Scielo RSS <![CDATA[Arquivos do Instituto Biológico]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=1808-165720140003&lang=pt vol. 81 num. 3 lang. pt <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <![CDATA[Fontes de infecção e perfil de suscetibilidade aos antimicrobianos de Salmonella sp. isoladas no fluxo de produção de frangos de corte]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1808-16572014000300195&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Este trabalho foi desenvolvido com objetivo de pesquisar Salmonellaem amostras de fígado, coração, saco da gema e mecônio de pintos de corte de um dia; inglúvios e cecos obtidos em abatedouros e em suabes de arrasto; larvas ou adultos de Alphitobius diaperinus. Complementarmente, determinou-se o perfil de suscetibilidade aos antimicrobianos: amoxicilina (10 mcg), ampicilina (10 mcg), ciprofloxacina (5 mcg), enrofloxacina (5 mcg), florfenicol (30 mcg), neomicina (30 mcg), sulfonamida (300 mcg), tetraciclina (30 mcg) e trimetoprim-sulfametoxazol (25 mcg) dos serovares tipificados isolados. As amostras foram submetidas às análises microbiológicas pelos métodos bacteriológicos convencionais. Salmonellasp. foi isolada em 6,2% (4/64) do fígado, 4,7% (3/64) do coração, 3,1% (2/64) dos sacos da gema e 4,7% (3/64) do mecônio, num total de 4,7% (12/256) (pinto de um dia); em 10,2% (13/128) das amostras ambientais, sendo 9,4% (9/96) de suabes de arrasto 12,5%, (4/32) de larvas e adultos Alphitobius diaperinus e em 4,4% (28/640) das amostras em abatedouros, sendo 6,5% (21/320) dos inglúvios e 2,2% (7/320) dos conteúdos cecais de abatedouro. Salmonella enterica ser.Enteritidis foi identificada em suabes de arrasto e em amostras de Alphitobius diaperinus, enquanto Salmonella enterica ser.Typhimurium foi encontrada nos inglúvios e cecos. Salmonella enterica ser.Enteritidis apresentaram 75% (6/8) de resistência às sulfonamidas e Salmonella enterica ser.Typhimurium 100% (3/3). A amoxicilina foi outro antimicrobiano com elevada frequência de resistência. Adicionalmente, 20,7% (11/53) dos serovares apresentaram resistência simultânea a pelo menos dois princípios ativos. Conclui-se que Salmonellaencontra-se amplamente distribuída no fluxo de produção de frangos de corte, e a via vertical continua sendo uma fonte de introdução de Salmonellasp. à cadeia de produção; cama e insetos podem perpetuar e veicular Salmonellade interesse zoonótico no ambiente avícola; a existência de cepas resistentes aos antimicrobianos, bem como a resistência múltipla, constituem ameaça à saúde pública.<hr/>This work aimed at searching for Salmonellain liver, heart, yolk sac and meconium samples of one-day-old chicks, crops and cecum samples from slaughterhouses and drag swabs and Alphitobius diaperinuslarvae or adults. It also aimed at determining the susceptibility profile to amoxicillin (10 mcg), ampicillin (10 mcg), ciprofloxacin (5 mcg), enrofloxacin (5 mcg), florfenicol (30 mcg), neomycin (30 mcg), sulfonamide (300 mcg), tetracycline (30 mcg) and trimethoprim-sulfamethoxazole (25 mcg) of typed serovars isolated. The samples were submitted to microbiological analyses by the conventional method. Salmonellasp.was isolated in 4.7% (12/256) of samples of one-day old chicks, in 6.2% (4/64) of the liver, 4.7% (3/64) of the hearts, 3.1% (2/64) of the yolk sacs, 4.7% (3/64) of meconium, and in10.2% (13/128) of the environment samples, being 9.4% (9/96) from drag swabs, 12.5% (4/32) from larvae and adult Alphitobius diaperinus and 4.4% (28/640) of the slaughterhouses samples, being 6.5% (21/320) of crops and 2.2% (7/320) of cecum samples. Salmonella enterica ser.Enteritidis was identified only in drag swabs and Alphitobius diaperinus. Salmonella enterica ser.Typhimurium was observed in the crops and cecum, which have shown high frequency of resistance to sulfonamides, 75% (6/8) and100% (3/30), respectively. Additionally, 20.7% (11/53) of the serovars have shown multiresistance to at least two of the tested drugs. In conclusion, Salmonellacan be widely spread in broiler production flow, and the vertical pathway is still a major source of Salmonellainsertion in the poultry production chain. The litter and bugs can perpetuate and disseminate Salmonellasp. as well as both the existence of strains resistant to antimicrobial and the occurrence of multiresistance are a threat to public health. <![CDATA[Avaliação do controle de leptospirose por vacinação em bovinos de propriedade leiteira no estado do Piauí]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1808-16572014000300202&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Neste estudo foram colhidos soros de 255 vacas e 2 touros no período de 2004 a 2009, em intervalos de seis meses, em uma fazenda de gado leiteiro no município de Buriti dos Lopes, Piauí. Pela técnica de soroaglutinação microscópica (SAM), os sorovares de leptospiras encontrados foram Hardjobovis, Hardjoprajitno (Norma), Hardjoprajitno (OMS). Para o controle da leptospirose, foi testada uma vacina contendo os mesmos sorovares encontrados infectando o rebanho. Os resultados mostraram que em bovinos leiteiros na bacia de Parnaíba, no Piauí, ocorre leptospirose, com predominância do sorovar Hardjobovis. A utilização de uma vacina contendo as sorovariedades mais prevalentes no rebanho, aplicada semestralmente ao longo de cinco anos, foi importante para a redução dos títulos de anticorpos, além de reduzir os problemas reprodutivos no rebanho.<hr/>For this study, we collected sera from 255 cows and 2 bulls in the period from 2004 to 2009, with six-month intervals, a dairy cattle farm in the municipality of Buriti dos Lopes, in the state of Piauí. By the microscopic agglutination test (MAT), we found the following serovars of leptospira: Hardjobovis, Hardjoprajitno (Norma), Hardjoprajitno (WHO). For the control of leptospirosis, a vaccine containing the same serovars that were found infecting the herd was tested. The results showed that in dairy cattle in the basin of Parnaiba, state of Piauí, leptospirosis occurs with a predominance of serovar Hardjobovis. The use of a vaccine containing the most prevalent serovars in the herd applied every six months during the course of five years was important to reduce antibody titers and reproductive problems in cattle. <![CDATA[Ocorrência de Escherichia coli O157:H7 e O26 sorbitol negativas em matadouro frigorífico de bovino e suscetibilidade a antimicrobianos]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1808-16572014000300209&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt A carne bovina pode ser um meio de transmissão de Escherichia coli O157:H7 e de não-O157 para os humanos, que a ingerem mal cozida, sendo responsáveis por causarem doenças severas, como a síndrome hemolítico urêmica. A resistência bacteriana se tornou preocupante em relação à eficácia nos tratamentos das doenças, e tendo em vista tais aspectos este estudo teve os objetivos de verificar a ocorrência de E. coli O157:H7 e não-O157 em etapas do abate bovino, asssim como de avaliar a suscetibilidade dessas bactérias frente à ação de antimicrobianos. Foram colhidas em abatedouro bovino 21 amostras de superfície de mãos dos manipuladores, 21 de facas e 300 provenientes de 50 animais em seis pontos no fluxograma de abate. O isolamento foi realizado utilizando o ágar CT-SMAC e a caracterização dos sorotipos pela PCR. Houve uma ocorrência maior de E. coli O157:H7 (12,0%) nos animais, e menor ocorrência de E. coli O26 (8,0%) e de O113 (2,0%). E. coli O26 esteve presente em 9,52% das facas. A presença de E. colinão-O157 sorbitol negativa foi um fato inesperado devido ao método de isolamento utilizado. Todos os isolados de E. coli O157:H7 mostraram-se sensíveis à tetraciclina, cefepime, cefoxitina, ciprofloxacina e sulfazotrim, e 78,85% deles foram resistentes à cefalotina e 34,61% à ampicilina. Todas E. coli O26 foram sensíveis ao cefepime, cefoxitina e sulfazotrim, e 88,23% resistentes à tetraciclina e cefalotina e 82,35% à ampicilina. A multirresistência aos antibimicrobianos foi observada em todos os sorotipos, devendo, portanto, haver critérios no uso de antimicrobianos nos tratamentos para não se tornar um problema de saúde pública.<hr/>Cattle beef could be a way of transmitting Escherichia coli O157: H7 and non-O157 to humans if they consume undercooked meat, being responsible for causing severe diseases such as hemolytic uremic syndrome. Bacterial resistance has become worrying concerning the efficacy in the treatment of diseases, and because of these aspects, the objective of this study was to verify the occurrence of E. coli O157: H7 and non-O157 in the stages of cattle slaughter and to evaluate the susceptibility of these bacteria against antimicrobial action. We collected from a cattle slaughterhouse 21 samples from manipulators' hands, 21 from knives and 300 from 50 animals in six points of the flowchart. The isolation was performed using the CT-SMAC agar and characterization of serotypes by PCR. There was higher occurrence of E. coli O157: H7 (12.0%) in animals and lower prevalence of E. coli O26 (8.0%) and O113 (2.0%). E. coli O26 was present in 9.52% of the knives. The presence of E. coli non-O157 sorbitol negative was an unexpected fact due to the method of isolation. All E. coli O157: H7 isolates were sensitive to tetracycline, cefepime, cefoxitin, ciprofloxacin and sulphazotrim, and 78.85% of them were resistant to cephalothin and 34.61% to ampicillin. All E. coli O26 were sensitive to cefepime, cefoxitin and sulphazotrim, and 88.23% were resistant to tetracycline and cephalothin and 82.35% to ampicillin. The antimicrobial multiresistance was observed in both serotypes. It should be, therefore, a criteria for using antimicrobial in treatments to avoid become a public health concern. <![CDATA[Comparação de métodos para avaliação da atividade antimicrobiana e determinação da concentração inibitória mínima (cim) de extratos vegetais aquosos e etanólicos]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1808-16572014000300218&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Vários estudos estão sendo conduzidos para a descoberta de novos agentes antimicrobianos provenientes de plantas, para que possam ser utilizados em produtos farmacêuticos, cosméticos e na indústria alimentícia. A ausência de padronização de métodos utilizados para a avaliação de extratos vegetais com potencial antimicrobiano dificulta a comparação de resultados. Considerando a necessidade de estabelecer um método com resultados consistentes para avaliar a atividade antimicrobiana dos extratos vegetais, este trabalho propôs-se a avaliar a atividade antimicrobiana e determinar a concentração mínima inibitória de extratos de plantas da família Myrtaceae sobre diferentes micro-organismos, utilizando três métodos para avaliação de antimicrobianos. Os métodos empregados foram microdiluição em caldo e difusão em ágar por disco e poço. Foram avaliados os extratos de Psidium guajava, Myrciaria cauliflora e Syzygium cumini sobre bactérias Gram-positivas, negativas e levedura. Em geral, a inibição promovida pelos extratos no teste de difusão em ágar por poço foi maior do que os valores obtidos