Scielo RSS <![CDATA[Revista Brasileira de Ciências Farmacêuticas]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=1516-933220030004&lang=en vol. 39 num. 4 lang. en <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <link>http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-93322003000400001&lng=en&nrm=iso&tlng=en</link> <description/> </item> <item> <title><![CDATA[<B>Combinatorial chemistry</B>: <B>advanced tool for drug leads discovery</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-93322003000400002&lng=en&nrm=iso&tlng=en A Química Combinatória (QC) é atualmente uma das mais promissoras ferramentas para a descoberta e o desenvolvimento de novas moléculas com potencialidades terapêuticas. Nesta metodologia de síntese os produtos são formados simultaneamente e podem ser testados biologicamente em uma só vez, seja em forma de misturas ou separadamente. A principal meta desta nova metodologia é reduzir o tempo necessário para a obtenção de um novo fármaco. A síntese de quimiotecas pode ser realizada através da utilização de polímeros insolúveis, solúveis ou pela tradicional síntese em solução, sendo que cada uma delas apresenta características que podem ser vantajosas ou não, dependendo da metodologia utilizada. O desenvolvimento de técnicas de high throughput screening (HTS) devido às suas características peculiares necessita de tempo, razão pela qual a síntese de quimiotecas pequenas e racionais é enfatizada.<hr/>Nowadays, Combinatorial Chemistry is one of the most promising tools used in the design and discovery of new molecules potentially useful in the therapeutics. In this methodology, the reaction products are synthesized simultaneously and can be evaluated once, either in a complex mixture or as isolated compounds. The main aim of this new approach is the time for the development of new drugs. The synthesis of combinatorial libraries can be performed using either insoluble or soluble polymers and also by the traditional organic synthesis in solution. Each one of these approaches presents features that may be advantageous depending on the final objective of the synthetic process. The development of high throughput screening (HTS) assays takes much time, which makes the synthesis of small and well designed combinatorial libraries the most recommended strategy. <![CDATA[<B>Arsénico en el agua de bebida</B>: <B>un problema de salud pública</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-93322003000400003&lng=en&nrm=iso&tlng=en La presencia de arsénico en el ambiente es un problema de salud pública debido a que se trata de un evento de alta frecuencia que ha sido detectado en países como Argentina, Brasil, Chile, China, India, México y Taiwán, entre otros. El arsénico fue clasificado por la International Agency for Research on Cancer (IARC), como un agente carcinogénico para humanos con base en estudios epidemiológicos que relacionan la ingestión de arsénico en el agua de bebida y cáncer en la piel y estudios ocupacionales que relacionan la exposición al arsénico y cáncer de pulmón. La Organización Mundial de la Salud (OMS) recomienda um valor orientador para agua de bebida de 10 mg As/L. Por su parte la Environmental Protection Agency (EPA), considerando estimativas de riesgo realizadas utilizando modelos estadísticos basados en observaciones en humanos y extrapolando los datos para concentraciones inferiores a 50 µg/L, reducirá el valor guía para arsénico en el agua de bebida de 50 µg/L para 10 µg/L. La utilización de biomarcadores permite el desarrollo de la epidemiología molecular que promete ser una herramienta que ayudará a detectar efectos tempranos en poblaciones expuestas, permitiendo la prevención de efectos nocivos considerando las características genéticas de las poblaciones.<hr/>A presença de arsênio no ambiente é um problema de saúde pública por ser um evento de alta freqüência detectado em países como Argentina, Brasil, Chile, China, Índia, México e Taiwan, entre outros. O arsênio foi classificado pela Agência Internacional de Pesquisa sobre Câncer (IARC), como um agente carcinogênico para humanos com base em estudos epidemiológicos que relacionam a ingestão de arsênico na água para consumo humano e câncer na pele e estudos ocupacionais que relacionam a exposição ao arsênico e câncer no pulmão.A Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda um valor orientador para água de beber de 10 mg As/L, enquanto que a Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos (EPA), considerando estimativas de risco com modelos estatísticos, baseadas em observações em humanos e extrapolando os dados para concentrações inferiores a 50 µg/L, reduzirá o valor guia para arsênico na água para consumo humano de 50 µg/L para 10 µg/L.A utilização de biomarcadores permite o desenvolvimento da epidemiologia molecular que promete ser uma ferramenta que ajudará a detectar efeitos precoces em populações expostas, possibilitando a prevenção de efeitos nocivos considerando as características genéticas das populações. <![CDATA[<B>Pharmacognostical study of <I>Indigofera microcarpa</I> Desv. (Fabaceae)</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-93322003000400004&lng=en&nrm=iso&tlng=en O estudo farmacognóstico de Indigofera microcarpa Desv. (Fabaceae) foi realizado enfocando aspectos farmacobotânicos e fitoquímicos para fins diagnósticos. A anatomia das folhas, caule e raízes foi descrita e a presença de características típicas da família e do gênero Indigofera foram confirmadas. A triagem fitoquímica revelou a presença de fenóis, taninos, flavanonas, esteróides, triterpenóides, saponinas e bases quaternárias.<hr/>Pharmacognostical study of Indigofera microcarpa with diagnostic aims was performed. The anatomy of the leaves, stem and roots and the presence of typical features of this family and the genus Indigofera was described and confirmed. The phytochemistry screening showed the presence of phenols, tannins, flavanones, steroids, terpenoids, saponins and quaternary compounds. <![CDATA[<B>Methodology validation for assay and pharmaceutical equivalency study for lamivudine tablets 150 mg</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-93322003000400005&lng=en&nrm=iso&tlng=en A lamivudina é um fármaco indicado para o tratamento de infecção por HIV, tipos 1 e 2. Tem sido extensivamente utilizada no Brasil, em programa público do Ministério da Saúde. Visando à verificação da qualidade dos medicamentos contendo este fármaco foi estabelecida e validada metodologia para determinação do teor da lamivudina. Foi também realizado estudo de equivalência farmacêutica frente ao medicamento referência. Parâmetros físicos e físico-químicos de comprimidos de liberação imediata de diferentes lotes de quatro laboratórios (G, A, B e C) foram avaliados. O método proposto para o doseamento, por cromatografia líquida de alta eficiência, mostrou precisão, exatidão, linearidade e especificidade. Os lotes dos laboratórios G, A e B apresentaram resultados adequados em todos os testes aos quais foram submetidos. O produto G (referência) mostrou similaridade entre seus lotes com dissolução rápida. Os produtos A e B mostraram diferenças entre seus lotes, mas ao final do tempo determinado alcançaram cedência semelhante ao do produto G, sendo considerados equivalentes farmacêuticos ao medicamento referência. Os lotes do produto C não foram similares entre si e apresentaram baixa dissolução, não possuindo qualidade adequada para o consumo humano.<hr/>Lamivudine is a drug used in the treatment of types 1 and 2 HIV infections. It has been widely used in Brazil, in public programs of the Health Ministry. This work reports lamivudine assay methodologies, which have been developed and validated. Pharmaceutical equivalency studies were also performed for lamivudine tablets. Physical and physicochemical parameters of immediate release reference and test tablets of four different laboratories (G, A, B and C) were evaluated. The proposed analytical method, high performance liquid chromatography, presented satisfactory precision, accuracy, linearity and specificity. Batches from laboratories G, A and B showed appropriate results in all tests to which they were submitted. Tablet batches from laboratory G (reference) showed similar dissolution profile and fast dissolution rate. The products A and B showed differences between their batches, in regards to the dissolution rates at the initial profile. However at the end of the profile they reached similar release to the reference, product G. Therefore they can be considered pharmaceutical equivalents to the reference product. Batches of product from laboratory C showed much more differences with reduced dissolution presenting no appropriate quality for human consumption. <![CDATA[<B>Thermal processing validation of a canned vegetal protein product</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-93322003000400006&lng=en&nrm=iso&tlng=en A validação de processos nas indústrias alimentícia e farmacêutica é uma das principais ferramentas da garantia de qualidade, tornando os produtos seguros, eficazes e confiáveis.Realizou-se a validação física e biológica da esterilização terminal de um produto protéico constituído de proteína texturizada de soja, proteína de trigo (glúten), gordura vegetal hidrogenada e condimentos, envasado em latas metálicas de 850 gramas.A validação física do autoclave foi executada em três ciclos na câmara com 12 sensores de temperatura. Confirmou-se para os pontos geometricamente distribuídos no interior do autoclave que a diferença máxima de temperatura entre um ponto e outro foi de 1,0 ºC em relação à temperatura média da câmara (121 ºC). Nos ciclos realizados com carga máxima, o menor valor F121ºC10ºC (64,86 minutos) garantiu S.A.L.(Sterility Assurance Level ou nível de garantia de esterilidade) de pelo menos 10-12 em relação ao indicador biológico de Bacillus stearothermophilus ATCC 7953 (valor D121ºC de 3,68 minutos e população média de 1,00 x 10(6) esporos por fita).Para todas as operações de esterilização a presença de esporos sobreviventes no indicador biológico não foi detectada.Apesar de não existir margem de segurança definida para esterilização de alimentos enlatados, a validação periódica de um autoclave proporcionou maior confiabilidade na avaliação da esterilidade, que o simples teste de incubação por amostragem de produtos acabados, recomendado pelo Ministério da Saúde do Brasil.<hr/>Process validation in the Food and Pharmaceutics Industries is one of the most important tools meant to guarantee quality, making safe and trustworthy products. Physical and biological validations were performed in the terminal sterilization of a canned vegetal protein product. Physical validation of the autoclave has been proceeded in three empty chamber cycles and 12 temperature sensors. It has been confirmed to the geometrically distributed spots inside the autoclave that the maximum temperature difference between one and another spot has been 1.0 ºC concerning the average chamber temperature (122 ºC). Sterility Assurance Level (S.A.L.) of at least 10-12, in relation to biological indicator of B. stearothermophilus with D121ºC value of 3.68 minutes and average spore population of 1,00 x 10(6) per strip, was obtained. Despite the absence of a margin of safety for canned products sterilization, periodical validation of an autoclave has provided greater trust on the sterility evaluation than the simple incubation test of some samples, recommended by the Brazilian Ministry of Health. <![CDATA[<B>Antimicrobial activity of flavonoids and steroids isolated from two <I>Chromolaena</I> species</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-93322003000400007&lng=en&nrm=iso&tlng=en The crude extracts (dichloromethanic and ethanolic) and some compounds (8 flavonoids and 5 steroids) isolated from Chromolaena squalida (leaves and stems) and Chromolaena hirsuta (leaves and flowers) have been evaluated against 22 strains of microorganisms including bacteria (Gram-positive and Gram-negative) and yeasts. All crude extracts, flavonoids and steroids evaluated have been shown actives, mainly against Gram-positive bacteria.<hr/>Os extratos diclorometânicos e etanólicos de folhas e caule de Chromolaena squalida e de folhas e flores de Chromolaena hirsuta foram avaliados quanto à atividade antimicrobiana. Oito flavonóides e cinco esteróides foram desafiados frente a 22 cepas indicadoras, incluindo bactérias (Gram-positivas e Gram-negativas) e leveduras. Todos os extratos brutos, flavonóides e esteróides ensaiados mostraram atividade antimicrobiana, principalmente frente a bactérias Gram-positivas. <![CDATA[<B>Obesity influences propranolol pharmacokinetics in patients undergoing coronary artery bypass grafting employing cardiopulmonary bypass</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-93322003000400008&lng=en&nrm=iso&tlng=en Propranolol plasma levels and kinetic disposition may be altered by hypothermic cardiopulmonary bypass (CPB-H). We investigated the potential influence of obesity on propranolol pharmacokinetics in patients undergoing coronary artery bypass grafting employing CPB-H. Fifteen patients, receiving propranolol perorally pre- (10-40 mg, 2-3 times a day) and post-operatively (10 mg, once a day) were distributed in two groups, based on body mass index (BMI), in obese (n = 9, BMI: mean 29.4 kg/m²) and non-obese (n=6, BMI: mean 24.8 kg/m²). A serial of blood samples was collected at the pre- and post-operative periods at time dosing interval (Ä); propranolol plasma levels were measured one day before and after surgery using a high performance liquid chromatographic procedure described previously. PK Solutions software 2.0 was applied to obtain pharmacokinetic parameters. No changes on kinetic parameters as biological half-life (t1/2, p = 0.0625, NS), volume of distribution (Vd/F, p=0.8438, NS) and plasma clearance (CL T/F, p = 0.1563, NS) were obtained for the non-obese patients, while a prolongation of t1/2 (3.2 to 11.2 h, p< 0.0039), an increase on Vd/F (3.0 to 7.7 L/kg, p<0.0039) and reduction on CL T/F (11.3 to 9.2 mL/min.kg, p<0.0391) were obtained in the post-operative period for obese patients. Pharmacokinetic data could justify propranolol plasma concentrations in obese patients higher than in non-obeses, after surgery.<hr/>As concentrações plasmáticas e a disposição cinética do propranolol podem ser alteradas pela circulação extracorpórea (CEC). Investigou-se a influência da obesidade na farmacocinética do propranolol em pacientes submetidos à revascularização do miocárdio empregando a CEC. Investigaram-se quinze pacientes, recebendo cronicamente propranolol no pré- (10-40 mg, 2 a 3 vezes ao dia PO) e no pós-operatório (10 mg, 1 vez ao dia) sendo os mesmos distribuídos em dois grupos: obesos (n = 9, média 29,4) kg/m²; e não-obesos (n = 6, média 24,8 kg/m²). Colheram-se amostras seriadas de sangue nos períodos pré- e pós-operatório (Ä); determinaram-se as concentrações plasmáticas do propranolol através da cromatografia líquida de alta eficiência. Aplicou-se o software PK Solutions 2.0 para estimativa dos parâmetros cinéticos. Não se registrou alteração na farmacocinética do propranolol avaliada através dos parâmetros meia-vida biológica (t1/2), volume de distribuição aparente (Vd/F) e depuração plasmática (CL T/F) no grupo de pacientes não-obesos, enquanto prolongamento relevante da t1/2 (3,2 para 11,2 h, p<0,0039), aumento no Vd/F (3,0 para 7,7 L/kg, p < 0,0039) e redução no CL T/F (11,3 para 9,2 mL/min.kg, p<0,0391) foram observados no grupo de pacientes obesos, no pós-operatório de revascularização do miocárdio empregando circulação extracorpórea e hipotermia. Os parâmetros farmacocinéticos obtidos poderiam justificar as concentrações plasmáticas do propranolol nos pacientes obesos superiores àquelas obtidas para não obesos após a cirurgia cardíaca. <![CDATA[<B>Carotenoids of the cyanobacterium <I>Synechocystis pevalekii</I> produced under normal conditions and under nutrient limitation</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-93322003000400009&lng=en&nrm=iso&tlng=en O uso de microalgas e cianobactérias como fontes de nutrientes e substâncias bioativas para alimentos e suplementos alimentares vem despertando grande interesse nos últimos anos. Por meio de cromatografia em coluna aberta com espectrofotometria de absorção, cromatografia líquida de alta eficiência com detector de conjunto de diodos, cromatografia em camada delgada e reações de grupos funcionais, foram identificados trans-e cis-²-caroteno, equininona, ²-criptoxantina,3-hidroxi-4'-cetocarotenóide, zeaxantina e 3,3-diidroxi-4'-cetocarotenóide em Synechocystis pevalekii. A cianobactéria Synechocystis pevalekiiapresentou-se verde em condições normais de cultivo devido à presença de clorofilas. Com o cultivo em condições de "stress" (redução de 80% dos nutrientes do meio Conway original), as clorofilas desapareceram e a cianobactéria apresentou coloração laranja. O ²-caroteno diminuiu de 307 para 248 µg/g e a ²-criptoxantina de 94 para 13 µg/g.Por outro lado, a zeaxantina aumentou de 29 para 220 µg/g. S. pevalekii, portanto, apresenta potencial comercial como fonte de zeaxantina, carotenóide apontado como responsável pela ação protetora contra a degeneração macular e catarata, junto com a luteína. Os resultados demonstram que as condições de produção da cianobatéria podem ser estabelecidas de tal forma que a biossíntese de carotenóides importantes para saúde humana, de difícil obtenção, seja favorecida. Já existem várias fontes comerciais de ²-caroteno, mas são raras as fontes de zeaxantina.<hr/>The use of microalgae and cyanobacteria as sources of nutrients and bioactive substances for food and dietary supplements has attracted a lot of interest in recent years. Through open column chromatography-visible absorption spectrophotometry, high performance liquid chromatography with a photodiode array detector, thin layer chromatography and functional group chemical reactions, trans- and cis-²-carotene, echinenone, ²-cryptoxanthin, 3-hydroxy-4'-ketocarotenoid, zeaxanthin and 3,3-dihydroxy-4'-ketocarotenoid were identified in the cyanobacterium Synechocystis pevalekii. The cianobacterium was green because of the presence of chlorophylls. When cultivated under stress (80% reduction of nutrient content of the original Conway medium) the chlorophylls disappeared and the cyanobacterium assumed an orange color. ²-Carotene decreased from 307 to 248 µg/g and ²-cryptoxanthin from 94 to 13 µg/g. On the other hand, zeaxanthin increased from 29 to 220 µg/g. Thus, S. pevalekii appears to have commercial potential as source of zeaxanthin, which is implicated in the reduction of the risk of macular degeneration and cataract, together with lutein. The results also showed that conditions for the production of the cyanobacterium can be established so that the biosynthesis of carotenoids important to human health, but difficult to obtain, can be favored. There are already several commercial sources of ²-carotene, but sources of zeaxanthin are rare. <![CDATA[<B>Estabilidad oxidativa de huevos enriquecidos con ácidos grasos poliinsaturados omega 3, frente a antioxidantes naturales</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-93322003000400010&lng=en&nrm=iso&tlng=en Fueron alimentadas 192 gallinas ponedoras de 22 semanas de edad, de linaje comercial Babcock, durante 30 días con dietas de 0 (cero) y 12,7% de semilla de linaza molida que corresponde a 0 y 5% de aceite de linaza, respectivamente. Fueron definidos 8 tratamientos: 4 grupos con 12,7% de semilla de linaza (control/sin antioxidante; BHA+BHT, 100+100 ppm; orégano, 200 ppm; romero, 200 ppm) y 4 grupos sin semilla de linaza, pero utilizando los mismos antioxidantes. Este estudio fue realizado con el objetivo de verificar la eficacia del uso de antioxidantes naturales provenientes del orégano y del romero en la protección contra el deterioro oxidativo de la fracción lipídica de las yemas de los huevos enriquecidos con ácidos grasos poliinsaturados omega 3 (PUFA É-3). El grado de oxidación lipídica fue determinado a través de la prueba TBARS (substancias reactivas con ácido tiobarbitúrico). Según los resultados obtenidos, fue verificada diferencia significativa en la reducción del grado de oxidación lipídica de las yemas de huevo en todos los tratamientos con antioxidantes, cuando se compara con el control. Por lo tanto, los extratos de los condimentos, romero y orégano, pueden ser utilizados satisfactoriamente para obtener huevos enriquecidos con PUFA É-3, mejorando la estabilidad lipídica.<hr/>Foram alimentadas 192 galinhas poedeiras de 22 semanas de idade da linhagem comercial Babcock, durante 30 dias com dietas constituídas de 0 (zero) e 12,7% de semente de linhaça moída correspondente a 0 e 5% de óleo de linhaça, respectivamente. Foram definidos 8 tratamentos: 4 grupos com 5% de óleo de linhaça (controle/sem antioxidante; BHA+BHT, 100+100 ppm; orégano, 200 ppm; alecrim, 200 ppm) e 4 grupos sem óleo de linhaça, mas utilizando os mesmos antioxidantes. Este estudo foi realizado com o objetivo de verificar a eficácia do uso de antioxidantes naturais provenientes do orégano e do alecrim, na proteção contra a deterioração oxidativa da fração lipídica das gemas dos ovos enriquecidos com ácidos graxos poliinsaturados ômega 3 (PUFA É-3). O grau de oxidação lipídica foi determinado através do teste TBARS (substâncias reativas com ácido tiobarbitúrico). De acordo aos resultados obtidos, verificou-se diferença significativa na redução do grau de oxidação lipídica das gemas de ovo em todos os tratamentos com antioxidantes, quando relacionados ao seu respectivo controle. Portanto, os extratos das especiarias, alecrim e orégano, podem ser utilizados satisfatoriamente para se obter ovos enriquecidos com PUFA É-3, melhorando a estabilidade lipídica. <![CDATA[<B>Forced-swim induces subsensitivity to phenylephrine in the rat thoracic aorta</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-93322003000400011&lng=en&nrm=iso&tlng=en O estresse pode alterar a função vascular. O objetivo deste trabalho foi estudar a sensibilidade à fenilefrina (FE) em aorta torácica de ratos submetidos à natação forçada. Ratos Wistar (200-250 g) foram submetidos a três sessões de natação aplicadas em dias consecutivos (15, 30 e 30 min respectivamente). Imediatamente após a última sessão, os animais foram sacrificados e, da aorta torácica foram obtidos anéis (3-5 mm) com e sem endotélio. Os anéis foram mantidos em solução de Krebs-Henseleit (37 ºC; 95% O2-5% CO2). A integridade do endotélio foi avaliada pelo relaxamento em resposta à acetilcolina (10 µM), após indução de contração por FE (0,1 µM). Curvas concentração-efeito à FE foram obtidas (n=5/grupo). Não houve diferença na resposta máxima à FE entre os tratamentos controle e estresse, em anéis com e sem endotélio (p>0,05). A natação forçada induziu subsensibilidade à FE em anéis com endotélio de aorta torácica isolada de ratos submetidos à natação (pD2= 6,89 ± 0,07, p<0,05), em relação ao grupo controle (pD2= 7,46 ± 0,06), sem alteração nos anéis desprovidos de endotélio. A inibição in vitro da síntese de óxido nítrico cancelou esta subsensibilidade. Em conclusão, a subsensibilidade à FE induzida pela natação forçada parece ser causada pelo aumento da atividade do sistema de óxido nítrico endotelial.<hr/>Stress may change vascular function. The aim of this report was to study the sensitivity to phenylephrine (PHE) in the thoracic aorta from rats submitted to forced-swim. Male Wistar rats (200-250 g) were submitted to three swimming sessions, one session/day (15, 30 and 30 min, respectively). Immediately after the last swimming session, the animals were sacrificed and thoracic aorta was isolated. Aortic rings (3-5 mm), with and without endothelium, were carefully obtained and were main-tained in Krebs-Henseleit solution (95% O2- 5% CO2, 37 ºC). Endothelial integrity was assessed by relaxation to acetylcholine (10 µM) in pre-contracted rings (PHE 0.1 µM). Concentration-effect curves to PHE were obtained (n = 5/group). There was no difference between control and stress groups in the maximum response to PHE of aortic rings with and without endothelium (p>0.05). Forced-swim induced subsensitivity to PHE in aortic rings with endothelium isolated from stressed rats (pD2 = 6.89 ± 0.07; p<0.05) compared to the control group (pD2 = 7.39 ± 0.06), without changes in aortic rings without endothelium. The in vitro inhibition of nitric oxide synthesis cancelled this subsensitivity. It is concluded that forced swim-induced-subsensitivity to PHE in thoracic aorta from rats seems to be caused by an increase in the activity of the endothelial nitric oxide system. <![CDATA[<B>Influence of arabic gum in acrylic polymer isolated films</B>: <B>study of swelling properties and permeability</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-93322003000400012&lng=en&nrm=iso&tlng=en Goma arábica associada ao polímero acrílico Eudragit RS30D® na formação de filmes isolados foram obtidos e investigados como material potencialmente adequado à liberação modificada de fármacos. Foram preparadas dispersões aquosas de 4% (p/v) e o citrato de trietila (20% massa polímero acrílico) foi usado como plastificante. Dispersões foram vertidas em placa de Nylon revestida com Teflon® e colocadas em estufa a 60 ºC. A determinação do índice de intumescimento (Ii%) em fluidos de simulação gástrica (FSG) e intestinal (FSI), além da permeabilidade ao vapor d'água (TVA) foram avaliadas. As dispersões propostas apresentaram habilidades filmogênicas. O polissacarídeo favoreceu, proporcionalmente à sua concentração, o grau de hidratação e a permeabilidade ao vapor d'água dos filmes formados. Estas particularidades observadas sugerem que os filmes constituídos por estas associações garantem acessibilidade com maior intensidade, quando comparado ao polimetacrilato individualmente, condição essa indispensável para uma biodegradação efetiva, em especial às regiões distais do trato gastrintestinal.