SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.54 issue6Recent progress and novel perspectives on obesity pharmacotherapyNitric oxide enhancement and blood pressure decrease in patients with metabolic syndrome using soy protein or fish oil author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Arquivos Brasileiros de Endocrinologia & Metabologia

Print version ISSN 0004-2730

Abstract

CAPELLINI, Verena Kise et al. Estresse oxidativo não está associado à disfunção vascular em um modelo de diabetes induzida por aloxana em ratos. Arq Bras Endocrinol Metab [online]. 2010, vol.54, n.6, pp. 530-539. ISSN 0004-2730.  http://dx.doi.org/10.1590/S0004-27302010000600004.

OBJETIVOS: Verificar se um modelo experimental de diabetes por aloxana promove estresse oxidativo, reduz a disponibilidade de óxido nítrico e causa disfunção vascular, e avaliar o efeito da N-acetilcisteína (NAC) nesses parâmetros. MÉTODOS: Ratos diabéticos por aloxana foram tratados com NAC por quatro semanas. Níveis plasmáticos de malondialdeído (MDA) e nitrito/nitrato (NOx), imunomarcação para óxido nítrico sintase endotelial e induzida (eNOS e iNOS) e reatividade vascular da aorta foram comparados entre ratos diabéticos (D), diabéticos tratados (TD) e controles (C). RESULTADOS: O MDA aumentou nos grupos D e TD. O NOx não diferiu entre os grupos. A marcação da eNOS no endotélio reduziu e a da iNOS na adventícia aumentou nos grupos D e TD. A responsividade dos anéis vasculares à acetilcolina, nitroprussiato de sódio e fenilefrina não diferiu entre os grupos. CONCLUSÕES: A NAC não teve efeito sobre os parâmetros avaliados. Esse modelo experimental não promoveu disfunção vascular apesar do desenvolvimento de estresse oxidativo.

Keywords : Estresse oxidativo; diabetes; óxido nítrico; função vascular; N-acetilcisteína.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English