Scielo RSS <![CDATA[Revista Ciência Agronômica]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=1806-669020170004&lang=pt vol. 48 num. 4 lang. pt <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <![CDATA[Taxa de absorção de macronutrientes e partição de biomassa durante o crescimento inicial do pinhão-manso]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1806-66902017000400565&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT Jatropha seeds oil can replace fossil fuels, but the nutrient supply management for this species is not fully described. The objective with this work was to establish curves of macronutrient (nitrogen - N; phosphorus - P; potassium - K; calcium - Ca; magnesium - Mg and sulfur - S) content in leaves, stem and roots, and to evaluate the relative growth rate (RGR), absolute growth rate (AGR) and the foliar mass ratio (FMR). The experiment was arranged in completely randomized design with five replications. Jatropha plants were grown in nutrient solution and collected at intervals of 14 up to 119 days after treatments started. The period of highest uptake of nutrients occurred from 7 to 35 days after treatments started, which coincides with highest AGR, RGR, FMR and accumulation of dry biomass. The highest Ca and Mg accumulation occurred in the leaves (respectively 48% and 47% of the total taken up), while N, K, S and P were mostly accumulated in the stem (58%, 56%, 56% and 53%, respectively). The nutrients more taken up by Jatropha plants were N and Ca, and the order of macronutrients uptake was: N &gt; Ca &gt; K &gt; Mg &gt; S &gt; P. Jatropha plants have shown high macronutrients content on its early development, indicating the importance of nutritional management to achieve reliable biomass yield.<hr/>RESUMO O óleo das sementes de pinhão-manso possui potencial para substituir combustíveis fósseis, porém o manejo nutricional para a espécie ainda não é totalmente descrito. O objetivo com esse trabalho foi estabelecer curvas de acumulo de macronutrientes em folhas, caule e raiz, bem como avaliar a taxa de crescimento relativo (TCR), taxa de crescimento absoluto (TCA) e relação de massa foliar (RMF) do pinhão-manso. O experimento foi inteiramente casualizado com cinco repetições. Plantas de pinhão-manso foram cultivadas em solução nutritiva e coletadas em intervalos de 14 dias até 119 após o início do tratamento. O período de maior absorção de macronutrientes ocorreu entre 7 a 35 dias após o início dos tratamentos, que coincidiu com a maior TCR, TCA, RMF e acúmulo de biomassa seca. O maior conteúdo de Ca e Mg ocorreu nas folhas (respectivamente 48% e 47% do total absorvido), enquanto N, K, S e P foram mais acumulados no caule (58%, 56%, 56% e 53%, respectivamente). Os nutrientes mais absorvidos pelo pinhão-manso foram N e Ca, e a ordem de conteúdo de macronutrientes foi: N &gt; Ca &gt; K &gt; Mg &gt; S &gt; P. O pinhão-manso apresentou alto acúmulo de macronutrientes no seu desenvolvimento inicial, indicando a importância do manejo nutricional para alcançar a produção adequada. <![CDATA[Concentração de nutrientes em tomate cereja sob manejos de aplicação da solução nutritiva com água salobra]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1806-66902017000400576&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt RESUMO Objetivou-se com este trabalho avaliar a concentração dos nutrientes no tecido foliar das plantas de tomate cereja cv. "Rita", cultivadas em sistema hidropônico utilizando água com crescentes níveis de salinidade no preparo da solução nutritiva, submetendo as plantas a diferentes tempos de exposição à salinidade e turnos de rega. O experimento foi conduzido em casa de vegetação em sistema hidropônico em vasos com substrato. O delineamento experimental foi em blocos inteiramente casualizados em esquema fatorial 6 x 2 x 2, sendo seis níveis de salinidade da solução nutritiva (3,01; 4,51; 5,94; 7,34; 8,71 e 10,40 dS m-1), dois tempos de exposição das plantas à salinidade (51 e 6 dias) e dois turnos de rega (uma irrigação por dia e uma irrigação a cada dois dias). Foram avaliadas as concentrações de nitrogênio, fósforo, potássio, cálcio, magnésio, enxofre, sódio e cloro no tecido foliar das plantas. O uso de água salobra no preparo da solução nutritiva promoveu efeitos de interações antagônicas entre os nutrientes, afetando as concentrações dos mesmos. O aumento da salinidade provocou aumentos nas concentrações de sódio e cloro e redução nas concentrações de potássio e nitrogênio no tecido foliar. O menor tempo de exposição das plantas à salinidade proporcionou reduções de menores magnitudes nas concentrações de potássio e nitrogênio e diminui as concentrações de sódio e cloro. O turno de rega com uma irrigação a cada dois dias afetou as concentrações foliares de nitrogênio, cálcio e magnésio.<hr/>ABSTRACT The aim of this work was to evaluate nutrient concentration in the leaf tissue of plants of the cherry tomato 'Rita', cultivated in a hydroponic system using water with increasing levels of salinity in the preparation of the nutrient solution, submitting the plants to different periods of exposure to salinity and irrigation frequency. The experiment was conducted in a greenhouse under a hydroponic system in pots containing substrate. The experimental design was of completely randomised blocks in a 6 x 2 x 2 factorial scheme, with six levels of salinity for the nutrient solution (3.01, 4.51, 5.94, 7.34, 8.71 and 10.40 dS m-1), two periods of plant exposure to salinity (51 and 6 days), and two irrigation frequencies (one irrigation per day and one irrigation every two days). The concentrations of nitrogen, phosphorus, potassium, calcium, magnesium, sulphur, sodium and chlorine were evaluated in the leaf tissue of the plants. The use of brackish water in the preparation of the nutritent solution promoted the effect of antagonistic interactions between the nutrients, affecting their concentrations. The increase in salinity resulted in increases in the concentration of sodium and chlorine, and a reduction in the concentration of potassium and nitrogen in the leaf tissue. The shorter exposure time of the plants to salinity resulted in smaller reductions in the concentration of potassium and nitrogen, and decreased the concentration of sodium and chlorine. Irrigation every two days affected the concentration of nitrogen, calcium and magnesium in the leaves. <![CDATA[Variabilidade espacial do ambiente em galpões de frango de corte com sistema de nebulização]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1806-66902017000400586&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt RESUMO Para as aves expressarem melhor suas características genéticas é necessário que estejam em um ambiente favorável para isso, pois o mecanismo de controle da temperatura corporal só é eficiente quando a temperatura do ambiente se encontra dentro de certos limites. O objetivo deste trabalho foi avaliar o ambiente interno de galpões avícolas, medindo temperatura e umidade relativa do ar para o cálculo do Índice Entalpia de Conforto (IEC), bem como a medição da temperatura da cama das aves, luminosidade e velocidade do ar no interior dos galpões para elaboração de mapas de krigagem. As avaliações foram feitas durante a época seca, no período da manhã e da tarde, em dois galpões idênticos, através de ferramentas de precisão. Os dados de temperatura da cama, luminosidade e velocidade do ar foram analisados através da geoestatística e, posteriormente foram elaborados mapas com os perfis da distribuição espacial destas variáveis ao longo dos galpões. Com os mapas foi possível observar que em alguns locais a temperatura da cama das aves apresentou valores muito elevados, chegando a 33,8 ºC aos 42 dias de uso do galpão, temperatura considerada elevada e que pode prejudicar as trocas térmicas e gerar desconforto térmico para as aves. Os mapas de krigagem também mostraram que o sistema de ventilação não distribuiu o vento de forma homogênea e que a maior média da velocidade do ar foi 2,6 m s-1. Esses fatores demonstraram necessidades de correções do ambiente do galpão, para melhor o conforto térmico das aves.<hr/>ABSTRACT For fowl to better express their genetic characteristics, they need to be in a favourable environment, since the mechanism for controlling body temperature is only efficient when the temperature of the environment is within certain limits. The aim of this study was to evaluate the internal environment of poultry sheds, measuring temperature and relative humidity to calculate the Enthalpy Comfort Index (ECI), as well as measuring the litter temperature, and the indoor luminosity and air velocity of the sheds to prepare kriging maps. Evaluations were made during the dry season, in the morning and afternoon, in two identical sheds, using precision tools. The data for litter temperature, luminosity and air velocity were analysed with geostatistics, and maps were then elaborated to show the spatial distribution profiles of the variables throughout the sheds. From the maps, it was possible to see that in some places the temperature of the litter displayed very high values, reaching 33.8 ºC by day 42 of shed use, a temperature that is considered high and that can hinder thermal exchange and generate thermal discomfort for the birds. The kriging maps also showed that the ventilation system did not distribute the wind evenly, and that the greatest average air velocity was 2.6 m s-1. These factors demonstrated the need for corrections to the shed environment, to improve the thermal comfort of the birds. <![CDATA[Produção de porta-enxerto de goiabeira cultivado com águas de diferentes salinidades e doses de nitrogênio]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1806-66902017000400596&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt RESUMO A escassez de água de boa qualidade e a ocorrência de solos com baixa fertilidade são fatores limitantes para a agricultura irrigada, principalmente em regiões áridas e semiáridas, o que induz a utilização de águas salinas e adubação nitrogenada como alternativas para a produção agrícola nessas regiões. Desse modo, objetivou-se avaliar o crescimento, produção de fitomassa e qualidade de porta-enxerto de goiabeira 'Crioula' sob estresse salino e doses de adubação nitrogenada, em condições de ambiente protegido no CCTA/UFCG. O delineamento estatístico foi o de blocos casualizados em esquema fatorial (5 x 4), com quatro repetições. Os tratamentos consistiram da combinação de cinco níveis de condutividade elétrica da água de irrigação (0,3; 1,1; 1,9; 2,7 e 3,5 dS m-1) e quatro doses de nitrogênio (70, 100, 130 e 160% de N da dose recomendada para cultivo de mudas de goiabeira). A dose de 541,1 mg de N dm-3 de solo (70% de N recomendada) estimulou o crescimento, o acúmulo de fitomassa na parte aérea e a qualidade dos porta-enxertos de goiabeira 'Crioula'. Irrigação com CEa acima de 0,3 dS m-1 afetou negativamente as taxas de crescimento absoluto do diâmetro do caule, fitomassa seca da parte aérea, relação raiz/parte aérea e índice de qualidade de Dickson. A adubação nitrogenada nas doses de 70 e 100% de N recomendada reduziu o efeito da salinidade da água de irrigação sobre a taxa de crescimento relativo do diâmetro do caule de porta-enxertos de goiabeira.<hr/>ABSTRACT The scarcity of good-quality water and the occurrence of low-fertility soils are limiting factors in irrigated agriculture, especially in arid and semi-arid regions, which leads to the use of salt water and nitrogen fertiliser as alternatives for agricultural production in these regions. The aim of this work therefore, was to evaluate growth, biomass production and rootstock quality in the guava 'Crioula' under salt stress and doses of nitrogen fertiliser in a protected environment at CCTA/UFCG. The experimental design was of randomised blocks in a 5 x 4 factorial scheme, with four replications. The treatments consisted of a combination of five levels of electrical conductivity of the irrigation water (0.3, 1.1, 1.9, 2.7 and 3.5 dS m-1) and four doses of nitrogen (70, 100, 130 and 160% of the recommended dose for guava seedlings). The dose of 541.1 mg N dm-3 soil (70% of the recommended N) stimulated growth, the accumulation of shoot biomass, and the quality of the guava 'Crioula' rootstock. Irrigation with an ECw greater than 0.3 dS m-1 had a negative effect on the absolute growth rate of the stem diameter, shoot dry matter, root to shoot ratio, and the Dickson quality index. Nitrogen fertiliser at 70 and 100% of the recommended level of N reduced the effect of irrigation water salinity on the relative growth rate of the stem diameter in the guava rootstock. <![CDATA[Interferência de plantas daninhas na cultura da soja em função do espaçamento de semeadura]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1806-66902017000400605&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT The use of double row spacing on soybean crop is recent and consists of a new soybean production technology in Brazil and worldwide, so weed interference may be different in relation to single crop row. Thus, the objective of this work was to evaluate the weed interference in soybean crop in function of sowing spacing. The experimental design was randomized blocks and treatments were arranged in a factorial (2x16): two spacings, a double row spacing [(0.20 x 0.20 m) x 0.67 m] and a conventional single row spacing (0.45 x 0.45 m) and sixteen periods of weed management, being eight control periods in which soybean was kept free of weeds by increasing periods of 7; 14; 21; 28; 35; 42; 49 and 145 days after emergence and eight coexistence periods, when the crop was maintained in the presence of the weed community for the same periods. The Critical Timing of Weed Removal (CTWR) was lower in the double row spacing, with eight days, compared with single spacing that was of 18 days. The Critical Weed-Free Period (CWFP) was of 36 and 31 days for double and single row spacing, respectively, and the emergence of weeds after this period did not cause damage to the productivity, but the Critical Period of Weed Control (CPWC) was higher in double row spacing (28 days) compared to the single row, which was of 13 days. The spacing in double row had a higher grain yield than the spacing in single row.<hr/>RESUMO A utilização de espaçamento de fileira dupla na cultura da soja é recente e constituem-se em uma nova tecnologia de produção de soja no Brasil e no mundo, com isso, a interferência de plantas daninhas pode ser diferentes em relação ao cultivo de linhas simples. Assim, o objetivo deste trabalho foi avaliar a interferência de plantas daninhas na cultura da soja em função do espaçamento de semeadura. O delineamento experimental utilizado foi em blocos casualizados e os tratamentos foram dispostos em esquema fatorial (2x16): dois espaçamentos, um espaçamento de fileira dupla [(0,20 x 0,20 m) x 0,67 m] e um espaçamento convencional de fileira simples (0,45 x 0,45 m) e dezesseis períodos de manejo de plantas daninhas, sendo oito períodos de controle em que a soja foi mantida livre das plantas daninhas por períodos crescentes de 7; 14; 21; 28; 35; 42; 49 e 145 dias após a sua emergência e oito períodos de convivência, quando a cultura foi mantida na presença da comunidade infestante pelos mesmos períodos. O Período Anterior a Interferência foi menor no espaçamento em fileira dupla (8 dias) quando comparado ao espaçamento simples (18 dias). O Período Total de Prevenção da Interferência foi de 36 e 31 dias para o espaçamento em fileira dupla e simples, respectivamente, sendo que a emergência de plantas daninhas após este período não reduziu a produtividade, porém o Período Crítico de Prevenção à Interferência foi maior no espaçamento em fileira dupla (28 dias) em comparação ao da fileira simples que foi de 13 dias. O espaçamento em fileira dupla apresentou uma produtividade de grãos superior ao de fileira simples. <![CDATA[Atmosfera modificada associada à refrigeração na conservação de frutos de bananas resistentes à Sigatoka Negra]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1806-66902017000400614&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT The aim of this work was to evaluate the chemical, physical and sensory characteristics of the Caipira and Pakovan Ken cultivars of the banana (Musa spp.), resistant to black Sigatoka (Mycosphaerella fijiensis Morelet), both with and without low-density polyethylene wrapping and together with refrigeration during the period of post-harvest storage. The experiment was carried out in 2012, in a randomised block design and an arrangement of lots split over time. A 3 x 2 factorial scheme was used for the lots, consisting of fruit with no wrapping and fruit wrapped in 10 and 16 µm polyethylene film, and two cultivars, Caipira and Pakovan Ken. The sub-lots consisted of evaluations made at intervals of six days (0, 6, 12, 18 and 24) and of two days (0, 2, 4, 6 and 8), for fruit stored at temperatures of 12, 15 and 25 ºC respectively. The following variables were evaluated: soluble solids, titratable acidity, ratio of soluble solids to titratable acidity, hydrogen potential, total soluble sugars, fruit colouration and sensory analysis. The polyethylene film together with the refrigeration enabled the fruit to be stored for 24 days, maintaining post-harvest characteristics suitable for consumption. The Pakovan Ken cultivar stood out when compared to the Caipira, with higher values for the fruit attributes under evaluation.<hr/>RESUMO O objetivo do trabalho foi avaliar as características químicas, físicas e sensoriais dos frutos de banana (Musa spp.) cultivar Caipira e Pacovan Ken, resistentes à Sigatoka Negra (Mycosphaerella fijiensis Morelet), com e sem embalagem de polietileno de baixa densidade, associada à refrigeração durante o período de armazenamento pós-colheita. O experimento foi instalado em 2012, no delineamento de blocos casualizados em esquema de parcelas subdivididas no tempo, tendo nas parcelas um fatorial 3 x 2 referente aos frutos sem embalagem e com embalagem de polietileno de 10 e 16 µm e duas cultivares Caipira e Pakovan Ken, e nas subparcelas as avaliações em intervalos de seis dias (0; 6; 12; 18 e 24) e dois dias (0; 2; 4; 6 e 8), para frutos armazenados nas temperaturas de 12; 15 e 25 ºC, respectivamente. As variáveis avaliadas foram: sólidos solúveis, acidez titulável, relação sólidos solúveis/ acidez titulável, potencial hidrogeniônico, açúcares solúveis totais, coloração do fruto e análise sensorial. A embalagem de polietileno associada à refrigeração manteve os frutos armazenados por 24 dias, mantendo as características pós-colheita adequadas ao consumo. A cultivar Pakovan Ken destacou-se quando comparada à Caipira, apresentando valores superiores nos atributos dos frutos avaliados. <![CDATA[Biometria morfofisiológica e produtiva em cultivares semieretas de feijão-caupi sob diferentes populações de plantas]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1806-66902017000400625&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT The aim of this study was to evaluate morpho-physiological and productive characteristics in four semi-erect cultivars of the cowpea under five plant populations. The experiment was conducted in the experimental area of Embrapa Meio-Norte in Teresina in the State of Piauí, Brazil (PI). The experimental design was of randomised complete blocks with four replications, in a 4 x 5 factorial scheme, for evaluating four cultivars (BRS Guariba, BRS Novaera, BRS Potengi and BRS Tumucumaque) and five plant populations (105, 2x105, 3x105, 4x105 and 5x105 plants ha-1). There were significant differences between cultivars for primary branch length (PBL), number of lateral branches (NLB), 100-grain weight (HGW), and dry-grain yield (GY). The maximum PBL of 58.5 cm was obtained with 300 thousand plants ha-1, corresponding to an increase of 11.5% when compared to 100 thousand plants ha-1. However, there was a reduction of 91.2% in NLB when compared to the populations of 100 and 500 thousand plants ha-1. The increases of 188% obtained in the leaf area index (LAI) in the range of 100 to 500 thousand plants ha-1 explain the linear increase in the crop growth rate (CGR) as being due to the greater production of leaf area; also, the decreases seen in the net assimilation rate (NAR), especially in the range of 100 to 300 thousand plants ha-1, are explained as due to the consequent self-shading, which was intensified in the larger populations. LAI, light interception, and CGR in the cultivars increase in response to higher densities. HGW and GY are not significantly affected by the different populations.<hr/>RESUMO Objetivou-se avaliar características morfofisiológicas e produtivas em quatro cultivares semieretas de feijão-caupi submetidas a cinco populações de plantas. O experimento foi conduzido no campo experimental da Embrapa Meio-Norte, em Teresina-PI. Utilizou-se o delineamento experimental de blocos completos casualizados com quatro repetições, em arranjo fatorial 4x5 sendo avaliadas quatro cultivares (BRS Guariba, BRS Novaera, BRS Potengi e BRS Tumucumaque) e cinco populações de plantas (105, 2x105, 3x105, 4x105 e 5x105 plantas ha-1). Houve diferenças significativas entre as cultivares para o comprimento do ramo principal (CRP), número de ramos laterais (NRL), massa de cem grãos (MCG) e rendimento de grãos secos (REND). O CRP máximo de 58,5 cm foi obtido com 300 mil plantas ha-1, correspondendo a um aumento de 11,5% quando comparado com 100 mil plantas ha-1. Entretanto, houve redução de 91,2% no NRL quando comparadas às populações de 100 e 500 mil plantas ha-1. Os aumentos de 188% obtidos no índice de área foliar (IAF) no intervalo de 100 e 500 mil plantas ha-1, explicam o aumento linear da taxa de crescimento da cultura (TCC) em função da maior produção de área foliar, bem como, os decréscimos obtidos na taxa de assimilação líquida (TAL), notadamente no intervalo de 100 a 300 mil plantas ha-1, devido ao consequente autossombreamento, que foi intensificado nas maiores populações. O IAF, a interceptação de luz e a TCC das cultivares aumentam em resposta às maiores densidades. O MCG e o REND não são afetados significativamente pelas diferentes populações. <![CDATA[Resposta do trigo BRS Guamirim à aplicação de <em>Azospirillum</em>, nitrogênio e substâncias promotoras do crescimento]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1806-66902017000400631&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt RESUMO Substâncias e microrganismos promotores do crescimento vegetal têm sido disponibilizados aos produtores rurais visando aumentar o rendimento das culturas. Este trabalho objetivou avaliar doses de nitrogênio e produtos contendo microrganismos e/ou substâncias promotoras do crescimento sobre os componentes de rendimento e produtividade da cultivar de trigo BRS Guamirim; bem como avaliar se a adição complementar de N, com ureia, é eficaz na manutenção de maior rendimento de trigo inoculado com Azospirillum brasilense e se esta inoculação pode substituir total ou parcialmente a adubação nitrogenada do trigo. O experimento foi conduzido em Coxilha/RS, na safra de 2014. O delineamento experimental foi de blocos casualizados, com quatro repetições. Nove tratamentos compuseram o estudo: uma testemunha; quatro produtos (Azospirillum brasilense, hormônio vegetal sintético, estimulador vegetal mineral e biofertilizante); um tratamento com uso simultâneo dos quatro produtos; e três doses adicionais de nitrogênio (0, 40 e 120 kg ha-1) associadas com Azospirillum. A cultivar de trigo foi avaliada quanto ao rendimento de grãos, componentes do rendimento, índice de colheita aparente, peso hectolítrico, matéria seca e conteúdo de N na parte aérea, e índice de vegetação. Os produtos avaliados, contendo microrganismos e/ou substâncias promotoras do crescimento, não alteram o rendimento de grãos de trigo na ausência de deficiências hídrica e nutricional. O Azospirillum brasilense não substitui total ou parcialmente a adubação nitrogenada da cultivar de trigo BRS Guamirim.<hr/>ABSTRACT Substances and microorganisms that promote plant growth have been made available to rural farmers to increase crop yields. This work aimed to evaluate nitrogen doses and products containing microorganisms, growth promoting substances or both, on the yield and production components of the 'BRS Guamirim' wheat cultivar, as well as evaluate whether the complementary addition of N by urea is effective in maintaining a higher yield in wheat inoculated with Azospirillum brasilense, and whether such inoculation can totally or partially replace nitrogen fertilisation in wheat. The experiment was conducted in Coxilha in the State of Rio Grande do Sul, Brazil, in the 2014 season. The experimental design was of randomised blocks with four replications. The study comprised nine treatments: one control; four products (Azospirillum brasilense, synthetic plant hormone, mineral plant stimulator and biofertiliser); one treatment with the simultaneous use of the four products; and three additional doses of nitrogen (0, 40 and 120 kg ha-1) together with Azospirillum. The wheat cultivar was evaluated for grain yield, yield components, apparent harvest index, hectolitre weight, shoot dry matter and N content, and vegetation index. The evaluated products, containing microorganisms and/or growth promoting substances, do not alter wheat grain yield in the absence of water or nutritional deficiency. Azospirillum brasilense does neither totally nor partially replace nitrogen fertilisation in the 'BRS Guamirim' wheat cultivar. <![CDATA[Coberturas vegetais, doses de nitrogênio e inoculação com <em>Azospirillum brasilense</em> em milho no Cerrado]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1806-66902017000400639&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt RESUMO Técnicas sustentáveis de manejo na cultura do milho são necessárias, visando aumento de produtividade, minimizando custos e impactos ambientais. Objetivou-se com este trabalho avaliar diferentes coberturas vegetais (milheto, crotalária, guandu, milheto + crotalária, milheto + guandu e pousio), doses de N (0; 40; 80 e 120 kg ha-1) com e sem a inoculação de sementes com Azospirillum brasilense na cultura do milho, na região do Cerrado. O delineamento experimental foi o de blocos casualizados, em esquema fatorial 6x4x2, constituindo 48 tratamentos, com 4 repetições. O estudo foi realizado no município de Selvíria-MS. As coberturas vegetais, exceto o guandu no primeiro ano e pousio no segundo, produziram quantidade adequada de resíduo (6 t ha-1) para manter o sistema plantio direto na região de Cerrado, com destaque ao tratamento com milheto + crotalária. As produtividades de milho em sucessão à guandu e milheto + crotalária foram superiores. Em área de sistema plantio direto estabilizada, o fornecimento de nitrogênio via fertilizante, possibilita aumento de produtividade até a dose de 114 kg ha-1 de N. A inoculação com Azospirillum brasilense via semente, propiciou menor população final de plantas, altura de plantas e a massa de mil grãos.<hr/>ABSTRACT With the aim of increasing productivity, and minimising costs and environmental impact, sustainable management techniques are necessary when growing maize. The aim of this study was to evaluate different cover crops (millet, crotalaria, pigeon pea, millet + crotalaria, millet + pigeon pea and fallow) and doses of N (0, 40, 80 and 120 kg ha-1), both with and without seed inoculation with Azospirillum brasilense of the maize crop, in the Cerrado region of Brazil. The experimental design was of randomised blocks, in a 6 x 4 x 2 factorial scheme, comprising 48 treatments with 4 replications. The study was carried out in the town of Selvíria, in the State of Mato Grosso do Sul. Plant cover, except for the pigeon pea in the first year and the fallow in the second year, produced enough residue (6 t ha-1) to maintain the no-tillage system in the Cerrado region, especially the treatment with millet + crotalaria. Maize production in succession to the pigeon pea and the millet + crotalaria was higher. In an area with a stabilised no-tillage system, the supply of nitrogen using fertiliser, gives an increase in productivity up to a dose of 114 kg N ha-1. Inoculating the seeds with Azospirillum brasilense gave a smaller final plant population, less plant height and lower 100-grain weight. <![CDATA[Consorciação com <em>Gliricidia sepium</em> para manejar plantas daninhas visando a produção de espigas imaturas de milho]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1806-66902017000400650&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT The goal of the study was to test the effects of combined weeding and gliricidia (Gliricidia sepium) intercropping for weed control in baby corn and green corn production. A completely randomized block design was employed, with split-plot and four replicates. Hybrids AG 1051 and BR 205 were subjected to the following treatments: A = two hoeings, 20 and 40 days after sowing (DAS); B = hoeing at 20 DAS + gliricidia intercropping following weeding; C = gliricidia intercropping established at the moment of corn sowing (GICS) + hoeing at 40 DAS; D = GICS; E = no weeding. Gliricidia was broadcast sown with 30 viable seeds m-2. The best treatments follow the order A &gt; B &gt; C as number of ears, fresh mass of ears with husks, fresh and dry masses of ears without husks for baby corn, and number of ears, fresh mass of ears with husks, fresh and dry masses of ears without husks for green corn. The worst results are observed for treatments D and E. Treatment D is only better than treatment E for the number of marketable ears without husks. No differences in the yields of immature ears exist between the hybrids.<hr/>RESUMO O objetivo do trabalho foi verificar os efeitos da combinação de capinas + consorciação com gliricídia no controle de plantas daninhas para produção de minimilho e milho verde. Utilizou-se o delineamento de blocos casualizados com quatro repetições e parcelas subdivididas. Os híbridos AG 1051 e BR 205 foram submetidos aos seguintes tratamentos: A = duas capinas (20 e 40 dias após a semeadura, DAS); B = realização de capina aos 20 DAS + consorciação com gliricídia após a capina; C = consorciação com gliricídia por ocasião da semeadura do milho (CGSM) + realização de capina aos 40 DAS; D = CGSM; E = sem capinas. A gliricídia foi semeada a lanço com 30 sementes viáveis m-2. A ordem dos melhores tratamentos foi A &gt; B &gt; C, quanto ao número de espigas, massas frescas de espigas empalhadas e despalhadas, e massa seca de espigas despalhadas, de minimilho, e quanto aos números e massas totais e de espigas comercializáveis, empalhadas e despalhadas, de milho verde. Os tratamentos D e E foram os piores, sendo o tratamento D superior ao tratamento E apenas quanto ao número de espigas despalhadas comercializáveis. Não existem diferenças entre os híbridos quanto aos rendimentos de espigas imaturas. <![CDATA[Efeito da fertilização com ureia no desenvolvimento da bromélia ornamental <em>Aechmea fasciata</em>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1806-66902017000400657&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT The aim of this study was to evaluate the effect of urea fertiliser on the bromeliad, Aechmea fasciata. Plants were submitted to weekly treatments with a solution of 0.0, 0.5, 1.0, 1.5 or 2.0 g urea L-1. After 210 days of the experiment, biometric variables of growth and development of the root and shoot systems were analysed, together with foliar levels of chlorophyll a and b, and of carotenoids. The experimental design was of randomised blocks with four replications; eight plants were used per plot. The data were submitted to regression analysis. The highest values for chlorophyll a and carotenoid content were obtained at a concentration of 1.23 g L-1 urea, and for chlorophyll b at a concentration 1.75 g L-1 urea. Plants of A. fasciata submitted to a solution with no nitrogen showed marked chlorosis of the leaves and reduced growth and development. The mean value for the maximum levels of photosynthetic pigments was 1.40 g L-1 urea, and this can be used as an indicator of the nutritional status of nitrogen in the species. From the results, an application of 1.46 g L-1 urea to the tank in A. fasciata is recommended, as this gave the greatest accumulation of total dry weight and an increase in the number of leaves.<hr/>RESUMO Objetivou-se avaliar o efeito da fertilização com ureia na bromélia Aechmea fasciata. As plantas foram submetidas aos tratamentos com as soluções 0,0; 0,5; 1,0; 1,5 e 2,0 g ureia L-1, aplicadas semanalmente. Após 210 dias de experimentação, foram analisadas as variáveis biométricas de crescimento e desenvolvimento dos sistemas radicular e aéreo, e os teores foliares das clorofilas a e b, e carotenoides. O delineamento experimental foi em blocos casualizados com quatro repetições, oito plantas por parcela, sendo os dados submetidos à análise de regressão. Os maiores valores de teores de clorofila a e carotenoides foram obtidos na concentração 1,23 g L-1 de ureia e de clorofila b na concentração 1,75 g L-1 de ureia. As plantas submetidas à solução com omissão de nitrogênio apresentaram acentuada clorose das folhas e diminuição do crescimento e desenvolvimento de A. fasciata. A média dos teores de máximos dos pigmentos fotossintetizantes foi de 1,40 g L-1 ureia, podendo ser utilizada como indicadora do estado nutricional de nitrogênio na espécie. Os resultados obtidos permitem recomendar a aplicação no tanque de 1,46 g L-1 de ureia em A. fasciata, uma vez que possibilitou o maior acúmulo de massa de matéria seca total e aumento no número de folhas. <![CDATA[Concordância entre grupos botânicos e diversidade genética em amendoim]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1806-66902017000400663&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT The aims of this study were to characterize peanut accessions of germplasm collection of the CCA/UFC and check consistency between the pre-existing botanical groups to estimates of genetic diversity. For this were conducted a trial with 43 accessions of peanut in a randomized block design with three replications. To characterization were used 21 morphological descriptors, where revealed large genetic variation. The mass hundred grains trait showed the main discriminating factors, with relative percentage of 22.1%. The cluster obtained with the linkage complete method, it was possible to view the dendrogram the formation of seven groups based on the Mahalanobis distance. By principal components analysis was identified phenotypic diversity among genotypes. The first three components explained 81% of the total variation. Subsequently, built a three-dimensional scatter chart for access of visualization, eight groups being formed. There was medium magnitude of agreement between the botanical groups and genetic diversity, both by the dendrogram and graphic dispersion proving the dissimilarity between genotypes of different botanic groups. Therefore, crossings between group access botanical Spanish or Valencia with those belonging to the Virginia group should generate segregating populations with high genetic potential.<hr/>RESUMO Objetivou-se com esse estudo caracterizar acessos de amendoim da coleção de germoplasma do CCA/UFC e verificar concordância entre os grupos botânicos preexistentes com as estimativas de diversidade genética. Para isso, foi conduzido um ensaio com 43 acessos de amendoim no delineamento em blocos casualizados com três repetições. Para caracterização dos acessos foram utilizados 21 descritores morfoagronômicos, os quais revelaram grande variação genética. O caráter massa de cem grãos se mostrou o principal fator discriminante, com porcentagem relativa de discriminação de 22,1%. Pelo agrupamento obtido com o método de ligação completa, foi possível visualizar no dendrograma a formação de sete grupos com base na distância generalizada de Mahalanobis. Pela análise dos componentes principais também foi constatada grande diversidade fenotípica entre os acessos da coleção. Os três primeiros componentes explicaram 81% da variação total. Posteriormente, foi construído um gráfico tridimensional para visualização da dispersão dos acessos, na qual se verificou a formação de oito grupos. Constatou-se concordância de média magnitude entre os grupos botânicos e diversidade genética, tanto pela classificação observada no dendrograma quanto pela dispersão gráfica, comprovando a dissimilaridade entre acessos de grupos botânicos distintos. Assim, cruzamentos entre acessos do grupo botânico Spanish ou Valência com aqueles pertencentes ao Virginia devem gerar populações-base com elevado potencial genético. <![CDATA[Época de estabelecimento do consórcio de beterraba e chicória em função do manejo da palhada no solo]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1806-66902017000400674&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT This study aimed to evaluate the productivity and quality characteristics of beet and chicory based on management of straw and intercropping period of establishment. The experiment was conducted in the organic horticulture sector of Unioeste, in a design of randomized blocks with four replications, where the treatments were arranged in 2 x 5 and 2 x 8 factorial schemes. The first factorial consisted of the straw mulch management (with and without incorporation of the gray velvet bean straw) and the intercropping period of establishments and beet and chicory monocrops (0; 7; 14 and 21 days after transplanting beet). The second factorial was composed of the straw mulch management (with and without incorporation) and the cultivation of chicory intercropped with beet and in monocrop at the same periods. The chicory interfered in beet's productivity when the transplant occurred at the same period. The beet cultivation in a intercropping contributed positively to the better use of the area in the two management systems, influencing in a positive way the agronomic characteristics of the crop, but without compromising the commercial quality of the crops, that were agronomically viable, considering the UET index.<hr/>RESUMO Objetivou-se avaliar as características produtivas e qualitativas de beterraba e chicória em função do manejo da palhada e da época de estabelecimento do consórcio. O experimento foi conduzido no setor de horticultura orgânica da UNIOESTE, em delineamento de blocos ao acaso, em esquema fatorial 2 x 5 e 2 x 8, com quatro repetições, sendo o primeiro fatorial constituído do manejo da palhada (sem e com incorporação da palhada de mucuna-cinza) e pelas épocas de estabelecimento do consórcio e do monocultivo de beterraba e chicória (0; 7; 14 e 21 dias após o transplante da beterraba). Sendo o segundo fatorial composto para avaliar as características da chicória com o manejo da palhada (com e sem incorporação) e pelo cultivo da mesma consorciada com beterraba e em monocultivo nas mesmas épocas. A chicória interferiu na produtividade da beterraba quando o transplante foi realizado na mesma época. A forma de cultivo da beterraba em consórcio contribuiu positivamente para o melhor aproveitamento da área nos dois sistemas de manejo, influenciando de forma positiva as características agronômicas da cultura, mas sem comprometer a qualidade comercial dos cultivos, sendo agronomicamente viáveis, considerando o índice de UET. <![CDATA[Efeitos da suplementação enzimática em dietas de poedeiras semipesadas de 28 a 40 semanas de idade]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1806-66902017000400683&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT The aim of this study was to verify the effect of the addition of an enzyme complex on performance (feed intake, egg production, egg weight and egg mass, feed conversion per egg mass, and feed conversion per dozen eggs), and on egg quality (% of shell, albumen and yolk, shell thickness, specific gravity, Haugh unit, yolk index, and albumen index), in medium-heavy laying hens at 28 to 40 weeks of age. A total of 240 Hy-Line Brown laying hens were used in a randomised block design with 10 replications of six birds per lot and four treatments: positive control (basal feed), negative control (with a reduction in metabolisable energy, crude protein, calcium and phosphorus), negative control + enzymes, and positive control + enzymes. The enzyme complex, composed of β-glucanases, β-xylanase, cellulase and phytase, was added to the feed at a ratio of 50 g t-1. The data were submitted to analysis of variance with the mean values compared by Tukey's test at 5%. There was no difference in feed intake or egg weight between treatments. However, the addition of the enzyme complex to the negative control diet gave results similar to the remaining performance variables when compared to the positive control group. For the external and internal quality of the eggs, there was no difference between treatments for the variables under evaluation, except for the albumin index. It was concluded that use of the enzyme complex in the diet of medium-heavy laying hens gives a reduction in nutritional density without compromising production performance or egg quality.<hr/>RESUMO Objetivou-se verificar o efeito da adição de complexo enzimático sobre o desempenho (consumo alimentar, produção, peso e massa dos ovos, conversão alimentar por massa e dúzia de ovos) e qualidade dos ovos (% de casca, albúmen e gema, espessura da casca, gravidade específica, unidade Haugh, índice de gema e de albúmen) de poedeiras semipesadas no período de 28 a 40 semanas de idade. Foram utilizadas 240 poedeiras da linhagem Hy-Line Brown, em delineamento blocos ao acaso, com 10 repetições de seis aves por parcela e quatro tratamentos: controle positivo (ração basal), controle negativo (com redução de energia metabolizável, proteína bruta, cálcio e fósforo), controle negativo + enzimas e controle positivo + enzimas. O complexo enzimático, composto por β-glucanases, β-xilanase, celulase e fitase, foi adicionado à ração na proporção de 50 g/t. Os dados foram submetidos à análise de variância com comparação de médias pelo teste Tukey a 5%. Não houve diferença sobre o consumo de ração e peso dos ovos entre os tratamentos. Entretanto, a adição do complexo enzimático na dieta controle negativo permitiu resultados semelhantes às demais variáveis de desempenho, quando comparadas ao grupo controle positivo. Quanto à qualidade externa e interna dos ovos, não houve diferença entre os tratamentos para as variáveis avaliadas, exceto para o índice de albúmen dos ovos. Conclui-se que o uso do complexo enzimático em dietas de poedeiras semipesadas permite uma redução na densidade nutricional sem comprometer o desempenho produtivo e a qualidade dos ovos. <![CDATA[Farelo de algodão em dietas com ou sem suplementação de enzimas para frango de corte]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1806-66902017000400690&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt RESUMO Este experimento foi conduzido com a finalidade de avaliar dietas contendo farelo de algodão em substituição à proteína do farelo de soja, com ou sem suplementação enzimática sobre o desempenho e características de carcaça de frangos de corte. Foram utilizados 350 pintos distribuídos em delineamento experimental inteiramente casualizado, em esquema fatorial 2 x 2 + 1 (2 níveis de substituição: 10 ou 20% x suplementação ou não com enzimas + dieta controle), totalizando cinco tratamentos, com sete repetições. Quando comparados à dieta controle, na fase pré-inicial, os pintos submetidos às dietas contendo farelo de algodão apresentaram maior consumo de ração e ganho de peso. No entanto, quando avaliados os períodos de 1 a 21 e 1 a 42 dias, o desempenho das aves foi semelhante. No período total da criação, houve efeito do nível de substituição e da suplementação enzimática, em que a substituição de 20% e a adição de enzimas resultaram em melhor ganho de peso. Nas características de carcaça, verificou-se que a dieta com 10% de substituição com adição de enzimas aumentou o peso da coxa, em comparação à dieta controle e à substituição de 20% em maior rendimento de sobrecoxa. Também foi verificado maior peso de coxa com a adição das enzimas. Conclui-se que o farelo de algodão pode ser utilizado em substituição de 20% da proteína do farelo de soja em dietas com suplementação das enzimas fitase e xilanase para frangos de corte.<hr/>ABSTRACT This experiment was carried out with the aim of evaluating diets containing cottonseed as a substitute for soybean meal protein, with or without enzyme supplements, on performance and carcass characteristics in broilers. A total of 350 chicks were distributed in a completely randomised experimental design, in a 2 x 2 + 1 factorial scheme (2 levels of substitution: 10% or 20% x with or without enzyme supplementation + control diet), giving a total of five treatments with seven replications. When compared to the control diet, in the pre-initial phase, the chicks submitted to the diets containing cottonseed meal showed higher feed intake and weight gain. However, when the periods, from 1 to 21 days and from 1 to 42 days, were evaluated, the performance of the birds was similar. Over the total breeding period, there was an effect from the level of substitution and the enzyme supplement, where a substitution of 20% and the addition of enzymes resulted in better weight gain. For carcass characteristics, it was found that a diet with 10% substitution and the addition of enzymes increased thigh weight in comparison to the control diet, and a substitution of 20%, gave greater yield of the upper thigh. Greater thigh weight was also found with the addition of enzymes. It can be concluded that cottonseed meal can be used as a substitute for 20% of the soybean meal protein in broiler diets supplemented with the enzymes phytase and xylanase. <![CDATA[Produção e composição do leite de vacas leiteiras alimentadas com dietas contendo castanha de caju]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1806-66902017000400700&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT This work evaluated the production and composition of milk from dairy cows fed increasing levels of cashew nuts in the concentrate portion of the diet. Eight Holstein multiparous cows were used, between the third and fifth lactation, with an average milk yield of 28.0 ? 