SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.80 número2Sensitive and rapid titrimetric and spectrophotometric methods for the determination of stavudine in pharmaceuticals using bromate-bromide and three dyes índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Anais da Academia Brasileira de Ciências

versão impressa ISSN 0001-3765versão On-line ISSN 1678-2690

Resumo

AHMED, Mushtaq et al. The Brazilian time and frequency atomic standards program. An. Acad. Bras. Ciênc. [online]. 2008, vol.80, n.2, pp.217-252. ISSN 0001-3765.  http://dx.doi.org/10.1590/S0001-37652008000200002.

Relógios atômicos de feixe de Césio têm sido a base para diversas aplicações em ciência e tecnologia nas últimas quatro décadas. Testes de leis fundamentais de física, buscas por mínimas variações em constantes fundamentais, sincronização de redes de telecomunicações e o funcionamento do sistema de posicionamento global, baseado em satélites de navegação, não seriam possíveis sem os relógios atômicos. A adoção de técnicas de aprisionamento e resfriamento ópticos tem permitido um grande avanço na precisão dos relógios atômicos. Chafarizes de átomos frios e relógios compactos de átomos frios também têm sido desenvolvidos. Precisões de medida de algumas partes em 1015 foram demonstradas para relógios do tipo chafariz de átomos frios. Apresentamos uma visão geral do programa de metrologia de tempo e freqüência baseado em átomos de césio, em desenvolvimento na USP de São Carlos. Estas atividades consistem na construção e caracterização de relógios do tipo feixe atômico e de outros, utilizando átomos frios. Discutimos os princípios básicos, construção, avaliação e importantes aplicações de relógios atômicos no programa brasileiro.

Palavras-chave : Relógio atômico; átomos frios; tempo e freqüência; metrologia.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons