Scielo RSS <![CDATA[Educação e Pesquisa]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=1517-970220140002&lang=es vol. 40 num. 2 lang. es <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-97022014000200001&lng=es&nrm=iso&tlng=es <![CDATA[<b>The emergence of journals of Brazil and scenarios for their future</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-97022014000200002&lng=es&nrm=iso&tlng=es Os periódicos de qualidade do Brasil alcançaram, nos últimos anos, um notável avanço, com a crescente presença nos índices bibliográficos internacionais e na web, impulsionados principalmente pela comunicação de resultados de pesquisa de autores brasileiros das diferentes áreas do conhecimento e com uso diferenciado dos idiomas inglês e português. Pelo menos 80% dos seus artigos originais e de revisão indexados internacionalmente têm afiliação brasileira e representam cerca de 30% do total da produção científica indexada do Brasil. Porém, essa centralidade nacional é acompanhada de baixo impacto, medido pelo número de citações recebidas nos índices, em comparação ao que obtêm os periódicos dos países desenvolvidos. Embora o desempenho seja compatível com o dos periódicos de países emergentes e a publicação em acesso aberto resulte em cifras extraordinárias de downloads de artigos, boa parte dos periódicos do Brasil enfrenta o desafio de qualificar-se para, de modo concomitante, competir nacional e internacionalmente por manuscritos de melhor qualidade e melhorar o desempenho nos índices internacionais. Essa almejada qualificação requer a superação das limitações inerentes às condições institucionais, de gestão e financiamento nas quais operam e o avanço da profissionalização, internacionalização e inovações nos processos de editoração, publicação e disseminação, alinhados ao estado da arte internacional. Este artigo apresenta um panorama das principais características bibliométricas e de gestão editorial do conjunto dos 400 periódicos do Brasil indexados no SciELO, Scopus e WoS e projeta cenários de mudança na composição atual com a promoção de periódicos de referência internacional e na forma como são avaliados e financiados.<hr/>Quality journals in Brazil have achieved remarkable progress in recent years, with an increasing presence in international bibliographic indexes and on the Web. This is primarily due to Brazilian authors from different fields of knowledge, communicating the results of their research in English and/or Portuguese. At least 80% of their original and review articles that are internationally indexed have a Brazilian affiliation, representing approximately 30% of the total indexed scientific production from Brazil. However, this national centrality has a low impact when measured by the number of citations received in the indexes in comparison to that of journals from developed countries. Despite their performance being comparable to that of journals from emerging countries, and although open access publishing results in an extraordinary number of article downloads, most journals of Brazil face the challenge of becoming qualified to compete on a national and international level for better quality manuscripts, as well as of improving their performance in the international indexes. This sought-after qualification demands that these journals overcome the inherent limitations of institutional, management, and financing conditions in which they operate, while advancing professionalization, internationalization, and innovation in the editing, publishing, and dissemination processes, in order to be aligned with international state-of-the-art standards. This article presents an overview of the main bibliometric and editorial management characteristics of the 400 journals of Brazil indexed in Scientific Electronic Library Online (SciELO), Scopus, and Web of Science (WoS). It also projects scenarios for changing the current framework by promoting journals considered as international benchmarks and the way journals are evaluated and funded. <![CDATA[<b>Productivism, research and scholarly communication</b>: <b>between poison and medicine</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-97022014000200003&lng=es&nrm=iso&tlng=es Este ensaio trata de temas relacionados à produção e publicação científica na contemporaneidade. As análises estão voltadas especialmente para os reflexos de um processo perverso que tem afetado os pesquisadores, as universidades e as revistas do Brasil (assim como já ocorreu ou vem ocorrendo em diferentes partes do mundo), devido ao chamado produtivismo acadêmico (entendido como a obrigação de publicar em periódicos, como indicador praticamente exclusivo para a avaliação da produção científica e da qualidade do pesquisador), bem como para o conjunto de desdobramentos negativos que esse processo provoca. Tomando como pressuposto a impossibilidade de tratar o tema da comunicação científica separadamente da estrutura da produção científica da qual o universo das revistas indexadas faz parte, o texto procurará problematizar as seguintes questões: quais são as principais distorções que a adoção de critérios majoritariamente quantitativos para avaliar, promover e financiar pesquisadores, periódicos e programas de pós-graduação tem provocado? Como se caracteriza o ciclo perverso do produtivismo que hoje contamina o nosso contexto acadêmico? Como ele afeta nossas produções e publicações? De que modo aquilo que foi planejado para melhorar a tarefa investigativa acaba por prejudicá-la? Alguns traços podem ser identificados e extraídos do conjunto dos mecanismos acima, sem que se pretenda, evidentemente, esgotar a complexidade do processo envolvido. Serão expostos também alguns argumentos advogando a favor da necessidade de uma ação coletiva entre os editores das revistas científicas (especialmente da área de humanidades), visando ao desenvolvimento de uma atuação política capaz de combater as mazelas do sistema hoje vigente de produção, avaliação e comunicação da ciência.<hr/>This essay addresses issues related to contemporary scholarly production and publishing. The analyses focus on the reflections of a perverse process which has affected researchers, universities and journals in Brazil (as it has occurred in different parts of the world), due to the so-called academic productivism (understood as the obligation to publish in journals, as virtually the only indicator used to evaluate researchers' scientific production and quality). Analyses also focus on the negative consequences of such process. Assuming that it is not possible to address the issue of scientific communication separately from the structure of scientific production, since the universe of indexed journals is part of the latter, this essay seeks to discuss the following questions: what are the main distortions that adopting largely quantitative criteria to assess, promote and fund researchers, journals and graduate programs has caused? What are the characteristics of the perverse cycle of productivism which now infects our academic context? How does such cycle affect our production and publications? How does what was planned to improve the investigative task end up damaging it? Although I do not, of course, aim to exhaust the complexity of this process, I shall discuss some features identified in the mechanisms above. I shall also present some arguments in favor of collective action among editors of scientific journals (especially in the humanities), in order to develop political action to combat the ills of the current system of production, evaluation and communication of science. <![CDATA[<b>Challenges to the publishers of humanities in scientific journalism and social networks</b>: <b>reflections and experiences</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-97022014000200004&lng=es&nrm=iso&tlng=es O presente artigo analisa experiências de História, Ciências, Saúde - Manguinhos, revista editada desde 1994 pela Casa de Oswaldo Cruz, da Fundação Oswaldo Cruz. Tendo como pano de fundo as dificuldades enfrentadas pelos periódicos da área de humanas, discute a trajetória de HCS - Manguinhos até seu ingresso no Portal SciELO, as implicações que isso teve no tocante às rotinas editoriais, ao potencial de veiculação e às perspectivas de internacionalização. Procura situar os editores em meio a correntes de pensamento que manifestam posições convergentes ou contraditórias a respeito: primeiro, dos processos em curso de hierarquização e internacionalização de periódicos científicos brasileiros; segundo, das formas de divulgar seus conteúdos e avaliar seu impacto; e, terceiro, das tendências quantitativistas e produtivistas hoje imperantes no meio acadêmico. Relata dificuldades enfrentadas no esforço para internacionalizar HCS - Manguinhos e analisa os resultados alcançados após o ingresso nas redes sociais, em junho de 2013, fazendo uso de métricas diferentes daquelas há mais tempo instituídas para aferir o impacto de publicações científicas.<hr/>This article analyzes the experiences of História, Ciências, Saúde - Manguinhos (History, science, health), a journal published since 1994 by the House of Oswaldo Cruz, at the Oswaldo Cruz Foundation. The background being the difficulties faced by journals of the humanities, it discusses the pathway of HCS - Manguinhos until it is welcomed by the SciELO Portal, the resulting implications in regard of the editorial routines, the potential of dissemination and the perspectives of internationalization. Editors are viewed amidst currents of thought which express either convergent or contradictory opinions concerning: first, the processes underway to hierarchize and internationalize the Brazilian scientific journals; second, the ways to disseminate their contents and evaluate their impact; and, third, the quantitative and productivist tendencies that prevail today in the academic milieu. The paper describes difficulties arising from the effort of making HCS - Manguinhos international and analyzes the results achieved after joining the social networks, in June 2013, by making use of metrics different from those long ago defined to assess the impact of scientific publications. <![CDATA[<b>Satisfaction and professional status</b>: <b>a study of teachers in the early years of their careers</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-97022014000200005&lng=es&nrm=iso&tlng=es O ingresso em uma profissão e as motivações para a sua escolha, os primeiros anos de carreira e o estatuto da profissão, em especial a docente, têm sido objeto de diversas investigações. Porém, tanto no caso português como no âmbito internacional, a inserção profissional dos professores tem sido negligenciada pelas pesquisas acadêmicas. Assim sendo, neste artigo, propomo-nos a contribuir com o conhecimento do processo de inserção profissional dos docentes de ensino básico e secundário, por meio da análise do grau de satisfação na profissão, dos aspectos mais e menos valorizados no trabalho, bem como da situação profissional em dois períodos, após um ano e depois de cinco anos de conclusão da licenciatura. Consideramos os licenciados em educação em comparação com todos os licenciados das universidades de Lisboa e Nova de Lisboa. Os dados apresentados permitem constatar que, nas dimensões estudadas, não existem diferenças significativas entre os licenciados com relação aos aspectos analisados. Das particularidades do grupo de licenciados em educação que participaram da pesquisa, destacamos: a ligeira saliência que assumem os aspectos altruístas; uma satisfação com a profissão ligeiramente maior; uma tendência à precarização dos vínculos contratuais e uma disposição para auferir em média rendimentos ligeiramente inferiores. Como considerações finais deste artigo, destacamos a necessidade de aprofundamento no estudo do modo como as condições de exercício da profissão influenciam o desenvolvimento dos professores em fase de inserção profissional. Além disso, salientamos a pertinência de que melhores formas de apoiar aprendizagem profissional sejam exploradas, bem como a construção da identidade profissional dos professores em início de carreira.<hr/>The entry into a profession and the motivations for choosing it, the early years of one's career and statute of the profession, in particular the teaching one, have been the subject of several investigations. However, both in Portugal and abroad, the professional insertion of teachers has been neglected by academic research. Therefore, in this article, we propose to contribute to the knowledge of the professional insertion of primary and secondary teachers by examining the degree of satisfaction in the profession, the most and least valued aspects at work, as well as the professional status in two periods, one year and five years after completing the degree. We consider graduates in education compared to all graduates of the universities of Lisbon and New Lisbon. The data presented allows us to state that, in the dimensions studied, there are no significant differences between graduates regarding the aspects analyzed. The particularities of the group of graduates in education who participated in the research include: a slight prominence of altruistic aspects; a slightly greater satisfaction with the profession; a trend towards casualization of employment contracts and a willingness to earn on average slightly lower income. In conclusion, we highlight the need for further study of how professional conditions influence the development of teachers in the phase of professional insertion. Furthermore, we stress that better ways to support professional learning should be explored, as well as the construction of teachers' professional identity in early career. <![CDATA[<b>Graduates in Portugal</b>: <b>a typification of professional transition profiles</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-97022014000200006&lng=es&nrm=iso&tlng=es A adequação entre o nível e tipo de formação académica e a situação profissional é um tema presente sempre que se aborda a temática da inserção profissional dos licenciados. Pretende-se, com este artigo, analisar as situações profissionais de diplomados portugueses do ensino superior cinco anos após a conclusão da licenciatura, à luz da problemática da inserção e transição profissional. Enquadra-se a relação entre sistema de ensino e mercado de trabalho comparando-se indicadores internacionais que contextualizam o caso português, de modo a discutir os resultados empíricos que caracterizam a situação profissional vivida em 2010 por uma amostra de 1.004 diplomados de duas universidades portuguesas. Definem-se cinco tipos de situações profissionais a partir de técnicas de análise multivariadas e reflete-se sobre os perfis encontrados. Conclui-se que a maioria dos licenciados exerce uma atividade profissional adequada ao seu nível de graduação, com rendimentos salariais, vínculos laborais e horários adequados ao grupo dos especialistas das actividades intelectuais e científicas. Porém, a análise mais fina revela-nos uma configuração hierárquica das situações profissionais num continuum que se organiza desde a inserção frágil à inserção qualificante associada às áreas de formação frequentadas. Os diplomados nas áreas de educação, artes e humanidades ocupam as situações profissionais mais precarizantes, contrastando com a sobrerrepresentação nos empregos mais favoráveis dos licenciados das áreas de saúde, economia, gestão e direito.<hr/>Adequacy of educational background to professional situation is a subject that emerges whenever the theme of graduates' professional transition is approached. This paper intends to analyze the professional situations of Portuguese higher education degree holders five years after they attained their degree, in light of questions related to professional transition. We examine the relationship between the educational system and the labor market by comparing international indicators that serve as a context for the Portuguese case, in order to discuss the empirical results that characterize the professional situation experienced in 2010 by a sample of 1,004 higher education degree holders from two Portuguese universities. Five types of professional situation are defined based on multivariate analysis techniques and then reflected on the profiles found. We concluded that the majority of graduates perform professional activities that are adequate for their education level, with earnings, employment contracts and work hours as well as to those of the specialists in intellectual and scientific activities group. However, a more refined analysis reveals a hierarchical arrangement of professional situations in a continuum ranging from fragile to qualifying professional transition, associated with graduates study field. Education, Arts and Humanities degree holders are in the most precarious labor situations, in contrast with an over-representation of Health, Finance, Management and Law degree holders in the most favorable jobs. <![CDATA[<b>The construction of theoretical and methodological tools to capture teacher education</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-97022014000200007&lng=es&nrm=iso&tlng=es A pesquisa sobre o perfil do educador ambiental tem exigido uma metodologia de investigação adequada para a captação de seu processo de formação. Dado que ao pesquisar a formação de professores estamos diante de algo que não está posto materialmente e tem caráter dinâmico, de que modo tomar a formação do educador ambiental como objeto de pesquisa? Para a construção de uma resposta a essa pergunta, o presente trabalho requereu instrumentos teóricos e metodológicos que possibilitassem apreender a formação do professor em sua atividade educativa. A formação do educador ambiental pressupõe um ambiente em que todos tenham voz e possam trocar experiências, rever seus conhecimentos e produzir novos sentidos a partir de uma perspectiva crítica. A constituição de uma comunidade de aprendizagem numa escola pública estabeleceu um contexto propício para a formação dos professores. Pudemos comprovar que o Horário de Trabalho Pedagógico Coletivo, quando planejado e organizado, pode intencionalmente contribuir para a formação de professores. A teoria da atividade nos forneceu subsídios tanto do ponto de vista de ensino, ao proporcionar embasamento para a organização de encontros com professores de ensino médio, sempre levando em conta a intencionalidade da formação, quanto do ponto de vista metodológico, ao possibilitar a apreensão de nosso objeto, ou seja, o processo de formação em seu movimento. Na interação entre os sujeitos, foi possível a ampliação de seus pontos de vista e a ocorrência de mudanças de sentidos relacionados a temas ambientais. Um sujeito, ao evocar um pensamento, uma reflexão, possibilita que os demais revisitem seus posicionamentos e conhecimentos. Assim, formam-se conhecimentos - e, consequententemente, indivíduos - com qualidade nova.<hr/>Research on the profile of environmental educators has required a research methodology appropriate for capturing their training process. Since when researching teacher education we are before something that is not materially established and is dynamic, how can one take the training of environmental educators as a research object? To construct an answer to this question, this study required theoretical and methodological tools that enabled grasping the training of teachers in their educational activities. The training of environmental educators requires an environment in which everyone has a voice and can share experiences, review their knowledge and produce new meanings from a critical perspective. The creation of a learning community in a public school established a favorable context for teacher education. We confirmed that, if planned and organized, Horário de Trabalho Pedagógico Coletivo (Collective Pedagogical Worktime) can intentionally contribute to teacher education. Activity theory offered resources both from the point of view of teaching, by providing a basis for the organization of meetings with secondary school teachers, always taking into account the intentionality of training, and from the methodological point of view, by allowing us to grasp our object, that is, the training process in its movement. In the interaction between subjects, they were able to expand their views and there were changes of meanings related to environmental issues. When evoking a thought, a reflection, a subject enables the others to revisit their positions and knowledge. Thus, knowledge is formed with new quality and so are individuals. <![CDATA[<b>Meanings of the pedagogical practice in the Brazilian production on the initial education of science teachers (2000-2010)</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-97022014000200008&lng=es&nrm=iso&tlng=es No presente trabalho, pretendemos propor um quadro analítico para caracterizar os sentidos de prática construídos no campo de pesquisa da formação de professores, a partir da análise da produção sobre formação de professores de ciências no Brasil. Nossa investigação ancora-se na perspectiva de que o contexto da pesquisa científica sobre formação de professores constrói significados, os quais são reproduzidos e ressignificados nos cotidianos escolares, nos percursos formativos de professores de ciências e licenciandos, nas concepções de sucesso e fracasso da escola. Nosso trabalho, portanto, tem o potencial de contribuir para compreendermos como são estruturadas visões sobre o professor em formação e sobre sua prática. A partir dos modelos de ação propostos por Jürgen Habermas, desenvolvemos uma análise de como o objeto de estudo prática pedagógica é construído nos textos de artigos publicados em periódicos nacionaisQualis A de educação em ciências no período de 2000-2010. Os resultados de nossas análises indicam que há uma tendência a compreender a prática como ação estratégica direcionada ao mundo dos objetos escolares, seus métodos e seus materiais. A prática como ação comunicativa, a qual se direciona à escola como pertencente, simultaneamente, aos mundos objetivo, dramático e das normas, é sensivelmente presente nos devires da prática pedagógica.<hr/>In this work, we propose an analytical framework to characterize the meanings of practice constructed in teacher education research, analyzing the production in science teacher education in Brazil. Our research is founded on the perspective that the context of scientific research on teacher education constructs meanings, which are reproduced and reinterpreted in school everyday, in the training pathways of science teachers and undergraduates, in the notions of success and failure in schools. Therefore, our work has the potential to contribute to understanding how views about teachers in training and about their practice are structured. Using the models of action proposed by Jürgen Habermas, we develop an analysis of how the object of study pedagogical practice is constructed in the articles published in nationalQualis A journals of science education in the period 2000-2010. The results of our analyzes indicate that there is a tendency to understand practice as a strategic action aimed at the world of school objects, its methods and materials. Practice as communicative action, which aims at the school as belonging simultaneously to the objective, dramatic world and to the world of standards, is substantially present in the becomings of the educational practice. <![CDATA[<b>10 years of the Federal Act 10,639/2003 and the training of teachers</b>: <b>a reading of scientific studies</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-97022014000200009&lng=es&nrm=iso&tlng=es Este estudo aborda a formação de professores com vistas à implementação do estudo da História e Cultura da África e Afro-brasileira, conforme dispõe a lei federal nº 10.639/2003 e as disposições correlatas. Faz parte de uma pesquisa mais ampla cuja opção metodológica ampara-se na abordagem defendida por Canen (2008). Nessa concepção, entende-se o multiculturalismo como conceito e prática estruturante na pesquisa científica em educação e na formação de professores, bem como na pluralidade paradigmática como eixo teórico-metodológico para essas pesquisas. Essa abordagem dialoga com outras perspectivas metodológicas, a saber: o estudo acerca do estado da arte na perspectiva defendida por Ferreira (2002) e André; Romanowski (1999); e a pesquisa bibliográfica, conforme disposto em Gil (2002) e Lima; Mioto (2007). Nossas fontes de investigação são: relatório de pesquisa, consolidado a partir do banco de teses e dissertações da Fundação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) sobre a produção de teses de doutorado e dissertações de mestrado; e relatório de pesquisa, consolidado a partir do banco de artigos científicos constantes na base da Scientific Electronic Library Online (SCIELO). O tratamento metodológico das fontes de pesquisa efetivou-se por meio da análise crítica das referências bibliográficas e documentais. A pesquisa evidencia a invisibilidade do tema investigado antes do ano 2000 e a crescente demanda pelos estudos desta natureza nos anos posteriores.