4.0 kg day-1, arranged in a double 4 x 4 Latin square experimental design. The assessed diets consisted of including different amounts of ground cashew nuts (CN): 0; 80; 160 and 240 g kg-1 of concentrate portion, which resulted in ether extract contents of 31.6; 46.0; 68.9 and 73.1 g kg-1 of dietary dry matter, respectively. Corn silage was used as the only roughage at a proportion of 50% and diets were formulated to be isoprotein. Diet was offered as a complete mixture. Average milk yield was 30.3 kg day-1. The concentration of protein, N-urea and lactose did not present significant variations (p&gt;0.05) among the diets. The inclusion of 24% of cashew nut in the concentrate portion of the diet, maintains milk production, reduces milk fat content and together with the reduction in the concentration of short chain fatty acids and the increase in the concentrations of long chain fatty acids, provide a greater nutraceutical value to milk, making the use of cashew nut an excellent alternative for obtaining milk with more benefits to human health.<hr/>RESUMO O presente trabalho avaliou a produção e a composição do leite de vacas leiteiras alimentadas com níveis crescentes de castanha de caju na porção concentrada da dieta. Foram utilizadas oito vacas holandesas multíparas, entre a terceira e a quinta lactação, com produção média de 28,0 ? 4,0 kg de leite dia-1, dispostas em delineamento experimental quadrado latino 4 x 4, duplo. As dietas avaliadas consistiram na inclusão de diferentes níveis de castanha de caju moída (CC): 0; 80; 160 e 240 g kg-1 na porção concentrada, possibilitando concentrações de extrato etéreo de 31,6; 46,0; 68,9 e 73,1 g kg-1 na matéria seca da dieta, respectivamente. A silagem de milho foi utilizada como volumoso único, na proporção 50% e as dietas foram formuladas para serem isoproteicas. A dieta foi fornecida na forma de mistura total. A produção média de leite foi 30,3 kg dia-1. As concentrações de proteína, N-ureico e lactose não apresentaram variações significativas (p&gt;0,05) entre as dietas. A inclusão de 24% de castanha de caju na porção concentrada da dieta, mantem a produção de leite, reduz o conteúdo de gordura no leite e juntamente com a redução na concentração de ácidos graxos de cadeia curta e o aumento nas concentrações de ácidos graxos de cadeia longa, proporciona maior valor nutracêutico ao leite, tornando a utilização de castanha excelente alternativa para obtenção de leite com maior benefício à saúde humana. <![CDATA[Características de carcaça de ovinos Santa Inês alimentados com mazoferm substituindo o farelo de soja]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1806-66902017000400708&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt RESUMO Objetivou-se avaliar as características de carcaça de ovinos da raça Santa Inês alimentados com mazoferm em substituição ao farelo de soja (0,0; 33,0; 66,0 e 100,0%). Foram utilizados 32 animais machos, não castrados, com peso médio inicial de 21 ± 2,3 kg e idade média de quatro meses, distribuídos em delineamento de blocos casualizados e abatidos após 70 dias de confinamento. Não foi observado efeito da substituição sobre os consumos de matéria seca (1,103 kg/dia) e NDT (0,74 kg/dia), porém o consumo de proteína bruta apresentou comportamento linear decrescente (Y = 0,172 - 0,0002x). O desempenho e o peso corporal ao abate (34,10 kg) também não foram influenciados pela substituição fazendo com que os parâmetros peso do corpo vazio (28,49 kg), peso de carcaça quente (16,05 kg) e fria (15,56 kg), rendimento de carcaça quente (47,00 kg), rendimento comercial (45,54 kg) e rendimento biológico (56,29 kg) apresentassem o mesmo comportamento. Além desses parâmetros, a espessura de gordura de cobertura, perda de peso por resfriamento, área de olho de lombo (1,56 mm, 3,11%, 12,16 cm2, respectivamente), pesos e rendimentos dos cortes comerciais perna e as medidas morfométricas da carcaça, índices de compacidade da carcaça (0,24 kg/cm) e da perna (0,36 cm/cm) também não foram influenciados. Recomenda-se a substituição do farelo de soja pelo mazoferm tendo em vista que o mesmo não altera as características de carcaça de ovinos Santa Inês.<hr/>ABSTRACT The aim of this study was to evaluate the carcass characteristics of Santa Inês sheep fed with mazoferm as a substitute for soybean meal (0.0, 33.0, 66.0 and 100.0%). Thirty-two uncastrated males with an average initial weight of 21 ± 2.3 kg and average age of four months were used, distributed in a randomised complete block design and slaughtered after 70 days of confinement. The substitution had no effect on dry matter (1.103 kg/day) or TDN consumption (0.74 kg/day), however, crude protein consumption displayed decreasing linear behaviour (Y = 0.172 - 0.0002x). Performance and body weight at slaughter (34.10 kg) were also not affected by the substitution, so that the parameters of empty body weight (28.49 kg), hot carcass weight (16.05 kg) and cold carcass weight (15.56 kg), hot carcass yield (47.00 kg), commercial yield (45.54 kg) and biological yield (56.29 kg) all displayed similar behaviour. In addition to these parameters, fat cover, weight loss by cooling, loin eye area (1.56 mm, 3.11%, 12.16 cm2 respectively), weight and yield of the commercial cuts and morphometric measurements of the carcass, carcass compactness index (0.24 kg/cm) and leg compactness index (0.36 cm/cm) were also not affected. The substitution of soybean meal by mazoferm is recommended as it does not alter carcass characteristics in Santa Inês sheep. <![CDATA[Comportamento ingestivo de cordeiros ou borregos alimentados com dietas de alto concentrado de milho ou sorgo]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1806-66902017000400716&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT The aim of this study was to evaluate the ingestive behaviour of lambs or hoggets, finished in confinement on high-concentrate diets based on maize or sorghum grain. A total of 32 animals were used, 16 lambs (milk teeth) and 16 hoggets (2 teeth), which were distributed in a completely randomised experimental design and a 2 x 2 factorial scheme (two categories x two types of grain). In the categories under evaluation (lambs and hoggets), a significant difference (P≤0.05) was found for total chewing time, idle time and other activities (expressed in min/day and as a percentage), number of meals per day, time spent per meal and for the weight of dry matter or NDF ingested per meal (g/DM per REF and g/NDF per REF respectively). For the grain under test (maize or sorghum), significant differences (P≤0.05) were seen in feeding time, total chewing time and idle time (expressed in min/day and as a percentage) and for feed efficiency (g DM/h and NDF/h). Differences in the nutritional demands of lambs and hoggets, and in the composition of high-concentrate diets of maize or sorghum, cause changes in some characteristics of the ingestive behaviour of the animals.<hr/>RESUMO Objetivou-se avaliar o comportamento ingestivo de cordeiros ou borregos terminados em confinamento com dietas de alto concentrado à base de grão de milho ou de sorgo. Foram utilizados 32 animais, sendo 16 cordeiros (dente de leite) e 16 borregos (2 dentes), os quais foram distribuídos em um delineamento experimental inteiramente casualizado, em esquema fatorial 2 x 2 (duas categorias x dois grãos). Nas categorias avaliadas (cordeiros e borregos), verificou-se diferença significativa (P≤0,05) para tempo de mastigação total, tempo em ócio e outras atividades (expressos em min/day e percentagem), número de refeições por dia, tempo despendido por refeição e para peso de matéria seca ou de FDN ingeridos por refeição (g/MS por REF e g/FDN por REF, respectivamente). Já para os grãos testados (milho ou sorgo) foram observadas diferenças significativas (P≤0,05) no tempo de alimentação, tempo de mastigação total e tempo em ócio (expressos em min/day e percentagem) e para eficiência de alimentação (g MS/h e g FDN/h). Diferenças existentes nas exigências nutricionais de cordeiros e borregos e na composição bromatológica de dietas de alto concentrado de milho ou de sorgo fazem com que ocorram alterações em algumas características do comportamento ingestivo dos animais. <![CDATA[Fontes de resistência em acessos de <em>Cucurbita</em> spp. a espécies de vírus do gênero <em>Potyvirus</em>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1806-66902017000400725&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT The identification of source of resistance in cultivated cucurbits species is very important for the development of resistant cultivars to control diseases caused by virus from the genus Potyvirus. The present research had the objective to evaluate the phenotypic reactions and the behavior of pumpkin (Cucurbita spp.) accessions to the virus species from the genus Potyvirus: Papaya ringspot virus type Watermelon (PRSV-W), Zucchini yellow mosaic virus (ZYMV) and Watermelon mosaic virus (WMV). Twenty-eight accessions of pumpkin from the Cucurbit Germplasm Bank from Embrapa Semiárido, Petrolina, PE, Brazil were evaluated. Twelve young plants from each pumpkin accession were inoculated with each one of the virus species and were maintained at greenhouse for their symptom reaction evaluations. All possible virus infections or absence of infection were confirmed by plate-trapped antigen enzyme linked immunosorbent assay (PTA-ELISA) against antisera specific to PRSV-W, ZYMV and WMV at the Plant Virus Laboratory, Universidade Federal do Ceará. Three pumpkin accessions showed extreme resistant to WMV and eight accessions presented mild mosaic when inoculated with PRSV-W. The most severe symptoms were observed on those accessions inoculated with ZYMV and 50% of the accessions showed to be highly susceptible. On the other hand, the pumpkin accessions inoculated with WMV presented the mildest symptoms, indicating that 39% of them were resistant, and 39% were tolerant. The Cucurbita spp. accessions BGC 518, BGC 530, BGC 567, and BGC 683 that showed resistance to one or more than one virus species constitute promising sources of resistance for developing virus resistant pumpkin cultivars or hybrids.<hr/>RESUMO A identificação de fontes de resistência em espécies cultivadas de cucurbitáceas é muito importante no desenvolvimento de cultivares resistentes para controlar doenças causadas por vírus do gênero Potyvirus. A presente pesquisa teve como objetivo a avaliação das reações fenotípicas e o comportamento de acessos de abóbora (Cucurbita spp.) quanto a inoculações mecânicas de vírus do gênero Potyvirus. Os ensaios foram conduzidos em casa de vegetação, do Laboratório de Virologia Vegetal, da Universidade Federal do Ceará, envolvendo 28 acessos de Cucurbita spp. provenientes do Banco Ativo de Germoplasma (BAG) de Cucurbitáceas, da Embrapa Semiárido, Petrolina, PE. Doze plantas de cada acesso foram inoculadas com cada um dos vírus: Papaya ringspot virus type Watermelon (PRSV-W), Zucchini yellow mosaic virus (ZYMV) e Watermelon mosaic virus (WMV) e avaliadas quanto às infecções virais por “plate-traped antigen enzyme linked immunosorbent assay” (PTA-ELISA) contra antissoros específicos para os três vírus. Três acessos de abóbora apresentaram extrema resistência a WMV e oito acessos apresentaram mosaico leve quando inoculados com PRSV-W. Os sintomas mais severos foram observados com os acessos inoculados com ZYMV, onde 50% deles mostraram-se altamente suscetíveis. De outra parte, os acessos inoculados com WMV exibiram sintomas menos severos, observando-se resistência e tolerância em 39% e 28% dos acessos, respectivamente. Os acessos de Cucurbita spp. BGC 518, BGC 530, BGC 567 e BGC 683 avaliados apresentaram resistência a uma ou mais de uma das espécies virais, constituindo-se em fontes promissoras de resistência para o desenvolvimento de cultivares de abóbora resistentes aos vírus do gênero Potyvirus. <![CDATA[Análise econômica da inclusão de farinha do resíduo de buriti na alimentação de poedeiras comerciais]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1806-66902017000400732&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt RESUMO O objetivo desta pesquisa foi avaliar o desempenho produtivo e econômico da inclusão de níveis crescentes (0; 5; 10; 15; 20 e 25%) de farinha do resíduo de buriti (Mauritia flexuosa, Mart) em rações para poedeiras comerciais leves. O experimento teve duração de 84 dias divididos em quatro períodos de 21 dias a partir da utilização de 144 poedeiras Hissex White com 23 semanas. A farinha resíduo de buriti foi inclusa as rações como fonte energética. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado constituído de seis tratamentos e quatro repetições de seis aves cada. Os dados coletados foram analisados utilizando regressão polinomial. O consumo acumulado de ração apresentou diferenças significativas (P&lt;0,05) com o nível de 5,74% apresentando maior consumo acumulado e o nível de 4,48% o ponto ótimo econômico para o consumo, havendo uma redução de até R$ 11,26 no custo de produção das rações. O custo alimentar e o custo de produção apresentaram diferenças significativas (P&lt;0,05), verificando relação diretamente proporcional onde à medida que se aumenta os níveis, o custo alimentar aumenta juntamente com o custo de produção. Foram observadas diferenças significativas (P&lt;0,05) para receita bruta e índice de rentabilidade com melhores resultados verificados nos menores níveis de inclusão. A farinha do resíduo de buriti em rações para poedeiras comerciais pode ser utilizada como aditivo sem ocasionar aumento no preço da ração e perdas na receita bruta. Todavia, até 25%, houve aumento no consumo de ração, no custo de produção e queda na rentabilidade.<hr/>ABSTRACT The aim of this research was to evaluate the productive and economic performance of the inclusion of increasing levels (0, 5, 10, 15, 20 and 25%) of buriti residue (Mauritia flexuosa, Mart) in the feed of light commercial laying hens. The experiment lasted 84 days, divided into 4 periods of 21 days, and used 144 Hissex White laying hens aged 23 weeks. The buriti residue was included in the feed as an energy source. The experimental design was completely randomised, consisting of six treatments and four replications, each of six birds. The data were analysed using polynomial regression. Cumulative feed consumption showed significant differences (P&lt;0.05), with the level of 5.74% displaying greater accumulated consumption and the level of 4.48%, the economic optimum for consumption, with a reduction of up to BRL 11.26 in the cost of feed production. Feeding costs and the cost of production showed significant differences (P &lt;0.05), demonstrating a directly proportional relationship where, as the levels increase, food costs increase along with production costs. Significant differences (P&lt;0.05) were seen for gross revenue and profitability index, with better results found at the lower inclusion levels. Buriti residue can be used as an additive in feed for commercial laying hens without causing an increase in the price of the feed or loss of gross revenue. However, up to a level of 25%, there was an increase in feed consumption and production costs, and a drop in profitability.