SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.23 issue3Voice and work: a study of determinants of changes through teachers’ discourseWe are information dealers: educational practices of endemic diseases’ battling agents at a service of zoonoses control in Belo Horizonte, Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Saúde e Sociedade

Print version ISSN 0104-1290

Abstract

FERREIRA, Vitor Sérgio. Artes e manhas da entrevista compreensiva. Saude soc. [online]. 2014, vol.23, n.3, pp.979-992. ISSN 0104-1290.  http://dx.doi.org/10.1590/S0104-12902014000300020.

O lugar que as entrevistas vieram a ocupar dentro da pesquisa social é muito mais relevante e equacionado de forma substancialmente diferente do passado. Ao sucesso das técnicas de entrevista ditas “semidirectivas” ou “semiestruturadas” próprias aos paradigmas estrutural-funcionalistas, tem-se seguido o uso de formas mais criativas de entrevistar. Entre estas, dá-se destaque neste artigo à entrevista compreensiva, uma técnica qualitativa de recolha de dados que articula formas tradicionais de entrevista semidiretiva com técnicas de entrevista de natureza mais etnográfica. Isto na medida em que a entrevista compreensiva é o culminar técnico e epistemológico do processo de criativização a que o uso das técnicas de entrevista tem sido recentemente sujeito na pesquisa social. Já não é necessariamente concebida como uma técnica neutra, estandardizada e impessoal de recolha de informação, mas como resultado de uma composição (social e discursiva) a duas vozes, em diálogo recíproco a partir das posições que ambos os interlocutores ocupam na situação específica de entrevista (de interrogador e de respondente). A aplicação da entrevista de tipo compreensivo pressupõe a obtenção de um discurso mais narrativo que informativo, resultado da intersubjectividade que se desenrola entre entrevistado e entrevistador. Tal exercício pressupõe da parte do entrevistador uma postura criativa e de improvisação na condução da entrevista, que requer artes e manhas específicas. Refletir sobre as condições de interação da entrevista enquanto situação excecional de comunicação, e os respetivos efeitos na produção de conhecimento e na epistemologia da pesquisa social, é o objetivo central deste artigo.

Keywords : Entrevista Compreensiva; Entrevistador Criativo; Improvisação; Interação Entrevistador/Entrevistado.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · English ( pdf ) | Portuguese ( pdf )