Scielo RSS <![CDATA[Acta Limnologica Brasiliensia]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=2179-975X20150004&lang=pt vol. 27 num. 4 lang. pt <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <![CDATA[Trichoptera (Insecta) em raízes de aguapé: avaliação da influência de mexilhão exótico e fatores ambientais]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2179-975X2015000400341&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Aim: Information on the influence of mussel macrofouling in invertebrate communities usually have the initial assumption of negative interference. Methods We analyzed this relationship in a community of aquatic invertebrates associated to roots of Eichhornia crassipes in 15 shallow marginal lakes in the Pantanal National Park and surroundings. We sampled quadrants of floating vegetation, identified the aggregate fauna and evaluated the density effect of Limnoperna fortunei, as well as abiotic factors of the Trichoptera community using ordinances and multivariate regressions. Results We found no significant relationship between the abundance of mussels on the macrophytes and the Trichoptera larvae. However, we observed an interference of oxygen on the structure and density of genera. The composition and abundance of the phytophylous caddisfly community is influenced by the depth and the concentration of oxygen dissolved in the marginal regions of the lakes. Conclusions We suggest that the absence of the effects of the assessed L. fortunei in the community is related to the 'biotic resistance', in which the phytophylous caddisfly demonstrated adaptation to an environment characterized by hypoxic conditions in the dry season. L. fortunei was limited by the depth and reduction of oxygen, presenting lower density in lakes with such characteristics.<hr/> Resumo: Objetivo Informações sobre a influência de macroaglomerados de mexilhão em comunidades de invertebrados geralmente apresentam o pressuposto inicial de interferência negativa. Métodos Analisamos essa relação em uma comunidade de invertebrados aquáticos associados a raízes de Eichhornia crassipes em 15 lagoas marginais rasas, no Parque Nacional do Pantanal e áreas adjacentes. Amostramos quadrantes da vegetação flutuante, identificamos a fauna associada e avaliamos o efeito da abundância de Limnoperna fortunei e fatores abióticos sobre a comunidade de Trichoptera, utilizando ordenações e regressões multivariadas. Resultados Não encontramos relação significativa da abundância de mexilhão nas macrófitas sob as larvas Trichoptera. Entretanto, observamos a interferência do oxigênio na estrutura e abundância dos gêneros. A composição e abundância da comunidade de tricópteros fitófilos é influenciada pela profundidade e oxigênio dissolvido na região marginal das lagoas. Conclusões Sugerimos que a ausência de efeitos de L. fortunei na comunidade avaliada está relacionada com a 'resistência biótica' na qual os tricópteros fitófilos demonstraram adaptação ao ambiente caracterizado por condições de hipoxia na estação seca, enquanto que L. fortunei foi limitado pela profundidade e redução de oxigênio, apresentando menores densidades em lagoas com essas características. <![CDATA[Macroinvertebrados de águas correntes do Irã: uma revisão]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2179-975X2015000400356&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract A comprehensive review of macroinvertebrate studies conducted along the Iranian running waters over the last 15 years has been made by providing the most updated checklist of the Iranian running waters benthic invertebrates. Running waters ecosystems are complex environments known for their importance in terms of biodiversity. As part of the analysis, we endeavored to provide the critical re-identification of the reported species by through comparisons with the database of the Animal Diversity Web (ADW) and appropriate literature sources or expert knowledge. A total of 126 species belonging to 4 phyla have been compiled from 57 references. The phylum Arthropoda was found to comprise the most taxa (n = 104) followed by Mollusca, Annelida and Platyhelminthes. Ongoing efforts in the Iranian running waters regarding biomonitoring indices development, testing, refinement and validation are yet to be employed in streams and rivers. Overall, we suggest that future macroinvertebrate studies in Iranian running waters should be focused on long-term changes by broadening target species and strong efforts to publish data in peer-reviewed journals in English.<hr/>Resumo Este trabalho contém uma ampla revisão sobre os estudos de macroinvertebrados realizados em águas correntes iranianas ao longo dos últimos 15 anos com o objetivo de fornecer um checklist de invertebrados bentônicos. Ecossistemas de águas correntes são ambientes complexos e conhecidos por sua importância para a biodiversidade. Como parte da análise, nós nos esforçamos para oferecer uma re-identificação crítica das espécies encontradas comparando-as com o banco de dados da Animal Diversity Web (ADW) e com fontes bibliográficas adequadas ou conhecimento especializado. Um total de 126 espécies de 4 filos foram compiladas em 57 publicações. O filo Arthropoda é o que contém o maior número de taxa (n = 104), seguido de Mollusca, Annelida e Platyhelminthes. Os esforços atuais em ambientes aquáticos do Irã estão relacionados ao desenvolvimento de índices de biomonitoramento, testes, refinamento e validação para serem utilizados em córregos e rios. Em uma visão geral, nós sugerimos que estudos futuros sobre macroinvertebrados em águas iranianas devam ser focados em mudanças de longo prazo, na ampliação do conhecimento de espécies-alvo e em fazer fortes esforços para publicar os resultados em revistas científicas na língua inglesa. <![CDATA[Qualidade das águas de quatro reservatórios da Região Metropolitana de São Paulo, Brazil]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2179-975X2015000400370&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Aim: This paper describes some limnological variables of four reservoirs with different trophic status (Billings, Guarapiranga, Jundiaí and Paiva Castro) of the Metropolitan Region of São Paulo, Brazil, aiming to characterize the water quality in these reservoirs. Methods Water sampling occurred between October 2011 and September 2012, on subsurface, at the pelagic compartment. Physical and chemical characteristics of water were evaluated, and the Trophic State Index (TSI) was calculated. Multivariate Principal Components Analysis (PCA) was used to ordinate sampling sites and periods in relation to environmental data. Results Two reservoirs were classified as eutrophic (Billings and Guarapiranga), one as mesotrophic (Jundiaí) and one as oligotrophic (Paiva Castro). The highest concentrations of total phosphorus, nitrogen and chlorophyll a were recorded in the eutrophic reservoirs. The lowest values of dissolved oxygen concentration were registered at Guarapiranga reservoir. Residence time in Paiva Castro reservoir was very low (one day); on the other hand, the highest value was recorded in Billings reservoir: 428 days.<hr/> Resumo Objetivo: O trabalho descreve alguns parâmetros limnológicos de quatro reservatórios com estados tróficos diferentes (Billings, Guarapiranga, Jundiaí e Paiva Castro) da Região Metropolitana de São Paulo, Brasil, com o objetivo de caracterizar a qualidade da água nesses ambientes. Métodos As amostragens foram realizadas entre outubro de 2011 e setembro de 2012, na subsuperfície, no compartimento pelágico. Foram avaliadas características físicas e químicas da água e calculado o Índice de Estado Trófico (IET). Análise multivariada de Componentes Principais (ACP) foi utilizada ordenando os pontos e períodos de coleta em relação aos dados ambientais. Resultados Dois reservatórios foram classificados como eutróficos (Billings e Guarapiranga), um como mesotrófico (Jundiaí) e um como oligotrófico (Paiva Castro). As maiores concentrações de fósforo total, nitrogênio e clorofila-a foram registradas nos reservatórios eutróficos. Os menores valores de oxigênio dissolvido foram registrados no Guarapiranga. O tempo de residência no reservatório Paiva Castro foi muito baixo (um dia), enquanto que o maior valor foi registrado no reservatório Billings: 428 dias. <![CDATA[Estrutura trófica da fauna de peixes ao longo do gradiente longitudinal de um riacho rural de primeira ordem]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2179-975X2015000400381&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Aim: This study evaluated the trophic structure of the fish assemblage along the longitudinal gradient of a first-order rural stream. Methods Fish were sampled by electrofishing technique in December 2007, September 2008 and March 2009, at three stretch of the Itiz stream (headwater, middle and mouth). We sampled 1,255 individuals relating to 18 species. The categorization of trophic guilds was based on stomach content data of 1,096 individuals, analyzed according to the volumetric method, except for four species, which were classified according to the literature. To test the hypothesis of differences in the richness, abundance and biomass of trophic guilds along the headwater-mouth gradient, it was performed non-parametric statistical analysis of the dietary data. Was also calculated, the amplitude of trophic niche (Levins's index) for each guild. To summarize the composition and abundance of the trophic guilds along the longitudinal gradient, we applied a non-metric multidimensional scaling (NMDS). Results We registered seven guilds: herbivorous, detritivorous, aquatic insectivorous, terrestrial insectivorous, invertivorous, omnivorous and piscivorous, the latter was exclusive to headwater and middle stretches. The omnivorous guild was not recorded in the headwater. Through PERMANOVA analysis it was found that the species richness of more specialized guilds (detritivorous and insectivorous terrestrial) and of generalist invertivorous increased, while less specialized guilds like aquatic insectivorous and herbivorous, decrease significantly in headwater-mouth direction. Except by the non-expected increase of insectivorous terrestrial and decrease of herbivorous downstream, the non-metric multidimensional scaling (NMDS) identified longitudinal variations in abundance and biomass of the guilds that agree with general patterns of fish guilds distribution along environmental gradients. Conclusion These results suggest that the influence of environmental conditions around the stream (local particularities) also contributed to the formation of the observed patterns of trophic guilds along its longitudinal gradient.<hr/> Resumo Objetivo: Este estudo avaliou a estrutura trófica de uma assembleia de peixes ao longo do gradiente longitudinal de um riacho rural de primeira ordem. Métodos As amostragens foram realizadas em dezembro de 2007, setembro de 2008 e março de 2009, em três pontos do riacho Itiz (montante, meio e foz), através da técnica de pesca elétrica. Foram amostrados 1.255 indivíduos referentes a 18 espécies. A categorização das guildas tróficas foi baseada em dados de conteúdo estomacal de 1.096 indivíduos, analisados de acordo com o método volumétrico, exceto para quatro espécies, que foram classificadas de acordo com a literatura. Para testar a hipótese de que existem diferenças na riqueza, abundância e biomassa de guildas tróficas no sentido cabeceira-foz, foi realizada análise estatística não-paramétrica sobre os dados da dieta. Calculou-se também, a amplitude de nicho trófico (Levins's index) para cada guilda. Para sumarizar os dados de composição e abundância das guildas ao longo do gradiente longitudinal, foi aplicado uma análise de escalonamento multidimensional não-métrico (NMDS). Resultados Foram registradas sete guildas: herbívora, detritívora, insetívora aquática, insetívora terrestre, invertívora, onívora e piscívora, esta última sendo exclusiva para os trechos da cabeceira e meio do riacho. A guilda onívora não foi registrada na cabeceira. Através da análise PERMANOVA verificou-se que a riqueza de espécies das guildas mais especializadas (detritívora e insetívora terrestre) e da generalista invertívora, aumentou, enquanto as guildas menos especializadas (insetívora aquática e herbívora), diminuiu significativamente em direção cabeceira-foz. Exceto pelo aumento não esperado de insetívora terrestre e diminuição de herbívora rio abaixo, o escalonamento multidimensional não-métrico (NMDS) identificou variações longitudinais na abundância e biomassa das guildas que corroboram os padrões gerais de distribuição das guildas tróficas dos peixes ao longo de gradientes ambientais. Conclusão Estes resultados sugerem que a influência das condições ambientais do entorno do riacho (particularidades locais) também contribui para a formação dos padrões de guildas tróficas observados ao longo do gradiente longitudinal. <![CDATA[Diversidade e composição da Assembléia das larvas de Trichoptera (Insecta) em riachos com diferentes condições ambientais na Serra da Bocaina, Sudeste do Brasil]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2179-975X2015000400394&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract: Aim The goal of this study is to examine the composition and richness of caddisfly assemblages in streams at the Serra da Bocaina Mountains, Southeastern Brazil, and to identify the main environmental variables, affecting caddisfly assemblages at the streams with different conditions of land use. Methods The sampling was conducted in 19 streams during September and October 2007. All sites were characterized physiographically by application of environmental assessment protocol to Atlantic Forest streams and by some physical and chemical parameters. Of the 19 streams sampled, six were classified as reference, six streams as intermediate (moderate anthropic impact) and seven streams as poor (strong anthropic impact). In each site, a multi-habitat sampling was taken with a kick sampler net. The sample was composed by 20 units, each one corresponded to 1 m2 of collected substrate, corresponding 20 m2 of sampling area. The material was placed in a plastic container (500 µm of mesh), washed, homogenized and sub-sampled. For each stream, 6 subsamples were randomly sorted. Results Were collected 2,113 caddisfly larvae, belonging to 12 families and 28 genera. Hydropsychidae and Leptoceridae were the most abundant families, and Smicridea was the most abundant genus. Sorensen’s index results showed that the streams studied were grouped according to environmental integrity. The Indicator Species Analysis showed only characteristic taxa to reference streams. Canonical Correspondence Analysis showed that caddisfly assemblage was strongly influenced by nitrate concentration, pH and condition of riparian vegetation. Multiple regression analysis indicated significant correlations to five genera with some environmental parameters, besides total abundance of Trichoptera. Conclusions Ours results showed that degree of environmental impact, mainly the nitrate concentration, pH, and condition of cover vegetation acted as a major factor in determining the Trichoptera assemblages present in the stream of the Serra da Bocaina, separating streams along an environmental gradient.<hr/> Resumo: Objetivo Este trabalho teve como objetivo examinar a composição e riqueza da assembleia de larvas de Trichoptera em rios na Serra da Bocaina, Sudeste do Brasil, e identificar as principais variáveis ambientais, que afetam os mesmos rios com diferentes condições de uso da terra. Métodos As amostragens foram feitas em 19 riachos em setembro e outubro de 2007. Cada riacho foi caracterizado fisiograficamente, através da aplicação de um protocolo de avaliação ambiental para rios de Mata Atlântica, e parâmetros físicos e químicos. Dos 19 rios amostrados, seis foram classificados como referência, seis como intermediários (moderado impacto antrópico) e sete como pobres (forte impacto antrópico). Em cada riacho, foi feita uma amostragem multi-habitat com uma rede de “kick”. Cada amostra foi composta por 20 unidades, sendo cada uma correspondente a 1 m2 de substrato coletado, totalizando 20 m2 de área amostrada. O material coletado foi colocado em um organizador, lavado, homogeneizado e sub-amostrado, sendo retiradas seis sub-amostras aleatoriamente. Resultados Foram coletadas 2.113 larvas de Trichoptera, pertencentes a 12 famílias e 28 gêneros. Hydropsychidae e Leptoceridae foram as famílias mais abundantes e Smicridea o gênero mais abundante. O índice de Sorensen mostrou que os rios estudados foram agrupados de acordo com a integridade ambiental. Análise de Espécies Indicadoras mostrou táxons característicos apenas para os rios preservados. A CCA mostrou que a assembleia de Trichoptera foi influenciada pela concentração de nitrato, pH e condição da vegetação ripária. A regressão múltipla mostrou correlação significativa da abundância de cinco gêneros com alguma variável ambiental, além da abundância total de Trichoptera. Conclusões Nossos resultados indicaram que o grau de impacto ambiental, principalmente a concentração de nitrato e a condição da cobertura vegetal, agiram como um dos principais fatores em determinar a assembléia de Trichoptera presente nos riachos da Serra da Bocaina, separando os rios ao longo de um gradiente ambiental <![CDATA[Distribuição das comunidades de Arquéias e Bactérias em um reservatório subtropical.]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2179-975X2015000400411&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Aim: Microbial communities play a central role in environmental process such as organic matter mineralization and the nutrient cycling process in aquatic ecosystems. Despite their ecological importance, variability of the structure of archaeal and bacterial communities in freshwater remains understudied. Methods In the present study we investigated the richness and density of archaea and bacteria in the water column and sediments of the Itupararanga Reservoir. We also evaluated the relationship between the communities and the biotic and abiotic characteristics. Samples were taken at five depths in the water column next to the dam and three depths next to the reservoir entrance. Results PCR-DGGE evaluation of the archaeal and bacterial communities showed that both were present in the water column, even in oxygenated conditions. Conclusions The density of the bacteria (qPCR) was greater than that of the archaea, a result of the higher metabolic plasticity of bacteria compared with archaea.<hr/> Resumo: Objetivo As comunidades microbianas desempenham papel crucial nos processos ambientais como na mineralização de matéria orgânica e ciclagem de nutrientes em ambientes aquáticos. No entanto, apesar da importância ecológica de archaea e bactéria em ambientes aquáticos, a estrutura destas comunidades permanece pouco estudada. Métodos Neste sentido, nos avaliamos a riqueza e densidade de archaea e bactéria na coluna d’água e no sedimento do reservatório de Itupararanga e avaliamos as relações entre os fatores bióticos e abióticos. Para tanto, amostragens foram realizadas em cinco profundidades na região próxima a barragem e em três profundidades no ponto da entrada. Resultados A partir de PCR-DGGE observou-se que ambas as comunidades distribuíram-se ao logo dos pontos de amostragem, mesmo em condições com presença de oxigênio. Conclusões A densidade bacterianas, avaliada por qPCR foi maior do que a de archaea, provavelmente devido a maior plasticidade metabólica desses microrganismos. <![CDATA[Técnicas geoestatísticas aplicadas ao mapeamento de variáveis limnológicas e quantificação da incerteza associada às estimativas]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2179-975X2015000400421&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Aim: This study aimed to map the concentrations of limnological variables in a reservoir employing semivariogram geostatistical techniques and Kriging estimates for unsampled locations, as well as the uncertainty calculation associated with the estimates. Methods: We established twenty-seven points distributed in a regular mesh for sampling. Then it was determined the concentrations of chlorophyll-a, total nitrogen and total phosphorus. Subsequently, a spatial variability analysis was performed and the semivariogram function was modeled for all variables and the variographic mathematical models were established. The main geostatistical estimation technique was the ordinary Kriging. The work was developed with the estimate of a heavy grid points for each variables that formed the basis of the interpolated maps. Results: Through the semivariogram analysis was possible to identify the random component as not significant for the estimation process of chlorophyll-a, and as significant for total nitrogen and total phosphorus. Geostatistical maps were produced from the Kriging for each variable and the respective standard deviations of the estimates calculated. These measurements allowed us to map the concentrations of limnological variables throughout the reservoir. The calculation of standard deviations provided the quality of the estimates and, consequently, the reliability of the final product. Conclusions: The use of the Kriging statistical technique to estimate heavy mesh points associated with the error dispersion (standard deviation of the estimate), made it possible to make quality and reliable maps of the estimated variables. Concentrations of limnological variables in general were higher in the lacustrine zone and decreased towards the riverine zone. The chlorophyll-a and total nitrogen correlated comparing the grid generated by Kriging. Although the use of Kriging is more laborious compared to other interpolation methods, this technique is distinguished for its ability to minimize the variance of the estimate and provide the estimated value of the degree of uncertainty.<hr/>Resumo Objetivo: Este estudo teve como objetivo mapear as concentrações de variáveis limnológicas em um reservatório empregando-se as técnicas geoestatísticas de variografia e krigagem para as estimativas em locais não amostrados, assim como, o cálculo da incerteza associada aos valores estimados. Métodos: Foram estabelecidos vinte e sete pontos distribuídos em uma malha regular para a amostragem. Em seguida foram determinadas as concentrações de clorofila-a, nitrogênio total e fósforo total. Subsequentemente, realizou-se uma análise de variabilidade espacial e a função semivariograma foi modelada para todas as variáveis e os modelos matemáticos variográficos estabelecidos. A técnica de estimativa geoestatística empregada foi a krigagem ordinária. O trabalho se desenvolveu com a estimativa de uma malha densa de pontos (grid) para cada uma das variáveis que constituiu a base dos mapas interpolados. Resultados: Por meio da análise variográfica foi possível identificar a componente aleatória como pequena para o processo de estimativa da clorofila-a e como expressiva para o nitrogênio total e fósforo total. Foram elaborados os mapas geoestatísticos a partir da krigagem para cada variável e calculados os respectivos desvios padrão das estimativas. Essas medidas permitiram mapear as concentrações das variáveis limnológicas por todo o reservatório. O cálculo dos desvios padrão forneceu a qualidade das estimativas e, consequentemente, a confiabilidade do produto final. Conclusões: A utilização da técnica Geoestatística de krigagem na estimativa de malhas densas, associada à dispersão da incerteza (desvio padrão da estimativa), possibilitou a confecção de mapas qualificados e confiáveis das variáveis estimadas. As concentrações das variáveis limnológicas de um modo geral foram mais elevadas na região lacustre e diminuíram em direção ao tributário. A clorofila-a e o nitrogênio total apresentaram correlação comparando-se as malhas geradas pela krigagem. Embora o emprego da krigagem seja mais trabalhoso, quando comparado com outros métodos de interpolação, essa técnica destaca-se por sua capacidade de minimizar a variância da estimativa e por fornecer o grau de incerteza do valor estimado. <![CDATA[Influência da variação do nível d’água sobre características limnológicas de duas lagoas de planície de inundação (Vale do Ribeira do Iguape, São Paulo, Brazil)]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2179-975X2015000400431&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Aim: Current study assessed the influence of hydrometric levels on the limnological characteristics of two river floodplain systems in the Ribeira do Iguape Basin (state of São Paulo, Brazil). Methods: Rainfall data were collected dailyfrom an automatic weather station in Jacupiranga SP Brazil and daily hydrometric level records were obtained from automatic linigraphs installed on the two adjacent rivers. Moreover, pH, electrical conductivity and dissolved oxygen were measured by a multiparametric probe. Water samples were collected to analyze nitrate, ammoniac nitrogen, total nitrogen and phosphorus, total alkalinity and suspended material. The samplings were carried out in April and July, representative months for low and high water periods, respectively. Results and Conclusions: Statistical analysis highlighted the “effect of homogenization”, attributed to the hydrological pulses in several studies carried out in river-floodplain systems. This effect in current study was more underscored at Lagoon 2, which remained connected for a longer period with the adjacent river, when compared to Lagoon 1- River Jacupiranguinha system. Higher dissolved oxygen concentrations at Lagoon 2, in contrast with the Lagoon 1 featuring anoxia during the whole period under analysis, were also attributed to the above-mentioned greater hydrological connectivity. Current study highlights that the water-mediated transferences during the high water period may contribute not only towards the fertilization of marginal lagoons (inputs of nutrients and organic matter) but also to significant pollutant loads, according to land use along the watersheds. In the case of Lagoon 1- River Jacupiranguinha system, even though further studies are needed and strongly recommended, it is reasonable to assume that the discharges of mining effluents into the river may result in ecological damage not only to the receiving water body but also to the connected ecosystems.<hr/>Resumo: Objetivo. O objetivo deste trabalho foi avaliar a influência da variação dos níveis hidrométricos sobre as características limnológicas de dois sistemas de rio-planície localizados na Bacia do Ribeira do Iguape (São Paulo - SP). Material e Métodos. Dados diários de precipitação foram obtidos a partir de uma estação instalada na cidade de Jacupiranga, enquanto registros diários de níveis hidrométricos foram obtidos de linígrafos automáticos instalados nos respectivos rios. Medidas de pH, condutividade elétrica e oxigênio dissolvido foram realizadas com sonda multiparâmetros. Amostras de água foram coletadas para análise de nitrato, nitrogênio amoniacal, nitrogênio total, fósforo total, alcalinidade e material em suspensão. As amostras foram coletadas em abril e julho, meses representativos dos períodos de águas altas e baixas, respectivamente. Resultados e Conclusão. A análise estatística dos dados evidenciou o “efeito de homogeneização”, atribuído aos pulsos hidrológicos em outras pesquisas realizadas em sistemas rios-planícies de inundação. Em nosso estudo, este efeito foi mais evidente na Lagoa 2, a qual permaneceu mais tempo conectada ao rio adjacente quando comparada ao sistema Lagoa 1-Rio Jacupiranguinha. As maiores concentrações de oxigênio dissolvido observadas na Lagoa 2, em comparação com a Lagoa 1, anóxica durante o período de estudo, também foi atribuída à sua maior conectividade hidrológica. O estudo também mostrou que as transferências mediadas pela água durante o período de águas altas pode contribuir não somente para a fertilização das lagoas marginais (entrada de nutrientes e matéria orgânica), mas também para o aporte de cargas poluidoras, dependendo do uso do solo ao longo das bacias de drenagem. No caso do sistema Lagoa 1-Rio Jacupiranguinha, embora estudos posteriores sejam necessários, é razoável assumir que as descargas de efluentes de mineração podem resultar em prejuízos ecológicos não somente ao corpo d’água receptor, mas também aos ecossistemas conectados. <![CDATA[Distribuição espacial e temporal do fitoplâncton em lagoas de estabilização subtropicais]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2179-975X2015000400441&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Aim: This study aimed at analyzing the phytoplankton community in two stabilization ponds of a subtropical region regarding spatial and temporal composition, richness, and abundance, as well as the respective relationships with local abiotic factors. For this purpose, we tested the hypothesis that eutrophic discharges of sewage results in the maintenance of high-density phytoplankton community, mainly Cyanobacteria and Chlorophyceae, both spatially and seasonally, as well as the occurrence of a spatial and seasonal similarity between phytoplankton richness and density in stabilization ponds. Methods: We carried out monthly samplings of the phytoplankton community and environmental variables, between March 2011 and February 2012, in two stabilization ponds located in the city of Cascavel, West Paraná State, Brazil. Results: We observed that the sampled months presented a clear distinction regarding environmental variability, which did not occur for the ponds. We identified 39 taxa, with Cyanobacteria as the most representative group both in richness and density. We records low diversity and evenness of species and low phytoplankton spatial and temporal variability without significant differences between the richness and density mean values according to the periods and sampling station. Conductivity, nutrients, dissolved oxygen and turbidity were the major structuring environmental variables of phytoplankton. Conclusion: Our results corroborated our hypotheses considering the similar spatial and temporal phytoplankton distributions because of abiotic conditions behaving similarly, as well as the direct connection of the ponds. This paper points out the importance of such studies to proper management, including cyanobacteria control and operational decisions regarding stabilization ponds and the export of undesirable inoculum for receiving water bodies.