SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.56 issue2SHAMELESS AUDIO DESCRIPTION: ACCESSIBILITY APPLIED TO EROTIC SCENES OF THE MOVIE FUTURE BEACH author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Trabalhos em Linguística Aplicada

On-line version ISSN 2175-764X

Abstract

SPOLIDORIO, Samira. MAPEANDO A TRADUÇÃO AUDIOVISUAL ACESSÍVEL NO BRASIL. Trab. linguist. apl. [online]. 2017, vol.56, n.2, pp.313-345. ISSN 2175-764X.  http://dx.doi.org/10.1590/010318138648885280741.

Termos como ‘acessibilidade midiática’ e ‘tradução audiovisual acessível’ vem se tornando cada vez mais comuns tanto na área acadêmica quanto na sociedade em geral. Essa popularização deve-se ao aumento significativo da legislação nacional e internacional visando à inclusão das pessoas com deficiências em todas as esferas sociais e, em especial, no que concerne ao âmbito cultural (NAVES et al., 2016). Com essa crescente produção legal, profissional e acadêmica, o Brasil apresenta um sólido e variado portfólio sobre o assunto que não deixa a desejar mesmo quando em comparação com países desenvolvidos. Porém, devido a barreiras linguísticas, nem sempre esse conteúdo recebe o destaque e reconhecimento internacional merecido. Para tentar facilitar a divulgação desse conteúdo, a Plataforma de Acessibilidade Midiática (MAP - Media Accessibility Platform) é uma poderosa ferramenta que visa centralizar informações variadas, desde cursos de formação e notícias até publicações e legislação específica, em um único ambiente digital de livre acesso na internet (GRECO et al., 2016). Infelizmente, até o momento, pouca informação sobre a produção brasileira no assunto foi inserida na plataforma. Então, é interesse desse artigo divulgar não só a MAP em si e destacar a importância de inserir a maior quantidade de dados sobre a produção brasileira sobre tradução audiovisual e acessibilidade midiática em âmbito internacional, mas também apresentar projeto de pesquisa “MAPeando a acessibilidade audiovisual no Brasil e alimentando a plataforma global de acessibilidade midiática (MAP)” do grupo de pesquisa “Tradução Audiovisual: quebrando barreiras linguísticas e de acessibilidade” da Universidade Metodista de Piracicaba (UNIMEP) que, atualmente, dedica-se a esse propósito.

Keywords : tradução audiovisual; acessibilidade; produção audiovisual acessível.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )