SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.80 número1Parâmetros de osmolaridade lacrimal e da superfície ocular em pacientes com psoríaseAvaliação da resposta de acomodação após tarefas visuais próximas usando diferentes dispositivos eletrônicos portáteis índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Arquivos Brasileiros de Oftalmologia

versão impressa ISSN 0004-2749versão On-line ISSN 1678-2925

Resumo

BALKARLI, Ayse; EROL, Muhammet Kazim; YUCEL, Ozgur  e  AKAR, Yusuf. Frequência de síndrome de fibromialgia em pacientes com coriorretinopatia serosa central. Arq. Bras. Oftalmol. [online]. 2017, vol.80, n.1, pp.4-8. ISSN 1678-2925.  https://doi.org/10.5935/0004-2749.20170003.

Objetivo:

Investigar a frequência da fibromialgia (FMS) entre os pacientes com coriorretinopatia serosa central (CSCR).

Métodos:

O estudo incluiu 83 pacientes com CSCR e 201 controles saudáveis pareados por idade e sexo. Todos os participantes foram avaliados com base nos critérios de diagnóstico de FMS do American College of Rheumatology de 2010 (ACR), Beck Anxiety Inventory (BAI) e Beck Depression Inventory (BDI).

Resultados:

A idade média foi 47,53 ± 11,33 anos no grupo CSCR (18 mulheres; 21,7%) e 47,19 ± 11,19 anos (44 mulheres; 21,9%) no grupo controle. FMS foi diagnosticada em 35 pacientes (42,2%) do grupo CSCR e em 21 indivíduos (10,4%) do grupo controle (p<0,001). FMS foi encontrado em 77,77% das mulheres (14/18) e 32,3% dos homens (21/65) no grupo CSCR e em 22,7% das mulheres controles (10/44) e 7,0% dos homens controles (11/157). Estresse familiar, BDI e BAI foram maiores nos pacientes com FMS em comparação com aqueles sem FMS. Quando os fatores de risco independentes foram avaliados por análise de regressão logística, verificou-se que apenas a presença de estresse familiar foi um fator de risco significativo para FMS.

Conclusões:

Os pacientes com CSCR devem ser avaliados para presença de FMS e a FMS deve ser levada em consideração durante o desenvolvimento de um plano de tratamento. São necessários mais estudos com maior tamanho da amostra para esclarecer relações entre FMS e CSCR.

Palavras-chave : Coriorretinopatia serosa central; Fibromialgia; Doenças da coroide; Epitélio pigmentado ocular/patologia; Doenças retinianas.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )