Scielo RSS <![CDATA[Revista Brasileira de Zootecnia]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=1516-359820110006&lang=es vol. 40 num. 6 lang. es <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <![CDATA[<b>Sperm concentration estimate of fish semen using spermatocrit method</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982011000600001&lng=es&nrm=iso&tlng=es Um experimento foi realizado com o objetivo de estimar a concentração espermática das espécies dourado (Salminus brasiliensis), curimba (Prochilodus lineatus), jundiá (Rhamdia quelen), cascudo-preto (Rhinelepis aspera) e tilápia-do-nilo (Oreochromis niloticus) pelo método de espermatócrito. Utilizaram-se 19, 58, 51, 43 e 85 reprodutores de dourado, curimba, jundiá, cascudo-preto e tilápia-do-nilo, respectivamente. Com exceção da tilápia-do-nilo, os reprodutores foram submetidos ao processo de indução hormonal e posteriormente submetidos a coleta de sêmen. Foram comparadas as técnicas de mensuração da concentração espermática do sêmen por contagem em câmara hematimétrica de Neubauer e por espermatócrito. Os resultados obtidos foram submetidos à análise de regressão a 5% de probabilidade. As concentrações espermáticas mensuradas por ambas as técnicas apresentaram relação linear, para curimbas, jundiás e tilápias-do-nilo, com equações y = 6,6624 × 10(9) + 3,68553 × 10(8)x; y = 2,153 × 10(9) + 4,426 × 10(8)x e y = -9,0897 × 10(8) + 6,0167 × 10(8), respectivamente. O método de espermatócrito pode ser utilizado para estimar a concentração espermática do sêmen de curimbas, jundiás e tilápias-do-nilo.<hr/>The objective of this experiment was estimate sperm concentration of "dourado" (Salminus brasiliensis), "curimba" (Prochilodus lineatus), "jundiá" (Rhamdia quelen), "cascudo-preto" (Rhinelepis aspera) and Nile tilapia (Oreochromis niloticus) by the method of spermatocrit. It was used 19, 58, 51, 43 and 85 brood fish of "dourado", "curimba", "jundia", "cascudo-preto" and Nile tilapia, respectively. Except for the Nile tilapia, the fishes were subjected to the hormonal induction process and then submitted to the semen collection. The measurement techniques of the sperm concentration by sperm count in Neubauer chamber (CSPZ) and by spermatocrit (ESPMT) were compared. The results were submitted to the regression analysis at 5% of probability. It was observed that the variables CSPZ and ESPMT presented linear relationship to the "curimba", "jundia" and Nile tilapia with equations y = 6.6624 × 10(9) + 368553 × 10(8)x; y = 2.153 × 10(9) + 4.426 × 10(8)x and y = -9.0897 × 10(8) + 6.0167 × 10(8), respectively. The method of spermatocrit can be used to estimate the sperm concentration of "curimba", "jundiá" and Nile tilapia. <![CDATA[<b>Growth of white clover seedlings treated with aqueous extracts of leaf and root of tough lovegrass</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982011000600002&lng=es&nrm=iso&tlng=es This study was carried out to investigate the effect of extracts of leaf and roots of tough lovegrass (Eragrostis plana) on seedling growth of white clover (Trifolium repens), in two experiments. The first experiment was conducted as a pilot test, in which two concentrations (30 and 60%) of leaf aqueous extract were tested. In Experiment II, source (leaf/root) and concentration (5 and 10%) of the extracts were combined. Distilled water was used as control in both trials. Fifty seedlings at 7 days of age were placed in gerbox containers on filter paper moistened with extracts and incubated at 25°C for 14 days. In the first experiment, percentage of normal seedlings decreased by 82.5% and 100% at the concentrations of 30% and 60%, respectively, which indicated the need to increase the dilution of the extracts. In the subsequent experiment, the extracts from the two sources, at 10% of concentration, reduced by 78% the percentage of normal seedling and increased the percentage of abnormal seedlings, which reached 27%. At 5% concentration, the leaf extract was the most deleterious treatment, resulting in greater mortality (M=27.6%) and abnormality (A=19.5%) of seedlings, compared to the root extract (M=4.8%; A=9.5%) and the control (M=2.4%; A=0.25%). The morphological changes caused by the extracts were radicle necrosis, retention of cotyledons and absence of secondary roots. The results suggest that allelopathic compounds from leaves and roots of tough lovegrass differ in chemical nature and/or concentration.<hr/>Este estudo foi realizado para investigar o efeito do extrato de folhas e raízes de capim-annoni-2 (Eragrostis plana) no crescimento de plântulas de trevo-branco (Trifolium repens), em dois experimentos. O primeiro experimento foi conduzido como teste-piloto, no qual foram testadas duas concentrações (30% e 60%) de extrato aquoso de folhas. No experimento II houve uma combinação de fonte (folhas e raízes) e concentração (5% e 10%) dos extratos. Água destilada foi utilizada como testemunha em ambos os ensaios. Cinqüenta plântulas com sete dias de idade foram colocadas em caixas gerbox, sobre papel-filtro umedecido com os extratos, e incubadas a 25ºC durante 14 dias. No primeiro experimento, o percentual de plântulas normais decresceu em 82,5% e 100% nas concentrações de 30% e 60%, respectivamente, o que indicou a necessidade de se aumentar a diluição dos extratos. No experimento subseqüente, os extratos das duas origens, a 10% de concentração, reduziram em 78% o percentual de plântulas normais e aumentaram o percentual de plântulas anormais, que atingiu 27%. A 5% o extrato de folha foi o tratamento mais deletério, resultando em maior mortalidade (M=27,6%) e anormalidade (A=19,5%) de plântulas, comparado ao de raiz (M=4,8%; A=9,5%) e à testemunha (M=2,4%; A=0,25%). As alterações morfológicas causadas pelos extratos foram necrose da radícula, retenção dos cotilédones e ausência de raízes secundárias. Os resultados sugerem que os compostos alelopáticos de folhas e raízes do capim-annoni-2 diferem quanto à natureza química e/ou concentração. <![CDATA[<b>Nutritive value of forage of genotypes of double purpose winter cereals</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982011000600003&lng=es&nrm=iso&tlng=es Esta pesquisa foi conduzida com o objetivo de avaliar o valor nutritivo da forragem de 12 genótipos de seis espécies de cereais de inverno de duplo propósito (forragem e grãos), submetidos ao corte, na região da Depressão Central do Rio Grande do Sul. As espécies e genótipos testados foram: trigo (BRS 277, BRS Guatambu, BRS Tarumã, BRS Umbu); aveia-preta (Agro Zebu, UPFA 21 - Moreninha e Comum); aveia-branca (UPF 18); centeio (BR 1 e BRS Serrano); Cevada (BRS Marciana) e triticale (BRS 148).Os genótipos foram distribuídos em 36 parcelas experimentais, num delineamento experimental inteiramente casualizado, com 12 tratamentos e três repetições. As análises de valor nutritivo e composição mineral foram feitas pelo método da reflectância do infravermelho proximal (NIRS), em amostras do estrato superior a 10 cm de altura da forragem. Os genótipos de aveia e o trigo BRS Umbu apresentaram os melhores resultados de valor nutritivo. A composição mineral apresentou pequena variabilidade entre os genótipos testados. Os resultados demonstram que os cereais de inverno produzem forragem de elevado valor nutritivo.<hr/>The objective of this research was to evaluate the nutritive value of the forage of 12 genotypes of six double purpose (forage and grains) winter cereal species submitted to harvest in the region of Depressão Central in Rio Grande do Sul state. The species and genotypes tested were: wheat (BRS 277, BRS Guatambu, BRS Tarumã and BRS Umbu); black oat (Agro Zebu, UPFA 21 - Moreninha and Commom black-oat); white-oat (UPF 18); rye (BR 1 and BRS Serrano); barley (BRS Marciana); and triticale (BRS 148). The genotypes were distributed in 36 experimental plots in completely randomized experimental design, with 12 treatments and three replications. Analysis of nutritive value and mineral composition were performed by the near infrared spectroscopy (NIRS) in samples of stratum greater than 10 cm height of forage. Oat genotypes and BRS Umbu wheat presented the best nutritive value results. Mineral composition presented small variability among the genotypes tested. The results demonstrate that winter cereals produce high nutritive value forage. <![CDATA[<b>Chemical additives and a bacterial inoculant on the ensilage of sugarcane</b>: <b>effect on silages fermentation and performance of young bulls</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982011000600004&lng=es&nrm=iso&tlng=es Os objetivos neste experimento foram avaliar o desempenho de tourinhos alimentados com rações completas preparadas com silagens de cana-de-açúcar tratadas ou não com aditivos e estudar o efeito dos aditivos sobre a fermentação das silagens. Trinta tourinhos Canchim com peso médio de 312 kg foram distribuídos em delineamento de blocos casualizados para avaliar três tipos de rações isoproteicas e isoenergéticas (relação volumoso:concentrado de 35:65): ração com silagem sem aditivo (controle); ração com silagem tratada com ureia (5 g/kg de matéria verde, MV) + benzoato de sódio (0,5 g/kg de MV); ração com silagem inoculada com Lactobacillus buchneri (5 × 10(4) ufc/g de MV). As silagens apresentaram pH adequado à conservação (<4,2), baixos níveis de ácido butírico (<3 g/kg de matéria seca - MS) e elevados níveis de ácido acético (&gt;53 g/kg de MS). Na silagem tratada com ureia + benzoato e na silagem inoculada, os teores de etanol foram mais baixos em relação à silagem sem aditivo (43; 73 e 92 g/kg de MS, respectivamente). A silagem com ureia + benzoato apresentou teores mais elevados de proteína bruta e de nutrientes digestíveis totais em comparação às outras silagens. O tipo de ração não afeta o ganho de peso vivo (1,75 kg PV/dia) nem a ingestão de MS (10,5 kg MS/dia), mas a conversão alimentar foi melhor nos animais que receberam a ração controle em relação àqueles alimentados com a ração com silagem inoculada (5,71 vs 6,45 kg MS/kg GPV).<hr/>The objectives of this experiment were to evaluate the performance of young bulls fed total rations prepared with additive treated or untreated sugarcane silages and evaluate the additive effects on silages fermentation. Thirty young Canchim bulls averaging 312 kg were allotted to a completely randomized experimental design to evaluate three types of isoproteic and isoenergetic rations (roughage:concentrate ratio of 35:65): ration with silage without additive (control), ration with silage treated with urea (5 g/kg of fresh forage - FF) + sodium benzoate (0.5 g/kg FF), ration with silage inoculated with Lactobacillus buchneri (5 × 10(4) cfu/g FF). Silages had pH adequated to conservation (<4.2), low levels of butyric acid (<3 g/kg in DM) and high levels of acetic acid (&gt;53 g/kg in DM). The silage treated with urea + benzoate and the inoculated silage presented lower ethanol concentration when compared to the untreated silage (43, 73 and 92 g/kg in DM, respectively). The silage treated with urea + benzoate had higher crude protein content and total digestible nutrients when compared with other silages. The type of ration affect neither body weight gain (BWG) nor DM intake, but feed conversion was better for animals that received control ration in relation to those fed ration with inoculated silage (5.71 vs 6.45 kg DM/kg BWG). <![CDATA[<b><i>Lotus corniculatus</i></b><b> L. genetic diversity analysis through microsatellite markers</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982011000600005&lng=es&nrm=iso&tlng=es O objetivo neste trabalho foi analisar a diversidade genética de 14 materiais de Lotus corniculatus L. por meio de marcadores microssatélites. Foram analisados quatro cultivares e uma população de L. corniculatus e seus respectivos genótipos selecionados visando tolerância e sensibilidade ao alumínio. Foram utilizados 17 pares de primers que detectaram 36 alelos nos 17 locos microssatélites, com média de 2,25 alelos por loco. O resultado da análise de agrupamento com base nos índices de similaridade mostrou a formação de três grupos: um englobando germoplasmas e genótipos selecionados para sensibilidade ao alumínio e outros dois formados por genótipos selecionados visando tolerância ao alumínio tóxico. A análise molecular foi eficiente para detectar e quantificar a variabilidade entre os genótipos, acrescentando informações úteis ao programa de melhoramento. O uso de marcadores microssatélites permite a distinção de genótipos oriundos de um programa de seleção visando tolerância à toxidez por alumínio. As seleções realizadas originam genótipos polimórficos em relação às populações originais.<hr/>The aim of this work was to analyze the genetic diversity of 14 Lotus corniculatus L. materials through microsatellite markers. Four cultivars and one population of L. corniculatus and their respective genotypes selected were analyzed aiming aluminium tolerance and sensibility. The 17 markers used detected a total of 36 alleles, with an average of 2.25 alleles per locus. The result of the similarity analyses showed the formation of three groups: one enclosing germplasm and selected genotypes for aluminium sensibility, while the other two groups were formed by selected genotypes for aluminium tolerance. The molecular analysis was efficient in detecting and quantifying the variability among the genotypes, adding useful information to the breeding program. The utilization of microsatellite markers permitted the distinction of genotypes originated from a selection program aiming aluminium tolerance. The performed selections originate polymorphic genotypes in relation to the original populations. <![CDATA[<b>Two years of nitrogen and sulfur fertilizations in a signal grass pasture under degradation</b>: <b>changes in the root system</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982011000600006&lng=es&nrm=iso&tlng=es The objective of this research was to evaluate the effect of combinations of nitrogen and sulfur rates in degraded signal grass (Brachiaria decumbens) pasture on their productive, morphological and nutritional attributes in the root system at four soil depths. The pasture used in the experiment was established over eight years ago in Entisol. Five nitrogen rates (0; 150; 300; 450 and 600 kg/ha/year) and five sulfur rates (0; 15; 30; 45 and 60 kg/ha/year) were combined in a fractionated factorial in a randomized block design, with three replications. Nitrogen was supplied as ammonium nitrate and sulfur as gypsum, and the rates were split into three times in the rainy season. The evaluations occurred at intervals of 35 days during the rainy season and 56 days in the dry season, in two consecutive years. Roots were collected with a 4-cm diameter auger at 0-10; 10-20; 20-30 and 30-40 cm soil depths. It was determined root dry matter, length and surface of the root system and nitrogen and sulfur concentrations in roots. Nitrogen rates applied in two consecutive years in the pasture affected dry mass, length, surface and nitrogen concentration in signal grass root system. Rates of sulfur by themselves or combined with nitrogen rates do not affect attributes of root system.<hr/>Objetivou-se avaliar os efeitos das combinações de doses de nitrogênio e de enxofre em pastagem de capim-braquiária (Brachiaria decumbens) em degradação nos atributos produtivos, morfológicos e nutricionais do sistema radicular em quatro profundidades do solo. A pastagem utilizada no experimento foi estabelecida há mais de oito anos em solo Neossolo Quartzarênico. Cinco doses de nitrogênio (0; 150; 300; 450 e 600 kg/ha/ano) e cinco doses de enxofre (0; 15; 30; 45 e 60 kg/ha/ano) foram combinadas em fatorial fracionado, em delineamento de blocos ao acaso, com três repetições. O nitrogênio foi fornecido por meio de aplicação de nitrato de amônio e o enxofre por gesso, em doses parceladas em três vezes no período chuvoso. As avaliações ocorreram em intervalos de 35 dias no período chuvoso e de 56 dias no período seco, em dois anos consecutivos. As raízes foram coletadas por meio de trado de 4 cm de diâmetro nas profundidades de 0-10; 10-20; 20-30 e 30-40 cm do solo. Foram determinados a massa seca de raízes, o comprimento e a superfície radicular e as concentrações de nitrogênio e enxofre nas raízes. As doses de nitrogênio aplicadas em dois anos consecutivos na pastagem promoveram alterações nas raízes, em termos de massa seca, comprimento, superfície e concentração de nitrogênio no capim-braquiária. As doses de enxofre, isoladamente ou combinadas com as de nitrogênio, não promovem alterações nos atributos do sistema radicular. <![CDATA[<b>Effect of oil sources supplementation levels of E vitamin in the diet on the boar semen cryopreservation</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982011000600007&lng=es&nrm=iso&tlng=es Objetivou-se avaliar os efeitos da adição de fontes de óleo e dos níveis de suplementação de vitamina E na ração sobre a criopreservação de sêmen suíno. Foram utilizados 24 suínos machos reprodutores Dalboar 85, com idades de 12 a 18 meses, distribuídos em delineamento inteiramente casualizado, em arranjo fatorial 2 × 3, com duas fontes de óleo (soja e salmão) e três níveis de vitamina E (150, 300 e 450 mg/kg). O sêmen foi coletado semanalmente (1 coleta/macho), diluído com meio centrifugador (1:1) e mantido a 25ºC por 2 horas. Após centrifugação (800 g, 10 minutos), o pélete foi suspenso com meio de congelamento para concentração final de 1 × 10(9) espermatozoides/mL. O sêmen foi envasado em palhetas de 0,5 mL e colocado dentro de tubo de ensaio (17ºC, 35 minutos). Após esse período, as palhetas foram retiradas do tubo e mantidas por 25 minutos, quando foram submetidas a vapor de nitrogênio por 20 minutos e mergulhadas em nitrogênio líquido. Após o descongelamento, o sêmen dos animais alimentados com a ração acrescida de óleo de soja reduziu a motilidade, o vigor, a porcentagem de espermatozoides vivos e o teste hiposmotico. A motilidade média do sêmen após a diluição e durante as etapas do congelamento foi de 85 e 84% para os animais que receberam óleo de salmão e soja, respectivamente. Entretanto, após o descongelamento, a motilidade dos espermatozoides dos animais alimentados com a ração contendo óleo de salmão e soja reduziu para 30 e 24%, respectivamente. O sêmen dos animais tratados com óleo de soja apresentou menor porcentagem de espermatozoides vivos e morfologia normal em comparação aos tratados com óleo de salmão. A suplementação com óleo de salmão na dieta de suínos promove redução das características negativas observadas no sêmen suíno descongelado.<hr/>The objective of this work was to evaluate the effects of addition of oil and of levels of supplementation of E vitamin on the boar sperm cryopreservation. It was used 24 Dalboar 85 boars, at 12 to 18 months, distributed in a complete random design, in a 2 × 3 factorial arrangement, with two source of oil (soybean and salmon) and three levels of E vitamin (150, 300 and 450 mg/kg). Semen was collected weekly (1 collection/male), diluted in centrifuge media (1:1) and kept at 25ºC for 2 hours. After centrifugation (800 g, 10 minutes), the pellet was suspended in freezing medium for the final concentration of 1 × 10(9) sperm/mL. The semen was packaged into 0.5 mL straws and placed inside a test tube (17ºC, 35 minutes). After this period, the straws were removed from the tube and kept for 25 minutes more, submitted to nitrogen vapor for 20 minutes and then dip into liquid nitrogen. After thawing, the semen of animals fed the ration added with soybean oil reduced motility, vigor, percentage of live sperm and HOST. The average motility of the semen after dilution and during cryopreservation process was 85 and 84% for the animals fed salmon and soybean oil, respectively. However, after thawing, the motility of the sperms of animals fed ration with salmon and soybean oil was reduced to 30 and 24%, respectively. Semen of animals treated with soybean oil presented lower percentage of live sperm and normal morphology when compared to the ones treated with salmon oil. Supplementation of salmon oil in diet for swines reduces the negative traits observed in thawed semen of boars. <![CDATA[<b>Genetic analysis of gestation period in a Canchim beef cattle herd</b>: <b>estimation of genetic parameters and choice among alternative animal models</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982011000600008&lng=es&nrm=iso&tlng=es Os objetivos neste trabalho foram comparar modelos animais alternativos para a análise do período de gestação e verificar se essa característica possui variabilidade genética suficiente para ser incluída em programas de seleção, por meio de estimativas de herdabilidade e de correlações genéticas com os pesos ao nascimento (PN) e aos 12 meses de idade (P12), para animais de um rebanho Canchim. Foram analisadas gestações de 2.889 bezerros, 8.506 medidas de peso ao nascimento e 6.372 de peso aos 12 meses de idade. O período de gestação foi estudado como característica do bezerro (PG B) e da vaca (PG V). Os parâmetros genéticos foram estimados pela máxima verossimilhança restrita (REML). Quatro modelos animais alternativos foram testados em análises unicaracterísticas de PG B e de PG V, considerando-se efeitos fixos e combinações de três efeitos aleatórios. O teste de razão de verossimilhança foi utilizado para comparação dos modelos. Análises bicaracterísticas foram feitas de PG B com peso ao nascimento e peso aos 12 meses de idade. As herdabilidades diretas de PG B variaram de 0,22 a 0,41 e as de PG V de 0,04 a 0,07. A correlação genética entre PG B e peso ao nascimento foi de 0,65 e entre PG B e P12 de 0,01. Conclui-se que o período de gestação deve ser estudado como característica do bezerro. O modelo que inclui apenas efeitos aleatórios aditivo direto e de ambiente permanente materno pode ser utilizado para análise genética desta característica e esta característica pode ser utilizada como critério de seleção.<hr/>The objectives in this study were to compare alternative animal models for analysis of gestation period and verify if this trait has enough genetic variability to be included in selection programs, by using heritability estimates and genetic correlations with body weights at birth (BW) and at 12 months of age (W12), in a Canchim herd. Gestations of 2,889 calves, weight of 8,506 animals at birth and 6,372 animals at 12 months of age were analyzed. Gestation period was studied as calf (GP C) and dam trait (GP D). Genetic parameters were estimated by the restricted maximum likelihood method (REML). Four alternative animal models were tested in single trait analyses of GP C and GP D, considering fixed effects and combinations of three random effects. The likelihood ratio test was used to compare the models. Two-trait analyses were realized between GP C and BW and between GL C and W12. Direct heritabilities of GP C varied from 0.22 to 0.41 and of GP D from 0.04 to 0.07. Genetic correlation between GP C and BW was 0.65 and between GP C and W12 was 0.01. It is conclude that GP should be studied as calf trait. The model with only direct additive effects and maternal permanent environmental may be used to genetic analysis of this trait, and this trait may be used as an auxiliary selection criterion. <![CDATA[<b>Beak trimming method and drinking system and a their effect on the performance and egg quality of japanese quails</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982011000600009&lng=es&nrm=iso&tlng=es Com o objetivo de avaliar o efeito da debicagem e do tipo de bebedouro sobre o desempenho produtivo de codornas japonesas, 672 fêmeas de codornas de um dia foram usadas em um delineamento inteiramente casualizado e distribuídas em um dos três tratamentos como não-debicagem; debicagem até 1/3 dos bicos; e cauterização, com oito repetições de 28 aves na fase de cria. As aves foram debicadas aos 21 dias de idade e, no 35 dia, foram avaliados o ganho de peso, o consumo de ração, a conversão alimentar e a taxa de mortalidade. Aos 39 dias, 576 codornas foram remanejadas para gaiolas de postura, distribuídas em esquema fatorial 3 × 2, composto de três tipos de debicagem e dois tipos de bebedouro (taça e nipple), de modo que cada combinação foi avaliada com quatro repetições de 24 aves. A fase de produção teve início quando as aves atingiram 50% de produção de ovos, aos 60 dias de idade. As codornas submetidas a debicagem por cauterização apresentaram menor ganho de peso e menor consumo de ração na fase de cria. O estresse pela dor com a debicagem por cauterização pode justificar não só o menor consumo e o menor ganho de peso, como também a maior mortalidade. Infere-se que este método, por ser mais demorado, tenha provocado mais dor e maior nível de estresse, piorando o desempenho das aves. A debicagem de 1/3 dos bicos cortados pode ter ocasionado estresse menos intenso às aves, não interferindo no desempenho. Não se observaram diferenças no desempenho das aves e na qualidade de ovos entre os tipos de bebedouro e métodos de debicagem utilizado na fase de produção. O método de debicagem por cauterização influencia o desempenho de codornas na fase de cria, mas, na fase de produção, assim como o tipo de bebedouro utilizado, não interfere no desempenho das aves nem na qualidade de ovos.<hr/>A total of 672 one day old- female quails was allotted to a completely randomized experimental design, with three treatments (non-trimmed birds; 1/3 of the beak trimmed and cauterized beak), 8 replicates of 28 birds to evaluate the effect of beak trimming and drinking system on productive performance. The birds were beak trimmed at 21 days of age, and at day 35 the weight gain, feed intake, feed conversion and mortality were evaluated. At day 39, 576 quails were transfered to laying cages, and assigned to a 3x2 factorial arrangement, to evaluate three beak trimming methods and two drinking systems (cup and nipple) by using four replicates of 24 birds each. The production phase started when the birds reached 50% egg production, at 60 days of age. The quails submitted to beak trimming by cauterization showed smaller weight and lower feed intake during the initial period. Stress pain due to the cauterized beak can justify not only lower feed intake and lower weight gain, but also increased mortality. It can be inferred that once this method takes more time it has caused more pain and higher levels of stress, worsening the performance of birds. The trimmed to 1/3 of the beaks cut can have caused stress to the birds less intense, without effect on performance. No differences on bird performance and egg quality were observed between drinking systems and beak trimming during the laying phase. In the initial phase, beak trimming system reduced performance, however, during the production phase, both drinking and beak trimming systems do not affect performance and egg quality of Japanese quails. <![CDATA[<b>Effect of supplementation of diets for quails with vitamins A, D and E on performance of the birds and quality and enrichment of eggs</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982011000600010&lng=es&nrm=iso&tlng=es The objective of this research was to evaluate the performance of birds and the quality and enrichment of eggs from quails fed diets supplemented with vitamins A, D and E. Three experiments were performed, one for each vitamin, under completely randomized experimental design, with six replicates and eight birds per plot, totaling 192 quails. Performance of birds was evaluated by the daily feed intake, egg weight, laying percentage (%) and food conversion, per kg and dozen of eggs. It was also evaluated the internal quality (Haugh unit, yolk index and yolk and albumen percentages) and external quality (eggshell percentage, egg specific gravity, eggshell thickness and weight) and the concentration of vitamins in egg yolk by using the high performance liquid chromatography method. Vitamins supplementation did not improve productive performance neither the internal and external quality of the eggs, except for vitamin D supplementation, which increased intake. Incorporation of vitamin A in yolk increased 536.27% at level 30,000 UI/kg, vitamin D increased 13.43% at 1,500 UI/kg and vitamin E increased 479.05% at 600 UI/kg, and these results evidence that the nutritional value of eggs, related to vitamins, can be increased through supplementation of diets for quails.<hr/>Objetivou-se nesta pesquisa avaliar o desempenho das aves e a qualidade e o enriquecimento de ovos de codornas sob suplementação com vitaminas A, D e E. Foram realizados três experimentos, um para cada vitamina, em delineamentos inteiramente casualizados, com seis repetições e oito aves por parcela, totalizando 192 codornas. O desempenho das aves foi avaliado pelo consumo diário de ração, peso dos ovos, porcentagem de postura e conversão alimentar, por kg e dúzia de ovos. Também foram avaliadas a qualidade interna (unidade Haugh, índice gema e porcentagens de gema e albúmen) e externa (porcentagem de casca, peso específico, espessura e peso da casca) e a concentração das vitaminas na gema dos ovos, mediante o método de cromatografia líquida de alta eficiência. A suplementação das vitaminas não melhorou o desempenho produtivo nem a qualidade interna e externa dos ovos, com exceção da suplementação de vitamina D, que elevou o consumo. A incorporação de vitamina A na gema aumentou 536,27% no nível de 30.000 UI/kg, a de vitamina D 13,43% no nível de 1.500 UI/kg e a de vitamina E 479,05% no nível de 600 UI/kg, e isso evidencia que o valor nutricional dos ovos, relacionado à vitamina, pode ser aumentado com a suplementação na dieta das codornas. <![CDATA[<b>Lactose levels in diets for piglets weaned at 21 days of age</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982011000600011&lng=es&nrm=iso&tlng=es With the objective of evaluating levels of lactose in diets for piglets weaned at 21 days of age, it was carried out an experiment with 72 animals, with average weight of 6.12 kg, distributed in a completely randomized block design with four diets (0, 4, 8, and 12% lactose), six replicates, and 3 animals per experimental unit. Animals were fed the experimental diets from 21 to 35 days of age and they were fed a lactose-free basal diet from 36 to 49 days of age. The lactose levels did not affect daily weight gain, feed intake and feed conversion of piglets from 21 to 35 days of age. The use of lactose levels in the diets also did not affect performance of the piglets assessed from 21 to 49 days old. Diets also did not influence villous height, crypt depth and villous:crypt ratio. Lactose resulted in greater diversity and balance of the intestinal microbial community. The Lactobalillus spp. richness increases with the addition of lactose in diet up to the level of 8% in relation to the total number of intestinal microorganisms, which may a possible improvement of intestinal health.<hr/>Com o objetivo de avaliar níveis de lactose em rações para leitões desmamados aos 21 dias de idade, foi realizado um experimento com 72 animais com peso inicial médio de 6,10 kg, distribuídos em delineamento de blocos ao acaso com quatro rações (0, 4, 8 e 12% de lactose), seis repetições e três animais por unidade experimental. Os animais foram alimentados com as rações experimentais no período de 21 a 35 dias de idade e, no período de 36 a 49 dias, receberam uma ração basal isenta de lactose. Os níveis de lactose não afetaram o ganho diário de peso, o consumo diário de ração e a conversão alimentar dos leitões de 21 a 35 dias. O uso de lactose nas rações também não afetou o desempenho dos leitões avaliados dos 21 aos 49 dias de idade. As rações também não influenciaram a altura das vilosidades, a profundidade de criptas e a relação vilosidade:cripta. A lactose proporcionou maior diversidade e equilíbrio da comunidade microbiana intestinal. A riqueza microbiana de Lactobacillus spp. aumenta com a adição de lactose na ração até o nível de 8% em relação ao número total de microrganismos intestinais, o que indica possível melhora da saúde intestinal. <![CDATA[<b>The influence of sex and finishing system on carcass and meat quality of Texel × Corriedale lambs</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982011000600012&lng=es&nrm=iso&tlng=es Neste trabalho o objetivo foi avaliar o efeito do sexo e do sistema de terminação de cordeiros Texel × Corriedale sobre as características subjetivas da carcaça e as medidas instrumentais e químicas da carne. Foram utilizados 90 animais, 45 deles cordeiros machos não-castrados e 45 fêmeas, mantidos em pastagem com a mãe até o desmame (70 dias); e terminados em três sistemas de produção: apenas pastagem; mantidos na pastagem com a mãe e pastagem com suplementação (casca de soja em nível correspondente a 1% do peso vivo dos cordeiros). Após o abate dos animais, as carcaças foram armazenadas em câmara fria (1ºC, 24 horas) para medidas de pH, marmoreio, estado de engorduramento, cor e textura. Na sequência, foi retirado o músculo longissimus dorsi da meia-carcaça, para a análise instrumental e química. A análise de variância e o teste de Tukey foram utilizados para comparação da média a 5% de significância. Não ocorreu interação de sexo e sistema de terminação dos animais nas características avaliadas na carcaça. Igualmente, não ocorreu interação entre sexo e sistema de terminação, porém os fatores isolados tiveram efeito significativo na força de cisalhamento e nos teores de umidade e gordura. A carne dos machos e dos animais terminados mantidos com a mãe apresentam maior resistência à força de cisalhamento e maior umidade, porém menor teor de gordura.<hr/>In this work we aimed to evaluate the effect of sex and finishing systems on individual characteristics of carcass, instrumental and chemical meat measurements of Texel × Corriedalle lambs. Ninety animals were used; 45 non-castrated rams and 45 females. Lambs were kept on pasture with mother to weaning (70 days) and assigned to one of three production systems: pasture, pasture with mother, and on pasture receiving a soy peel supplement at 1% of live weight basis. After slaughtering, carcasses were stored under vacuum in a freezer at 1 ºC for pH, marbling, fat condition, color and texture measurements. The longissimus dorsi muscle was separated from the half carcass to proceed instrumental and chemical analysis. Analysis of variance and Tukey test were used for comparison of the mean at 5% significance. There was no interaction for sex and finishing system on carcass characteristics. Similarly, there was no interaction between sex and termination system as related to instrumental measurements and meat chemical composition. Conversely, the isolated factors affected significantly the shearing force, moisture and fat content. Rams meat and the meat of the lambs kept on pasture with mother presented better resistance to shearing force and moisture, but less fat content. <![CDATA[<b>Physicochemical properties of meat from <i>Bos taurus</i> and <i>Bos indicus</i></b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982011000600013&lng=es&nrm=iso&tlng=es The objective of this study was to characterize meat quality in Bos taurus and Bos indicus and to determine the influence of finishing system and genetic group on the physicochemical properties of the longissimus thoracis at 24 hours and 10 days post mortem (1ºC). The sample included 160 bulls of the B. taurus (n=75) and B. indicus (n=85) groups, finished either on pasture (n=46) or with grain supplementation (n=114), slaughtered at a carcass weight of 270 to 300 kg. Pasture-finished animals had higher pH, lower red content and a fat content 2.5 times lower than those finished with supplementation. Meat from supplement-finished animals had lower shear force in comparison to that from animals finished on pasture, with means of 7.7 and 8.5 kg at 24 hours, and of 5.5 and 5.9 kg at 10 days, respectively. Samples of B. taurus and B. indicus were similar in moisture and protein, but B. taurus presented higher means for ash and lower means for fat. Aged samples of B. indicus finished on pasture showed lower values for lightness and yellowness. Overall, lightness and yellow content increased and red content decreased with 10-day ageing. Means for shear force were lower in B. taurus than in B. indicus, with differences of 1.4 kg in fresh meat and 0.6 kg in aged samples. The reduction in shear force with ageing was more pronounced in samples with higher initial shear force, in spite of the positive relationship between shear force before and after ageing.<hr/>Este estudo foi conduzido com os objetivos de caracterizar a qualidade de carnes de Bos taurus e Bos indicus e determinar a influência do sistema de terminação e dos grupos genéticos nas propriedades físico-químicas do músculo longissimus thoracis às 24 horas e aos 10 dias post mortem (1ºC). Na amostragem foram usados 160 bovinos B. taurus (n=75) e B. indicus (n=85) terminados a pasto (n=46) ou com suplementação de grãos (n=114), abatidos com peso de carcaça entre 270 a 300 kg. O teor de gordura foi 2,5 vezes mais baixo em animais terminados a pasto. A carne dos animais terminados com suplementação apresentou pH mais baixo, com maior teor de vermelho, e força de cisalhamento mais baixa em comparação à dos animais terminados a pasto, com médias de 7,7 e 8,5 kg (24 horas) e 5,5 e 5,9 kg (10 dias), respectivamente. Amostras de B. taurus e B. indicus foram similares em umidade e proteína, porém as de B. taurus mostraram média mais alta de cinzas e mais baixas de gordura. Amostras maturadas de B. indicus terminados a pasto mostraram valores mais baixos de luminosidade e índice de amarelo. Em geral, a luminosidade e o teor de amarelo aumentaram e o teor de vermelho diminuiu com a maturação de dez dias. As médias de força de cisalhamento foram mais baixas em B. taurus que em B. indicus, com diferenças de 1,4 kg na carne fresca e 0,6 kg em amostras maturadas. A redução na força de cisalhamento com a maturação é mais pronunciada em amostras com alta força de cisalhamento inicial, apesar da relação positiva com a força de cisalhamento antes e após a maturação. <![CDATA[<b>Growth and antimicrobial activity of lactic acid bacteria from rumen fluid according to energy or nitrogen source</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982011000600014&lng=es&nrm=iso&tlng=es The objective of this study was to evaluate the effects of supplementation with different sources of energy and nitrogenous compounds on the in vitro growth and production of bacteriocin of lactic acid bacteria. Incubations were performed by using ruminal fluid from a rumen-fistulated Holstein-Zebu steer. The animal was kept on a Brachiaria decumbens pasture receiving 200 g/day of supplemental crude protein. Substrates and inoculum were placed in glass flasks considering eight treatments: cellulose, cellulose and casein, cellulose and soy peptone, cellulose and urea, starch, starch and casein, starch and soy peptone and starch and urea. Successive incubations were conducted to select microorganisms according to the energy sources and nitrogenous compounds. Starch favoured growth of lactic acid bacteria when compared to cellulose. Supplementation with true protein (soy peptone and casein) stimulated the growth of these bacteria when compared to the control (without supplementation with nitrogenous compounds). The addition of urea did not stimulate the growth of lactic acid bacteria. No antimicrobial activity was detected from colonies of isolated lactic acid bacteria. Sources of true protein increase the competition between non-structural and structural carbohydrates fermenting bacteria.<hr/>Objetivou-se avaliar os efeitos da suplementação com diferentes fontes de energia e de compostos nitrogenados sobre o crescimento e produção de bacteriocinas de bactérias ácido-láticas in vitro. As incubações foram conduzidas utilizando-se fluido ruminal originado de um novilho Holandês-Zebu fistulado no rúmen. O animal foi mantido em pastagem de Brachiaria decumbens recebendo 200 g/dia de proteína bruta suplementar. Os substratos e o inóculo foram acondicionados em frascos de vidro considerando-se oito tratamentos: celulose, celulose e caseína, celulose e peptona de soja, celulose e ureia, amido, amido e caseína, amido e peptona de soja e amido e ureia. Incubações sucessivas foram conduzidas para seleção dos microrganismos em função das fontes energéticas e de compostos nitrogenados. O amido favoreceu o crescimento de bactérias ácido-láticas em comparação à celulose. A suplementação com proteína verdadeira (peptona de soja e caseína) estimulou o crescimento dessas bactérias em comparação ao controle (sem suplementação com compostos nitrogenados). A adição de ureia não estimulou o crescimento de bactérias ácido-láticas. Nenhuma atividade antimicrobiana foi detectada a partir das colônias de bactérias ácido-láticas isoladas. Fontes de proteína verdadeira incrementam a competição entre bactérias fermentadoras de carboidratos estruturais e não-estruturais. <![CDATA[<b>Meat quality of lambs fed silk flower hay (<i>Calotropis procera</i> SW) in the diet</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982011000600015&lng=es&nrm=iso&tlng=es The objective of this work was to evaluate the influence of using silk flower hay replacing corn and soybean meal on physical-chemical and sensorial traits of lamb meat. It was used 32 intact Morada Nova male lambs (12.7 ± 2 kg initial body weigth) on feedlot system, distributed in a completely randomized design with four levels (0, 15, 30 and 45% on dry matter basis). The use of silk flower hay in the diet influenced quality of meat and carcass, leg weight, tissue composition, moisture, juiciness and flavor. Replacing corn (26.67%) and soybean (3.33%) with silk flower hay does not affect the tissue composition, ratios and muscularity index of leg and physical-chemical parameters of semimembranosus muscle of Morada Nova lambs.<hr/>Objetivou-se avaliar a influência do uso de feno de flor-de-seda em substituição ao milho e ao farelo de soja nas características físico-químicas e sensoriais da carne de cordeiros. Utilizaram-se 32 cordeiros Morada Nova, machos não-castrados (12,7 ± 2 kg de peso vivo inicial), em confinamento, distribuídos em delineamento inteiramente ao acaso com quatro níveis (0, 15, 30 e 45% com base na MS). A utilização de feno de flor-de-seda na dieta influenciou a qualidade da carcaça e da carne, o peso da perna, a composição tecidual, a umidade, a suculência e o sabor. A substituição do milho (26,67%) e da soja (3,33%) pelo feno de flor-de-seda não altera composição tecidual, relação e índice de muscularidade da perna e os parâmetros físico-químicos do músculo semimembranosus de cordeiros Morada Nova. <![CDATA[<b><i>In vitro</i></b><b> degradation of neutral detergent fiber of low-quality tropical forage according to supplementation with true protein and (or) non-protein nitrogen</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982011000600016&lng=es&nrm=iso&tlng=es Objetivou-se avaliar a dinâmica da degradação in vitro da fibra em detergente neutro (FDN) de forragem tropical de baixa qualidade em função da suplementação com compostos nitrogenados em diferentes relações proteína verdadeira:nitrogênio não-proteico (NNP). Amostra de capim-braquiária colhida durante a estação seca foi utilizada como forragem basal. Como fontes de proteína verdadeira e NNP, utilizaram-se a caseína e a mistura ureia:sulfato de amônia (U:SA; 9:1), respectivamente. O suplemento base para a definição dos demais foi constituído da adição de caseína ao meio de incubação de forma a elevar o teor de proteína bruta (PB) da forragem basal até 8%, com base na matéria seca. Os demais suplementos foram construídos a partir da substituição fracional (0, 1/3, 2/3 e 1) da PB da caseína por equivalentes proteicos da mistura U:SA, incluindo-se tratamento controle (forragem). Os tratamentos foram avaliados em ambiente ruminal simulado por incubação in vitro em diferentes tempos de incubação: 0, 3, 6, 9, 12, 24, 36, 48, 72 e 96 horas. O procedimento foi repetido três vezes, totalizando três avaliações por tempo de incubação para cada tratamento. Os resíduos de incubação foram avaliados quanto ao teor de FDN e interpretados por intermédio de modelo logístico não-linear. A suplementação proteica elevou em 56,8 a 96,0% a taxa de degradação da FDN potencialmente degradável (kFDNpd) em comparação ao suplemento controle e reduziu de 4,5 a 7,4 horas as estimativas de latência discreta. A utilização exclusiva de ureia elevou em 15,9% a estimativa de kFDNpd em relação à suplementação exclusiva com caseína. Contudo, valores máximos de kFDNpd e eficiência microbiana foram verificados sob a relação 2/3 PB U:SA:1/3 PB caseína. O balanceamento do suplemento de forma a prover 1/3 da PB a partir de proteína verdadeira e 2/3 da PB a partir de nitrogênio não-proteico otimiza a degradação da FDN de forragem de baixa qualidade.<hr/>The objective was to evaluate in vitro degradation of neutral detergent fiber (NDF) of low quality tropical forage according to supplementation with nitrogenous compounds at different true protein:non-protein nitrogen (NPN) ratios. A sample of signal grass harvested at dry season was used as basal forage. Casein and the mixture urea:ammonium sulfate (U:AS, 9:1) were used as true protein and NPN source, respectively. The basal supplement for the other was defined by adding casein the incubation medium, in order to raise crude protein (CP) level of the basal forage up to 8%, on dry matter basis. The other supplements were defined from the fractional replacement (0, 1/3, 2/3 and 1) of casein CP by U:AS protein equivalents. A control treatment (forage without supplementation) was also evaluated. The treatments were evaluated by in vitro simulated ruminal environment, following the incubation times: 0, 3, 6, 9, 12, 24, 36, 48, 72, and 96 hours. The procedure was repeated three times, totaling three evaluations by incubation time for each treatment. Incubation residues were evaluated for NDF contents and interpreted through a non-linear logistic model. Protein supplementation increased 56.8 to 96.0% the degradation rate of potentially degradable NDF (kpdNDF) in relation to control and decreased discret lag around 4.5 to 7.4 hours. The exclusive supplementation with urea increased by 15.9% the kpdNDF estimates compared to exclusive supplementation with casein. It was observed maximum kpdNDF and microbial growth at 2/3 CP of U:AS:1/3 CP of casein. Supplements which provide 1/3 of CP protein from true proteinand 2/3 from non-protein nitrogen can optimize the degradation of NDF of low-quality forage. <![CDATA[<b>Nutrient intake and ingestive behavior of Santa Inês lambs fed diets with different levels of metabolizable energy</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982011000600017&lng=es&nrm=iso&tlng=es Objetivou-se avaliar o consumo de nutrientes e o comportamento ingestivo de cordeiros da raça Santa Inês na fase de cria alimentados com diferentes níveis de energia metabolizável (EM). Foram utilizados 20 cordeiros não-castrados, com idade e peso corporal médio de 50 dias e 13,00 ± 0,56 kg, respectivamente, distribuídos em quatro tratamentos experimentais com diferentes níveis de energia metabolizável (2,08; 2,28; 2,47 e 2,69 Mcal de EM/kg de matéria seca), em delineamento em blocos casualizados, com cinco repetições. Como volumoso utilizou-se feno de capim-tifton adicionado à ração concentrada. Os níveis de energia metabolizável (EM) tiveram efeito linear sobre os consumos de matéria seca, matéria orgânica, proteína bruta, extrato etéreo, carboidratos não-fibrosos e nutrientes digestíveis totais, expressos em g/dia. O consumo de FDN, expresso em %PV e kg/PV0,75, decresceu linearmente com o aumento dos níveis de energia nas rações, devido à redução no teor de FDN na matéria seca total das rações. Os tempos de alimentação e mastigação total, expressos em hora/dia, diminuíram linearmente com os níveis energéticos das rações experimentais. Em compensação, o tempo de ócio aumentou linearmente e o de ruminação não foi influenciado pelos níveis energéticos das rações. O número de bolos ruminais, de mastigações merícicas e de mastigações merícicas por bolo ruminal e o tempo de mastigações merícicas por bolo ruminal não foram influenciados pelos níveis de energia metabolizável nas rações. O aumento dos níveis de energia metabolizável das rações influencia o consumo de nutrientes e o comportamento ingestivo de cordeiros da raça Santa Inês na fase de cria.<hr/>The objective of this work was to evaluate the nutrient intake and ingestive behavior of growing Santa Inês lambs fed different levels of metabolizable energy (ME). It was used 20 non-castrated lambs at 50 days of age and with 13.00 ± 0.56 kg of body weight. The animals were distributed into four experimental treatments with different levels of metabolizable energy (2.08, 2.28, 2.47 and 2.69 Mcal/kg of dry matter) in a randomized block design with five replications. It was used as roughage tifton hay added to concentrate diet. Levels of metabolizable energy (ME) linearly affected intakes of dry matter, organic matter, crude protein, ether extract, no-fiber carbohydrates, and total digestible nutrients, expressed in g/day. The NDF intake, expressed as % BW and kg/BW0.75, decreased linearly with the increase of levels of energy in the diet due to the reduction in NDF content in the total dietary dry matter. Feeding and total chewing time, expressed in hour/day, decreased linearly with the energy levels of the experimental diets. However, idle time increased linearly, whereas rumination was not influenced by energy levels of the diets. Number of ruminate boli, of ruminating chews, of ruminating chews per bolus and time of chewing per bolus were not influenced by levels of metabolizable energy in the diets. Increase in metabolizable energy levels of diets affects intake of nutrients and ingestive behavior of growing Santa Inês lambs. <![CDATA[<b>Evaluation of non-linear models and the effects of primiparous cows and calves intake on the lactation curve of Nelore cows</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982011000600018&lng=es&nrm=iso&tlng=es Procurou-se avaliar a precisão de cinco modelos não-lineares em descrever a forma da curva de produção de leite de vacas Nelore e o efeito do consumo voluntário (CV) da vaca e do bezerro sobre a produção de leite (PL). Foram testados os modelos de Sikka, Nelder, Wood, Jenkins & Ferrell, e Jenkins & Ferrell com um parâmetro de ajustamento. Foram utilizadas 12 vacas primíparas com peso corporal médio de 359 kg (± 8) e seus respectivos bezerros. A produção de leite foi estimada pela pesagem do bezerro antes e após a mamada, do nascimento aos 180 dias de idade. As pesagens foram efetuadas duas vezes ao dia, semanalmente, após 6 horas de jejum de líquido e sólidos. Os modelos não-lineares de Sikka, Jenkins & Ferrell, Nelder e Wood não descreveram a curva de lactação apropriada devido ao excesso ou subestimação d o pico da produção de leite. O melhor ajustamento foi encontrado para o modelo de Jenkins & Ferrell com um parâmetro de ajustamento. O efeito do consumo voluntário da vaca e do bezerro, avaliado separadamente, não se correlacionou com a produção de leite. Entretanto, ao avaliar o consumo da vaca e do bezerro conjuntamente, foi encontrada uma correlação positiva e negativa com a produção de leite, respectivamente. A produção de leite está intimamente correlacionada com o consumo da vaca e do bezerro, e a capacidade de ingerir sólidos não lácteos reulta na redução da necessidade de leite da mãe.<hr/>This research was carried out to evaluate five non-linear mathematical models to describe lactation curves of Nelore cows and effect of the cow and calf intake on milk yield. In this study we compared the models of Sikka (1950), Nelder (1966), Wood (1967), Jenkins & Ferrell (1984) and Jenkins & Ferrell (1984) with a fit parameter. Data of production were collected from 12 primiparous cows with a mean live weight of 359 kg (± 8) and its offspring. The milk production was estimated weighing the calf before and after suckling, from birth to 180 days of age. Measurements were made twice a day in a weekly period after 6 hour fasting of liquid and solids. The mathematical models of Sikka, Jenkins & Ferrell, Nelder and Wood failed to describe lactation curve appropriated due to over or underestimation of milk yield peak. Better adjustement was found for the model of Jenkins & Ferrell with a fitting parameter. Cow and calf intake evaluated separately was no correlated with milk yield. Conversely at evaluating both cow and calf together, it was found a positive and a negative correlation with milk yield, respectively. Milk yield is is closely correlated wiht cow and calf intake, and the capacity of the calf to ingest non-dairy solids results in reduction of milk needs from dam. <![CDATA[<b>Performance of rearing female hoggets under different feeding strategies</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982011000600019&lng=es&nrm=iso&tlng=es The objective of this study was to evaluate the performance of Texel × Ile de France female hoggets on pearl millet (Pennisetum americanum (L.) Leeke) pastures fed supplementation with cassava meal or corn gluten. It was used a completely randomized experimental design, with three treatments (feed strategies) and two area replications. Feed strategies consisted of supplementation of the pastures with cassava meal or corn gluten in comparison to exclusive pasture. Supplements were given daily at 9:00 a.m. at quantity of 1% of the body weight (BW). The lambs on corn gluten supplementation presented greater daily weight gain and greater per area weight gain. Use of supplementation did not permit to increase pasture stocking rate, however. In vitro digestibility and chemical composition of the harvested forage was similar (crude protein, neutral detergent fiber) among groups. At the end of the experiment, all feed strategies were efficient in promoting weight greater than 60% of the mature weight, showing that the lambs are able for mating. Body condition score (BCS) of lambs under cassava meal supplementation was 3.0 whereas body composition score of the other lambs was 2.8. Exclusive use of pearl millet can provide dry matter requirement of the lambs.<hr/>Este estudo foi realizado para avaliar o desempenho de cordeiras Texel × Ile de France em pastagem de milheto (Pennisetum americanum (L.) Leeke) recebendo suplementação com farinha de mandioca ou glúten de milho. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado, com três tratamentos (estratégias alimentares) e duas repetições de área. As estratégias alimentares consistiram da suplementação da pastagem com farinha de mandioca ou glúten de milho em comparação à pastagem exclusiva. Os suplementos foram fornecidos diariamente, às 9 h, em quantidade equivalente a 1% do peso vivo (PV). As cordeiras sob suplementação com glúten de milho apresentaram maior ganho de peso diário e por área. A utilização de suplementos, no entanto, não permitiu aumentar a taxa de lotação da pastagem. A digestibilidade in vitro e a composição bromatológica da forragem colhida foi semelhante (proteína bruta, fibra em detergente neutro) entre os grupos. Ao final do experimento, todas as estratégias alimentares foram eficientes para promover pesos superiores a 60% do peso adulto, indicando que as cordeiras estão aptas para o início do encarneiramento. O escore de condição corporal (ECC) das cordeiras sob suplementação com farinha de mandioca foi de 3,0, enquanto o das demais foi 2,8. O uso exclusivo de pastagem de milheto é capaz de suprir as exigências de matéria seca de cordeiras. <![CDATA[<b>Nutritional and productive parameters of beef cattle on pasture fed different amounts of supplement</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982011000600020&lng=es&nrm=iso&tlng=es Foram conduzidos dois experimentos com o objetivo de avaliar o efeito da quantidade de suplemento sobre o consumo, a digestibilidade, o ganho de peso e a eficiência de síntese microbiana em bovinos de corte. No experimento 1 foram utilizados quatro novilhos Holandês-Zebu, não-castrados, com peso médio de 250 kg, fistulados no esôfago, rúmen e abomaso. O suplemento foi composto por farelo de algodão, grão de milho triturado, mistura mineral e ureia/sulfato de amônio. As dietas foram: controle (sal) e suplementos oferecidos nos níveis de 0,33; 0,66 e 1% do peso corporal (%PC). Os consumos máximos de matéria seca (MS), fibra em detergente neutro (FDN) e nutrientes digestíveis totais (NDT) foram estimados em 1,09; 0,73 e 1,20% do PC. Aumento linear foi observado para os consumos de matéria orgânica (MO), proteína bruta (PB), extrato etéreo (EE) e carboidratos não-fibrosos (CNF). As digestibilidades totais de MS, MO, PB, EE e FDN aumentaram linearmente com o consumo de suplemento, o que não ocorreu com a eficiência microbiana, que não foi influenciada. No experimento 2 foram utilizados 19 animais, zebuínos, não-castrados com idade e pesos médios iniciais de 18 meses e 320 kg. As dietas foram: mantença, controle e ofertas diárias de 1, 2 e 3 kg do suplemento. Aumento linear foi observado para os consumos de MS, MO, PB, EE, FDN e CNF com o aumento das quantidades de suplemento. Consumos máximos de NDT, teor de NDT da dieta e ganho médio diário (GMD) foram estimados quando 2,88; 2,62 e 2,69 kg de suplemento foram ofertados. A quantidade de suplemento teve efeito quadrático sobre a digestibilidade de todos os nutrientes, mas não afetou a eficiência microbiana. A digestão total máxima de FDN é observada para um consumo aproximado de 1,5 kg de suplemento/dia, o que resulta em resposta ótima do ganho médio diário com taxa de ingestão de 400 g de PB.<hr/>Two experiments were conducted aiming to evaluate the effect of amounts of supplement on the intake, digestibility, body weight gain and microbial synthesis efficiency in beef cattle. Four Holstein-Zebu steers fistulated in the esophagus, rumen and abomasum with an average of 250 kg of body weight were used in experiment 1. The supplement was made up cottonseed meal, ground corn grain, mineral mixture and urea/ammonium sulfate. The diets were: control (salt) and supplements levels of 0.33, 0.66 and 1.00% of body weight (BW). Maximum intake of dry matter (DM), neutral detergent fiber (NDF) and total digestible nutrients (TDN) were estimated at 1.09, 0.73 and 1.20% of BW, respectively. It was observed a linear intake increase to organic matter (OM), crude protein (CP), ether extract (EE) and non-fiber carbohydrates (NFC) intake as supplement offer increased. The total digestibility from DM, OM, CP, EE and NDF increased linearly with the intake of supplement but no affected on microbial efficiency. Nineteen Zebu steers aging 18 months and mean body weight of 320 kg were used in experiment 2. The diets were: maintenance, control (salt), and the daily supplement offer of 1, 2 and 3 kg. It was observed linear increase in DM, OM, CP, EE, NDF and NFC intake as supplement offer increased. Maximum intake of TDN, diet TDN content and average daily gain (ADG) were estimated to occur as 2.88, 2.62 and 2.69 kg of supplement offer, respectively. A quadratic effect was observed for total digestibility in all diet components. The microbial efficiency was not influenced by diet supplementation. The neutral detergent fiber digestibility is highest for a intake of approximately 1.5 kg of the supplement/day, which results in the best response to the ADG obtained with the intake of 400 g of CP. <![CDATA[<b>Feed efficiency of pure and crossbred cattles fed high or low concentrate level</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982011000600021&lng=es&nrm=iso&tlng=es Objetivou-se comparar o consumo, o desempenho, a eficiência alimentar e as características de carcaça de bovinos de três grupos genéticos (GG) alimentados com dois níveis de concentrado. Foram utilizados 48 bovinos castrados, sendo 16 Nelore (NE), 16 Nelore-Angus (NA) e 16 Nelore-Simental (NS). Doze animais (quatro de cada GG) foram abatidos como referência e para os 36 animais remanescentes, a mistura de concentrado da ração foi oferecida em 1 e 2% com base no peso corporal, perfazendo um fatorial 3 × 2, em delineamento inteiramente casualizado, com seis repetições. O valor de significância foi definido em 0,05. As dietas isoproteicas foram compostas de silagem de milho e concentrado. O experimento foi composto de três períodos de 28 dias cada e todos animais abatidos ao final. O consumo de matéria seca (CMS) e demais nutrientes, exceto fibra em detergente neutro, foi maior nas dietas com alto nível de concentrado. O consumo de matéria seca dos animais mestiços foi maior que dos nelores, porém os Nelore-Angus apresentaram consumo maior quando comparado ao dos Nelore-Simental. Não foram observadas diferenças no desempenho dos animais entre os níveis de concentrado. Igualmente, os ganhos de carcaça e de corpo vazio foram maiores quando 2% de concentrado do peso corporal foi oferecido. O desempenho dos animais mestiços foi superior ao dos nelores, embora diferenças não tenham sido identificadas entre os mestiços. Não foram encontradas diferenças no índice bionutricional dos animais entre os dois níveis de concentrado, em eficiência alimentar para carcaça e ganho de peso do corpo vazio. Animais que consomem mistura de concentrado no nível de 2% do peso corporal apresentam maior consumo e desempenho se comparados àqueles que recebem o nível 1%, porém não ocorre diferença na eficiência alimentar. Nelore-Simental é mais eficiente que Nelore-Angus, mas ambos os grupos genéticos de mestiços são mais eficientes que o Nelore.<hr/>In the present work we aimed to compare intake, performance, feed efficiency and carcass traits of cattle from three genetic groups (GG) fed two concentrate levels in the diet. Forty-eight steers (16 Nellore, 16 Nellore-Red Angus and 16 Nellore-Simmental) were used. Twelve steers were slaughtered at the beginning of experiment as a reference group and for the remaining 36 animals, the concentrate mixture of the ration was offered as 1 and 2% of body weight basis in a 3 × 2 factorial arrangement in a completely randomized design, with six repetitions. The value of significance defined was 0.05. Isoprotein diets were composed of corn silage and concentrate. The trial was comprised of 3 periods of 28 days each and all animals slaughtered at the end. The dry matter and nutrients intake was higher in diets with high concentrate level of steers, except for neutral detergent fiber. The dry matter intake of crossbred steers was higher than that of Nelore, however Nellore-Angus presented greater intake as compared with Nellore-Simmental. No differences were observed for animal performance among concentrate levels. Conversely carcass and empty body weight gain were higher as 2% of body weight concentrate was offered. The crossbreds performance was higher than that of Nelore, although no differences were verified among crossbreds. No differences were found in the bionutritional index between the two concentrate levels, in feed efficiency to both carcass and empty body weight gain. Animals consuming concentrate mixtures at the level of 2% of body weight presents greater intake and performance than those that receive level of 1% of body weight basis, but with no differences in feed efficiency. The Nelore-Simental is more efficient than the Nelore-Angus, but both crossbreds are more efficient than Nelore. <![CDATA[<b>Performance and nutrients apparent digestibility in sheep fed diets containing sugar cane bagasse treated with calcium oxide</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982011000600022&lng=es&nrm=iso&tlng=es Foram estudados os efeitos da adição de 0,0; 0,75; 1,5 e 2,25% de óxido de cálcio no bagaço de cana-de-açúcar (com base na matéria natural) com o objetivo de avaliar o desempenho, o consumo de nutrientes e a digestibilidade aparente das dietas e dos nutrientes em ovinos mestiços da raça Santa Inês e raças nativas. Vinte e quatro ovinos, mantidos em total confinamento, foram distribuídos em delineamento inteiramente ao acaso, com quatro níveis de óxido de cálcio e seis repetições. Os animais foram mantidos em baias individuais, por 77 dias. Os primeiros 14 dias foram de adaptação e, então, seguiram-se três períodos de 21 dias de coleta de dados. Na determinação da digestibilidade, utilizou-se o método de coleta total de fezes, que foi realizada nos quatro últimos dias do período experimental. As fezes foram coletadas três vezes ao dia, às 7, 13 e 18 h. O uso do óxido de cálcio não influenciou os consumos de matéria seca, proteína bruta, fibra em detergente neutro, fibra em detergente ácido e nutrientes digestíveis totais, mas houve efeito linear sobre ganho de peso, com o aumento nas doses de óxido de cálcio, mas não sobre a conversão alimentar e os coeficientes de digestibilidade aparente da matéria seca, proteína bruta e fibra em detergente ácido. Entretanto, foi observado efeito quadrático para o coeficiente de digestibilidade aparente da fibra em detergente. A utilização do bagaço de cana hidrolisado com óxido de cálcio em níveis a partir de 1,5% da matéria natural promove melhoras no desempenho de ovinos e aumenta a digestibilidade apenas da fibra em detergente neutro.<hr/>The addition effects of 0.0; 0.75; 1.5 and 2.25% of calcium oxide on sugar-cane bagasse (on natural matter basis) were studied to evaluate the performance, nutrients intake and apparent digestibility of the diets and nutrients in crossbred sheep of Santa Inês and native breeds. Twenty-four sheep, maintened in total confinement, were assigned in a completely randomized experimental design, with four levels of calcium oxide and six repetitions. Animals were kept in individual pens for 77 days. The first 14 days were for animals adaptation and three periods of 21 days of data collection. The method of total fecal collection was used to estimate digestibility, which was carried in four days at the end of the experimental period. Feces were collected three times a day, at 7 am, 1 and 6 pm. The intake of dry matter, crude protein, neutral detergent fiber, acid detergent fiber and total digestible nutrients were not influenced by the use of calcium oxide. There was a linear effect in daily weight gain with increasing calcium oxide dose. However, there was no treatment effect on feed conversion and apparent digestibility coefficients of dry matter, crude protein and acid detergent fiber. Whereas the quadratic effect was observed for neutral detergent fiber apparent digestibility coefficient. The use of the hydrolized sugar cane bagasse with calcium oxide, from 1.5%, promote increase in performance of sheep and increase digestibility in neutral detergent fiber. <![CDATA[<b>Use of cactus pear (<i>Opuntia ficus indica</i> Mill) replacing corn on carcass characteristics and non-carcass components in Santa Inês lambs</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982011000600023&lng=es&nrm=iso&tlng=es The objective of this study was to evaluate the biometric and morphometric measures, regional composition, carcass characteristics and non-carcass components of Santa Inês lambs submitted to levels of corn replaced by cactus pear in the diet. It was used 45 Santa Ines non-castrated male lambs, with average initial live weight of 25.50 ± 0.48 kg as a completely randomized block design with five treatments (0; 25; 50; 70 and 100%) and nine replicates. There was an effect of the diet on slaughter weight, empty body weight, hot and cold carcass, cold carcass weight, shoulder weight and loin weight. Cactus pear can replace up to 75% of corn in diets for feedlot Santa Inês lambs, without compromising production, carcass characteristics and production of non-carcass components.<hr/>O objetivo neste trabalho foi avaliar as medidas biométricas e morfométricas, a composição regional, as características de carcaça e os componentes não constituintes da carcaça de cordeiros Santa Inês, submetidos a níveis de substituição do milho por palma forrageira na dieta. Foram utilizados 45 cordeiros não-castrados da raça Santa Inês com peso vivo inicial de 25,0 ± 0,48 kg, distribuídos em delineamento de blocos ao acaso com cinco tratamentos (0; 25; 50; 75 e 100%) e nove repetições. Houve efeito da dieta sobre o peso ao abate, peso do corpo vazio, peso de carcaça quente e fria, peso da paleta e peso do lombo. A palma forrageira pode substituir até 75% do milho em dietas para cordeiros da raça santa Inês em confinamento, sem comprometer a produção, as características da carcaça e a produção de componentes não constituintes da carcaça. <![CDATA[<b>Body composition and net protein requirements for growing Santa Inês sheep</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982011000600024&lng=es&nrm=iso&tlng=es Avaliou-se o efeito de diferentes níveis de energia metabolizável na dieta sobre a composição corporal e as exigências de proteína líquida de 24 ovinos Santa Inês em crescimento, não-castrados, com idade e peso corporal médio de 50 dias e 13,00 ± 0,56 kg. Após um período de adaptação de 10 dias, quatro animais foram abatidos para serem utilizados como referência para as estimativas do peso do corpo vazio (PCVZ) e da composição corporal inicial dos demais. Os animais remanescentes foram distribuídos em um delineamento em blocos casualizados com rações contendo diferentes níveis de energia metabolizável (2,08; 2,28; 2,47 e 2,69 Mcal/kg MS) e proteína bruta (12,74; 14,36; 15,97 e 17,65% PB na MS) com cinco repetições. A excreção diária de N foi estimada extrapolando-se a equação de regressão de consumo de N (g/kg PC0,75/dia) em função da retenção de N (g/kg PC0,75/dia) para o consumo zero. A derivada da equação de regressão do logaritmo do conteúdo de proteína em função do logaritmo do PCVZ dos animais permitiu a estimativa da exigência proteica líquida para ganho de peso de corpo vazio (GPCVZ). A excreção diária de N foi estimada em 277 ± 0.05 mg/kg PC0,75/dia e a exigência de proteína líquida para mantença em 1,73 g/kg PC0,75/dia. O conteúdo de proteína no PCVZ dos animais diminui de 157,83 para 144,33 g/kg PCVZ quando o peso corporal aumentou de 15 para 30 kg, respectivamente. A quantidade de proteína depositada no ganho diminuiu de 137,47 para 125,71 g/kg GPCVZ com o aumento do peso corporal de 15 para 30 kg, respectivamente. A excreção fecal de nitrogênio e exigência líquida de proteína para mantença de ovinos Santa Inês em crescimento foi inferior ao preconizado pelos principais sistemas de avaliação de alimentos e exigências nutricionais para pequenos ruminantes.<hr/>This study evaluated the effect of different dietary levels of metabolizable energy on the body composition and net protein requirements of 24 Santa Inês non-castrated growing sheep at average age of 50 days and average body weight of 13.00 ± 0.56 kg. After a ten-day adaptation period, four animals were slaughtered to be used as a reference for estimates of empty body weight (EBW) and initial body composition of the other animals. The remaining animals were assigned into a randomized block design with diets containg different levels of metabolizable energy (2.08; 2.28; 2.47 and 2.69 Mcal/kg of DM) and crude protein (12.74; 14.36, 15.97 and 17.65% CP of DM) with five replicates. The N daily excretion was estimated by extrapolating regression equations of N intake (g/kg BW0.75/day) in function of retention (g/kg BW0.75/day) for zero intake. The derivative regression of the logarithm of protein content in function of the logarithm of EBW enabled the estimation of net protein requirement for empty body weight gain (EBWG). Daily nitrogen excretion was 277 ± 0.05 mg/kg BW0.75/day and net protein requirement for maintenance was 1.73 g/kg BW0.75/day. Protein content of EBW of animals decreased from 157.83 to 144.33 g/kg of EBW when the BW of the animals increased from 15 to 30 kg, respectively. The amount of protein deposited in the gain decreased from 137.47 to 125.71 g/kg of EBWG with the increase of body weight of the animals from 15 to 30 kg, respectively. Nitrogen fecal excretion and protein net requirement for maintenance of Santa Inês growing lambs was lower than the values commonly cited by the main systems of feed evaluation and nutrient requirements for small ruminants. <![CDATA[<b>Concentrate and crude protein levels in diets for dairy Gyr lineage cows grazing elephant-grass during the rainy season</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982011000600025&lng=es&nrm=iso&tlng=es The objective of this work was to evaluate the effects of three levels of concentrate (2.0, 4.0 and 6.0 kg/cow/day) and two levels of crude protein (CP) (14 and 16% total dietary dry matter), in comparison to mineral mixture (control) on the intake, apparent digestibility, milk composition and yield and on feed efficiency and use of concentrates of cows grazing elephant grass (Pennisetum purpureum, Schum) in the rainy season. Twenty-one milking Gyr cows with average body weight of 426 kg and yield of 13.0 kg of milk/cow/day at 55 days of lactation were distributed in randomized blocks design, with seven diets (treatments) in a 3 × 2 + 1 factorial arrangement and three replications, in a period of 84 days. Forage dry matter intake was not influenced by the diets, but total dietary dry matter intake increased by 45% with the inclusion of concentrate in the diet. However, milk yield increased by only 17% (1.76 kg more milk per day) with the use of concentrate. For dairy Gyr cows grazing elephant-grass during the rainy season, 2 kg of concentrate/cow/day and 14% of CP in the total diet provided the best productive response without harming body weight.<hr/>Objetivou-se avaliar os efeitos de três níveis de concentrado (2,0; 4,0 e 6,0 kg/vaca/dia) e dois de proteína bruta (PB) (14 e 16% da matéria seca total da dieta) em comparação à mistura mineral (controle) no consumo, na digestibilidade aparente, na produção e composição do leite e na eficiência alimentar e de utilização de concentrados de vacas sob pastejo de capim-elefante (Pennisetum purpureum, Schum) na época das águas. Vinte e uma vacas Gir linhagem leiteira com média de 426 kg de peso vivo e produção de 13,0 kg de leite/vaca/dia, aos 55 dias de lactação, foram distribuídas em delineamento de blocos casualizados, com sete dietas (tratamentos), em arranjo fatorial 3 × 2 + 1 e três repetições, num período de 84 dias. O consumo de matéria seca de forragem não foi influenciado pelas dietas, mas o consumo de matéria seca total aumentou 45% com a inclusão de concentrado na dieta. Entretanto, a produção de leite aumentou apenas 17% (1,76 kg a mais de leite por dia) com o uso de concentrado. Para vacas Gir linhagem leiteira em pastagens de capim-elefante na época das águas, 2 kg de concentrado/vaca/dia e 14% de PB na dieta total proporcionam melhor resposta produtiva sem prejudicar o peso corporal. <![CDATA[<b>Evaluation of litter material and ventilation systems on poultry production</b>: <b>II. thermal comfort</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982011000600026&lng=es&nrm=iso&tlng=es The objective of this study was to evaluate environmental thermal conditions in broiler houses with two different ventilation systems and two different litter materials. The experiment was carried out in four 12 m × 10 m broiler houses, internally divided in 4 boxes/poultry house, with 200 birds/pen for four consecutive flocks, each one with a duration of 42 days with 15 days of downtime between flocks. Treatments tested were two ventilation systems (stationary or oscillating fans), and two types of litter materials (soybean straw or rice husks). It was collected in the center of each pen and in the external enviroment, dry and wet bulb temperatures, black globe temperature, and air velocity. These data were collected at 3-hour intervals from 8:00 a.m. to 6:00 p.m. at the fourth, fifth and sixth week age of the bird. Based on the data collected at each time, wet and globe temperature index (WBGT) and radiant heat load (RHL) were determined. Litter temperature reaings were also performed by using an infrared thermometer. Effects of flock, ventilation, week, hour and the interactions among factors on the studied variables were evaluated in the analysis of the internal thermal environment by using the theory of mixed models for repeated measures. Ventilation provided by stationary and oscilating fans had equal behavior and it did not affect the studied variable. However, both ventilation systems are sufficient to soften internal thermal conditions in the broiler house in relation to the external environment. Relative humidity of the air is higher when rice husks is used as litter material.<hr/>Este trabalho foi conduzido com o objetivo de avaliar as condições térmicas ambientais em aviários com dois sistemas de ventilação e dois materiais de cama. O experimento foi realizado em quatro aviários de 12 m × 10 m para frangos de corte, divididos internamente em 4 boxes/aviário, com 200 aves/boxe por quatro lotes consecutivos, cada um com duração de 42 dias e com intervalo de vazio sanitário de 15 dias entre lotes. Os tratamentos testados foram dois sistemas de ventilação (fixo e oscilante) e dois tipos de material de cama (palhada de soja e casca de arroz). Foram coletadas no centro de cada boxe e no ambiente externo a temperatura de bulbo seco e úmido, a temperatura de globo negro e a velocidade do ar. Esses dados foram coletados em intervalos de três horas, de 8 às 18 horas, na quarta, quinta e sexta semanas de vida das aves. Com base nos dados coletados em cada horário, foram determinados o índice de temperatura de globo e umidade (WBGT) e a carga térmica radiante (RHL). Também foram feitas leituras da temperatura da cama por meio de termômetro infravermelho. Na análise dos dados de ambiente térmico interno, foram avaliados os efeitos de lote, ventilação, semana, hora e as interações dos fatores sobre as variáveis avaliadas, utilizando-se a teoria de modelos mistos para medidas repetidas. A ventilação proporcionada por ventiladores fixos e oscilantes comportou-se igualmente e não teve efeito sobre as variáveis estudadas. No entanto, as duas formas de ventilação são suficientes para amenizar as condições térmicas internas do aviário em relação ao ambiente externo. A umidade relativa do ar é maior quando se utiliza a casca de arroz como material para cama. <![CDATA[<b>Evaluation of litter material and ventilation systems in poultry production</b>: <b>I. overall performance</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982011000600027&lng=es&nrm=iso&tlng=es The objective of the present work was to evaluate the performance, mortality and the incidence of lesion on the foot-pad of broilers and litter enterobacteriaceae load in two ventilation systems and two litter materials. The experiment was carried out in four 12 m × 10 m broiler houses, internally divided in 4 pens, with 200 birds/pen for four consecutive flocks, each one with 42 days of duration and interval of 15 days of downtime between flocks. It was evaluated two ventilation systems (stationary and oscillating fans), and two litter materials (soybean straw and rice husks). Performance variables studied were body weight, weight gain, feed conversion ratio and mortality of birds at 21, 35, and 42 days of age. Flock mortality was daily recorded, and total mortality was used for analysis. Evaluation of lesions by using foot-pad macroscopic examination was performed in all birds at final weighing. It was also performed quantitative examinations of litter enterobacteria. Statistical analyses were performed by using the mixed model theory for repeated measures and logistical regression. Rice husks litter promoted the best performance of birds at all studied ages. Results did not permit to recommend a ventilation system inasmuch as both had similar performances. Soy straw litter causes a high incidence of foot-pad lesions. Enterobacteria occurrence is lower in reused litter.<hr/>Este trabalho foi conduzido com o objetivo de avaliar o desempenho produtivo, a mortalidade, a incidência de lesões no coxim plantar em frangos de corte e a carga de enterobactérias nas camas em dois sistemas de ventilação e dois materiais de cama. O experimento foi realizado em quatro aviários de 12 m × 10 m para frangos de corte, divididos internamente em quatro boxes/aviário, com 200 aves/boxe, durante quatro lotes consecutivos, cada um com 42 dias de duração e intervalo de vazio sanitário de 15 dias entre lotes. Foram avaliados dois sistemas de ventilação (fixo e oscilante) e dois tipos de material de cama (palhada de soja e casca de arroz). As variáveis de desempenho estudadas foram peso corporal, ganho de peso, mortalidade e a conversão alimentar das aves aos 21, 35 e 42 dias de idade. A mortalidade foi anotada diariamente e, para as análises, foi utilizada a mortalidade total. A avaliação de lesão, por exame macroscópico de coxim plantar, foi realizada em todas as aves na pesagem final. Também foram realizados exames quantitativos de enterobactérias na cama. As análises estatísticas foram realizadas utilizando-se a teoria de modelos mistos para medidas repetidas e a regressão logística. A cama de casca de arroz proporcionou melhor desempenho produtivo das aves em todas as idades estudadas. Os resultados não permitiram recomendar um sistema de ventilação, uma vez que ambos tiveram desempenhos semelhantes. O uso de cama de palhada de soja ocasiona alta porcentagem de lesão no coxim plantar das aves. A ocorrência de enterobactérias é menor em camas reutilizadas. <![CDATA[<b>Evaluation of litter material and ventilation systems in poultry production</b>: <b>III. litter reuse, darkling beetle populations and intestinal parasites</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982011000600028&lng=es&nrm=iso&tlng=es It was evaluated the quality of rice husks or soybean straw as litter substrate and the effect of litter reuse for four consecutive flocks of broiler chickens on populations of darkling beetle and intestinal parasite and as organic fertilizer. The experiment was carried out in four 12 m × 10 m poultry houses, internally divided in 4 boxes/poultry house with 200 birds/pen for four consecutive flocks, each flock with a duration of 42 days and with a 15-day downtime between flocks. The evaluated treatments were two ventilation systems (stationary or oscillating fans) and two litter materials (soybean straw or rice husks). Darkling beetle population was followed by collecting the insects in traps, three traps per box, and endoparasite litter contamination was determined by eggs/oocyst counts per gram of litter. Levels of dry matter, total nitrogen, total phosphorus, potassium, copper, zinc, manganese, iron, organic carbon and pH were evaluated by physical/chemical analyses of samples of the litters in each flock. Overall, litters of broilers used by three flocks meet the minimal legal requirements to be marketed as simple organic fertilizer, regardless to the material used as substrate. Soybean straw presented higher darkling beetle counts in stationary ventilation system as well as in oscillating ventilation system. The probability of rice husks litter present contamination by Eimeria spp oocysts is 18.78 times higher in rice husks than in soybean straw litter when both are submitted to oscillating ventilation, and 1.32 higher when stationary ventilation is used. Litter temperature does not influence significantly levels of contamination by oocysts.<hr/>Foram avaliados a qualidade da casca de arroz e palhada de soja como substrato de cama e o efeito da reutilização da cama por quatro lotes de frangos de corte sobre a população de cascudinhos e parasitos intestinais e como adubo orgânico. O experimento foi realizado em quatro aviários de 12 m × 10 m para frangos de corte, divididos internamente em quatro boxes/aviário, com 200 aves/boxe por quatro lotes consecutivos, cada lote com a duração de 42 dias e com intervalo de vazio sanitário de 15 dias, entre lotes. Os tratamentos avaliados foram dois sistemas de ventilação (fixo e oscilante) e dois tipos de material de cama (palhada de soja e casca de arroz). A população de cascudinhos foi acompanhada coletando-se os insetos em armadilhas, três por boxe, e a contaminação da cama por endoparasitos por contagens de ovos/oocistos por grama de cama. Os níveis de matéria seca, nitrogênio total, fósforo total, potássio, cobre, zinco, manganês, ferro, carbono orgânico e pH foram avaliados por análises físico-químicas de amostras das camas em cada lote. As camas de frango utilizadas por três lotes, em média, se enquadram às exigências mínimas legais para serem comercializadas como fertilizante orgânico simples, independentemente do tipo de material utilizado como substrato. A palhada de soja apresentou maior contagem de cascudinhos, tanto com ventilação fixa quanto com ventilação oscilante. A probabilidade de a cama de casca de arroz apresentar contaminação por oocistos de Eimeria spp. é 18,78 vezes maior que a da palhada de soja quando ambas são submetidas à ventilação oscilante e 1,32 vez maior quando sob ventilação fixa. A temperatura da cama não interfere significativamente nos níveis de contaminação por oocistos. <![CDATA[<b>Effect of short period feed supplementation during early lactation on performance of cows and calves raised in extensive system</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982011000600029&lng=es&nrm=iso&tlng=es Thirty-two multiparous Angus cows at moderate body condition score (3 in a 1-5 scale) received feed supplementation at the beginning of lactation for a short time to determine the effect on milk yield and composition and on performance of cows and calves. Supplementation started on days 22 ± 3.2 after calving. The cows were randomly distributed into two groups (n =16), one group receiving feed supplementation for 35 days (supplemented group), and the other without supplementation (control group). Each cow received 0.6% of its body weight in individual troughs daily. Both groups were kept in native pasture condition during supplementation period. Milk yield evaluation, performance of cows and calves were controlled on day 0 (initial), day 14 (middle) and day 35 (final) of the supplementation period. There was no effect of feed supplementation on milk yield or on any other milk component in both groups, and on calf performance as well. Milk composition differed among periods, when fat was the highest in the middle of supplementation and lactose was the highest in the end of the period. Supplemented cows presented more daily average weight gain at the final period of supplementation than cows from the control group. Beef cow with moderate body condition score can gain weight during the lactation period as a response to increase of energy availability in a short period without any influence on milk production and composition as well as a consequence on calf performance.<hr/>Trinta e duas vacas Angus multíparas em escore de condição corporal moderada (3 em escala de 1 a 5) receberam suplementação alimentar no início de lactação, por um período curto, para determinar o efeito sobre a produção e composição do leite e o desempenho de vacas e bezerros. A suplementação teve início aos 22 ± 3,2 dias após o parto, as vacas foram distribuídas aleatoriamente em dois grupos (n = 16), um recebendo de suplementação alimentar durante 35 dias (grupo suplementado), o outro sem suplementação (grupo controle). Cada vaca recebeu diariamente 0,6% de seu peso corporal em cochos individuais. Ambos os grupos foram mantidos em condição de pastagem nativa durante o período de suplementação. A avaliação da produção de leite, desempenho ponderal de vacas e bezerros foram controlados no dia 0 (início); dia 14 (meio) e dia 35 (final) do período de suplementação. Não houve efeito da suplementação alimentar na produção de leite ou de qualquer componente do leite em ambos os grupos, bem como sobre o desempenho de bezerros. Composição do leite foi diferente entre os períodos, onde a gordura foi maior no meio da suplementação e lactose foi maior no final deste período. Vacas suplementadas apresentaram maior ganho de peso médio diário no período final da suplementação do que as vacas do grupo controle. Vacas de corte em escore de condição corporal moderada podem ganhar peso durante o período de lactação em resposta ao aumento da disponibilidade de energia em um curto período, sem qualquer influência sobre a produção de leite, composição ou como conseqüência no desempenho dos bezerros. <![CDATA[<b>Carcass boneless yield of Braford steers, classified according to fat coverage class</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982011000600030&lng=es&nrm=iso&tlng=es The objective of this study was to evaluate total and individual meat yield of boneless cuts, retail cuts, descarded trimmings and carcass bones of 38 Braford castrated steers, slaughtered at 22 months of age after feedlot finishing. Carcasses were classified in three ranks according to fat coverage: even fat coverage over the carcass, with fat thickness of approximately 6-8 mm on the 12th rib; animals with uneven fat cover, with fat thickness of 3-5 mm and steers with insufficient fat coverage over the carcass, with fat thickness of 1-2 mm. Shrinkage losses decreased as fat coverage increased, and it was 2.57, 2.22, and 1.96%, respectively, for insufficient, uneven, and even fat coverage whereas flank yield increased, reaching values of 13.04, 13.47 and 14.36%. Boneless yield was the highest in carcasses with insufficient fat coverage (78.70%) when compared to even fat coverage (77.62%), which is a result of the lowest trimming percentage, which increased according to coverage fat (4.40; 5.14 and 6.01%, respectively for carcass with insufficient fat coverage, uneven fat coverage and even fat coverage). Back rib and short rib yields were the greatest in carcasses with the largest fat thickness, whereas percentage of silverside and topside were the greatest in carcass with insufficient fat coverage compared to the ones with even fat coverage. Braford castrated steers can be slaughtered with the smallest fat coverage because the low fat coverage does not affect negatively yield of secondary cuts. Increase in coverage fat reduces shrinkage losses mainly in cuts submitted to little fat trimming.<hr/>Objetivou-se com este trabalho avaliar os rendimentos cárneos total e individual de cortes desossados, retalho comestível, retalho descartado e ossos de carcaças de 38 novilhos Braford castrados abatidos com 22 meses de idade após terminação em confinamento. As carcaças foram classificadas em três categorias, de acordo com cobertura de gordura: uniforme sobre toda a carcaça, com espessura de gordura de aproximadamente 6-8 mm sobre a 12ª costela; desuniforme, com espessura de gordura de 3-5 mm; e escassa, com espessura de gordura de 1-2 mm. A quebra durante o resfriamento diminuiu com o aumento da gordura de cobertura e foi de 2,57; 2,22 e 1,96%, respectivamente, para as carcaças de cobertura escassa, desuniforme e uniforme, ao passo que o rendimento de ponta-de-agulha aumentou, atingindo valores de 13,04; 13,47 e 14,36%. Os rendimentos de desossa foram maiores nas carcaças de cobertura escassa (78,70%) em relação às de cobertura uniforme (77,62%), e isso é resultado do menor percentual de retalhos descartados, que aumentou de acordo com a gordura de cobertura (4,40; 5,14; e 6,01%, respectivamente para as carcaças de cobertura escassa, desuniforme e uniforme). Os rendimentos de costela-janela e de costela-primeiro-corte foram maiores nas carcaças com maior espessura de gordura, enquanto os percentuais de coxão de fora e de coxão de dentro foram maiores nas carcaças de cobertura escassa em relação às de cobertura uniforme. Novilhos castrados Braford podem ser abatidos com menor cobertura de gordura, pois a baixa cobertura de gordura não prejudica o rendimento de cortes secundários. O aumento de gordura de cobertura diminui as perdas durante o resfriamento, principalmente em cortes com pequenas aparas.