Scielo RSS <![CDATA[Revista de Odontologia da UNESP]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=1807-257720170006&lang=pt vol. 46 num. 6 lang. pt <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <![CDATA[Identificação de desaparecidos: a contribuição da perícia em odontologia forense e do exame de DNA]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1807-25772017000600313&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Introduction Human identification is considered one of the major steps concerning missing people. The Forensic Anthropology Sector of Legal Medical Institutes identifies corpses. Forensic dentistry and DNA tests stand out among the existing standard tests. Objective This article aimed to evaluate human identification effectiveness through forensic dental examination performed in the forensic anthropology sector in a Forensic Medical Institute, comparing them with DNA analyses. Methodology This is a cross-sectional study using secondary data available in the department´s database, from 2008 to 2014, concerning identification procedures using forensic dentistry and DNA techniques. Result The analysis of the examinations eligible to this study (241) showed that DNA analysis was the method used for identification in 79.3% of the cases and forensic dental examinations were used in 20.7% of the cases. As for the type of biological material used during these examinations, unidentified corpses corresponded to 131 cases (53.9%), skeleton structures corresponded to 109 cases (44.9%) and there were 3 cases of body segments (1.2%). When analyzing the time spent to complete the tests, dental examinations were faster than DNA tests. The time spent for forensic dental examination does not depend on the type of dental documentation evaluated. Conclusion The analysis of the results in this study showed that human identification through forensic dentistry is effective, rapid and less costly, contributing to greater agility in solving issues related to locating missing people.<hr/>Resumo Introdução A identificação humana é uma das principais etapas referentes às questões relacionadas à pessoa desaparecida. Objetivo O presente estudo visou avaliar a efetividade da identificação humana pelas perícias odontolegais realizadas no Serviço de Antropologia Forense de Belo Horizonte-Minas Gerais, comparando-as com as realizadas por DNA. Metodologia Estudo transversal, utilizando dados secundários registrados no arquivo do Setor de Antropologia Forense, considerando o período de 2008 a 2014, referente às perícias de identificação odontolegais e DNA. Resultado Analisando-se apenas as perícias de interesse deste estudo (241), a análise de DNA foi o método utilizado para identificação em 79,3% dos casos e exame odontolegal, 20,7%. Quanto ao tipo de material biológico encaminhado para análise, os cadáveres desconhecidos totalizaram 131 (53,9%), as ossadas 109 (44,9%) e segmentos corporais 3 (1,2%). A análise do tempo efetivamente despendido para a conclusão dos exames mostrou que os realizados pela Odontologia foram mais rápidos que os de DNA. No exame odontolegal, o tempo gasto independe do tipo de documentação odontológica avaliada. Conclusão A análise dos resultados do presente estudo mostrou que a identificação humana pela técnica odontolegal é eficaz, mais ágil e menos onerosa, contribuindo para uma maior celeridade na resolução de questões envolvidas na localização de pessoas desaparecidas. <![CDATA[Comparação clínica de implantes curtos e convencionais instalados na região posterior da mandíbula. Estudo piloto]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1807-25772017000600319&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Objective To evaluate and correlate the values of radiographic bone density, peri-implant bone height and resonance frequency analysis (RFA) of short or conventional implants placed in the posterior region of the mandible after installing a prosthesis. Material and method Eleven patients were selected for this prospective parallel pilot study. The prostheses were supported by two types of implants: short implants (n = 18) (5.0 x 5.5 mm and 5.0 x 7.0 mm) and conventional implants (n = 23) (4.0 x10 mm and 4.0 x 11.5 mm). The implants were evaluated by RFA, by measuring the bone height, and peri-implant bone density. The implants were evaluated at the periods T0 (immediately after installation of the prosthesis), T1 (after 90 days), and T2 (after 180 days). Result There were no statistically significant differences between groups with respect to radiographic bone density (152.50 ± 15.39 vs. 157.60 ± 28.46, for conventional and short implants, respectively at T2), stability of the implants (Conventional implants: 66.76 ± 10.39 at T0, and 61.85 ± 8.38 at T2 vs. Short implants: 57.50 ± 12.17 at T0, and 61.53 ± 7.39 at T2) and peri-implant bone loss (0.03 mm vs.-0.17 mm, for conventional and short implants, respectively at T2). Additionally, a significant correlation between the evaluated parameters was not detected. Conclusion The short and conventional implants presented similar stability, bone level and density after the activation of occlusion loading.<hr/>Resumo Objetivo Avaliar e correlacionar os valores de densidade óssea radiográfica, altura óssea peri-implantar e de frequência de ressonância nos implantes curtos e convencionais instalados na região posterior da mandíbula após a instalação da prótese provisória. Material e método Esse estudo piloto clínico prospectivo contou com a participação de 11 pacientes que foram divididos previamente em dois grupos: implantes curtos (n=18) (5,0 x 5,5 mm e 5,0 x 7,0 mm) e implantes convencionais (n=23) (4,0 x 10 mm e 4,0 x 11,5 mm). Foram executadas análise da frequência de ressonância, altura óssea e densidade óssea peri-implantar. Os implantes foram avaliados nos períodos T0 (imediatamente após a instalação do provisório), T1 (após 90 dias) e T2 (após 180 dias). Resultado Não houve diferenças estatisticamente significativas entre os grupos com relação a densidade óssea radiográfica (152,50 ± 15,39 vs. 157,60 ± 28,46, para implantes convencionais e curtos respectivamente no período T2), estabilidade dos implantes (Implantes convencionais: 66,76 ± 10,39 no período T0 e 61,85 ± 8,38 no período T2 vs. Implantes curtos: 57,50 ± 12,17 no período T0 e 61,53 ± 7,39 no período T2) e quanto a perda óssea periimplantar (0,03 mm vs. -0,17 mm, em implantes convencionais e curtos no período T2, respectivamente). Adicionalmente a isso, não foram detectados correlação significativa entre densidade radiográfica com altura óssea peri-implantar e nem com a frequência de ressonância. Conclusão Verificou-se que os implantes curtos apresentaram um comportamento semelhante aos implantes de comprimento convencionais com relação à frequência de ressonância, a densidade radiográfica peri-implantar e a manutenção dos níveis ósseos periimplantares. <![CDATA[Preditores para o câncer oral no Brasil]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1807-25772017000600325&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Introduction The incidence of lip, oral cavity and oropharynx cancer in Brazil is one of the highest worldwide. Objective This study aimed to identify predictors for oral cancer in Brazil between 2010 and 2013. Method Through a time series study in which 14,959 primary head and neck cancer diagnoses were evaluated. The variables of interest were gender, age, race, education level, family history of cancer, alcohol consumption, smoking, and previous cancer diagnosis. The outcome variable was divided into “oral cancer” and “cancer of other head and neck regions.” The data were analysed by multiple binary logistic regression; α=5%. Result The protective factor was: approximately 12 years of education (OR = 0.85). The risk factors were: being an ex-consumer (OR=1.19) or consumer (OR=1.11) of alcohol, tobacco use (OR=1.35) and a prior diagnosis of cancer that went untreated (OR=1.21). Conclusion Was concluded that the oral cancer had the following predictors compared to other types of head and neck cancer during the same period: approximately 12 years of education (protective factor) and ex-consumer or consumer of alcohol, smoking and previous diagnosis of cancer that went untreated (risk factors).<hr/>Resumo Introdução A incidência de câncer de lábio, cavidade bucal e orofaringe no Brasil é uma das maiores do mundo. Objetivo Este estudo teve como objetivo identificar preditores para o câncer bucal no Brasil entre 2010 e 2013. Método Mediante um estudo de série temporal em que foram avaliados 14.959 diagnósticos primários de câncer de cabeça e pescoço. As variáveis de interesse foram: gênero, idade, raça, nível de escolaridade, histórico familiar de câncer, consumo de álcool, tabagismo e diagnóstico anterior de câncer. A variável desfecho foi dividida em “câncer de boca” e “câncer de outras regiões de cabeça e pescoço”. Os dados foram analisados por regressão logística binária múltipla; α = 5%. Resultado O fator de proteção foi: ter aproximadamente 12 anos de escolaridade (OR = 0,85). Os fatores de risco foram: ser um ex-consumidor (OR = 1,19) ou consumidor (OR = 1,11) de álcool, tabagismo (OR = 1,35) e o diagnóstico prévio de câncer sem tratamento (OR = 1,21). Conclusão Concluiu-se que o câncer bucal possui os seguintes preditores em comparação com outros tipos de câncer de cabeça e pescoço durante o mesmo período: ter aproximadamente 12 anos de estudo (fator de proteção) e ser ex-consumidor ou consumidor de álcool, tabagismo e ter tido um diagnóstico prévio de câncer sem tratamento (fatores de risco). <![CDATA[Avaliação de rugosidade, dureza e superfície dos cimentos de ionômero de vidro após diferentes sistemas de acabamento e polimento]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1807-25772017000600330&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo Introdução A rugosidade de superfície é uma limitação que interfere nos desempenhos mecânico e estético do cimento de ionômero de vidro (CIV), sendo necessária a utilização de procedimentos para acabamento e polimento adequados às propriedades desse material. Objetivo Avaliar o efeito de diferentes sistemas de acabamento e polimento na rugosidade, dureza e superfície de restaurações realizadas com dois tipos de CIV. Material e método Foram utilizados 100 corpos de prova (CP), divididos em 10 grupos, de acordo com o tipo de CIV (convencional e modificado por resina) e o sistema de acabamento e polimento empregado [C-tira de poliéster (controle); PD-ponta diamantada; DA-discos abrasivos; PE-ponta Enhance; BM-broca multilaminada]. Após sete dias em água destilada, os CP foram avaliados em Microscópio Eletrônico de Varredura (MEV) e submetidos aos testes de rugosidade de superfície e microdureza Vickers. A análise estatística foi realizada com ANOVA dois fatores e pós-Teste de Tukey. Resultado A análise por MEV indicou superfície mais lisa no grupo BM em ambos os tipos de CIV. Quanto à rugosidade, observou-se diferença estatisticamente significante (p&lt;0,05) entre grupos do CIV convencional, mas não houve diferença entre os tipos de CIV. Com relação à dureza, o CIV convencional apresentou melhores resultados que o modificado por resina. No fator materiais de acabamento e polimento, não se verificou diferença estatisticamente significativa, independentemente do tipo de CIV. Conclusão os grupos BM apresentaram melhores resultados ao MEV; o tipo de CIV não influenciou os valores de rugosidade; o tipo de polimento não influenciou a dureza.<hr/>Abstract Introduction The roughness of glass ionomer cement (GIC) is a limitation that interferes with its mechanical and aesthetic performance, and it is necessary to use appropriate finishing and polishing procedures in restorations produced with this material. Objective To evaluate the effect of different finishing and polishing systems on roughness, hardness and surface of restorations performed with two types of GIC. Material and method 100 specimens were made and divided into 10 groups, according to the type of GIC (conventional and resin modified GIC) and the finishing and polishing system used (C (Control) - Mylar strip; PD - diamond burs; DA - abrasive disks; PE - Enhance system; BM - carbide burs). After 7 days in distilled water, the specimens were evaluated by Scanning Electron Microscopy (SEM) and submitted to surface roughness and Vickers microhardness tests. Statistical analysis was performed by two-way ANOVA and Tukey post-test. Result SEM analysis demonstrated a smoother surface in BM group in both types of GIC. Regarding roughness, a statistically significant difference (p &lt;0.05) was observed between some groups of conventional GIC, but there was no difference between GIC types. Regarding hardness, conventional GIC showed better results than resin-modified GIC; Concerning to finishing and polishing materials factor, there was no statistically significant difference, regardless of the type of GIC. Conclusion BM groups presented better results on SEM; The type of GIC did not influence the roughness values; The type of polishing did not influence the hardness. <![CDATA[A prótese parcial removível acrílica na atenção primária: experiência e satisfação dos cirurgiões dentistas]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1807-25772017000600336&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Introduction The guidelines of the National Politics of Oral Health have led to the inclusion of elemental prostheses in the list of Primary Care procedures. Objective This paper aimed to evaluate the performance and satisfaction of dental surgeons with the implementation of Acrylic Partial Dentures. Metodology The sample was composed by 159 dental surgeons (sample calculation), in Belo Horizonte, MG, Brazil, selected via raffle (simple random sampling). A structured questionnaire was built with 72 questions on the daily practice of the performance of dental surgeons, using the SurveyMonkey platform. Result The results showed that for most of dental surgeons, the inclusion on the list of primary care procedures was a positive initiative and they have enjoyed the experience of using Acrylic Partial Dentures. Dental surgeons who had graduated in private institutions reported to have had more failures than those who had graduated in public institutions. The better prepared dental surgeons reported less difficulties and failures, and the more satisfied professionals with the performance of Acrylic Partial Dentures related had also experienced fewer failures. Considering the indication, the majority of participants did it according to the protocol of the institution (only for anterior teeth) but many revealed the use of dentures also for premolars. Conclusion Acrylic partial dentures have been a reality in the Brazilian social context even before their inclusion in the list of Primary Care procedures. Such inclusion indicates their relevance; however, it is necessary to have their confection systematized by a protocol in public services.<hr/>Resumo Introdução As diretrizes da Política Nacional de Saúde Bucal orientaram para a inclusão de próteses elementares no rol de procedimentos da Atenção Primária em saúde bucal. Objetivo Avaliou-se a experiência e satisfação dos cirurgiões-dentistas com relação à execução de Prótese Parcial Removível Acrílica no serviço público. Metodologia A amostra foi composta de 159 cirurgiões-dentistas (cálculo amostral) da rede de atenção primária de Belo Horizonte, selecionados através de sorteio (amostra aleatória simples). Para a coleta de informações, construiu-se um questionário estruturado, com 72 questões inerentes à prática diária de sua execução. Para aplicação do questionário e facilitar a análise estatística dos resultados, utilizou-se a plataforma SurveyMonkey. Resultado Para a maioria dos profissionais, a inclusão da prótese parcial removível acrílica como procedimento da Atenção Primária foi uma iniciativa positiva e a maioria teve boa experiência com as diversas fases de sua confecção. Os dentistas graduados em instituições privadas relataram ter mais insucessos do que os das instituições públicas. Verificou-se que quanto mais preparado se sentiu o dentista, menos dificuldade na confecção e menos relato de insucesso. Quanto mais satisfeito com a realização, maior ausência de insucesso. Com relação à indicação, a maioria o fez segundo o protocolo da instituição (somente para dentes anteriores) mas muitos revelaram a confecção incluindo também os pré-molares. Conclusão A prótese parcial acrílica tem sido realidade no contexto social brasileiro mesmo antes da inclusão na Atenção Primária, o que dimensiona a sua relevância. No entanto, faz-se necessário ter sua confecção sistematizada por um protocolo próprio nos serviços públicos. <![CDATA[Fatores associados à presença de biofilme oral em pacientes internados na UTI]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1807-25772017000600343&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Introduction Hospitalization may cause a decline in oral health and affect the entire body. The intensive care unit (ICU) may be a favorable environment for oral biofilm to accumulate in critically ill patients. Objective To identify factors associated with oral biofilm in ICU patients in a hospital for infectious diseases. Method This was a retrospective, descriptive and inferential study with a quantitative approach. Data were collected from 178 medical records of patients from January 2012 to July 2015. Biofilm presence was assessed according to the Greene and Vermillion index. Potential influential factors were analyzed by logistic regression. Result Among ICU patients, 69.1% were men, 60.7% had acquired immune deficiency (AIDS), 66.3% were ward patients, 50.6% were intubated, and 50.0% were sedated. The oral elements of the patients were mostly normal. The following characteristics were significantly associated with oral biofilm: changes in the lips, gums, cheeks, and palates and bleeding. Patients from the ward had a lower risk of biofilm. Conclusion Increased oral biofilm accumulation was observed in patients with oral changes, and patient origin was associated with the presence of biofilm.<hr/>Resumo Introdução A hospitalização pode provocar deterioração da saúde bucal, repercutindo em todo o corpo. A UTI pode ser um ambiente favorável ao acúmulo de biofilme oral em pacientes críticos. Objetivo Identificar fatores associados à presença do biofilme em pacientes da UTI de um hospital de doenças infectocontagiosas. Método Estudo retrospectivo, descritivo e inferencial, com abordagem quantitativa. Os dados foram obtidos em prontuários de pacientes da UTI, de janeiro de 2012 a julho de 2015. O biofilme foi avaliado de acordo com o índice de Greene e Vermillion. Os fatores influentes foram analisados por regressão logística. Resultado Entre os pacientes da UTI, 69,1% eram homens, 60,7% pacientes com AIDS, 66,3% pacientes na enfermaria, 50,6% intubados e 50,0% sedados. Seus elementos orais eram na maioria normais. As seguintes características foram significativamente associadas a biofilmes orais: alterações orais nos lábios, gengivas, bochechas e palatos e sangramento. Pacientes da enfermaria apresentaram menor risco de apresentar biofilmes. Conclusão o aumento do acúmulo de biofilme oral foi observado em pacientes com alterações na boca e a procedência do paciente foi associada à presença de biofilme. <![CDATA[Prevalência de traumatismos dentários em pacientes com distúrbio neuropsicomotor: estudo controlado]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1807-25772017000600351&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo Introdução Lesões dentárias por trauma constituem experiências angustiantes em crianças, que promovem alterações tanto físicas quanto emocionais e psicológicas. Objetivo Avaliar a prevalência de traumatismos dentários em pacientes com distúrbio neuropsicomotor e comparar a indivíduos normorreativos. Material e método Avaliaram-se 120 indivíduos, sendo 60 com alterações neuropsicomotoras (grupo de estudo) e 60 normorreativos (grupo controle), de ambos os sexos, de 2 a 15 anos de idade, assistidos na Fundação de Apoio ao Deficiente do Governo do Estado da Paraíba. Os dados foram coletados por meio de questionário estruturado e exame clínico. Foi realizada análise descritiva e inferencial (teste t-student; teste Exato de Fisher), adotando-se um nível de significância de 5%. Resultado A prevalência de traumatismos dentários observada em pacientes com distúrbio neuropsicomotor foi de 20,0%, enquanto que no grupo controle foi de 16,6% (p&gt;0,05); no grupo controle a ocorrência foi maior no sexo masculino. Os grupos diferiram quanto ao tipo de atividade no momento do trauma (p&lt;0,05) em relação à etiologia (p&lt;0,05) e em relação ao local de ocorrência (p&lt;0,05). Para ambos os grupos, os dentes mais afetados foram os incisivos centrais superiores. As fraturas de esmalte, seguidas pelas de esmalte e dentina sem exposição pulpar foram as lesões mais comuns nos dois grupos. Conclusão A prevalência de traumatismos dentários em indivíduos com alteração neuropsicomotora é similar à de indivíduos normorreativos, com maior ocorrência no sexo feminino, em fase anterior à adolescência, durante atividades de rotina.<hr/>Abstract Introduction Traumatic dental injuries are distressing experiences in children, which promote both physical, emotional and psychological changes. Objective To evaluate the prevalence of dental trauma in patients with neuropsychomotor disorder and to compare to normoreactive individuals. Material and method 120 individuals, 60 neuropsychomotor changes (study group) and 60 normorreatives (control group), of both sexes, from 2 to 15 years old, assisted in the Foundation of Support to the Disabled of the Government of the State of Paraíba. Data were collected through a structured questionnaire and clinical examination. Descriptive and inferential analysis (t-student test; Fisher's exact test) was performed, adopting a significance level of 5%. Result The prevalence of dental trauma observed in patients with neuropsychomotor disorder was 20.0%, whereas in the control group it was 16.6% (p&gt;0.05); in the control group the occurrence was higher in males. The groups differed according to the type of activity at the moment of the trauma (p&lt;0.05) in relation to the etiology (p&lt;0.05), and in relation to the place of occurrence (p&lt;0.05). For both groups, the most affected teeth were the maxillary central incisors. Enamel fractures, followed by enamel and dentin fractures without pulp exposure were the most common lesions in both groups. Conclusion The prevalence of dental trauma in individuals with neuropsychomotor alterations is similar to that of normorreative individuals, with a higher occurrence in females, in preteen phase, during routine activities. <![CDATA[Avaliação da satisfação de reabilitações com implantes zigomáticos]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1807-25772017000600357&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo Introdução A reabilitação oral de pacientes com atrofia óssea maxilar representa um grande desafio por estes pacientes apresentarem comprometimento da qualidade de vida, dificuldades alimentares, complicações nutricionais, dificuldades sociais e emocionais. Propostas de reabilitações de maxilas mutiladas e/ou atróficas com próteses totais fixas implantossuportadas, utilizando implantes zigomáticos, foram relatadas. Objetivo O objetivo deste estudo foi avaliar o grau de satisfação dos pacientes reabilitados com implantes zigomáticos e convencionais, em função de carga imediata com prótese do tipo protocolo através de um estudo retrospectivo, por meio de questionário respondido pelos pacientes. Material e método Foram incluídos dezenove pacientes, tratados na clínica do Instituto Latino Americano de Pesquisa e Ensino Odontológico (ILAPEO) em Curitiba, PR (Brasil), entre dezembro de 2005 e junho de 2010. Os pacientes foram reabilitados com 41 implantes zigomáticos e 73 implantes convencionais, todos do tipo cone Morse. As próteses, tipo híbridas, foram instaladas em carga imediata. Resultado O índice de satisfação encontrado foi de 100%. Conclusão Pode-se concluir que esta técnica de reabilitação restabelece fatores primordiais ao ser humano como mastigação, fonética e estética. Os pacientes relataram satisfação com o resultado do tratamento, conseguindo desenvolver atividades sociais dentro da normalidade, elevando sua autoestima.<hr/>Abstract Introduction Rehabilitation of patients with atrophic maxilla is challenging. Atrophic maxilla patients present compromised quality of life, impaired function, deficient nutrition, social and emotional difficulties. The rehabilitation of atrophic maxilla by zygomatic fixtures has been previously proposed. Objective This retrospective study evaluated the degree of satisfaction of patients rehabilitated by immediately loaded conventional and zygomatic fixtures supporting full-arch fixed dental prosthesis. A satisfaction questionnaire was used for patient assessment. Material and method Nineteen patients treated at the Latin American Institute for Dental Research and Education (ILAPEO) between December 2005 and June 2010 were evaluated. Patients were rehabilitated with 41 zygomatic implants and 73 conventional implants under immediate load. Result All assessed patients were completely satisfied with the provided rehabilitation. Conclusion It can be concluded that rehabilitation with zygomatic fixtures is capable of restoring function, phonetics, and esthetic for patients with atrophic maxilla. The patients were satisfied with the treatment outcomes and showed increased self-esteem after the rehabilitation. <![CDATA[Análise em micro-CT da capacidade de preenchimento e porosidade de materiais retrobturadores]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1807-25772017000600362&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Introduction Filling ability of retrograde cavity and porosity are important properties for root-end filling materials and may be evaluated by using microcomputed tomography (micro-CT). Objective To evaluate filling ability and porosity of root-end filling materials using microcomputed tomography (micro-CT). Material and method Cavities with 1 mm internal diameter and 3 mm depth were prepared in bovine dentin sections by using ultrasonic tips (CVD No. 6.1107-6), and filled by Mineral Trioxide Aggregate (MTA); Sealer 26 (S26) and zinc oxide and eugenol cement (ZOE). Before and after filling, cavities were scanned by using micro-CT (SkyScan 1176). Filling and porosity were analyzed by using CTAn software. Filling ability was calculated based on volumetric percentage of the filled cavity. The number and percentage of closed pores were measured throughout entire extension of the filled cavity (total) and in each third (cervical, middle and apical), by using bi and tridimensional analyses. The filling data were submitted to ANOVA and Tukey statistical tests, and porosity data to Kruskall-Wallis and Dunn tests, at a 5% significance level. Result S26 and ZOE presented higher filling ability than MTA (p&lt;0.05). S26 showed the highest total porosity (number and percentage) (p&lt;0.05). In all thirds after 2D and 3D analyses, porosity was higher for S26 in comparison to MTA and ZOE (p&lt;0.05). Conclusion Although Sealer 26 presented more porosity, the material was associated with a great filling ability. Micro-CT analysis showed no correlation between filling ability and porosity.<hr/>Resumo Introdução Capacidade de preenchimento da cavidade retrógrada e porosidade são propriedades importantes de materiais retrobturadores e podem ser avaliadas por meio de microtomografia computadorizada (micro-CT). Objetivo Avaliar a capacidade de preenchimento e porosidade de materiais retrobturadores por meio de micro-CT. Material e método Cavidades com 1 mm de diâmetro e 3 mm de altura foram preparadas em dentina bovina utilizando pontas ultrassônicas (CVD No. 6.1107-6) e foram preenchidas com Mineral Trióxido Agregado (MTA), Sealer 26 (S26) e cimento de óxido de zinco e eugenol (OZE). As cavidades foram escaneadas em micro-CT antes e após o preenchimento. A capacidade de preenchimento foi calculada com base na porcentagem em volume, das cavidades preenchidas. O número e porcentagem dos poros fechados foram avaliados em toda extensão da cavidade preenchida (total) e por terços (cervical, médio e apical) por meio de análises bi e tridimensionais. Os dados de preenchimento foram submetidos aos testes estatísticos ANOVA e Tukey e a porosidade aos testes de Kruskall-Wallis e Dunn, com nível de significância de 5%. Resultado S26 e OZE apresentaram maior capacidade de preenchimento que o MTA (p&lt;0,05). S26 mostrou maior porosidade total (em número e porcentagem) (p&lt;0,05). Em todos os terços, após as análises 2D e 3D, a porosidade foi maior para S26 em comparação ao MTA e OZE (p&lt;0,05). Conclusão Embora Sealer 26 tenha apresentado maior porosidade, o material foi associado a uma adequada capacidade de preenchimento. A análise em micro-CT mostrou ausência de correlação entre capacidade de preenchimento e porosidade. <![CDATA[Avaliação histológica dos efeitos da corticotomia no movimento ortodôntico induzido em ratos]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1807-25772017000600368&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract: Introduction: Alveolar corticotomy is a surgical procedure used to increase the velocity of tooth movement. Objective Identify histological evidence of the effect of corticotomy on orthodontic movement in rats. Material and method Forty-five Wistar rats (Rattusnorvegicus Albinus) were equally divided into three groups: Control Group (CG) - no tooth movement or corticotomy; Movement Group (MG) - tooth orthodontic movement only; and Corticotomy and Movement Group (CMG) - tooth orthodontic movement surgically assisted by corticotomy. In the CMG, surgical procedures consisted in an incision in the palatal, reaching from the mesial to the distal regions of the maxillary right first molar. Tooth movement in the MG and CMG was applied with coil spring force of 40 gF from the maxillary right first molar to the maxillary right incisor. The rats were sacrificed at days 1, 3, and 7, and histological sections were performed to evaluate the counting of osteoblasts and osteoclasts throughout the areas of tension and pressure. Result Histological analysis showed that the CMG presented better cell response to bone neoformation compared with that of the other groups. Greater proliferation of osteoclasts was observed in areas of pressure on day 3, resulting in increased reabsorption, whereas greater proliferation of osteoblasts was observed in areas of tension on day 1, indicating increased bone formation. Conclusion Differences between the treated groups occurred only in the initial period of tooth movement. Therefore, the changes caused by corticotomy are not significant in orthodontic movement to justify this invasive procedure.<hr/>Resumo: Introdução: A corticotomia alveolar é um procedimento cirúrgico utilizado para aumentar a velocidade do movimento dentário. Objetivo Identificar evidências histológicas do efeito da corticotomia no movimento ortodôntico no rato. Material e método Quarenta e cinco ratos Wistar (Rattusnorvegicus Albinus) foram igualmente divididos em três grupos: Grupo de Controle (GC) - sem movimento dentário ou corticotomia; Grupo de movimento (GM) – apenas movimento ortodôntico do dente; e Corticotomia e Movimento Grupo (GCM) - movimento ortodôntico dentário cirurgicamente assistido por corticotomia. Os procedimentos cirúrgicos de GCM consistiram de uma incisão no palato, da mesial a distal do primeiro molar superior direito. O movimento do dente no GM e GCM foi aplicado com uma força da mola helicoidal de 40 gF do primeiro molar superior direito para o incisivo superior direito. Os ratos foram sacrificados no 1º, 3º e 7º dia e, após este período, foram realizadas seções histológicas para avaliar a contagem de osteoblastos e osteoclastos nas áreas de tensão e pressão. Resultado A análise histológica mostrou que o GCM apresentou melhor resposta celular na neoformação óssea quando comparado aos outros grupos. Em áreas de pressão, no 3º dia, houve uma maior proliferação de osteoclastos, resultando em maior reabsorção. Em áreas de tensão, no 1º dia, houve uma maior proliferação de osteoblastos, indicando aumento da formação óssea. Conclusão A diferença entre os grupos tratados ocorreu apenas no período inicial do movimento. Portanto, as alterações causadas pela corticotomia não são significativas no movimento ortodôntico para justificar o procedimento invasivo.