SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.81 número4Marine influence in the Barreiras Formation, State of Alagoas, northeastern BrazilFlood-dominated fluvio-deltaic system: a new depositional model for the Devonian Cabeças Formation, Parnaíba Basin, Piauí, Brazil índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Anais da Academia Brasileira de Ciências

versão impressa ISSN 0001-3765versão On-line ISSN 1678-2690

Resumo

TOLEDO, Mauro B. de; BARTH, Ortrud M.; SILVA, Cleverson G.  e  BARROS, Marcia A.. Testing multivariate analysis in paleoenvironmental reconstructions using pollen records from Lagoa Salgada, NE Rio de Janeiro State, Brazil. An. Acad. Bras. Ciênc. [online]. 2009, vol.81, n.4, pp.757-768. ISSN 0001-3765.  http://dx.doi.org/10.1590/S0001-37652009000400013.

Apesar da indiscutível importância da identificação de análogos modernos para estudos de Paleoecologia, relativamente poucos estudos procuraram integrar amostras modernas e fósseis em reconstruções paleoambientais. Na Palinologia este padrão não é diferente de outras áreas da Paleoecologia. Este estudo demonstra a aplicação prática de dados de deposição polínica atual em reconstruções paleoambientais baseadas em pólen fóssil utilizando análises multivariadas. O objetivo principal deste estudo foi o de usar a Análise de Correspondência Destendenciada (DCA) para comparar amostras palinoló-gicas de dois testemunhos coletados na Lagoa Salgada, uma laguna costeira localizada no nordeste do Rio de Janeiro. Além disso, amostras atuais foram comparadas estatisticamente com amostras de ambos os testemunhos, fornecendo novas interpretações paleoecológicas. DCA demonstrou que as amostras dos testemunhos são mais similares do que esperado inicialmente, e que existe um padrão consistente nos dados fósseis (relacionado a um evento paleoambiental), identificando claramente no diagrama de dispersão as amostras pré- e pós-distúr-bio. Além do mais, tornou-se aparente que a vegetação atual se estabeleceu na região 2500 anos antes do presente (AP). A análise multivariada permitiu uma integração mais confiável dos dados polínicos fósseis e atuais, confirmando ser uma ferramenta poderosa para estudos em Paleoecologia, e que certamente deveria ser empregada com mais freqüência em reconstruções paleoclimáticas e paleoambientais.

Palavras-chave : análise multivariada; reconstrução paleoam-biental; palinologia do Quaternário; Lagoa Salgada.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons