SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.73 issue1Effect of leaf essential oil from Piper solmsianum C.DC. in mice behaviourAlcohol and atherosclerosis author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Anais da Academia Brasileira de Ciências

Print version ISSN 0001-3765

Abstract

FURTADO, ANDRÉ L. S.; CASPER, PETER  and  ESTEVES, FRANCISCO A.. Bacterioplankton abundance, biomass and production in a Brazilian coastal lagoon and in two German lakes. An. Acad. Bras. Ciênc. [online]. 2001, vol.73, n.1, pp. 39-49. ISSN 0001-3765.  http://dx.doi.org/10.1590/S0001-37652001000100005.

A abundância, biomassa e produção bacterioplanctônica em uma lagoa tropical (lagoa Cabiúnas, Brasil) e em dois lagos temperados (lago Stechlin e lago Dagow, Alemanha) foram comparadas. A abundância e a produção bacteriana foram significativamente diferente entre os três ecossistemas aquáticos. A menor produção bacteriana ( 0.8mg C l-1 d-1) foi observada na lagoa Cabiúnas, apesar da alta temperatura da água e concentração de carbono orgânico dissolvido. A maior abundância ( 2.6 x 109 células l-1) e produção bacterioplanctônica ( 68.5mg C l-1 d-1) foram medidas no eutrófico lago Dagow. No oligotrófico lago Stechlin, foi observada a menor biomassa bacteriana ( 48.05mg C l-1), refletindo o menor volume ( 0.248mm3) e abundância bacteriana. Populações bacterianas nos lagos temperados mostraram maior atividade (razão produção/biomassa) que na lagoa tropical. O efeito da diluição isotópica e a incorporação de leucina por microorganismos não bacterianos foram avaliadas no ecossistema oligotrófico temperado. A absorção de leucina por microorganismos não bacterianos não influenciou significativamente a produção bacteriana.

Keywords : produção bacteriana; incorporação de leucina; lagoa tropical; lagos temperados.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English