por disco, independentemente do extrato vegetal testado. Contudo, a atividade inibitória de todos os micro-organismos só pôde ser determinada com o método de microdiluição em caldo, que também apresentou os resultados mais reprodutíveis, e mostrou-se o mais econômico e confiável para se avaliar a atividade antimicrobiana de extratos vegetais quando comparado aos outros métodos<hr/>Several studies have been conducted to discover new antimicrobial agents from plants to be used in pharmaceuticals, cosmetics and in the food industry. The lack of standardized methods for the evaluation of plant extracts with antimicrobial potential complicates the comparison of results. Taking into consideration the need to establish a method with consistent results to evaluate the antimicrobial activity of plant extracts, this study aimed to evaluate the antimicrobial activity of extracts of some plants from the Myrtaceae family on different micro-organisms based on a comparative assay with three methods that are commonly used for the assess antimicrobials. The methods used were broth microdilution, and agar diffusion by disc and well. The evaluated extracts were those of Psidium guajava, Myrciaria cauliflora, and Syzygium cumini for Gram-positive and negative bacteria and yeast. In general, inhibition extracts promoted by the agar diffusion test by well was higher than the values ​​obtained by disc, regardless of the plant extracts tested. However, the inhibitory activity of all micro-organisms was only possible to be determined with the microdilution broth method, which also presented the more reproducible results, and proved to be the most economic and reliable way to evaluate the antimicrobial activity of plant extracts in contrast with other methods <![CDATA[Processos de tratamento de resíduos de cocheira e a redução ou eliminação de ovos e larvas infectantes do gênero Strongylus spp.]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1808-16572014000300226&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivou-se neste trabalho caracterizar os processos de compostagem de resíduos de cocheira e avaliar a eficiência deles na redução ou na eliminação de ovos e larvas infectantes de Strongylus spp. Os tratamentos de compostagem utilizados foram: aberta sem revolvimento em menor volume (CASRm) e maior volume (CASRM); aberta com revolvimento em menor volume (CAm) e maior volume (CAM); e anaeróbica em biodigestor (CF), em três repetições. As variáveis monitoradas foram temperatura, umidade, presença de parasitos no início e no final do período experimental. No primeiro dia de avaliação, a temperatura no centro das CASRM e CAM atingiu seu máximo, próximo a 60ºC, permanecendo acima de 50ºC nos três primeiros dias. No restante do período experimental, manteve-se ao redor de 30ºC. Antes da aplicação dos tratamentos, observou-se elevada contaminação por larvas de Strongylus spp. (25,3 larvas por grama de resíduo). Ao final do período experimental, considerando o centro das compostagens, houve redução das larvas infectantes de terceiro estágio, da seguinte ordem: 97% (CAM), 87% (CAm), 90% (CASRM) e 100% (CF), e de apenas 26% para o tratamento CASRm. Na parte superficial das compostagens não foram encontrados parasitas em nenhum dos tratamentos. A umidade superficial do composto no final do experimento foi de aproximadamente 17 a 30%, e a interna, de 40 a 60%. Ovos de helmintos permaneceram viáveis, mesmo após o processo de compostagem e o tratamento térmico. Os resultados indicam que com a simples disposição dos resíduos de cocheira sem manejo adequado e em pequenos volumes, não há eliminação total de ovos e de larvas infectantes de Strongylus spp.<hr/>The objective of this study was to characterize the processes of composting stable waste and to evaluate the efficiency in the reduction or elimination of infective eggs and larvae of Strongylus spp. The composting treatments were: open, without rotation, in a smaller volume (CASRm) and larger volume (CASRM); open, with rotation, in a smaller volume (CAm) and a larger volume (CAM), and anaerobic in biodigester (CF), in three replicates. The monitored parameters were temperature, moisture and presence of parasites in the beginning and at the end of the experimental period. Temperature at the center of CAM and CASRM reached ita peak on the first day, of approximately 60ºC, being higher than 50ºC only in the first three days. In the other treatments, the maximum temperature was around 30ºC. Before treatments were applied, it was possible to observe high levels of contamination by larvae of Strongylus spp. (with 25.3 larvae per gram). The reduction of infective third stage larvae in the compost at the end of the experiment was of 97% (CAM), 87% (CAm), 90% (CASRM), 100% (CF), and 26% for the CASRm treatment. On the outside it was not possible to detect the presence of the parasite. The humidity outside the compound at the end of the experiment was of approximately 17 to 30%, and internally, of 40 to 60%. Helminth eggs remained viable even after the composting process and heaingt treatment. The results indicate that the mere provision of stable waste without the proper handling and in small volumes does not lead to the total elimination of eggs and infective larvae of Strongylus spp. <![CDATA[Efeitos de isolados do fungo Isaria (Persoon) sobre o cupim subterrâneo Coptotermes gestroi (Wasmann) (Isoptera: Rhinotermitidae)]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1808-16572014000300232&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Coptotermes gestroi (Wasmann) é considerada uma das espécies mais destrutivas de cupins subterrâneos, por causar danos a edificações, à arborização urbana e a culturas. Uma alternativa para o controle desse inseto pode ser o uso de agentes biocontroladores, como os fungos entomopatogênicos. Isaria (Persoon) tem sido indicado no controle de térmitas subterrâneos, inclusive do gênero Coptotermes. Dessa forma, o presente trabalho teve como objetivo selecionar isolados de Isaria patogênicos ao cupim C. gestroi. Os insetos pulverizados com suspensões fúngicas de I. farinosa, I. fumosoroseae I. javanica foram avaliados diariamente para a determinação da mortalidade. Todos os isolados foram patogênicos, ocasionando mortalidade acima de 70%, e virulentos, apresentando uma sobrevivência média de 2,0 a 3,9 dias. Contudo, os isolados ESALQ-1205 de I. farinosa, ESALQ-1296 de I. fumosorosea e os isolados URM-4995 e URM-4993 de I. javanica mostraram-se mais virulentos. A CL50estimada para os isolados ESALQ-1205 de I. farinosa, URM-4995 de I. javanica e ESALQ-1296 de I. fumosorosea resultou em valores de 3,7 x 105, 1,4 x 106e 2,7 x 106conídios mL-1, respectivamente. Tais resultados confirmam a eficiência dos isolados testados sobre os operários de C. gestroi. No entanto, novos estudos são necessários para verificar a melhor forma de utilização, bem como a sua efetividade em campo.<hr/>Coptotermes gestroi (Wasmann) is considered to be one of the most destructive species of subterranean termites because of the damage caused on edifications, urban trees, and crops. One alternative to control it is the use of biocontrol agents, such as the entomopathogenic fungi. The genus Isaria (Persoon) has been suggested for the control of subterranean termites, including the Coptotermes genus. Therefore, the present work aim was to select isolates of Isaria pathogenic to C. gestroi. The workers were sprayed with fungi suspensions of I. farinosa, I. fumosoroseaand I. javanica, and evaluated every day to determine mortality. All isolates were pathogenic towards C. gestroi with mortality rates higher than 70%, and virulent, with mean of survival of 2.0 up to 3.9 days. Among the isolates, the ESALQ-1205 isolate of I. farinosa, the ESALQ-1296 isolate of I. fumosorosea, URM-4995 and URM-4993 isolates of I. javanica showed the highest virulence. The estimated CL50 for the ESALQ-1205 isolate of I. farinosa, URM-4995 isolate of I. javanica and ESALQ-1296 isolate of I. fumosorosea was 3.7 x 105, 1.4 x 106and 2.7 x 106 conidia mL-1, respectively. These results suggest high efficiency of these isolates towards the C. gestroi workers. Nevertheless, further studies are necessary to determine a way of using them as well as their efficacy in field. <![CDATA[Biologia e tabela de vida de fertilidade de Diabrotica speciosa (Col.: Chrysomelidae) em dieta natural]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1808-16572014000300238&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt A vaquinha Diabrotica speciosaé uma importante praga em diversas culturas. O objetivo deste trabalho foi estudar a biologia de adultos de D. speciosae construir a tabela de vida de fertilidade em dieta natural à base de feijão, e à base de feijão, rodelas de cenoura e solução de mel a 10%. Os parâmetros biológicos avaliados foram: duração dos períodos de pré-oviposição, oviposição e pós-oviposição, fecundidade total, longevidade de adultos e viabilidade dos ovos. Para a tabela de vida de fertilidade, os parâmetros determinados foram: intervalo entre gerações (T), taxa líquida de reprodução (Ro), taxa intrínseca de crescimento (rm) e taxa finita de aumento (λ). A partir dos resultados obtidos, pode-se constatar que houve influência do alimento oferecido aos adultos para os períodos de pré-oviposição e oviposição, e também na fecundidade total e na viabilidade dos ovos. A longevidade dos adultos foi influenciada pela dieta constituída de folíolos de feijão. A dieta constituída de feijão, cenoura e mel propiciou maior longevidade significativa dos machos em relação àqueles alimentados com feijão. Os resultados da tabela de fertilidade indicaram que o potencial de reprodução de D. speciosa aumenta significativamente em duas gerações sucessivas quando as fêmeas são alimentadas com feijão, cenoura e mel, demonstrando que há melhoria na criação massal desse inseto em condições de laboratório.<hr/>Corn rootworm Diabrotica speciosa is an important pest in several crops. The aim of this work was to study the biology of adult D. speciosa and build a fertility life table in the natural diet based on beans, and beans, sliced ​​carrots and honey solution at 10%. The following parameters were: duration of pre-oviposition, oviposition and post-oviposition, total fertility, adult longevity and egg viability. For the fertility life table parameters, the following were determined: generation interval (T), net reproductive rate (Ro), intrinsic rate of increase (rm) and finite rate of increase (λ). From the results obtained, it can be observed that there was an influence of food offered to adults for the duration of pre-oviposition and oviposition, and also in total fertility and viability of eggs. Adult longevity was influenced by diet consisting of bean leaflets. Among the treatments, a diet consisting of beans, carrot and honey provided higher significant longevity of males compared to those fed with beans. The results in the fertility table indicated that the reproductive potential of D. speciosa significantly increases in two successive generations when females are fed on beans, carrots and honey, showing there is improved mass rearing for this insect under laboratory conditions. <![CDATA[Efeito da idade das larvas de Ceratitis capitata (Wied.) sobre a qualidade biológica do parasitoide Diachasmimorpha longicaudata (Ashmead)]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1808-16572014000300244&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivou-se avaliar a influência da idade (tamanho) das larvas de Ceratitis capitata utilizadas na criação de Diachasmimorpha longicaudata sobre o parasitismo, a razão sexual e a longevidade das fêmeas da progênie, quando as fêmeas mães foram mantidas sozinhas ou competindo pelo mesmo hospedeiro. Para isso, foram oferecidas larvas de cinco, seis, sete e oito dias de idade às fêmeas do parasitoide em "unidades de parasitismo", no interior de gaiolas adaptadas, contendo uma ou duas fêmeas do parasitoide de sete dias de idade. O número de fêmeas do parasitoide dividindo a mesma "unidade de parasitismo" não afetou nenhum aspecto da qualidade do parasitoide. O tamanho do hospedeiro influenciou significativamente no número de parasitoides emergidos. Larvas hospedeiras menores (cinco dias) provocaram uma redução no parasitismo em relação às larvas de seis, sete e oito dias de idade. Houve maior emergência de parasitoides machos de hospedeiros com cinco e seis dias de idade, enquanto mais fêmeas emergiram de larvas com sete e oito dias de idade. As fêmeas de D. longicaudata provenientes de larvas com seis, sete e oito dias viveram mais do que as fêmeas obtidas de larvas com cinco dias de idade. Larvas hospedeiras maiores, quando utilizadas na criação de parasitoides de moscas-das-frutas, aumentam a porcentagem de parasitismo, o número de fêmeas na progênie e a longevidade das fêmeas da progênie, podendo proporcionar vantagens econômicas quando utilizadas para liberação aumentativa no campo.<hr/>This work was carried out in order to evaluate the influence of age (size) of larvae Ceratitis capitata used in the rearing of the Diachasmimorpha longicaudataon parasitism, sex ratio of the progeny and the longevity of progeny's females, when the mothers were maintained alone or sharing the same host. Larvae at different ages (five, six, seven and eight days old), in "units of parasitism" were offered to female parasitoids, inside adapted cages, containing one or two seven days old female parasitoids. The number of females of the parasitoid sharing the same "unit of parasitism" in the same cage did not affect any aspect of parasitoid quality. However, the size of the host had significant influence on the number of emerged parasitoids. The youngest host larvae (five days old) reduced parasitism more than larvae at six, seven and eight days old. There was higher emergence of male parasitoids of five and six days old hosts, while more females emerged from seven and eight days old larvae. The females of D. longicaudata from larvae with six, seven and eight days old lived more than those obtained from females of five days old larvae. When larger host larvae are used in the rearing of parasitoids of fruit flies, it increases parasitism, the number of female progeny and the longevity of female progeny; it can provide economic advantages when used for augmentative liberation on the field. <![CDATA[A dieta alimentar da presa Tenebrio molitor (Coleoptera: Tenebrionidae) pode afetar o desenvolvimento do predador Podisus nigrispinus (Heteroptera: Pentatomidae)?]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1808-16572014000300250&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Inimigos naturais são importantes para o controle de pragas em culturas agrícolas e florestais. A criação de insetos predadores em biofábricas deve ser de baixo custo para serem utilizados em programas de Manejo Integrado de Pragas (MIP). O objetivo deste trabalho foi avaliar o desenvolvimento de Podisus nigrispinus Dallas, 1851 (Heteroptera: Pentatomidae), alimentado com larvas de Tenebrio molitor Linnaeus, 1758 (Coleoptera: Tenebrionidae), criadas com as seguintes dietas: farelo de trigo, ração triturada ou peletizada para aves poedeiras e fubá de milho. Foram obtidos os parâmetros de desenvolvimento e reprodução necessários para calcular a tabela de vida do predador. Os parâmetros da tabela de vida revelaram crescimento populacional em todos os tratamentos. No entanto, a taxa líquida de reprodução (Ro) de P. nigrispinus foi menor quando alimentados com larvas de T. molitor criadas com fubá de milho, mostrando ser a alimentação menos adequada para esse predador. Por proporcionar maior número total de ovos, o farelo de trigo constituiu a melhor dieta para P. nigrispinus. Estudos sobre dietas de presas alternativas são importantes, pois podem favorecer a nutrição de inimigos naturais e, consequentemente, melhorar o desempenho das criações massais em laboratório.<hr/>Natural enemies are important for controlling pests in agricultural and forestry culture. The reproductions of predatory insects in biofactories should have low cost to be used in Integrated Pest Management Program (IPM). The objective of this study was to evaluate the development of Podisus nigrispinus Dallas, 1851 (Heteroptera: Pentatomidae) fed with Tenebrio molitor Linnaeus, 1758 (Coleoptera: Tenebrionidae). The larvae of T. molitor were created with the following diets: wheat bran, shredded or pelleted poultry feed layers and corn meal. Parameters for the development and reproduction of the P. nigrispinus were obtained. Parameters of the life table show population growth in all treatments. However, the net rate of reproduction (Ro) of P. nigrispinus was lower when they were fed with larvae of T. molitor created with corn meal, which proved to be the least adequate food for this predator. By providing a larger total number of eggs, wheat bran was the best diet for P. nigrispinus. Studies on alternative prey diets are important as they may favor the nutrition of natural enemies and, consequently, improve the performance in laboratory rearing. <![CDATA[Influência de diferentes cultivos e fatores climáticos na ocorrência de crisopídeos em sistema agroecológico]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1808-16572014000300257&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Os insetos predadores da família Chrysopidae têm sido relatados tanto em ecossistemas naturais como nos agroecossistemas, sejam eles cultivos consorciados ou monocultivos. Porém, são escassas as informações sobre o comportamento das populações desses insetos nos agroecossistemas diversificados, como aqueles de base agroecológica. O presente trabalho teve o objetivo de determinar a riqueza de espécies de crisopídeos e avaliar a influência de diferentes cultivos agrícolas, assim como de fatores climáticos na abundância desses insetos em sistema de produção orgânica diversificada. O estudo foi conduzido de setembro de 2008 a agosto de 2009, por meio de amostragens semanais de adultos de Chrysopidae em áreas do Sistema Integrado de Produção Agroecológica, em Seropédica (RJ), cada qual com um tipo de sistema de cultivo (rotação milho-mucuna/olerícolas, cafeeiros sombreados e rotação cana-de-açúcar/pastagem de braquiária). Um total de 424 espécimes de crisopídeos foi coletado, sendo distribuídos em três espécies: Chrysoperla externa (98,1%), Ceraeochrysa cubana (1,7%) e Ceraeochrysa paraguaria (0,2%). Não houve diferença no número de adultos coletados em função dos diferentes cultivos, embora a análise de correlação evidencie que as rotações com poáceas favoreçam o aumento da sua abundância. A abundância dos crisopídeos foi influenciada pelo clima apenas no sistema de cafeeiros sombreados, sendo correlacionada negativamente com a temperatura média do ar e a com a precipitação pluvial acumulada.<hr/>The green lacewings (Chrysopidae) have been reported in natural ecosystems as well in agroecosystems, intercropping or monocropping. However, the knowledge on their behavior on different agroecosystems is scarce. The present work aimed to determine the diversity of green lacewing species and to evaluate the influence of different agricultural crops, as well as climate factors, on the abundance of these insects in an agroecologically-based organic production system. The study was conducted from September 2008 to August 2009, by performing weekly sampling of Chrysopidae adults in areas of the Integrated Production Agroecological System (SIPA) in Seropédica (RJ), each with one type of cropping system (corn-mucuna rotation/vegetable crops; shaded coffees and sugar cane/brachiaria pasture rotation). A total of 424 adult specimens were collected, belonging to three species: Chrysoperla externa (98.1%), Ceraeochrysa cubana (1.7%) and Ceraeochrysa paraguaria (0.2%). There were no differences on the number of green lacewing adults collected in the crops, although the correlation analysis showed that the crop rotations with grasses favor their abundance. The abundance of green lacewings was also influenced by the climate conditions only in the system of shaded coffees, being negatively correlated with mean air temperature and accumulated rainfall. <![CDATA[Consumo foliar da traça-das-crucíferas em couve e brócolis tratados com sinigrina]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1808-16572014000300264&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt A estimativa da área foliar, em função da sua redução causada pelo consumo por insetos filófagos, é uma metodologia básica em várias áreas da Entomologia, como, por exemplo, em estudos sobre resistência de plantas, entomologia econômica e ecologia nutricional. Um dos fatores que pode interferir na quantidade de área foliar consumida pelo fitófago é a presença de certos químicos nas folhas, como a sinigrina em brassicáceas. Dessa forma, foram aplicadas em folhas de couve e brócolis diversas concentrações de sinigrina (0,2, 0,4, 0,8, 1,6, e 3,2 mg/mL em solução a 5% de Tween20(r)), medindo-se o consumo da área foliar por lagartas de P. xylostella, o qual foi aferido pela porcentagem de redução da área, diferença de peso e escala visual de notas. Os resultados mostraram que as concentrações 0,2, 0,4 e 3,2 mg/mL de sinigrina aumentam o consumo em folhas de couve e diminuem em folhas de brócolis por lagartas de P. xylostella. As metodologias utilizadas proporcionam resultados similares, sendo as estimativas de peso fresco e nota visual mais práticas.<hr/>Leaf area estimation, based on their reduction due to consumption by phytophagous insects, is a basic methodology in several areas of Entomology, for instance, in studies about plant resistance, economic entomology and nutritional ecology. One of the factors that can affect the amount of leaf area consumed by insects is the presence of certain chemicals in the leaves, such as sinigrin in Brassicaceae. Thus, several concentrations of sinigrin were applied on the leaves of cabbage and broccoli (0.2, 0.4, 0.8, 1.6, and 3.2 mg/mL in 5% Tween20(r) solution) in order to measure leaf area consumption by larvae of P. xylostella, estimated by the percentage of area reduction, weight loss and visual scale of notes. The results show that the concentrations of 0.2, 0.4 and 3.2 mg/mL of sinigrin increase larvae consumption of P. xylostellaon kale