SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.53 número7Fatores associados ao equilíbrio funcional e à mobilidade em idosos diabéticos ambulatoriaisSecreção do hormônio do crescimento em resposta ao teste de estímulo com glucagon em homens saudáveis de meia-idade índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Arquivos Brasileiros de Endocrinologia & Metabologia

versão On-line ISSN 1677-9487

Resumo

SIQUEIRA, Luciano de Oliveira et al. Análise de parâmetros bioquímicos séricos e urinários em atletas de meia maratona. Arq Bras Endocrinol Metab [online]. 2009, vol.53, n.7, pp.844-852. ISSN 1677-9487.  http://dx.doi.org/10.1590/S0004-27302009000700008.

OBJETIVO: O objetivo do presente estudo foi analisar marcadores bioquímicos como marcadores de desempenho atlético, à luz de um contexto clínico e atlético. MÉTODOS: Foram coletadas amostras de sangue periférico (8 mL) e de urina (50 mL) de 20 maratonistas profissionais em repouso e 15 minutos após meia maratona. Em seguida, realizaram-se hemograma, exame de urina e análise de marcadores bioquímicos de função renal, lesão muscular e lipidograma. RESULTADOS: A análise estatística dos resultados mostrou um aumento significativo (p < 0,05) na atividade sérica das enzimas CK, CK-MM, CK-MB e LDH; na concentração sérica de creatinina, ferro sérico, leucócitos e neutrófilos. Por outro lado, triglicérides, VLDL e ácido úrico sérico apresentaram um decréscimo significativo. CONCLUSÃO: O presente estudo mostra que os atletas analisados apresentam alterações nos parâmetros bioquímicos de sangue e urina após uma prova dessa modalidade, o que demonstra a importância da realização de exames laboratoriais como forma de diagnóstico de distúrbios bioquímicos silenciosos.

Palavras-chave : Atletismo; análise química do sangue; lesões.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons