SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.84 issue2Recurring extensional and strike-slip tectonics after the Neoproterozoic collisional events in the southern Mantiqueira provinceU-Pb dating by zircon dissolution method using chemical abrasion author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Anais da Academia Brasileira de Ciências

Print version ISSN 0001-3765

Abstract

PLA CID, Jorge; CAMPOS, Cristiani S.; NARDI, Lauro V.S.  and  FLORISBAL, Luana. Petrology of Gameleira potassic lamprophyres, São Francisco Craton. An. Acad. Bras. Ciênc. [online]. 2012, vol.84, n.2, pp.377-398.  Epub May 08, 2012. ISSN 0001-3765.  http://dx.doi.org/10.1590/S0001-37652012005000030.

Os lamprófiros Gameleira são formados por diques e enclaves máficos microgranulares associados ao monzonito shoshonítico Gameleira. Esta associação pertence ao magmatismo alcalino Paleoproterozóico do núcleo Serrinha, nordeste do Brasil. A paragênese no liquidus é formada por diopsídio, pargasita, apatite e mica. Zonamento inverso foi identificado no feldspato alcalino da matriz e relacionado ao super-resfriamento do magma lamprofírico durante sua colocação, com alta taxa de crescimento da pargasita/edenita induzindo desequilíbrio entre os feldspatos e o líquido. Dados químicos indicam que os lamprófiros são rochas básicas (SiO2 < 48%), com caráter alcalino (Na2O + K2O > 3%) e assinatura potássica (K2O/Na2O ≈ 2). Elevados conteúdos de MgO e Cr são consistentes com uma assinatura primária, e tais concentrações, assim como os conteúdos de Al, K, P, Ba, Ni, e terras raras leves são consistentes com uma fonte mantélica metassomatizada sem olivine, enriquecida em anfibólio, clinopiroxênio e apatita. Por outro lado, os lamprófiros ultrapotássicos de Morro do Afonso, magmatismo alcalino contemporâneo no núcleo Serrinha, foram produzidos por uma fonte enriquecida em clinopiroxênio, flogopita e apatita. A identificação de diferentes paragênesis minerais na fonte de lamprófiros potássicos e ultrapotássicos do núcleo Serrinha pode contribuir para a compreensão das heterogeneidades do manto e a evolução tectônica desta região.

Keywords : lamprófiros potássicos; lamprófiros Gameleira; Cráton do São Francisco; metassomatismo mantélico; petrologia; mineralogia.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf epdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License