SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 issue27Compositional procedures employed in Pedro Miguel's Ponteio Nº 2 based on the modeling of Camargo Guarnieri's Ponteio Nº12Erwartung's expressionism facing the problem of musical fetishism author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Per Musi

Print version ISSN 1517-7599

Abstract

ALMADA, Carlos de Lemos. Simbologia e hereditariedade na formação de uma Grundgestalt: a primeira das Quatro Canções Op.2 de Berg. Per musi [online]. 2013, n.27, pp.75-88. ISSN 1517-7599.  http://dx.doi.org/10.1590/S1517-75992013000100008.

Integrando um amplo projeto de pesquisa que visa elaborar uma metodologia analítica específica para os procedimentos de variação progressiva, o presente estudo examina a possibilidade de existência de, por assim dizer, transmissão hereditária (extraopus) na construção da ideia primordial (ou Grundgestalt) de uma peça musical. Para isso, é analisada a primeira das Quatro Canções op.2, de Alban Berg, cuja Grundgestalt apresenta-se como um complexo formado por várias transformações de elementos-chave extraídos de três obras: Tristão e Isolda de Richard Wagner, a Primeira Sinfonia de Câmara op.9 de Arnold Schoenberg e a Sonata para Piano op.1, do próprio Berg.

Keywords : Grundgestalt e variação progressiva; simbologia musical; transmissão extraopus.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License