Scielo RSS <![CDATA[Brazilian Journal of Food Technology]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=1981-672320180001&lang=pt vol. 21 num. lang. pt <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <![CDATA[Monitoramento da cadeia do frio: novas tecnologias e recentes avanços]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1981-67232018000100300&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo A economia, atualmente, é impulsionada pela alta competitividade, exigindo que os setores de produção e logística sejam ágeis, flexíveis e com capacidade de ação para a solução de dificuldades. A logística é de extrema importância para as operações das cadeias de alimentos perecíveis, como carnes, peixes, lácteos, frutas e produtos hortícolas, assim como para determinados produtos da indústria farmacêutica, como vacinas, biomedicamentos e hemoderivados, que necessitam do uso da cadeia do frio devido à sua perecibilidade. A temperatura é o fator mais importante para a conservação da qualidade e manutenção da vida útil destes produtos, sendo a refrigeração um dos métodos mais amplamente utilizados para retardar o desenvolvimento de vários fatores que conduzem à sua deterioração. Dentre os desafios para a melhoria de incertezas da cadeia do frio, há a mitigação de riscos de ruptura da mesma. Sabe-se que há variações inevitáveis das condições de conservação dos produtos durante as etapas da cadeia de frio, as quais causam alteração da vida útil de alimentos perecíveis. Seja no transporte ou nas câmaras frias de armazenagem, há flutuação de temperatura em torno da condição ideal, sendo que ainda hoje, na maioria dos sistemas, o monitoramento da temperatura é realizado por pouquíssimos sensores. Embora poucas tecnologias de monitoração de temperatura sejam utilizadas para inibir os riscos de perda de qualidade e obter a segurança alimentar, estas são utilizadas de forma independente, nos diferentes elos da cadeia logística do frio. Esses desafios têm impulsionado esforços de grupos de pesquisas de países desenvolvidos para o aperfeiçoamento de aplicações de rede de sensores sem fio (RSSF) e de identificação por radiofrequência (RFID), com base em dispositivos sensores. Este trabalho aborda aspectos importantes da aplicação destas novas tecnologias, que são capazes de detectar a condição destes produtos perecíveis em tempo real, durante as operações logísticas, possibilitando evitar a perda, melhorar a qualidade dos produtos perecíveis e reduzir os custos.<hr/>Abstract The economy is currently driven by great competitiveness, demanding that the production and logistics sectors be agile, flexible and capable of action to solve difficulties. Logistics is of utmost importance to the operations of perishable food chains such as meats, fish, dairy, fruit and vegetable products, as well as for certain products in the pharmaceutical industry, such as vaccines, biomedicines and blood products that require the use of the cold chain due to their perishability. Temperature is the most important factor in the maintenance of quality and the shelf life of these products, cooling being one of the most widely used methods to slow the development of several factors that lead to product deterioration. Amongst the challenges for improving uncertainties related to the cold chain, is the mitigation of risks concerning its rupture. It is known there are inevitable variations in the storage conditions of the products during the stages of the cold chain, which cause changes in the shelf life of perishable foods. Both inside containers and in cold chambers there are temperature fluctuations around the ideal condition, and to this day, in most systems, monitoring of the temperature is measured by very few sensors. Although limited temperature monitoring technology is used to inhibit the risk of quality loss and improve food security, they are also used independently in the different logistics links of the cold chain. These challenges have driven efforts from some research groups in developed countries to improve the application of wireless sensor networks (WSN) and radio frequency identification (RFID), based on sensor devices. This paper addresses important aspects of the application of these new technologies that are able to detect the condition of these perishable products in real time during logistics operations, making it possible to avoid the loss of perishable products, improve their quality and reduce costs. <![CDATA[Processamento e estabilidade de uma bebida de caju e yacon durante o armazenamento sob refrigeração]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1981-67232018000100400&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo O objetivo do presente trabalho foi avaliar a estabilidade de uma bebida de caju e yacon durante o armazenamento sob refrigeração. A bebida, composta por polpa de caju e extrato de yacon (proporção 1:1, v/v), foi pasteurizada a 85 °C por 90 segundos e armazenada sob refrigeração (5 °C). No tempo inicial e a cada 45 dias do período de estocagem, foram determinados os teores de compostos bioativos (ácido ascórbico - AA e polifenóis extraíveis totais - PET), a atividade antioxidante total (AAT), os sólidos solúveis totais (SST), a acidez titulável (AT), o pH e a cor (L*, a* e b*). Após 225 dias de estocagem, a bebida apresentou diminuição expressiva da sua AAT, medida pelo método FRAP (Ferric Reducing Antioxidant Power), de aproximadamente 22%, assim como houve queda nas concentrações de AA e PET, em torno de 20 e 16%, respectivamente. A bebida atendeu ao padrão estabelecido pela legislação brasileira para coliformes a 45 °C e Salmonella sp. (ausência/25 mL); porém, em 135 dias de armazenamento, a bebida apresentou contagem de bolores e leveduras superior a 104 UFC/mL. Neste sentido, embora a bebida tenha apresentado níveis consideráveis de compostos bioativos e AAT durante os 225 dias de armazenamento refrigerado (5 °C), recomenda-se que o produto seja armazenado por até 90 dias sob refrigeração (5 °C), período em que a bebida manteve seus componentes bioativos e boa qualidade microbiológica e sensorial.<hr/>Abstract The objective of the present study was to evaluate the stability of a beverage produced with cashew apple and yacon during refrigerated storage. The beverage, composed of cashew pulp and yacon extract (ratio 1: 1, v / v), was pasteurized at 85 °C for 90 seconds and stored at 5 °C. The following components were evaluated at zero time (after processing and packaging) and every 45 days during the storage period: the bioactive compound contents (ascorbic acid (AA), total extractable polyphenols (PET), total antioxidant activity (AAT), total soluble solids, titratable acidity (AT), pH and colour (L *, a * and b *). After 225 days of storage, the beverage presented a 22% decrease in AAT as analysed by the FRAP method (Ferric Reducing Antioxidant Power), as well as a drop in the AA and PET concentrations of around 20 and 16%, respectively. The beverage complied with the microbiological standard established by Brazilian legislation for coliforms at 45 °C and Salmonella sp. (absence/25 mL), but after 135 days storage, the beverage had a yeast and mould count greater than 104 CFU/mL. Thus although the beverage presented considerable levels of bioactive compounds and AAT during the 225 days of refrigerated storage (5 °C), it is recommended that it be stored for up to 90 days under refrigeration (5 °C), considering the microbiological, sensorial quality and maintenance of its bioactive components during this period. <![CDATA[Compostos fenólicos e atividade antioxidante de duas cultivares de feijões (<em>Phaseolus vulgaris</em> L.) submetidos à cocção]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1981-67232018000100401&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract The common bean (Phaseolus vulgaris L.) is a source of nutrients and contains phenolic compounds that act as antioxidants. The aim of the present study was to determine the phenolic compounds and tannins in two bean cultivars (Phaseolus vulgaris L.): the biofortified carioca bean (Pontal) and the common bean (commercial). The antioxidant activity of the phenolic compounds and their fractions was also measured using 2,2-diphenyl-1-picrylhydrazyl (DPPH) and 2,2'-azino-bis(3-ethylbenzothiazoline-6-sulphonic acid) (ABTS) methods. The thermal processing decreased the phenolic compounds, tannins and the antioxidant activity of beans. The Pontal cultivar exhibited higher levels of phenolic compounds even after cooking. For cooked beans, higher antioxidant activity was observed in the commercial beans by the DPPH method. Regarding to the fractions, in general, lower values of antioxidant activity by DPPH were observed for beans after cooking, except for fraction 6 of the Pontal bean and fraction 3 of the commercial bean. For fraction 4 no significant differences were observed by the ABTS method for both cultivars after thermal processing.<hr/>Resumo O feijão (Phaseolus vulgaris L.) é uma leguminosa que, além de ser fonte de nutrientes, possui compostos fenólicos que atuam como antioxidantes. O presente estudo teve por objetivo a determinação de compostos fenólicos e taninos de duas cultivares de feijão (Phaseolus vulgaris L.): carioca biofortificado (Pontal) e comum (comercial). Averiguou-se ainda a atividade antioxidante dos compostos fenólicos e de suas frações, por meio dos métodos DPPH e ABTS. O tratamento térmico diminuiu os teores de compostos fenólicos, taninos e a atividade antioxidante dos feijões. A cultivar Pontal apresentou maiores teores de compostos fenólicos, mesmo após a cocção. Para as amostras de feijão cozido, observou-se maior atividade antioxidante para o feijão comercial pelo método DPPH. Quanto às frações fenólicas, observou-se decréscimo nos valores de atividade antioxidante por DPPH após o cozimento dos feijões, exceto para a fração 6 da cultivar Pontal e para fração 3 do feijão comercial. Para a fração 4, em ambas cultivares não foram observadas diferenças significativas na atividade antioxidante pelo método ABTS após tratamento térmico. <![CDATA[Análise físico-química de salsichas tipo frankfurt feitas com resíduos de filé de tilápia vermelha (<em>Oreochromis sp.</em>) e farinha de quinoa (<em>Chenopodium quinoa</em> W.)]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1981-67232018000100402&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract In Colombia, the production of red tilapia (Oreochromis sp) has shown important development in recent years. It is a hydro-biological resource that generates fish fillet waste that can be used in the manufacture of fish products. The aim of this research was to analyze the influence of quinoa flour on the physicochemical properties, texture and oxidative stability during storage and sale of Frankfurter sausages made with red tilapia fillet waste when adding two concentrations of quinoa flour, 10 g/kg and 20 g/kg, and a control treatment with no quinoa flour. The sausages were vacuum packed and stored under refrigeration (2 °C ± 2 °C). The proximate chemical composition, pH, CIElab coordinates, lipid oxidation, water holding capacity, water binding ability and cooking yield were determined, along with an instrumental texture analysis for each of the sausages prepared. The addition of quinoa flour at a concentration of 10 g/kg presented the best water holding capacity, water binding ability, lighter coloration and cooking yield, as compared to the control sausage. By contrast, the sausages with 20 g/kg were harder and required greater effort to cut than the control (p &lt; 0.05). The addition of quinoa flour increased fat oxidation after 6 days of monitoring. The addition of 10 g/kg of quinoa flour was the best concentration for the production of sausages made with red tilapia fillet waste, which represents a new alternative for hydro-biological-origin foodstuffs.<hr/>Resumo Na Colômbia, a produção de tilápia vermelha (Oreochromis sp.) tem alcançado avanços importantes no últimos anos. A tilápia é um recurso hidrobiológico que gera resíduos a partir do seu filetamento, os quais podem ser usados na fabricação de produtos pesqueiros. O objetivo desta pesquisa foi analisar a influência da farinha de quinoa nas propriedades físico-químicas, na textura e na estabilidade oxidativa ao usar duas concentrações de farinha de quinoa, 10 g/kg e 20 g/kg, além de um tratamento controle sem adição de farinha de quinoa, em salsichas tipo Frankfurt feitas com resíduos do filetamento de tilápia vermelha, durante a sua armazenagem e comercialização. As salsichas foram embaladas a vácuo e armazenadas sob refrigeração (2 °C ± 2 °C). Foi determinada a composição centesimal, o valor de pH, as coordenadas de CIElab, a oxidação lipídica, a capacidade de retenção de água, a capacidade de absorção de água e o rendimento no cozimento, além de uma análise instrumental da textura para cada uma das salsichas. A salsicha com adição de farinha de quinoa a uma concentração de 10 g/kg apresentou os melhores valores na capacidade de retenção de água, na capacidade de absorção de água, na coloração mais clara e no rendimento no cozimento, quando comparada com as salsichas controle. Por outro lado, as salsichas com 20 g/kg apresentaram maior dureza e precisaram maior esforço ao corte que as salsichas controle (p &lt; 0,05). A adição de farinha de quinoa aumentou o grau de oxidação das gorduras depois de seis dias de monitoração. A adição de 10 g/kg de farinha de quinoa foi a melhor concentração na produção de salsichas feitas com resíduos do filetamento de tilápia vermelha, o que se apresenta como uma nova alternativa para a elaboração dos alimentos de origem hidrobiológica. <![CDATA[Composição lipídica, características físicas e sensoriais de recheios de morango em biscoitos]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1981-67232018000100403&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo Recheios de biscoito de cinco marcas comerciais brasileiras foram avaliados quanto a teor de lipídios, composição em ácidos graxos, atividade de água, diâmetro médio e distribuição do tamanho de partícula, aspecto morfológico, textura (firmeza e adesividade), além de avaliação sensorial, por teste de aceitação, quanto aos atributos: sabor global, sabor de morango, cor, arenosidade, cerosidade e firmeza. Os cinco recheios comerciais avaliados apresentam valores de atividade de água de 0,47 a 0,50. Apenas um diferiu quanto ao tamanho de partícula, apresentando o maior diâmetro médio e a menor aceitação da arenosidade. Quanto à firmeza, houve maior variação entre as marcas comerciais (37,41 a 124,04 gf), assim como na composição em ácidos graxos, indicando diferentes fontes lipídicas nas gorduras destinadas aos recheios. O teor médio de lipídios encontrado, 27,5%, está próximo ao da literatura, de 30%; porém, de acordo com a composição em ácidos graxos, o valor médio de ácidos graxos trans encontrado indica que a indústria pode estar realmente reduzindo os teores desses ácidos graxos, não obstante os valores de ácidos graxos saturados ainda mostrarem-se altos.<hr/>Abstract The fillings of five Brazilian brands of sandwich cookies were evaluated for their lipid content, fatty acid composition, water activity, average diameter and particle size distribution, morphological appearance, texture (firmness and adhesiveness) and sensory acceptance for the attributes of: overall flavour, strawberry flavour, colour, grittiness, waxiness and firmness. The five commercial fillings showed values ​​for water activity of from 0.47 to 0.50. Only one sample differed in particle size, presenting a larger mean diameter and lower acceptance due to grittiness. There was greater variation in firmness between the commercial brands (from 37.41 to 124.04 gf) as well as in the fatty acid composition, indicating that the fats used in the fillings came from different lipid sources. The average lipid content was 27.5%, which was close to the value found in the literature of 30%. With respect to the fatty acid composition, the average value for trans fatty acids indicated that the industries were really reducing the levels of these fatty acids, but the amounts of saturated fatty acids were still high. <![CDATA[Desenvolvimento e avaliação sensorial de goiaba-passa desidratada osmoticamente]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1981-67232018000100404&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo Apesar de ser um fruto disponível durante todo o ano, nas regiões de cultivo irrigado das diferentes regiões do país, a goiaba apresenta grande desperdício pós-colheita, associado ao rápido amadurecimento, necessitando da aplicação de técnicas de processamento que diminuam o desperdício deste fruto. Objetivou-se, neste trabalho, estudar o processo de transferência de massa durante a desidratação osmótica de fatias de goiaba, além de avaliar os parâmetros sensoriais da goiaba-passa obtida sob diferentes temperaturas de processo e concentrações de sacarose. Fatias de goiaba cv. Paluma (3,0 × 2,0 × 0,9 cm) foram submetidas à desidratação osmótica em xaropes de sacarose a 40 °Brix, 50 °Brix e 60 °Brix, combinados com temperaturas de 30 °C, 40 °C e 50 °C, por meio de planejamento fatorial com ponto central. O pré-tratamento osmótico foi complementado com secagem convectiva a 60 °C e as goiabas-passa foram estudadas quanto ao processo de transferência de massa na desidratação osmótica, seguida de avaliação sensorial. Verificou-se que a máxima transferência de massa ocorreu durante as quatro horas iniciais de desidratação, sendo a concentração de sacarose o efeito com maior influência na diminuição da quantidade de água e no aumento da incorporação de sólidos. A avaliação dos parâmetros sensoriais demonstrou uma maior preferência dos provadores pelas passas obtidas em menor concentração de sacarose, para os atributos aparência, cor, textura e sabor. Não foram observadas diferenças significativas entre as notas atribuídas pelos provadores para o atributo odor. O perfil sensorial aplicado revelou a boa aceitação do pré-tratamento osmótico quando comparado ao fruto sem tratamento osmótico e seco apenas por secagem convectiva.<hr/>Abstract Despite being a fruit available throughout the year in the irrigated regions of the different regions of the country, guava shows great post-harvest losses associated with its rapid ripening, requiring the application of processing techniques that reduce the loss of this fruit. The objective of this work was to study the mass transfer process during the osmotic dehydration of guava slices and evaluate the sensory parameters of the dried guava obtained at different osmosis temperatures and sucrose concentrations. Guava cv. Paluma slices (3.0 × 2.0 × 0.9 cm) were subjected to osmotic dehydration in sucrose syrup at 40 °Brix, 50 °Brix and 60 °Brix combined with temperatures of 30 °C, 40 °C and 50 °C using a factorial central point design. The osmotic pre-treatment was complemented by convective drying at 60 °C and the dried guava slices studied with respect to mass transfer during the process of osmotic dehydration followed by a sensory evaluation. It was found that the maximum mass transfer occurred during the initial 4 hours of dehydration and the concentration of sucrose had the greatest influence in reducing the amount of water and increasing the incorporation of solids. The sensory assessment parameters demonstrated that the product most preferred by the panellists was that obtained with lower sucrose concentrations for the attributes of appearance, colour, texture and flavour. No significant differences were observed between the scores awarded by the panellists for the attribute of odour. The sensory profile applied showed good acceptance of the osmotic pre-treatment when compared to the in natura fruit dried only by convective drying. <![CDATA[Método rápido de determinação de elementos em farinha de milho: redução do tempo de preparação e consumo de reagente]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1981-67232018000100405&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract The aim of this work was to develop and validate methodology to reduce the digestion time and reagent consumption in the determination of minerals in maize flour. The standard methodology employed in Brazil is that described by AOAC. It consists of the calcination of the sample at high temperatures for a long period of time, making the process expensive and slow. In this work, a wet sample digestion method using HNO3 was employed, heating on a block digester with final dissolution in an ultrasonic bath. The validation tests involved linearity and working range studies, and the determination of the detection and quantification limits, accuracy and precision. The sample digestion time was 1:30 h and the percent recoveries for the metals were 93% for Ca, 98% for Cu, 110% for Fe, 97% for Mg, 101% for Mn and 106% for Zn.<hr/>Resumo O objetivo deste trabalho consiste em desenvolver e validar uma metodologia que reduza o tempo de digestão e o consumo de reagentes para determinar minerais em farinha de milho. No Brasil, a metodologia padrão utilizada é a descrita pelo AOAC, que consiste na calcinação da amostra em altas temperaturas, por longo período, o que torna o processo dispendioso e moroso. Neste trabalho, aplicou-se a digestão por via úmida das amostras usando HNO3, aquecimento em bloco digestor e solubilização final em banho ultrassom. Os testes de validação envolveram estudos de linearidade e faixa de trabalho, limites de detecção e de quantificação, precisão e exatidão. O tempo de digestão das amostras foi de 1h30min e as porcentagens de recuperação dos metais foram de 93% para Ca, 98% para Cu, 110% para Fe, 97% para Mg, 101% para Mn e 106% para Zn. <![CDATA[Influência das condições de processo nas propriedades físico-químicas de pó de polpa de juçara (<em>Euterpe edulis</em>) produzido por atomização]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1981-67232018000100406&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract The objective of this work was to optimize the spray drying of jussara pulp using mixtures of modified starch (MS) with whey protein concentrate (WPC) or soy protein isolate (SPI) as the carrier agents. Two central composite rotatable designs were used to evaluate the effect of the independent variables of inlet air temperature (140 °C to 200 °C), carrier agent concentration - CAC (0.5 to 2 g carrier agent/g jussara pulp solids) and the proportions of MS:WPC or MS:SPI (5 to 30 g WPC or SPI/100 g carrier agent) on the following responses for powders formulated with MS:WPC and MS:SPI, respectively: moisture content (0.3% to 1.4% and 0.6% to 1.2%), solubility (78.0% to 92.9% and 78.9% to 83.8%), retention of total anthocyanins (49.2% to 82.9% and 34.1% to 96.9%), encapsulation efficiency (98.5% to 99.7% and 98.5% to 99.5%), hue angle (9.1 to 44.0 and 3.7 to 42.6), chroma (10.0 to 15.3 and 9.2 to 14.3) and process yield (33.2% to 55.5% and 49.9% to 78.5%). The inlet air temperature 170 °C, CAC of 1.25 and 2 g/g jussara pulp solids and proportion of MS:WPC or MS:SPI of 17.5 and 30 g/100 g were recommended as the selected conditions.<hr/>Resumo O objetivo deste trabalho foi otimizar a secagem por atomização da polpa de juçara, utilizando-se misturas de amido modificado (AM), concentrado proteico de soro de leite (CPL) ou isolado proteico de soja (IPS), como agentes carreadores. Dois delineamentos compostos centrais rotacionais foram realizados para avaliar o efeito das variáveis ​​independentes: temperatura do ar de entrada (140 °C a 200 °C), concentração de agente carreador ‒ CAC (0,5 a 2 g de carreador/g de sólidos de polpa juçara) e proporções de AM:CPL ou AM:IPS (5 a 30 g de CPL ou IPS/100 g carreador) sobre as seguintes respostas para pós formulados com AM:CPL e AM:IPS, respectivamente: teor de umidade (0,3% a 1,4% e 0,6% a 1,2%), solubilidade (78,0% a 92,9% e 78,9% a 83,8%), retenção de antocianinas totais (49,2% a 82,9% e 34,1% a 96,9%), eficiência de encapsulação (98,5% a 99,7% e 98,5 a 99,5%), ângulo de tonalidade (9,1 a 44,0 e 3,7 a 42,6), croma (10,0 a 15,3 e 9,2 a 14,3) e rendimento do processo (33,2% a 55,5% e 49,9% a 78,5%). A temperatura do ar de entrada de 170 °C, CAC de 1,25 e 2, e a proporção de AM:CPL ou AM:IPS de 17,5 e 30 foram recomendadas como condições selecionadas. <![CDATA[Produção de farinha de banana verde (<em>Musa</em> spp.) para aplicação em pão de trigo integral]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1981-67232018000100407&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo A farinha de banana verde (FBV) é uma alternativa viável para o aproveitamento dos frutos e possui alto teor de amido resistente (AR), que apresenta papel fisiológico similar ao das fibras alimentares. O objetivo deste trabalho foi produzir FBV de dois genótipos de bananeira (Prata e Caturra), além de selecionar aquele com maior teor de AR, para posterior substituição de parte da farinha de trigo integral por FBV, em uma formulação de pão de fôrma integral. Para a produção das farinhas, os frutos foram descascados, cortados em rodelas e estas foram submersas em uma solução de ácido ascórbico e ácido cítrico, sendo então distribuídas em bandejas e secas a 50 °C, por 7 horas, e moídas. As farinhas foram submetidas às análises de composição proximal e determinação do teor de AR. Posteriormente, foram processados pães integrais com a substituição de 10%, 15% e 20% de farinha de trigo integral pela FBV que obteve o maior teor de AR. Os pães controle e aquele que apresentou maior teor de AR e boas características tecnológicas, como volume específico, dureza e cor, foram submetidos aos testes sensoriais de aceitação e intenção de compra. O teor de AR encontrado para as FBV Prata e Caturra foram 24,1% e 13,7%, respectivamente. O pão com substituição de 15% de farinha de trigo integral por FBV foi escolhido para a análise sensorial. As formulações controle e com 15% de FBV atingiram Índices de Aceitação Sensorial de 88,7% e 82,1%, respectivamente. A atitude dos avaliadores foi positiva, segundo a qual 56% dos avaliadores “comprariam frequentemente” ou “comprariam sempre” o pão com 15% de FBV, não tendo sido observada rejeição para nenhuma das formulações.<hr/>Abstract Unripe banana flour (UBF) is a viable alternative for using the fruit, since it has a high resistant starch (RS) content which presents a physiological role similar to that of dietary fibre. The objective of this study was to produce UBF from two banana genotypes (Lady Finger and Cavendish), and select the one with the highest level of RS for subsequent replacement of part of the whole wheat flour by UBF in a formulation for whole wheat loaves. For the production of UBF, the fruits were peeled, cut into slices, submerged in a solution of ascorbic acid and citric acid, spread on trays, dried at 50 °C for 7 hours and then ground. The flours were submitted to proximate composition and RS content analyses. Whole wheat loaves were then processed, replacing 10%, 15% and 20% of the whole wheat flour by the UBF containing the highest resistant starch content. The control loaves and the one with the highest RS content and good technological characteristics, such as specific volume, hardness and colour, were submitted to a sensory test for acceptance and purchase intent. The resistant starch contents found in the Finger and Cavendish UBF samples were 24.1% and 13.7% respectively. Loaves with 15% substitution of the whole wheat flour by UBF were chosen for the sensory analysis. The Control loaf formulation and that with 15% UBF reached acceptance levels of 88.7% and 82.1%, respectively. The attitude of the judges was positive since 56% of them answered they would buy the bread with 15% UBF frequently or always, and none of the formulations were rejected. <![CDATA[Efeitos de antiproliferação e atividade antioxidante de duas cepas novas de <em>Lactobacillus</em>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1981-67232018000100408&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract The microorganisms most commonly used as probiotics are lactic acid bacteria, especially those of the genus Lactobacillus. In the present study, two Lactobacillus strains, L. pentosus ITA23 and L. acidipiscis ITA44, previously isolated from mulberry silage, were characterized for their antiproliferative and antioxidant activities. The antiproliferative effects of the strains were investigated using the MTT assay with breast cancer (MDA-MB-231), liver cancer (HepG2) and normal liver (Chang) cell lines. The strains were tested for their antioxidant activity using the FRAP and ABTS methods. The results showed that the two Lactobacillus strains had good antiproliferative effects against both cancer cell lines tested, while their effects on the normal cells were weak. Based on the results of the antioxidant tests, the intact cells and cell-free extracts of the two Lactobacillus strains showed more than 135 and less than 50 µg trolox/ml of antioxidant activity, respectively. Lactobacillus pentosus ITA23 and L. acidipiscis ITA44 can be considered as potential probiotic candidates for humans because of their antioxidant activity and antiproliferation effects against cancer cells.<hr/>Resumo Os micro-organismos mais comumente usados como probióticos são as bactérias lácticas, especialmente aquelas do genus Lactobacillus. No presente estudo, duas cepas de Lactobacillus, L. pentosus ITA23 e L. acidipiscis ITA44, previamente isoladas da silagem de amora, foram caracterizados por suas atividades antiproliferativas e antioxidantes. Os efeitos antiproliferativos das cepas foram investigados usando-se o ensaio MTT, com linhas de células cancerígenas de mama (MDA-MB-231) e do fígado (HepG2), e com células normais do fígado (Chang). As atividades antioxidantes das cepas foram testadas utilizando-se os métodos de FRAP e ABTS. Os resultados demonstraram que as duas cepas de Lactobacillus tinham bons efeitos antiproliferativos contra as duas linhas de células cancerígenas, enquanto seus efeitos nas células normais eram fracos. Baseando-se nos resultados dos testes antioxidantes, as células intactas e os extratos livres de células das duas cepas de Lactobacillus demonstraram mais que 135 e menos que 50 µg trolox/mL de atividade antioxidante, respectivamente. Lactobacillus pentosus ITA23 e Lactobacillus acidipiscis ITA44 podem ser considerados como potenciais candidatos probióticos para humanos, devido à sua atividade antioxidante e aos efeitos antiproliferativos contra células cancerígenas. <![CDATA[Coprodutos do óleo de soja na dieta de codornas: impactos sobre a qualidade durante o armazenamento]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1981-67232018000100409&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo O presente estudo teve por objetivo avaliar a influência do tempo de armazenamento (0, 15 e 30 dias) sobre a degradabilidade de nutrientes em dietas formuladas com óleo ácido de soja, suplementadas ou não com lecitina. Oito dietas experimentais foram avaliadas: 1) dieta basal (DB) com 4% de óleo ácido de soja (OAS); 2) DB com 4% OAS + 1% lecitina (LEC); 3) DB com 8% OAS; 4) DB com 8% OAS + 1% LEC; 5) DB com 4% de óleo degomado de soja (ODS); 6) DB com 4% ODS + 1% LEC; 7) DB com 8% ODS; 8) DB com 8% ODS + 1% LEC. Foram coletadas seis amostras de cada dieta para medir a degradabilidade de nutrientes no início, aos 15 e 30 dias de armazenamento. Foram avaliadas a composição química (matéria seca, proteína bruta e extrato etéreo), a acidez livre e o coeficiente de extinção específica (K232 e K270), em todas as dietas. O tempo de armazenamento influenciou o conteúdo de matéria seca, sendo que o tempo zero apresentou as menores médias para os tratamentos 3, 4 e 5. Foi observada interação significativa entre os fatores dieta e tempo, para as variáveis de acidez e coeficientes de extinção. Dietas com óleo ácido de soja apresentaram maior acidez e mais produtos primários e secundários da oxidação do que dietas com óleo degomado de soja. A proteína bruta e o extrato etéreo não foram afetados pelo tempo de armazenamento, em todas as dietas.<hr/>Abstract This study aimed to evaluate the effect of storage time (0, 15 and 30 days) on the degradability of nutrients in quail diets formulated with acidulated soybean oil supplemented or not with lecithin. Eight experimental diets were evaluated: 1) basal diet (BD) with 4% acidulated soybean oil (ASS); 2) BD with 4% ASS + 1% lecithin (LEC); 3) BD with 8% ASS; 4) BD with 8% ASS + 1% LEC; 5) BD with 4% degummed soybean oil (DSO); 6) BD with 4% DSO + 1% LEC; 7) BD with 8% DSO; 8) BD with 8% DSO + 1% LEC. Six samples of each diet were collected to assess the degradability of nutrients on zero day and after 15 and 30 days of storage. The chemical composition (dry matter, crude protein and fat), free acidity and specific extinction coefficients (K232 and K270) in all diets were evaluated. The storage time influenced the dry matter content, and zero time presented the lowest averages for treatments 3, 4 and 5. A significant interaction between the diet and the time factors was observed for the acidity variables and extinction coefficients. Diets with acidulated soybean oil showed higher acidity and primary and secondary peroxidation products than the degummed soybean oil diets. Crude protein and fat were not affected by storage time in any of the diets. <![CDATA[Efeito da adição de proteína do soro do leite como substituto do trigo na formulação de bolos sem adição de açúcar]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1981-67232018000100410&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo A proteína do soro do leite (PSL) é um produto da fabricação de queijos, que apresenta elevado valor nutricional e atributos funcionais. Sua utilização em produtos de panificação favorece aspectos físicos, como a emulsão e a capacidade de estabilização, além de melhorar características sensoriais. O presente estudo teve como objetivo elaborar bolos sem adição de açúcar, utilizando-se a PSL como substituto do trigo, bem como avaliar suas características físicas, químicas, sensoriais e microbiológicas. O efeito da adição de PSL e margarina em bolos foi avaliado por meio de um delineamento central composto rotacional de segunda ordem. Os tratamentos selecionados foram avaliados por meio de análise sensorial e caracterizados quanto à composição centesimal, além de se proceder à avaliação microbiológica após 15 dias de armazenamento. A adição de até 11,98 g/100 g de margarina influenciou de forma expressiva na redução da altura dos bolos. O tratamento com teor intermediário de PSL (30 g/100 g) e menor teor de margarina (6,72 g/100 g) obteve melhor aceitabilidade e, quando comparado ao controle, maior conteúdo de proteínas. As condições microbiológicas foram satisfatórias, atendendo à legislação vigente, mesmo após 15 dias de armazenamento.<hr/>Abstract Whey protein (WP) is a product of cheese making which has high nutritional value and functional attributes. Its use in bakery goods favours the physical aspects as well as the emulsion and stabilization capacity and improves the sensory characteristics. The aim of this study was to replace wheat by whey protein in sugar free cakes and evaluate their physical, chemical, microbiological and sensory characteristics. The effect of adding whey protein and margarine on cakes were evaluated using a second order central compound rotational design. The selected treatments were evaluated by means of a sensory analysis and characterized according to their proximate composition and a microbiological evaluation after fifteen days of storage. The addition of up to 11.98 g of margarine per 100 g had an important influence on the reduction in cake height. The treatment with an intermediate WP content (30 g/100 g) and a lower margarine content (6.72 g/100 g) showed better acceptability and a higher protein content when compared to the control cake. The microbiological conditions were satisfactory, conforming to current legislation, even after fifteen days of storage. <![CDATA[Deterioração em molhos para salada com formação de gás causada por <em>Bacillus amyloliquefaciens</em>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1981-67232018000100411&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract B. amyloliquefaciens is a Gram-positive, aerobic, motile rod, often found in soil, which has been described as a plant growth promoter and is used in several industrial processes. This study reports an episode involving the gassy spoilage of salad dressing caused by B. amyloliquefaciens in a production facility located in Rio de Janeiro, Brazil. Nine B. amyloliquefaciens strains were isolated from spoiled salad dressings, the sugar used as a raw material in the manufacture and from the production plant. A genotypic analysis of the isolates by Rep-PCR generated eight band profiles grouped in five Rep-PCR clusters. When re-inoculated into fresh salad dressing three B. amyloliquefaciens isolates belonging to the Rep-PCR clusters A, D and E were able to reproduce the gassy spoilage process, whereas the isolates belonging to the Rep-PCR clusters B and C did not produce any visible spoilage, suggesting that these isolates were not directly involved in the spoilage process. The predominant Rep-PCR cluster, cluster A, included strains isolated from barbecue and passion fruit seed salad dressings and from sugar (raw material), suggesting it is a common source of contamination for such salad dressings.<hr/>Resumo B. amyloliquefaciens é um bastonete Gram-positivo, aeróbio e móvel, e é encontrado, frequentemente, no solo. Este bastonete foi descrito como um promotor de crescimento de plantas e é usado em diversos processos industriais. Este estudo relata um episódio de deterioração gasosa de molho de salada causada por B. amyloliquefaciens, que ocorreu em uma unidade de produção localizada no Rio de Janeiro, Brasil. Foram isoladas nove cepas de B. amyloliquefaciens de molhos de salada deteriorados, do açúcar utilizado como matéria-prima na fabricação e da planta de produção. A análise genotípica dos isolados por Rep-PCR gerou oito perfis de bandas, agrupados em cinco clusters Rep-PCR. Quando reinoculados em molho de salada fresco, três cepas de B. amyloliquefaciens, pertencentes aos clusters Rep-PCR A, D e E, foram capazes de reproduzir o processo de deterioração gasosa, enquanto as cepas pertencentes aos clusters Rep-PCR B e C não produziram deterioração visível, o que sugere que essas cepas não estavam diretamente envolvidas no processo de deterioração. O grupo predominante, Rep-PCR cluster A, incluiu cepas isoladas de molhos de semente de maracujá e barbecue, e do açúcar (matéria-prima), sugerindo uma fonte comum de contaminação para esses molhos. <![CDATA[Decomposição de amostras de cerveja com sistema de refluxo para determinação monoelementar por F AAS/AES e determinação multielementar por MIP OES]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1981-67232018000100412&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo Neste trabalho, é descrito o desenvolvimento de um método analítico para análise de amostras de cervejas por técnicas de espectrometria. As amostras foram preparadas por decomposição em meio ácido, em um sistema de refluxo, e as determinações foram realizadas por F AAS (Fe, Mg e Zn), F AES (Na) e MIP OES (Ca, Fe, K, Mg, Mn, Na, Ni e Zn). As melhores condições para a decomposição da amostra foram obtidas através de estudo com delineamento composto central rotacional: volume de 10,0 mL de cerveja desgaseificada, adição de 5,0 mL de HNO3 e 2,0 mL H2O2, seguida por uma etapa de aquecimento em bloco digestor a 160 °C, por 93 min. Os limites de quantificação do método foram ≤ 0,100 mg L-1 para todos os elementos investigados, independentemente da técnica analítica utilizada, ficando abaixo, por exemplo, dos valores estipulados para Zn e Ni, pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária do Brasil. Os estudos comparativos entre as diferentes técnicas avaliadas mostraram, pelo teste T com nível de 90% de confiança, que não há diferença significativa para as determinações de Fe, Mg, Na e Zn nas amostras de cerveja. O método de preparo da amostra proposto mostrou ser simples, rápido, de baixo custo e confiável, para análise de cervejas nas diferentes técnicas de espectrometria atômica.<hr/>Abstract This study describes the development of an analytical method for the analysis of beer samples by atomic spectrometric techniques. The samples were prepared by acid decomposition using a reflux system, and the determinations carried out by F AAS (Fe, Mg and Zn), F AES (Na) and MIP OES (Ca, Fe, K, Mg, Mn, Na, Ni and Zn). The best conditions for sample decomposition were obtained by way of studies using a central rotational compound design: 10.0 mL of degassed beer followed by the addition of 5.0 mL of HNO3 and 2.0 mL H2O2 and a heating step in the digester block at 160 °C for 93 min. The quantification limits of the method were ≤ 0.100 mg L-1 for all the analytes investigated, regardless of the analytical technique used, values below those established by the Brazilian Health Surveillance Agency for Zn and Ni, for example. The comparative study of the different techniques showed that, according to the t-test at a 90% level of confidence, there was no significant difference for the determinations of Fe, Mg, Na and Zn in the beer samples. The sample preparation method was shown to be simple, fast, low-cost and reliable for the analysis of beers by the different atomic spectrometry techniques. <![CDATA[Rótulos de barras alimentícias: comportamento do consumidor e veracidade de informações disponíveis]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1981-67232018000100413&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract The search for high nutritional value, convenience, low-calorie foods with pleasant sensory characteristics which provide health benefits, makes food bars a promising product in the food sector, and they are already being considered as healthy alternatives according to common sense. The objectives of this study were: (i) to evaluate the interest and the way in which consumers understand the information on food labels; (ii) to determine consumer habits; and (iii) to determine the sugar contents of commercial food bars (conventional, sugar-free and light) to confirm the veracity of the information available on the labels of these products. Regarding the consumption of food bars, the majority of the respondents consumed this product and, although most of them considered them to be a healthy product due to the allegation of being rich in fibre and cereals, even with the knowledge of the presence of sugar, the main reasons taken into consideration when buying them were convenience and practicality. Socio-demographic variables such as gender, age, income and educational level influenced the standards and behaviours of consumption of the product. The quantification of sugar in commercial food bars indicated that these products could be considered as foods with intermediate to high amounts of sugar. The results obtained for sugar-free bars were even more worrying because the concentrations of sugar found indicated a lack of compliance with applicable regulations for this category for all the brands evaluated.<hr/>Resumo A busca por alimentos de alto valor nutritivo, convenientes, de baixo valor calórico e que possuam características sensoriais agradáveis e com benefícios à saúde faz da barra alimentícia um produto promissor no setor de alimentos, já sendo considerada pelo senso comum como alternativa saudável. Assim, este trabalho teve como objetivos: (i) avaliar o interesse e a forma de entendimento dos consumidores em relação às informações veiculadas nos rótulos de alimentos; (ii) determinar os hábitos de consumo, e (iii) determinar a quantidade de açúcares totais em barras alimentícias comerciais dos tipos comuns, diet e light, de forma a confirmar a veracidade das informações disponíveis nos rótulos destes produtos e correlacioná-las com as percepções dos consumidores sobre este produto. Quanto ao consumo de barras alimentícias, pode-se perceber que grande parte da amostra em estudo consome este produto e, apesar de a maioria considerar este um produto saudável pela alegação de ser rico em fibras e cereais, mesmo com o conhecimento da presença de açúcar, a conveniência e a praticidade são os principais motivos que são levados em consideração no momento da compra. Pode-se concluir ainda que variáveis sócio demográficas, como sexo, idade, renda e escolaridade, influenciaram em padrões e comportamentos de consumo relacionados ao tema avaliado. Já a quantificação de açúcar nas barras alimentícias comerciais dos tipos comuns, diet e light indicou que os produtos avaliados podem se enquadrar na categoria de alimentos com quantidade intermediária a alta de açúcar. Os resultados encontrados para as barras diet são ainda mais preocupantes, pois, para todas as marcas avaliadas, as concentrações de açúcar obtidas confirmam o não atendimento às legislações em vigor. <![CDATA[Manejo da solução nutritiva sobre a qualidade pós-colheita de tomate salada fertirrigado em areia]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1981-67232018000100414&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo O presente trabalho teve como objetivo avaliar o efeito de manejos e concentrações da solução nutritiva em fertirrigação, em cultivo protegido, sobre a qualidade pós-colheita de tomate de mesa. Os tratamentos consistiram do manejo da solução nutritiva, tendo como base a condutividade elétrica (CE) e a concentração individual de íons (CI) do lixiviado, nas concentrações iniciais de 1,6 e 3,2 dS m-1. Os frutos foram avaliados quanto aos teores de macrominerais, sólidos solúveis totais (SST), vitamina C, compostos fenólicos totais, flavonoides totais e compostos antioxidantes. Os teores de N, P e S foram maiores no manejo da solução nutritiva com base na CI, independentemente da concentração inicial de íons. Os teores de K e Ca apresentaram efeitos da interação entre a forma de manejo e a concentração de íons, enquanto o teor de Mg não foi influenciado pelos fatores estudados. O teor de vitamina C e a atividade antioxidante foram maiores no manejo da solução com base em CE, enquanto o teor de fenóis e flavonoides foi maior no manejo da solução com base em CI. O tipo de manejo e a concentração da solução nutritiva em fertirrigação afetam a qualidade pós-colheita de frutos de tomate.<hr/>Abstract The aim of this study was to evaluate the effect of the management of the nutrient solution concentrations used in the fertigation of table tomatoes cultivated in a protected environment, on postharvest quality. The treatments consisted of managing the nutrient solution based on the electrical conductivity (EC) and individual ionic concentrations (IC) in the leached solution at the levels of 1.6 and 3.2 dS m-1. The fruits were evaluated for their macromineral contents, total soluble solids (TSS), vitamin C, total phenols, flavonoids and antioxidants. The N, P and S contents were higher for management of the nutrient solution based on the IC, regardless of the initial ion concentrations. The K and Ca contents showed interaction effects between the forms of management and ion concentrations, while the Mg content was not influenced by the factors studied. The vitamin C content and antioxidant activity were higher for management of the solution based on EC, while total phenols and flavonoids were greater for management based on IC. The type of management and the nutrient solution concentration used in fertigation affect the postharvest quality of tomato fruits. <![CDATA[Composição mineral em genótipos de batata-doce de polpas coloridas e adequação de consumo para grupos de risco]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1981-67232018000100415&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo Este estudo objetivou quantificar minerais presentes em genótipos de batata-doce de polpa colorida, selecionados e cultivados pela Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária), no sul do Rio Grande do Sul, bem como verificar o percentual de adequação de consumo em grupos de risco nutricional. Genótipos de batata-doce cultivados no Banco Ativo de Germoplasma ‒ polpa branca (Rubissol, ILS 12, ILS 10, ILS 24); polpa creme (Cuia, ILS 03, ILS 44); polpa amarela/laranja (Amélia e Beauregard); polpa roxa (ILS 56, ILS 16 e ILS 71) ‒ foram analisados em triplicata. Os minerais foram quantificados por espectrometria de absorção atômica e os resultados foram expressos em miligrama do mineral correspondente a 100 g-1 de amostra úmida. Cálculos dos percentuais de adequação da ingestão diária recomendada de cada genótipo para grupos de risco (crianças entre 4 e 8 anos e gestantes entre 19 e 30 anos), com base no consumo de uma porção média de 200 g diários, foram realizados. As batatas-doces apresentaram grande variação na quantidade de minerais entre os genótipos e o potássio foi o mais abundante em todos estes, com destaque para os genótipos ILS 44, ILS 56 e ILS 71. Os genótipos de coloração roxa se sobressaíram na quantidade de potássio e os de coloração creme, na quantidade de fósforo. O consumo de uma porção média de 200 g de qualquer uma das batatas-doces forneceria 28% da necessidade de magnésio a crianças de 4 a 8 anos, e em torno de 20% das necessidades diárias de magnésio e 10% de potássio para gestantes.<hr/>Abstract The objective of this work was to quantify the minerals present in coloured pulp sweet potato genotypes, selected and cultivated by Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária), in the southern region of Rio Grande do Sul, Brazil, as well as checking their percentage adequacy for consumption by groups at nutritional risk. The following sweet potato genotypes grown in the Active Germplasm Bank were analysed in triplicate: white pulp (Rubissol, ILS 12, ILS 10 and ILS 24); cream pulp (Cuia, ILS 03 and ILS 44); yellow/orange pulp (Amélia and Beauregard); and purple pulp (ILS 56, ILS 16 and ILS 71). The minerals were quantified by atomic absorption spectrometry and expressed as mg of the corresponding mineral per 100 g-1 of fresh weight. The percentages of adequacy of the recommended daily intake of each genotype for risk groups (children between 4 and 8 years old and pregnant women between 19 and 30 years old) based on the consumption of an average portion of 200 g per day, were calculated. The sweet potatoes showed great variation in the minerals amongst the genotypes, and potassium was the most abundant in all of them, especially in the genotypes ILS 44, ILS 56 and ILS 71. The purple coloured genotypes stood out for their potassium contents and the cream coloured genotypes for their phosphorus contents. The consumption of a portion about 200 g of any sweet potatoes would provide 28% of the magnesium requirement for children, aged 4 to 8 years, and about 20% of the daily requirement of magnesium and 10% of potassium, for pregnant women. <![CDATA[Diferenças tecnológicas entre polpas de açaí e juçara e seus sorbets]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1981-67232018000100416&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Açai and juçara are palm trees that produce similar fruits. However, only the sale of açai is growing on the market for pulps and processed products for human consumption. The aim of this study was to compare açai and juçara pulps from the chemical, bioactive, rheological and technological points of view. Sorbets were elaborated with the pulps and evaluations were carried out regarding the antioxidant activity, polyphenols, anthocyanins, pH, acidity, soluble solids, ratio and colour. The pulps were evaluated rheologically and the sorbets for melting time. Juçara showed better results regarding the bioactive parameters (antioxidants ≈ 151 uM ferrous sulphate/ g and anthocyanins ≈ 77 mg.100g-1) and presented a more intense colour (Chroma 17). The pulps were physicochemically similar. The sorbet preserved much of the nutrients and presented a very intense colour, mainly in the juçara sorbet.<hr/>Resumo Açaí e juçara são palmeiras que produzem frutos semelhantes. Contudo, apenas o Açaí está crescendo no mercado de polpas e produtos processados para consumo humano. O objetivo deste estudo foi comparar as polpas de açaí e juçara do ponto de vista químico, bioativo, reológico e tecnológico. Elaboraram-se sorbets com as polpas desses frutos e foram realizadas avaliações dos seguintes parâmetros: atividade antioxidante, polifenóis, antocianinas, pH, acidez, sólidos solúveis, ratio e cor. As polpas foram avaliadas reologicamente e os sorbets foram avaliados quanto ao tempo de fusão. A juçara mostrou melhores resultados quanto aos parâmetros bioativos (antioxidantes ≈ 151 μM sulfato ferroso/g e antocianinas ≈ 77 mg.100g-1) e apresentou cor mais intensa (Chroma 17). As polpas são físico-quimicamente semelhantes. Os sorbets preservaram grande parte dos nutrientes e apresentaram uma cor muito intensa, principalmente no sorbet de juçara. <![CDATA[Efeito da temperatura na degradação de compostos bioativos do bagaço de uva <em>Pinot Noir</em> durante a secagem]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1981-67232018000100417&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract The objective of this study was to evaluate the effect of temperature and drying time on the total phenolic content and antioxidant capacity of grape pomace. Experimental data of the drying kinetics were fitted to six mathematical models and the Page model was selected as the most suitable to represent the drying of grape pomace. The best preservation of the phenolic compounds and antioxidant capacity was observed at 60 °C, suggesting that the temperatures of 40 °C and 50 °C were not sufficient to inactivate the enzyme polyphenol oxidase, being responsible for the greater degradation of these compounds.