Scielo RSS <![CDATA[Revista CEFAC]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=1516-184620140004&lang=pt vol. 16 num. 4 lang. pt <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <![CDATA[Editorial]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401047&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt <![CDATA[Avaliação audiológica em lactentes com agenesia de corpo caloso]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401051&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivo verificar a ocorrência de alterações auditivas em lactentes com alteração do corpo caloso, comparando-os a crianças sem tal malformação. Métodos estudo de coorte dividido em duas partes: retrospectivo de 2008 a 2011 e prospectivo de 2011 a 2012. O grupo estudo foi constituído por 12 lactentes com diagnóstico de agenesia de corpo caloso e o grupo controlepor12 lactentes, pareados por idade pós concepcional e sexo. Todos realizaram Emissões Otoacústicas Evocadas por Estimulo Transiente, Potencial Evocado Auditivo de Tronco Encefálico (análise da média das latências das ondas I, III e V e interpicos I-III, III-V e I-V a 80dBnNA) e Avaliação do Comportamento Auditivo. Resultados na análise da ocorrência de alteração auditiva na avaliação com Emissões Otoacústicas Transientes e Potencial Evocado Auditivo de Tronco Encefálico, houve diferença em ambos os grupos com maior percentual de resultados normais no grupo controle. Houve diferença significante entre as orelhas, nas latências da onda III e intervalo interpico I-III, menor à direita, nogrupo controle.Naavaliação comportamental, houve diferença significante entre os grupos em relação aos resultados normais e alterados, com maior ocorrência de alteração central no grupo estudo.Ainda neste grupo, a segunda avaliação mostrou maior índice de resultados alterados quando comparados à primeira avaliação, sendo estaticamente significante. Conclusão as alterações auditivas nos lactentes com alteração do corpo caloso não foram identificadas ao nascimento, tendo sido apenas a partir de seis meses de vida. A maioria das alterações ocorreram na via auditiva central, no tronco encefálico. <hr/> Purpose to assess the occurrence of hearing loss in infants with corpus callosum agenesis comparing them to children without such malformation. Methods a cohort study in two parts: a retrospective from 2008 to 2011, and prospective from 2011 to 2012. The study group consisted of 12 infants diagnosed with agenesis of the corpus callosum and the control group of 12 infants, matched for sex and post conceptional age. All patients underwent otoacoustic emissions transient stimulus, Auditory Evoked Potential (analysis of the average latencies of waves I, III and V and interpeak I-III, III-V and IV 80dBnNA) and behavioral auditory tests. Results the analysis of the occurrence of hearing impairment evaluationotoacoustic emissions transient stimulusand Auditory Evoked Potential showed differences in both groups, withhighest percentage of normal results in the control group. There was significant difference between the ears, the latencies of wave III and I-III interpeak interval, and lower right in the control group. In behavioral assessment, there was significant difference between the groups in relation to normal and abnormal results, with higher prevalence of central alteration in the study group. Also in this group, the second assessment showed a statistically significant higher rate of abnormal results when compared to the first assessment. Conclusion hearing disorders in infants with corpus callosum agenesis were not identified at birth, but within the first six months of life. Most of the changes occurred in the central auditory pathway in the brainstem. <hr/> Purpose to assess the occurrence of hearing loss in infants with corpus callosum agenesis comparing them to children without such malformation. Methods a cohort study in two parts: a retrospective from 2008 to 2011, and prospective from 2011 to 2012. The study group consisted of 12 infants diagnosed with agenesis of the corpus callosum and the control group of 12 infants, matched for sex and post conceptional age. All patients underwent otoacoustic emissions transient stimulus, Auditory Evoked Potential (analysis of the average latencies of waves I, III and V and interpeak I-III, III-V and IV 80dBnNA) and behavioral auditory tests. Results the analysis of the occurrence of hearing impairment evaluationotoacoustic emissions transient stimulusand Auditory Evoked Potential showed differences in both groups, withhighest percentage of normal results in the control group. There was significant difference between the ears, the latencies of wave III and I-III interpeak interval, and lower right in the control group. In behavioral assessment, there was significant difference between the groups in relation to normal and abnormal results, with higher prevalence of central alteration in the study group. Also in this group, the second assessment showed a statistically significant higher rate of abnormal results when compared to the first assessment. Conclusion hearing disorders in infants with corpus callosum agenesis were not identified at birth, but within the first six months of life. Most of the changes occurred in the central auditory pathway in the brainstem. <![CDATA[Triagem auditiva neonatal: caracterização da demanda/ território e exames auditivos]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401060&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivo caracterizar a demanda, território e exames auditivos realizados em um Programa de Triagem Auditiva Neonatal. Métodos estudo retrospectivo de uma amostra de 2334 prontuários de recém-nascidos triados, envolvendo a análise de dados referentes à Triagem Auditiva Neonatal, informações dos Recém-nascidos e variáveis demográficas. Resultados foram triados 88% dos recém-nascidos, e destes 16% apresentavam Indicador de Risco para Deficiência Auditiva e 84% não apresentavam. Observou-se que o indicador mais prevalente foi o histórico familiar, e que as chances de passar no teste são menores quando na presença de indicador e quando o recém-nascido apresentava peso inferior a 1.500g. O índice de passa-falha no teste foi de 78% passa e 22% falha. No resultado do teste, maior número de falhas unilaterais, e no reteste falha de 4% sendo a adesão de mais de 70%. Conclusão estudo como este possibilita a busca ativa dos recém-nascidos do grupo de risco para deficiência auditiva em seus respectivos territórios, havendo maior possibilidade de seguimento e assim, chegar ao objetivo primordial da triagem auditiva que é o diagnostico da surdez até o terceiro mês de vida, além de projetar um Programa de Triagem Auditiva Neonatal efetivo em suas etapas: triagem, diagnóstico audiológico, indicação, seleção e adaptação de aparelhos auditivos e re(ha)bilitação auditiva. <hr/> Purpose to characterize the demand, territory and hearing tests performed on a Newborn Hearing Screening Program. Methods retrospective study of a sample of 2334 records of newborns screened, involving the analysis of data on Newborn Hearing Screening, Newborns of information and demographic variables. Results 88% were screened newborns, and of these 16% had Risk Indicator for Hearing Impairment and 84% did not. It was observed that the indicator was the most prevalent family history, and that the chances of passing the test are lower in the presence of indicator and when the newborn’s weight less than 1,500 g. The index-pass test failure was 78% and 22% passes failure. On the test result, the greater number of failures unilateral and retest failure 4% being a membership of more than 70%. Conclusion study like this allows the active pursuit of newborn risk group for hearing impairment in their respective territories, with greater possibility of tracking and thus reach the primary goal of hearing screening is that the diagnosis of deafness until the third month life, in addition to designing a Neonatal hearing Screening Program effective in their steps: screening, diagnostic audiology, indication, selection and fitting of hearing aids and re (ha) bilitation hearing. <![CDATA[Avaliação simplificada e comportamental do processamento auditivo em escolares: estabelecendo relações]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401069&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivo caracterizar o processamento auditivo de escolares que falharam na avaliação simplificada do processamento auditivo e comparar esses achados com os resultados na avaliação comportamental do processamento auditivo. Métodos realizou-se a avaliação audiológica básica (audiometria tonal e vocal e medidas de imitância acústica), bateria comportamental do processamento auditivo composta pelos testes PSI (Pediatric Speech Intelligibility) versão em português, PPS (Pitch Pattern Sequence), MLD (Masking Level Difference), SSW (Stagged Spondaic Words) versão em português e GIN (Gap in Noise) e reteste da avaliação simplificada do processamento auditivo com escolares de 9 a 14 anos, matriculados entre o 4º ano e a 8ª série do ensino fundamental de uma escola de ensino público de Porto Alegre. Resultados dos 11 escolares avaliados que falharam na avaliação simplificada, 10 (90,9%) apresentaram alterações na bateria comportamental do processamento auditivo. Os subperfis com maior número de alterações foram os de decodificação e integração, as habilidades auditivas mais prejudicadas foram de interação binaural e separação e integração binaural concomitantemente. Não houve associação significante entre as tarefas da avaliação simplificada e os testes da bateria comportamental ao comparar o mesmo correlato neurofisiológico ou tarefa semelhante. Conclusão foi possível caracterizar o processamento auditivo dos escolares avaliados. A partir da comparação entre a avaliação simplificada e a bateria comportamental verificou-se que a avaliação simplificada pode ser um preditor sensível às alterações de processamento auditivo, apesar de não se identificar associação específica entre as habilidades comparadas. <hr/> Purpose to characterize the auditory processing of students who failed in the simplified evaluation of the auditory processing and compare these found results with the results in the behavioral auditory processing evaluation. Methods it was performed the basic audiological evaluation (vocal and tonal audiometry and acoustic immitance measurements), the behavioral battery of the auditory processing, composed by the PSI (Pediatric Speech Intelligibility) portuguese version, PPS (Pitch Pattern Sequence), MLD (Masking Level Difference), SSW (Stagged Spondaic Words) portuguese version and GIN (Gap in Noise), and the retest of the simplified evaluation of the auditory processing with students from nine to fourteen years old registered between 4th to 8th grade of a public school in Porto Alegre. Results ten (90,9%) out of the eleven evaluated students that failed in the simplified evaluation showed alterations in the behavioral battery of auditory processing tests. The subprofiles which had the major number of alterations were the ones of decoding and integration, the most impaired auditory abilities were binaural interaction and separation and binaural integration concomitantly. There was no relevant association between the tasks of the simplified evaluation and the tests of the behavioral battery when comparing the same neuralphisiological report or similar task. Conclusion it was possible to characterize the auditory processing of the analyzed students. From the comparison between the simplified evaluation and the behavioral battery it was noted that the simplified evaluation can be a sensible predictor to the alterations of the auditory processing, in spite of not identifying the specific association between the compared abilities. <![CDATA[Satisfação dos usuários do implante coclear com perda auditiva pós-lingual]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401078&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivo avaliar a satisfação dos usuários de Implante Coclear com perda auditiva pós-lingual. Métodos estudo seccional com 51 implantados, pacientes de um centro de referência em saúde auditiva na cidade do Natal-RN. Foram utilizados dois questionários de satisfação adaptados para usuários de implante coclear. Resultados houve um alto índice de satisfação entre os pesquisados, detectado pelo InternationalOutcomeInventory –CochlearImplant(100,0%) e pelo SatisfactionwithAmplification in Daily Life (98,0%).A insatisfação foi observada em relação à imagem pessoal (13,7%),serviços e custos (27,5%), e na presençado ruído competitivo(9,8%). Conclusão o implante coclear é uma intervenção com alto índice de satisfação entre os usuários pesquisados. <hr/> Purpose evaluate the satisfaction of cochlear implant users with post lingual hearing loss. Methods cross-sectional study with 51 patients, recruited from a reference center for auditory health in Natal, Brazil, who received cochlear implants. Adapted questionnaires were used to evaluate users´ satisfaction. Results a high satisfaction score within the studied population was obtained with the InternationalOutcomeInventory –CochlearImplant(100, 0%) and the SatisfactionwithAmplification in Daily Life(98,0%).Dissatisfaction could be related to personal image (13,7%), costs and services (27,5%), and to the presence competitive noise (9,8%). Conclusion cochlear implant is an intervention with a high satisfaction index amongst investigated users. <![CDATA[Emissões otoacústicas evocadas transientes em recém-nascidos a termo e pré-termo]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401088&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivo verificar comparativamente a amplitude das emissões otoacústicas evocadas por estímulos transientes, observando as variáveis gênero e orelha em recém-nascidos a termo e pré-termo com e sem risco para alterações auditivas. Métodos participaram deste estudo 156 recém-nascidos, de ambos os gêneros, com idade pós-concepcional de até 54 semanas, alocados em três grupos de acordo com a idade gestacional. O G1 foi composto de 83 recém-nascidos a termo e o G2 de 73 pré-termo. Este último, subdividido em G2A, com 42 recém-nascidos sem risco para alterações auditivas e G2B com 31 recém-nascidos com risco. As emissões otoacústicas transientes foram obtidas com clique não-linear, à 84 dB NPS utilizando o Echocheck ILO EOA Screener, Otodynamics. Para análise dos resultados, foram utilizados os testes estatísticos: Mann-Whitney, qui-quadrado ou exato de Fisher, ANOVA de Kruskal-Wallis e múltiplas de Dunn, teste dos postos sinalizados de Wilcoxon; sendo considerado como significante o p &lt; 0,05. Resultado observou-se diferença significante nas amplitudes das emissões otoacústicas evocadas transientes, maior em G1 (p= 0,017) do que em G2 (p=0,048) na orelha direita e esquerda. O grupo G1 (p= 0,009) apresentou amplitude das emissões otoacústicas estatisticamente maiores que G2B na orelha direita. Conclusão o grupo a termo apresentou amplitude das emissões otoacústicas maiores do que o grupo pré-termo. Não houve diferença das emissões otoacústicas entre as variáveis gênero e orelha. <hr/> Purpose to evaluate and compare the amplitude of transient evoked otoacoustic emissions, observing the variables gender and ear in preterm and term newborns with and without hearing impairment risk. Methods the group studied consisted of 156 newborns of both genders, aged up to 54 post-conceptional weeks, allocated into three groups according to their gestational age. Group G1 was composed of 83 term newborns and G2 of 73 preterm infants. The latter was subdivided into G2A, composed of 42 newborns without hearing loss risk and G2B of 31 newborns at risk. The transient evoked otoacoustic emissions were obtained by nonlinear click stimulus presented at 84 dB SPL with the Echocheck ILO OAE Screener, Otodynamics. For data analysis, the following statistical tests were used: Mann-Whitney, chi-square or Fisher exact test, Kruskal-Wallis ANOVA and Dunn multiple, post marked Wilcoxon with p&lt; 0, 05 was considered significant. Results the amplitude of the transient evoked otoacoustic emissions was greater in G1 (p= 0.017) than in G2 (p= 0.048) in the right and left ear and these difference was significant. Group G1 (p = 0,009) presented statistically greater amplitude in otoacoustic emissions than G2B in the right ear. Conclusion the term group presented greater amplitude in otoacoustic emissions than the pre-term group. No difference in otoacoustic emissions was observed in the variables gender or ear. <![CDATA[Achados audiológicos em jovens usuários de fones de ouvido]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401097&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivos analisar a relação entre o uso de fones de ouvidos e os comprometimentos auditivos e extra-auditivos provocados pelos tocadores portáteis de música. Métodos a proposta foi coletar dados, por meio de um questionário respondido pelos participantes. Realização dos exames audiométricos: audiometria tonal e vocal; imitânciometria e pesquisa dos reflexos acústicos; emissões otoacústicas transientes e emissões otoacústicas produto de distorção, posteriormente os dados foram comparados entre os indivíduos de um mesmo grupo e os grupos foram comparados entre si (grupo experimental e grupo controle). Para a análise estatística foi utilizado o teste Qui-Quadrado e exato de Fisher. Resultados algumas das variáveis investigadas, tais como o uso de fones de ouvido de 1 a 2 horas diárias, a presença de queixas auditivas e extra-auditivas, exposição a níveis de pressão sonora elevados extra-ocupacional uma vez por semana, ser não fumante, não usar medicamentos controlados e não apresentar zumbido possuíram frequência estatisticamente significante para o grupo experimental. Em relação às queixas auditivas houve diferença estatisticamente significante entre os grupos experimental e controle para sensação de ouvido abafado e sensação de rebaixamento auditivo. Conclusão os sintomas temporários indicam os potenciais efeitos nocivos de ouvir tocadores portáteis de música por uma hora ao dia. Pesquisas ainda são necessárias para avaliar os prejuízos de longo prazo ao sistema auditivo. <hr/> Purpose to examine the relationship between the use of headphones and hearing impairments and hearing caused by portable music players. Methods the purpose was to collect data through a questionnaire answered by the participants. Realization of audiometric tests: tonal and vocal audiometry, immittance, and acoustic reflexes, transient otoacoustic emissions and distortion product otoacoustic emissions, subsequently the data were compared between individuals of the same group and the groups were compared itself (the experimental group and control group). For statistical analysis we used the chi-square and Fisher exact test. Results some of the variables investigated, such as the use of headphones 1 to 2 hours a day, the presence of non auditory and auditory complaints, exposure to high sound pressure levels of extra-occupational once a week to be nonsmoker do not use drugs prescription and not ringing often possessed statistically significant for the experimental group. Regarding hearing complaints there was a statistically significant difference between the experimental and control groups concerning the feeling of muffled ear and sensation of decreased hearing. Conclusion the temporary symptoms indicate the potential harmful effects of listening to portable music players for an hour a day. Research is needed to assess long-term damage to the auditory system. <![CDATA[Correlação entre as classificações de perdas auditivas e o reconhecimento de fala]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401109&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivo verificar quais médias tonais possuem maior correlação com o Limiar de Recepção da Fala e com o Índice de Reconhecimento da Fala. Métodos foram selecionados 241 exames de pacientes idosos com perda auditiva neurossensorial que realizaram audiometria tonal liminar e logoaudiometria. As avaliações audiométricas foram classificados com base nos limiares tonais de via aérea das seguinte formas: Média 1- Média das frequências de 500, 1000 e 2000 Hz; Média2-Média das frequências de 500, 1000, 2000 e 4000 Hz; Média 3 – Média das frequências de 500, 1000, 2000 e 3000 Hz e Média 4 –Média das frequências de 500, 1000, 2000, 3000 e 4000 Hz. Os dados foram comparados com os testesLimiar de Recepção da Fala e Índice de Reconhecimento da Fala e tratados estatisticamente. Resultados a Média 1 apresentou maior valor de correlação com o Limiar de Recepção da Fala (rho=0,934; IC=0,901 a 0,958; eqm=52,2). Em relação ao Índice de Reconhecimento da Fala, foi observado que amédia 3 apresentou omaior grau de correlação com o teste(rho= – 0,768; IC= –0,807 a –0,721; eqm = 245) seguido das médias 2 e 4. Conclusão para a população idosa com perda auditiva neurossensorial descendente, o Limiar de Recepção de Fala possui correlação mais forte com a média das frequências 500 Hz, 1000 Hz e 2000 Hz, enquanto o Índice de Reconhecimento de Fala possui maior correlação com as média que incluem as frequências de 3000 Hz e 4000 Hz. <hr/> Purpose to check the correlation between Speech Reception Threshold and Index of Speech Recognition with mean audiometric results. Methods we selected 241elderly patients who underwent examinations of the pure tone audiometry and speech audiometry. As inclusion, audiometry should have a sensorineural hearing loss. The tone thresholds for air obtained were classified according with the following averages: Average 1 – Average of frequencies of 500, 1000 and 2000 Hz; Average 2 – Average of frequencies of 500, 1000, 2000 and 4000 Hz; Average 3 – average of frequencies of 500, 1000, 2000 and 3000 Hz; and 4 average – average of frequencies of 500, 1000, 2000, 3000 and 4000 Hz. The data were compared with Speech Reception Threshold and Index of Speech Recognition, and treated statistically. Results Average 1 showed higher correlation with the Speech Reception Threshold (rho = 0.934, CI = 0.901 to 0.958; eqm = 52.2). In relation to the Index of Speech Recognition, it was observed that the average 3 showed the highest degree of correlation with the test (rho = – 0.768, CI = –0.807 to –0.721; eqm = 245) followed averages 2 and 4. Conclusion for elderly people with ski slop sensorineural hearing loss, the Speech Reception Threshold has the strongest correlation with the average frequencies 500 Hz, 1000 Hz and 2000 Hz, while the Index of Speech Recognition has the highest correlation with the average which include the frequencies 3000 Hz and 4000 Hz. <![CDATA[Investigação das falhas técnicas verificadas em próteses auditivas de usuários de um programa público de saúde auditiva]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401117&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivo analisar as falhas técnicas em próteses auditivas de um grupo de usuários do Programa de Saúde Auditiva de uma Universidade em Curitiba. Métodos analisou-se o relatório técnico de 104 próteses de usuários que compareceram ao serviço para a consulta de acompanhamento. Resultados o relatório apontou para defeitos em: 21% receptor; 15% caixa; 12% suspensão; 9% microfone; 2% amplificador. Com relação à causa provável do defeito: 58% desgaste em função do tempo de uso; 25% umidade; 23% mau uso. Quanto ao valor dos consertos: mínimo de R$44,00 para revisão e limpeza (36%) e máximo de R$900,00 para substituição de peças (9,6%); 21% da amostra teve o orçamento realizado entre R$100,00 e R$500,00; 37% dos aparelhos foram substituídos. Conclusão Os defeitos detectados deveram-se a problemas de manuseio entre os usuários recentes, e desgaste entre os usuários mais antigos. <hr/> Purpose to analyze the technical problems in hearing aids for a user group Program Hearing Health at a university in Curitiba. Methods we analyzed the technical report of 104 implants users who attended the service for follow-up visit. Results the report pointed to defects: 21% receiver, 15% cash, 12% suspension; microphone 9%, 2% amplifier. With regard to the probable cause of the defect: 58% wear a function of time of use, 25% humidity, 23% misuse. As the value of repairs: minimum of R$ 44.00 for review and cleaning (36%) and maximum of R$ 900.00 for replacement parts (9.6%), 21% of the sample was held between the budget R$ 100, 00 and R$ 500.00, 37% of the devices were replaced. Conclusion the defects were due to handling problems among recent users, and burnout among older users. <![CDATA[Análise quantitativa da deglutição de parkinsonianos pré e pós-riboflavina]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401125&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivo verificar as mudanças quantitativas na dinâmica da deglutição em pacientes portadores da doença de Parkinson, submetidos à administração de riboflavina e restrição de carnes vermelhas e de aves, no período de um ano. Métodos participaram do estudo 16 pacientes com doença de Parkinson, com media de idade de 67,25 anos, media do nível de severidade da doença de II para III e com media de 3,5 anos de tempo de diagnóstico da doença. As avaliações videofluoroscópicas da deglutição foram realizadas antes e após um ano de administração de riboflavina e restrição de carne vermelha e de aves. Foram analisadas presença de queixas relacionadas à deglutição e análise quantitativa por meio de medidas computadorizadas do deslocamento do osso hióide e da cartilagem cricóidea, abertura da transição faringoesofágica (TFE) e da constrição da faringe. Resultados verificou-se redução no percentual de queixas relacionadas à deglutição no momento pós-administração de riboflavina. Com relação às medidas quantitativas, observou-se no momento pós um discreto aumento na abertura da TFE para todas as consistências oferecidas, aumento da constrição da faringe para a consistência líquido engrossado, discreta redução dos valores de deslocamento do osso hióide, e tanto discreta redução como discreto aumento dos valores de deslocamento da cartilagem cricóidea dependendo da consistência alimentar, sendo redução significante para o líquido. Conclusões as medidas quantitativas realizadas na movimentação dos órgãos relacionados à deglutição não demonstraram diferenças significantes entre os momentos pré e pós-riboflavina e a restrição de carne vermelha e de aves. <hr/> Purpose to verify the quantitative changes in the swallowing dynamics in patients with Parkinson´s disease submitted to treatment with riboflavin, red meat and poultry removed during one year period. Methods sixteen patients with Parkinson´s disease participated in the study; the mean age was 67.25 years, the mean degree of disease severity was II to III, and the mean time since the diagnosis of the disease was 3.5 years. Videofluoroscopic evaluations were performed before and one year after treatment with riboflavin and diet with restriction of read meat and poultry. Analyzed were presence of complaints related to swallowing and quantitative analyses of swallowing includind computerized measurements of hyoid bone and cricoid cartilage displacement, opening of the superior esophageal sphincter and pharyngeal constriction. Results decrease of complaints was observed after administration of riboflavin. About the quantitative measures after riboflavin, there were a increase in the opening of the superior esophageal sphincter for all consistencies offered, an increase in the pharyngeal constriction for the thickened liquid, a reduction in the hyoide bone displacement, and an increase or a reduction in the cricoid cartilage displacement for each consistency, with significant reduction for the liquid. Conclusion quantitative measurements made in the movement of organs associated with swallowing showed no significant differences between pre-and post-riboflavin, and red meat and poultry removed. <![CDATA[Ocorrência de erros fonológicos de acordo com a gravidade em crianças com transtorno fonológico]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401133&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivo descrever e quantificar os erros de fala de crianças com transtorno fonológico de acordo com seu desempenho no índice porcentagem de consoantes corretas-revisado e process density index, além de determinar se as crianças com diferentes graus de gravidade diferem quanto ao erro articulatório predominante na fala. Métodos foram analisadas as amostras de fala de 21 crianças com transtorno fonológico de ambos os gêneros, com idades entre 5;2 e 7;11 anos. A partir de duas provas de fonologia (nomeação de figuras e imitação de palavras) foram calculados os índices absolutos de substituição, omissão e distorção, a porcentagem de consoantes corretas-revisado e o process density index Resultados houve diferenças quanto ao tipo de erro predominante na fala indicando que a substituição foi o tipo de erro mais ocorrente. Para as crianças com maior gravidade a substituição foi o tipo de erro de fala predominante e, para aquelas com grau menor gravidade, observou-se ocorrência semelhante dos diferentes tipos de erros. Na análise da amostra total as correlações apontaram que quanto maior a ocorrência de substituição menor o número de distorção Conclusão de forma geral, a substituição foi o tipo de erro mais ocorrente. As crianças menos graves apresentaram equivalência entre os tipos de erros e as mais graves, maior ocorrência de substituições. Os índices absolutos foram efetivos e eficientes para indicar o tipo de erro mais frequente em função da gravidade do transtorno. <hr/> Purpose to describe and quantify speech errors in children with speech sound disorder according to severity calculated by the indexes percentage of consonants correct revised and process density index and also to determine whether children with different degrees of severity differ in the predominant error observed during speech production. Methods speech samples of 21 children aged between 5;2 and 7;11 years-old with speech sound disorder were analyzed. Absolute indexes of substitution, omission and distortion, percentage of consonants correct revised and process density index were calculated based on two phonology tasks (picture naming and imitation of words). Results there were differences in the predominant type of error in speech indicating that substitution was the most occurring type of error. Substitution was the most frequent type of error for the most severe children while for the less severe ones the study did not indicate a prevalent type of error. The analysis of the total sample the correlation analysis indicated that the higher the occurrence of substitution less the number of distortion. Conclusion in general terms substitution was the most frequent type of error. Equivalence of the type of errors was observed for the less sever children while substitution was the most frequent type of error for the more sever group of children. Absolute indexes were effective and efficient to indicate the most frequent type of error according to the severity of the disorder. <![CDATA[Avaliação de aspectos pragmáticos em crianças com desvios fonológicos]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401142&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivo investigar as habilidades pragmáticas em crianças com desvio fonológico. Método por meio de triagem fonoaudiológica foram selecionadas 12 crianças com diagnóstico de desvio fonológico, com idades entre 3:7 e 7:8, sendo três do sexo feminino e nove do sexo masculino. Foi realizada análise dos aspectos pragmáticos destas crianças, utilizando-se o instrumento ABFW – pragmática. Além disso, as crianças foram classificadas de acordo com a gravidade do desvio fonológico por meio de uma abordagem quantitativa – Percentual de Consoantes Corretas-Revisado e outra qualitativa. Resultados não foi encontrada correlação estatisticamente significante entre gravidade do desvio fonológico e desempenho pragmático. Os sujeitos com desvio fonológico apresentaram número de atos comunicativos por minuto inferior aos parâmetros oferecidos pelo teste, de acordo com cada faixa etária. Conclusão a partir dos resultados obtidos não foi possível afirmar que existe uma relação significante entre a gravidade do desvio fonológico e o desempenho pragmático, no entanto, estes sujeitos apresentam desempenho inferior aos parâmetros do teste. <hr/> Purpose to investigate the pragmatic abilities in children with phonological disorder. Method 12 children (three girls and nine boys) with phonological disorders aged from 3:7 to 7:8 were chosen by triage. Pragmatic analysis was executed using the instrument ABFW – pragmatic through speech and hearing screening. Furthermore, we calculated the level of severity of the phonological evolutionary disorder using a quantitative – Percentage of Consonants Correct – Revised (Shiriberg &amp; Kwiatkowski, 1982) and a qualitative approach (Keske-Soares, 2001). Results there are no statistically significant correlation between the level of severity of the phonological disorder and pragmatic performance. However, we observed that subjects with phonological disorder showed a number of communicative acts per minute lower than the default values of the test when ranged by age group. Conclusion based on the results, it is not possible to state a direct relationship between level of severity of the phonological disorder and pragmatic performance even if these subjects have a lower performance than the default values of the test. <![CDATA[Alterações da linguagem oral no nível fonológico/fonético em crianças de 4 a 6 anos residentes em belo horizonte]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401151&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivo estudar a prevalência de alterações da linguagem oral em crianças de quatro a seis anos e verificar sua associação com as variáveis idade, sexo, presença de alterações de motricidade orofacial e presença de alterações de processamento auditivo. Métodos realizou-se avaliação da linguagem oral (teste de avaliação de linguagem ABFW – Fonologia), avaliação de motricidade orofacial e avaliação simplificada do processamento auditivo. Os dados foram armazenados em formato eletrônico para análise estatística. Para comparação de proporções foi empregado o Teste Qui-Quadrado e para comparação de médias foi empregada a análise de variância. Foi considerado valor de 5% (p&lt; 0,05) como limiar de significância estatística. Resultados foram avaliadas 242 crianças de 4 anos a 6 anos e 11 meses de idade. Observou-se prevalência de 36,0% (n=87) de alterações de linguagem oral, e associação com faixa etária com significância estatística (p=0,009). Verificou-se associação entre desvio fonológico e faixa etária (p&lt;0,001); entre a presença de desvio fonético e alterações de motricidade orofacial (p&lt;0,001) e presença de desvio fonológico e alterações do processamento auditivo (p&lt;0,001). Conclusão a alta prevalência de alterações verificada aponta para a necessidade de elaboração de ações em atenção primária à saúde, de maneira a prevenir o aparecimento destas alterações, melhorar o acesso à intervenção e possibilitar a prevenção de problemas escolares mais graves. A maior ocorrência de alterações da linguagem oral na faixa etária de quatro a cinco anos sugere que esta seja uma boa fase para identificação e prevenção destes desvios. <hr/> Purpose to verify the prevalence of oral language disorders in children from four to six years old and its association with variables age, gender, orofacial motor skills impairments and auditory processing disorders. Methods three evaluation protocols were used: stomatognathic system protocol adapted from the Myofunctional Evaluation Guidelines, the Phonology task of the ABFW – Child Language Test and a simplified auditory processing evaluation. Data were statistically analyzed using the chi-square test to compare proportions and analysis of variance to compare means and 5% (p&lt;0.05) was considered as a threshold of statistical significance. Results 242 children from 4 years to 6 years and 11 months old were assed. The prevalence of 36.0% (n=87) of oral language disorders and an association with age group with statistical significance (p=0.009) were found. We observed a statistically significant association between phonological deviation and age (p&lt;0.001); between the presence of phonetic deviation and orofacial motor skills impairments (p&lt;0.001) and the presence of phonological deviation and auditory processing disorders (p&lt;0.001). Conclusion the high prevalence of deviations observed shows the need for developing actions in primary health care in order to prevent the onset of these disorders, improve access to intervention and enable prevention of more serious problems in school. The highest occurrence of oral language disorders at the age group of four to five years old suggests that this is a good stage for the identification and prevention of these deviations. <![CDATA[Tutoria em leitura e escrita baseado no modelo de RTI – resposta à intervenção em crianças com dislexia do desenvolvimento]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401161&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivo analisar e comparar o desempenho em tarefas de leitura e escrita em crianças com dislexia do desenvolvimento após tutoria baseado no modelo de resposta à intervenção. Métodos participaram deste estudo 15 crianças com o diagnóstico interdisciplinar de dislexia do desenvolvimento de 2º ao 6º ano do ensino fundamental da rede pública municipal da cidade de Marília-SP, com faixa etária de oito a 12 anos de idade, de ambos os sexos, sendo 75% do sexo masculino, divididos em Grupo I – grupo experimental (sete crianças que receberam intervenção) e Grupo II – grupo controle (oito crianças não receberam a intervenção, os mesmos foram pareados segundo sexo e faixa etária com o Grupo I). As crianças foram submetidas ao levantamento diagnóstico de Leitura e Escrita e ao programa de intervenção em tutoria baseado no Modelo de Resposta à Intervenção . Os resultados foram analisados estatisticamente por meio do teste de Wilcoxon e Teste de Kruskal-Wallis para verificar possíveis diferenças de desempenho nas tarefas entre os grupos estudados. Resultados os resultados revelaram diferença estatisticamente significante entre o Grupo I e o Grupo II, onde as crianças com dislexia do Grupo I apresentaram desempenho superior na tarefade leitura de palavras e leitura do livro I em relação às crianças do Grupo II. Conclusão grupo I apresentou avanços significantes comparados à Grupo II, que não recebeu intervenção de tutoria. <hr/> Purpose to analyze and compare the reading and writing performance of children with developmental dyslexia after tutoring based on response to intervention model. Methods fifteen children with the interdisciplinary diagnosis of developmental dyslexia participated in this study. They were attending 2nd to 6th year of elementary public school in Marilia-SP, ranging in age from 8 to 12 years, 75% males. The children were assigned into Group I – experimental group (7 children who received intervention) and Group II – control group matched for gender and age(8 children did not receive the intervention). The children were subjected to a diagnostic survey of reading and writing performance and tutoring intervention program based on the model of Response to intervention Model. The results were statistically analyzed by Wilcoxon and Kruskal-Wallis tests to check for possible differences in performance between the groups studied. Results the results showed a statistically significant difference between the Group I and Group II, where children with dyslexia of Group I showed higher performance than children of GII in word reading and reading the book I tasks. Conclusion group I presented significant advances compared to Group II, which had no tutoring intervention. <![CDATA[Doença de alzheimer: cognição e discurso narrativo com apoio em figuras]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401168&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivo investigar as características discursivas de pessoas com Doença de Alzheimer (DA) nos estágios moderado e moderado-grave por meio de uma tarefa com apoio em figuras; examinar possíveis falhas na expressão do conhecimento e a relação entre o discurso e a cognição. Métodos trata-se de um estudo com delineamento transversal, quantitativo, utilizando-se da análise de comparação de grupos. A amostra do grupo clínico foi constituída por dezoito participantes com DA (oito sujeitos com declínio cognitivo moderado (GDS 4), e dez com declínio cognitivo moderado-grave (GDS 5); o grupo controle foi composto de dezesseis sujeitos sem distúrbios neurológicos ou psiquiátricos. Todos sujeitos foram pareados quanto ao gênero, língua materna, idade e escolaridade e todos submetidos a avaliações de habilidades cognitivas. A tarefa discursiva consistiu na narrativa baseada em uma sequência de figuras do conto “Chapeuzinho Vermelho”. Resultados os sujeitos com DA apresentaram escores de coerência global mais baixos, bem como mais falhas na expressão de conhecimento do que sujeitos sem DA e suas características discursivas correlacionaram-se com suas habilidades cognitivas. Os grupos GDS 4 e GDS 5 diferiram com relação à coerência local. Conclusão o discurso dos participantes com DA caracteriza-se por falhas de coerência e informatividade que apresentam relações estreitas com seus déficits cognitivos. <hr/> Purpose to investigate discourse in Alzheimer’s disease (AD) using a picture narrative task; to examine possible difficulties in the expression of knowledge and the relationship between discourse and cognition. Methods the design of the study was transversal, using quantitative comparison of groups. The clinical sample consisted of eighteen subjects with AD, eight of them with moderate cognitive decline (GDS 4) and ten with moderate-severe cognitive decline (GDS 5); the control group consisted of sixteen subjects without neurological or psychiatric disorders. All were matched for gender, native language, age and education and subjects underwent cognitive assessments. The discourse task consisted of a picture narrative of the tale “Little Red Riding Hood.” Results participants with AD had lower overall coherence scores and more difficulties in the expression of knowledge than subjects without AD. Discourse deficits correlated with performance on cognitive measures. The GDS 4 and GDS 5 groups differed in local coherence scores. Conclusion discourse of subjects with AD was characterized by failure in coherence and informativeness, which related strongly with their cognitive deficits. <![CDATA[Identificação das dúvidas e dificuldades de gestantes e puérperas em relação ao aleitamento materno]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401178&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivos identificar e descrever as dúvidas e dificuldades das gestantes e puérperas em relação à amamentação, além de compará-las nos períodos pré-natal e puerperal. Métodos caracteriza-se por um estudo transversal, descritivo e comparativo, composto por dois grupos: gestantes e puérperas. Houve a aprovação do Comitê de Ética em Pesquisas / Santa Casa sob nº 23355. Para coleta elaborou-se questionário com perguntas sobre aleitamento materno. As variáveis foram analisadas por meio de associações entre as respostas dos grupos com a utilização dos testes Qui-Quadrado de Pearson, Exato de Fisher e T de Student. Resultados as puérperas apresentaram maior escore de conhecimento geral quando comparadas às gestantes (p = 0,001). Ao relacionar a idade com o conhecimento, quanto maior a idade da puérpera maior o percentual de conhecimento (r= 0, 283; p=0,011). Ao analisar as puérperas primíparas, observou-se que estas apresentavam mais queixas quando comparadas com as que já possuíam um ou mais filhos (p= 0,014). Conclusões gestantes, mulheres primíparas, adolescentes e jovens possuem mais dúvidas e dificuldades em relação ao aleitamento materno. A equipe assistencial deve estar preparada para que a gestante tenha o trato correto com suas mamas e conscientização sobre a amamentação natural, para assim chegar ao período puerperal mais segura e incentivada ao aleitamento exclusivo. <hr/> Purposes this research aimed to identify and describe the doubts and difficulties of pregnant and postpartum women about breastfeeding, and compare them on the pregnancy period and postpartum period. Methods it is characterized by a cross-sectional, descriptive, comparative, composed of two groups: pregnant and postpartum women. There was the approval of the Ethics Committee in Research / Santa Casa under nº 23355. For collect it drafted a questionnaire with questions about breastfeeding. The variables were analyzed by associations between the answers of the groups using the Chi-square test, Fisher’s exact and Student’s t. Results the postpartum women had higher knowledge scores about breastfeeding compared to pregnant women (p = 0,001). By linking the age with the knowledge, the higher the postpartum women age the higher their percentage of knowledge (r = 0, 283, p = 0,011). By analyzing the primiparous mothers, we found that these were more complaints compared to those who already have one or more children (p = 0,014). Conclusions pregnant women, primiparous women and teenager girls have more doubts and difficulties in relation to breastfeeding. The care team must be prepared for the pregnant woman has the right to treat her breast awareness and breast feeding, reaching the puerperal period safer and encouraged for exclusive breastfeeding. <![CDATA[Efeitos da estimulação da sucção não nutritiva com dedo enluvado na transição alimentar em recém-nascido prematuro de muito baixo peso]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401187&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivos analisar os efeitos da estimulação da sucção não nutritiva com a técnica do dedo enluvado, sobre o início e a transição alimentar da via gástrica para a via oral em prematuros de muito baixo peso. Métodos estudo aleatório, prospectivo, longitudinal, experimental e controlado, que incluiu 40 prematuros internados na UTI Neonatal do Hospital de Clínicas, com idade gestacional £ 32 semanas e peso de nascimento £ 1500g, clinicamente estáveis. Os prematuros foram distribuídos aleatoriamente, por meio de sorteio, em 2 grupos: grupo controle, sem SNN e grupo experimental, com SNN com dedo enluvado, 3 vezes ao dia, 3 dias na semana. Foram avaliados critérios quanto ao escore da avaliação da prontidão para início da alimentação oral, intercorrências durante a sucção nutritiva (SN) e o tempo de transição alimentar. Resultados quando comparado o grupo experimental em relação ao grupo controle observou-se um escore significantemente maior na avaliação da prontidão para início da alimentação via oral, uma menor frequência de sinais de estresse durante a sucção nutritiva e um menor tempo de transição alimentar da via gástrica para via oral. Conclusão a estimulação da sucção não nutritiva com a técnica do dedo enluvado melhorou a prontidão do prematuro para início da alimentação via oral, diminuiu a frequência dos sinais de estresse durante a alimentação via oral e reduziu o tempo de transição alimentar no grupo experimental quando comparado ao grupo controle. <hr/> Purpose to analyze the influence of nonnutritive sucking stimulation with the gloved finger technique on readiness and the transition from gastric to oral feeding in very low birthweigth premature infants. Methods aleatory, prospective, longitudinal, experimental and controlled study in premature infants attended in intense care units in Hospital de Clínicas, with gestational age £ 32 weeks and birth weigths £ 1500g, stable clinical. Newborns were randomly distributed in two groups: the control group, without stimulation NNS and the experimental group with stimulation NNS with gloved finger, three time for day, three days in the week. There were measured criteria such as the score of oral feeding readiness evaluation, stress signs during oral feeding and time of transition from gastric to oral feeding. Results when compared the experimental group with the control group, it was observed a significantly higher score in the preterm infant oral feeding readiness evaluation, lower of signs of stress and a shorter time of transition from gastric to oral feeding. Conclusion the NNS stimulation with the gloved finger technique, improved preterm infant oral feeding readiness, reduced stress signals frequency while oral feeding and influenced the time of feeding transition in the experimental group when compared to the control group. <![CDATA[Características respiratórias de indivíduos com deformidade dentofacial]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401194&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivo compreender as características respiratórias em indivíduos com deformidades dentofaciais e verificar se há diferenças comparativamente a indivíduos com equilíbrio dentofacial. Métodos participaram 60 indivíduos (18 a 40 anos), 30 portadores de deformidade dentofacial e 30 de um grupo controle. Foi realizada avaliação do Tempo Maximo de Fonação das emissões /a/, /i/, /u/, /s/, /z/ e contagem de números pelo programa Sound Forge (Sony); avaliação da capacidade vital e coordenação pneumofonoarticulatória, pelo espirômetro PonyFx. Os resultados foram comparados pelo teste “t” de Student. Resultados os indivíduos com deformidade dentofacial apresentaram valores de Tempo Maximo de Fonação inferiores aos indivíduos com equilíbrio dentofacial nas emissões: “s” para aqueles com má oclusão esquelética classe II e homens; “z” para indivíduos com má oclusão classe II; contagem de números para os homens. As medidas extraídas pela espirometria foram semelhantes entre os indivíduos com e sem deformidade dentofacial. Conclusão não houve diferenças em relação à capacidade vital e coordenação pneumofonoarticulatória, mas o grupo com deformidade dentofacial apresentou valores reduzidos de Tempo Maximo de Fonação em emissões que contêm fonemas consonantais. <hr/> Purpose comprehend the respiratory characteristics of individuals with dentofacial deformities and verify if there are differences comparatively to individuals with dentofacial balance. Methods participated 60 individuals (18 to 40 years old), 30 with a dentofacial deformities and 30 of a control group. The assessment of the Maximum Phonation Time for the emissions /a/, /i/, /u/, /s/, /z/ and the number counting was evaluated using the program Sound Forge (Sony); the vital capacity and pneumophonic coordination by the PonyFx spirometer. The results were compared by using the “t” Student test. Results the individuals with dentofacial deformities presented lower Maximum Phonation Time values than individuals with dentofacial balance in the emissions: “s” for those with skeletal Class II malocclusion and men; “z” for individuals with Class II malocclusion; number counting for men. The measures extracted by the spirometry were similar between the individuals with and without dentofacial deformities. Conclusion there were no differences regarding the vital capacity and pneumophonic coordination, but the dentofacial deformities group presented lower values of Maximum Phonation Time in the emissions that contain consonant phonemes. <![CDATA[Estudo longitudinal das características anatômicas do frênulo lingual comparado com afirmações da literatura]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401202&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivo avaliar características anatômicas do frênulo lingual de bebês no 1º, no 6º e no 12º mês de vida, comparando os achados com a literatura. Métodos foram realizados registros audiovisuais de frênulos linguais, normais ou alterados, de 71 bebês, de ambos os gêneros, no 1º, no 6º e no 12º mês de vida. Esses registros foram analisados por duas especialistas em motricidade orofacial considerando os seguintes aspectos anatômicos do frênulo lingual: espessura, fixação na língua e fixação no assoalho da boca, comparando esses dados com o que é citado na literatura. Resultados dos 71 bebês avaliados, 51 deles apresentaram frênulo com espessura delgada e 20 espessa. 40 bebês apresentaram fixação do frênulo no terço médio da língua; 27 entre o ápice e o terço médio da língua e 4 no ápice. Quanto à fixação no assoalho da boca, 42 bebês apresentaram a fixação do frênulo na crista alveolar inferior e 29 entre as carúnculas sublinguais. As características de todos os frênulos linguais observadas no 1º, no 6º e 12º mês de vida permaneceram as mesmas. Conclusão quanto à espessura, fixação na língua e fixação no assoalho da boca, o frênulo lingual dos 71 bebês examinados não se modificou durante o primeiro ano de vida, contrapondo-se à literatura. <hr/> Purpose to assess the anatomical characteristics of lingual frenulum in infants at first, sixth and twelfth months of life and compare the findings to the statements found in the literature. Methods video recordings of the lingual frenulum – normal or altered – of 71 infants, from both genders at the first, sixth and twelfth months of life were taken. The recordings were analyzed by two specialists in orofacial motricity who observed the following anatomical aspects: thickness, attachment to the tongue and attachment to the floor of the mouth. The data collected were compared to the literature. Results of the 71infants, the lingual frenulum of 51 infants was thin and 20 had thick lingual frenulum. 40 infants had the lingual frenulum attached to the middle of the tongue, 27 had the attachment between the apex and the middle of the tongue, and 4 to the apex. Concerning attachment to the floor of the mouth, the lingual frenulum of 42 infants was attached to the alveolar crest and 29 had the attachment between the sublingual caruncles. The characteristics of the lingual frenulum observed at the first, sixth and twelfth months of life remained the same. Conclusion contrary to what has been stated in the literature changes concerning lingual frenulum thickness, attachment to the tongue and to the floor of the mouth were not observed in the 71 infants during the first year of life. KEYWORDS : Lingual Frenulum; Anatomy; Tongue <![CDATA[O que ocorre com o ângulo columelar após cirurgia de correção da fissura labial?]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401208&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivo avaliar a mudança do ângulo columelar que ocorre após cirurgia de correção para fissura labial. Métodos o estudo foi observacional de caráter descritivo e de corte transversal. Foram avaliadas crianças no primeiro e segundo ano de vida, portadoras de fissura labial unilateral de ambos os sexos, que foram submetidas a cirurgia para correção da fissura. A pesquisa teve um total de 11 crianças participantes. Foi examinada a região nasal e lábio superior da criança e identificados os pontos antropométricos pronasal, subnasal e glabela. Em seguida, foi realizada fotografia para análise fotogramétrica. Foram realizadas fotos no preoperatório e cerca de 4 meses após a cirurgia. As imagens obtidas por fotogrametria foram avaliadas com o programa gráfico Image J,por meio de ferramentas de estudo angular. Resultados a média da medida dos ângulos no pré-operatório foi de 55,41 graus; a média no pós foi de 78,80 graus, percebendo-se uma aproximação ao plano vertical (p&lt;0,0001). Pacientes com fissura lábio-palatina apresentaram variação de 32 graus quando comparadas as medidas pré e pós-operatórias, enquanto que nos pacientes com fissura pré-foramen incompleta e pré-foramen completa foram menores (0,75 e 25 graus respectivamente). Conclusão ocorre verticalização do ângulo columelar após cirurgia de correção da fissura labial. Os pacientes que apresentam maior modificação do ângulo são, justamente, aquelas que apresentam diagnóstico relacionado a deformidades mais complexas. <hr/> Purpose to evaluate post operative columelar angle changes after cleft lip repair. Methods observational, descriptive and cross-sectional study. Were evaluated 11 childrens in first and second year old, with unilateral cleft lip, of both genres, who underwent surgery to correct the lip defect. Were examined child’s nasal area and upper lip and identified anthropometric points pronasale, subnasale and glabella, then photographic documentation was performed for photogrammetric analysis. Photos were taken preoperatively and 4 months after surgery. Images obtained by photogrammetry were evaluated with graphics program Image J, through angular study tools. Results the mean of angles measured preoperatively was 55.41 degrees, and at the postoperative was 78.80 degrees, realizing an approximation to the vertical plane (p&lt;0.0001). Cleft lip and palate patients had a variation of 32 degrees when compared pre and post-operative measurements, while in patients with only cleft lip or cleft lip and alveolus the changes where minors (0.75 and 25 degrees respectively). Conclusion occurs a columellar angle verticalization after cleft lip surgery. Patients that had greater increase to the angle were those who had more complex deformities. <![CDATA[Eletromiografia dos músculos mastigatórios: análise em valor original e RMS]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401215&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivo comparar a atividade elétrica dos músculos masseter e temporal, porção anterior, no repouso, contração isométrica voluntária máxima e na mastigação em análise valor original (µv) e em Root Mean Square (RMS). Métodos estudo observacional, descritivo. Foi realizado eletromiografia de superfície nos músculos masseter e temporal, porção anterior, bilateralmente, em 18 mulheres entre 27 e 50 anos de idade. O exame foi realizado em três situações: durante o repouso, na contração isométrica voluntária máxima e mastigação habitual, com uva passa sem semente como alimento. O eletromiógrafo utilizado foi o BIOPAK, da Bioresearch Associates, de quatro canais, modelo 800 e eletrodos bipolares de superfície (Bio Trodo no gel). Os registros do sinal foram obtidos em microvolts, e analisados e comparados em sinal original e em root mean square- RMS. Resultados ao comparar a atividade elétrica dos músculos masseteres e temporais, porção anterior, não foi encontrado diferenças estatisticamente significantes entre os valores originais e RMS durante o repouso. Tanto na contração isométrica voluntária máxima quanto na mastigação habitual, foi encontrado valores maiores de maneira estatisticamente significante para RMS. Houve predomínio de atividade elétrica nos músculos masseteres quando comparado ao músculo temporal, porção anterior, tanto na mastigação quanto na contração isométrica voluntária máxima. Conclusão existe um mínimo de atividade elétrica no repouso. Tanto no apertamento dentário quanto na mastigação de uva passa foi encontrado valores médios de RMS maiores que valores médios originais. Houve maior atividade elétrica dos músculos masseteres quando comparado ao músculo temporal, tanto na contração isométrica voluntária máxima quanto na mastigação. <hr/> Purpose to compare the electrical activity of masseter and temporal muscles, (anterior fascicle) at rest, in maximum voluntary isometric contraction and chewing, taking the original value analysis (µ v) and Root Mean Square (RMS). Methods observational and descriptive study. Surface Electromyography was held in the masseter and temporal muscles (anterior portion) bilaterally, in 18 women between 27 and 50 years of age. The assessment was carried out in three situations: at rest, in maximum voluntary isometric contraction and habitual chewing dried vine fruit without seeds, as food. The electromyography used was the BIOPAK, Bioresearch Associates, four-channel, model 800 and bipolar surface electrodes (Bio Trodoon gel). The signal records were obtained in microvolts, and analyzed and compared in the original signal and RMS root mean square. Results when we compare the electrical activity of masseters and temporal muscles (anterior fascicle), there is no statistically significant differences between the original and RMS values at rest. Both in maximum voluntary isometric contraction and habitual chewing, we find statistically significant higher values to RMS. There was a predominance of electrical activity in muscles masseters when compared to the temporal muscle, anterior fascicle, both chewing and in maximum voluntary isometric contraction. Conclusion there is a minimum of electrical activity at rest. Both the tooth clenching and mastication of dried vine fruit we find RMS average values greater than original mean values. There has been greater electrical activity of muscles masseters when compared to the temporal muscle, both in maximum voluntary isometric contraction as chewing. <![CDATA[Ocorrência de ceceio em fricativas vozeadas e não vozeadas em crianças com fissura labiopalatina operada]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401222&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivo investigar se o ceceio, quando identificado, difere entre as fricativas alveolares não vozeadas e vozeadas produzidas por crianças com fissura labiopalatina operada. Métodos estudo prospectivo, em que frases constituídas pelas consoantes [s] e [z] produzidas por 32 crianças com fissura labiopalatina operada (idade média, 8 anos, 8 meses) foram selecionadas de um banco de dados e posteriormente julgadas auditivamente. Todas as crianças apresentavam relação inter-arcos alteradas, conforme avaliação ortodôntica realizada por três ortodontistas (concordância inter-juiz quase perfeita, kappa= 0.81), a partir da análise de modelos de gesso. Três fonoaudiólogas julgaram auditivamente as produções áudio gravadas. A concordância inter-juízes variou entre 56% e 78% e entre 59% e 93% para as frases constituídas de [s] e [z], respectivamente. Resultados o ceceio foi identificado em 69% das crianças e, particularmente, em 72% e 50% das produções envolvendo [s] e [z], respectivamente. Houve diferença significante entre os julgamentos para as fricativas [s] e [z], com maior ocorrência de ceceio em [s]. Conclusões deformidades dentofaciais podem favorecer a ocorrência do ceceio na população com fissura labiopalatina. A maior ocorrência do ceceio em [s] em comparação à [z], a partir da identificação auditiva, pode ser justificado por razões acústicas e/ou articulatórias. Sugere-se que o ceceio é dependente do contexto fonético-fonológico da frase devendo o mesmo ser considerado para fins clínicos e de pesquisa. <hr/> Purpose to investigate whether lisp, when identified, differs between voiced and unvoiced alveolar fricatives produced by children with cleft palate. Methods a prospective study in which sentences comprising the consonants [s] and [z] produced by 32 children with cleft palate (mean age, 8 years, 8 months) were selected and after auditory judged. All children presented altered inter-relationship arches as evaluated by three orthodontists (inter-judge agreement almost perfect kappa = 0.81), performing analysis of dental casts. Three Speech-Language-Pathologists judged perceptually audio recorded productions. The inter-judges agreement ranged between 56% and 78% and between 59% and 93% for the phrases consisting of [s] and [z], respectively. Results the lisp was identified in 69% of children, particularly, in 72% and 50% [s] and [z] sounds, respectively. There were significant differences between judgments for the fricatives [s] and [z], with higher prevalence of lisping in [s]. Conclusions dentofacial deformities may favor the occurrence of lisp in population with cleft palate. The increased occurrence of lisp in [s] compared to [z], based on auditory perceptual identification, can be justified by acoustic and / or articulatory reasons. It is suggested that lisp is dependent of the phonetic-phonological context of the sentence and therefore must be considered for clinical and research purposes. <![CDATA[Avaliação do dimorfismo sexual e da relação entre as características craniofaciais, dos arcos dentários e do músculo masseter na fase de dentição mista]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401231&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivo avaliar o dimorfismo sexual e a relação entre as características morfológicas craniofaciais, dos arcos dentários e do músculo masseter na fase de dentição mista. Métodos 32 crianças, com idade entre 6-10 anos (14♀/18♂) com oclusão normal, compuseram a amostra. Características morfológicas craniofaciais, dos arcos dentários e espessura do masseter foram avaliadas por meio de radiografia cefalométrica posteroanterior, modelos em gesso e ultrassonografia, respectivamente. Os resultados foram analisados utilizando testes Shapiro-Wilk, Mann-Whitney/teste “t” e regressão linear múltipla para avaliar a relação entre a largura da face e idade, gênero, índice de massa corporal, espessura do masseter, distâncias intermolares e intercaninos (entre cúspides e pontos cervicais) e larguras nasal, maxilar, mandibular e intermolar. Resultados a espessura do masseter não diferiu significativamente entre os lados esquerdo e direito. A comparação entre os gêneros mostrou diferença significativa apenas na largura da face (maior em meninos). O modelo de regressão mostrou que a largura da face relacionou-se positivamente com o índice de massa corporal, espessura do masseter, distâncias intermolares (cúspides) e intercaninos (cervicais) inferiores e largura intermolar maxilar; e negativamente com a distância intermolares superiores (cúspides) e inferiores (cervicais) e intercaninos inferiores (cervicais). Ou seja, quando as demais variáveis foram adicionadas ao modelo, a variável explanatória gênero não alcançou valor significativo. Conclusão na amostra avaliada, a espessura do masseter e dimensões dos arcos dentários não diferiram entre gêneros; além disso, a largura da face mostrou relação significativa com o índice de massa corporal, espessura do masseter e dimensões dos arcos dentários, mas o gênero não contribuiu significativamente para sua variação. <hr/> Purpose to evaluate sexual dimorphism and the relationship between craniofacial characteristics, dental arch morphology and masseter muscle thickness in children in the mixed dentition stage. Methods the study sample comprised 32 children, aged 6-10 years (14♀/18♂) with normal occlusion. Craniofacial characteristics, dental morphology and masseter muscle thickness were evaluated by means of posteroanterior cephalometric radiographs, dental cast evaluation and ultrasound exam, respectively. The results were analyzed using Shapiro-Wilk test, Mann-Whitney/t-test and stepwise linear regression to assess the relation between face width and age, gender, body mass index, masseter thickness, distances between first molars and canines on dental casts (between cusps/cervical points), nasal, maxillary, mandibular and intermolar widths. Results masseter thickness showed no significant difference between the sides left/right. The comparison between genders showed significant difference only in face width, being larger in boys. The regression model showed that face width was positively related with body mass index, masseter thickness, mandibular first molar distances (cusps), mandibular canine distances (cervical points), and maxillary intermolar width; and negatively with maxillary (cusps) and mandibular molar distances (cervical points) and mandibular canine distances (cusps). That is, when the other studied variables were considered, the explanatory variable gender did not reach a significant value. Conclusion in the studied sample, the dimensions of the dental arches and masseter thickness did not differ between boys and girls; moreover, face width showed significant relationship with body mass index, masseter thickness, and dimensions of dental arches; but gender did not contribute significantly to face width variation. <![CDATA[<em>Finger Kazoo</em>: modificações vocais acústicas espectrográficas e autoavaliação vocal]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401239&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivo correlacionar modificações vocais acústicas espectrográficas e autoavaliação após o finger kazoo. Métodos análise de /a:/ de 46 mulheres sem queixas vocais ou afecções laríngeas pelo Real Time Spectrogram® e autoavaliação antes (Momento 1 – M1), após o finger kazoo (Momento 2 – M2) e após cinco minutos de silêncio (Momento 3 – M3). Teste Kappa, Qui-quadrado, Spearman. Resultados melhora da intensidade do escurecimento do traçado dos formantes (F) e das altas frequências, regularidade do traçado e definição dos harmônicos. Melhora na autoavaliação vocal, conforme aumento da intensidade do escurecimento do traçado de F3, da definição do traçado, do número de harmônicos e redução da substituição de harmônicos por ruídos nas médias frequências. Conclusões após o finger kazoo, aumentou a intensidade da cor do traçado, a regularidade e definição nas espectrografias e houve melhora na autoavaliação vocal. <hr/> Purpose to correlate the spectrographic vocal modifications and self-evaluation after finger kazoo. Methods visual spectrographic analysis of the vowel /a:/ of 46 adult women, without vocal complaints or laryngeal alterations and self-evaluation before (Moment 1 – M1), after finger kazoo (M2) and after five minutes of silence (M3). Kappa, Chi-square and Spearman tests. The parameter for improving the voice was the statistical significance of the results after the finger kazoo. Results improvement of darkening tracing of the formant (F) and high frequencies, of tracing regularity and definition of the harmonics. Best voice self-reported as increasing of intensity of the tracing darkening of F3, improvement of tracing definition and number of harmonic and replacement of harmonics with noise in medium frequencies. Conclusions after the finger kazoo, there was an increase of darkening, regularity and definition of the spectrographic tracing and best voice self-reported. <![CDATA[O vibrato de cantores profissionais da música gospel]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401255&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivo verificar as características do vibrato de cantores profissionais de acordo com o estilo da música gospel; e se o comando verbal para a realização do vibrato interfere em suas características. Métodos aprovação do CEP. Analisou-se as características espectrográficas do vibrato de 20 cantores gospel profissionais, 06 homens e 14 mulheres (média de idade: 30 anos), por meio de dois estilos gospel – adoração e pentecostal. Estruturou-se duas situações de gravação – ausência e presença de comando verbal para a realização do vibrato. Todos os participantes responderam ao item de sinais e sintomas vocais do protocolo CPV-P e realizaram avaliação laringológica. Resultado observou-se que no estilo pentecostal 95% dos participantes realizaram vibrato regular, com maior variação da amplitude, maior energia do espectro e melhor definição dos harmônicos; na adoração 100% realizaram vibrato irregular, com menor variação da amplitude, menor energia no espectro e 50% tiveram presença de harmônicos com menor definição e 50% com ausência de harmônicos. Na análise espectrográfica observou-se que, no pentecostal, houve vibrato regular em 75% dos sujeitos, maior variação da amplitude em 65%, maior energia no espectro em 55%, e presença com maior definição em 70%, tanto para situação sem comando verbal quanto para a com comando para realização de vibrato. Não houve relação entre aulas de canto, terapia fonoaudiológica e características do vibrato. Conclusão o vibrato de cantores treinados modifica conforme o estilo gospel cantado. O comando verbal para a realização do vibrato aumenta a definição de regularidade, amplitude, energia no espectro e definição dos harmônicos. <hr/> Purpose to investigate the characteristics of professional singers vibrato according to the style of gospel music, and check if the verbal command to perform the vibrato interferes with their characteristics. Methods we analyzed the characteristics of vibrato spectrography of 20 professional gospel’s singers, 06 men and 14 women, (mean age: 30 years), based on two gospel style – Pentecostal and adoration. Two situations were structured: with and without verbal commands to do the vibrato. All participants responded to the item of vocal signs and symptoms of CPV-P protocol and were submitted to videolaringoscopy. Result in comparing the spectrographic analysis of the pentecostal style with the adoration style it was observed that in the pentecostal style 95% of participants had regular vibrato, with greater amplitude variation, higher energy spectrum with better definition and presence of harmonics; in the adoration style 100% had irregular vibrato, with a smaller amplitude variation, lower energy spectrum and 50% had presence of harmonics with lower resolution and 50% had not harmonics. In the comparison of spectrographic analysis of the pentecostal style with and without verbal commands it was observed that 75% of the participants had regular vibrato, greater amplitude variation (65%) more energy in the spectrum (55%), with greater definition and presence in harmonics(70%). There was no statistical significance between vocal training and speech therapy. Conclusion The vibrato of singers trained change with the gospel style singing. The verbal command to do the vibrato increases the definition of regularity, amplitude, power spectrum and harmonic. <![CDATA[Avaliação da capacidade funcional de crianças com paralisia cerebral]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401266&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivo descrever a capacidade funcional de crianças com paralisia cerebral que realizavam atendimentos de Fisioterapia e Fisioterapia e Fonoaudiologia. Métodos estudo descritivo, de caráter transversal, composto por 14 crianças com PC do tipo quadriplegia espástica (6 realizavam Fisioterapia e 8 Fisioterapia e Fonoaudiologia). Foram utilizados para avaliação o Inventário de Avaliação Pediátrica de Incapacidade (PEDI) e o Sistema de Classificação da Função Motora Grossa (GMFCS). As associações entre as variáveis categóricas foram analisadas por meio do teste exato de Fisher. Comparações entre médias foram realizadas utilizando-se o teste t de Student. Resultados não se obteve melhora estatisticamente significante nas áreas de autocuidado, mobilidade e função social entre os dois grupos nos domínios de habilidade funcional e assistência ao cuidador. Conclusão as crianças do grupo Fisioterapia tiveram escores funcionais mais elevados que as do grupo Fisioterapia associado à Fonoaudiologia, mas não houve diferença estatisticamente significante entre os grupos. Isso se deu, provavelmente, devido ao reduzido número de participantes, à diversidade de quadros clínicos que a patologia pode apresentar e a possíveis diferenças na intervenção fisioterapêutica realizada nos dois estados, que possuem situações socioeconômicas bem diversas. <hr/> Purpose to describe the functional capacity of children with cerebral palsy who performed the care of Physical Therapy Specialty and Speech, Language and Hearing Sciences. Methods a cross sectional observational study, comprising 14 children with spastic quadriplegic (6 performed Physiotherapy and 8 performed Physiotherapy and Speech therapy). The Pediatric Evaluation of Disability Inventory (PEDI) and the Manual Abilities Classification System (GMFCS) were used to evaluate them. The associations between categorical variables were analyzed using Fisher exact test. Comparisons between means were performed using the Student t test. Results we didn’t obtain statistically significant improvement in the areas of self-care, mobility and social function between the two groups in the fields of functional skills and caregiver assistance. Conclusion the Physiotherapy group of children had higher functional scores than those in the Physiotherapy group associated with Speech Therapy, but there was no statistically significant difference between the groups. This was probably due to the small number of participants, the diversity of clinical presentation and possible differences of Physical Therapy intervention conducted in two states with very different socioeconomic situations. <![CDATA[Estudo do perfil comunicativo de crianças de 4 a 6 anos na educação infantil]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401273&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivo caracterizar o desenvolvimento de fala e linguagem de crianças entre 4 e 6 anos de duas creches públicas e discutir interrelações com recursos ambientais. Métodos foram consideradas 60 crianças de ambos os sexos. A linguagem foi avaliada utilizando um Roteiro de observação do comportamento de crianças de 0 a 6 anos, com a classificação de Índices de Desempenho. A avaliação da fala foi realizada com um Álbum fonêmico e categorizada como Adequada ou Inadequada. Caracterizou-se o ambiente familiar por meio de um Inventário de Recursos do Ambiente Familiar (RAF) e para observação do ambiente da instituição foi utilizada a escala Infant and Toddlers Environment Rating Scale-Revised. Os resultados consideraram como variáveis dependentes os Índices de Desempenho do Perfil comunicativo e os dados de avaliação de fala; e as variáveis independentes, Idade, Sexo, Creche e Índice Global do RAF. Foi adotado nível de significância p&lt;0,05. Resultados a qualidade do ambiente das creches foi considerada satisfatória e o desempenho no perfil comunicativo foi alto em ambas. Houve associação com significância estatística entre perfil comunicativo, o sexo e a idade, sendo que as meninas e as crianças de 5 anos obtiveram maiores médias. Observou-se associação significante entre o Índice geral do perfil comunicativo e o Índice Global do RAF. Conclusão na amostra estudada verificou-se associação entre ambiente familiar e desenvolvimento de fala. Houve grande ocorrência de inadequações de fala nas duas creches. São necessários outros estudos que investiguem fatores de risco para o desenvolvimento de linguagem e fala e possam contribuir com ações promotoras da saúde infantil. <hr/> Purpose to characterize speech and language development of 4- to 6-year-old children of two day care centers and to discuss interrelations with environmental resources (family and child care). Methods 60 children were assessed. In order to evaluate the language, an observation roadmap proposed in the literature was applied and performance was rated by Performance Ratios. Assessment of speech was done by deploying a phonemic album and classifying it as either appropriate or inappropriate according to two benchmarks. Characterized family environment by a questionnaire (RAF) and the Day Care Centers by the Infant and Toddlers Environment Rating Scale-Revised. Results were analyzed as dependent variables considering the Performance Ratios of the communicative profile and speech ratings and as independent variables for age, sex, Day Care facility and RAF Global Index. A significance level of p&lt;0.05 was used. Results the environmental quality of the Day Care Centers was considered satisfactory and both centers had high rates in their communicative performance. There was a statistically significant association between communicative profile and sex and age. Girls and 5-year-old children achieved the highest averages. Also, there was a significant association between the communicative profile composite index and the RAF Global Index demonstrating that family environment influences language development. Conclusions in this sample there was an association between family environment and speech development. Further studies are needed to investigate risk factors for the development of language and speech and to contribute for the development of actions that will promote child health. <![CDATA[Comportamento comunicativo de indivíduos com diagnóstico de esquizofrenia ]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401283&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivo descrever o comportamento comunicativo de indivíduos com diagnóstico de esquizofrenia em processo de reabilitação psicossocial. Métodos estudo descritivo-exploratório, com amostra por conveniência de recorte transversal. Participaram 50 indivíduos com diagnóstico de esquizofrenia, de ambos os sexos, com faixa etária entre 19 e 75 anos, usuários de um Núcleo de Saúde Mental de uma cidade do interior do estado de São Paulo, Brasil. Foi realizado levantamento nos prontuários para obter dados pessoais e o subtipo da esquizofrenia. Para avaliar o comportamento comunicativo utilizou-se a Bateria Montreal de Avaliação da Comunicação (Bateria MAC), constituída por 14 tarefas que avaliam os aspectos discursivo, pragmático inferencial, léxico-semântico e prosódico da linguagem. Resultados os indivíduos, em sua maioria, eram do sexo masculino, com baixa escolaridade, praticantes do catolicismo e com esquizofrenia do subtipo paranoide. A avaliação pela Bateria MAC apontou alterações em todas as tarefas avaliadas e a maioria dos participantes respondeu que é consciente da dificuldade comunicativa. As maiores alterações ocorreram nas tarefas de evocação lexical com critério semântico, atos de fala indiretos, discurso conversacional e discurso narrativo, e, as menores alterações, ocorreram nos componentes prosódicos no nível de compreensão, destacando-se que, o nível da produção nos aspectos linguísticos e emocionais da prosódia, também apresentou alteração considerável. Conclusão todas as tarefas avaliadas apresentaram alterações. Os aspectos mais prejudicados foram o discurso e a pragmática, que não devem ser relacionados somente aos aspectos linguísticos, mas também às características de alteração do pensamento e da cognição, ao embotamento afetivo e questões sociais desse transtorno. <hr/> Purpose to describe the communicative behavior of individuals diagnosed with schizophrenia in psychosocial rehabilitation. Methods a descriptive and exploratory study with a convenience, cross-sectional sample. 50 individuals diagnosed with schizophrenia, of both sexes, aged between 19 and 75 years, users of a mental health unit in the interior of the state of São Paulo, Brasil participated in the study. Survey was conducted in the medical records for personal data and subtype of schizophrenia. To evaluate the communicative behavior, the instrument Montreal Battery of Evaluation of Communication (Drums MAC) was used, which is consisted of 14 tasks that assess discursive aspects: pragmatic-inferential, lexical-semantic and prosodic language. Results most participants were males, with low education, Catholics, with schizophrenia paranoid type. The assessment through Battery MAC showed changes in all tasks evaluated and most participants said they were aware of the difficulty related to communication. The biggest changes occurred in the tasks of lexical evocation with semantic criteria, indirect speech acts, conversational discourse and narrative discourse, and the smallest changes occurred in the prosodic components related to understanding, highlighting that the level of production related to linguistic and emotional aspects of prosody also showed considerable change. Conclusion all tasks evaluated presented changes. The most affected aspects were the discourse and pragmatics, which should not only be related to linguistic aspects, but also the characteristics of changes in thought and cognition, the affective blunting and social issues of this disorder. <![CDATA[Síndrome metabólica e associação com nível socioeconômico em escolares]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401294&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivo verificar a associação entre o nível socioeconômico e a presença de síndrome metabólica (SM) em escolares da rede pública da cidade de Montes Claros-MG. Métodos trata-se de estudo transversal, analítico. Foram avaliados 382 escolares entre 10 e 16 anos, a partir da amostragem por conglomerados. A condição socioeconômica foi dividida em alta e baixa e a SM foi diagnosticada utilizando os critérios da International Diabetes Federation. Para análise dos dados, utilizou-se o teste qui-quadrado (p &lt; 0,05)e oddsratio (com intervalo de 95% de confiança). Resultados os escolares da classe socioeconômica baixa apresentaram alterações no estado nutricional e nos exames laboratoriais, o que contribuiu para presença da SM em 8,7% escolares. Conclusão a condição socioeconômica baixa contribui de forma significante para o diagnótico da SM e atua também na incidência dessa patologia, devido os seus pertencentes estarem mais expostos aos fatores de risco. <hr/> Purpose to investigate the association between socioeconomic status and the presence of metabolic syndrome (MS) in public schools in the city of Montes Claros-MG. Methods this is a cross-sectional study, analytical. We evaluated 382 children between 10 and 16 years from the cluster sampling. Socioeconomic status was divided into high and low and MS was diagnosed using the criteria of the International Diabetes Federation. For data analysis, we used the chi-square test (p &lt;0.05) and odds ratios (with 95% confidence). Results the students of lower socioeconomic class showed changes in nutritional status and laboratory tests, which contributed to the presence of MS in 8.7% school. Conclusion the low socioeconomic status contributes significantly to opportune diagnosis of MS and also operates in the incidence of this disease, because their belong ingare more exposed to risk factors. <![CDATA[Prevalência de mordida aberta anterior associada a hábitos orais deletérios em crianças de 3 a 5 anos de Vitória, ES]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401303&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivo avaliar a prevalência de mordida aberta anterior e a possível associação com hábitos deletérios em crianças de três a cinco anos de escolas públicas de Vitória, ES. Métodos estudo longitudinal retrospectivo realizado no período de julho a novembro de 2010. A oclusopatia do tipo mordida aberta anterior foi diagnosticada no momento da pesquisa e a introdução e duração dos hábitos orais foi recuperada por meio de questionário aplicado aos responsáveis. O cálculo amostral resultou em um número de 920 crianças, já acrescido de 20% para compensar possíveis perdas. A seleção das escolas foi feita de forma aleatória. A coleta de dados utilizou um questionário semiestruturado e um exame clínico, com examinadores treinados (Kappa 0,86). A associação entre as variáveis foi verificada pelos testes Qui-quadrado e Exato de Fisher. Para avaliar a força da associação foi utilizado o OddsRatio. Resultados a prevalência de mordida aberta foi de 20%. Crianças que possuem o hábito de sucção digitaltiveram uma chance 3 vezes maior de apresentar mordida aberta, enquanto que para aqueles que usavam chupeta, o risco foi 5 vezes maior Conclusão a prevalência de mordida aberta anterior foi expressiva; hábitos de sucção não-nutritiva foram associados significantemente a presença de oclusopatias. Ressalta-se a importância de ações preventivas que possam conscientizar quanto ao uso correto dos hábitos orais. <hr/> Purpose assess the prevalence of anterior open bite and its association with harmful habits in children from three to five years-old. Methods this is a retrospective longitudinal done between July and November, 2010. Anterior open bite was diagnosed at the time of the research and introduction and duration of the habits was declared by parents using a questionnaire. Sample calculus resulted in 920 children. Schools’ selection was randomized. Data was collected using a questionnaire and a clinical exam with trained examiners (Kappa 0.86).The association between variables was verified by Chi-square and Fisher exact Test. Odds Ratio was used to assess the strength of the association. Results Open bite prevalence was 20%.Children with finger sucking habit had 3 times the chance of having anterior and for those that used pacifier the risk was five times higher. Conclusion the prevalence of open bite was expressive. Non nutritive sucking habits were associated with malocclusion prevalence. The importance of preventive strategies to improve consciousness related to the correct use of oral habits must be remembered. <![CDATA[Linguagem narrativa e fluência na síndrome de down: uma revisão]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401311&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt A síndrome de Down é uma condição na qual os indivíduos apresentam comprometimento intelectual e alterações de linguagem oral. A disfluência de fala está presente tanto durante a conversa espontânea como em produções orais de narrativas direcionadas. Este estudo teve como principal objetivo revisar a literatura sobre a disfluência e a narrativa em indivíduos com a síndrome de Down, publicada entre 2002 e 2012, em bases de dados eletrônicos. Foram encontrados 17 artigos e selecionados oito, de acordo com os critérios de inclusão e exclusão. Destes, dois discorriam especificamente sobre a disfluência na síndrome de Down, e seis sobre a narrativa nesta população. A deficiência intelectual é parte do fenótipo dos indivíduos com SD e, em decorrência do comprometimento intelectual, prejuízos na aquisição e no desenvolvimento da linguagem. Estudos específicos, principalmente sobre a fluência/disfluência; e, sobre o desempenho na tarefa da narrativa, ainda são escassos e inconclusivos. A disfluência não aparece na maioria das descrições do fenótipo de linguagem dos indivíduos com esta condição, que mereceria, estudos clínicos adicionais.<hr/>Down’s syndrome is a condition in which individuals have intellectual impairment and oral language disorders. Speech disfluency is present during both spontaneous conversations as in productions of directed oral narratives. This study aimed to review the published literature between 2002 and 2012 in eletronic databases on disfluency and narrative in individuals with Down syndrome. There were 17 articles and eight were selected according to the criteria of inclusion and exclusion. Two of these articles specifically discoursed on dysfluency in Down’s syndrome and the other six on the narrative in this population. Intellectual disability is part of the phenotype of individuals with DS and, as a result of the intellectual impairment, losses occur on the acquisition and development of language. Specific studies about, mainly on fluency/disfluency, and the performance on a task of narrative and, are still scarce and inconclusive. Disfluency doesn’t appear in most descriptions of the language phenotype of individuals with this condition, which would deserve additional clinical studies. <![CDATA[A importância da capacitação em saúde auditiva: uma revisão integrativa]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401318&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt A presente pesquisa teve como objetivo verificar a produção científica, sobre capacitação em saúde auditiva nos últimos cinco anos. Trata-se de uma pesquisa exploratória nas bases de dados: MEDLINE, SciELO, LILACS. Foi realizada uma revisão integrativa da literatura publicada no período de 2007 a 2011, utilizando os descritores: Audição, Deficiência Auditiva, Hipoacusia, Perda Auditiva, Perda da Audição, Perda da Capacidade Auditiva, Pessoas com Deficiência Auditiva, Portadores de Deficiência Auditiva, Portadores de Insuficiência Auditiva, Portadores de Surdez, combinadas com: Capacitação, Capacitação em Serviço, Programa Saúde da Família, Capacitação de Recursos Humanos em Saúde.Foram encontrados 31 artigos e selecionados cinco, que contemplavam a temática pesquisada. Destes, três eram direcionados aos Agentes Comunitários de Saúde que atuavam em Equipes de Saúde da Família, para verificar a efetividade das capacitações em relação à saúde auditiva infantil, e dois trabalhadores de empresas, para sensibilizar os profissionais sobre a prevenção das alterações auditivas nas atividades profissionais. Dois estudos com os Agentes Comunitários de Saúde utilizaram a videoconferência e a capacitação presencial simultaneamente e outro somente presencial. Observou-se que a videoconferência é um meio que pode proporcionar a disseminação do conhecimento, no entanto deve ser utilizada de uma forma complementar. Nos estudos com trabalhadores verificou-se que as capacitações devem ser permanentes e enfocar mais o uso, manuseio e conservação dos protetores auditivos. As publicações confirmam a efetividade das capacitações, porém, há poucos trabalhos nesta área, o que vem reforçar a importância de novas pesquisas com enfoque na educação em saúde auditiva.<hr/>This study aimed to verify the scientific production on auditory health training in the last five years. This is an exploratory research onthe following databases: MEDLINE, SciELO, LILACS. We performed an integrative review of the published literature from 2007 to 2011, using the keywords: Hearing, Hearing Impairment, Hypoacusis and Hearing loss. People with Hearing Loss, Hearing Impaired People, combined with: Training, Training Services, Family Health Program, Human Resources Training in Health. It was found 31 articles, five were selected, which contemplated the topic researched. Of these, three were directed to the Community Health Workers who work at the Family Health Teams, the aim of these articles were verify the effectiveness of training in relation to the children’s auditory health, and two were directed to company workers, whose goal wasto raise awareness among the professionals about prevention of the hearing impairment in professional activities. One of the studieswith Community Health Agents used video conference and classroom training simultaneously and the other only classroom training. It was observed that video conference is one of ways that can provide knowledge dissemination; however it must be used in a complementary manner. In studies with workers were found that the training must be permanent and focus the use, handling and maintenance of hearing protectors. The publications confirm the effectiveness of training; however, there are few studies in this area which reinforces the importance of new researches focusing auditory health education. <![CDATA[PIAHO: a tool to prevent bad oral habits occurrence (protocol of appropriate inclusion of oral habits)]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401326&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivo presentar una herramienta de prevención de malos hábitos orales, llamado PIAHO. Métodos se comparan los diagnósticos obtenidos de la prueba subjetiva PeNaF con los diagnósticos de resistencia nasal obtenidos por la prueba objetiva de rinomanometria. Se estudian las relaciones entre la incorporación de consistencias, herramientas y elección de posturas durante la alimentación y los diferentes tipos de deglución. Basados tanto en, los resultados obtenidos y publicados de investigaciones realizadas en población chilena; como enla revisión de la literatura internacional. Resultados una nueva estrategia y plan de acción para una oportuna incorporación de consistencias y utensilios de alimentación, también enfocado en una correcta higiene nasal. Conclusión Contribuir a la prevención de alteraciones miofuncionales, y evitar la instauración de malos hábitos orales. <hr/> Purpose to present a tool to prevent bad oral habits ocurrance, this protocol is called PIAHO. Methods comparing the diagnoses obtained by PeNaF subjective test with nasal resistance diagnoses obtained by the objective test of rhinomanometry. It was explored the relationships between the incorporation of consistencies, tools and choice of positions during feeding and swallowing different types. Based on both, the results obtained and published research in Chilean population; as in the international literature review. Results a new strategy and guidelines for a early inclusion of consistencies and feeding tools, also focus in a good nasal hygiene. Conclusion to contribute to the prevention of orofacial myofunctional disorders and avoiding oral bad habits occurrence. <![CDATA[Efeitos de ensino envolvendo equivalência entre palavra ditada, palavra escrita e objeto sobre a inteligibilidade da fala em adolescente com hipoplasia cerebelar]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401340&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Dentre as muitas estruturas cerebrais envolvidas na linguagem, o ceberelo cumpre um papel importante na coordenação dos movimentos responsáveis pela fala, de modo que qualquer alteração nesta estrutura pode comprometer o desenvolvimento da linguagem oral. Considerando o planejamento do ensino e as intervenções enquanto um fator que pode alterar as expressões fenotípicas impostas pela hipoplasia cerebelar, este estudo de caso teve como objetivo verificar os efeitos de um programa de ensino (envolvendo equivalência entre palavra ditada, palavra escrita e objeto) sobre a inteligibilidade da fala de um adolescente com doze anos, gênero masculino, com hipoplasia cerebelar. As sessões foram conduzidas em contexto clínico e com uso de brinquedos de preferência do participante. O programa consistiu em etapas de avaliação, ensino, pós-testes e retenção, no qual eram apresentadas tarefas de seleção, vocalização, escrita e composição de palavras. Durante a avaliação, observou-se um baixo desempenho em todas as tarefas, especialmente na nomeação de objetos; no decorrer do ensino, as vocalizações foram monitoradas, constatando-se uma gradativa melhora na inteligibilidade da fala quando o participante nomeava objetos, chegando à precisão no pós-testes e retenção. Pode-se concluir que, para o caso apresentado, o fortalecimento da rede de relações entre estímulos e estímulos-ações verbais promovido pelo programa de ensino, favoreceu melhorias na inteligibilidade da fala.<hr/>Within these many brain structures involved in language, the cerebellum fulfill an important role in coordinating the movements responsible for speech, so that any alteration in this structure may compromise the development of oral language. Considering the planning of teaching and intervention while a factor that can alter the phenotypic expression imposed by cerebellar hypoplasia, this case study aimed to verify the effects of an teaching program (involving equivalence between dictated word, written word and object) on the intelligibility of speech in a teenager twelve year old, male gender, with cerebellar hypoplasia. The sessions were conducted in the clinical setting and with use of preference toys participant’s. The program consisted of phases of assessment, teaching, post-test and retention, on which were presented selection tasks, vocalization, writing and composition of words. During the assessment, observed a low performance in all tasks, especially in objects naming; in the course of teaching, the vocalizations were monitored, indicating a gradual improvement in speech intelligibility when the participant named objects, reaching accuracy in post-test and retention. This suggests that, for the case presented, strengthening the network of relationships between stimulus and stimuli-verbal actions promoted by teaching program, favored improvements in speech intelligibility. <![CDATA[Intervenção fonoaudiologica baseada na perspectiva comportamental em transtorno global do desenvolvimento (tgd): relato de caso]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401351&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O objetivo deste trabalho foi descrever um processo de intervenção fonoaudiológica focado na adequação das habilidades linguísticas, sociais e cognitivas de uma criança com Distúrbio de Linguagem como parte de um Transtorno Global do Desenvolvimento (TGD), sob a perspectiva comportamental. A criança em questão era do gênero feminino e foi diagnosticada numa clínica-escola de Fonoaudiologia e encaminhada ao diagnóstico neurológico aos 2 anos de idade. Logo após o diagnóstico iniciou-se a intervenção fonoaudiológica individual, com base numa perspectiva comportamentalista de base mais tradicional; no entanto, ao longo do processo, houve mudanças no direcionamento da intervenção, sendo aqui relatados os dois primeiros anos de intervenção e apresentados dados da reavaliação fonoaudiológica no início do terceiro ano de intervenção. Como resultado da intervenção, houve melhora da linguagem receptiva e expressiva, sendo que a criança apresentou evolução quanto ao aspecto comportamental e aquisição de habilidades comunicativas, associando respostas verbais à ações. Além disso, houve aumento do contato ocular e do tempo de atenção e de aspectos relacionados ao simbolismo. O caso foi descrito com a preocupação de deixar claro que nem sempre é fácil a identificação da melhor abordagem terapêutica para essas crianças logo no início do processo, sendo que as decisões acerca da abordagem adequada devem ser repensadas constantemente não somente em decorrência do diagnóstico em si, mas também das manifestações da sintomatologia geral e específica – que variam conforme o desenvolvimento da criança e a evolução do processo de intervenção. Essas decisões devem ser pautadas na experiência do profissional, mas também na expectativa e no limite de cada família.<hr/>The aim of this study was to describe a process of speech-language therapy focused on the adequacy of language skills, cognitive and social abilities with child with a language disorder as part of a Pervasive Developmental Disorder (PDD) under the behavioral approach. The child in question was female and was diagnosed in a Clinic of Speech-Language Pathology in a university and referred to the neurological diagnosis at 2 years of age. Soon after the diagnosis, the individual language intervention begin based on a behaviorist perspective of more traditional base; however, throughout the process, being reported here the first two years of intervention and presented data from the revaluation speech-language at the beginning of the third year of intervention. As a result of the intervention, there was improvement in receptive and expressive language, and the child presented evolution as the behavioral aspect and the acquisition of communicative skills, involving verbal responses to actions. Additionally, increased eye contact and attention span and aspects related to the symbolism. The case was described with a concern to make it clear that it is not always easy to identify the best therapeutic approach for these children early in the process, and decisions about the appropriate approach should be constantly rethought not only because on the diagnosis itself but also the manifestations of general and specific symptoms – which vary according to children´s development and progress of the intervention. These decisions should be guide by the experience of the professional, but also in the expectation and limit of each family. <![CDATA[Efetividade do treinamento auditivo na plasticidade do sistema auditivo central: relato de caso]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000401361&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O objetivo do estudo foi descrever, por meio de relato de caso, a efetividade do treinamento auditivo na modificação do sistema auditivo central de uma criança com queixas de alteração de fala e linguagem. Trata-se de um estudo retrospectivo, por meio de relato de caso, de uma criança do gênero masculino de 02 anos e 06 meses com queixas de alteração de fala e/ou linguagem. Na avaliação de potencial evocado auditivo de tronco encefálico observou-se presença de ondas eletrofisiológicas I, III e V com latência absoluta e intervalos interpicos dentro da normalidade na orelha direita e presença de ondas I, III e V com latência absoluta da onda V elevada e intervalos interpicos III-V e I-V elevados na orelha esquerda. O limiar eletrofisiológico foi de 70dBNA à direita e 40dBNA à esquerda. Após a avaliação a criança foi encaminhada para terapia fonoaudiológica baseada no treinamento auditivo informal. Para monitorar a função auditiva, após 06 meses de terapia fonoaudiológica, a criança foi encaminhada para reavaliação auditiva. Na reavaliação auditiva os resultados foram presença de ondas eletrofisiológicas I, III e V com latência absoluta e intervalos interpicos dentro da normalidade em ambas as orelhas com limiares eletrofisiológicos de 20dBNA bilateral. O programa de treinamento auditivo foi eficaz na reabilitação das habilidades auditivas.<hr/>The objective of the study was to describe, by a case report, the effectiveness of auditory training in the modification of the central auditory system of a child with complaints of change of speech and language. It is a retrospective study, through case report, of a child of the male gender of 02 years and 06 months with complaints of change of speech and / or language. In the evaluation of auditory evoked potential of encephalic stem observed presence of electrophysiological waves I, III and V with absolute latency and interpeak intervals within normal in the right ear and presence of waves I, III and V with absolute latency of the wave V high and interpeak intervals III-V and I-V high in the left ear. The electrophysiological threshold was of 70dBNA to the right and 40dBNA to the left. After evaluation the child was referred for speech therapy based on informal auditory training. To monitor auditory function, after 06 months of speech therapy, the child was referred for reassessment hearing. In the reassessment hearing the results were presence of electrophysiological waves I, III and V with absolute latency and interpeak intervals within normal in both ears with electrophysiological thresholds of 20dBNA bilateral. The auditory training program was effective in rehabilitating of the auditory skills.