SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.81 issue3The role of research methodology in the rational use of technology in monitoring and preventing communication disordersParadoxical sleep deprivation: neurochemical, hormonal and behavioral alterations. Evidence from 30 years of research author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Anais da Academia Brasileira de Ciências

Print version ISSN 0001-3765

Abstract

RODRIGUES, Elaine G.; DOBROFF, Andrey S.; TABORDA, Carlos P.  and  TRAVASSOS, Luiz R.. Antifungal and antitumor models of bioactive protective peptides. An. Acad. Bras. Ciênc. [online]. 2009, vol.81, n.3, pp. 503-520. ISSN 0001-3765.  http://dx.doi.org/10.1590/S0001-37652009000300015.

Peptídeos são moléculas particularmente reativas produzidas por uma grande variedade de espécies, aptos a exercer um número de funções em organismos uni-e multicelulares como mediadores, agonistas e substâncias regulatórias. Alguns deles exercem efeitos citotóxicos em células outras das que os produzem, e podem ter um papel controlando subpopulações e protegendo certas espécies ou tipos celulares. No presente, focalizamos peptídeos antifúngicos e antitumorais e discutimos alguns modelos nos quais seqüências específicas e estruturas exercem efeitos inibitórios diretos ou estimulam uma resposta imune protetora. O peptídeo letal ("killer"), deduzido de um anticorpo anti-idiotípico, com várias atividades antimicrobianas bem como outros peptídeos derivados de imunoglobulinas com atividades citotóxicas incluindo efeitos antitumorais são modelos estudados in vitro e in vivo. O peptídeo P10 da gp43 de P. brasiliensis e a perspectiva de vacina contra a paracoccidioidomicose é outro tópico ilustrando o efeito protetor in vivo contra um fungo patogênico. Peptídeos antimicrobianos catiônicos com atividades antitumorais são os principais revistos aqui. O tratamento local do melanoma murino com o peptídeo gomesina é outro modelo estudado na Unidade de Oncologia Experimental (UNONEX) da UNIFESP.

Keywords : peptídeos bioativos; Paracoccidioides brasiliensis; células tumorais; peptídeo letal; melanoma; apoptose.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English