SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.78 issue1Surgical results of strabismus correction in patients with myelomeningoceleChoroidal thickness measurement in healthy pediatric population using Cirrus HD optical coherence tomography author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Arquivos Brasileiros de Oftalmologia

Print version ISSN 0004-2749

Abstract

HIDA, Wilson Takashi et al. Faco torsional utilizando as ponteiras Kelman mini-flared, reversa e sidewinder: um estudo prospectivo comparativo randomizado. Arq. Bras. Oftalmol. [online]. 2015, vol.78, n.1, pp.19-22. ISSN 0004-2749.  https://doi.org/10.5935/0004-2749.20150006.

Objetivo:

Comparar a eficácia cirúrgica da facoemulsificação com tecnologia torcional utilizando 3 modelos diferentes de ponteiras.

Métodos:

Neste estudo prospectivo, randomizado, mascarado, os pacientes foram aleatoriamente distribuídos para serem submetidos a cirurgia de facoemulsificação coaxial torcional utilizando a ponteira Kelman mini-flared de 45 graus, ou Kelman reversed mini-flared de 30 graus ou Kelman Sidewinder de 30 graus. Os parâmetros avaliados incluíram: acuidade visual com correção (AVCC) para longe; contagem de células endoteliais (CCE) pré-operatória e pós-operatória, ao final de 3 meses; espessura corneana central (ECC) pré-operatória e no primeiro dia pós-operatório. Medidas intraoperatórias incluíram tempo de facoemulsificação, tempo de energia torcional, tempo da aspiração, tempo cirúrgico, energia dissipada acumulada (CDE) e volume de solução salina balanceada (BSS).

Resultados:

Este estudo avaliou 150 olhos de 150 pacientes. No intraoperatório, não foram observadas diferenças significativas na energia dissipada acumulada, tempo de facoemulsificação, tempo de energia torcional, e tempo de aspiração entre os 3 modelos de ponteira. No entanto, foi utilizando menos tempo de faco com a ponteira Kelman mini-flared de 45 graus (p=0,02) quando comparado às ponteiras Kelman Sidewinder de 30 graus e reversa mini-flared de 30 graus. A ponteira Kelman mini-flared de 45 graus e a reversa mini-flared de 30 graus utilizaram menos solução salina balanceada quando comparado à ponteira Sidewinder de 30 graus (p=0,009). Não foram observadas diferenças significativas na acuidade visual com correção, contagem de células endoteliais e espessura corneana central entre as diferentes ponteiras ao final do estudo (p=0,05).

Conclusão:

As 3 ponteiras foram eficazes e não apresentaram complicacões intraoperatórias. Quando foi utilizando o faco torcional através de microincisão com a técnica da pré-fratura, a ponteira Kelman mini-flared de 45 graus obteve um desempenho melhor que as ponteiras de 30 graus e Sidewinder de 30 graus, com menor tempo de faco.

Keywords : Facoemulsificação/métodos; Extração de catarata; Drenagem/instrumentação; Desenho de equipamento; Contagem de células; Epitélio posterior; Acuidade visual.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )