Scielo RSS <![CDATA[Acta Scientiarum. Agronomy]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=1807-862120170003&lang=pt vol. 39 num. 3 lang. pt <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <![CDATA[Modelagem da cinética de sorção de água de café torrado e moído]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1807-86212017000300273&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT. The objective of this study was to model the kinetics of water sorption in roasted and ground coffee. Crude Arabica coffee beans with an initial moisture content of 0.1234 kgwkgdm -1 were used. These beans were roasted to a medium roast level (SCCA # 55) and ground at three particle sizes: coarse (1.19 mm), medium (0.84 mm) and fine (0.59 mm). To obtain the water sorption isotherms and the isosteric heat, different conditions of temperature and relative humidity were analyzed using the dynamic method at 25ºC (0.50, 0.60, 0.70, and 0.80 of RH) and 30°C (0.30, 0.40, 0.50, 0.60, 0.70, and 0.80 of RH) and using the static method at 25ºC (0.332 and 0.438 of RH). The GAB model best represented the hygroscopic equilibrium of roasted coffee at every particle size. Isosteric heat of sorption for the fine particle size increased with increments of equilibrium moisture content, indicating a strong bond energy between water molecules and the product components. The Gibbs free energy decreased with the increase in equilibrium moisture content and with temperature.<hr/>RESUMO. Objetivou-se com este trabalho modelar a cinética de sorção de água pelo café torrado e moído. Foram utilizados grãos de café arábica com teor de água inicial de 0,1234 kga kgms -1, torrados no ponto de torra médio (SCCA # 55), tendo sido estabelecido três níveis granulométricos: grossa (1,19 mm), média (0,84 mm) e fina (0,59 mm). Para a obtenção das isotermas de sorção da água e do calor isostérico, foram analisadas diferentes condições de temperatura e umidade relativa: usando o método dinâmico, 25ºC (0,50; 0,60; 0,70 e 0,80 de UR) e 30°C (0,30; 0,40; 0,50; 0,60; 0,70 e 0,80 de UR); e o método estático, 25ºC (0,332 e 0,438 de UR). Os dados de teor de água no equilíbrio foram correlacionados com modelos matemáticos. O modelo de GAB foi o que melhor representou o equilíbrio higroscópico para a sorção do café torrado nos diferentes níveis granulométricos. O calor isostérico de sorção na granulometria fina aumentou com a elevação do teor de água de equilíbrio indicando forte grau de ligação entre as moléculas de água e o produto. A energia livre de Gibbs diminuiu com o aumento do teor de água de equilíbrio e com a temperatura. <![CDATA[Metodologia para dimensionamento de reservatórios de captação de águas pluviais: uma abordagem probabilística]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1807-86212017000300283&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT. The aim of this study was to propose a new methodology for reservoir rainwater dimensioning based on probabilistic modeling. Eucalyptus seedlings grown in a greenhouse were used to obtain a hypothetical water demand. Meteorological data were used to estimate the demand (evapotranspiration) and offer (rainfall over the greenhouse coverage). The probability distribution of Wakeby presented the best fit for the rainfall data; therefore, a Wakeby distribution was used to model the flow-duration curve of the greenhouse coverage. For a payback period (T) of 10 years of surplus water demand and water supply deficit, a reservoir with 13.60 m³ was obtained. The proposed methodology combined the simultaneous occurrence of the events to enable the scaling out of a reservoir with high safety to supply the required demand (T = 100 years) and therefore enables a lower cost of deployment compared to each approach separately (T = 10 years).<hr/>RESUMO. O objetivo deste trabalho foi apresentar uma nova metodologia para dimensionamento de RCAPs com base em modelagem probabilística. Para determinar uma demanda hídrica hipotética, utilizou-se a cultura do Eucalipto cultivada em casa de vegetação (CV). Dados meteorológicos foram utilizados para estimar, demanda (evapotranspiração) e oferta (precipitação incidente na cobertura da CV). A distribuição de probabilidade de Wakeby apresentou o melhor ajuste aos dados de precipitação; portanto, foi utilizada para modelar a curva de permanência do escoamento gerado na cobertura da CV e, assim, determinar o volume de um RCAP para suprir a demanda da cultura. Para um tempo de retorno (T) de 10 anos de excedente hídrico da demanda e de déficit hídrico da oferta, obteve-se um volume do RCAP de 13,60 m³. Assim, pela combinação de ocorrência simultânea dos eventos, pode-se concluir que a metodologia proposta permite dimensionar reservatórios com alta segurança de atendimento da demanda (T = 100 anos) e, consequentemente, com menor custo de implantação, comparado com as abordagens separadas (T = 10 anos). <![CDATA[Propriedades termodinâmicas dos frutos de crambe]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1807-86212017000300291&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT. This study aimed to determine and evaluate the thermodynamic properties of crambe fruit at different equilibrium moisture contents. The dynamic-gravimetric method was used to collect experimental data. Crambe fruits with an initial moisture content of approximately 26% db (dry basis) were used. The thin-layer desorption of the product was conducted at different controlled temperatures (25, 30, 35, 40, and 45°C) and at water activity levels ranging from 0.10 to 0.89 until the product reached the equilibrium moisture content at the specified air condition. In conclusion, the thermodynamic properties of crambe fruit are affected by temperature and moisture content. The isokinetic theory is valid for the desorption process, which is controlled by enthalpy, and the Gibbs free energy is positive at all of the tested temperatures, which indicates that water desorption is not a spontaneous process.<hr/>RESUMO. O objetivo no presente trabalho foi determinar e avaliar as propriedades termodinâmicas para diferentes teores de água de equilíbrio dos frutos de crambe. Para obter os dados experimentais utilizou-se o método dinâmico-gravimétrico. Foram utilizados frutos de crambe, com teor de água inicial de, aproximadamente, 26 % b.s. (base seca). A dessorção do produto em camada delgada foi realizada para diferentes condições controladas de temperatura (25, 30, 35, 40 e 45°C) e atividades de água entre 0,10 e 0,89, até que o produto atingisse seu teor de água de equilíbrio com a condição do ar especificada. Conclui-se que as propriedades termodinâmicas dos frutos de crambe são influenciadas pelas temperaturas e pelos teores de água. A teoria da isocinética é válida para o processo de dessorção, sendo este controlado pela entalpia. A energia livre de Gibbs é positiva para todas as temperaturas estudadas, indicando que a dessorção da água é um processo não espontâneo. <![CDATA[Mutação da Trp-574-Leu do gene ALS confere resistência de biótipos de nabo ao herbicida iodosulfurom e imazetapir]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1807-86212017000300299&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT. Acetolactate synthase inhibitors are the main group of herbicides used in winter crops in Southern Brazil where their intensive use has selected for herbicide-resistant biotypes of radish. The resistance affects the efficacy of herbicides, and identifying the resistance mechanism involved is important for defining management strategies. The aim of this study was to elucidate the resistance mechanism of radish biotypes by quantifying the enzyme activity, ALS gene sequencing and evaluating the response of biotypes to iodosulfuron and imazethapyr herbicide application after treatment with a cytochrome P450 monooxygenase inhibitor. The susceptible (B1) and resistant (B4 and B13) biotypes were from wheat fields in the Northwest of Rio Grande do Sul State. The results demonstrated that the enzyme affinity for the substrate (KM) was not affected in biotypes B4 and B13 but that the Vmax of the resistant biotypes was higher than that of biotype B1. The resistant biotypes showed no differential metabolic response to iodosulfuron and imazethapyr herbicides when inhibited by malathion and piperonyl butoxide. However, gene sequencing of ALS showed a mutation at position 574, with an amino acid substitution of tryptophan for leucine (Trp-574-Leu) in resistant biotypes.<hr/>RESUMO. Os inibidores da acetolactato sintase são o principal grupo de herbicidas usados em culturas de inverno do Sul do Brasil onde seu uso intenso selecionou biótipos resistentes de nabo. A resistência afeta a eficácia dos herbicidas, e a identificação do mecanismo de resistência envolvido é importante na definição de estratégias de manejo. O objetivo deste estudo foi elucidar o mecanismo de resistência em biótipos de nabo através da quantificação da atividade da enzima, sequenciamento do gene ALS e avaliar a resposta dos biótipos à aplicação do herbicida iodosulfurom e imazetapir após tratamento com inibidores do metabolismo da citocromo P450 monooxigenase. Os biótipos suscetível (B1) e resistentes (B4 e B13) eram de lavouras de trigo da região Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul. Os resultados demonstraram que a afinidade da enzima pelo substrato (KM) não foi afetada nos biótipos B4 e B13, porém o Vmax dos biótipos resistentes foi superior quando comparado ao biótipo B1. Os biótipos resistentes não apresentaram resposta metabólica diferencial ao herbicida iodosulfurom e imazetapir quando inibidos pelo malathion e butóxido de piperolina. Entranto, o sequenciamento do gene ALS evidenciou mutação na posição 574 com uma substituição do aminoácido triptofano por leucina (Trp-574-Leu) nos biótipos resistentes. <![CDATA[Divergência genética entre linhagens e parentais de mamoneira pelo método Ward, baseada em descritores morfoagronômicos]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1807-86212017000300307&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT. This study sought to evaluate the genetic divergence among castor lines and parental strains in the germplasm bank at the Federal University of Recôncavo da Bahia (Universidade Federal do Recôncavo da Bahia) using morpho-agronomic descriptors. This experiment was conducted from 2014 to 2015 with 208 treatments represented by bank accessions that were analyzed using a randomized block design, which established homogeneity of the experimental conditions with all treatments repeated in four blocks. The genetic divergence analysis was performed using Ward’s method and Tocher’s method based on Gower’s distance, which are two clustering methods used in studies with castor beans, with the help of the statistical programs R and GENES. The results revealed the formation of 21 groups for 13 morpho-agronomic descriptors, six qualitative and seven quantitative, indicating the presence of variability in the bank. The groups containing promising accessions for the characteristics of agronomic interest, including precociousness, fruit dehiscence, and plant height and yield were 2, 7, 8, 10, 14, 15, 16, and 17, which suggested potential hybrid crosses. The descriptors with the greatest contribution to variance were yield, plant height, the number of seeds per raceme, flowering and seed weight per raceme.<hr/>RESUMO. Este trabalho objetivou avaliar a divergência genética entre linhagens e parentais de mamoneira do Banco de germoplasma da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, por meio de descritores morfoagronômicos. O experimento foi conduzido no período de 2014 a 2015, com 208 tratamentos representados pelos acessos do Banco, avaliados no delineamento em blocos casualizados, estabelecendo a homogeneidade das condições experimentais com todos os tratamentos igualmente repetidos em quatro blocos. A análise de divergência genética foi realizada pelo método Ward e pelo o método de Tocher por meio da distância de Gower, sendo esses métodos de agrupamento utilizados em estudos com mamoneira, com o auxílio dos programas estatísticos R e GENES. Os resultados revelam a formação de 21 grupos para 13 descritores morfoagronômicos, sendo seis qualitativos e sete quantitativos, indicando a presença de variabilidade no Banco. Os grupos que apresentam acessos promissores para as características de interesse agronômico como precocidade, deiscência dos frutos, estatura e produtividade, são 2, 7, 8, 10, 14, 15, 16 e 17, sugerindo possíveis cruzamentos entre estes. Os descritores que mais contribuem para a divergência são produtividade, estatura da planta, número de sementes por racemo, florescimento e peso de sementes por racemo. <![CDATA[Diversidade genética entre clones famosos nativos e melhorados de <em>Cattleya walkeriana</em> Gardner]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1807-86212017000300315&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT. The aim of this study was to evaluate the genetic diversity among native plants and some individuals obtained from crosses with unknown genealogy of C. walkeriana as well as C. loddigesii and C. nobilior and to advance towards solving the question of the genetic purity of the “Orchidglade” clone. Eight microsatellite loci were used to evaluate the genetic diversity between individuals of C. walkeriana. Microsatellites were not efficient in determining the genetic diversity between C. walkeriana groups (native and improved). The difficulty in determining the genetic distance between the different genotypes can be attributed to the complex mating system of the species and to a weak genetic barrier that facilitates the development of hybrids. Our analysis revealed smaller genetic distances between the “Orchidglade”, “Equilab”, “Kenny” and “Pedentive” clones and the species C. loddigesii and C. nobilior. Native C. walkeriana plants were genetically more distant from the C. loddigesii and C. nobilior species.<hr/>RESUMO. O objetivo desta pesquisa foi o de avaliar a diversidade genética entre plantas nativas e indivíduos de genealogia desconhecida de C. walkeriana, bem como C. loddigesii e C. nobilior, e também avançar na solução do dilema da origem do clone “Orchidglade” de C. walkeriana. Oito locos microssatélites foram utilizados para avaliar a diversidade genética entre indivíduos de C. walkeriana. Os marcadores microssatélites não foram eficientes na determinação da diversidade genética entre os grupos C. walkeriana (nativas e melhoradas). A dificuldade em determinar a distância genética entre os genótipos diferentes pode ser devida a um sistema complexo de reprodução das espécies e devido a uma fraca barreira reprodutiva facilitando o desenvolvimento de híbridos. Nossa análise revelou menores distâncias genéticas entre os clones Orchidglade, “Equilab”, “Kenny” e “Pedentive” e as espécies C. loddigesii e C. nobilior. As C. walkeriana nativas se mostraram geneticamente mais distantes das espécies de C. loddigesii e C. nobilior. <![CDATA[Identificação de QTL associados a características agronômicas, morfológicas e fisiológicas em cevada sob condições de sequeiro, usando marcadores SNP]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1807-86212017000300321&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT. Barley (Hordeum vulgare L.) is considered a good genetic model for evaluating mechanisms of drought tolerance, and it is the most important threat to crop production worldwide. This study aimed to identify single-nucleotide polymorphisms (SNPs) associated with agronomic, morphological and physiological traits in a population of 137 recombinant chromosome substitution lines (RCSL) of barley, which were evaluated under rainfed conditions, in Cauquenes, southern Chile (35°58’ S, 72°17’ W). The annual precipitation was 299 mm during the growing season. Fifty-two significant QTLs were detected for the studied traits, which explained between 5% and 13.8% of the phenotypic variation. A genomic region on chromosome 1H (that comprises SNPs 2711-234 and 1923-265) accounted for 13.4% and 13.8%, respectively, of the grain yield variation. In addition, SNPs 8388-578 and 7639-122 on the chromosome 5H had a moderate effect, explaining 12.8% of the plant height variation. Moreover, some SNPs were associated with more than one trait, and clusters of QTLs for yield and related traits were also found. Finally, the QTLs identified in the present study are of particular interest for barley-breeding purposes under rainfed conditions.<hr/>RESUMO. Cevada (Hordeum vulgare L.) é uma cultura modelo para a avaliação genética dos mecanismos de tolerância à seca; a ameaça mais importante para a produção agrícola a nível mundial. Objetivou-se identificar polimorfismos de nucleotídeo único (SNP) associados a características agronômicas, morfológicas e fisiológicas numa população de 137 linhas recombinantes com substituição cromossômica (RCSL) de cevada, avaliadas sob condições de sequeiro, em Cauquenes, sul do Chile (35°58’ S, 72°17’ O). A precipitação anual foi de 299 mm durante o período vegetativo. Cinquenta e dois QTLs foram encontrados para as características estudadas, explicando entre 5% e 13.8% da variação fenotípica. A região genômica no cromossomo 1H (que compreende os SNPs 2711-234 e 1923-265) foi responsável de ~13% da variação no rendimento de grãos. Além disso, os SNPs 8388-578 e 7639-122 no cromossomo 5H teve um efeito moderado, explicando 12,8% da variação para altura da planta. Além disso, alguns SNPs foram associados com mais de uma característica, e grupos de QTLs para rendimento de grãos e características relacionadas também foram encontrados. Finalmente, os QTLs identificados no presente estudo podem ser de particular interesse para fins de melhoramento de cevada em ambiente de sequeiro. <![CDATA[Herança da resistência do acesso TX 25 de algodoeiro a <em>Meloidogyne incognita</em> raça 3]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1807-86212017000300331&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT. Cotton producers worldwide suffer with the losses caused by the presence of phytonematodes. The aim of the present study was to investigate the inheritance of resistance to Meloidogyne incognita race 3 in Gossypium hirsutum variety punctatum accession TX 25. Accessions of Gossypium sp. were obtained from the germplasm bank of Embrapa Cotton. Two experiments were performed in two consecutive years. In the first experiment, a susceptible parental line, FiberMax 966, a resistant parental line, TX 25, and their F1, F2 and backcross generations were tested. In the second experiment, parental lines FiberMax 966 and TX 25, their F2 generation, and genotypes M315 (resistant), LA887 and DeltaOpal (moderately resistant) were tested. In both experiments, plants were inoculated with 2000 eggs and J2 of M. incognita race 3. The gall index, egg mass index and reproduction factor were evaluated 120 days following inoculation. In the first experiment, plants from the F1 and backcross generations were susceptible. Plants from the F2 generation presented a 3:1 resistant-to-susceptible ratio in the two experiments, indicating oligogenic resistance.<hr/>RESUMO. Os cotonicultores do mundo inteiro sofrem com as perdas causadas pela presença de fitonematoides nas lavouras. Assim o objetivo deste trabalho foi estudar a herança da resistência do acesso TX 25 de Gossypium hirsutum raça punctatum a Meloidogyne incognita raça 3. Foram utilizados acessos de Gossypium sp. pertencentes ao Banco de Germoplasma da Embrapa Algodão. Foram realizados dois experimentos em dois anos consecutivos. No primeiro ano foram testados FiberMax 966 e TX 25 como parentais suscetível e resistente, respectivamente, e as gerações F1, F2 e retrocruzamento. No segundo experimento foram testados os parentais FiberMax 966 e TX 25, a geração F2 além dos genótipos M315 (resistente) LA887 e DeltaOpal (moderadamente resistentes). Em ambos experimentos as plantas foram inoculadas com 2000 ovos e J2 de M. incognita raça 3. As avaliações ocorreram aos 120 dias após a inoculação, e avaliou-se índice de galhas, índice de massa de ovos e fator de reprodução. No primeiro experimento as plantas da geração F1 e do retrocruzamento se mostraram suscetíveis, As plantas da geração F2 nos dois experimentos apresentaram uma proporção de três plantas resistentes para uma suscetível indicando resistência de caráter oligogênico. <![CDATA[Resistência a <em>Enneothrips flavens</em> Moulton e estimativa de parâmetros genéticos em genótipos interespecíficos de amendoim]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1807-86212017000300339&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT. Peanut is an oilseed crop of great importance for Brazilian agribusiness. A major factor affecting its production is pest incidence, mainly thrips. This study aimed to evaluate the potential for resistance to Enneothrips flavens in genotypes derived from the cross between IAC 503 and the amphidiploid (A. magna x A. cardenasii)4x and to estimate the genetic and phenotype parameters in these genotypes, allowing for better targeting in the selection. The experiments were conducted in a Federer augmented block design with additional checks in two generations (F3 and F4). Resistance to thrips was evaluated by its natural infestation and the symptoms of attacks by the insect. They were also evaluated using agronomic trait indicators of interspecific segregating with cultivated species. The results indicated that the selected progeny exhibited high resistance to thrips compared to commercial genotypes, and they had the amphidiploid as the insect resistance source. Some progenies selected as resistant also had good production traits, but with the degree of suitability to the A. hypogaea L. genotypes still low, the use of a backcross as an alternative for the introgression of resistance genes and the consequent recovery of adapted genotypes of superior recurring parents is suggested.<hr/>RESUMO. O amendoim é uma cultura de grande importância para o agronegócio brasileiro. Um dos principais fatores que afetam sua produção é a incidência de pragas como o tripes-do-prateamento. O objetivo deste trabalho foi avaliar o potencial de resistência ao tripes, em genótipos derivados do cruzamento entre a cultivar IAC 503 e o anfidiploide (A. magna x A. cardenasii)4x, assim como estimar os parâmetros genéticos e fenotípicos em tais genótipos, como auxiliares no processo de seleção. Os experimentos foram conduzidos no esquema de blocos aumentados com testemunhas intercalares em duas gerações (F3 e F4). A resistência ao tripes foi avaliada pela sua infestação natural e pelos sintomas de injúrias causadas pelo inseto. Foram avaliados também, caracteres agronômicos como indicadores da proximidade dos genótipos segregantes ao cultivado. Com base nos resultados, observou-se que as progênies selecionadas apresentaram maior resistência ao tripes quando comparadas aos genótipos cultivados, tendo o anfidiploide como fonte de resistência ao inseto. Algumas progênies selecionadas como resistentes, também apresentaram bons componentes de produção, porém, com grau de adequação aos genótipos A. hypogaea L. ainda pequeno, o que sugere o uso de retrocruzamentos como alternativa na introgressão de genes de resistência e consequente recuperação dos genótipos adaptados dos genitores recorrentes. <![CDATA[Uso de leveduras selvagens como agente de biocontrole contra fungos toxigênicos e produção de OTA]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1807-86212017000300349&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT. This study evaluated the antagonistic potential of 32 wild yeast isolates from coffee and cocoa bean fermentation. These yeasts were inoculated in co-cultivation with Aspergillus carbonarius (CCDCA 10608 and CCDCA 10408) and Aspergillus ochraceus (CCDCA 10612) isolated from grapes and coffee beans. The mycelial growth and ochratoxin A (OTA) production were evaluated, and the spores were counted after cultivation at 28°C for seven days. The yeasts presented higher inhibitory effects (53% in relation to the control) over the mycelial growth of the isolated A. ochraceus (CCDCA10612). Pichia anomala CCMA0148 and Saccharomyces cerevisiae CCMA0159 provided the greatest inhibition of the growth of all fungal strains. All Pichia species presented the highest inhibitory effects on the production of spores, and S. cerevisiae CCMA 0159 at concentrations of both 104 and 107 mL-1 cells inhibited the production of spores by 100%. Rhodotorula mucilaginosa was effective at inhibiting OTA production by the three isolates of Aspergillus. S. cerevisiae CCMA0159 and Pichia anomala CCMA0148 showed high potential as biocontrol agents in the conditions tested.<hr/>RESUMO. Este estudo avaliou o potencial antagônico de 32 isolados de leveduras selvagens de fermentação de café e cacau. Estas leveduras foram inoculadas em co-cultivo com Aspergillus carbonarius (CCDCA 10608 e CCDCA 10408) e Aspergillus ochraceus (CCDCA 10612) isolado de uvas e grãos de café. O crescimento micelial e a produção de ocratoxina A (OTA) foram avaliados e os esporos foram contados após o cultivo a 28 ° C por sete dias. As leveduras apresentaram maiores efeitos inibitórios (53% em relação ao controle) sobre o crescimento micelial do isolado A. ochraceus (CCDCA10612). Pichia anomala CCMA0148 e Saccharomyces cerevisiae CCMA0159 proporcionaram a maior inibição do crescimento de todas as estirpes fúngicas. Todas as espécies de Pichia apresentaram os maiores efeitos inibitórios na produção de esporos e S. Cerevisiae CCMA 0159 em concentrações de 104 e 107 células mL-1 inibiram a produção de esporos em 100%. Rhodotorula mucilaginosa foi eficaz na inibição da produção de OTA pelos três isolados de Aspergillus. S. cerevisiae CCMA0159 e Pichia anomala CCMA0148 apresentaram alto potencial como agentes de biocontrole nas condições testadas. <![CDATA[Desenvolvimento de um protocolo otimizado para a conservação <em>in vitro</em> de variedades locais de batata-doce]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1807-86212017000300359&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT. This study aimed to develop a protocol for the in vitro conservation of 30 accessions of sweet potato collected in the northern region of Rio de Janeiro State, Brazil, aiming to extend the period between subcultures for this species. An in vitro minimal growth experiment was established with accession UENF 1931 in a factorial arrangement consisting of four concentrations of mineral salts in MS medium and four concentrations of sucrose, at two temperatures. The others accessions were grown in medium containing 100% MS salts and 2% sucrose, which was the medium that allowed the in vitro conservation of accession UENF 1931 for a longer time period. For this second experiment, 30 accessions of sweet potato and two temperatures were used. Plant height, number of leaves, and survival rate were measured every 30 days for 12 months, in both experiments. In the last stage, the sweet potato plantlets originating from in vitro minimal growth were acclimatized and exhibited 100% survival. The recommended in vitro minimal growth conditions for the studied accessions are MS medium with 100% concentration of mineral salts and 2% sucrose, at a temperature of 27±2°C, with subculture performed every 180 days.<hr/>RESUMO. Este trabalho objetivou determinar um protocolo para conservação in vitro de trinta acessos de batata-doce coletados na região Norte do Estado do Rio de Janeiro, visando aumentar o período entre os subcultivos para esta espécie. Foi montado um experimento de cultivo mínimo in vitro com o acesso UENF 1931 em um esquema fatorial com quatro concentrações dos sais minerais do meio MS e quatro concentrações de sacarose em duas temperaturas. Os demais acessos de batata-doce foram cultivados em meio contendo 100% dos sais do MS e 2% de sacarose, sendo o meio que propiciou a conservação do acesso UENF 1931 por maior período de tempo. Neste segundo experimento foram utilizados 30 acessos de batata-doce e duas temperaturas. Altura das plantas, número de folhas e taxa de sobrevivência foram mensurados a cada 30 dias durante 12 meses, em ambos os experimentos. Na última etapa foi feita a aclimatização das mudas de batata-doce provenientes do cultivo mínimo in vitro, apresentando sobrevivência de 100%. Para o cultivo mínimo in vitro dos acessos estudados recomendou-se a utilização de meio MS com 100% da concentração de sais minerais e 2% de sacarose, temperatura de 27±2°C, com subcultivos a cada 180 dias. <![CDATA[Nitrogênio mineral do solo, nutrição de plantas e produtividade de genótipos de ciclo superprecoces de feijão-comum em função do manejo de nitrogênio]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1807-86212017000300369&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT. This study was conducted to measure the effects of the timing of nitrogen fertilization (NF) on soil N-NH4 + and N-NO3 -, macronutrient contents in the leaves and grains, and the grain yield of super early genotypes (SEG) of common bean. Field experiments were performed for four growing seasons in an Oxisol soil in Santo Antônio de Goiás, Brazil, using a randomized block experimental design in a split plot scheme. The plots were planted with common bean SEG, and the subplots were the NF timings, including a treatment without N fertilization. The available soil N with improved fertility and medium to high levels of organic matter were enough to meet the N demands of the common bean crop in order to achieve yields of up to 3,000 kg ha-1. Fertilization with N, regardless of the time of application, provided no increase in the yield components, grain yield and the N, P and K contents in the leaves and grains of the common bean SEG. The genotypes CNFC 15873 and CNFC 15875 had higher grain yields in the rainfed summer, and the genotype CNFC 15874 had higher grain yields in the irrigated winter growing season. It can be inferred that the use of common bean SEG, with life cycles ranging from 65 to 77 days, can be a promising technology, providing grain yields similar to the control (IPR Colibri).<hr/>RESUMO. O presente estudo teve como objetivo medir N-NH4 + e N-NO3 - no solo, teores de macronutrientes em folhas e grãos e produtividade de grãos de genótipos superprecoces (GSP) de feijão-comum em função da época de aplicação de nitrogênio (EAN). Experimentos de campo foram realizados por quatro safras em Latossolo em Santo Antônio de Goiás, no delineamento experimental de blocos casualizados em esquema de parcelas subdivididas. As parcelas foram compostas pelos GSP de feijão-comum e as subparcelas pela EAN. Incluiu-se também um tratamento sem adubação nitrogenada. A disponibilidade de N no solo com níveis médios e altos de fertilidade e matéria orgânica foi suficiente para atender a demanda de feijão-comum para alcançar produtividades de até 3.000 kg ha-1. A adubação com N, independentemente da época de aplicação, não proporcionou incrementos nos componentes de produção, produtividade de grãos e teores de N, P e K nas folhas e grãos de GSP do feijão-comum. Genótipos CNFC 15873 e 15875 CNFC tiveram maiores produtividades no verão chuvoso e o genótipo CNFC 15874 na safra irrigada de inverno. Pode-se inferir que o uso de GSP do feijão-comum com ciclo de vida variando de 65 a 77 dias mostrou ser tecnologia promissora, com produtividade de grãos semelhantes ao controle (IPR Colibri). <![CDATA[<em>Stevia rebaudiana</em> (Bert) Bertoni: influência do estresse osmótico e do “priming” na germinação das sementes em condições de laboratório]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1807-86212017000300379&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT. The foremost factor necessary for plant growers cultivating large acreages of Stevia rebaudiana (Bert) Bertoni is the production of qualitative bedding plants. The objective of this study was to evaluate the influence of osmotic-priming on the uniformity of seed germination. First, we evaluated the percentage of normal seedlings from two seed samples harvested in 2011 and 2012. The seeds harvested in 2012 produced 71.4% normal seedlings and thus they were used in the next experiments. The seeds were subjected to osmotic stress using five concentrations of polyethylene glycol (PEG-6000) at -0.2, -0.4, -0.6, -0.8, and -1.0 MPa in contrast with distilled water. Based on these first results, only -0.8 and -1.0 MPa were evaluated in the third experiment. The seeds were immersed in both concentrations of polyethylene glycol (PEG-6000) for imbibing at 20ºC for four, five, six, and seven days. Thereafter, we evaluated the time to the first normal seedling (Ti), time to the last normal seedling (Tf), percentage normal seedlings at the initial time (Pi) and percentage of normal seedlings at the end of every treatment (Pf). Osmotic priming increased the percentage of normal seedlings of the Stevia rebaudiana and reduced the time to the first and last germination events.<hr/>RESUMO. O fator mais importante para que os agricultores possam cultivar Stevia rebaudiana is a produção qualitativa de mudas. Assim, o objetivo destes experimentos foi o de avaliar a influência do “priming” na uniformidade das ocorrências germinativas. Primeiro, nós avaliamos a porcentagem de plântulas normais de duas amostras colhidas nos anos 2011 e 2012. As sementes colhidas no ano de 2012 desenvolveram 71,4% de plântulas normais, e por isso foram usadas nos demais experimentos. Depois, as sementes foram estressadas osmoticamente usando cinco concentrações de polietileno glicol (PEG-6000) -0,2; -0,4; -0,6; -0,8 e -1,0 MPa, juntamente com um controle com água destilada. Com base nestes resultados, apenas as concentrações à -0,8 e -1,0 MPa foram avaliadas no terceiro experimento. Assim, as sementes foram imersas para a embebição à 20ºC por quatro, cinco, seis e sete dias. Em seguida, nós avaliamos to tempo para a primeira ocorrência germinativa (Ti), o tempo para a última (Tf), a porcentagem inicial de plântulas normais (Pi) e a porcentagem final de cada tratamento (Pf). O priming aumentou a porcentagem de plântulas normais e reduziu o tempo para a primeira e última ocorrência germinativa. <![CDATA[Modificações na cobertura vegetal influenciam os atributos químicos do solo na Amazônia brasileira]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1807-86212017000300385&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT. Forest plantations may minimize the effects of deforestation in the Amazon. However, there are differences among species in terms of their influences on soil recovery. The effects of monospecific plantations of Acacia mangium, Dipteryx odorata, Jacaranda copaia, Parkia decussata,and Swietenia macrophylla, and areas of pasture and native forest on the chemical soil attributes of the Brazilian Amazon were evaluated. One bulked soil sample was collected per plot (0.00-0.05, 0.05-0.10, and 0.10-0.30 m; three plots of 128 m2) in each area. No significant differences in most of the soil attributes were observed among the forest plantations. However, soil K+ and P were higher in the Swietenia macrophylla plantations, while higher values of Ca2+, sum of bases, and pH occurred in Jacaranda copaia plantations. In the native forest, the pH, and P content were lower, whereas the soil organic matter (SOM) content, soil organic carbon (SOC) content, cation exchange capacity (CEC), N content, H+Al content, and Al3+ content were higher than in the plantations. The lowest values of SOM, SOC, CEC, K+, Mg2+, N, H+Al, and Al3+ occurred in the pasture. None of the forest species led to the return of the original soil chemical attributes of the native forest. However, S. macrophylla and J. copaia plantations presented the highest positive edaphic influences.<hr/>RESUMO. Plantios florestais podem mimizar o efeito do desmatamento na Amazônia. Contudo, há diferenças entre as espécies com relação à influência no solo. Os efeitos de plantações monoespecíficas de Acacia mangium, Dipteryx odorata, Jacaranda copaia, Parkia decussata e Swietenia macrophylla, e áreas de pastagem e mata nativa, sobre os atributos químicos do solo, foram avaliados na Amazônia brasileira. Uma amostra composta de solo por parcela foi coletada (0-5, 5-10 e 10-30 cm; três parcelas de 128 m2) em cada área. Não houve diferenças significativas para a maioria dos atributos avaliados, na comparação entre os plantios. Contudo maiores valores de K+ e P foram observados sob Swietenia macrophylla, enquanto maiores valores de Ca2+, soma de bases e pH ocorreram sob Jacaranda copaia. Em relação aos plantios, na mata nativa foram menores o pH e P disponível, enquanto conteúdo de matéria orgânica do solo (MOS), carbono orgânico do solo (COS), capacidade de troca catiônica (CTC), N, H+Al e Al3+ foram maiores. Sob pastagem, ocorreram menores valores de MOS, COS, CTC, K+, Mg2+, N, H+Al e Al3+. Não ocorreu o retorno das condições originais dos atributos químicos do solo observados na mata nativa, sob nenhuma espécie florestal. No entanto, os plantios de S. macrophylla e J. copaia promoveram as maiores influências positivas no solo. <![CDATA[Estabilidade temporal da umidade do solo sob efeito de três espaçamentos em povoamento de eucalipto]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1807-86212017000300393&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt ABSTRACT. Soil moisture temporal variability is an important concept in understanding forest management. The objective of this study was to analyse the effect of planting density on soil profile moisture in a clonal Eucalyptus plantation. Soil moisture was observed every 15 days at 25 points distributed throughout the eucalyptus stand between November 2013 and October 2015 to characterize the moisture according to the following three types of spacings: 3 x 2, 3 x 3, and 3 x 5 m. At each point, the 0 - 10, 10 - 20, 20 - 30, 30 - 40, and 60 - 100 cm layers were evaluated using a Profile Probe PR2 model. Soil moisture showed high spatial variability in the 0 - 10 cm layer, whereas from 30 to 100 cm deep, the moisture tended to become more homogeneous throughout the area. The dry periods presented greater temporal soil moisture stability when compared to the rainy seasons. The 3 x 2 m spacing has greater temporal soil moisture stability when compared to the others, while the 3 x 3 m spacing presented greater temporal variability.<hr/>RESUMO. A compreensão da variabilidade temporal da umidade do solo é importante para um manejo adequado de culturas florestais. O objetivo neste trabalho foi analisar o efeito causado pela densidade de plantio na umidade no perfil do solo em um povoamento clonal de Eucalyptus. A umidade do solo foi observada em intervalos de 15 dias em 25 pontos distribuídos no povoamento de eucalipto entre novembro de 2013 e outubro de 2015 buscando caracterizar a mesma em função de três espaçamentos: 3 x 2; 3 x 3 e 3 x 5 metros. Em cada ponto foram avaliadas as camadas de 0 - 10, 10 - 20, 20 - 30, 30 - 40 e 60 - 100 cm utilizando uma sonda Profile Probe PR2. A umidade do solo apresentou alta variabilidade espacial na camada de 0 - 10 cm, enquanto que a partir dos 30 cm até 100 cm de profundidade a umidade tendeu a ficar mais homogênea em toda a área. O período seco apresenta maior estabilidade temporal da umidade do solo quando comparado ao período chuvoso. O espaçamento 3 x 2 metros apresenta uma maior estabilidade temporal da umidade do solo quando comparado aos demais, enquanto o espaçamento 3 x 3 metros apresentou uma maior variabilidade temporal.