documentos analisados, apesar de sua importância, apresentam conteúdo muito incipiente e superficial, especialmente quanto à linha de cuidado e à promoção da saúde vocal dos professores. Salvo raras exceções, restringem-se à indicação de ações pontuais voltadas à reabilitação de seus distúrbios da voz, desvinculadas de uma política de saúde vocal de base consistente. Há necessidade do fonoaudiólogo e seus órgãos de classe participar efetivamente na assessoria às figuras públicas visando à elaboração de documentos para que, de forma objetiva e abrangente, promovam a saúde do professor. <hr/> PURPOSE: to analyze the Brazilian policies about teacher's vocal health, from the perspective of health promotion. METHODS: 61 documents published between 1998 and 2010 were collected and organized according to the categories: terminology, aim, predicted strategies and support to the teacher. The data received a qualitative and quantitative treatment. RESULTS : the terminology used in the documents was program (88.52%), campaign (6.55%) and vocal health policies (4.91%); as for the aims, the most mentioned was prevention of dysphonia in teachers (83.60%); the privileged strategy to approach the teacher's voice consisted of an annual theoretical-practical course (80.32%) and the teacher's predicted support was the access to speech-pathology therapy and to a physician in case of dysphonia (65.57%). The majority of the documents did not indicate any support available to the teachers' vocal health and were limited to the treatment of dysphonia, revealing that the teachers' vocal health is not taken as an object of concern by the State. CONCLUSION : despite their relevance, the analyzed documents present a very incipient and superficial content, especially in terms of promoting teachers' vocal care and health. Mostly, except for the occasional vocal health recommendation concerning the rehabilitation of voice disorders, there is no foundation on a comprehensive teachers' vocal health policy. Speech therapists and related professional entities should play an effective role in the elaboration of documents to assist policy makers in the promotion of teachers' health in an objective and extensive way. <![CDATA[Influence of gender, age, occupation and phonoaudiological diagnosis in the voice quality of life]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000601900&lng=es&nrm=iso&tlng=es OBJETIVO: investigar e correlacionar as respostas aos questionários de Qualidade de Vida em Voz e Índice de Desvantagem Vocal, conforme idade, sexo, uso profissional ou não da voz e diagnóstico fonoaudiológico. MÉTODOS: análise das respostas aos questionários Qualidade de Vida em Voz e Índice de Desvantagem Vocal dos registros de 48 sujeitos, sendo 41 mulheres e sete homens; com idades entre 18 e 63 anos; seis profissionais da voz e 42 não profissionais; 39 sujeitos com disfonia funcional, seis com disfonia orgânica e três com disfonia organofuncional. Teste Qui-quadrado e coeficiente de correlação de Spearman (p=0,05). RESULTADOS: quanto ao questionário de Qualidade de Vida em Voz, houve associação significante entre sexo e escore emocional; faixa etária e escore emocional; profissão e escore total, emocional e físico. Quanto ao Índice de Desvantagem Vocal, houve associação significante entre sexo e escore emocional; faixa etária e escore físico e emocional; diagnóstico fonoaudiológico e escore emocional; profissão e escore funcional. Houve correlação positiva entre os aspectos de cada protocolo separadamente e correlação negativa entre as pontuações dos questionários. CONCLUSÃO: no grupo estudado, verificou-se maior qualidade de vida no sexo feminino; decréscimo da qualidade de vida e aumento da desvantagem vocal com o aumento da idade; a presença de disfonia organofuncional gerou maior desvantagem vocal; os profissionais da voz apresentaram pior qualidade de vida e maior desvantagem vocal. Os protocolos utilizados mostraram resultados complementares e úteis para mensurar o impacto de uma disfonia na qualidade de vida dos sujeitos. <hr/> PURPOSE: to investigate and correlate the responses to the questionnaires Voice Related Quality of Life and Voice Handicap Index, according to age, gender, occupational and non occupational use of voice and phonoaudiological diagnosis. METHODS: analysis of responses to questionnaires Voice Related Quality of Life and Voice Handicap Index from the records of 48 subjects, 41 women and 7 men, aged between 18 and 63 years old; six occupational voice users and 42 non occupational; 39 subjects with functional dysphonia, 6 with organic dysphonia and 3 with organic-functional dysphonia. Chi-square test and Spearman correlation coefficient (p=0.05). RESULTS: regarding the Voice Related Quality of Life questionnaire, there was a significant association between gender and emotional score, age and emotional score; occupation and total score, emotional and physical. Regarding the Voice Handicap Index, there was a significant association between gender and emotional score, age and physical and emotional score; phonoaudiological diagnosis and emotional score; occupation and functional score. There was a positive correlation between aspects of each protocol separately and negative correlation between the scores of the questionnaires. CONCLUSION : in the studied group, it was found higher quality of life for female; decreased quality of life and increasing voice handicap with increasing age; presence of organo-functional dysphonia generated greater voice handicap; professionals of voice had a poorer quality of life and greater voice handicap. The protocols used showed complementary and useful results to measure the impact of a dysphonia on subjects quality of life. <![CDATA[Working conditions and professional voice use by party band singers]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000601909&lng=es&nrm=iso&tlng=es OBJETIVO: caracterizar as condições de trabalho e de uso profissional da voz de cantores de banda de baile. MÉTODOS: são sujeitos 24 cantores de banda de baile (13 homens e 11 mulheres) das seis bandas de baile da cidade de Piracicaba (SP). O levantamento de dados foi feito por meio de observação in loco, questionário e entrevista. Os dados do questionário receberam tratamento estatístico: Teste de Qui-quadrado e Teste Exato de Fisher. As respostas das entrevistas foram transcritas para Análise de Conteúdo. RESULTADOS: cantores de bandas de baile vivenciam dificuldades e precariedades nas condições de infraestrutura, suporte, apoio, acomodação e alimentação nos locais dos eventos, que conferem risco à saúde vocal. A maioria percebe mudanças na voz durante ou após o baile. Os hábitos, comportamentos e cuidados com a voz, bem como o aquecimento vocal, são realizados de madeira inadequada e insuficiente. Apesar disto, evidenciam-se vários aspectos positivos no trabalho, como o apoio social e ambiente descontraído, tranquilo, cooperativo e motivador, além da percepção positiva do trabalho como fonte de aprendizado, experiência, prazer, satisfação e realização. As condições de trabalho se mostram desfavoráveis ao uso profissional da voz e à promoção da saúde. A análise estatística