Scielo RSS <![CDATA[Revista Contabilidade & Finanças]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=1519-707720150001&lang=es vol. 26 num. 67 lang. es <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <![CDATA[PRESENTATION]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1519-70772015000100005&lng=es&nrm=iso&tlng=es <![CDATA[Knowledge as a Value: The Ideas of A-Growth and Commons]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1519-70772015000100007&lng=es&nrm=iso&tlng=es <![CDATA[Do Shared Interests Affect the Accuracy of Budgets?]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1519-70772015000100011&lng=es&nrm=iso&tlng=es The creation of budgetary slack is a phenomenon associated with various behavioral aspects. This study focuses on accuracy in budgeting when the benefit of the slack is shared between the unit manager and his/her assistant. In this study, accuracy is measured by the level of slack in the budget, and the benefit of slack represents a financial consideration for the manager and the assistant. The study aims to test how shared interests in budgetary slack affect the accuracy of budget reports in an organization. To this end, an experimental study was conducted with a sample of 90 employees in management and other leadership positions at a cooperative that has a variable compensation plan based on the achievement of organizational goals. The experiment conducted in this study is consubstantiated by the study of Church, Hannan and Kuang (2012), which was conducted with a sample of undergraduate students in the United States and used a quantitative approach to analyze the results. In the first part of the experiment, the results show that when budgetary slack is not shared, managers tend to create greater slack when the assistant is not aware of the creation of slack; these managers thus generate a lower accuracy index than managers whose assistants are aware of the creation of slack. When budgetary slack is shared, there is higher average slack when the assistant is aware of the creation of slack. In the second part of the experiment, the accuracy index is higher for managers who prepare the budget with the knowledge that their assistants prefer larger slack values. However, the accuracy level differs between managers who know that their assistants prefer maximizing slack values and managers who do not know their assistants' preference regarding slack. These results contribute to the literature by presenting evidence of managers' behavior in the creation of budgetary slack in scenarios in which they share the benefits of slack with their assistants.<hr/>A criação da folga orçamentária é um fenômeno associado com diferentes aspectos comportamentais, mas neste estudo se destaca o que focaliza a veracidade na elaboração dos orçamentos quando o benefício da folga é compartilhado entre o gerente da unidade e seu assistente. Neste caso, a veracidade é mensurada pelo nível de folga nos orçamentos e o benefício da folga representa um reflexo financeiro para o gerente e seu assistente. O estudo objetiva verificar como os interesses compartilhados na folga orçamentária afetam a veracidade dos relatórios orçamentários em uma organização. Para tal, realizou-se pesquisa experimental com uma amostra de 90 empregados, em cargos de gerência e liderança, de uma cooperativa que possui um plano de remuneração variável baseado no alcance das metas organizacionais. O experimento realizado na pesquisa consubstanciou-se no estudo de Church, Hannan, e Kuang (2012), desenvolvido com alunos de ensino superior dos Estados Unidos, e utilizou abordagem quantitativa na análise dos resultados. Constatou-se na primeira parte do experimento que, na condição de não compartilhamento da folga, os gerentes tendem a criar maior folga quando o seu assistente não é conhecedor da situação, refletindo-se em um índice de veracidade inferior, quando comparado com o assistente conhecedor da situação. Na condição de compartilhamento da folga, constatou-se média superior de folga quando o assistente é conhecedor da situação. Na segunda parte do experimento, os gerentes apontaram maior índice de veracidade na situação em que elaboram seu orçamento sabendo que seu assistente tem preferência por valores maiores de folga. Porém, o nível de veracidade é diferente entre os gerentes que sabem que o assistente prefere maximização de valores e gerentes que não sabem a preferência do assistente. Esses resultados contribuem com a literatura, ao apresentar evidências do comportamento de gerentes na criação de folga orçamentária em cenários de compartilhamento dos benefícios da folga com seus assistentes. <![CDATA[Assessment of the Methodological Rigor of Case Studies in the Field of Management Accounting Published in Journals in Brazil]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1519-70772015000100027&lng=es&nrm=iso&tlng=es This study aims to assess the methodological rigor of case studies in management accounting published in Brazilian journals. The study is descriptive. The data were collected using documentary research and content analysis, and 180 papers published from 2008 to 2012 in accounting journals rated as A2, B1, and B2 that were classified as case studies were selected. Based on the literature, we established a set of 15 criteria that we expected to be identified (either explicitly or implicitly) in the case studies to classify those case studies as appropriate from the standpoint of methodological rigor. These criteria were partially met by the papers analyzed. The aspects less aligned with those proposed in the literature were the following: little emphasis on justifying the need to understand phenomena in context; lack of explanation of the reason for choosing the case study strategy; the predominant use of questions that do not enable deeper analysis; many studies based on only one source of evidence; little use of data and information triangulation; little emphasis on the data collection method; a high number of cases in which confusion between case study as a research strategy and as data collection method were detected; a low number of papers reporting the method of data analysis; few reports on a study's contributions; and a minority highlighting the issues requiring further research. In conclusion, the method used to apply case studies to management accounting must be improved because few studies showed rigorous application of the procedures that this strategy requires.<hr/>Este artigo objetiva avaliar o rigor metodológico dos estudos de caso em Contabilidade Gerencial publicados em periódicos no Brasil. A pesquisa tem caráter descritivo. A coleta de dados foi realizada por meio de pesquisa documental e análise de conteúdo, sendo selecionados 180 artigos publicados no período de 2008 a 2012 em periódicos da área de Contabilidade classificados como A2, B1 e B2, enquadrados como estudo de caso. Com base na literatura, foi formado um conjunto de 15 quesitos que se espera identificar de forma explícita ou implícita nos estudos de caso, a fim de que possam ser considerados adequados sob o ponto de vista do rigor metodológico. Constatou-se nos artigos analisados o atendimento parcial desses quesitos. Os aspectos menos alinhados com o proposto na literatura foram: pouca ênfase em justificar a necessidade de entender o fenômeno em seu contexto; falta de explicação sobre o motivo da escolha por essa estratégia; predominância do uso de questões que não possibilitam aprofundamento da análise; muitos estudos embasados em apenas uma fonte de evidência; pouco uso de triangulação de dados e informações; pouca ênfase na forma de coleta de dados; elevado número de casos em que foi detectada confusão entre estudo de caso como estratégia de pesquisa e como técnica de coleta de dados; baixo número de artigos que evidenciam a forma de análise dos dados; poucos relatos sobre as contribuições geradas pelo estudo; e a minoria evidencia os pontos que precisam de continuidade nas investigações. Como conclusão, destaca-se a necessidade de melhorar a forma com que os estudos de caso são empregados na Contabilidade Gerencial, pois foram poucos os trabalhos caracterizados pela aplicação rigorosa dos procedimentos relativos a essa estratégia. <![CDATA[Quality Determinants of Independent Audits of Banks]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1519-70772015000100043&lng=es&nrm=iso&tlng=es Since DeAngelo's study (1981) on audit quality, the latter has been a topic well discussed in the international accounting literature; however, there is little evidence about audit quality in the financial market. In Brazil, studies on audit quality began only in the 2000s, although without a specific focus on banks. The purpose of this study was to identify the quality determinants of audit work in Brazilian banking institutions. Using the practice of earnings management as a proxy for audit quality - more specifically, the discretionary accruals related to the process of the constitution of the Loan Loss Provision (LLP) - tests were performed based on the quarterly information of commercial and multipleservice banks and savings banks from 2001 to 2012. Empirical tests have shown that the quality of audit work has several types of relationships as follows: negative with the client importance level for the auditor; negative with the works after the sixth year of the contract; positive with the establishment of the Audit Committee by the banks; positive with the judgment of punitive administrative proceedings against independent auditors; and positive with the level of rigor of the regulatory environment. Of the tested hypotheses, three were not confirmed empirically. The first hypothesis predicted an association between audit quality and the auditor degree of specialization in the banking industry. The second hypothesis predicted that audit quality would be negatively correlated with the degree of concentration of audit activity within the National Financial System (Sistema Financeiro Nacional - SFN). The third hypothesis predicted that audit quality would be lower when the auditorclient relationship is of a short term. The results of the study contribute to the debate concerning the role of auditors in the transparency and solidity of the financial system, including their role as a complementary or auxiliary supervisor.<hr/>Embora desde DeAngelo (1981) a qualidade da auditoria seja um tema com muito espaço na literatura contábil internacional, há poucas evidências sobre a qualidade da auditoria no mercado financeiro. No Brasil, apenas nos anos 2000 começaram a surgir estudos a respeito da qualidade de auditoria, mas sem foco específico em bancos. O presente estudo teve por propósito identificar os fatores determinantes da qualidade dos trabalhos dos auditores nas instituições bancárias brasileiras. Utilizando como proxy de qualidade de auditoria a prática de gerenciamento de resultados, mais especificamente os accruals discricionários relacionados ao processo de constituição da Provisão para Créditos de Liquidação Duvidosa (PCLD), foram realizados testes tendo por base as informações trimestrais de 2001 a 2012 dos bancos comerciais e múltiplos e caixas econômicas. Os testes empíricos revelaram que a qualidade dos trabalhos de auditoria tem relação: negativa com o nível de importância do cliente para o auditor; negativa com os trabalhos a partir do sexto ano de contrato; positiva com a instituição do Comitê de Auditoria por parte dos bancos; positiva com o julgamento de processos administrativos sancionadores contra os auditores independentes; positiva com o nível de rigor do ambiente regulatório. Das hipóteses testadas, três não foram confirmadas empiricamente. A primeira previa uma associação entre a qualidade das auditorias e o grau de especialização do auditor na indústria bancária; a segunda, que a qualidade das auditorias teria relação negativa com o grau de concentração da atividade de auditoria no âmbito do Sistema Financeiro Nacional (SFN); e a terceira, que a qualidade das auditorias seria de menor qualidade quando a relação auditor-cliente fosse de curto prazo. Os resultados da pesquisa contribuem para o debate sobre o papel dos auditores para a transparência e a solidez do sistema financeiro, inclusive como ação complementar ou auxiliar de supervisão. <![CDATA[Analysis of the Relevance of Information Content of the Value Added Statement in the Brazilian Capital Markets]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1519-70772015000100057&lng=es&nrm=iso&tlng=es The usefulness of financial statements depends, fundamentally, on the degree of relevance of the information they disclose to users. Thus, studies that measure the relevance of accounting information to the users of financial statements are of some importance. One line of research within this subject is in ascertaining the relevance and importance of accounting information for the capital markets: if a particular item of accounting information is minimally reflected in the price of a share, it is because this information has relevance, at least at a certain level of significance, for investors and analysts of the capital markets. This present study aims to analyze the relevance, in the Brazilian capital markets, of the information content of the Value Added Statement (or VAS) - referred to in Brazil as the Demonstração do Valor Adicionado, or DVA. It analyzed the ratio between stock price and Wealth created per share (WCPS), using linear regressions, for the period 2005-2011, for non-financial listed companies included in Melhores &amp; Maiores ('Biggest &amp; Best'), an annual listing published by Exame Magazine in Brazil. As a secondary objective, this article seeks to establish whether WCPS represents a better indication of a company's result than Net profit per share (in this study, referred to as NPPS). The empirical evidence that was found supports the concept that the VAS has relevant information content, because it shows a capacity to explain a variation in the share price of the companies studied. Additionally, the relationship between WCPS and the stock price was shown to be significant, even after the inclusion of the control variables Stockholders' equity per share (which we abbreviate in this study to SEPS) and NPPS. Finally, the evidence found indicates that the market reacts more to WCPS (Wealth created per share) than to NPPS. Thus, the results obtained give some indication that, for the Brazilian capital markets, WCPS may be a better proxy concept for referring to a company's result than NPPS.<hr/>A utilidade das demonstrações financeiras depende, fundamentalmente, da relevância das informações que produz e divulga aos usuários. Assim sendo, se torna importante a realização de estudos que verifiquem a relevância da informação contábil para seus usuários. Neste contexto, uma das linhas de pesquisa neste tema busca verificar a relevância da informação contábil para o mercado de capitais, tendo como base que, se uma informação contábil está minimamente refletida no preço das ações, é porque essa informação é relevante, pelo menos a certo nível de significância, para os investidores e analistas do mercado de capitais. Neste sentido, o presente estudo tem por objetivo analisar a relevância do conteúdo informacional da Demonstração do Valor Adicionado (DVA) no mercado de capitais brasileiro. Para tanto, analisou-se, por meio de regressão linear, a relação entre o preço das ações e a riqueza criada por ação (RCPA), para o período de 2005 a 2011, das empresas não-financeiras de capital aberto listada entre as melhores e maiores empresas, segundo a publicação anual da Revista Exame. Como objetivo secundário, este artigo procurou analisar se a RCPA representava uma melhor proxy para o resultado que o lucro líquido por ação (LLPA). As evidências empíricas encontradas suportam que a DVA possui conteúdo informacional relevante, pois consegue explicar a variação no preço das ações das empresas pesquisadas. Adicionalmente, a relação entre a RCPA e o preço mostrou-se significativa, mesmo depois da inclusão das variáveis de controle: patrimônio líquido por ação (PLPA) e lucro líquido por ação (LLPA). Por fim, as evidências observadas indicam que o mercado reage mais à RCPA do que ao LLPA. Dessa forma, os resultados obtidos revelam indícios de que a RCPA representa para o mercado de capitais brasileiro uma melhor proxy para o resultado da empresa que o LLPA. <![CDATA[Exit and Failure of Credit Unions in Brazil: A Risk Analysis]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1519-70772015000100070&lng=es&nrm=iso&tlng=es This study aims to investigate the factors that affect the market exit of Brazilian singular credit unions from 1995 to 2009; it also identifies and lists the determinants of various types of market exits and analyzes whether profitability is a significant factor for credit union survival. This study was conducted with accounting data provided by the Central Bank of Brazil, which derives only from individual cooperatives, i.e. singular credit unions. Quarterly financial statements from these credit unions that were active from 1995 to the second quarter of 2009 were employed, totaling 71,325 observations for 1,929 credit unions. Based on survival and the model of competing risks (such as the Cox, Exponential, Weibull, Gompertz, and Competing Risk models), the results show that there is no statistical evidence to ensure a correlation between profitability and credit union survival. The results also suggest that the size of credit unions plays a key role in their survival and longevity and that their funding and investment management are related to their survival and risk of market exit. In conclusion, the results confirm the initial idea that the duality inherent to credit unions - cooperative principles versus economic efficiency - might influence the stability, survival, and longevity of these institutions. Such results may also imply that a credit union embracing the rationale of a private bank will become more estranged from its members, something which will hinder its future operations and increase the likelihood of its exit from the market.<hr/>Este estudo tem por objetivo investigar os fatores que afetam a saída do mercado das cooperativas de crédito singulares brasileiras de 1995 a 2009; ele também identifica e lista os determinantes dos diversos tipos de saída do mercado e analisa se a rentabilidade é um fator significativo para a sobrevivência da cooperativa de crédito. Este estudo foi realizado com dados contábeis fornecidos pelo Banco Central do Brasil, derivados apenas das cooperativas individuais, ou seja, as cooperativas de crédito singulares. As demonstrações financeiras trimestrais dessas cooperativas de crédito que estavam ativas desde 1995 até o segundo trimestre de 2009 foram empregadas, totalizando 71.325 observações para 1.929 cooperativas de crédito. Com base em modelos de sobrevivência e no modelo de riscos competitivos (como os modelos de Cox, Exponencial, Weibull, Gompertz e Risco Competitivo), os resultados demonstram que não há evidências estatísticas que garantam uma correlação entre rentabilidade e sobrevivência da cooperativa de crédito. Os resultados também sugerem que o porte das cooperativas de crédito desempenha um papel fundamental para sua sobrevivência e longevidade e que seu financiamento e sua gestão de investimentos estão relacionados à sua sobrevivência e ao seu risco de saída do mercado. Em conclusão, os resultados confirmam a ideia inicial de que a dualidade inerente às cooperativas de crédito - princípios cooperativos versus eficiência econômica - poderia influenciar a estabilidade, sobrevivência e longevidade dessas instituições. Tais resultados também podem implicar que uma cooperativa de crédito que adota a lógica de um banco privado ficará mais distante de seus membros, algo que prejudicará suas futuras operações e aumentará a probabilidade de sua saída do mercado. <![CDATA[Is There a Difference in Credit Constraints Between Private and Listed Companies in Brazil? Empirical Evidence by The Cash Flow Sensitivity Approach]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1519-70772015000100085&lng=es&nrm=iso&tlng=es This article analyzes the credit constraints, using the cash flow sensitivity approach, of private and listed companies between 2007 and 2010. According to this approach, the econometric results show that the credit constraints are the same for either private or listed companies. This paper seeks to contribute to the literature because the study of credit constraints of private companies based on cash flow sensitivity in Brazil has been rare.<hr/>Este artigo analisa a restrição de crédito pela abordagem do cash flow sensitivity (relação entre fluxo de caixa e investimento) para empresas de capital fechado e de capital aberto de 2007 a 2010. De acordo com essa abordagem, os resultados econométricos mostram que a restrição ao crédito é a mesma para empresas de capital aberto e de capital fechado. O presente trabalho procura contribuir para a literatura uma vez que os autores não encontraram estudos de cash flow sensitivity para empresas de capital fechado no Brasil. <![CDATA[Perceived Problems of Being an Accounting Teacher]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1519-70772015000100093&lng=es&nrm=iso&tlng=es This study aims to identify the primary problems faced by accounting professors both upon entry into the profession and during later phases. Thus, it seeks to answer the following research question: what are the problems perceived by accounting professors in Brazil during each phase of the professional life cycle? The data collection instrument was constructed based on the life cycles proposed by Huberman (2000) and the problems identified by Veenman (1984) and validated by a committee of experts (Delphi technique). The sample consisted of 574 Brazilian professors. The results indicate that the main problems faced by professors were the following: "lack of student motivation"; "heterogeneous classes"; "amount of administrative work"; "very large class size"; and "lack of time". It was also found that these problems tend to be the same during all phases of the professorial life cycle. However, these problems are more intense upon entry into the career; their importance decreases in each phase. It was also found that professors working for public versus private institutions confronted different problems. The large amount of administrative work and the lack of guidance by the higher education institution (HEI) are typical problems of public institutions. The degree level achieved by professors is also sensitive to the type of problems that they face. In other words, the lack of opportunities for additional training, the lack of HEI guidance, and the knowledge of academic standards are issues that most directly affect professors with lower professional degrees, whereas the lack of time and the large amount of administrative work are problems faced with greater intensity by professors with higher degrees.<hr/>Este estudo tem por objetivo mapear os principais problemas enfrentados pelos docentes de Contabilidade no ingresso na carreira e nas fases posteriores, assim, almeja responder à seguinte questão de pesquisa: quais são os problemas percebidos pelos docentes de Contabilidade no Brasil em cada fase do ciclo de vida profissional? O instrumento de coleta de dados foi construído a partir dos ciclos de vida propostos por Huberman (2000) e dos problemas levantados por Veenman (1984) e validados por uma comissão de especialistas (Técnica Delphi). A amostra foi composta por 574 professores brasileiros. Os resultados indicam que os principais problemas enfrentados pelos docentes foram: "falta de motivação dos alunos"; "heterogeneidade das classes"; "quantidade de trabalho administrativo"; "salas muito grandes"; e "falta de tempo". Também foi verificado que os problemas tendem a ser os mesmos, em todas as fases do ciclo de vida. No entanto, esses problemas são mais intensos no ingresso na carreira, diminuindo sua importância em cada fase. Também foram encontradas diferenças entre os problemas enfrentados por docentes vinculados a instituições públicas e privadas. A grande quantidade de trabalho administrativo e a falta de orientação da instituição de Ensino Superior (IES) são problemas típicos de instituições públicas. O nível de titulação também é sensível ao tipo de problema enfrentado pelo docente. Ou seja, a falta de condições para se qualificar, a falta de orientações por parte das IES e o conhecimento das normas acadêmicas são problemas que afetam mais diretamente os docentes menos titulados, enquanto a falta de tempo e a grande quantidade de trabalho administrativo são problemas enfrentados com maior intensidade pelos docentes de maior titulação. <![CDATA[Impact of Retirements and Pensions on the Social Welfare of the Households from Minas Gerais State]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1519-70772015000100106&lng=es&nrm=iso&tlng=es One of the main arguments for the existence of public social security systems relates to their potential use as income distribution and welfare policy tools. In this vein, several studies have sought to evaluate the effects of social security benefits on poverty and inequality. However, the evidence obtained from Brazilian studies regarding the effects of social security remains inconclusive, and studies evaluating the impact of social security on social welfare indices are scarce. The objective of this paper is to measure the impact of retirement and pensions provided by social security programs on the welfare level of households in the state of Minas Gerais, Brazil. The methodological approach is based on propensity score matching, and microdata from the National Household Sample Survey (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios - PNAD, 2009) are used. The results demonstrate that income from retirement and pensions represents an important portion of beneficiary households' income, especially lower-income beneficiary households. The results suggest that social security has a positive effect on the incomes, access to knowledge and living conditions of the households analyzed. The impact of retirement and pensions on households in low-income groups (Classes D and E) tends to be more significant relative to the impact on middle class households (Class C).<hr/>Um dos principais argumentos para a existência de sistemas públicos de previdência social está associado à possibilidade de sua utilização como mecanismo de distribuição de renda e de política de assistência social. Muitos estudos buscaram avaliar os impactos dos benefícios concedidos pela previdência social na pobreza e desigualdade da distribuição de renda. Não obstante, as evidências obtidas com as experiências brasileiras na avaliação da previdência social continuam inconclusivas. Além disso, ainda são escassos os trabalhos que avaliam os efeitos da previdência nos indicadores de bem-estar social. Nesse sentido, o objetivo principal deste artigo consiste na mensuração do impacto das aposentadorias e pensões emitidas pela previdência social no nível de bem-estar das famílias dos domicílios de Minas Gerais. A pesquisa adota um método quase experimental de avaliação de impacto, conhecido como pareamento baseado no escore de propensão (propensity score matching), utilizando os microdados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) de 2009. Os resultados mostraram que os rendimentos provenientes das aposentadorias e pensões da previdência social brasileira representam uma importante parcela da renda domiciliar das famílias beneficiadas, especialmente entre aquelas com menor renda. Também se encontrou um efeito positivo da previdência social na renda, no acesso ao conhecimento e nas condições de moradia nos domicílios analisados. Constatou-se que, em geral, os impactos das aposentadorias e pensões tendem a ser mais expressivos nos domicílios com menor renda (faixas D e E), em comparação com os domicílios incluídos na faixa C. <![CDATA[Informações editoriais 2014]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1519-70772015000100119&lng=es&nrm=iso&tlng=es One of the main arguments for the existence of public social security systems relates to their potential use as income distribution and welfare policy tools. In this vein, several studies have sought to evaluate the effects of social security benefits on poverty and inequality. However, the evidence obtained from Brazilian studies regarding the effects of social security remains inconclusive, and studies evaluating the impact of social security on social welfare indices are scarce. The objective of this paper is to measure the impact of retirement and pensions provided by social security programs on the welfare level of households in the state of Minas Gerais, Brazil. The methodological approach is based on propensity score matching, and microdata from the National Household Sample Survey (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios - PNAD, 2009) are used. The results demonstrate that income from retirement and pensions represents an important portion of beneficiary households' income, especially lower-income beneficiary households. The results suggest that social security has a positive effect on the incomes, access to knowledge and living conditions of the households analyzed. The impact of retirement and pensions on households in low-income groups (Classes D and E) tends to be more significant relative to the impact on middle class households (Class C).<hr/>Um dos principais argumentos para a existência de sistemas públicos de previdência social está associado à possibilidade de sua utilização como mecanismo de distribuição de renda e de política de assistência social. Muitos estudos buscaram avaliar os impactos dos benefícios concedidos pela previdência social na pobreza e desigualdade da distribuição de renda. Não obstante, as evidências obtidas com as experiências brasileiras na avaliação da previdência social continuam inconclusivas. Além disso, ainda são escassos os trabalhos que avaliam os efeitos da previdência nos indicadores de bem-estar social. Nesse sentido, o objetivo principal deste artigo consiste na mensuração do impacto das aposentadorias e pensões emitidas pela previdência social no nível de bem-estar das famílias dos domicílios de Minas Gerais. A pesquisa adota um método quase experimental de avaliação de impacto, conhecido como pareamento baseado no escore de propensão (propensity score matching), utilizando os microdados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) de 2009. Os resultados mostraram que os rendimentos provenientes das aposentadorias e pensões da previdência social brasileira representam uma importante parcela da renda domiciliar das famílias beneficiadas, especialmente entre aquelas com menor renda. Também se encontrou um efeito positivo da previdência social na renda, no acesso ao conhecimento e nas condições de moradia nos domicílios analisados. Constatou-se que, em geral, os impactos das aposentadorias e pensões tendem a ser mais expressivos nos domicílios com menor renda (faixas D e E), em comparação com os domicílios incluídos na faixa C.