<hr/>Resumo O objetivo deste estudo foi avaliar o efeito da temperatura e do tempo de secagem sobre o conteúdo de compostos fenólicos totais e a capacidade antioxidante do bagaço de uva. Os dados experimentais das cinéticas de secagem foram ajustados a seis modelos matemáticos. O modelo de Page foi selecionado como o mais adequado para representar a secagem do bagaço de uva. A melhor preservação dos compostos fenólicos e da capacidade antioxidante foi observada a 60 °C, sugerindo que as temperaturas de 40 °C e 50 °C não foram suficientes para inativar a ação da enzima polifenoloxidase, sendo estas as responsáveis pela maior degradação desses compostos. <![CDATA[Composição centesimal e conteúdo mineral de diferentes cultivares de feijão biorfortificado (<em>Phaseolus vulgaris L.</em>)]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1981-67232018000100418&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Resumo O feijão é uma das principais fontes de proteína e de ferro, além de outros nutrientes, e por ser, também, um alimento de fácil acesso e preparo, faz com que o Brasil seja um dos maiores consumidores e produtores de feijão comum (Phaseolus vulgaris, L.). Estudos apontam que a anemia é o problema nutricional mais grave no Brasil e a inserção de alimentos básicos biofortificados pode auxiliar na redução desse quadro. O objetivo deste trabalho foi analisar, bem como comparar, estatisticamente, a composição centesimal e os teores de minerais dos grãos crus e cozidos das cultivares de feijão comercializadas ‒ tipo preto e carioca ‒ e das cultivares biofortificadas ‒ BRS esplendor e BRS pontal. Os grãos crus triturados e os grãos cozidos foram avaliados quanto aos teores de umidade, cinzas, proteína, lipídios e carboidratos, e os minerais ferro, potássio, magnésio e sódio. Os resultados obtidos foram submetidos à análise de variância e as médias foram comparadas pelo teste de Tukey (p&lt;0,05). A utilização de feijão biofortificado é promissora para diminuir a incidência de anemias, pois os resultados obtidos mostram que a biofortificação aumentou os teores de ferro, potássio e magnésio.<hr/>Abstract Brazil is one of the largest consumers and producers of the common bean (Phaseolus vulgaris, L.), one of the major sources of protein and iron and other nutrients, besides being easy to cultivate and cook. Studies have shown anaemia to be the most serious nutritional problem in Brazil and the inclusion of biofortified basic foods could help in reducing it. The objective of this paper was to analyse and statistically compare the proximate composition and mineral content of raw and cooked grains of two bean cultivars: black and pinto, and two biofortified cultivars: BRS esplendor and BRS pontal. The ground raw beans and the cooked beans were evaluated with respect to their moisture, ash, protein, lipids, carbohydrates, iron, potassium, magnesium and sodium contents. The results were submitted to an analysis of variance and the means compared by the Tukey test (p&lt;0.05). The use of biofortified beans is of promise to reduce the incidence of anaemia, since the results showed that biofortification increased the iron, potassium and magnesium contents. <![CDATA[Determinação da presença de coliformes termotolerantes em águas de coco produzidas e envasadas no Nordeste brasileiro]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1981-67232018000100600&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Coconut water is considered to be a natural isotonic drink and its marketing is gradually increasing. The objective of the present study was to evaluate the microbiological quality of the coconut water produced and bottled in the Northeast of Brazil. Products form ten industries from different states in the Northeast of Brazil were analyzed. The most probable number (MPN) method was used to quantify the coliforms. Samples showing positive for coliforms were seeded on ChromAgar Orient plates and the bacteria identified from isolated colonies using the automated system Vitek 2 (BioMérieux), according to the manufacturer's instructions for the preparation of the inoculum, incubation, reading and interpretation. The samples showed thermotolerant coliform counts between 6.0×102 and 2.6×104 MPN/100 mL. The presence of Klebsiella pneumoniae, Morganella morganii and Providencia alcalifaciens was observed. The implementation of preventive methods and monitoring of the water quality by the industries is required.<hr/>Resumo A água de coco é considerada uma bebida natural isotônica e sua comercialização tem aumentado gradualmente. O objetivo do presente estudo foi avaliar a qualidade microbiológica da água de coco produzida e engarrafada na Região Nordeste do Brasil. Produtos de dez indústrias de diferentes estados foram analisados. Para a quantificação de coliformes, foi aplicada metodologia de Número Mais Provável (NMP). As amostras positivas para coliformes foram semeadas em placas de ChromAgar Orient e, a partir de colônias isoladas, foi realizada a identificação bacteriana, utilizando-se o sistema automatizado Vitek 2 (BioMérieux), de acordo com as instruções do fabricante para a preparação do inóculo, a incubação, a leitura e a interpretação. As amostras apresentaram contagem de coliformes termotolerantes entre 6,0×102 e 2,6×104 NMP/100 mL. Foi observada a presença de Klebsiella pneumoniae, Morganella morganii e Providencia alcalifaciens. A implementação de métodos de prevenção e monitoramento da qualidade da água pelas indústrias é necessária. <![CDATA[O <em>workshop</em> ingredientes, alimentos processados funcionais e saúde no âmbito das atividades do Agropolo Campinas-Brasil]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1981-67232018000100900&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Coconut water is considered to be a natural isotonic drink and its marketing is gradually increasing. The objective of the present study was to evaluate the microbiological quality of the coconut water produced and bottled in the Northeast of Brazil. Products form ten industries from different states in the Northeast of Brazil were analyzed. The most probable number (MPN) method was used to quantify the coliforms. Samples showing positive for coliforms were seeded on ChromAgar Orient plates and the bacteria identified from isolated colonies using the automated system Vitek 2 (BioMérieux), according to the manufacturer's instructions for the preparation of the inoculum, incubation, reading and interpretation. The samples showed thermotolerant coliform counts between 6.0×102 and 2.6×104 MPN/100 mL. The presence of Klebsiella pneumoniae, Morganella morganii and Providencia alcalifaciens was observed. The implementation of preventive methods and monitoring of the water quality by the industries is required.<hr/>Resumo A água de coco é considerada uma bebida natural isotônica e sua comercialização tem aumentado gradualmente. O objetivo do presente estudo foi avaliar a qualidade microbiológica da água de coco produzida e engarrafada na Região Nordeste do Brasil. Produtos de dez indústrias de diferentes estados foram analisados. Para a quantificação de coliformes, foi aplicada metodologia de Número Mais Provável (NMP). As amostras positivas para coliformes foram semeadas em placas de ChromAgar Orient e, a partir de colônias isoladas, foi realizada a identificação bacteriana, utilizando-se o sistema automatizado Vitek 2 (BioMérieux), de acordo com as instruções do fabricante para a preparação do inóculo, a incubação, a leitura e a interpretação. As amostras apresentaram contagem de coliformes termotolerantes entre 6,0×102 e 2,6×104 NMP/100 mL. Foi observada a presença de Klebsiella pneumoniae, Morganella morganii e Providencia alcalifaciens. A implementação de métodos de prevenção e monitoramento da qualidade da água pelas indústrias é necessária.