dos dados do questionário não mostrou associação significante ao nível de significância de 0,05. CONCLUSÃO: a pesquisa contribuiu para o conhecimento da realidade de trabalho dos cantores de bandas de baile nas relações com o uso profissional da voz e saúde vocal e pode subsidiar futuras ações de intervenção e de assessoria fonoaudiológica junto à categoria, na perspectiva da promoção da saúde do trabalhador. <hr/> PURPOSE: to determine the working conditions and professional voice use of party band singers. METHODS: a cohort of 24 ballroom band singers (13 male and 11 female) from six ballroom bands from the city of Piracicaba, SP (Brazil). Data was obtained during Graduation prom performances and collected through on-site observation, questionnaire and interview. RESULTS: party band singers are submitted to difficulties about poor infrastructure, support, accommodations and food in the event venues that place vocal health at risk. Most participants notice changes in their voices during and after the event. Voice health care, habits, and behavior, as well as vocal warm-up are inadequate and insufficient. However, many positive aspects of the work are detected, such as social support and easy-going, calm, cooperative and motivating environment, as well as a positive perception of the work environment as a source of learning, experience, pleasure, satisfaction and accomplishment. CONCLUSION: working conditions are unfavorable to the professional use of voice and health care. This research has contributed for a better understanding of the working conditions of party band singers concerning professional voice use and vocal health care, and provides support for future speech and language therapy support and intervention for these professionals in order to promote occupational health care. <![CDATA[Coincidences and divergences between audio transcription and textualization]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000601919&lng=es&nrm=iso&tlng=es OBJETIVO: investigar coincidências e divergências entre transcrição e textualização de áudios, a fim de verificar se há evidências estatísticas que possam servir de subsídio quanto ao melhor procedimento a ser aplicado. MÉTODOS: estudo retrospectivo. Foram selecionados aleatoriamente 30 áudios, entre os 239 áudios disponíveis, provenientes de interceptações telefônicas do mesmo processo judicial. Foram considerados: o número de palavras e tempo em minutos para a realização de cada áudio, e a análise comparativa da manutenção dos focos principais de conteúdo. Três Fonoaudiólogos transcreveram e textualizaram terços diferentes do arquivo, garantindo independência. Um Fonoaudiólogo, que não participou da etapa anterior, realizou a análise de conteúdo. Para a análise estatística foi utilizado o teste de Wilcoxon-Mann Whitney no ambiente R, com interface Tinn R. Nível de significância de 5% (0,05). CEP: 274-742. RESULTADOS: o número médio de palavras utilizadas na transcrição dos arquivos de áudio foi 27% maior que o número de palavras utilizadas na textualização, p=0,52. A média do tempo em minutos necessários para realizar a transcrição foi significantemente maior p=0,013. Na análise comparativa da manutenção dos focos principais de conteúdo, foi possível verificar que em média 93% dos focos foram mantidos, p=0,61%. CONCLUSÃO: as semelhanças entre os processos de transcrição e textualização foram com relação ao número mediano de palavras e a manutenção do número mediano de focos de conteúdo. Houve divergência quanto ao tempo para a realização, significantemente menor na textualização. Considerando os dados obtidos neste estudo, o processo de textualização mostrou ser o mais indicado na degravação de áudios. <hr/> PURPOSE: investigate coincidences and divergences between audio transcription and textualization in order to check for statistical evidence which may be a justification as to the best procedure to be applied. METHODS: retrospective study. 30 audios were selected randomly among the 239 available audios, proceeding from telephone intercepts of the same lawsuit. We considered: the number of words and time in minutes for each audio, and the comparative analysis for maintaining the main content highlights. Three Speech Pathologists transcribed and textualized different parts of the file, ensuring independence. A Speech Pathologists, who did not attend the previous step, conducted content analysis. For statistical analysis we used Wilcoxon-Mann Whitney test in R environment, with Tinn R interface. Significance level 5% (0.05). CEP: 274-742. RESULTS: the mean number of words used in of audio file transcription was 27% greater than the number of words used in textualization, p=0.52. The mean time in minutes required to perform the transcription was significantly higher p=0.013. In the comparative analysis as for the maintenance of the main content highlights, we found that on average 93% of highlights were kept, p=0.61%. CONCLUSION: the similarities among the of transcription and textualization processes were compared with the median number of words and the maintenance as for the median number of content highlights. There was divergence as for the implementation time, significantly lower in textualization. Considering the data obtained in this study, textualization process proved to be the most suitable in audio de-recording. <![CDATA[Usual chew and eletromyographic activity of the masseter and temporalis muscles in school children from 7 to 12 years]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000601928&lng=es&nrm=iso&tlng=es OBJETIVO: verificar a relação do lado de preferência mastigatória com a atividade elétrica dos músculos masseter e temporal. MÉTODOS: a amostra foi composta por 115 crianças com idades entre 7 e 12 anos. A aquisição da atividade elétrica dos músculos mastigatórios foi registrada durante 5 segundos de contração isométrica voluntária em posição de máxima intercuspidação. As crianças foram distribuídas em quatro grupos de acordo com a preferência mastigatória observada: Mastigação Preferencial Direita, Esquerda, Bilateral Alternada e Bilateral Simultânea. Os dados eletromiográficos foram analisados através do software SPSS 17.0, e para a determinação da diferença estatística entre a atividade elétrica do lado direito e esquerdo, dos músculos masseter e temporal foi realizada pelo teste T-Student Emparelhado (p &lt; 0,05). RESULTADOS: do total de 115 crianças, 76 (63,4%) apresentaram um lado preferencial durante a mastigação habitual, sendo que 44 (36,7%) crianças apresentaram preferência mastigatória direita e 32 (26,7%) mastigação preferencial esquerda. Dos indivíduos sem um lado preferencial, verificou-se 25,8% (n=31) com mastigação bilateral alternada e 10,8% (n=13) com mastigação bilateral simultânea. Após comparação entre a atividade elétrica do músculo masseter e temporal, direito e esquerdo, de acordo com o grupo mastigatório, foi verificado que as médias da atividade elétrica dos músculos do lado esquerdo não apresentaram diferenças estatísticas significantes quando comparados com as médias dos seus pares do lado direito. CONCLUSÃO: para a amostra estudada, não foi verificada relação entre o lado mastigatório habitual e a atividade elétrica dos músculos, masseter e temporal. <hr/> PURPOSE: to investigate the relationship of the masticatory preference side in the electrical activity of masseter and temporalis muscles. METHODS: the sample was composed by 115 children aged between 7 and 12 years. The acquisition of the electrical activity of the masticatory muscles was recorded during 5 seconds of isometric contraction in maximal intercuspal position. The children were divided into four groups according to masticatory preference observed: Chewing Preferential Right, Left, Bilateral Alternating, and Bilateral Simultaneous. The electromyographicdata were analyzed using the SPSS 17.0 software, and for determination of statistical difference between the electrical activity of the right and left masseter and temporalis muscles was performed by Paired Student t-test (p &lt;0.05). RESULTS: from the total of 115 children, 76 (63.4%) had a preferred side during mastication, whereas 44 (36.7%) children had masticatory right and 32 (26.7%) preferred chewing left. Of the individuals without a preferred side, it was found 25.8% (n = 31) alternating with bilateral chewing and 10.8% (n = 13) with simultaneous bilateral chewing. After comparing the electrical activity of the masseter and temporal, right and left, according to the group chewing, it was found that the average electrical activity of the muscles on the left side showed no statistically significant differences when compared with the average of its peers right side. CONCLUSION: for the study sample, there was no relationship between the habitual chewing side and electrical activity of the muscles masseter and temporal. <![CDATA[Correlation between nasalance and nasality in children with hypernasality]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000601936&lng=es&nrm=iso&tlng=es OBJETIVO: estabelecer a correlação entre medidas de nasalância e de nasalidade de fala apresentada por crianças com fissura labiopalatina operada. MÉTODOS: estudo prospectivo, em que as gravações de áudio de frases produzidas por 79 crianças (idade média 6,5 anos) falantes do português brasileiro foram julgadas auditivamente por três fonoaudiólogas. Medidas de nasalância obtidas simultaneamente às gravações áudio também foram analisadas. As amostras de fala incluíram duas frases, uma constituída por [p] e outra por [b], em recorrência. A concordância interjuízes foi obtida para as 158 frases (78,5% para [p] e 93,5% para [b]). A concordância intrajuízes também foi verificada para as frases duplicadas (82% para [p] e 86% para [b]). Os fonoaudiólogos classificaram individualmente a nasalidade de fala das 158 frases utilizando uma escala de 4 pontos. Valores de nasalância destas mesmas frases foram calculados. Os valores médios da nasalidade de fala foram correlacionados como os escores de nasalância. RESULTADOS : valores médios de 1,53 e 1,52 (indicativo de hipernasalidade leve) foram obtidos para as frases [p] e [b], a partir dos julgamentos perceptivos. Os valores médios de nasalânciaforam 32% (frase [p]) e 39% (frase [b]). Embora significantes, houve correlação baixa entre nasalidade e nasalância paraas duas frases (/p/;r= 0,31 p=0,004e /b/; r= 0,37 p=0,0007). CONCLUSÃO: quando classificada como leve, a hipernasalidade de fala apresentada por crianças com fissura labiopalatinapode desfavorecer entre nasalância e nasalidade. Estímulos de fala mais longos e amostras representativas de graus mais elevados de hipernasalidade são recomendados para futuros estudos. <hr/> PURPOSE: to correlate nasalance scores and speech nasality of operated unilateral cleft lip and palate children. METHODS: this prospective study involved auditory perceptual identification of nasality by three experienced speech-language pathologists who judged recorded phrases produced by 79 children (mean age of 6y5m), all speakers of Brazilian Portuguese. Nasalance measures obtained simultaneously to audio recordings were also analyzed. The speech samples included two sentences, one with [p] and another with [b] sounds. Inter-judgment agreement for the total (N=158) phrases judged by the speech-language pathologists was obtained (78.5% for [p] and 93.5% for [b]). Intra-judgment agreement for duplicated sentences was 82% for [p] and 86% for b] sounds. The speech-language pathologists were then instructed to judge individually speech nasality of the 178 phrases using a 4 points scale. Nasalance scores for these 158 phrases were then obtained. Mean speech nasality and nasalance scores were correlated. RESULTS: mean values of 1.53 and 1.52 (indicative of mild hypernasality) were obtained for the [p] and [b] phrases, respectively, from perceptual judgments. Mean nasalance scores were 32% ([p] phrase) e 39% ([b] phrase). Although significant, low correlation was found between speech nasality and nasalance scores for the two investigated phrases ([p]; r= 0,31; p=0,004; [b]; r= 0,37;p=0,0007). CONCLUSION: mild hypernasality as identified in the speech of children with cleft palate may disfavor correlation findings between speech nasality and nasalance scores. Longer speech stimuli and samples including higher degrees of hypernasality are recommended for future studies. <![CDATA[Deleterious oral habits in a group of children from a public school in Sao Paulo city]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000601945&lng=es&nrm=iso&tlng=es OBJETIVO: caracterizar os hábitos orais deletérios a partir de questionários respondidos pelos pais/responsáveis por crianças de três a cinco anos de idade, de uma instituição de ensino da rede pública, na cidade de São Paulo. MÉTODOS: todos os responsáveis pelos alunos receberam os questionários e o Termo de Consentimento. Foi dado o prazo máximo de uma semana para que pudessem devolve-los devidamente preenchidos. Enviou-se 290 questionários aos pais/responsáveis de todos os pré-escolares de uma Escola Municipal de Educação Infantil. Os critérios de inclusão foram: participação voluntária, após a leitura e assinatura do Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE) pelos pais ou responsáveis de crianças com idade entre três e cinco anos. O critério de exclusão foi o não preenchimento por completo do questionário de hábitos orais. Após o prazo definido, obteve-se a devolução de 120 questionários, dos quais 13 foram desconsiderados segundo o fator de exclusão, logo, foram selecionados 107 questionários, sendo este, o número total da amostra. RESULTADOS: a partir dos resultados obtidos observou-se que o hábito com maior ocorrência foi a respiração oral, presente em 48,60% da amostra, e o hábito citado com menor ocorrência foi a sucção labial, presente em apenas 3,70% da amostra. Os resultados estatísticos evidenciaram que a grande maioria de pais assinalaram que as crianças não possuem hábitos orais deletérios. CONCLUSÃO: os hábitos mais encontrados na faixa etária de três a cinco anos foram o uso da respiração oral, uso da mamadeira, onicofagia, bruxismo e mordedura de objetos. <hr/> PURPOSE: Characterize the deleterious oral habits since of questionnaires answered by the parents / tutors of children with aged from three to five years, from a public schools of Sao Paulo city. METHODS: The tutors received the questionnaires and Consent form. The period of a week was established for they could return them duly completed. 290 questionnaires were sent to parents / tutors of all preschool children in a Municipal Preschool. The Inclusion criterion was: voluntary participation, after reading and signing the informed consent form (ICF) by the parents or tutors of children with aged between three and five years. The exclusion criterion was, not fill duly the oral habits questionnaire. After the established period, we obtained the return of 120 questionnaires, of which 13 were disregarded under the exclusion factor, so 107 questionnaires were selected, with this, the total number of the sample. RESULTS : noting the results it was observed that the habit with higher occurrence was mouth breathing, present in 48.60% of the sample, and the habit cited with less frequent was lip suction, present in only 3.70% of the sample. Statistical results showed that the vast majority of parents indicated that children don't have deleterious. CONCLUSION: the most habits found in the group with aged from three to five years were: mouth breathing, use of bottle, nail biting, onychophagy, bruxism and object biting. <![CDATA[Quality of life in adolescents with disabilities]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000601953&lng=es&nrm=iso&tlng=es OBJETIVO: avaliar a percepção da qualidade de vida de adolescentes escolares com deficiência física, visual e auditiva. MÉTODOS: tratou-se de um estudo descritivo e de corte transversal com 98 adolescentes entre 10 e 19 anos, em 26 instituições de ensino público estadual do Recife-PE. Para avaliação da qualidade de vida foi utilizado o questionário de avaliação abreviado da qualidade de vida da organização mundial de saúde. Para análise dos dados, foi utilizada a estatística descritiva e inferencial, aplicando-se os testes Mann-Whitney e Kruskal-Wallis, com p&lt;0,05. RESULTADOS: observou-se uma menor percepção da qualidade de vida global e nos domínios meio ambiente e físico dos adolescentes com deficiência física em relação aos deficientes visuais e auditivos. No tocante aos domínios, tanto entre os deficientes físicos, visuais e os auditivos, os menores escores apresentados foram os do meio ambiente. Os maiores escores apresentados para os deficientes físicos, visuais e auditivos foram nas relações sociais. Os escolares inseridos em sala especial, do gênero feminino e não residentes com os pais obtiveram uma menor percepção da qualidade de vida nos domínios psicológico, meio ambiente, relações sociais e qualidade de vida global. CONCLUSÃO: os adolescentes com deficiência inseridos em salas especiais apresentaram-se como o grupo mais vulnerável na percepção da qualidade de vida global e nos domínios psicológico, social e meio ambiente entre os escolares investigados, sugerindo a necessidade de atenção pública e melhoria das condições de acessibilidade e segurança desta população. <hr/> PURPOSE: to assess the perception of quality of life of adolescent students with physical, visual and hearing disabilities. METHODS: this is a descriptive study, with cross-sectional cutting, with 98 adolescents aged between 10 and 19 years, in 26 state public educational institutions in the municipality of Recife-PE. In order to assess the quality of life, we made use of the Short Form of the World Health Organization Quality of Life. For data analysis, we used descriptive and inferential statistics, by applying the Mann-Whitney and Kruskal-Wallis tests, with p&lt;0,05. RESULTS: we have observed a lower perception of global quality of life in the physical and environmental domains of adolescents with physical disabilities in relation to the ones who were visually and hearing impaired. Regarding the domains, whether among people with physical, visual and hearing impairments, the lowest presented scores were the ones related to environment. The highest scores presented for the people with physical, visual and hearing impairments were in social relationships. The students inserted in special rooms, females and who did not live with their parents showed a lower perception of quality of life in the domains "psychological", "environment", "social relationships" and "global quality of life". CONCLUSION: the adolescents with disabilities placed in special rooms presented themselves as the most vulnerable group in the perception of global quality of life in the domains "psychological", "social relationships" and "environment" among the investigated students, which suggests the need for public awareness and improvement of the conditions of accessibility and safety of this population. <![CDATA[Characteristics and challenges of professors in the supervision of probation in speech-language pathology (SLP) and audiology (AUD)]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000601962&lng=es&nrm=iso&tlng=es OBJETIVO: investigar o perfil do supervisor de estágio em Fonoaudiologia e como se dá sua prática durante o acompanhamento dos estagiários. MÉTODOS: trata-se de um estudo descritivo do tipo transversal, baseado na aplicação de um questionário junto aos 21 supervisores do estágio obrigatório do Curso de Fonoaudiologia de uma Universidade Pública de Alagoas. RESULTADOS: o grupo estudado apresenta 95,24% de mulheres, com faixa etária predominante entre 31 e 40 anos. A maioria possui titulação de mestre; no entanto, poucos têm formação específica para a docência em saúde. Realizam suas atividades principalmente na média complexidade e fora do contexto interdisciplinar. CONCLUSÃO: os resultados apontam para a necessidade de formação específica voltada para a docência, bem como o redirecionamento da formação para a Atenção Básica e Interdisciplinaridade. <hr/> PURPOSE: The aim of this paper is to investigate the supervisor (professor) profile of the probation in Speech-Language Pathology and how is his practice while the monitoring of the trainees (students). METHODS: It treated of a descriptive cross-sectional study based on the application of a questionnaire in 21 supervisors of the probation in a Course of Speech-Language Pathology at a public university in State of Alagoas, Brazil. RESULTS: The studied group shows 95.24% of women, predominantly aged between 31 and 40 years. Most is Master, however, few have specific training for teaching in health, always performing their activities mainly with medium complexity and outside the interdisciplinary context. CONCLUSION: The results point to the need to the specific training focused on teaching as well as to the redirection of training for the Primary Care and the Interdisciplinarity. <![CDATA[Identification of language disorders in the school setting]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000601972&lng=es&nrm=iso&tlng=es OBJETIVO: verificar se os educadores infantis são capazes de identificar as crianças com alteração no desenvolvimento de linguagem. MÉTODOS: tratou-se de um estudo observacional transversal comparativo realizado em escolas carentes de educação infantil. A amostra do estudo foi composta por 14 educadores e 91 alunos regularmente matriculados nas instituições de ensino selecionadas, nas faixas etárias de dois a quatro anos e 11 meses. Os educadores responderam um questionário sobre o desenvolvimento das crianças e aplicou-se a avaliação fonoaudiológica em todas elas. Realizou-se análise da concordância entre a avaliação fonoaudiológica e a do educador por meio do coeficiente Kappa e cálculos de sensibilidade e especificidade, considerando a avaliação fonoaudiológica como referência. RESULTADOS: segundo avaliação fonoaudiológica, o desenvolvimento da linguagem das crianças estava comprometido da seguinte forma: 22% possuíam alteração na recepção, 34,1% na emissão, 35,2% nos aspectos cognitivos e 6,6% nos aspectos motores. Identificou-se baixa concordância entre a avaliação fonoaudiológica e do educador. A avaliação do educador teve sensibilidade que variou entre 0,3 e 0,4 e especificidade que variou entre 0,6 e 0,9. CONCLUSÃO: os educadores apresentaram dificuldades em identificar as crianças com riscos para alterações de linguagem. <hr/> PURPOSE: to determine whether early childhood teachers are able to identify children with language development impairments. METHODS: the present comparative cross-sectional observational study was conducted in underserved early childhood education schools. The study sample comprised 14 teachers and 91 schoolchildren in the age range of 2 years to 4 years 11 months who were regularly enrolled in the selected schools. The teachers completed a questionnaire concerning the children's development status, and a speech-language evaluation was conducted with all the children. The level of agreement between the speech-language assessment and that conducted by the teachers was measured using the Kappa coefficient; sensitivity and specificity were calculated considering the speech-language evaluation as the gold standard. RESULTS: the speech-language assessment showed that language development was impaired thus: 22% of the children had deficits in receptive language; 34.1% showed expressive language impairment; 35.2%, cognitive deficits, and 6.6% had oral motor impairment. Slight agreement was found between the speech-language assessment and that performed by the teachers. The sensitivity of the teachers' assessment ranged between 0.3-0.4 while specificity ranged between 0.6-0.9. CONCLUSION: the teachers had difficulties in identifying the children at risk for language disabilities. <![CDATA[Sleep-wake, aspects of memory and melatonin in Williams-Beuren syndrome: a review of literature]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000601980&lng=es&nrm=iso&tlng=es A Síndrome de Williams-Beuren, distúrbio genético (microdeleção na região cromossômica 7q11.23), apresenta como fenótipo aparente habilidade social que contrasta com o mau funcionamento cognitivo global e visuo-espacial, problemas na forma receptiva, estrutural e semântica da comunicação, além de déficits na atenção, hiperatividade e na memória visuoespacial. Outra caracteristica são desordens no ciclo sono-vigília, com sono ineficaz, resistência em ir para a cama, acordares durante a noite e sonolência durante o dia. Uma possibilidade ainda não explorada nesta síndrome seria o padrão anormal na síntese de melatonina, hormônio capaz de modular a qualidade do sono. Considerando que a qualidade do sono é diretamente influenciada pelos níveis de melatonina e que tanto a melatonina quanto o sono são essenciais para o desenvolvimento adequado das funções cognitivas, buscou-se nesta revisão de literatura quais estudos investigaram separadamente e ou correlacionaram estes três aspectos (melatonina, sono-vigília e memória) na síndrome de Williams-Beuren. Para busca, foram utilizadas as bases de dados Medline/Pubmed, SciELO e Lilacs, com os seguintes descritores: "Williams Beuren syndrome, síndrome de Williams Beuren, memory, memória, sleep-wake, sono-vigília, melatonin e melatonina", por meio de cruzamento e com o conectivo AND. O levantamento bibliográfico mostrou que não existem na literatura trabalhos que correlacionaram estas três variáveis entre si nem tampouco trabalhos que investigaram a melatonina na síndrome de Williams-Beuren. As investigações sobre sono assim como as investigações sobre memória são criticamente discutidas neste trabalho que ressalta a necessidade de estudos que correlacionem estes parâmetros, bem como outros fatores comportamentais, cognitivos e bioquímicos a eles relacionados.<hr/>The Williams-Beuren syndrome (WBS), a genetic disorder caused by the hemizygous microdeletion of a region in chromosome 7q11.23 presents an apparent social skill that contrasts with the low global and visuo-spatial cognitive performance, with problems in the receptive, structural and semantic forms of communication, besides deficits in attention, hyperactivity and impairment in visuospatial memory. Another feature is disorders of the sleep-wake cycle with ineffectiveness sleep, resistance to going to bed, waking at night and drowsiness during the day. A possibility not yet explored for this disturbance would be the abnormal pattern in the hormone melatonin that modulate the sleep quality. Considering that the sleep quality is essential for the proper development of cognitive functions, the aim of this literature review was found studies that investigated separately and correlated these three aspects in Williams-Beuren syndrome: sleep-wake, memory and melatonin. In search of data was used Medline/Pubmed, SciELO and Lilacs databases, using the keywords: "Williams Beuren syndrome, memory, sleep-wake and melatonin" separately or using the connective "AND". The literature review showed that there was no studies that correlated these three aspects nor to investigated melatonin in WBS. The investigations on sleep and memory are critically discussed in this work that shows that new studies are necessary to correlate memory, sleep-wake and melatonin in WBS as well as behavioral, cognitive and biochemical aspects related to them. <![CDATA[Congenital hypothyroidism: influence for language and behavioral skills: study review]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000601990&lng=es&nrm=iso&tlng=es O hipotireoidismo congênito é um distúrbio do metabolismo sistêmico caracterizado pela produção deficiente dos hormônios tireoidianos. A literatura apresenta que estas crianças podem apresentar alterações cognitivas, linguísticas e problemas comportamentais, mesmo quando o diagnóstico e o tratamento iniciaram precocemente. O objetivo do presente trabalho foi descrever as alterações de linguagem, de cognição, de habilidades psicolinguísticas e/ou de comportamento em sujeitos com hipotireoidismo congênito, a partir de estudos já publicados pela comunidade científica, no período de 2004 a 2013. O levantamento bibliográfico foi realizado por meio de pesquisa em bases de dados nacionais e internacionais: LILACS (Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde), MEDLINE (MEDlarsonLINE-Literatura Internacional) e Scielo (Scientific Eletronic Library Online). A literatura evidencia que a gravidade das alterações no desenvolvimento das habilidades motoras, cognitivas e linguística, esteve relacionada à idade da criança ao receber o diagnóstico e ao iniciar o tratamento. Entretanto, alterações nestas habilidades têm sido observadas em crianças com hipotireoidismo congênito, mesmo quando o diagnóstico foi precoce e o tratamento foi considerado dentro de padrões adequados. A magnitude de tais alterações depende de alguns fatores como a etiologia do hipotireoidismo congênito, época de seu início (pré ou pós-natal), gravidade da deficiência hormonal e idade da criança ao iniciar o tratamento de reposição hormonal.<hr/>Congenital hypothyroidism is a systemic metabolic disorder characterized by insufficient production of thyroid hormones. The literature shows that infants with congenital hypothyroidism may have cognitive, language and behavioral problems, even when the diagnosis and treatment started early. The objective of this study was to describe the language, cognitive, psycholinguistic abilities and / or behavior changes in patients with congenital hypothyroidism from published national and international studies in the period 2004-2013. The database research included: LILACS (Latin American and Caribbean Health Sciences), MEDLINE (MedlarsonLINE- International Literature) and SciELO (Scientific Electronic Library Online). When evaluating children with congenital hypothyroidism, the literature indicates that the severity of changes in the development of motor skills, cognitive and language abilities was related to the age the child was diagnosed and the start of treatment. However, disorders in these abilities have been observed in congenital hypothyroidism children even when the diagnosis and early treatment were within the standards considered adequate. The magnitude of these changes depends on factors as congenital hypothyroidism etiology, time of its beginning (pre-or post-natal), severity of hormone deficiency and age of the start of hormone replacement therapy. <![CDATA[Physical education and dyslexia: possible convergences]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000601997&lng=es&nrm=iso&tlng=es A dislexia de desenvolvimento é um transtorno de aprendizagem da linguagem, em áreas como a leitura, soletração, escrita, expressão, matemática, corporal e social. Na literatura consultada constam pesquisas que relacionam a área da Educação Física com este transtorno, tanto em âmbito nacional como internacional, embora não seja explicitada a relevância destes estudos. Esta investigação consistiu numa pesquisa bibliográfica, de cunho qualitativo, priorizando a busca por obras publicadas que exploraram a aproximação entre assuntos relacionados à Educação Física e à dislexia. Pelos dados obtidos foi possível inferir que a pesquisa relacionada com essas áreas é uma possibilidade já considerada pela literatura, embora ainda de maneira escassa. As pesquisas encontradas demonstram que há na literatura articulação entre os temas investigados, embora ainda existam poucas inferências sobre a área específica da Educação Física. No entanto, se coloca em pauta a discussão sobre as possíveis contribuições da ação deste profissional, pois o movimento constitui recurso para a intervenção nos quadros de dislexia.<hr/>Developmental dyslexia is a language learning disorder, in areas such as reading, spelling, writing, expression, math, motor activities and social relations. In the literature, there are studies that relate the Physical Education area with this disorder, in the international and national levels, although the relevance of these studies is not clearly expressed. This study consisted in a bibliographical and qualitative research, which prioritized published papers that aimed at the approximation between related to Physical Education and dyslexia. From the data obtained, it was possible to infer that the research related to these areas is a possibility already considered in the literature, although sparse. The studies found demonstrate that there is articulation between the themes investigated in the literature, albeit the references about the specific area of Physical Education are still scarce. However, the discussion about the possible contributions of this professional becomes pertinent, as the movement provides resources for intervention in cases of dyslexia. <![CDATA[Speech language pathology disorders in children with congenital hypothyroidism: critic review of literature]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000602006&lng=es&nrm=iso&tlng=es O Hipotireoidismo Congênito (HC) é a doença endócrina congênita mais comum na infância e corresponde à deficiência de hormônios tireoidianos. Este artigo teve o objetivo de realizar uma revisão crítica da literatura, a respeito das possíveis alterações fonoaudiológicas relacionadas ao HC. Os descritores utilizados para a busca nas bases de dados eletrônicas PUBMED e MEDLINE foram: hypothyroidism OR congenital hypothyroidism AND voice OR hearing OR language. Foram incluídos estudos publicados até julho de 2011. As análises foram realizadas independentemente por dois dos pesquisadores, com posterior discussão e consenso sobre a inclusão. Dos 324 estudos localizados na análise inicial, apenas 20 compuseram a amostra final após o estabelecimento dos critérios de inclusão. Observou-se que há um número considerável de artigos sobre a linguagem de crianças com HC, embora com controvérsias no que se refere aos resultados das avaliações. Quanto à Audiologia, nos últimos anos houve uma redução no número de artigos que descrevem alterações auditivas em crianças com HC. Na área de Voz, foram localizados apenas dois artigos, que se referiram exclusivamente às anormalidades observadas no choro de bebês com HC. Embora com algumas constatações relevantes a respeito do assunto, a grande variabilidade metodológica das pesquisas não permite que se tenha uma conclusão clara sobre as possíveis alterações fonoaudiológicas em crianças portadoras de hipotireoidismo congênito na atualidade.<hr/>Congenital Hypothyroidism (CH) is the most common congenital endocrine disorder in childhood which corresponds to a deficiency of thyroid hormones. This article aimed to do a literature review about the Speech Language Pathology disorders that might be associated to HC. The keywords used for searching the electronic databases PUBMED and MEDLINE were: congenital hypothyroidism OR hypothyroidism AND hearing OR voice OR language. It was included studies published up to July 2011. Two researchers did the analyses, independently, with further discussion and consensus about the inclusion. Out of the 324 studies found in the preliminary analysis, only 20 of them were included in the final sample after establishing the criteria for inclusion. We observed that a great number of articles on the children language development on CH, but controversial ones, when it comes to the results of the evaluations. In Audiology, there has been a reduction in the number of articles that describe hearing loss in children who had CH. Only two papers were found about the voice, which referred exclusively to crying abnormalities in babies affected by CH. Although some findings were proven relevant to the subject, the great variability of the research methodology does not allow us to have a clear conclusion on the probable speech language pathology disorders in children with congenital hypothyroidism. <![CDATA[Methods of health education and training: literature review]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000602015&lng=es&nrm=iso&tlng=es A Educação em Saúde no Ensino Superior tem sido objeto de muitos debates acerca da formação profissional em saúde. Portanto, há a discussão eminente acerca da utilização de novas metodologias de ensino a fim de formar profissionais em saúde, com habilidades e competências além do domínio técnico-científico, que sejam capazes de criar, planejar, implementar e avaliar políticas e ações em saúde para a população e, ao mesmo tempo, solucionar problemas. Para isso, metodologias ativas de aprendizagem, como a Aprendizagem Baseada em Problemas, são utilizadas com o propósito de que estudantes da área da saúde adquiram o conhecimento de forma significativa e não meramente mecânica, como o ensino tradicional há muitos anos perpetra. Esse estudo tem como objetivo analisar a produção científica nacional e internacional acerca dos temas Educação em Saúde, Aprendizagem Baseada em Problemas e Aprendizagem Significativa dos últimos cinco anos. A maior parte dos estudos evidencia efeitos positivos com a aplicação de novas estratégias de ensino e ainda, corrobora a necessidade de mudanças na educação em saúde no ensino superior. Além disso, a maioria das publicações se encontram no período de 2007 a 2009 e tem como eixo temático a Aprendizagem Baseada em Problemas. <![CDATA[The afterthought of speech language and hearing science therapy in the contemporary scientific epistemology]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000602029&lng=es&nrm=iso&tlng=es OBJETIVO: refletir sobre a força política do saber da Fonoaudiologia na contemporaneidade. MÉTODOS: são apresentados os dois modelos da epistemologia científica, neles focando a Fonoaudiologia, a saber: o fazer científico clássico e o fazer científico contemporâneo. CONCLUSÃO: a Fonoaudiologia exerce a autonomia política do seu saber, contextualizada na área da saúde, dela dispondo, desde a formação do fonoaudiólogo, até, efetivamente, a prática dos seus profissionais. <hr/> PURPOSE: reflecting about the political force of speech language and hearing sciences therapy in the contemporary time. METHODS : two models of scientific epistemology are introduced focusing on the speech language and hearing sciences therapy, namely: the classic scientific and the contemporary scientific acting. CONCLUSION : the speech language and hearing sciences therapy exercises the political autonomy of its knowledge, contextualized in the health area, arranging it, from the speech therapist formation, until effectively practice of its professionals. <![CDATA[The holophrastic speech of a teenager: a case report]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000602034&lng=es&nrm=iso&tlng=es Este relato de caso volta-se a questões teóricas e clínicas sobre a fala holofrásica de uma adolescente e tem, como objetivo, investigar a estrutura e o funcionamento dessa fala. Os dados de fala da adolescente mencionada foram extraídos do material clínico de sessões terapêuticas e sua análise foi subsidiada pelo modelo teórico de organização dos sintomas de linguagem. Em particular, observou-se o alçamento, pelo fonoaudiólogo, do metaprocedimento da sanção, em sua incidência sobre o reconhecimento ou negação do sujeito e do significante, aliado à escuta da fala da adolescente. Por essa via, a fala holofrásica teve sua especificidade enigmática interrogada a partir da singularidade do material clínico, seja na literalidade do dado, seja na escuta à massa amorfa e sonora que a constitui. Os resultados dão suporte à hipótese de que a fala holofrásica seria um sintoma de linguagem e se constituiria pela aglutinação de segmentos ininteligíveis apresentados como massa amorfa e sonora formada por uma miscigenação de significantes, escutados como distorcidos, soldados ou sem pausa entre si. Apesar de sua especificidade funcional e estrutural, a fala holofrásica tem seu funcionamento submetido à ordem própria da língua, em articulação ao acontecimento individual da fala do sujeito.<hr/>This case study is aimed at clinical and theoretical issues concerning the holophrastic speech of a teenager. Its objective is to investigate the structure and function of this holophrastic speech. The speech data of this teenager was extracted from therapy sessions, clinical material, and the theoretical model of multi-layering of the language symptoms has aided in its analysis. We observed, in particular, the raising, by the speech therapist, of the meta-procedure of sanction and its impact on the recognition or denial of the subject and the signifier, coupled to listening to the speech of the teenager. In this way the holophrastic speech had its enigmatic specificity questioned from the uniqueness of the clinical material, whether in the literalness of the data, or by listening to the amorphous and sonorous mass that constitutes it. The results support the hypothesis that the holophrastic speech would be a language symptom constituted by the agglutination of unintelligible segments that are presented as an amorphous and sonorous mass formed by a mixing of signifiers, heard as distorted, fused or without pause between them. Despite its functional and structural specificity, holophrastic speech has its functioning subjected to its own order of language articulated to the individual event of the subject's speech. <![CDATA[The clinical process of relactation and the adoption process merged with speech-language therapy: a report on a case study]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000602048&lng=es&nrm=iso&tlng=es Quando ocorre a morte materna de um recém-nascido, há a necessidade de alguém para substituir as funções da mãe. A equipe multiprofissional pode ajudar na escolha e na preparação da pessoa para tal finalidade. O fonoaudiólogo também tem papel fundamental neste processo, pois é responsável por desenvolver e aprimorar uma das principais funções do recém-nascido que é a sucção. Esse relato de caso tem por objetivo relatar a atuação fonoaudiológica no processo de adoção ocorrido em uma maternidade pública do estado de Alagoas. Trata-se de um relato de uma intervenção direcionada a um recém-nascido pré-termo, cuja mãe faleceu pouco tempo depois do seu nascimento. O acompanhamento foi realizado nas três etapas do Método Canguru e ocorreu por meio de intervenções direcionadas ao binômio mãe adotiva-recém-nascido e de orientações à equipe multiprofissional. O recém-nascido pré-termo do relato de caso teve alta sem alterações sensório-motoras orais, mamando ao seio materno e recebendo complemento por meio da relactação, sugerindo, desta forma, a importância da intervenção fonoaudiológica no caso. O recém-nascido recebeu alta hospitalar apresentando órgãos do sistema estomatognático, no que se refere à postura, conformação e mobilidade, dentro da normalidade; reflexos orais presentes; força e ritmo adequados na sucção não nutritiva; sem dificuldades para mamar ao seio materno; e recebendo complemento prescrito por meio da relactação. Conclui-se que a atuação fonoaudiológica concomitante com o processo de adoção pode contribuir com o processo de lactação e com o consequente vínculo do binômio mãe-bebê.<hr/>When the mother of a newborn dies, someone has to take on the role as the baby's mother. A multi-disciplinary team can be instrumental in choosing someone and preparing that person to act as such. Speech therapy concurrent with the adoption process may contribute to the lactation process and also to the connection between mother and baby. The purpose of this study is to report the speech therapy role in conjunction with the adoption process in a public maternity hospital in the state of Alagoas - Brazil. This is a report of an intervention study with a preterm newborn whose mother died soon after giving birth. The follow-up was performed according to the three stages of the Kangaroo Mother Method and was carried out through interventions aimed at the foster mother/newborn relationship, as well as guidance from the multi-disciplinary team. The preterm newborn referred for this case study was discharged with no sensory or oral motor changes. The child fed from the adoptive mother's breast and was given formula by means of relactation, thus suggesting the importance of speech therapy intervention in this case. The newborn was discharged after determining that the stomatognathic system structures in relation to posture, mobility and conformation were within the normal range, and oral reflexes, strength and pace suitable in non-nutritive suckling were present, making it easy to be breastfed, while concurrently receiving the prescribed adjunct complementary feeding through a naso-gastric catheter. The speech therapist is a critical partner in that process because that person is the professional responsible for developing and improving one of the main functions of the newborn: the ability to suckle. <![CDATA[Use of CT for diagnosing temporomandibular joint]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000602053&lng=es&nrm=iso&tlng=es A tomografia computadorizada desempenha um papel importante no diagnóstico de anomalias e condições patológicas da ATM, permitindo a visualização completa da região articular, fornecendo um diagnóstico mais preciso. Para avaliação das imagens tomográficas é necessário que o profissional tenha o conhecimento da anatomia seccional da região articular, para que o mesmo reconheça as alterações estruturais. Assim, foi exposto e descrito neste trabalho as características tomográficas de normalidade, alterações morfológicas e condições patológicas mais encontradas na região da articulação temporomandibular. Sendo a tomografia computadorizada um exame de imagem superior aos métodos convencionais de imagem para ATM, pois permite uma visualização tridimensional adequada e apurada de todos os detalhes ósseos sem a limitação das sobreposições, fornecendo o tamanho e formato real das estruturas anatômicas, alterações morfológicas e condições patológicas.<hr/>The computed tomography plays an important role in the diagnosis of anomalies and pathological conditions of the TMJ, providing a complete visualization of joint region, providing a more accurate diagnosis. For evaluation of the images is necessary to the professional the knowledge of sectional anatomy of the joint region, so he can recognize the structural changes. Therefore, it was explained and described in this study the characteristics of normal CT, morphological and pathological conditions commonly found in the region of the temporomandibular joint. The Computed tomography is an imaging exam superior than the conventional imaging exam for TMJ, because it allows an adequate and accurate three-dimensional visualization of all details of the bone, without the limitation of overlap, providing the real size and shape of the anatomical structures, morphological changes and pathological conditions. <![CDATA[Speech therapy intervention for teachers of elementary school: experience report]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000602060&lng=es&nrm=iso&tlng=es OBJETIVO: descrever um modelo de assessoria fonoaudiológica. MÉTODOS: levantamento e análise de erros ortográficos a partir de 97 redações das turmas de 2ª à 5ª série do ensino fundamental. A partir da caracterização dos erros ortográficos foi delineada a ação com as quatro professoras do ensino fundamental, a professora de Português da quinta série e a orientadora pedagógica. Foram realizados doze encontros semanais interventivos de uma hora, onde foram discutidos, por meio das redações dos próprios alunos, os problemas de aquisição do sistema ortográfico, reflexões sobre a alfabetização, prática pedagógica e modificação de condutas consideradas ineficazes. RESULTADOS: constatou-se que os erros ortográficos aumentavam à medida que as séries avançavam. Foi formulada a hipótese de que os alunos da segunda série teriam cometido poucos erros ortográficos por estarem seguindo modelos de texto e utilizando vocabulário limitado, foi realizada uma reavaliação qualitativa das redações, que confirmou esta hipótese. Como resultado do grupo de estudos, verificou-se o aumento da autonomia profissional das professoras, que passaram a compreender melhor as dificuldades de escrita dos alunos, desenvolvendo estratégias didáticas mais eficazes para reverter tais problemas. CONCLUSÃO: a confirmação da hipótese de que a quantidade de erros pode não representar um bom indicador quanto ao real domínio da escrita, trouxe um proveito significante para os professores que ao terem acesso a esta informação, tomaram-na para si, criando a partir do conteúdo discutido, novas estratégias de ensino. <hr/> PURPOSE: this article aims to describe a speech therapy advisement model. METHODS: research and analysis of spelling errors based on the contents of 97 papers, created in the 2th - 5th grades of the elementary school. From the characterized spelling errors, we planned an action with four Portuguese teachers of the 5th grade of the elementary school and the pedagogical coordinator. We realized 12 weekly and interventional one-hour meetings, where the obstacles in acquiring the orthographic system, reflections regarding literacy, pedagogical practice, and alterations in methods considered ineffective were debated based on the student papers. RESULTS: it was perceived that spelling errors increased as the grades advanced. We formulated the hypothesis that the students of the 2th grade committed few spelling errors because they were following textual models and using a limited vocabulary. A qualitative reassessment of the papers that confirmed the cited hypothesis was carried out. As a result of study group we found an increase in teachers' professional autonomy, which started to better understand writing difficulties of the students, developing more efficient didactic tactics in order to suppress such problems. CONCLUSION: The confirmation of our hypothesis that the amount of errors may not represent a good indicator as for the real mastery of writing, has brought a significant advantage for the teachers that when having access to this information, seized it for themselves, creating new teaching strategies from the discussed content.