SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.11 suppl.1Transformations in curing practices in Rio de Janeiro during the first half of the eighteenth centuryMen of science in Brazil: colonial empires and the circulation of information (1780-1810) author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


História, Ciências, Saúde-Manguinhos

Print version ISSN 0104-5970On-line version ISSN 1678-4758

Abstract

FERREIRA, Luiz Otávio. Negócio, política, ciência e vice-versa: uma história institucional do jornalismo médico brasileiro entre 1827 e 1843. Hist. cienc. saude-Manguinhos [online]. 2004, vol.11, suppl.1, pp.93-107. ISSN 1678-4758.  https://doi.org/10.1590/S0104-59702004000400005.

Ao analisar o caso dos primeiros jornais médicos brasileiros - Propagador das Ciências Médicas (1827-1828); Semanário de Saúde Pública (1831-1833); Diário de Saúde (1835-1836); Revista Médica Fluminense (1835-1841); Revista Médica Brasileira (1841-1843) -, pretendemos demonstrar como o contexto sociocultural possibilitou o surgimento desse gênero de publicação no dinâmico e conturbado ambiente do Rio de Janeiro dos anos 1820 e 1830. Nosso argumento é o de que a trajetória inicial do jornalismo médico no Brasil teve como traço distintivo a simbiose entre negócio (interesses comerciais das casas editoras instaladas na Corte), política (conflitos relacionados a disputas pela hegemonia política, no contexto de consolidação do Estado imperial) e ciência (movimento de institucionalização e afirmação científica da medicina).

Keywords : medicina; jornais médicos; história do Brasil.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License