<hr/>This study addresses teacher education with a view to implement school studies of African and Afro-Brazilian History and Culture, pursuant to the Federal Act 10,639/2003. It is part of a broader study in whose methodology is based on the approach advocated by Canen (2008). In this conception, multiculturalism is understood as the structuring concept and practice applied to education research and teacher education; this view also establishes paradigmatic plurality as the theoretical-methodological core for such research. This approach is compatible with other methodological perspectives, namely: the study on the state of the art as proposed by Ferreira (2002) and André; Romanowski (1999); and the bibliographic research as proposed by Gil (2002) and Lima; Mioto (2007). Our investigation sources are: a research report consolidated from the database of dissertations and theses of Fundação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), concerning the production of doctoral and masters theses; and a research report consolidated from scientific articles included in the academic database of the Scientific Electronic Library Online (SCIELO). The methodological treatment of research sources was conducted through a critic analysis of the bibliographic and documentary references. The study clearly shows the invisibility of the subject investigated until 2000, as well as the increasing demand for studies of this nature in the following years. <![CDATA[<b>Cognitive processes in initial reading</b>: <b>the relationship between word recognition strategies and literacy</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-97022014000200010&lng=es&nrm=iso&tlng=es O conhecimento das correspondências grafema-fonema fornece um sistema mnemônico que contribui para a formação dos leitores iniciantes, favorecendo o desenvolvimento da fluência e da compreensão na leitura. Entretanto, muitas crianças apresentam dificuldade no processo de mapeamento automático da escrita das palavras e de sua pronúncia e podem necessitar de muito mais treino para atingir um nível normal de aprendizagem da leitura. Esta pesquisa examinou as estratégias de reconhecimento de palavras escritas manifestadas por crianças que enfrentam dificuldades no processo de alfabetização, em um teste de leitura controlado por critérios linguísticos relacionados às propriedades das palavras, tais como a estrutura interna da sílaba e os valores de grafemas independentes e dependentes de contexto na composição das palavras. A partir da caracterização das estratégias usadas pelas crianças, buscou-se saber em que medida elas impedem a identificação da pronúncia e do significado da palavra escrita. Concluiu-se que as dificuldades das crianças estão relacionadas a estratégias de leitura de palavras que evidenciam uma dissociação entre conhecimento das letras e desenvolvimento da consciência fonológica. Constatou-se, ainda, que o atraso no processo de aprendizagem dos alunos pode ter relação com o pouco conhecimento das regras de correspondências letra-som e com a dificuldade do mecanismo de decodificação na análise de estruturas silábicas não canônicas.<hr/>The knowledge of grapheme-phoneme correspondences provides a mnemonic system which contributes to the training of beginning readers, favoring the development of reading fluency and comprehension. However, many children have difficulty in the process of automatic mapping of the writing and pronunciation of words and may need much more training to achieve a normal level of reading acquisition. This research has examined the strategies for recognizing written words expressed by children facing difficulties in literacy process in a reading test controlled by linguistic criteria related to the properties of words, such as the internal structure of syllables and the values of context-dependent and independent graphemes in the composition of words. From the characterization of the strategies used by the children, I sought to determine to what extent such strategies prevent the identification of the pronunciation and meaning of written words. It was concluded that children difficulties are related to strategies for reading words which demonstrate a dissociation between the knowledge of letters and the development of phonological awareness. It was also found that the delay in the learning process of students may be related to poor knowledge of the letter-sound correspondence rules and to the difficulty of the decoding mechanism in the analysis of non-canonical syllable structures. <![CDATA[<b>Collaborative writing activity</b>: <b>perception of students, Grice's cooperative principle and <i>social loafing</i></b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-97022014000200011&lng=es&nrm=iso&tlng=es Este artigo discute a efetividade das adaptações de critérios aplicados às categorias do princípio cooperativo de Grice e a possível ocorrência de social loafing em atividades de escrita colaborativa. Apresenta a concepção de uma atividade desenvolvida em editor wiki de um Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA); as estratégias de envolvimento e sua aplicação junto a duas turmas de alunos de curso superior na área de ciências sociais aplicadas. Analisa os dados e os depoimentos relativos às dificuldades no domínio do editor, a clareza dos critérios de avaliação e a contribuição da experiência ao entendimento de um conceito de trabalho colaborativo. Os resultados da investigação demonstraram indícios de social loafing e de outras perdas de processo e, quanto à efetividade da aplicação dos critérios agregados às categorias do princípio de Grice, verificou-se que esses são efetivos para as contribuições individuais, mas não contemplam sutilezas e dimensões relativas às atividades em colaboração. Conclui-se que a proposta de colaboração não é uma barreira per se, ainda que dificuldades técnicas desestimulem os participantes. Um editor colaborativo que desconsidere a integração imediata entre os envolvidos gera contribuições estanques e acarreta o uso de alternativas externas ao ambiente de trabalho, o que dilui a proposta cooperativa. A divisão das tarefas, as responsabilidades de administração das páginas do editor e a definição de regras para intervenções devem ser explicitadas para que todos os envolvidos estejam seguros e motivados quanto às condições de sua participação. Ao fazer isso, diminuem-se perdas de processo e aumenta-se a efetividade de resposta aos objetivos da experiência de ensino-aprendizagem.<hr/>This article discusses the effectiveness of the adaptations of criteria applied to the categories of Grice's cooperative principle and the possible occurrence of social loafing in collaborative writing activities. It presents: the concept of an activity developed in a wiki editor of a Virtual Learning Environment (VLE); and the strategies of engagement and their application to two higher education classes in the area of applied social sciences. It analyzes data and testimonials relating to difficulties to master the editor, the clarity of evaluation criteria and the contribution of experience to the understanding of a concept of collaborative work. Research results have shown evidence of social loafing and other process losses and, as to the effectiveness of the application of the criteria added to the categories of Grice's principle, it was found that these criteria are effective for individual contributions, but do not consider subtleties and dimensions relating to activities in collaboration. It is concluded that the collaboration proposal is not a barrier per se, although technical difficulties discourage participants. A collaborative editor that disregards the immediate integration between those involved generates limited contributions and results in the use of alternatives outside the work environment, which dilutes the cooperative proposal. The division of tasks, responsibilities of managing the editor pages and setting rules for interventions should be made explicit so that all those involved are confident and motivated about the conditions of their participation. By doing so, there is a decrease in process losses and an increase in the effectiveness of responses to the objectives of the teaching-learning experience. <![CDATA[<b>The scholar-apprentice and the ephemeral locus of writing</b>: <b>for an ethics of academic inventiveness</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-97022014000200012&lng=es&nrm=iso&tlng=es Este texto procura abrir a possibilidade de se discutir, em conjunto, os processos próprios da escrita, vividos individualmente, mas partilhados na condição comum de alunos de doutoramento. Trata-se de promover uma discussão intensiva em torno dos bloqueios históricos que atingem a produção e a circulação dos textos acadêmicos, a partir de conceitos emanados de duas teses em história da educação. Nomeadamente, identificou-se em cada uma delas instrumentos singulares que realizam essa ligação entre o passado e o presente da ontologia da aprendizagem, a saber, os conceitos de polícia e de gênio. Apresenta-se a desnaturalização dessas noções do presente como solução local, artesanal e inteiramente irrepetível destinada a suspender a permanência histórica de figuras incapacitadas pela posição de autoridade e de ingenuidade em que se instalaram no processo de escrita inventiva. Em primeiro lugar, procurou-se pensar um conceito de polícia que permitisse analisar o problema da autoridade no sábio. Em segundo lugar, pretendeu-se identificar no gênio um aprendiz ingênuo. A partir desse duplo deslocamento, extraímos generalizações imputáveis à nossa escrita, contornando a segurança de quem fala (sábio) e o medo de quem escreve (aprendiz) com a personagem ambivalente do sábio-aprendiz, imagem do estatuto efêmero do pesquisador e do escritor recém-legitimado ainda por consagrar. O debate apoia-se no convite lançado pela literatura pós-estruturalista ao equacionar a vida enquanto obra de arte, traduzido aqui na possibilidade de refletir criticamente a respeito da virtualidade de se ser, simultaneamente, o sujeito e o objeto do seu próprio texto.<hr/>This article attempts to open up the possibility of debating the writing process as both an individual and shared academic experience. It proposes a discussion on the historically contingent hindrances that affect the production and circulation of academic texts, based on specific concepts drawn from two dissertations in the field of history of education. Both provide conceptual tools aimed at displaying the connection between past and present ontology of education: the notions of police and genius. The denaturalization of these contemporary notions is used as a topical, tailor-made solution devised to temporarily suspend the historical endurance of two familiar characters: the scholar and the apprentice. It is further argued that these polarized and complementary personae are incapacitated by the positions of authority and ingenuity in which they have been cast in relation to the creative process. First, a particular concept of police is devised to analyze the subject of the scholar's authority. Secondly, the genius is identified as a naïve apprentice. As a result of this exercise, it became possible to circumvent both the certainty of the scholar's prescriptive discourse and the inexperienced student's fear of writing by resorting to the ambivalent image of the scholar-apprentice: the ephemeral status of the writer when conducting his research. This dialog is rooted in the post-structural perception of life as a work of art, interpreted as the ability to critically ponder the possibility of simultaneously embodying the subject and the object of one's own writing. <![CDATA[<b>Examination of low schooling level of a cohort of young Brazilian mothers</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-97022014000200013&lng=es&nrm=iso&tlng=es Em todo o mundo, pesquisas sobre a fecundidade efetivada na segunda década da vida demonstram que jovens mães completam menos anos de escolarização se comparadas com pares etárias nulíparas ou, ainda, com mulheres que postergam o nascimento do primeiro filho para os 20 ou mais anos de idade. No Brasil, poucos estudos identificaram em que medida os diferenciais observados já estavam presentes antes da fecundidade e, por essa razão, torna-se difícil avaliar os efeitos do nascimento de um filho sobre as carreiras escolares das jovens mães. O presente estudo analisou a trajetória escolar de uma amostra representativa (n=225) para uma coorte de mães adolescentes residentes em Campinas, município com mais de 1 milhão de habitantes, localizado no Estado de São Paulo. Todas as jovens da amostra tiveram seu primeiro filho nascido vivo entre as idades de 17 e 19 anos no ano de 2005 e foram entrevistadas entre 2006 e 2007. Os anos de estudos concluídos foram mensurados por meio de uma observação transversal e pós-fecundidade. No entanto, a partir de questões retrospectivas, as histórias escolares das jovens mães foram reconstituídas longitudinalmente desde os 7 até os 16 anos, idades em que todas eram nulíparas. As elevadas proporções de repetências e interrupções em período anterior à gravidez e também ao nascimento do primeiro filho das jovens amostradas indicam que muitas tiveram suas histórias escolares cingidas por obstáculos que ultrapassam a questão da fecundidade: 28,0% repetiram de série e interromperam suas carreiras escolares, enquanto 78,2% repetiram ou evadiram ao menos uma série antes da gravidez e do nascimento do primeiro filho. Concluiu-se que, em função da metodologia adotada, estudos transversais que analisam os déficits educacionais das jovens mães somente após a fecundidade e os comparam diretamente com os anos de estudo alcançados por mulheres sem filhos - ou com aquelas que alcançaram a fecundidade após completarem 20 anos de idade - podem não identificar adequadamente a origem temporal da defasagem idade-série usualmente observada.<hr/>Worldwide research on fertility in the second decade of life has shown that young mothers complete fewer years of schooling than their nulliparous age peers and women who postpone their first childbirth until age 20 or later. In Brazil, few studies have identified the extent to which these gaps were already present before fertility. Thus, it is difficult to assess the real effect of pregnancy and fertility on young mothers’ education. This paper comprises an analysis of the educational progress of a representative sample (n = 225) of young women living in Campinas, a municipality of one million inhabitants in the state of Sao Paulo, Brazil. All individuals in the sample had their first live-born child between the ages of 17 and 19 in 2005 and were interviewed between 2006 and 2007. Their schooling histories from age seven to 16 (when all were still nulliparous) were then reconstituted longitudinally by the use of retrospective questions. The high incidence of academic failures and interruptions in studies prior to the subjects’ pregnancies and first live births indicates that many of them had encountered obstacles in their schooling career before fertility: 28.0% failed and dropped out while 78.2% failed or dropped out of at least one school grade before pregnancy and their first live birth. Thus, cross-sectional studies that analyze the schooling deficits of young mothers only after their first pregnancy or childbirth and directly compare them to the school achievements of childless women-or those who delayed their first childbirth after the age of 20-may not properly identify the origins of age-school grade gaps and the few years of schooling completed. <![CDATA[<b>Appropriation of numeracy practices in youth and adult education</b>: <b>values and discourses in confrontation</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-97022014000200014&lng=es&nrm=iso&tlng=es Este artigo contempla questões da apropriação de práticas de numeramento no contexto escolar por estudantes jovens e adultos da educação básica. Consideramos essas práticas sociais que envolvem ideias, critérios e representações matemáticas como práticas de letramento, constituídas por modos de uso da língua escrita e informadas pelas relações que estabelecem com valores e conhecimentos relativos à cultura letrada. No âmbito do estudo aqui apresentado, analisamos as posições discursivas assumidas pelos sujeitos em interações em sala de aula ocorridas durante a correção de uma atividade de matemática em que se solicitava que os alunos indicassem a ordem de grandeza de alguns objetos e a expressão das medidas aproximadas no sistema métrico decimal. Enquanto a proposta escolar requeria a produção de estimativas em detrimento da referência em situações específicas, os estudantes produziram respostas que se apoiam em situações contextuais e buscam a precisão. A análise sugere que os processos de apropriação das práticas de numeramento escolares não se restringem a uma dimensão técnica, estando relacionados às maneiras de os sujeitos se apropriarem dos valores a elas vinculados. No jogo discursivo escolar, alunos e alunas assumem posições diversas, que ora se solidarizam com os modos de conhecer escolares, ora os questionam, colocando-se como sujeitos de aprendizagem, nos diversos modos de conhecer e se relacionar com o mundo.<hr/>This article discusses issues concerning the appropriation of numeracy practices by young and adult students of primary and secondary schools. We consider these social practices that involve mathematical ideas, criteria and representations to be literacy practices, constituted by ways of using written language and informed by the relations that they establish with the values and knowledge of written culture. We analyze the discursive positions taken by subjects in classroom interactions during the correction of a mathematics activity in which students were requested to indicate the order of magnitude of some objects and the expression of their approximate measurements using the decimal metric system. While the school proposal required the production of estimates at the expense of reference in specific situations, students produced responses referenced in contextual situations and tried to be precise. Our analysis suggests that the learning processes of school numeracy practices are not restricted to a technical dimension, and are related to the ways subjects learn the values linked to them. In the educational discursive interplay, students take various positions, which sometimes sympathize with the school's ways of knowing, and sometimes question them. Thus, students act as subjects of learning in several ways of knowing and relating to the world. <![CDATA[<b>Sharks and minnows</b>: <b>stories of young protagonists</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-97022014000200015&lng=es&nrm=iso&tlng=es O artigo apresenta as trajetórias de três jovens moradores de uma pequena cidade do interior do Nordeste, analisando seu trânsito para os projetos sociais da região, os conflitos que vivenciaram na relação com as organizações e com os gestores dos programas, bem como seu engajamento político e social. Os depoimentos dos jovens têm sido coletados por meio de entrevistas semiestruturadas, no âmbito de uma pesquisa sobre trajetórias de jovens envolvidos em programas sociais. A partir de suas trajetórias de vida, antes, durante e depois de seu ingresso nos programas, procuramos compreender os sentidos e as consequências desse envolvimento para além do que geralmente é apontado pela literatura com respeito à abertura de oportunidades de inserção social. Em particular, interrogamos sobre a natureza dos conflitos vivenciados e suas implicações políticas. A história deles é exemplar da forma como projetos sociais voltados ao público jovem atuam, tanto pela relação que se estabelece entre os jovens público-alvo e os promotores das iniciativas, quanto pela forma como os projetos se desenvolvem e seus princípios e objetivos (o protagonismo, o empoderamento, a responsabilidade social) são concretizados. Do ponto de vista da mobilidade social, as trajetórias desses jovens podem ser consideradas bem-sucedidas; no entanto, seus sonhos de autonomia e organização coletiva ficaram frustrados. O lugar social que eles ocupam é, ainda, um lugar subalterno. Suas histórias são paradigmáticas de como, no âmbito da racionalidade neoliberal, a subjetividade se torna objeto, alvo e recurso de estratégias de regulação e as condutas são geridas não contra, mas sim através da liberdade individual.<hr/>This article analyzes the trajectories of three young residents of a small town in the Northeast, their transit to the social projects in the region, the conflicts they experienced in the relation with the organizations and program managers, their political and social engagement. Reports of the youths have been collected by means of semi-structured interviews as part of research on the trajectories of young people involved in social programs. Analyzing their life trajectories before, during and after their entry into the programs, we have sought to understand the meanings and consequences of such involvement, beyond what is usually pointed out in the literature with respect to opening up opportunities for social integration. In particular, we have questioned the nature of the conflicts experienced and their political implications. Their history is exemplary of how social projects for young people act, both because of the relation established between the "targeted" young people and the promoters of the initiatives, and because of how projects work and how their principles and goals (protagonism, empowerment, social responsibility) are achieved. From the point of view of social mobility, the trajectories of these young people can be considered successful. However, their dreams of autonomy and collective organization have been frustrated. The social space they occupy is still a subaltern place. Their histories are paradigmatic of how, in the context of neoliberal rationality, subjectivity becomes the object, target and resource of regulation strategies and of how behaviors are managed not against but through individual freedom. <![CDATA[<b>Compare</b>: <b>transitive verb; a conversation with Jürgen Schriewer</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-97022014000200016&lng=es&nrm=iso&tlng=es Professor e diretor do Centro de Educação Comparada da Universidade de Humboldt (Berlim, Alemanha), recentemente aposentado, Jürgen Schriewer é internacionalmente reconhecido por seus estudos em educação comparada. Foi também diretor da Faculdade de Educação daquela instituição e presidente da Sociedade de Educação Comparada da Europa. Como professor visitante, atuou em vários países, entre os quais França (Universidades René Descartes e Paris V), Japão (Universidade Waseda, em Tóquio) e Argentina (Universidade de San Andrés, em Buenos Aires). Esta entrevista busca oferecer ao leitor uma rara ocasião para conhecer um pouco mais a trajetória e o trabalho desse pesquisador que, há décadas focado nesta temática, trata aqui, de maneira mais informal, de matéria cada vez mais contemporânea e cara. Além de sua trajetória profissional e seu modo de inserção no campo da história da educação comparada, Schriewer compartilhou também impressões sobre os tempos e lugares pelos quais tem circulado, inclusive em sua dimensão estética, e os modos como essa circulação atua sobre sua reflexão. Em várias passagens, enalteceu a diversidade do mundo e das pessoas, diversidade que é, ela mesma, objeto de seus estudos e fonte de inspiração.<hr/>Professor and the director of Comparative Education Center at Humboldt University (Berlin, Germany), recently retired, Jurgen Schriewer is internationally recognized for his studies in comparative education. He was a professor at and the director of Comparative Education Center at Humboldt University, Berlin, Germany, and has recently retired. He was also the director of the Faculty of Education of that institution and president of the Comparative Education Society of Europe. As a visiting professor, he acted in several countries, including France (René Descartes and Paris V universities), Japan (Waseda university, Tokyo) and Argentina (San Andrés university, in Buenos Aires). This interview aims to offer the reader a rare opportunity to learn a little more about the work and the trajectory of a researcher who has focused on this theme for decades. Here, he treats this subject, which is increasingly contemporary and dear to him, in a more informally way. In addition to his professional trajectory and his role in the field of the history of comparative education, Schriewer also shared impressions about the times and places in which he has circulated, including their aesthetic dimension, and about how such movement influences his reflection. In several passages, he praised the diversity of the world and people. Such diversity is the object of his studies and a source of inspiration.