<hr/>Arabic gum combined with polymeric acrylic Eudragit RS30D® in isolated films for film coating, were obtained and investigated as potential material adapted for drug delivery systems. They were prepared aqueous dispersions of 4% (p/v), the triethyl citrate (20% w/w of the methacrylate polymer) it was used with plasticizer. Sample of dispersions were poured over plate of Nylon covered with Teflon and placed in an air circulated oven at 60 ºC. Determination of the swelling index (Is%) in fluids of gastric (SGF) or intestinal simulation or intestinal (SIF), and the permeability to the water vapour (TVA) were investigated. An increase in the amount of added polysaccharide favored the degree of hydration/swelling and permeability of the formed films. These observed particularities suggest that the films constituted by these combinations guarantee accessibility with larger intensity when compared individually to the polymethacrylate, condition that is indispensable for effective biodegradation, especially to the regions distal of gastrointestinal tract. <![CDATA[<B>The validation of ½<SUB>C=O</SUB> as electronic descriptor for application in QSAR/QSPR studies</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-93322003000400013&lng=en&nrm=iso&tlng=en Com o propósito de validar o uso da freqüência de absorção do grupo carbonila, ½C=O , na região do infravermelho como descritor estrutural de caráter eletrônico para aplicação em estudos de QSAR/QSPR, este trabalho teve como objetivo correlacionar quantitativamente a estrutura química de compostos benzidrazídicos para-substituídos com o efeito eletrônico de grupos substituintes do anel benzênico. A validação foi obtida através da aplicação da equação de Hammett adaptada para freqüência de absorção no IV utilizando-se o Billin Program, versão 98. Aplicaram-se as constantes de substituintes de Hammett, Ãp, ÃI e ÃR, e as constantes N e O de Swain e Lupton, observando-se excelente correlação entre a constante Ãp e ½C=O possibilitando, inclusive, quantificar separadamente a influência dos efeitos indutivo e de ressonância sobre a polaridade do grupo carbonila de grupos substituintes na série de compostos estudados.<hr/>With the aim of validanting the use of carbonyl group absorption frequency, ½C=O, at the IR as electronic descriptor for application in QSAR/QSPR studies, this paper correlates quantitatively the chemical structure of the benzhydrazides para-substituted with the electronic effect of its substituents. The validation has been achieved with application of the Hammett equation adapted to the IR absorption frequency using the Billin Program, 98 version. It has been used the Hammett substituents constants, ÃP, ÃI, ÃR and the Swain and Lupton constants, N, O, observing an excellent correlation with ½C=O and ÃP, also allowing, on the set of compounds analysed, quantify individually the inductive and resonance effects influence on the polarity of carbonyl group. <![CDATA[<B>Extraction, purification and physical-chemical characterization of recombinant green fluorescent protein (GFPuv) expressed in <I>Escherichia coli</I> cells</B>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-93322003000400014&lng=en&nrm=iso&tlng=en O aumento do uso da proteína verde fluorescente (GFPuv) como ferramenta de pesquisas biotecnológicas requer um estudo mais cuidadoso das propriedades bioquímicas e físicas da molécula de GFPuv. Este trabalho teve como objetivo a aplicação de métodos físicos e químicos para o isolamento, a extração da GFPuv de células de Escherichia coli DH5-±, purificação da proteína, e o estudo da estabilidade desta em diferentes valores de pH. Células de E. coli expressando GFPuv foram submetidas a quatro ciclos sucessivos de congelamento e descongelamento intercalados por sonicação (CDS), para promover a permeação seletiva da GFPuv. Os permeados foram submetidos à extração por partição em três fases (TPP) e posterior purificação por eluição da proteína em coluna cromatográfica de interação hidrofóbica (HIC).Obteve-se rendimento semelhante em GFPuv no 1º ciclo de permeação seletiva (CDS) e por extração (TPP) associada à purificação (HIC) para os quais impurezas não foram visualizadas por eletroforese. As estruturas moleculares da GFPuv extraída e purificada mostraram-se inalteradas em valores de pH entre 6,0 e 9,8, e foram confirmadas nos espectros de emissão e de excitação.<hr/>The recombinant green fluorescent protein (GFPuv) has been used as a marker in several research fields. The purpose of the present work was to evaluate the influence of the selective physical permeation procedure applied to the cells of Escherichia coli for the extraction of GFPuv in relation to the chemical procedures of extraction and purification. Transformed cells (0.92-1.44 mg/mL) of E. coli DH5-a expressing GFPuv were submitted to four cycles (1º, 2º, 3º, 4º) of freezing (-20 ºC/ 0.83 ºC/ min/thawing interlaid by sonication (3 pulses/6 s/25 vibrations). The intracellular permeate with GFPuv in buffer solution (Tris-HCl 25 mM pH 8.0 + b-mercaptoethanol (1 mM) + PMSF (0.1 mM)) was submitted to the three-phase partitioning (TPP) method and subsequent purification through hydrophobic interaction chromatography column (HIC). The results showed that the first selective permeation cycle applied to the cells was more efficient in the release of the protein from the cell fragments without subsequent extraction and purification in relation to the second, third and fourth permeation procedures. The permeated, extracted and purified GFPuv showed similarity to the standard GFPuv characteristics of fluorescence, stability and solubility. <![CDATA[<b>Atividade física e obesidade</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-93322003000400015&lng=en&nrm=iso&tlng=en O aumento do uso da proteína verde fluorescente (GFPuv) como ferramenta de pesquisas biotecnológicas requer um estudo mais cuidadoso das propriedades bioquímicas e físicas da molécula de GFPuv. Este trabalho teve como objetivo a aplicação de métodos físicos e químicos para o isolamento, a extração da GFPuv de células de Escherichia coli DH5-±, purificação da proteína, e o estudo da estabilidade desta em diferentes valores de pH. Células de E. coli expressando GFPuv foram submetidas a quatro ciclos sucessivos de congelamento e descongelamento intercalados por sonicação (CDS), para promover a permeação seletiva da GFPuv. Os permeados foram submetidos à extração por partição em três fases (TPP) e posterior purificação por eluição da proteína em coluna cromatográfica de interação hidrofóbica (HIC).Obteve-se rendimento semelhante em GFPuv no 1º ciclo de permeação seletiva (CDS) e por extração (TPP) associada à purificação (HIC) para os quais impurezas não foram visualizadas por eletroforese. As estruturas moleculares da GFPuv extraída e purificada mostraram-se inalteradas em valores de pH entre 6,0 e 9,8, e foram confirmadas nos espectros de emissão e de excitação.<hr/>The recombinant green fluorescent protein (GFPuv) has been used as a marker in several research fields. The purpose of the present work was to evaluate the influence of the selective physical permeation procedure applied to the cells of Escherichia coli for the extraction of GFPuv in relation to the chemical procedures of extraction and purification. Transformed cells (0.92-1.44 mg/mL) of E. coli DH5-a expressing GFPuv were submitted to four cycles (1º, 2º, 3º, 4º) of freezing (-20 ºC/ 0.83 ºC/ min/thawing interlaid by sonication (3 pulses/6 s/25 vibrations). The intracellular permeate with GFPuv in buffer solution (Tris-HCl 25 mM pH 8.0 + b-mercaptoethanol (1 mM) + PMSF (0.1 mM)) was submitted to the three-phase partitioning (TPP) method and subsequent purification through hydrophobic interaction chromatography column (HIC). The results showed that the first selective permeation cycle applied to the cells was more efficient in the release of the protein from the cell fragments without subsequent extraction and purification in relation to the second, third and fourth permeation procedures. The permeated, extracted and purified GFPuv showed similarity to the standard GFPuv characteristics of fluorescence, stability and solubility. <![CDATA[<b>lnovations in food processing</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-93322003000400016&lng=en&nrm=iso&tlng=en O aumento do uso da proteína verde fluorescente (GFPuv) como ferramenta de pesquisas biotecnológicas requer um estudo mais cuidadoso das propriedades bioquímicas e físicas da molécula de GFPuv. Este trabalho teve como objetivo a aplicação de métodos físicos e químicos para o isolamento, a extração da GFPuv de células de Escherichia coli DH5-±, purificação da proteína, e o estudo da estabilidade desta em diferentes valores de pH. Células de E. coli expressando GFPuv foram submetidas a quatro ciclos sucessivos de congelamento e descongelamento intercalados por sonicação (CDS), para promover a permeação seletiva da GFPuv. Os permeados foram submetidos à extração por partição em três fases (TPP) e posterior purificação por eluição da proteína em coluna cromatográfica de interação hidrofóbica (HIC).Obteve-se rendimento semelhante em GFPuv no 1º ciclo de permeação seletiva (CDS) e por extração (TPP) associada à purificação (HIC) para os quais impurezas não foram visualizadas por eletroforese. As estruturas moleculares da GFPuv extraída e purificada mostraram-se inalteradas em valores de pH entre 6,0 e 9,8, e foram confirmadas nos espectros de emissão e de excitação.<hr/>The recombinant green fluorescent protein (GFPuv) has been used as a marker in several research fields. The purpose of the present work was to evaluate the influence of the selective physical permeation procedure applied to the cells of Escherichia coli for the extraction of GFPuv in relation to the chemical procedures of extraction and purification. Transformed cells (0.92-1.44 mg/mL) of E. coli DH5-a expressing GFPuv were submitted to four cycles (1º, 2º, 3º, 4º) of freezing (-20 ºC/ 0.83 ºC/ min/thawing interlaid by sonication (3 pulses/6 s/25 vibrations). The intracellular permeate with GFPuv in buffer solution (Tris-HCl 25 mM pH 8.0 + b-mercaptoethanol (1 mM) + PMSF (0.1 mM)) was submitted to the three-phase partitioning (TPP) method and subsequent purification through hydrophobic interaction chromatography column (HIC). The results showed that the first selective permeation cycle applied to the cells was more efficient in the release of the protein from the cell fragments without subsequent extraction and purification in relation to the second, third and fourth permeation procedures. The permeated, extracted and purified GFPuv showed similarity to the standard GFPuv characteristics of fluorescence, stability and solubility. <![CDATA[<b>Unit operations in food engineering</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-93322003000400017&lng=en&nrm=iso&tlng=en O aumento do uso da proteína verde fluorescente (GFPuv) como ferramenta de pesquisas biotecnológicas requer um estudo mais cuidadoso das propriedades bioquímicas e físicas da molécula de GFPuv. Este trabalho teve como objetivo a aplicação de métodos físicos e químicos para o isolamento, a extração da GFPuv de células de Escherichia coli DH5-±, purificação da proteína, e o estudo da estabilidade desta em diferentes valores de pH. Células de E. coli expressando GFPuv foram submetidas a quatro ciclos sucessivos de congelamento e descongelamento intercalados por sonicação (CDS), para promover a permeação seletiva da GFPuv. Os permeados foram submetidos à extração por partição em três fases (TPP) e posterior purificação por eluição da proteína em coluna cromatográfica de interação hidrofóbica (HIC).Obteve-se rendimento semelhante em GFPuv no 1º ciclo de permeação seletiva (CDS) e por extração (TPP) associada à purificação (HIC) para os quais impurezas não foram visualizadas por eletroforese. As estruturas moleculares da GFPuv extraída e purificada mostraram-se inalteradas em valores de pH entre 6,0 e 9,8, e foram confirmadas nos espectros de emissão e de excitação.<hr/>The recombinant green fluorescent protein (GFPuv) has been used as a marker in several research fields. The purpose of the present work was to evaluate the influence of the selective physical permeation procedure applied to the cells of Escherichia coli for the extraction of GFPuv in relation to the chemical procedures of extraction and purification. Transformed cells (0.92-1.44 mg/mL) of E. coli DH5-a expressing GFPuv were submitted to four cycles (1º, 2º, 3º, 4º) of freezing (-20 ºC/ 0.83 ºC/ min/thawing interlaid by sonication (3 pulses/6 s/25 vibrations). The intracellular permeate with GFPuv in buffer solution (Tris-HCl 25 mM pH 8.0 + b-mercaptoethanol (1 mM) + PMSF (0.1 mM)) was submitted to the three-phase partitioning (TPP) method and subsequent purification through hydrophobic interaction chromatography column (HIC). The results showed that the first selective permeation cycle applied to the cells was more efficient in the release of the protein from the cell fragments without subsequent extraction and purification in relation to the second, third and fourth permeation procedures. The permeated, extracted and purified GFPuv showed similarity to the standard GFPuv characteristics of fluorescence, stability and solubility. <![CDATA[<b>Dopage et performance sportive</b>: <b>analyse d´une pratique prohibée</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-93322003000400018&lng=en&nrm=iso&tlng=en O aumento do uso da proteína verde fluorescente (GFPuv) como ferramenta de pesquisas biotecnológicas requer um estudo mais cuidadoso das propriedades bioquímicas e físicas da molécula de GFPuv. Este trabalho teve como objetivo a aplicação de métodos físicos e químicos para o isolamento, a extração da GFPuv de células de Escherichia coli DH5-±, purificação da proteína, e o estudo da estabilidade desta em diferentes valores de pH. Células de E. coli expressando GFPuv foram submetidas a quatro ciclos sucessivos de congelamento e descongelamento intercalados por sonicação (CDS), para promover a permeação seletiva da GFPuv. Os permeados foram submetidos à extração por partição em três fases (TPP) e posterior purificação por eluição da proteína em coluna cromatográfica de interação hidrofóbica (HIC).Obteve-se rendimento semelhante em GFPuv no 1º ciclo de permeação seletiva (CDS) e por extração (TPP) associada à purificação (HIC) para os quais impurezas não foram visualizadas por eletroforese. As estruturas moleculares da GFPuv extraída e purificada mostraram-se inalteradas em valores de pH entre 6,0 e 9,8, e foram confirmadas nos espectros de emissão e de excitação.<hr/>The recombinant green fluorescent protein (GFPuv) has been used as a marker in several research fields. The purpose of the present work was to evaluate the influence of the selective physical permeation procedure applied to the cells of Escherichia coli for the extraction of GFPuv in relation to the chemical procedures of extraction and purification. Transformed cells (0.92-1.44 mg/mL) of E. coli DH5-a expressing GFPuv were submitted to four cycles (1º, 2º, 3º, 4º) of freezing (-20 ºC/ 0.83 ºC/ min/thawing interlaid by sonication (3 pulses/6 s/25 vibrations). The intracellular permeate with GFPuv in buffer solution (Tris-HCl 25 mM pH 8.0 + b-mercaptoethanol (1 mM) + PMSF (0.1 mM)) was submitted to the three-phase partitioning (TPP) method and subsequent purification through hydrophobic interaction chromatography column (HIC). The results showed that the first selective permeation cycle applied to the cells was more efficient in the release of the protein from the cell fragments without subsequent extraction and purification in relation to the second, third and fourth permeation procedures. The permeated, extracted and purified GFPuv showed similarity to the standard GFPuv characteristics of fluorescence, stability and solubility.