<hr/>Resumo Objetivo: Este estudo objetivou analisar a comunidade fitoplanctônica em duas lagoas de estabilização de uma região subtropical em relação à composição, riqueza e abundância espacial e temporal, assim como sua respectiva relação com fatores abióticos locais. Para este propósito, nós testamos as hipóteses de que descargas eutróficas de esgotos resultam na manutenção de uma alta densidade da comunidade fitoplanctônica, principalmente Cyanobacteria e Chlorophyceae, ambos espacial e sazonalmente, assim como a ocorrência de uma similaridade espacial e sazonal entre riqueza e densidade fitoplanctônica nas lagoas de estabilização. Métodos: Nós realizamos coletas mensais da comunidade fitoplanctônica e variáveis ambientais, entre março de 2011 e fevereiro de 2012, em duas lagoas de estabilização localizadas na cidade de Cascavel, oeste do estado do Paraná, Brasil. Resultados: Nós observamos que os meses amostrados apresentaram uma clara distinção em relação à variabilidade ambiental, o que não aconteceu para as lagoas. Nós identificamos 39 táxons, com Cyanobacteria como o grupo mais representativo, tanto em riqueza como em densidade. Nós registramos baixa diversidade e equitabilidade das espécies e baixa variabilidade espacial e temporal do fitoplâncton, sem diferenças significativas entre os valores médios de riqueza e densidade de acordo com os períodos e estações de amostragem. Condutividade, nutrientes, oxigênio dissolvido e turbidez foram as principais variáveis ambientais estruturadoras do fitoplâncton. Conclusão: Nossos resultados corroboram nossas hipóteses considerando a distribuição espacial e temporal similar do fitoplâncton devido ao comportamento similar das condições abióticas bem como da conexão direta das lagoas. Este trabalho indicou a importância de tais estudos para o manejo adequado, incluindo controle de cianobactérias e as decisões operacionais nas lagoas de estabilização e a exportação de inóculos indesejáveis para os corpos receptores. <![CDATA[Predação de ninfas de <em>Erythemis</em> (Odonata) sobre Crironomidae (Diptera) e Elmidae (Coleoptera) em diferentes condições de complexidade do habitat]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2179-975X2015000400454&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Abstract Aim: The goal of this study was to analyze the effects of predation by nymphs of Erythemis Hagen, 1861 on Elmidae and Chironomidae and to check if the presence and the architecture of aquatic macrophytes may mediate this interaction. Methods: All prey as well as nymphs were captured near macrophytes in a small lagoon alongside a highway near Humaitá, Amazonas, Brazil. Twelve buckets were used in three different treatments: with Pistia stratiotes Linnaeus, 1753, with Salvinia auriculata Aublet and without macrophytes. Results: We found a mortality rate of 100% of Chironomidae and Elmidae larvae in the treatment without macrophytes. There was a greater survival of Elmidae compared to Chironomidae in the treatments with P. stratiotes and S. auriculata; however, there was a greater survival of both preys on treatment with P. stratiotes. Conclusions: We conclude that the presence of macrophytes decreased the efficiency of predation of Erythemis nymphs under experimental conditions. The architecture of macrophytes affected predation as macrophytes with longer roots and with greater habitat complexity promoted a greater survival of prey.<hr/>Resumo Objetivo: Os objetivos deste trabalho foram analisar os efeitos da predação de ninfas de Erythemis Hagen, 1861 sobre Elmidae e Chironomidae, e verificar se a presença e a arquitetura de macrófitas podem mediar essa interação. Métodos: Todas as presas bem como as ninfas foram capturadas em uma pequena lagoa lateral a rodovia BR319 que passa pelo município de Humaitá, Amazonas. Doze baldes foram utilizados nos três diferentes tratamentos: Pistia stratiotes Linnaeus, 1753, Salvinia auriculata Aublet e sem macrófitas. Dez larvas de Coleoptera, dez larvas de Chironomidae e duas ninfas de Erythemis foram utilizadas em cada tratamento. Resultados: Houve mortalidade de 100% das larvas de Chironomidae e Elmidae no tratamento sem macrófitas. Houve maior sobrevivência de Elmidae em comparação a Chironomidae nos tratamentos com P. stratiotes e S. auriculata, porém houve sobrevivência maior de ambas as presas no tratamento com P. stratiotes. Conclusões: A presença de macrófitas diminuiu a eficiência de predação das ninfas de Erythemis em condições experimentais. A arquitetura da macrófita afetou a predação, sendo que raízes mais longas e com maior complexidade do habitat propiciaram uma maior sobrevivência das presas.