leaves and decrease it on broccoli leaves. The methodologies used provide similar results, and fresh weight measurements and visual grades are more practical. <![CDATA[Composição mineral de substratos à base de resíduos de bananeira durante o cultivo de Pleurotus ostreatus]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1808-16572014000300272&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O objetivo deste trabalho foi avaliar a composição mineral (macro e micronutrientes) dos substratos [(inicial e residual (pós-colheita)] à base de diferentes combinações de resíduos (folha, pseudocaule e pseudocaule + folha) e cultivares de bananeira - Musa spp. (Thap Maeo, Prata Anã, Pelipita e Caipira), durante 49 dias de cultivo da linhagem POS 09/100 de Pleurotus ostreatus. Verificaram-se que todos os substratos à base de resíduos de diferentes cultivares de bananeira apresentaram quantidades satisfatórias de nutrientes para o cultivo de P. ostreatus, tanto na fase inicial de cultivo como na final.<hr/>The objective of this study was to evaluate the mineral composition (macro e micronutrients) of the substrates [initial and residual (postharvest)] based on different combinations of waste (leaf, pseudo-stem and pseudo-stem + leaf) and banana cultivars - Musa spp. (Thap Maeo, Prata Anã, Pelipita and Caipira) during 49 days for the cultivation of POS 09/100 strain of P. ostreatus. It was verified that all of the substrates based on different combinations of waste and banana cultivars presented satisfactory amounts of nutrients for the cultivation of P. ostreatus, both in the initial phase of cultivation and in the end. <![CDATA[Avaliação microbiológica de carne de charque produzida industrialmente]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1808-16572014000300282&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O charque é um produto cárneo salgado e seco ao Sol obtido por desidratação da carne bovina, preservando-se, assim, por longo tempo. Apesar de passar por etapas que dificultam o crescimento de micro-organismos, pode ser contaminado durante o seu processamento. Dessa forma, objetivou-se avaliar microbiologicamente 25 amostras de charque de um frigorífico com serviço de inspeção estadual localizado no Rio Grande do Norte, Brasil. As amostras foram avaliadas quanto à contagem de estafilococos coagulase positiva, NMP de coliformes termotolerantes, Salmonellaspp. e contagem de bactérias halofílicas. Avaliando a qualidade microbiológica da carne de charque, verificaram-se que cinco amostras (20%) encontravam-se em desacordo com a legislação vigente (ANVISA) para análises de estafilococos coagulase positiva, apresentando uma variação de 1,38 a 3,93 UFC/g; todas as amostras estavam em conformidade para coliformes termotolerantes. Quanto à determinação da Salmonellaspp., verificou-se sua presença em sete amostras (28%), e para bactérias halofílicas, uma média de 2,25 UFC/g. Assim, as carnes de charque apresentaram micro-organismos que comprometem a qualidade do produto e podem proporcionar risco ao consumidor.<hr/>Charqui is a salted and sun dried meat product, obtained by the dehydration of beef, thus being preserved for a long time. Despite going through steps which hamper microorganisms' growth, it can be contaminated during the processing stages. Therefore, this study was aimed at microbiologically evaluating 25 samples of charqui meat taken from a slaughterhouse in Rio Grande do Norte, Brazil. Samples were analyzed as to the counts of coagulase-positive staphylococci, the MPN of thermotolerant coliforms, the presence of Salmonellaspp., and the counts of halophilic bacteria. By evaluating the microbiological quality of charqui meat, we observed that five samples (20%) were off legal standards (ANVISA) as to coagulase positive staphylococci, with counts ranging from 1.38 to 3.93 CFU/g, and all samples were within patterns for the thermotolerant coliform count. The presence of Salmonellaspp. was observed in seven samples (28%), and the average count of halophilic bacteria was of 2.25 CFU/g. Thus, charqui meat presents microorganisms which compromise the quality of products and put the consumer's health at risk. <![CDATA[Resposta de cultivares de Brachiaria brizantha a doses de biofertilizantes de aves]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1808-16572014000300286&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Cada vez mais fertilizantes são importados, fato que faz com que o uso de dejetos tratados seja alternativa econômica e sustentável para a produção de forragens. O objetivo do trabalho foi avaliar o efeito da aplicação de diferentes doses de biofertilizante de aves sobre a produção de forragem de cultivares de Brachiaria brizantha(Hochst.) Stapf. O delineamento experimental utilizado foi o inteiramente casualizado, com quatro repetições, em esquema fatorial. O primeiro fator consistiu nos cultivares Marandu e Piatã de B. brizantha, enquanto o segundo fator correspondeu às doses de biofertilizante de aves (0, 50, 100 e 150 m3 ha-1). Foram avaliados os seguintes caracteres morfométricos: altura de planta (AP), comprimento da lâmina foliar (CLF), largura da lâmina foliar (LLF) aos 15, 30, 45 e 60 dias após a emergência (DAE), e massa de matéria verde e seca (MV e MS, respectivamente) das folhas, colmo e raízes aos 60 DAE. A dose de 50 m3 ha-1de biofertilizante de aves promoveu incrementos nas características morfométricas e produção de forragem dos cultivares Marandu e Piatã, enquanto doses de 100 e 150 m3 ha-1 ocasionaram a morte desses cultivares.<hr/>Fertilizers are more and more imported, and such a fact makes so that the use of treated waste is an economical and sustainable alternative for fodder production. The objective of this study was to evaluate the effect of different doses of bio-fertilizer from birds on forage yield of Brachiaria brizantha (Hochst.) Stapf. The experimental design was completely randomized, with four replications in a factorial arrangement. The first factor consisted of the cultivars Marandu and Piata, while the second factor corresponded to doses of bio-fertilizer from birds (0, 50, 100 and 150 m3 ha-1). The following morphometric aspects were evaluated: plant height (PH), leaf blade length (LBL), leaf blade width (LBW) at 15, 30, 45 and 60 days after emergence (DAE) and green and dry matter (GM and DM, respectively), stem and roots at 60 DAE. The dose of 50 m3 ha-1of bio-fertilizers from birds promoted increasing morphometric characteristics and forage yield of cultivars Marandu and Piatã, while doses of 100 and 150 m3 ha-1caused the death of these cultivars. <![CDATA[Zoonoses parasitárias veiculadas por alimentos de origem animal: revisão sobre a situação no Brasil]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1808-16572014000300290&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O Brasil se destaca na produção mundial de alimentos de origem animal, sendo que cada vez mais os mercados consumidores buscam alimentos seguros e inócuos para a saúde. Nesse contexto, torna-se fundamental a prevenção das zoonoses, que podem ser transmitidas através dos alimentos de origem animal, que muitas vezes são consumidos sem o devido preparo ou por populações mais vulneráveis. Nesta revisão bibliográfica, serão abordadas importantes enfermidades parasitárias de caráter zoonótico que ocorrem atualmente pela via de transmissão alimentar: a toxoplasmose, o complexo teníase-cisticercose, criptosporidiose, anisacose, difilobotriose e triquinelose.<hr/>Brazil is one of the most important countries in the production of animal source foods, and the consumers are looking for safe and innocuous products for health. In this context, it is necessary to prevent zoonosis that can be transmitted by animal source foods, which are sometimes consumed without proper cooking or made by vulnerable populations. On this review, important parasitic zoonotic diseases will be covered, which currently occur by this transmission route: toxoplasmosis, taeniasis-cysticercosis complex, cryptosporidiosis, anisakiasis, diphyllobothriasis and trichinosis. <![CDATA[Aspectos bioecológicos e genético-comportamentais envolvidos na conservação da abelha Jandaíra, Melipona subnitida Ducke (Apidae, Meliponini), e o uso de ferramentas moleculares nos estudos de diversidade]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1808-16572014000300299&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt A abelha sem ferrão Melipona subnitida atualmente está presente em quase toda a região nordeste, em função da boa adaptabilidade ao semiárido nordestino e do potencial econômico-ecológico proporcionado pela produção de mel e pela polinização de cultivos em condições de confinamento. Apesar disso, é uma espécie ameaçada devido a processos de degradação ambiental, dentre os quais estão o desmatamento, o uso indiscriminado de agrotóxicos e o extrativismo. Tais interferências tendem a isolar as populações de Jandaíra, provocando uma queda na variabilidade genética e, consequentemente, uma redução na capacidade adaptativa da espécie. Porém, técnicas de biologia molecular estão sendo implementadas, possibilitando que populações desse tipo sejam avaliadas quanto ao seu grau de variabilidade genética. Marcadores moleculares do tipo microssatélites de DNA vêm sendo bastante usados, porém, em função do alto custo exigido para seu desenvolvimento, diversos estudos vêm empregando microssatélites transferidos de táxons próximos com amplo sucesso em estudos voltados à caracterização e à diversidade genética. Dessa forma, a presente revisão objetivou avaliar os mais relevantes aspectos bioecológicos e genético-comportamentais envolvidos na conservação da abelha Jandaíra, a fim de auxiliar na avaliação do grau de diversidade genética da espécie, bem como da sua distribuição entre indivíduos e populações da abelha sem ferrão M. subnitida.<hr/>The stingless bee Melipona subnitida is now present almost everywhere in the Brazilian Northeastern, as a consequence of its good adaptability to the semiarid and economic and ecological potential offered by the honey production and pollination of commercial crops under confined conditions. Nevertheless, it is an endangered species due to environmental degradation processes, among which are: deforestation, indiscriminate use of pesticides and honey extraction. Such interference tends to isolate populations of Jandaíra causing a decrease in genetic variability, and therefore a reduction in the adaptive capacity of the species. However, advanced Molecular Biology techniques have been used allowing such populations to be assessed for their degree of genetic variability. Molecular markers such as microsatellite DNA are widely applied to genetic diversity studies. However, due to the high costs required for their development, several studies have been focused on the use of microsatellites transferred from closely related taxa with much success in studies on the genetic characterization of species and their populations. Therefore, this review aimed to evaluate the most relevant ecological and behavioral aspects in order to assist the population genetic studies of the stingless bee M. subnitida.